• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 80
  • 1
  • Tagged with
  • 81
  • 81
  • 81
  • 38
  • 32
  • 26
  • 26
  • 21
  • 15
  • 13
  • 13
  • 13
  • 13
  • 12
  • 12
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
41

Caracterização molecular da microbiota e morfologia intestinal da tilápia-do-Nilo (Oreochromis niloticus) após suplementação dietética com mananoligossacarídeo (MOS)

Sotrati, Vanessa Vidoti [UNESP] 27 May 2014 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-11-10T11:09:55Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2014-05-27Bitstream added on 2014-11-10T11:57:42Z : No. of bitstreams: 1 000792121.pdf: 1190856 bytes, checksum: 0f251d4fdf8889b54bf6e23ee681a546 (MD5) / A intensificação na produção da tilápia ocasionou enfermidades bacterianas frequentes principalmente pela elevada densidade de estocagem e manejo estressante. Esse quadro ocasiona o uso desenfreado e sem critérios de antimicrobianos, produzindo um produto com qualidade final duvidosa e danos ao meio ambiente. Uma alternativa promissora para prevenir enfermidades na piscicultura é a alimentação dos peixes com o mananoligossacarídeo (MOS), que promove a adsorção de agentes patógenos no intestino, melhorando a saúde do animal. Assim, o objetivo deste trabalho foi avaliar o uso do mananoligossacarídeo na caracterização da microbiota e morfologia intestinal da tilápia-do-nilo (Oreochromis niloticus) durante 45 dias de alimentação. Após sete dias de suplementação com mananoligossacarídeo, os peixes alimentados com a ração contendo a partir de 2 g kg-1 do suplemento apresentaram menor número de bactérias aeróbias totais (p<0,05) no intestino quando comparados ao grupo controle e a porcentagem dessas bactérias foi reduzida quanto maior foi o tempo de alimentação (p<0,05). Os peixes alimentados com todos os níveis de suplementação com mananoligossacarídeo demonstraram maior porcentagem de bactérias anaeróbias e Bacillus sp. no intestino (p<0,05) e o maior número dessas bactérias foi observada no grupo alimentado com 15 g kg-1 (bactérias anaeróbias) e com 8 g kg-1 (Bacillus) após 45 dias. A análise histológica do intestino das tilápias alimentadas com 10 g kg-1 de mananoligossacarídeo, durante sete dias mostrou microvilos com largura, altura e altura total das vilosidades superiores a dos peixes alimentados com os demais níveis de suplementação e o grupo controle (p>0,05), enquanto a maior espessura das vilosidades foi observada nos peixes alimentados com 8 g kg-1 de mananoligossacarídeo, no mesmo período de alimentação, porém a largura das ... / The intensification of tilapia production caused bacterial diseases frequent especially for high density storage and stressful handling. This scene brings unbridled and indiscriminate use of antimicrobials, producing a final product with dubious quality and damage to the environment. A promising alternative to prevent diseases in fish farming is the use of mannan oligosaccharide (MOS) in fish diet, which promotes the adsorption of pathogens in the intestine, improving the health of the animal. The aim of this study was to evaluate the use of mannan oligosaccharide in the characterization of the microbiota and intestinal morphology of Nile tilapia for 45 days of feeding. After seven days of mannan oligosaccharide supplementation, fish fed with diet containing 2 g kg-1 of the supplement had the lowest number of total aerobic bacteria (p<0.05) in the intestine when compared to the control group and the percentage of these bacteria was reduced the longer the feeding time (p <0.05). Fish fed all levels of mannan oligosaccharide supplementation showed a higher percentage of anaerobic bacteria and Bacillus sp. in the intestine (p<0.05) and the increasing number of these bacteria was observed in the group fed with 15 g kg-1 (anaerobic bacteria) and 8 g kg-1 (Bacillus) after 45 days. Histological analysis of tilapia intestine fed 10 g kg-1 mannan oligosaccharide for seven days showed microvilli width, height and total height superior to other levels of supplementation and the control group (p> 0.05), while the greater thickness of villi was observed in the fish diet with 8 g kg-1 mannan oligosaccharide in the same feeding period, however the villi width in period of 45 days in diet supplemented with 8 g Kg-1 mannan oligosaccharide it was significance in relation to control (p<0.05). The add of mannan oligosaccahride in diet of Oreochromis niloticus, from level of inclusion 2 g Kg-1 is able ...
42

