• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 166
  • 6
  • 3
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 183
  • 183
  • 164
  • 163
  • 29
  • 23
  • 21
  • 20
  • 19
  • 18
  • 17
  • 16
  • 15
  • 13
  • 13
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
41

Impressões e paisagens: na fronteira entre naturalismo, simbolismo e impressionismo

Camelim, Francine [UNESP] 17 August 2009 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:25:22Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2009-08-17Bitstream added on 2014-06-13T18:26:21Z : No. of bitstreams: 1 camelim_f_me_arafcl.pdf: 348672 bytes, checksum: 8d31877804060b37ff8c31a5ea759970 (MD5) Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) Propomo-nos aqui um estudo crítico das narrativas simbolistas de Raul Brandão (1867-1930), escritor português pertencente à geração de 1890. Tratamos de identificar, na ficção narrativa brandoniana, valores próprios do Decadentismo-Simbolismo, seja no que toca à temática predileta do autor, seja no que concerne à(s) forma(s) narrativa(s) empregadas para expressar os seus temas. Além disso, pretendemos salientar o diálogo que se estabelece dentro da própria obra de Raul Brandão, demonstrando a importância de seus primeiros escritos, presentes no livro de contos Impressões e Paisagens (1890). Tratamos, em suma, de estudar e divulgar textos literários em prosa simbolista, sobre os quais os críticos ainda não se debruçaram suficientemente. Com base na teoria do conto, em particular, e na teoria da narrativa, em geral, avaliamos a contribuição da obra de Raul Brandão no panorama da contística portuguesa, tendo por principal objeto de estudo dois contos, escolhidos para o corpus da pesquisa por serem muito significativos no seu primeiro livro: “A Maria Trolha” e “O homem do cancro”. Nestes contos, estudamos os temas abordados, os personagens retratados e o perfil estético destas narrativas que mesclam elementos naturalistas, simbolistas e impressionistas, os quais demonstram o pioneirismo brandoniano na composição fronteiriça dos seus primeiros escritos. This work proposes a critical study of the Raul Brandão’s (1867-1930) symbolist narratives. He is a Portuguese author who belongs to 1890 generation. We want to relate in the Brandão’s narrative fiction, values of Decadentism-Symbolism It could be the favorite thematic of the author or the narrative form to express his themes. Additionally, we intend to show the dialogue between the whole work of Raul Brandão, unrolling the importance of his first short-stories in the book Impressões e Paisagens (1890). Thus, we want to study and to reveal literary texts in the symbolist prose, which the critics do not search enough. Using the short-story and narrative theory to support us, we study the author’s contribution to the Portuguese narrative history. The main object of our study is two short-stories that are the most meaningful of his first book: “A Maria Trolha” and “O Homem do cancro”. Therefore, we study the presenting themes, the acting characters and the construction of the short-stories, which blended into naturalistics, symbolistics and impressionistics elements that prove to be pioneer in the bounds of his first compositions.
42

A formação do tecido discursivo em A Árvore das palavras, de Teolinda Gersão, e em A Manta do soldado, de Lídia Jorge

