• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 105
  • 46
  • 38
  • 20
  • 16
  • 4
  • 4
  • 4
  • 4
  • 3
  • 2
  • Tagged with
  • 23
  • 23
  • 22
  • 21
  • 19
  • 19
  • 18
  • 13
  • 13
  • 13
  • 12
  • 12
  • 11
  • 11
  • 11
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
141

Discursos sobre a civilidade e produção de subjetividades em manuais portugueses dos séculos XVIII-XIX

Santos, Gesiel Prado [UNESP] 10 June 2015 (has links)
Made available in DSpace on 2016-02-05T18:29:47Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2015-06-10. Added 1 bitstream(s) on 2016-02-05T18:33:50Z : No. of bitstreams: 1 000855983_20160530.pdf: 757360 bytes, checksum: 9ba225b19403882fca75e1c5d620c6d6 (MD5) Bitstreams deleted on 2016-05-30T11:37:08Z: 000855983_20160530.pdf,. Added 1 bitstream(s) on 2016-05-30T11:37:52Z : No. of bitstreams: 1 000855983.pdf: 1087363 bytes, checksum: 40eedd0ed7f02513b97eb0cced66dd60 (MD5) Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) Résumé: Considérant les réflexions de Foucault à propos de l'Analyse du Discours et les subjectivités comme des productions historiques médiées par la relation intrinsèque des pratiques discoursives et des techniques du soi, l'objectif de ce travail-là c'est d'analyser le discours de la bienséance et du bon comportement et son rôle dans la projection du sujet civilisé dès le procès de civilisation commencé par l'instauration de la Cour Portugaise au Rio de Janeiro, en 1808. L'existence et la circulation d'une littérature normative de comportements mettent sur le sujet la fonction d'appliquer sur soi-même un ensemble de techniques de contrôle pour devenir civilisé. Pour accepter que les subjectivités sont produites par des pratiques discoursives on doit analyser le discours au-dehors des limitations de la signification, et le placer dans un réseau d'interconnexions avec des autres dits et événements, pour essayer de comprendre « ce que fait du sujet un civilisé ». De cette façon, on crée une problématique autour d'une analyse du discours qui ne s'occupe que des sens, en posant le besoin de comprendre les subjectivités à travers une cartographie de l'existence. On propose ainsi penser une théorie de la subjectivité dans l'Analyse du Discours à travers une généalogie des pratiques d'existence avec la lecture de Michel Foucault. Le sujet occupe le centre de la pensée de la philosophie foucaldienne, et l'exercice de comprehénsion implique regarder les pratiques discoursives, pour comprendre de quelle façon les subjectivités sont-elles produites Tomando o ponto de vista da Análise de Discurso a partir da reflexão de Michel Foucault e considerando as subjetividades enquanto construções históricas intermediadas pela relação intrínseca das práticas discursivas e as técnicas de si, o objetivo desta pesquisa consiste em analisar o discurso de manuais de civilidade que circularam em Portugal e no Brasil nos séculos XVIII e XIX, a fim de entender seu papel na projeção do sujeito civilizado a partir do processo civilizatório decorrente da instauração da Corte Portuguesa no Rio de Janeiro, em 1808. A existência e a circulação de uma literatura prescritiva de comportamentos coloca ao sujeito a função de aplicar sobre si um conjunto de técnicas de controle de modo a tornar-se civilizado. Aceitar que subjetividades são forjadas por práticas discursivas, requer analisar o discurso para além dos limites da significação e inseri-lo em uma rede de interconexões com outros dizeres e acontecimentos, na tentativa de compreender o que faz do sujeito um civilizado. Sendo assim, abre-se a problemática para pensar uma análise do discurso que não esteja às voltas apenas com a constituição dos sentidos, mas que tenha interesse em compreender as subjetividades por meio de uma cartografia da existência. Portanto, com base na leitura de postulados teóricos foucaultianos, este trabalho propõe uma reflexão crítica sobre uma teoria da subjetividade na Análise do Discurso por meio da genealogia das práticas de existência desenvolvida por Michel Foucault. O sujeito ocupa o centro do pensamento da filosofia foucaultiana, e o exercício de compreensão implica olhar para as práticas discursivas, de modo a compreender de que maneira as subjetividades são construídas
142