Sistema automatizado de alimentação de juvenis de tilápia / Automated feeding system for fish: Instant Adjusting the offer according to the temperature for tilapia juveniles

Carmelin Junior, Célio Aparecido [UNESP] 10 December 2014 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2015-03-03T11:52:19Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2014-12-10Bitstream added on 2015-03-03T12:07:31Z : No. of bitstreams: 1 000809196.pdf: 467152 bytes, checksum: d065fba0fb6128fae0ab1d679caa0588 (MD5) / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) / Este estudo foi realizado no período de outono e inverno com o objetivo de determinar a taxa de alimentação ideal para juvenis de tilápia (Oreochromis niloticus) criados em tanques-rede, com correção diária da oferta baseada na conversão alimentar e ganho de peso estimados. A quantidade de ração oferecida em cada refeição foi ajustada de acordo com a temperatura diária. O experimento teve duração de 2 meses. Foram distribuídos 450 peixes em cada hapa com peso médio inicial de 6,12±2,05g, totalizando 4 tratamentos e 7 repetições em delineamento inteiramente casualizado. Foram avaliadas as taxas de 3, 4, 5 e 6% do peso vivo. A oferta de ração foi feita por alimentadores automáticos controlados por Controlador Lógico Programável (CLP) ligado a um sensor de temperatura da água. A ração foi oferecida em 24 refeições, durante o dia e a noite, a cada hora. A oferta de ração foi ajustada a cada grau abaixo de 25 graus, analisando-se a conversão alimentar aparente, sendo de 15% após a primeira biometria, 10% após a segunda biometria e 13% após a terceira biometria, assim se mantendo até o final. As biometrias foram realizadas a cada 15 dias, calculando-se a conversão alimentar e o peso médio dos peixes. O peso médio, ganho de peso, peso final e as conversão média aparente foram submetidos a uma análise de variância. As médias de peso final foram 12,95, 16,94, 20,02 e 19,92g, respectivamente para os tratamentos 3, 4, 5 e 6%. Para o ganho de peso as médias foram 6,83, 10,71, 13,88 e 13,80g para 3, 4, 5 e 6% respectivamente. As taxas de 5 e 6% de peso vivo com ajuste da oferta de acordo com a temperatura resultaram em melhor crescimento durante os meses frios / This study was conducted in the fall and winter period in order to determine the optimum feeding rate of tilapia juveniles (Oreochromis niloticus) reared in cages , with a daily fix of supply based on estimated feed conversion weight gain. The experiment lasted two months. Twenty eight hapas with 0,29m³ were used inside 1m³ cages. 450 fish were distributed in each hapa with initial average weight of 6,12±2,05g, totalizing 4 tratments and 7 replications in a completely randomized design. Rates of 3, 4, 5 and 6% of body weight were evaluated. The provision of feed was made by PLC controlled automatic feeders connected to a water temperature sensor. The feed was offered in 24 meals during the day and night. The supply of feed was adjusted to each degree below 25 degrees , analyzing the apparent feeding conversion, being 15% after first biometry, 10% after the second biometry and 13% after the third biometry, keeping itself until the end. Sampling was done every 15 days, calculating feed conversion and average fish weight. The average weight gain, average final weight and the conversion ratio were subjected to analysis of variance. The average final weight was 12,95, 16,94, 20,02 e 19,92g, respectively, for the treatments 3, 4, 5 and 6%. To weight gain averages were 6,83, 10,71, 13,88 e 13,80g for 3, 4 5 and 6% respectively. Feeding rates of 5 and 6% of body weight with adjustment of supply according to the temperature resulted in better growth during the cold months / FAPESP: 2011/50737-4
43

