• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 129
  • 7
  • 5
  • 1
  • Tagged with
  • 145
  • 95
  • 27
  • 26
  • 25
  • 23
  • 22
  • 22
  • 22
  • 22
  • 19
  • 17
  • 15
  • 15
  • 14
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
31

A utilização de modelos para análise de paisagem na região nordeste do Estado de São Paulo.

Paese, Adriana 11 October 2002 (has links)
Made available in DSpace on 2016-06-02T19:29:53Z (GMT). No. of bitstreams: 1 TeseAP.pdf: 966317 bytes, checksum: af2bf5e89cca6e2763b5a0709d74d8e4 (MD5) Previous issue date: 2002-10-11 / Universidade Federal de Sao Carlos / This work explores the use of models in landscape analysis. Classification tree models were employed in the identification of potential sites of species occurrence in the Ecological Station of Jataí and Experimental Station of Luiz Antônio, and the mathematical graph was employed in the analyses of a fragmented landscape located in the Northeast region of São Paulo State. The classification tree models used data on primate species occurrence and on environmental variables represented as digital maps in a Geographic Information System. The prediction rules generated by the classification models were projected back on the landscape, locating other places that have the same combination of environmental conditions as those found where the species were firstly observed. By representing the landscape as a mathematical graph, it was possible to simulate the removal of functional connections between habitat patches and the loss of habitat due to land use changes. Habitat patches were classified according to their contribution to species recruitment and landscape connectivity. Although it is considered that additional biological information should be incorporated to the analyses the results of this work may constitute useful guides to prospective field surveys. / O presente trabalho explora a utilização de modelos para a análise da paisagem. Modelos de classificação por árvore são empregados no contexto da identificação de áreas de ocorrência potencial de espécies na Estação Ecológica de Jataí e na Estação Experimental de Luíz Antônio e o grafo matemático é utilizado como um modelo para representação e análise da paisagem da região Nordeste do Estado de São Paulo. Para o desenvolvimento dos modelos de classificação por árvore foram utilizados dados sobre a localização de espécies de primatas e sobre algumas variáveis ambientais amostradas de um banco de dados em um sistema de informações geográficas. O mapeamento dos resultados dos modelos de classificação por árvore permitiu localizar na paisagem, outros locais com a mesma combinação de condições em que as espécies foram observadas. A utilização do grafo matemático como um modelo para a representação da paisagem possibilitou a simulação da remoção de ligações funcionais entre manchas de hábitat e a perda e ganho de hábitat, identificando as ligações e manchas que oferecem maior contribuição para o recrutamento de indivíduos e para a conectividade da paisagem. Embora seja necessária a incorporação de mais informações biológicas para o desenvolvimento de modelos mais satisfatórios, os resultados deste trabalho poderão subsidiar trabalhos de campo direcionando a amostragem da paisagem.
32

Conectividade de hábitat em bacias hidrográficas : simulações com múltiplas barragens e hierarquia de segmentos para conservação

Santos, Lúcio January 2011 (has links)
A biodiversidade dos rios brasileiros encontra-se sob severa ameaça, em razão da fragmentação e perda de hábitat que os barramentos representam. Até o presente, os aproveitamentos hidrelétricos têm seu licenciamento ambiental condicionado a análises de impacto locais, sem avaliação dos impactos cumulativos de múltiplas barragens em uma bacia hidrográfica, com relação à conservação da diversidade da ictiofauna. Estudos anteriores para subsídio de licenciamento de múltiplas barragens na bacia Taquari-Antas (RS) propuseram cenários alternativos de conservação (número e posição de barragens), quando ainda não havia métricas de conectividade dendrítica desenvolvidas. Entre os problemas identificados naqueles estudos figuram a quantificação dos efeitos cumulativos das barreiras sobre a conectividade da bacia, o estabelecimento de áreas prioritárias para conservação e a influência do número e da posição das barreiras na conservação da biodiversidade aquática em uma bacia. Avaliamos a aplicação de conectividade para mensuração de impactos cumulativos de fragmentação de bacias hidrográficas através de índices de conectividade dendrítica recentemente propostos. Propomos um método genérico e replicável para analisar quantitativamente os efeitos de sucessivos barramentos em relação à conectividade dos hábitats aquáticos em processos de migração e dispersão de peixes em bacias hidrográficas. Utilizamos simulações de cenários de múltiplos barramentos para a avaliação. Propomos também uma sistematização para a simulação de múltiplos barramentos. Além disso, hierarquizamos áreas para conservação por conectividade, aplicamos as novas métricas de conectividade a estudos anteriores e demonstramos casos de cenários de alta conectividade com outras implicações na conservação. Discutimos o amadurecimento do método para aplicação em licenciamento ambiental e planejamento de conservação, bem como limitações atuais e perspectivas para trabalhos futuros. / Biodiversity of Brazilian rivers is nowadays seriously threatened due to fragmentation and habitat loss that impoundments represent. Up to now, hydroelectric power plants have their environmental licensing processes conditioned to local impact analysis, with no evaluation of cumulative impacts of multiple dams in a watershed landscape on the conservation of the integrity of ichthyofauna. Former studies for supporting environmental licensing processes of multiple hydroelectric dams in the Taquaria-Antas basin (RS, Brasil) proposed alternative conservation scenarios (number and position of barriers), in a time when there were no dendritic connectivity metrics developed. Among the problems identified at that time, we point quantification of cumulative effects of multiple barriers on the drainage connectivity, detecting prioritary areas for conservation and detecting the influence of the number and position of the barriers in the catchment for best conservation of aquatic biodiversity. We evaluated the application of connectivity for quantifying the impacts of fragmentation in hydrographic basins through recently proposed indexes. We proposed a replicable and generic method for quantifying the effects of successive impoundments in relation to aquatic habitat connectivity in ecological processes of migration and dispersal of fishes in hydrographic basins. We used multiple barriers scenarios simulation in order to perform the assessments. We also propose a way of systematizing multiple barriers simulations. Moreover, we rank areas for conservation by connectivity, apply the new connectivity metrics on former studies and demonstrate cases of high connectivity scenarios with other implications on conservation. We discuss maturing the method for application on environmental licensing and conservation planning as well as current limitations and perspectives for future studies.
33