Editando vidas: focos do DSM na medicalização social

Silva, Angela Batista da [UNESP] 1 September 2015 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2016-02-05T18:30:01Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2015-09-01. Added 1 bitstream(s) on 2016-02-05T18:34:05Z : No. of bitstreams: 1 000857643.pdf: 927291 bytes, checksum: d9d5d5ac644e5f3791a5e1100f6c9ec0 (MD5) O estudo sobre a origem das categorias diagnósticas investigará se o modelo de método da Psiquiatria, materializado no Manual Diagnóstico Estatístico dos Transtornos Mentais (DSM), concebido com finalidades clinicas, de pesquisa e ensino, contribui, ou não, com a continuidade da afirmação histórica da realidade humana, agora codificada e legitimada por categorias diagnósticas. O interesse por esse objeto de investigação se deveu à assimilação do volume de pessoas diagnosticadas, medicadas e encaminhadas aos atendimentos especializados nas áreas da educação especial e saúde mental, nas quais atuo como Psicóloga e que diariamente me trazem a inquietante pergunta: vivemos tempos em que o adoecimento mental é uma realidade produzida ou é característica inerente ao humano? Diante desse contexto, construo uma alegoria, utilizando a linguagem cinematográfica de Eisenstein, com suporte do referencial teórico e metodológico de Foucault, para refletir sobre as realidades que temos produzido, porque, através das técnicas do cinema, aproximo-me dos processos e sentidos que permeiam a construção de uma realidade-cena, que se assemelha àquela em que transitamos. Assim, realizei, em três sequências, segundo a sugestão de Foucault (1996), uma análise crítica do que diz o discurso dos profissionais que atuam nos contextos que problematizo; uma análise genealógica do que diz o discurso do Manual Diagnóstico Estatístico de Transtornos Mentais (DSM); e, por fim, porém não separado do que dizem os dois discursos, o que revela a história da Psiquiatria e da Doença Mental. Esse procedimento, orientado por meus referenciais teóricos, pode significar o caminho para descoberta de como o modelo para amparar intervenções e atuações profissionais do cotidiano é um método ou um artifício de reprodução de descontinuidades históricas. Durante o desenvolvimento do enredo preocupei-me em construir um cenário carregado de... This study on the origins of the diagnostic categories will investigate whether the Psychiatric model, materialized in the Diagnostic and Statistical Manual of Mental Disorders (DSM) - that nominates itself to clinical finalities for research and education - contributes or not with the continuity of the historical affirmative of interdictions to humane realities, now codified and legitimated to diagnostic categories. The interest for this object of investigation came out of the volume of diagnosed people who are also medicated and led into specialized mental health and educational services where I practice as a psychologist and in which I daily ask myself: are the times we are living in producing the mental disorders or these are something inherent in human being? That is the context in which I built an allegory using the cinematographic language of Eisenstein, along with a theoretical and methodological support of Foucault to think about the realities that we have been producing. Through the language of cinema, I approach the processes and meanings that create a scenery that resembles the dynamics of our everyday lives. Therefore I created three sequences in which I perform a critical analysis of the speeches of the professionals that work in the areas of psychology and education, as well as a genealogical of the DSM discourse, taking in consideration the history of psychiatry. This procedure is the pathway to find out whereas our current guide to deal with mental disorders is a method or an artifice of historical discontinuity reproduction. During the plot, my concern was to build a scenery overloaded with experiences I lived in my practice as a psychologist. The voice of Simão Bacamarte from the book The Alienist by Machado de Assis, comes into the scene to represent mental health professionals as myself. Hopefully this research will contribute to problematize the perceptions of the professionals From the areas of education and mental ...
143

Homossexualidades nas pesquisas em pós-graduação em psicologia: da despatologização à luta por direitos