Desempenho produtivo e respostas fisiológicas de juvenis de cachara (Pseudoplatystoma reticulatum) alimentados com diferentes níveis de proteína e carboidrato

Gonçalves, André Fernando Nascimento [UNESP] 12 March 2014 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2015-03-03T11:52:53Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2014-03-12Bitstream added on 2015-03-03T12:06:55Z : No. of bitstreams: 1 000809753.pdf: 636196 bytes, checksum: 431eaf1039593922667938e3e9f16f39 (MD5) / A adequada utilização de carboidratos nas dietas de peixes carnívoros pode reduzir a utilização da fração proteica da dieta para fins energéticos, aumentando sua utilização para o crescimento, num processo conhecido como protein sparing. A anatomia e histologia do sistema digestório dos surubins demonstram que os mesmos possuem particularidades próximas a de onívoros que poderiam ajudar no aproveitamento de carboidratos da dieta. O metabolismo de carboidratos nos peixes parece ter inúmeras contradições e pode variar em função da espécie, fonte e processamento do carboidrato e níveis de inclusão na dieta. Alguns estudos demonstram que surubins conseguem digerir e utilizar os amidos fornecidos nas dietas, ocasionando adaptações fisiológicas na secreção de enzimas digestivas e metabólicas. Não existem estudos específicos em relação à utilização de carboidratos com efeito poupador de proteína para surubins, porém a utilização de lipídeos com efeito poupador já foi estudada, não resultando em melhora no desempenho produtivo dos peixes. Devido à carência de estudos para espécies nativas em geral, o presente trabalho verificou a influência de níveis de carboidratos e proteína nas dietas de cacharas. Os índices zootécnicos, metabolismo, reservas energéticas, composição e retenção de nutrientes na carcaça e quantificação de enzimas digestivas foram avaliados. Pode-se concluir que o aumento do nível de carboidratos não resultou em efeito poupador de proteína para o surubim / The proper use of carbohydrates in diets for carnivorous fish can reduce the use of the protein fraction for energy, providing its for growth, a process known as protein sparing. The anatomy and histology of digestive system of surubins demonstrate that they possess characteristics similar to omnivores fish that could help on the carbohydrates utilization. Carbohydrate metabolism in fish seems to have many contradictions and vary depending on fish specie, carbohydrates sources and processing and carbohydrate inclusion level. Some studies showed that surubins can digest and utilize dietary starch, resulting in physiological adaptations, such as digestive enzymes secretion. There are no specific studies on the use of carbohydrates with protein sparing effects for surubins, but the use of lipids has been studied, resulting in no improvement in growth performance of fish. Due to the lack of studies to native species in general, the present study examined the influence of different levels of carbohydrate and protein in the diets of cacharas. Production indices, metabolism, energy reserves, composition and nutrient retention in the carcass and quantification of digestive enzymes were evaluated. It can be concluded that increasing the carbohydrate level has not resulted in a protein-sparing effect for the surubim
44

Fontes e níveis de proteína bruta em dietas para alevinos e juvenis de pacu, Piaractus mesopotamicus (Holmberg, 1887) /