Conectividade de hábitat em bacias hidrográficas : simulações com múltiplas barragens e hierarquia de segmentos para conservação

Santos, Lúcio January 2011 (has links)
A biodiversidade dos rios brasileiros encontra-se sob severa ameaça, em razão da fragmentação e perda de hábitat que os barramentos representam. Até o presente, os aproveitamentos hidrelétricos têm seu licenciamento ambiental condicionado a análises de impacto locais, sem avaliação dos impactos cumulativos de múltiplas barragens em uma bacia hidrográfica, com relação à conservação da diversidade da ictiofauna. Estudos anteriores para subsídio de licenciamento de múltiplas barragens na bacia Taquari-Antas (RS) propuseram cenários alternativos de conservação (número e posição de barragens), quando ainda não havia métricas de conectividade dendrítica desenvolvidas. Entre os problemas identificados naqueles estudos figuram a quantificação dos efeitos cumulativos das barreiras sobre a conectividade da bacia, o estabelecimento de áreas prioritárias para conservação e a influência do número e da posição das barreiras na conservação da biodiversidade aquática em uma bacia. Avaliamos a aplicação de conectividade para mensuração de impactos cumulativos de fragmentação de bacias hidrográficas através de índices de conectividade dendrítica recentemente propostos. Propomos um método genérico e replicável para analisar quantitativamente os efeitos de sucessivos barramentos em relação à conectividade dos hábitats aquáticos em processos de migração e dispersão de peixes em bacias hidrográficas. Utilizamos simulações de cenários de múltiplos barramentos para a avaliação. Propomos também uma sistematização para a simulação de múltiplos barramentos. Além disso, hierarquizamos áreas para conservação por conectividade, aplicamos as novas métricas de conectividade a estudos anteriores e demonstramos casos de cenários de alta conectividade com outras implicações na conservação. Discutimos o amadurecimento do método para aplicação em licenciamento ambiental e planejamento de conservação, bem como limitações atuais e perspectivas para trabalhos futuros. / Biodiversity of Brazilian rivers is nowadays seriously threatened due to fragmentation and habitat loss that impoundments represent. Up to now, hydroelectric power plants have their environmental licensing processes conditioned to local impact analysis, with no evaluation of cumulative impacts of multiple dams in a watershed landscape on the conservation of the integrity of ichthyofauna. Former studies for supporting environmental licensing processes of multiple hydroelectric dams in the Taquaria-Antas basin (RS, Brasil) proposed alternative conservation scenarios (number and position of barriers), in a time when there were no dendritic connectivity metrics developed. Among the problems identified at that time, we point quantification of cumulative effects of multiple barriers on the drainage connectivity, detecting prioritary areas for conservation and detecting the influence of the number and position of the barriers in the catchment for best conservation of aquatic biodiversity. We evaluated the application of connectivity for quantifying the impacts of fragmentation in hydrographic basins through recently proposed indexes. We proposed a replicable and generic method for quantifying the effects of successive impoundments in relation to aquatic habitat connectivity in ecological processes of migration and dispersal of fishes in hydrographic basins. We used multiple barriers scenarios simulation in order to perform the assessments. We also propose a way of systematizing multiple barriers simulations. Moreover, we rank areas for conservation by connectivity, apply the new connectivity metrics on former studies and demonstrate cases of high connectivity scenarios with other implications on conservation. We discuss maturing the method for application on environmental licensing and conservation planning as well as current limitations and perspectives for future studies.
34

Variação na estrutura trófica e no uso dos recursos alimentares da ictiofauna de zonas rasas ao longo de um gradiente estuarino-límnico