Sposito, Sandra Elena [UNESP] 30 July 2015 (has links)
Made available in DSpace on 2016-03-07T19:21:17Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2015-07-30. Added 1 bitstream(s) on 2016-03-07T19:25:26Z : No. of bitstreams: 1 000856237_20170730.pdf: 88904 bytes, checksum: 0eca55d65b3e7a58e5abf9ab560b9d24 (MD5) Bitstreams deleted on 2017-08-07T14:09:15Z: 000856237_20170730.pdf,. Added 1 bitstream(s) on 2017-08-07T14:10:18Z : No. of bitstreams: 1 000856237.pdf: 1273939 bytes, checksum: e12a8ff14c2e85d8098814818597221e (MD5) Essa pesquisa investigou as teses e dissertações produzidas no âmbito da pósgraduação em Psicologia no Brasil no período de 1999 a 2010, que apresentaram como tema principal as homossexualidades. O objetivo principal foi identificar aspectos relevantes da produção de conhecimento acerca desta temática como: principais centros de pesquisa, vertentes teóricas e metodológicas predominantes, focos de estudos mais frequentes, concepções acerca da atuação do/a psicólogo/a frente as demandas suscitadas pelas homossexualidades. As perspectivas teóricas adotadas para transitar pelo campo das homossexualidades na Psicologia foram respaldadas por Foucault e autores que dialogam com sua obra juntamente com as contribuições dos estudos de gênero. A metodologia genealógica foucaultiana norteou os trajetos investigativos desse estudo, lançando as bases para a sistematização dos dados a partir do formato de uma pesquisa de estado da arte, mapeando uma área do conhecimento a partir de um recorte temporal e temático. Os resultados encontrados indicaram que as pesquisas sobre as homossexualidades são predominantemente realizadas em programas de pósgraduação localizados no eixo sudeste/sul do país; no período estudado houve um crescimento no número de teses e dissertações sobre o tema; há sub-temas relacionados às homossexualidades que se destacaram no volume de pesquisas, sendo estes: o familiar-conjugal, a identidade homossexual e o preconceitodiscriminação. A análise dos dados coletados indicou que as concepções acerca das homossexualidades na psicologia não apresentaram um viés essencialista, nem biologizante, bem como não se pautaram na investigação das causas do comportamento ou desejo homossexual. Houve uma predominância dos referenciais foucaultianos no que tange à sexualidade a partir do conceito de dispositivo da sexualidade. Também notou-se uma prevalência de... This research investigated the thesis and dissertations produced in the ambit of postgraduation in Psychology in Brazil in the period from 1999 to 2010, which presented as main theme the homosexualities. The main objective was to identify relevant aspects of knowledge production about this theme, such as: main research centers, prevailing theoretical and methodological models, most frequent focus of studies, conceptions about the practice of the psychologist facing the demands raised by homosexualities. The theoretical perspectives adopted to transit through the field of homosexualities in Psychology were supported by Foucault and authors who dialogue with his work, and also the contributions of the gender studies. The Foucaultian genealogical methodology guided the investigative paths of this study, laying the foundations to the systematization of the data from the format of a state of art research, mapping a knowledge area from a temporal and thematic cutting. The results found indicated that the researches about the homosexualities are predominantly conducted in post-graduation programs located in the southeast/south axis of the country; in the period studied there was a growth in the number of thesis and dissertations about the theme; there are sub-themes related to homosexualities that stood out in the amount of researches, which are: the family-marital, the homosexual identity and the prejudice-discrimination. The analysis of the collected data indicated that the conceptions about homosexualities in Psychology did not present an essentialist bias, nor a biologizing one, and neither were guided by the investigation of the causes of the homosexual behavior or desire. There was a predominance of Foucaultian referential in what regards the sexuality from the concept of the apparatus of sexuality. It was also noticed a prevalence of references to the category of identity as a way to map, name...
144

O autor segundo ele mesmo: a escrita de si em Cadernos de Lanzarote, de José Saramago

Fernandes, Fernanda Buzzon [UNESP] 2 February 2015 (has links)
Made available in DSpace on 2015-07-13T12:10:20Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2015-02-02. Added 1 bitstream(s) on 2015-07-13T12:25:24Z : No. of bitstreams: 1 000834064_20170101.pdf: 261863 bytes, checksum: d528752c9301841592d54a3900891217 (MD5) Bitstreams deleted on 2017-01-02T15:03:49Z: 000834064_20170101.pdf,. Added 1 bitstream(s) on 2017-01-02T15:05:07Z : No. of bitstreams: 1 000834064.pdf: 810228 bytes, checksum: c2d5fd70516939b6f850de197b9998ca (MD5) A dissertação analisa as transgressões temático-formais empreendidas pelo escritor português José Saramago, nas obras Cadernos de Lanzarote (1998a) e Cadernos de Lanzarote II (1999), em relação ao diário, sobretudo em sua modalidade inautêntica, caracterizada por uma construção menos espontânea, em razão da publicação - divulgação a leitores diversos do diarista-, que a modifica formal e tematicamente, bem como em referência ao diálogo com o público. O primeiro capítulo tem como centro a genealogia do diário. O segundo é dedicado à apreciação crítica de Cadernos de Lanzarote. As transgressões genéricas e as vozes autorais são consideradas no terceiro capítulo. O propósito desta dissertação é discutir como, em oposição aos diários tradicionais, a obra autorreferencial do escritor português é pública, e não privativa, apresentando características particulares quanto aos paradigmas do gênero. Para alcançar tal propósito, a dissertação procura fornecer uma apresentação teórica mais detalhada do diário, contemplando-o desde sua origem - há aproximadamente 3.000 a.C., concomitantemente à invenção da escrita - até a contemporaneidade, ocasião em que se verifica a revolução promovida pela web 2.0 na escritura autorreferencial The dissertation analyzes the thematic and formal transgressions undertaken by Portuguese writer José Saramago, in the works Cadernos de Lanzarote (1998a) and Cadernos de Lanzarote II (1999), in relation to the diary, especially in its inauthentic mode, featured by a less spontaneous construction, because of the publication - disclosure to many readers completely different from the diarist - that changes it formal and thematically, and in reference to the dialogue with the audience. The first chapter is about the genealogy of the diary. The second is devoted to critical appreciation of Cadernos de Lanzarote. Generic transgressions, the authorship voices are considered in the third chapter. The purpose of this paper is to discuss how, as opposed to traditional journals, the self-referential work of Portuguese writer is public, not private, with particular characteristics regarding gender paradigms. To achieve this purpose, the dissertation seeks to provide a more detailed theoretical presentation of the diary, contemplating it from its origin - there were about 3,000 BC, concomitantly with the invention of writing - until nowadays, when it occurs the revolution brought by Web 2.0 I the self-referential writing
145

O SABER DO JORNALISMO.