Mattos, Audrey Castañón de [UNESP] 25 April 2013 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:25:23Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2013-04-25Bitstream added on 2014-06-13T19:32:23Z : No. of bitstreams: 1 mattos_ac_me_arafcl.pdf: 518042 bytes, checksum: 7415bc8263824e0679bb0d9ae2dcd697 (MD5) Este trabalho analisa a formação do tecido discursivo em duas obras da ficção portuguesa pós- 1974 – A árvore das palavras (1997), de Teolinda Gersão e A manta do soldado (1998), de Lídia Jorge – por meio do exame da configuração do espaço e do tempo, entendidos em sua ligação fundamental, o cronotopo artístico-literário. Investiga, ainda, a relação entre essas obras e os discursos histórico e social, bem como o processo de construção da identidade de suas narradoras, enfatizando os procedimentos discursivos de que se lança mão nas duas obras para que o discurso narrativo reflita as questões da diegese, como as tensões que emanam de seu espaço e tempo ou os conflitos íntimos das narradoras. São examinados os procedimentos parodísticos, o uso do discurso indireto livre, o processo de desmascaramento de mitos ideológicos e a apropriação de outras linguagens, como a cinematográfica By addressing two Portuguese literary works post-1974: A árvore das palavras [The tree word] by Teolinda Gersão and A manta do soldado by Lídia Jorge – this study analyzes the formation of the discursive structure in those novels by examining the configuration of space and time under their fundamental link - the artistic literary chronotope. This work also investigates the relationship between those narratives and the historical and social discourses, as well as their narrators’ process of identity construction by emphasizing the discursive procedures that are used by these novels in order to reveal the diegesis issues, like the tension that emanates from its space and time, or the narrator’s intimate conflicts. The parodic procedures are examined as well as the use of the free indirect discourse, the process of debunking ideological myths and the appropriation of other languages such as the cinematic one
43

Máscara e representação no livro do Desassossego

Anselmo, Beatriz Moreira [UNESP] 2008 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:25:24Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2008Bitstream added on 2014-06-13T20:13:47Z : No. of bitstreams: 1 anselmo_bm_me_arafcl.pdf: 400387 bytes, checksum: 08611a39593bb7f93eac89e61bfe168b (MD5) Este trabalho tem como proposta analisar o tema da representação da literatura e do artista modernos na obra em prosa de Fernando Pessoa (1988-1935), o Livro do desassossego. Pessoa, membro ativo da primeira vanguarda modernista em Portugal, representada pela Geração de Orpheu, buscou nas primeiras décadas do século XX, ao lado de outros jovens autores, como Mário de Sá-Carneiro e Almada Negreiros, uma inovação na estética literária para o estabelecimento da literatura moderna, que só seria possível, de acordo com o pensamento do grupo, se houvesse uma revolução no plano da expressão da linguagem literária. Os jovens poetas se inspiram, para a formação de uma nova face da Literatura Portuguesa, no espírito dos movimentos estéticos que estão em voga na Europa, principalmente na França, berço das novas tendências artísticas. O pensamento que norteia o grupo é o de rompimento com as tradições literárias portuguesas. A escolha dessa obra deve-se ao fato dela representar tanto o processo de construção de uma literatura moderna que rompe com certos padrões literários que visam uma obra de arte acabada, quanto a configuração de um sujeito-autor condizente com o posicionamento e com as preocupações do artista daquela época, o qual procura expressar por meio da forma fragmentária, do conteúdo angustiante, das diversas máscaras que veste, e da apologia a uma estética do sonho e do alheamento, a sua inadaptação ao mundo moderno, no qual parece-lhe não haver lugar. This paper has as its proporsal a research about the theme of modern literature and artist’s representation in one of Fernando Pessoa’s books, the “Livro do desassossego”. Pessoa, an active member of the first modern vanguard in Portugal, represented by the “Geração de Orpheu”, in the first decades of the XX Century, with other young authors like Mário de Sá-Carneiro and Almada Negreiros, looked for an innovation in the literary aesthetic envisaging the establishment of modern literature, which would only be possible, according to the group’s thoughts, if there was a revolution in the plan of expression of literary language. The young poets inspired themselves to the creation of a new face for the Portuguese Literature, in the spirit of aesthetic movements that were going on in Europe, mainly in France, were the new artistic tendencies were born. The throught that guides the group is the breakage with the Portuguese Literary Traditions. The choice of this book is due to the fact that it represents the process of building a modern literature, which eliminates some literary standards that envisage the closed masterpiece, as well as the configuration of an author according to the behaviour and to the worries of an artist from that time. This artist tried to show, by the fragmentary structure, the agonizing content, lots of masks that he wears and by the apology of an aesthetic based on dreams and disconnection with the surrounding world, his inadequacy towards the modern world, in wich he seems not to find a place for himself.
44