Figueiredo, Gabriela Guerra Araújo Abrantes de January 2014 (has links)
Submitted by dayse paz (daysepaz@hotmail.com) on 2016-04-06T18:25:56Z No. of bitstreams: 1 Disserta_o_Mestrado_Gabriela_Guerra_PPGBAC.pdf: 2204919 bytes, checksum: 182150838d9e5538ccbbc7e9a89712a4 (MD5) / Approved for entry into archive by cleuza maria medina dos santos (cleuzamai@yahoo.com.br) on 2016-05-10T20:07:01Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Disserta_o_Mestrado_Gabriela_Guerra_PPGBAC.pdf: 2204919 bytes, checksum: 182150838d9e5538ccbbc7e9a89712a4 (MD5) / Made available in DSpace on 2016-05-10T20:07:01Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Disserta_o_Mestrado_Gabriela_Guerra_PPGBAC.pdf: 2204919 bytes, checksum: 182150838d9e5538ccbbc7e9a89712a4 (MD5) Previous issue date: 2014 / O estudo da estrutura trófica de comunidades biológicas nos fornece uma descrição da organização e funcionamento do ecossistema e das interações entre as comunidades. Comparar a estrutura trófica das comunidades ao longo de gradientes ambientais pode fornecer novas interpretações em relação a sua organização trófica e serve de base para avaliar impactos antrópicos presentes e futuros. Um dos métodos mais comuns atualmente para se avaliar relações tróficas é a análise dos isótopos estáveis (AIE), o qual vem sendo utilizado para estimar os fluxos de matéria orgânica entre consumidores bem como sua posição trófica na cadeia alimentar. O objetivo principal dessa dissertação foi investigar a estrutura trófica da assembleia de peixes de zonas rasas ao longo de um gradiente estuarino–límnico, a partir da AIE de carbono (13C/12C) e nitrogênio (15N/14N) de fontes alimentares basais (i.e., plantas com fotossíntese C3 e C4 e matéria orgânica particulada em suspensão, POM) e peixes dominantes em cada sistema. Amostras de fontes alimentares basais, peixes e invertebrados foram coletados na primavera e verão entre 2009 e 2010 no estuário da Lagoa dos Patos, Canal São Gonçalo e Lagoa Mirim no extremo sul do Rio Grande do Sul. Biplots e métricas isotópicas (Convex hull e nicho isotópico) foram utilizadas para descrever e comparar a estrutura trófica da ictiofauna entre os ambientes. Análises de correlação foram realizadas para analisar a relação entre o comprimento total (CT) da ictiofauna e a posição trófica (PT). Modelos bayesianos de mistura isotópica foram empregados para avaliar a variabilidade no uso de recursos alimentares ao longo do gradiente ambiental para o barrigudinho Jenynsia multidentata, uma das únicas espécies frequentes ao longo de todo gradiente. A área total (Convex hull) e o nicho isotópico ocupado pela assembleia de peixes variaram marcadamente entre os ambientes, com o estuário apresentando uma área total duas vezes maior (CH: 50,28) do que o Canal e a Lagoa (17,51 e 20,29, respectivamente). Já o nicho isotópico, que é robusto aos efeitos de possíveis diferenças no número amostral, apresentou diferenças estatísticas entre estuário e os dois ambientes de água doce (p<0,00), porém esses dois últimos não apresentaram diferenças entre si (p>0,30). A AIE dos peixes no Canal sugere que a fragmentação de habitat ocasionada pela presença de uma barragem-eclusa afetou também a conectividade trófica entre o estuário da Lagoa dos Patos e Lagoa Mirim. Variações na razão isotópica do nitrogênio da comunidade também sugerem que impactos antrópicos como a eutrofização são mais acentuados no estuário da Lagoa dos Patos e Canal. As análises de correlações não mostraram correlação positiva entre o CT e PT. O modelo de mistura mostrou que as principais fontes alimentares basais para J. multidentata no canal foi POM, enquanto na lagoa foram principalmente plantas C4 e POM e no estuário houve uma maior sobreposição nos intervalos de credibilidade, não sendo possível distinguir diferenças significativas na contribuição relativa das fontes basais para a espécie. Nossos resultados mostraram que há diferenças na estrutura trófica e no uso de recursos alimentares ao longo do gradiente ambiental e que impactos antrópicos, como construção de barragem e eutrofização, afetam a ictiofauna nesses ambientes. / Trophic structure analyses of biological communities provide insights on ecosystem organization and functioning and also on communities’ interactions. Comparing the trophic structure of communities considering environmental gradients allows new interpretations of their trophic organization and evaluation of current and future anthropic impacts. One of the most common methods to evaluate trophic relationships is the stable isotope analysis (SIA), which has been used to estimate the flow of organic matter among consumers as well as its trophic position in the food chain. The main objective of this Master Thesis was to investigate the trophic structure of shallow areas fish assemblage along a freshwater-estuarine gradient, using the analysis of carbon (13C/12C) and nitrogen (15N/14N) isotope ratios of basal food sources (i.e., plants with C3 and C4 photosynthesis and particulate organic matter POM) and dominant fishes in each system. Basal food sources, fishes and invertebrates were collected at Lagoa dos Patos estuary, São Gonçalo Channel and Lagoa Mirim, located in the southern most in Brazil, during spring and summer seasons of 2009 and 2010. Biplots and isotopic metrics (Convex hull and isotopic niche) were used to describe and compare the trophic structure obtained in the three environments. Correlation analyzes were conducted to examine the relationship between total length (TL) of the ichthyofauna and trophic position (TP). Bayesian models of isotopic mixing were used to evaluate the variability in food resource use by the one-sided livebearer Jenynsia multidentata along the environmental gradient, which was one of the only species found along the entire gradient. The total area (Convex hull) and the isotopic niche occupied by the fish assemblage showed an marked variation among environments. The Convex hull total area of the estuary (CH: 50.28) was two-fold higher than the Channel and Lagoa Mirim areas (17,51 and 20.29, respectively). The isotopic niche, which is not affected by differences in sample sizes, showed statistical differences between the estuary and the two freshwater systems ( (p<0.00), but there were no statistical differences when the freshwater systems were compared with each other (p>0.30). The SIA analysis of fishes in the Channel suggests that the habitat fragmentation caused by a dam also affected the trophic connectivity between the Lagoa dos Patos estuary and the Lagoa Mirim. Comparison of the nitrogen isotope ratio values among communities also suggested that anthropogenic impacts (e.g., eutrophication) were more evident in the Lagoa dos Patos estuary and Channel. The analysis of correlations didn't show any positive correlation between TL and TP. The mixing model showed that the main basal food sources sustaining J. multidentata in the Channel was POM, whereas in the Lagoa Mirim was mainly C4 plants and POM. Moreover, in the estuary, it was found a greater overlap on the credibility intervals of basal food sources and it was not possible to distinguish statistical differences between their relative contributions to the specie. Our results showed that there are differences on the trophic structure and on the use of food resources along the environmental gradient. Also, anthropogenic impacts, such as dam constructions and eutrophication, have an affect on the ichthyofauna of these environments.
35