Andrade, Tatiana Carilly Oliveira 18 June 2015
Made available in DSpace on 2016-07-27T13:44:59Z (GMT). No. of bitstreams: 1 TATIANA CARILLY OLIVEIRA ANDRADE.pdf: 1186936 bytes, checksum: 32b6970a02106b5df846efa3056c1a6f (MD5) Previous issue date: 2015-06-18 This thesis discussed journalistic knowledge from the basic question: what is knowledge of journalism? The main purpose of this research was to analyze the structure of journalistic knowledge through methodological journalistic files or archaeology - in order to verify the possible discourses that constituted the journalistic field since its birth until today - and also of the genealogy, from the perspective that the journalistic field constitutes its knowledge and vice versa. By means of a through bibliographical review of the philosophical areas and communication-journalism, it was possible to analyze journalistic knowledge in the light of the modern episteme composed of historical, technological, academic, and professional-based discourses. This work is presented in three chapters. The first analyses the constitution of journalistic knowledge by pointing out essential conditions for the emergence and development of journalism in the world; it discusses also the relationship area-powerknowledge. Based on the history of ideas, the second chapter presents the establishment of the journalistic field - from oral communication to webjornais - and undergraduate courses in Journalism in Brazil - from the foundation of the first course, to the minimum national curricular guidelines adopted in 2013. The third chapter discusses the influence of the technique-technology in the constitution of journalistic knowledge, besides the establishment of journalistic theories of communication and journalism. Finally, it is discussed the possibility of alternative formation in journalism. Esta tese se propôs a pensar o objeto saber jornalístico partindo da questão-problema O que é o saber do jornalismo? Objetivou-se analisar a constituição do saber jornalístico pela via metodológica do arquivo ou arqueologia - no sentido de verificar os possíveis discursos que constituíram o campo jornalístico desde o seu nascimento até hoje - e também da genealogia, na perspectiva de que o campo jornalístico constitui o seu saber e vice-versa. Por meio de um estudo bibliográfico das áreas filosófica e da comunicação-jornalismo, foi possível pensar o saber jornalístico à luz da episteme moderna, constituído pelos discursos histórico, tecnológico, acadêmico e do campo profissional. Assim, este trabalho abrange três capítulos. O primeiro analisa a constituição do saber jornalístico elencando algumas condições essenciais para o surgimento e desenvolvimento do jornalismo no mundo; também, discute a relação campo-poder-saber. Baseando-se na história das ideias, o segundo capítulo apresenta a constituição do campo jornalístico desde a comunicação oral aos webjornais - e dos cursos de graduação em Jornalismo no Brasil da implantação do primeiro curso, passando pelos currículos mínimos às Diretrizes Nacionais Curriculares aprovadas em 2013. O terceiro capítulo discute a influência da técnica-tecnologia na constituição do saber jornalístico, além da construção das teorias da comunicação e do jornalismo. Por fim, acena-se para a possibilidade de uma formação outra em jornalismo.
146

Os discursos do Projeto SaÃde e PrevenÃÃo nas Escolas: adolescÃncia, sexualidade e subjetivaÃÃo The discourses from the Projeto SaÃde e PrevenÃÃo nas Escolas: adolescence, sexuality and subjectification