Fernandes, João Batista Kochenborger. January 1998 (has links)
Orientador: José Carneiro Dalton / Resumo: Como objetivo de avaliar a substituição da farinha de peixe pelo farelo de soja, assim como determinar os níveis protéicos para dietas de pacu (Piaractus mesopotamicus), foram conduzidos dois ensaios sendo um com com alevinos, pesando entre 4,62 e 11,31g e outro com juvenis pesando entre 79,99 e 144,31g. Nesta investigação, que teve duração de 100 dias, os alevinos foram distribuídos em 36 caixas de cimento amianto com volume de 100 litros, sendo estocados 8 peixes por parcela. Os juvenis também foram colocados em 36 caixas, de 150 litros, na proporção de 7 peixes por parcela. Durante o período experimental, a temperatura média da água permaneceu em torno de 28oC e os demais parâmetros limnológicos (oxigênio dissolvido, pH, alcalinidade e condutividade) apresentaram-se dentro dos níveis adequados para o bom desenvolvimento desta espécie. O delineamento experimental foi de blocos casualizados, onde foram testados 9 tratamentos (rações isocalóricas) em esquema fatorial 3X3, sendo 3 fontes protéicas: 100% de farinha de peixe(FP); 50% de farinha de peixe+50% de farelo de soja(FP+FS) e outra com 100% de farelo de soja(FS) e 3 níveis de proteína bruta, sendo 22, 26 e 30% para os alevinos e 18, 22 e 26% para os juvenis. Os resultados obtidos indicaram que a farinha de peixe, que é tradicionalmente utilizada em dietas para peixes, pode ser substituída parcial ou totalmente pelo farelo de soja, sem afetar o desempenho dos alevinos e juvenis de pacu, em ganho de peso, conversão alimentar, taxa de crescimento específico e taxa de eficiência protéica. A substituição também não afetou a composição corporal dos peixes, como a eficiência de retenção de nitrogênio, nitrogênio corporal, gordura corporal e nitrogênio e gordura no ganho de peso. Os melhores coeficientes de digestibilidade (juvenis) foram obtidos com o FS e a mistura FP+FS. Da mesma forma os resultados indicaram... / Abstract: Not available / Doutor
45

Valor nutritivo, pela Tilápia do Nilo, do farelo de algodão suplementado com fitase /

Botelho, Renan de Mattos, 1988. January 2012 (has links)
Orientador: Luiz Edivaldo Pezzato / Coorientador: Pedro de Magalhães Padilha / Banca: Dirlei Antonio Berto / Banca: Elisabeti Maria Macedo Viegas / Resumo: O objetivo do presente estudo foi avaliar o efeito da enzima fitase com os níveis de suplementação: 750, 1.500, 2.250, 3.000 UFA/kg (unidades de fitase ativa por quilo de ração) e dieta sem suplementação, sobre a digestibilidade dos nutrientes e disponibilidade aparente dos minerais do farelo de algodão. Para isso cem juvenis de tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus; PV 100.0 ± 5.0 g) foram distribuídos em dez tanques-rede. Determinou-se os coeficientes de digestibilidade aparente (CDA) da matéria seca (MS), proteína bruta (PB), energia bruta (EB) e matéria mineral (MM), assim como a disponibilidade aparente do cálcio (Ca), fósforo (P), magnésio (Mg), zinco (Zn), cobre (Cu), ferro (Fe) e manganês (Mn), de seis rações, marcadas com 1,00 g/kg de óxido de crômio-III - uma referência (ração purificada) e cinco contendo farelo de algodão (400 g/kg) e os diferentes níveis de suplementação da enzima fitase. O CDA dos nutrientes foi calculado com base no teor de crômio da ração e das fezes. A enzima fitase eleva a disponibilidade da MM e dos minerais P, Zn, Cu e Mn, no farelo de algodão, até o limite próximo de 2080 UFA/kg / Abstract: The aim of this study was to evaluate the effects of phytase supplementation (0, 750, 1.500, 2.250 e 3.000 FTU/kg) on calcium (Ca), phosphorus (P), magnesium (Mg), zinc (Zn), copper (Cu), iron (Fe) and manganese (Mn) availability and apparent digestibility coefficient (ADC) of dry matter (DM), crude protein (CP), gross energy (GE) and mineral matter (MM) were determinate of cottonseed meal. For this one hundred Nile tilapia juveniles (Oreochromis niloticus; BW= 100.0 ± 5.0 g) were assigned to 10 experimental cages. As reference, an albumin and gelatin-based diet [with 0.10 % chromic oxide (III) as external marker] was fed to the juveniles. Six diets (one reference and five based on cottonseed meal and increasing levels of phytase) were formulated to determine the coefficients of apparent availability of minerals (Ca, P, Mg, Cu, Zn and Mn) and digestibility coefficient of nutrients and energy. The enzyme increases the availability MM and minerals P, ZN, Cu and Mn in cottonseed meal, up to around 2080 FTU/kg / Mestre
46