Determinação da origem e conectividade da população da albacora laje, Thunnus albacares (Bonnaterre, 1788) no atlântico equatorial

ROQUE, Pollyana Christine Gomes 15 May 2015 (has links)
Submitted by Mario BC (mario@bc.ufrpe.br) on 2017-11-06T13:42:40Z No. of bitstreams: 1 Pollyana Christine Gomes Roque.pdf: 583107 bytes, checksum: e0225cd4330d9aa9481ff4809d92f859 (MD5) / Made available in DSpace on 2017-11-06T13:42:40Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Pollyana Christine Gomes Roque.pdf: 583107 bytes, checksum: e0225cd4330d9aa9481ff4809d92f859 (MD5) Previous issue date: 2015-05-15 / Conselho Nacional de Pesquisa e Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq / The yellowfin tuna, Thunnus albacares (Bonnaterre, 1788), is a pelagic species of the Scombridae family that is distributed throughout the tropical and subtropical waters of the three oceans. Characterized by the yellow coloration of its fins and finlets, it is usually found close to the surface, in waters with high productivity and warm temperatures, being mainly targeted by pelagic longliners and purse seiners. The yellowfin tuna displays a marked migratory behavior, which hinders the understanding of their movements between spawning, nursery and feeding areas. In order to ensure the conservation of exploited populations, it is fundamental to determine the size distribution and length at age of the individuals caught. The use of trace elements in the analysis of the stock structure can assist in reconstructing the life history, origin and connectivity of various species. In the present study, in order to assess the degree of connectivity between the specimens caught in the eastern and western sides of the West and Central Equatorial Atlantic, the otoliths of 20 specimens with fork lengths (FL) ranging between 37 cm and 57 cm were analyzed. For this purpose, an ablation laser system coupled to a mass spectrometer through plasma induction (LA ICPMS) was used to measure the concentration of various trace elements: 7Li, 24Mg , 55Mn, 88Sr, 137Ba, 44Ca- from an average of five ablation points to the core of each randomly chosen otolith. A Multivariate Analysis of Variance (MANOVA) and a Quadratic Discriminant Function Analysis (QDFA), along with univariate tests, were performed with the SYSTAT 13 software. The catch sites, which included the Saint Peter and Saint Paul Archipelago- SPSPA (10), the Gulf of Guinea (5) and Cape Verde (5), were discriminated with high accuracy, with a rate of 85% being correctly classified. The spatial comparison of trace elements suggests a significant variation between regions (p ≤ 0.05), with canonical scores equal to 0.172 in Brazil and 0.758 for Africa. The Wilk's Lambda test (0.386) was significant indicating that the concentration of the elements differed between the two regions showing that the individuals examined must have originated from chemically and/ or geographically distinct areas. / A albacora laje Thunnus albacares (BONNATERRE, 1788) é uma espécie pelágica da família Scombridae que se distribui em águas tropicais e subtropicais dos três oceanos. Caracterizada pela coloração amarelada de suas nadadeiras e pínulas, é normalmente encontrada na camada superficial, em águas com alta produtividade e elevada temperatura. Um dos principais alvos da frota pesqueira de espinhel pelágico e de rede de cerco, a espécie apresenta um comportamento altamente migratório o que dificulta a compreensão de seus movimentos entre áreas de desova, berçário e alimentação. Um aspecto fundamental para a conservação de populações explotadas pela pesca, contudo, é a determinação da distribuição de tamanhos e a variação dos comprimentos individuais em função da idade. A utilização de elementos traço na análise de estrutura dos estoques explotados pode auxiliar na reconstrução da história de vida, origem e conectividade de diversas espécies. No presente trabalho, foram analisados os otólitos de 20 indivíduos, com comprimento zoológico (CZ) variando entre 37 cm e 57 cm, para se avaliar o grau de conectividade entre os exemplares capturados no Atlântico Equatorial Oeste e Central. Para este fim, um sistema de ablação a laser ligado a um espectrômetro de massa por indução de plasma (LA ICPMS) foi utilizado para se medir à concentração dos elementos traços: 7Li, 24Mg, 55Mn, 88Sr, 137Ba, e 44Ca, a partir de uma média de cinco pontos de ablação para o núcleo de cada otólito escolhido aleatoriamente. Uma Análise Multivariada de Variância (MANOVA) e uma Análise Discriminante da Função Quadrática (QDFA), além de testes de univariância, foram efetuadas para determinar os locais de captura, que incluíram o Arquipélago de São Pedro e São Paulo- ASPSP (10), o Golfo da Guiné (5) e Cabo Verde (5). A acurácia da classificação foi de 85% e a comparação espacial dos elementos traços sugeriu uma variação significante entre as regiões (p ≤ 0,05), com escores canônicos iguais a 0,172 para região do Brasil e de 0,758 para a da África. O teste Wilk’s Lambda (0,386) foi significativo indicando que a concentração dos elementos difere entre as duas regiões evidenciando que os indivíduos analisados devem ter se originado de áreas quimicamente e/ ou geograficamente distintas.
36