NathÃssia Matias de Medeiros 12 June 2015 (has links)
FundaÃÃo Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Cientifico e TecnolÃgico Atualmente, a sexualidade humana tem sido muito discutida e a sexualidade dos adolescentes tem estado sob foco. As prÃticas nessa Ãrea tÃm sido cada vez mais desenvolvidas pelas escolas atravÃs de aÃÃes de educaÃÃo sexual. Uma dessas aÃÃes trata-se do projeto SaÃde e PrevenÃÃo nas Escolas (SPE), promovido pelos MinistÃrios da EducaÃÃo e da SaÃde. O projeto jà publicou e distribuiu diversos materiais documentais aos alunos, professores e comunidade. Esta dissertaÃÃo objetivou analisar que sujeito e sexualidade adolescentes o projeto SaÃde e PrevenÃÃo nas Escolas pretende produzir com os seus materiais documentais voltados à saÃde sexual e reprodutiva dos adolescentes. Este trabalho segue uma perspectiva arqueogenealÃgica de anÃlise do discurso inspirada em Michel Foucault, que considera que os discursos funcionam como prÃticas e possuem a funÃÃo de subjetivaÃÃo. No primeiro capÃtulo, à feita uma exposiÃÃo teÃrica-metodolÃgica sobre as principais noÃÃes que guiam este estudo: pesquisar a partir de Foucault, sujeito e subjetividade, sexualidade e anÃlise do discurso, assim como tambÃm foram expostos os caminhos e escolhas teÃrico-metodolÃgicas da pesquisa. No segundo capÃtulo, foram buscadas algumas pistas histÃricas sobre os saberes e poderes envolvidos na interlocuÃÃo entre sexualidade e escola, problematizando-as a partir de um olhar genealÃgico. O terceiro capÃtulo trabalhou as diferenÃas de endereÃamento encontradas nos materiais do projeto SPE, assim como as estratÃgias atravÃs das quais ele quer operar. No quarto e Ãltimo capÃtulo, uma problematizaÃÃo dos enunciados do projeto foi feita. Foi possÃvel observar que os materiais do SPE sÃo uma rede de diversos discursos, como o pedagÃgico, jurÃdico, psicolÃgico e mÃdico, que se organizam, dialogam, anulam, reforÃam e fazem emergir um discurso pedagogizado sobre educaÃÃo sexual. Foi possÃvel concluir que uma luta de forÃas constante e heterogÃnea cerca a sexualidade adolescente e a educaÃÃo sexual nas escolas. O SPE parece querer se afastar de uma perspectiva moral e estritamente biolÃgica da sexualidade, ao mesmo tempo em que busca produzir um adolescente que possua liberdade sexual, mas que seja capaz de exercÃ-la de forma saudÃvel e com responsabilidade. Produzem-se sexualidades, corpos e subjetividades condizentes com o biopoder, que parece ainda operar na atualidade. Nowadays, the human sexuality has been much discussed and the teenagerâs sexuality has been under focus. The practices at this field have been more and more developed by the schools through sexual educationâs actions. One of those actions is the project SaÃde e PrevenÃÃo nas Escolas (SPE), promoted by the Ministries of Education and Health. The project has already published and distributed many documentary materials to the students, professors and community. This dissertation aimed analyze which teenager subject and sexuality the project SaÃde e PrevenÃÃo nas Escolas intends to produce with his documentary materials focused on the teenagerâs sexual and reproductive health. This work follows an archeogenealogical perspective of the discourse analysis inspired by Michel Foucault, which considerers that the discourses work as practices and have the function of subjectivity production. At the first chapter, it is done a theoretical and methodological exposition about the main notions that guide this study: research with Foucault, subject and subjectivity, sexuality and discourse analysis, and also were exposed the researchâs theoretical and methodological paths and choices. At the second chapter, some historical clues were searched about the knowledge and power involved at the interlocution between sexuality and school, questioning them with from a genealogic view. The third chapter worked the differences of addressing found at the materials from the SPE project, as also the strategies through which it wants to operate. At the fourth and last chapter, a questioning of the projectâs enunciations was made. It was possible to observe that the materials from the SPE are a network of many discourses, like the pedagogical, juridical, psychological and medical, that organize dialogue, cancel, reinforce between themselves and make emerge a pedagogic discourse about sexual education. It was possible to conclude that a constant and heterogeneous struggle of forces surround the adolescent sexuality and the sexual education at schools. The SPE seems to want to take distance from a moral and strictly biological perspective of sexuality, while seeks to produce a teenager that has sexual liberty, but that is able to exercise it in a healthy and responsible way. Sexualities, bodies and subjectivities consistent with the biopower, that seems to still operate nowadays, are produced.
147

CAPS AD III : entre a cor cinza da técnico-burocracia e as cores vibrantes que articulam clínica e política

Martins, João Sampaio 23 July 2015 (has links)
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior This paper aims to analyze the propitious relation between the Integral Care to Users of Alcohol and other Drugs Policy (ICUADP) of Health Ministry and CAPS AD Primavera (Primavera Psycho-social Assistance Center to Alcohol and other Drugs), Aracaju SE. The publication of this policy, in 2003, brought to the machine of Government a whole body of political, social, and economic ideas and new vocabulary, which endowed this policy with intense founding strength, arousing our interest in thinking how it is implemented inside this, CAPS. The research issue was engendered and analyzed taking into consideration four methodological tools: cartography, genealogy, documentary research and daily journal. The everyday routine of a service like this one is permeated by the coexistence and permanent tension of forces; so that the research developed throughout this study sought to observe some lines of force that are part of this service and go through it, thus aiming to point out practices which articulate to the sanitary medical knowledge/power, updating the bio-political mechanisms of population control, and the practices which escape from this capture, producing other forms of dealing with alcohol and other drugs use and users. In general, our findings indicate that by producing verticalizing practices of relationship, the CAPS AD Primavera bureaucratizes its internal flow and care and functions in an enCAPSulated way; it limits the principles and policy of the ICUADP and updates sanitary medical knowledge power strategies. In an opposite direction, when the practice in this service emphasizes the horizontalization of the relationships, the opening to the territory and the articulation of clinic and policy, the principles and policy of the ICUADP are strengthened and the production of individuals´ and communities´ autonomy is empowered. Este trabalho tem como proposta analisar a relação oportuna da Política do Ministério da Saúde para Atenção Integral a Usuários de Álcool e outras Drogas (PAIUAD) com o Centro de Atenção Psicossocial Álcool e outras Drogas (CAPS AD) Primavera, em Aracaju SE. A publicação desta política, em 2003, introduziu na máquina do Estado todo um ideário e um novo vocabulário que lhe dotaram de intensa força instituinte, nos interessando pensar como isso se implementa por dentro deste CAPS. O problema de pesquisa foi engendrado e analisado a partir de quatro ferramentas metodológicas: cartografia, genealogia, pesquisa documental e caderno-diário.O cotidiano de um serviço como este é permeado pela coexistência e permanente tensão de forças, de modo que a investigação desenvolvida neste trabalho buscou acompanhar os movimentos de algumas das linhas de força que compõe e atravessam este serviço para, assim, apontar práticas que se articulam ao saber/poder médico sanitarista, atualizando mecanismos biopolíticos de controle da população, e as práticas que escapam dessa captura produzindo outras formas de lidar com o uso e com usuários de álcool e outras drogas. Em linhas gerais, nossos achados apontam que quando o CAPS AD Primavera produz práticas de verticalização das relações, burocratiza seu fluxo interno e dispositivos de cuidados e funciona de forma enCAPSulada, ele limita os princípios e diretriz da PAIUAD e atualiza estratégias de poder do saber médico sanitarista. Numa direção contrária, quando as práticas neste serviço enfatizam a horizontalização das relações, a abertura para o território e articulação entre clínica e política, elas fortalecem os princípios e diretrizes da PAIUAD, bem como potencializam a produção da autonomia dos sujeitos e coletividades.
148