Caracterização molecular da microbiota e morfologia intestinal da tilápia-do-Nilo (Oreochromis niloticus) após suplementação dietética com mananoligossacarídeo (MOS) /

Sotrati, Vanessa Vidoti. January 2014 (has links)
Orientador: Fabiana Pliarski / Banca: Elisabeth Criscuolo Urbinati / Banca: Róberson Sakabe / Resumo: A intensificação na produção da tilápia ocasionou enfermidades bacterianas frequentes principalmente pela elevada densidade de estocagem e manejo estressante. Esse quadro ocasiona o uso desenfreado e sem critérios de antimicrobianos, produzindo um produto com qualidade final duvidosa e danos ao meio ambiente. Uma alternativa promissora para prevenir enfermidades na piscicultura é a alimentação dos peixes com o mananoligossacarídeo (MOS), que promove a adsorção de agentes patógenos no intestino, melhorando a saúde do animal. Assim, o objetivo deste trabalho foi avaliar o uso do mananoligossacarídeo na caracterização da microbiota e morfologia intestinal da tilápia-do-nilo (Oreochromis niloticus) durante 45 dias de alimentação. Após sete dias de suplementação com mananoligossacarídeo, os peixes alimentados com a ração contendo a partir de 2 g kg-1 do suplemento apresentaram menor número de bactérias aeróbias totais (p<0,05) no intestino quando comparados ao grupo controle e a porcentagem dessas bactérias foi reduzida quanto maior foi o tempo de alimentação (p<0,05). Os peixes alimentados com todos os níveis de suplementação com mananoligossacarídeo demonstraram maior porcentagem de bactérias anaeróbias e Bacillus sp. no intestino (p<0,05) e o maior número dessas bactérias foi observada no grupo alimentado com 15 g kg-1 (bactérias anaeróbias) e com 8 g kg-1 (Bacillus) após 45 dias. A análise histológica do intestino das tilápias alimentadas com 10 g kg-1 de mananoligossacarídeo, durante sete dias mostrou microvilos com largura, altura e altura total das vilosidades superiores a dos peixes alimentados com os demais níveis de suplementação e o grupo controle (p>0,05), enquanto a maior espessura das vilosidades foi observada nos peixes alimentados com 8 g kg-1 de mananoligossacarídeo, no mesmo período de alimentação, porém a largura das ... / Abstract: The intensification of tilapia production caused bacterial diseases frequent especially for high density storage and stressful handling. This scene brings unbridled and indiscriminate use of antimicrobials, producing a final product with dubious quality and damage to the environment. A promising alternative to prevent diseases in fish farming is the use of mannan oligosaccharide (MOS) in fish diet, which promotes the adsorption of pathogens in the intestine, improving the health of the animal. The aim of this study was to evaluate the use of mannan oligosaccharide in the characterization of the microbiota and intestinal morphology of Nile tilapia for 45 days of feeding. After seven days of mannan oligosaccharide supplementation, fish fed with diet containing 2 g kg-1 of the supplement had the lowest number of total aerobic bacteria (p<0.05) in the intestine when compared to the control group and the percentage of these bacteria was reduced the longer the feeding time (p <0.05). Fish fed all levels of mannan oligosaccharide supplementation showed a higher percentage of anaerobic bacteria and Bacillus sp. in the intestine (p<0.05) and the increasing number of these bacteria was observed in the group fed with 15 g kg-1 (anaerobic bacteria) and 8 g kg-1 (Bacillus) after 45 days. Histological analysis of tilapia intestine fed 10 g kg-1 mannan oligosaccharide for seven days showed microvilli width, height and total height superior to other levels of supplementation and the control group (p> 0.05), while the greater thickness of villi was observed in the fish diet with 8 g kg-1 mannan oligosaccharide in the same feeding period, however the villi width in period of 45 days in diet supplemented with 8 g Kg-1 mannan oligosaccharide it was significance in relation to control (p<0.05). The add of mannan oligosaccahride in diet of Oreochromis niloticus, from level of inclusion 2 g Kg-1 is able ... / Mestre
47