Estudo de casos de complexidade de colorações gulosa de vértices e de arestas / Case studies of complexity of greedy colorings of vertices and edges

Oliveira, Ana Karolinna Maia de January 2011 (has links)
OLIVEIRA, Ana Karolinna Maia de. Estudo de casos de complexidade de colorações gulosa de vértices e de arestas. 2011. 58 f. Dissertação (Mestrado em ciência da computação)- Universidade Federal do Ceará, Fortaleza-CE, 2011. / Submitted by Elineudson Ribeiro (elineudsonr@gmail.com) on 2016-07-08T18:03:48Z No. of bitstreams: 1 2011_dis_akmoliveira.pdf: 520341 bytes, checksum: b0c0d48f19d7c3e376c2c79c3a815b08 (MD5) / Approved for entry into archive by Rocilda Sales (rocilda@ufc.br) on 2016-07-13T12:34:49Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2011_dis_akmoliveira.pdf: 520341 bytes, checksum: b0c0d48f19d7c3e376c2c79c3a815b08 (MD5) / Made available in DSpace on 2016-07-13T12:34:49Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2011_dis_akmoliveira.pdf: 520341 bytes, checksum: b0c0d48f19d7c3e376c2c79c3a815b08 (MD5) Previous issue date: 2011 / The vertices and edges colorings problems, which consists in determine the smallest number of colors needed to color the vertices and edges of a graph, respectively, so that adjacent vertices and adjacent edges, respectively, have distinct colors, are computationally hard problems and recurring subject of research in graph theory due to numerous practical problems they model. In this work, we study the worst performance of greedy algorithms for coloring vertices and edges. The greedy algorithm has the following general principle: to receive, one by one, the vertices (respect. edges) of the graph to be colored by assigning always the smallest possible color to the vertex (resp. edge) to be colored. We note that so greedy coloring the edges of a graph is equivalent to greedily coloring its line graph, this being the greatest interest in research on greedy edges coloring. The worst performance of the Algorithms is measured by the greatest number of colors they can use. In the case of greedy vertex coloring, this is the number of Grundy or greedy chromatic number of the graph. For the edge coloring, this is the greedy chromatic index or Grundy index of the graph. It is known that determining the Grundy number of any graph is NP-hard. The complexity of determining the Grundy index of any graph was however an open problem. In this dissertation, we prove two complexity results. We prove that the Grundy number of a (q,q−4)-graph can be determined in polynomial time. This class contains strictly the class of cografos P4-sparse for which the same result had been established. This result generalizes so those results. The presented algorithm uses the primeval decomposition of graphs, determining the parameter in linear time. About greedy edge coloring, we prove that the problem of determining the Grundy index is NP-complete for general graphs and polynomial for catepillar graphs, implying that the Grundy number is polynomial for graphs of line of caterpillars. More specifically, we prove that the Grundy index of a caterpillar is D or D+1 and present a polynomial algorithm to determine it exactly. / Os problemas de coloracão de vértices e de arestas, que consistem em determinar o menor número de cores necessárias para colorir os vértices e arestas de um grafo, respectivamente, de forma que vértices adjacentes e arestas adjacentes, respectivamente, possuem cores distintas, são problemas computacionalmente difíceis e são objeto de pesquisa recorrente em teoria do grafos em virtude de inúmeros problemas práticos que eles modelam. No presente trabalho, estudamos o pior desempenho dos algoritmos gulosos de coloração de vértices e de arestas. O algoritmo guloso tem o seguinte princípio geral: receber, um a um, os vértices (respect. as arestas) do grafo a ser colorido, atribuindo sempre a menor cor possível ao vértice (resp. aresta) a ser colorido. Observamos que colorir de forma gulosa as arestas de um grafo equivale a colorir de forma gulosa o seu grafo linha, tendo sido este o maior interesse na pesquisa em coloração gulosa de arestas. O pior desempenho dos algoritmos é medido pelo maior número de cores que eles podem utilizar. No caso da coloração gulosa de vértices, esse é o número de Grundy ou número cromático guloso do grafo. No caso da coloração de arestas, esse é o íındice cromático guloso ou íındice de Grundy do grafo. Sabe-se que determinar o número de Grundy de um grafo qualquer é NP-difícil. A complexidade de determinar o índice de Grundy de um grafo qualquer era entretanto um problema em aberto. Na presente dissertação, provamos dois resultados de complexidade. Provamos que o número de Grundy de um grafo (q,q−4) pode ser determinado em tempo polinomial. Essa classe contém estritamente a classe dos cografos e P4-esparsos para os quais o mesmo resultado havia sido estabelecido. Esse resultado generaliza portanto aqueles resultados. O algoritmo apresentado usa a decomposição primeval desses grafos, determinando o parâmetro em tempo linear. No que se refere à coloração de arestas, provamos que o problema de determinar o índice de Grundy é NP-completo para grafos em geral e polinomial para grafos caterpillar, implicando que o número de Grundy é polinomial para os grafos linha desses. Mais especificamente provamos que o índice de Grundy dos caterpillar é D ou D+1 e apresentamos um algoritmo polinomial para determiná-lo exatamente.
37