Medindo o impacto social da regeneração urbana pela cultura : percepções dos moradores da Mouraria

Proença, Inês Vasconcelos 13 April 2015 (has links)
Submitted by Ines Vasconcelos Proença (ines.v.proenca@gmail.com) on 2016-02-18T06:27:31Z No. of bitstreams: 1 Dissertação Mestrado_13Abril2015.pdf: 21540205 bytes, checksum: e2ab0e17609c53769d3ed1e169f9b923 (MD5) Approved for entry into archive by Rafael Aguiar (rafael.aguiar@fgv.br) on 2016-03-03T13:26:36Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Dissertação Mestrado_13Abril2015.pdf: 21540205 bytes, checksum: e2ab0e17609c53769d3ed1e169f9b923 (MD5) Approved for entry into archive by Maria Almeida (maria.socorro@fgv.br) on 2016-03-04T13:25:59Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Dissertação Mestrado_13Abril2015.pdf: 21540205 bytes, checksum: e2ab0e17609c53769d3ed1e169f9b923 (MD5) Made available in DSpace on 2016-03-04T13:26:19Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Dissertação Mestrado_13Abril2015.pdf: 21540205 bytes, checksum: e2ab0e17609c53769d3ed1e169f9b923 (MD5) Previous issue date: 2015-04-13 This research focus on the capacity of cultural investment, in the context of urban regeneration, to accomplish the rhetorical of social revitalization and the extent to which it offers socially sustainable solutions to local community. To that purpose, the work is directed towards the meanings and practices of Culture-led Urban Regeneration (CLUR) in the inner-city and it is suggested measuring its impact on subjective social dimensions over residents. One of the study’s main concerns is the degree to which CLUR might really address the expectations that policy makers have as an integrated and sustainable 'tool' to approach declined urban areas. To realize these goals, the Lisbon neighbourhood of Mouraria will be used as a case study and as a means of testing our research hypothesis. Measuring the subjective social impacts of urban regeneration in the neighbourhood, from the residents perspective, becomes the study’s central focus. And, equally relevant, there was a concern of improving measuring instruments capable of assessing the subjective social impact of culture-led urban regeneration projects. This dissertation refers to the European and Portuguese experiences, looking to draft these policies genealogy, to discuss the rhetoric behind and to uncloak how residents of declined areas perceive such change in their place. Este trabalho centra-se na capacidade do investimento em cultura, em contexto de regeneração urbana, em atender a retórica da revitalização social e em que medida oferece soluções socialmente sustentáveis para os moradores. Para o efeito, centra-se sobre os significados e práticas do culture-led urban regeneration (CLUR) na cidade-histórica e é proposta sua medição quanto a impactos sociais subjetivos na comunidade local. Uma das principais preocupações do estudo é o grau em que o CLUR pode realmente cumprir as expectativas que os decisores políticos têm dele como 'ferramenta' de abordagem integrada e sustentável na transformação de espaços urbanos degradados. Para dar conta de tais objetivos vai se destacar o caso do bairro lisboeta da Mouraria como estudo de caso e local de teste das hipóteses apresentadas na pesquisa. Medir os impactos sociais subjetivos da intervenção sócio-urbana no bairro, na óptica de seus moradores, formam o eixo central do estudo. E, igualmente relevante, procurou-se avançar na produção de instrumentos de medição capazes de aferir o impacto social subjetivo de intervenções urbanas de base cultural. Com os procedimentos adotados na pesquisa, a dissertação reporta-se à experiência europeia e portuguesa procurando traçar a genealogia destas políticas, discutir as retóricas que as justificam e desvendar como os moradores da zona intervencionada percepcionam tais transformações do seu lugar.
149