Estudo metaloproteômico em amostras de tecido muscular de Tilápia do Nilo alimentadas com fontes de zinco orgânico e inorgânico /

Lima, Paula Monteiro de, 1983. January 2014 (has links)
Orientador: Pedro de Magalhães Padilha / Coorientador: Luiz Edivaldo Pezzato / Banca: Luciana Francisco Fleury / Banca: Paulo R. Ramos / Banca: Paulo dos Santos Roldan / Banca: Fernanda Mani / Resumo: O objetivo do presente trabalho foi determinar a concentração de zinco em amostras de tecido de tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus) produzidas no Laboratório de Nutrição de Peixes/FMVZ-UNESP/Botucatu-SP/Brasil e alimentadas com rações contendo fonte orgânica e inorgânica de zinco. Na etapa de preparação, as amostras de tecido muscular foram liofilizadas e moídas criogenicamente até obtenção de partículas menores que 60 m e a extração do zinco feita por mineralização ácida utilizando-se ácido sulfúrico concentrado e peróxido de hidrogênio 30% (m/m) em banho termostatizado de ultrassom. As determinações de zinco foram feitas por espectrometria de absorção atômica em forno de grafite (GFAAS) utilizando temperaturas de secagem de 90oC - 250oC, temperatura de pirólise de 1400oC, temperatura de atomização de 2400oC e temperatura de limpeza de 2800oC. Foi utilizado como modificador químico nitrato de paládio injetado junto com as amostras e tungstênio como modificador permanente. Considerando as amostras de tecido muscular de Tilápia do Nilo analisadas foram encontradas concentrações de zinco na faixa de 3,70 a 19,00 mg kg-1. A exatidão e precisão do método de determinação de zinco proposto foi validado utilizando padrão certificado Fish Protein DORM-4 NRC / Abstract: The aim of this paper was to determine the zinc concentrations in muscle samples of Nile tilapia (Oreochromis niloticus) produced at the Laboratory of Fish Nutrition/ FMVZ-UNESP / Botucatu-SP / Brazil and fed diets containing inorganic and organic zinc source. In the samples preparation step, the samples were lyophilized and ground steak cryogenically to produce particles smaller than 60 μm and the zinc extraction was carried out by acid mineralization using concentrated sulfuric acid and hydrogen peroxide in thermostatically batch ultrasonic. The zinc determinations were carried out by GFAAS, at a drying temperature of 90oC - 250oC, pyrolysis temperature of 1400oC, atomization temperature of 2400oC, and cleaning temperature of 2800oC. Palladium nitrate was used as a chemical modifier coinjected with the samples, and tungsten as a permanent modifier. Among the muscle tissue samples of Nile Tilapia analyzed zinc concentrations were found to range in 3,7 to 19,00 mg kg-1. The accuracy and precision of the proposed method of zinc determination was validated using certified standard Fish Protein 4 NRC DORM / Doutor
48

Utilização da levedura alcoólica (Sacharomy cerevisae) como fonte protéica na alimentação de juvenis de pacu (Piractus mesopotamicus, Pisces, Teleostei) : aspectos metabólicos e de desempenho produtivo /