Revista Colóquio/Letras (nº 1/1971-nº 169/2004) e a crítica literária: Eça de Queirós/Seção Ensaio

Ferreira, Juliana Casarotti [UNESP] 18 December 2008 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:26:52Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2008-12-18Bitstream added on 2014-06-13T20:35:03Z : No. of bitstreams: 1 ferreira_jc_me_assis.pdf: 36361530 bytes, checksum: 1ab75f2c5ca1eae4ed4e41be39b7bc63 (MD5) Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) Partindo da constatação de que a revista portuguesa Colóquio/Letras vem abrigando o que de melhor produziu a crítica literária desde seu surgimento na década de 70, esta dissertação de mestrado analisa, da perspectiva das diversas correntes críticas do século XX, o desenvolvimento do pensamento crítico dos anos 70 até a contemporaneidade. Para tanto, optou-se por eleger como corpus os artigos críticos da seção fixa “Ensaio” da Colóquio/Letras (no período de 1971 a 2004) que abordam a obra de Eça de Queirós, dada a importância do escritor no âmbito da Literatura Portuguesa. O primeiro capítulo do trabalho tem por objetivo dar ao leitor uma visão geral sobre o percurso histórico da publicação portuguesa. Por seu turno, o segundo capítulo apresenta uma síntese das mais conhecidas correntes críticas presentes no século XX, com o intuito de delimitar os principais fundamentos que as diferenciam. O terceiro capítulo investiga os diferentes métodos de crítica utilizados pelos colaboradores da Colóquio na análise da obra de Eça de Queirós. A conclusão da pesquisa sobre Eça de Queirós e a crítica literária na seção “Ensaio” da Colóquio/Letras - desde seu primeiro número - será mostrar que a avaliação de uma obra literária, por meio das diversas correntes críticas, não ocorre pelos mesmos juízos, será mostrar que cada obra artística é “reescrita” ao longo do tempo, além de confirmar a seção “Ensaio” como uma grande depositária do pensamento crítico dos anos 70 até a contemporaneidade. Starting from the statement that the Portuguese magazine Colóquio/Letras has been housing the best production of the literary criticism since its beginning in the decade of 70, this master’s dissertation analyses, from the perspective of several critical standpoints of the twentieth century, the critical thinking development from the 70s to contemporaneity. It was chosen to elect as corpus of this research the criticism articles in the regular “Ensaio” section in Colóquio/Letras, in the period from 1971 to 2004, which approaches Eça de Queirós work, given the importance of the writer in the Portuguese literature. The first chapter of this paper aims to give the reader an overview of the Portuguese publishing historical trajectory. The second chapter presents a synthesis of the best known critical standpoints in the twentieth century, in order to delimit the main reasons which differentiate them. The third chapter investigates the different methods of criticism used by Colóquio associates on Eça de Queirós work analysis. The conclusion of the research on Eça de Queirós and literary criticism in “Ensaio” section of Colóquio/Letras since its first publishing will be to present the evaluation of a literary work, through the different critical standpoints, does not occur by the same ways, which each artistic work is rewritten through time, in addition to confirm “Ensaio” section as a big depositary of critical thinking from 70s to contemporaneity.
45

Cosmopolitismo e literatura em Ferreira de Castro: imagens do Brasil e de Portugal nos romances de um português incompreendido