Estratégias discursivas em elementos da discografia evangélica Discursive strategies in elements of evangelical discography

Silva, Marcos Ferreira da 3 November 2015 (has links)
Submitted by Rosivalda Pereira (mrs.pereira@ufma.br) on 2017-05-24T21:47:40Z No. of bitstreams: 1 MarcosFerreiraSilva.pdf: 3287860 bytes, checksum: e65fb676b6409bfade9dea428fa87d8b (MD5) Made available in DSpace on 2017-05-24T21:47:40Z (GMT). No. of bitstreams: 1 MarcosFerreiraSilva.pdf: 3287860 bytes, checksum: e65fb676b6409bfade9dea428fa87d8b (MD5) Previous issue date: 2015-11-03 This paper presents considerations about some elements of the Gospel record musical production, especially the discursive strategies which involve it, starting from the theoretical perspective of the philosopher Michel Foucault and his arquegenealógico method. Inquires about which knowledges are produced about the gospel music through power elements. Considers the theoretical changes in the field of history, human and social sciences, which enables the conception of the gospel musical discs while investigative material and historical source full of historicity and discourse. Analyzes the discursive formations on gospel music, considering its conditions of existence, coexistence and maintenance in several materiality: young musical groups’ LPs in Presentations and recommendations produced within Pentecostalism, and a composition named "Só entra lavado ". In his archaeological phase, Foucault (1969) analyzes the speech starting from the knowlegde. According to him the discursive practice is determined by a regularity that allows that something appears as real. In his study of the genealogy, Foucault (1999) states that there is an interdependence between discourse and power, because this, the speech is an instrument and an effect of the power. In this sense, the arquegenealógica analysis allows us to observe the speech as a place where knowledge and power are. Anchored in arquegenealogia, is analyzed in this work, as the power penetrates in the everyday life, promoting knowledge and discourse about what is gospel music, producing a dialogical relation with the bible speechs about marriage as an institution that should last forever, disciplining those who "enters in the heaven." The material that constitute the corpus of this research correspond to the 70’s and 80’s, temporal delimitation that represents the period of formation and expansion of the Brazilian Evangelical Phonographic Industry, besides the rise of musical styles and genres that come to challenge the official hymnody of the brazilian historic Protestantism, period in which the conception gospel was not an usual terminology in the phonographic productions, much less in the order and discursive formation of this context. Este trabalho apresenta considerações sobre alguns elementos da produção discográfica evangélica, em especial as estratégias discursivas que a permeiam, a partir da perspectiva teórica do filósofo Michel Foucault e de seu método arquegenealógico. Indaga sobre que saberes são produzidos a respeito da música evangélica por meio de que elementos de poder. Considera as transformações teóricas no campo da história, das ciências humanas e sociais, viabilizadoras da concepção dos discos musicais evangélicos enquanto objeto de investigação e fonte histórica eivados de historicidade e discursividade. Analisa as formações discursivas sobre a música evangélica, considerando suas condições de existência, de coexistência e de manutenção em diversas materialidades: LPs de grupos musicais jovens, nas Apresentações e Recomendações de LPs produzidos no interior do pentecostalismo, e uma composição intitulada “Só entra lavado”. Em sua fase arqueológica, Foucault (1969) analisa o discurso a partir do saber. Segundo ele, a prática discursiva é determinada por uma regularidade que permite com que algo apareça como verdadeiro. Em seus estudos sobre a genealogia, Foucault (1999) afirma que há uma interdependência entre discurso e poder, sendo o discurso instrumento e efeito de poder. Nesse sentido, uma análise arquegenealógica permite observar o discurso como espaço onde se alojam saberes e poderes. Ancorado na arquegenealogia, analisa-se, neste trabalho, como o poder penetra na vida cotidiana, promovendo saberes e discursos sobre o que é música evangélica, produzindo uma relação dialógica com os discursos bíblicos sobre o casamento como uma instituição que deve durar para sempre, disciplinando quem “entra no céu”. As materialidades que constituem o corpus desta pesquisa correspondem aos anos 1970 e 1980, delimitação temporal que sinaliza o momento de formação e expansão da Indústria Fonográfica Evangélica Brasileira, além da ascensão de estilos e gêneros musicais que passam a contestar a hinódia oficial do protestantismo histórico brasileiro, período em que a concepção da terminologia Gospel não se fazia usual nas produções fonográficas e muito menos na ordem e formação discursiva desse contexto.
150

Etnomatemática e relações de poder : uma análise das narrativas de colonos descendentes de alemães da região do Vale do Rio dos Sinos