Pádua, Delma Machado Cantisani. January 1996 (has links)
Orientador: Elisabeth Criscuolo Urbinati / Coorientador: Dalton José Carneiro / Banca: Elisabete Maria Macedo Viegas / Banca: Nancy Carneiro / Resumo: O presente experimento avaliou o efeito de diferentes níveis de levedura seca de destilaria alcoólica (Saccharomyces cerevisiae) em dietas para juvenis de pacu (Piaractus mesopotamicus) sobre aspectos do metabolismo, desempenho produtivo e composição corporal. Em delineamento em blocos casualizados, em esquema de parcela subdividida no tempo ("Split Plot in Time") foram testados quatro níveis de substituição da farinha de peixe por levedura, 25, 50, 75 e 100 %, com duas avaliações, aos 45 e 87 dias do início do experimento. As dietas foram fornecidas duas vezes ao dia, ad libtum. Duzentos peixes foram distribuídos em 20 tanques com capacidade para 1330 l, instalados no interior de uma estufa e com fluxo individual de água. Os parâmetros de qualidade de água mantiveram-se adequados ao longo do experimento. Foi possível a substituição da farinha de peixe por levedura até o nível de 75 % sem se constatar prejuízo nos diversos parâmetros analisados. O nível mais elevado de levedura na dieta (100 %) levou aos piores resultados de desempenho produtivo, com menor taxa de crescimento instantâneo. Não houve influência significativa dos tratamentos sobre a composição corporal dos peixes, exceto pela maior concentração de material mineral no corpo dos peixes que receberam 100 % de substituição. Este nível de substituição provocou alta mortalidade. Foi observado, nos peixes alimentados com dietas contendo 100 % de substituição de farinha de peixe por levedura, hiperglicemia e decréscimo no glicogênio hepático, conteúdo total de lipídios e proteína plasmática. Seguindo o mesmo padrão de resposta, os hepatócitos apresentaram a mais baixa área e volume do citoplasma no mesmo tratamento. Aumento nos níveis de hematócrito foram detectados nos peixes que receberam dieta com 100 % de proteína fornecida pela levedura, aos 87 dias. As demais dietas com levedura... / Abstract: The present experiment assessed the effect of inclusion of different levels of the single cell protein molasses yeast (Saccharomyces cerevisiae) in the diet of juvenile pacu (Piaractus mesopotamicus) replacing fish meal. Five isoproteic (26 % CP) and isocacloric (4000 kcal GE/kg) diets were formulated in which the levels of substitution by yeast were 25, 50, 75 and 100 % and tested in two periods, following a Split Plot in Time design. Diets were fed twice a day ad libitum. Two hundred fish were allotted in 20 cement tanks of 1330 l, with continuous water flow, and sampled at 45 and 87 days after start feeding. It was possible to include until 75 % of molasses yeast in substitution of fish meal without negative effects in the parameters analyzed. The highest level of yeast in the diet (100 %) showed delayed growth, with low specific growth rate and did not affected significantly the body composition, excepting for higher mineral content. The same level of yeast provoked high mortality of fish. Its was observed hyperglycemia and decrease in liver glycogen, total liver lipid content and plasma protein in fish fed on diet containing 100 % molasses yeast. Following the same pattern of response hepatocytes showed the lowest area and volume of cytoplasm, at the same treatment. Increase in hematocrit levels appeared at 100 % molasses yeast diet only at 87 days. The other molasses yeast diets (25, 50 and 75 %) presented similar performance compared to control diet. Concluding, the results of the present study suggest that the diet with total replacement of fish meal by molasses yeast showed an antinutritional effect / Mestre
49