Conectividade para um modelo de grafo aleatório não homogêneo / Connectivity to an inhomogeneous random graph model

Eduardo Zorzo Sartoretto 08 March 2016 (has links)
A caracterização de redes e o estudo de sistemas, ambos utilizando grafos, é algo muito usado por várias áreas científicas. Uma das linhas deste estudo é denominada de grafos aleatórios, que por sua vez auxilia na criação de modelos para análise de redes reais. Consideramos um modelo de grafo aleatório não homogêneo criado por Kang, Pachón e Rodríguez (2016), cuja construção é feita a partir da realização do grafo binomial G(n; p). Para este modelo, estudamos argumentos e métodos usados para encontrar resultados sobre o limiar de conectividade, importante propriedade relacionada a existência assintótica de vértices e componentes isolados. Em seguida, constatamos algumas características positivas e negativas a respeito da utilização do grafo para modelar redes reais complexas, onde usamos de simulações computacionais e medidas topológicas. / The characterization of networks and the study of systems, both using graphs, is very used by several scientific areas. One of the lines of this study is called random graphs, which in turn assists in creating models for the analysis of real networks. We consider an inhomogeneous random graph model created by Kang, Pachón e Rodríguez (2016), where its construction is made from the realization of the binomial graph G(n; p). For this model, we studied the arguments and methods used to find results on the connectivity threshold, important property related to asymptotic existence of vertices and isolated components. Then we found some positive and negative characteristics about the use of the graph to model complex real networks, using computer simulations and topological measures.
38

Um mecanismo para realçar a conectividade de roteamento geográfico na transmissão multimídia em VANTs / A mechanism to enhance connectivity of geographic routing in the multimedia streaming in UAV networks

COSTA, Rodrigo Medeiros 16 June 2014 (has links)
Submitted by Cleide Dantas (cleidedantas@ufpa.br) on 2014-09-30T16:57:02Z No. of bitstreams: 2 license_rdf: 23898 bytes, checksum: e363e809996cf46ada20da1accfcd9c7 (MD5) Dissertacao_MecanismoRealcarConectividade.pdf: 10925493 bytes, checksum: f3e0daede1096a0224420178ba4a39b2 (MD5) / Approved for entry into archive by Ana Rosa Silva (arosa@ufpa.br) on 2014-10-06T17:30:29Z (GMT) No. of bitstreams: 2 license_rdf: 23898 bytes, checksum: e363e809996cf46ada20da1accfcd9c7 (MD5) Dissertacao_MecanismoRealcarConectividade.pdf: 10925493 bytes, checksum: f3e0daede1096a0224420178ba4a39b2 (MD5) / Made available in DSpace on 2014-10-06T17:30:29Z (GMT). No. of bitstreams: 2 license_rdf: 23898 bytes, checksum: e363e809996cf46ada20da1accfcd9c7 (MD5) Dissertacao_MecanismoRealcarConectividade.pdf: 10925493 bytes, checksum: f3e0daede1096a0224420178ba4a39b2 (MD5) Previous issue date: 2014 / CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior / As redes de Veículos Aéreos Não Tripulados (VANTs) têm potencializado o uso de aplicações multimídia devido ao seu elevado grau de mobilidade e versatilidade. Esse crescimento ocorre pela facilidade de acesso e utilização dos VANTs quadricópteros em diversas aplicações civis. As aplicações civis têm como característica principal o uso de dados multimídia, como vídeos, por oferecerem uma perspectiva visual mais detalhada do ambiente. A transmissão desse tipo de dado nas redes VANTs por meio de protocolos geográ cos melhora a taxa de entrega de dados. Entretanto, ela ainda não é su ciente para prover qualidade de experiência (QoE). Isso ocorre devido ao elevado grau de mobilidade dos quadricópteros que ocasiona quebras de enlace durante a transmissão multimídia. Por consequência, ela prejudica a conectividade e induz a altas perdas de pacotes e atrasos. Então, este trabalho propõe um mecanismo, chamado RCRV, com base em técnicas de predição de mobilidade em termos de posicionamento e da estimativa do tempo de enlace para realçar a tomada de decisão de roteamento em protocolos geográ cos. Além disso, ele utiliza critérios que consideram os comportamentos de mobilidade dos VANTs. Assim, o RCRV possibilita o prolongamento da conectividade nas redes VANTs. O RCRV é um mecanismo que complementa as estratégias de roteamento dos protocolos geográ cos. Desse modo, adicionou-se o RCRV ao protocolo GPSR a m de avaliar os ganhos e benefícios do mecanismo em um protocolo de roteamento geográ co. Simulações foram realizadas com diferentes velocidades e números de VANTs. Os resultados mostraram que o RCRV aumenta a conectividade da transmissão, melhorando a entrega do conteúdo multimídia e a qualidade do vídeo observado pelo usuário. / Networks of Unmanned Aerial Vehicles (UAVs) have enhanced the use of multimedia applications due to their high degree of mobility and versatility. This increase occurs due the accessibility and use of UAVs quadricopters in several civilian applications. Civilian applications have as main characteristic the use of multimedia data such as videos, because they o er a more detailed visual perspective of the environment. The transmission of such data in UAV networks by geographic protocols improves the rate of data delivery. However, it is not su cient to provide quality of experience (QoE). This is because the high degree of mobility of the quadricopters, which leads to link breaks during multimedia transmission. Consequently, it impairs connectivity and induces high packet losses and delays. Therefore, this paper proposes a mechanism called RCRV, based on techniques for predicting mobility in terms of positioning and link estimation time to enhance the decision making process in geographic routing protocols. Furthermore, it employs criteria that consider the behavior of mobility of UAVs. Thus, RCRV enables the extension of connectivity in UAV networks. The RCRV is a mechanism that complements the strategies of geographic routing protocols. In this way, added the RCRV to the GPSR protocol to evaluate the gains and bene ts of him in a geographic routing protocol. Simulations were performed with di erent speeds and numbers of UAVs. The results showed that the RCRV increases the connectivity in the multimedia transmission, improving the delivery of multimedia content and video quality observed by the user.
39