Kroetz, Ketlin 5 March 2015 (has links)
Submitted by Setor de Tratamento da Informação - BC/PUCRS (tede2@pucrs.br) on 2015-08-17T19:17:03Z No. of bitstreams: 1 473655 - Texto Completo.pdf: 2042465 bytes, checksum: 54bd59e5dff39a4613d44ecfa4016ee2 (MD5) Made available in DSpace on 2015-08-17T19:17:03Z (GMT). No. of bitstreams: 1 473655 - Texto Completo.pdf: 2042465 bytes, checksum: 54bd59e5dff39a4613d44ecfa4016ee2 (MD5) Previous issue date: 2015-03-05 Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES This study aims to identify and understand the processes of generation, organization and dissemination of the knowledge of three descendants of German settlers living in the Vale do Rio dos Sinos region, municipality of Santa Maria do Herval, Rio Grande do Sul. The theoretical contributions that served as the foundation for the study were configured in two main areas: power and body discipline, based on studies by Michel Foucault; Ethnomatematics and, based on the research by D'Ambrosio (1996, 1998, 2001, 2004, 2005) and Knijnik (1996, 2004, 2007, 2008, 2009). The empirical material consists of semi-structured interviews, on which a family discourse analysis is done, considering the power relations presented in certain historical moments marked, in particular, by the time of enrollment of subjects and the knowledge used in their work activities. Thus, narratives analysis of the settlers indicates that the first German schools were responsible for setting up the type of subject that is considered ideal for that historical moment. Through control techniques, such as surveillance and punishment, subjects were tamed in order to ensure the ethnicity brought by the first German immigrants. Regarding the process of generation of their knowledge, it was confirmed that the school was responsible for the literacy of interviewees, however, their knowledge was not generated at school, but passed from generation to generation and enhanced according to their use. It can be argued that the contents learned at school were designed as language games, marked by formalism and abstraction, which aimed to teach the alphabet, reading, writing, decorating the multiplication table, and especially to study the Bible. Other knowledge presented by the subjects, as knowledge about the climate, vegetation, soil, sales strategies and techniques to explain and understand the complexity of situations that there was in country life can be seen as language games characterized by orality, proportional thinking and rough calculations, showing little resemblance between the family and school language games. Their knowledge is organized according to their needs and, to the extent that they represent a truth for the community in which the subjects are inserted, they are spread with the use of a factor that is still in the city nowadays: the German language. Even with the difficulties faced by the subjects during the Period of Nationalization campaign, imposed by the Estado Novo, when the German language was prohibited, power resistance points were created, making it persist in the city even today. Este estudo tem como objetivo identificar e compreender os processos de geração, organização e difusão dos saberes de três colonos descendentes de alemães residentes na região do Vale do Rio dos Sinos, município de Santa Maria do Herval, Rio Grande do Sul. Os aportes teóricos que serviram como alicerce para o estudo foram configurados em dois eixos principais: poder e disciplinamento do corpo com base nos estudos de Michel Foucault; e Etnomatemática, fundamentada nas pesquisas de D’Ambrosio (1996, 1998, 2001, 2004, 2005) e Knijnik (1996, 2004, 2007, 2008, 2009). O material empírico consiste em entrevistas semiestruturadas, sobre as quais realiza-se uma análise genealógica do discurso considerando as relações de poder presentes em determinados momentos históricos marcados, em particular, pela época de escolarização dos sujeitos e pelos saberes utilizados em suas atividades laborais. Diante disso, a análise das narrativas dos colonos indica que as primeiras escolas alemãs foram responsáveis pela constituição do tipo de sujeito considerado ideal naquele momento histórico. Por meio de técnicas de controle como vigilância e punição, os sujeitos foram docilizados com o objetivo de garantir a etnicidade trazida pelos primeiros imigrantes alemães. Confirmou-se que o ensino foi responsável pela alfabetização dos sujeitos entrevistados, no entanto, seus saberes não foram gerados na escola, mas passados de geração em geração e aprimorados de acordo com sua utilização. É possível afirmar que os conteúdos aprendidos na escola eram concebidos como jogos de linguagem marcados pelo formalismo e abstração, que objetivavam ensinar o alfabeto, a leitura, a escrita, decorar a tabuada e, principalmente, estudar a bíblia. Demais saberes apresentados pelos sujeitos, como saberes sobre o clima, vegetação, solo, estratégias de venda e técnicas de explicar e entender a complexidade de situações que a vida no campo apresentava, podem ser vistos como jogos de linguagem caracterizados pela oralidade, pensamento proporcional e cálculos aproximados, apresentando pouca semelhança de família com os jogos de linguagem escolares. Seus saberes são organizados de acordo com suas necessidades e, na medida em que representam uma verdade para a comunidade na qual os sujeitos estão inseridos, e são difundidos com a utilização de um fator que se encontra na cidade até os dias atuais: a língua alemã. Mesmo com a dificuldade enfrentada pelos sujeitos no período da Campanha de Nacionalização imposta pelo Estado-Novo, quando a língua alemã era proibida, foram criados pontos de resistência ao poder, fazendo-a persistir na cidade ainda na atualidade.

Page generated in 0.1058 seconds