Fósforo disponível na mineralização óssea de alevinos da Tilápia do Nilo /

Rocha, Mariucha Karina Honório Ribeiro, 1983. January 2012 (has links)
Orientador: Luiz Edivaldo Pezzato / Coorientador: Edma Miranda de Carvalho / Banca: Hamilton Hisano / Banca: Vânia Vasconcelos / Resumo: Os objetivos desta pesquisa foram avaliar a quantidade de fósforo disponível presente em rações experimentais e por meio delas determinar a exigência do mineral para adequada mineralização óssea de alevinos da tilápia do Nilo. Foram formuladas quatro dietas para conter níveis de 2,0; 4,0 e 6,0g kg-1 de fósforo disponível utilizando-se fosfato bicálcico e uma dieta sem suplementação (1,5g kg-1). Todas acrescidas de 1,0g kg-1 de Cr2O3. Para a determinação do coeficiente de disponibilidade do fósforo foram distribuídos 160 peixes (peso médio de 30g + 0,5) em oito aquários, alimentados com as dietas experimentais para coleta de fezes. A exigência de fósforo foi avaliada utilizando grupos de peixes com peso inicial médio de 1,2g + 0,5; sendo alimentados quatro vezes ao dia durante 90 dias até a saciedade aparente. Foram avaliados sobrevivência, ganho de peso, porcentagem de cálcio e fósforo presentes nas vértebras, concentração de fósforo presente na água, densitometria óssea (vértebras e corpo) e imagens tomográficas. As melhores respostas apresentadas pelos peixes foram entre 4,0 e 6,0g kg-1 de fósforo disponível nas dietas / Abstract: The aim of this study were to evaluate the amount of present available phosphorus in the experimental diets and through them to determine minimum requirement of the mineral for proper bone mineralization of Nile tilapia fingerlings. Four diets were formulated to contain levels of 2.0, 4.0 and 6.0 g kg-1 available phosphorus by calcium phosphate and a diet without supplementation (1.5 g kg-1). All diets were added 1,0g kg-1 Cr2O3. To determine the coefficient of phosphorus availability were distributed 160 fish (average weight 30g + 0.5) in eight tanks, fed the experimental diets for feces. The requirement of phosphorus was evaluated in fish with initial average weight of 1.2g+ 0.5, being fed four times daily for 90 days until satiation. Were evaluated survival, weight gain, percentage of calcium and phosphorus in the vertebrae, phosphorus concentration in the water, bone densitometry (vertebrae and body) and tomography images. The best responses were submitted by the fish between 4.0 and 6.0 g kg-1 of available phosphorus in the diets / Mestre
50

Fósforo disponível na mineralização óssea de alevinos da Tilápia do Nilo

Rocha, Mariucha Karina Honório Ribeiro [UNESP] 01 June 2012 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:26:01Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2012-06-01Bitstream added on 2014-06-13T19:53:53Z : No. of bitstreams: 1 rocha_mkhr_me_botfmvz.pdf: 206056 bytes, checksum: b4220d7b33a179c4a5950580e30d0d86 (MD5) / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / Universidade Estadual Paulista (UNESP) / Os objetivos desta pesquisa foram avaliar a quantidade de fósforo disponível presente em rações experimentais e por meio delas determinar a exigência do mineral para adequada mineralização óssea de alevinos da tilápia do Nilo. Foram formuladas quatro dietas para conter níveis de 2,0; 4,0 e 6,0g kg-1 de fósforo disponível utilizando-se fosfato bicálcico e uma dieta sem suplementação (1,5g kg-1). Todas acrescidas de 1,0g kg-1 de Cr2O3. Para a determinação do coeficiente de disponibilidade do fósforo foram distribuídos 160 peixes (peso médio de 30g + 0,5) em oito aquários, alimentados com as dietas experimentais para coleta de fezes. A exigência de fósforo foi avaliada utilizando grupos de peixes com peso inicial médio de 1,2g + 0,5; sendo alimentados quatro vezes ao dia durante 90 dias até a saciedade aparente. Foram avaliados sobrevivência, ganho de peso, porcentagem de cálcio e fósforo presentes nas vértebras, concentração de fósforo presente na água, densitometria óssea (vértebras e corpo) e imagens tomográficas. As melhores respostas apresentadas pelos peixes foram entre 4,0 e 6,0g kg-1 de fósforo disponível nas dietas / The aim of this study were to evaluate the amount of present available phosphorus in the experimental diets and through them to determine minimum requirement of the mineral for proper bone mineralization of Nile tilapia fingerlings. Four diets were formulated to contain levels of 2.0, 4.0 and 6.0 g kg-1 available phosphorus by calcium phosphate and a diet without supplementation (1.5 g kg-1). All diets were added 1,0g kg-1 Cr2O3. To determine the coefficient of phosphorus availability were distributed 160 fish (average weight 30g + 0.5) in eight tanks, fed the experimental diets for feces. The requirement of phosphorus was evaluated in fish with initial average weight of 1.2g+ 0.5, being fed four times daily for 90 days until satiation. Were evaluated survival, weight gain, percentage of calcium and phosphorus in the vertebrae, phosphorus concentration in the water, bone densitometry (vertebrae and body) and tomography images. The best responses were submitted by the fish between 4.0 and 6.0 g kg-1 of available phosphorus in the diets

Page generated in 0.1049 seconds