Monitoramento ambiental de vinhedos utilizando uma rede de sensores sem fio que coleta dados com um intervalo de amostragem variável. / Environmental monitoring of vineyards using a wireless sensor network that collect data with a variable sampling interval.

Juan Carlos Congona Benavente 24 November 2010 (has links)
Neste trabalho foi realizado um estudo de aspectos relacionados ao uso de uma Rede de Sensores sem Fio, como uma tecnologia de apoio para o monitoramento ambiental em vinhedos. Com o intuito de estender o tempo de duração das baterias dos nos sensores dessa rede, procurou-se evitar coletas desnecessárias de dados. O programa aplicativo dos nos foi redefinido para possibilitar a escolha de um intervalo de amostragem próximo das necessidades, sendo essa escolha feita pelos próprios nos, a partir de condições predefinidas no aplicativo. A área de aplicação escolhida foi a viticultura, devido a grande influencia das condições ambientais no desenvolvimento fisiológico das videiras, influenciando no rendimento e na qualidade das uvas produzidas, justificando a adoção de um sistema de monitoramento. Uma das características dessas redes que motiva a sua aplicação na área agrícola e a possibilidade de coleta de dados com a resolução espaço-temporal adequada, permitindo aplicar eficientemente os conceitos da Agricultura de Precisão. Realizaram-se experimentos em um parreiral cultivado sob cobertura plástica, localizado em Bento Gonçalves, RS. Os aspectos da rede estudados compreenderam: o alcance de conectividade e qualidade do enlace entre os nos e a estação base; o desempenho da rede com os nos posicionados em diferentes alturas; a exatidão dos dados coletados, em comparação com um equipamento de maior precisão; e a avaliação da variabilidade microclimática dentro do parreiral. A validação da proposta envolveu a implementação de um protótipo funcional, testado em laboratório. O modelo proposto permitiu estimar o tempo de vida dos nos, considerando-se parâmetros como o tipo de bateria, o intervalo de amostragem e o tamanho do pacote de dados enviados pelos nos. Os resultados obtidos evidenciaram a existência de variabilidade microclimática tanto em diferentes alturas da videira, como espacialmente, dentro do parreiral. A interferência dos vegetais devido a água que contém foi avaliada a partir de dois parâmetros: o indicador de intensidade de sinal recebido e de qualidade de enlace, que indicaram maior interferência na altura do dossel das videiras. A correlação entre esses parâmetros levou a constatação que o melhor desempenho e o maior alcance de conectividade ocorrem com os nos posicionados na altura do cacho das videiras se comparados com as medições realizadas no dossel. A amostragem variável permitiu uma economia no numero de pacotes enviados, com menor consumo de energia, o que foi comprovado com o modelo proposto para tal finalidade. / A study of issues related to using a Wireless Sensor Network was carried out, as an enabling technology for environmental monitoring in vineyards. In order to extend the duration of sensor nodes batteries of the network, collecting unnecessary data was avoided. The nodes application program was redefined to allow the choice of a sampling interval close to the needs, and the choice made by the nodes themselves, based on predefined conditions in their application. The application area chosen was the viticulture because of the large influence of environmental conditions on the physiological development of the vines, influencing the yield and quality of produced grapes, justifying the adoption of a monitoring system. One of the characteristics of such networks that motivates its application in agriculture is the possibility of collecting data with the appropriate spatial and temporal resolution, allowing to efficiently apply the concepts of Precision Agriculture. Experiments were conducted in a vineyard cultivated under plastic overhead cover, situated in Bento Gonçalves, RS. The network aspects studied involved: connectivity range and link quality between nodes and gateway; network performance with nodes positioned at different heights; collected data accuracy, compared with a higher precision equipment; and microclimatic variability evaluation within the vineyard. The proposal validation involved the implementation of a functional prototype, tested in the laboratory. The model allowed estimating the nodes lifetime, considering parameters such as battery type, sampling interval and data packet size sent by sensor nodes. Results showed the existence of microclimatic variability both at different heights of the vine, and spatially within the vineyard. Vegetables interference due to the water contained in them was evaluated from two parameters: Received Signal Strength Indicator and Link Quality Indicator, which indicated greater interference in the height of the vines canopy. The correlation between these parameters led to the conclusion that the best performance and increased connectivity range occur with nodes positioned at the height of the bunch of grapes as compared with measurements made in the canopy. The variable sampling allowed savings in the number of sent packets, with lower power consumption, which agrees with the proposed model for this purpose.
40

Conectividade funcional no cérebro: uma análise das associações com desempenho intelectual e atenção sustentada usando imagens por ressonância magnética / Functional connectivity of the brain: Analyzing the associations with intellectual performance and sustained attention using magnetic resonance imaging

Gustavo Santo Pedro Pamplona 18 February 2014 (has links)
Sabe-se que diversas regiões do cérebro humano trabalham em sincronia, mesmo anatomicamente separadas, sugerindo conexões funcionais e estruturais. Dessa forma, nosso cérebro pode ser considerado uma rede que pode ser estudada para diferenças entre indivíduos e entre tarefas, em que os nodos podem ser diferentes regiões e as arestas podem ser medidas de conectividade funcional entre séries temporais de um sinal de ressonância magnética de cada região. Neste estudo, propomos analisar como conectividade funcional e parâmetros de rede cerebral se relacionam com desempenho intelectual e um estado de atenção sustentada. Foram adquiridas imagens de ressonância magnética de 30 indivíduos saudáveis jovens em estado de repouso e de atenção sustentada, a partir delas foram calculadas as conexões funcionais entre 90 regiões cerebrais usando o coeficiente de correlação entre pares de series temporais. Destes sujeitos foram estimados sete índices de inteligência a partir da aplicação do teste WAIS-III. As matrizes de conectividade evidenciariam um comportamento de rede complexa de mundo pequeno para limiares entre 0,2 e 0,5. Não foram encontradas associações entre parâmetros globais das redes ponderadas em estado de repouso e os índices de inteligência. Conectividade funcional e alguns parâmetros de rede locais evidenciaram correlações com pontuações de inteligência, principalmente nas regiões frontal, pré-central, parietal e occipital, giro fusiforme e supramarginal e caudado. Embora o p-valor não-corrigido seja bem pequeno e/ou haja simetria entre hemisférios em alguns resultados, ao ser considerado o efeito de múltiplas comparações para análise inteira não foram encontradas associações estatisticamente significativas, por isso as análises foram corrigidas para cada região (p-valor corrigido pelo FDR<0,05). Ainda assim, possivelmente um aumento do número de sujeitos levaria a resultados mais conclusivos. Não foram encontrados resultados que confirmassem a hipótese de que, para indivíduos normais, haveria uma maior anti-correlação de redes extrínsecas e intrínsecas como um todo para o estado de atenção focada em relação ao estado de repouso. Entretanto, durante o estado de atenção sustentada, foram encontradas algumas diferenças estatisticamente significantes nas conexões locais dentro das redes positivas e negativas à tarefa, evidenciadas por um aumento na magnitude das correlações positivas ou negativas durante a atenção sustentada, além de uma tendência de anti-correlação em conexões entre regiões positivas e negativas à tarefa. / It\'s known that some regions of the human brain work synchronously, even if they are anatomically separated, suggesting functional and structural connections. In this way, our brain can be considered a network that can be studied for individual or task differences and in which nodes can be the different regions and edges can be the measurements of functional connectivity between blood oxygen level-dependent signal time series from each region. In this study, we aim to analyze how functional connectivity and brain network parameters relate to intellectual performance and to sustained attention state. Resonance Magnetic images were acquired in 30 healthy young volunteers in resting and attentional state. The functional connections between 90 brain regions were computed from them using correlation coefficient between pairs of temporal series. Seven intelligence indices were estimated from these subjects through WAIS-III test application and associations between functional connectivity values or brain network parameters were sought. Connectivity matrices evidenced a small-world complex network behavior for thresholds between 0.2 and 0.5. No associations between global parameters using weighted networks were found. Functional connectivity and network parameters have evidenced some correlations with intelligence scores, mainly in frontal, pre-central, parietal, occipital regions, fusiform and supramarginal gyrus and caudate nucleus. Even that the uncorrected p-value was small and/or there was symmetry between hemispheres in several results, statistical significant associations were not found considering multiple comparisons correction for the entire analysis, therefore the analysis were corrected for each region (FDR corrected p-value <0.05). Even, increasing the number of subjects possibly would get more conclusive results. Results corroborant to the initial hypothesis of greater anti-correlation between default mode network and task-positive regions were not found for the sustained attention state. However, during sustained attention state, some statistically significant differences in local connections within task-positive and negative regions were found, evidenced by the increase of the strength of positive and negative correlations, besides of a trend of anti-correlation in connections between task-positive and negative regions.

Page generated in 0.0816 seconds