Assis, Rodirlei Silva [UNESP] 27 August 2008 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:32:49Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2008-08-27Bitstream added on 2014-06-13T19:03:25Z : No. of bitstreams: 1 assis_rs_dr_assis.pdf: 833827 bytes, checksum: ae0b90f957b44e18819dec97d40bc1e7 (MD5) Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) O presente trabalho tem por intuito proceder a uma análise imagológica da obra do escritor português Ferreira de Castro (1998-1974) revelando a densidade literária de uma produção que, por tempos, ficou esquecida no cânone literário português. Para tanto, foram escolhidos cinco romances dentre a lavra do referido escritor, a saber, Emigrantes (1928), A Selva (1930) e O Instinto Supremo (1968), que transfiguram literariamente espaços brasileiros e Terra Fria (1934) e A Lã e a Neve (1947), cuja ambientação ocorre em Portugal. A preferência dada aos romances neste trabalho deve-se ao fato de que, dentre toda sua profícua e diversificada produção escrita, estes são os que mantêm um labor literário mais facilmente detectável, além de promoverem, indefectivelmente, um diálogo intercultural entre Brasil e Portugal, o que faz de Ferreira de Castro autor altamente interessante aos estudos imagológicos. Iniciando sua produção estética no limiar do século XX, Ferreira de Castro não raro, é tido como escritor vinculado a movimentos e ideologias de cunho sociológico e, por isso, não tem figurado em primeiro plano no cânone literário português.Não só porque negou participação em movimentos demarcados, mas, porque julgamos que o labor literário de Ferreira de Castro encontra-se alicerçado na mais alta preocupação estética, ultrapassando quaisquer barreiras ideológicas vincadas e esquecidas com o tempo, buscamos estabelecer um diálogo imagológico entre a autoimagem portuguesa e a heteroimagem brasileira nos romances supracitados, pois, ao fim e ao cabo, desejamos salientar a relevância literária de um escritor que soube, como poucos, ser humanista e estabelecer relações interculturais sem usar de preconceitos. Ao contrário, almejava a comunhão entre os povos de culturas diferentes, espoliados em suas difíceis relações de trabalho. The present PhD Doctoral Dissertation deals with an imagological analysis on the novels by the Portuguese writer Ferreira de Castro (1898 – 1974), in order to reveal the stetical density of a literary production, which remained forgotten for a long time in the Portuguese Literature’s canon. Among his novels, one decided to select five of them: Emigrantes (1928), A Selva (1930), O Instinto Supremo (1968), which the unique literary represented setting is the Brazilian one, Terra Fria (1934) and A Lã e a Neve (1947), that bring the reader the Portuguese landscapes as main settings. One choosed the mentioned Ferreira de Castro’s novels as corpus of this Doctoral Disseration, because they manifest an effective literary labor in their internal elaboration. Besides we can affirm that all of them promote an intercultural dialogue between Brazil and Portugal,which makes Ferreira de Castro an exceptional writer for the imagological studies. Ferreira de Castro initiates his career as writer at the beginning of the 20th century.Particularly because of this. Castro is not rarely vinculated with sociological and ideological struggles, facts that positions him on the second step of the Portuguese Literature’s canon. Ferreira de Castro regrets many times participations on vanguardist movements, which forces to turn one´s face also to very highly literary struggles present among the studied novels. As a matter of fact, one cannot consider Castro’s literary works as demarked ideological ones, that could be forgotten with the time, because the stetical worries are more relevant and important in his texts. In this dissertation, one establishes an imagological dialogue between the Portuguese self-images and the Brazilian hetero-images existent in the analysed novels. One aims in this research to prove the literary relevance of an author, who knew like no one to be humanist writer and to establish intercultural relationships without using prejudices.
46

As faces de Deus na obra de um ateu - José Saramago

Oliveira, Salma Ferraz de Azevedo de [UNESP] 5 April 2002 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:32:49Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2002-04-05Bitstream added on 2014-06-13T19:43:35Z : No. of bitstreams: 1 oliveira_sfa_dr_assis.pdf: 681198 bytes, checksum: cc6edb014a8ccdeed507a8a607ff436a (MD5) A presente pesquisa tem por objetivo central efetivar uma análise da temática Deus na ficção narrativa de José Saramago, procurando questionar em sua obra romanceada (Terra do Pecado, Memorial do Convento, História do Cerco de Lisboa e Evangelho Segundo Jesus Cristo) quais serão os perfis de Deus delineados ali. Partimos do pressuposto que estes perfis são construídos baseados na relação conflituosa e fértil dos textos de Saramago com a Bíblia, com as tradições e dogmas religiosos, fundamentados também no tenso diálogo entre Literatura e Teologia, uma constante em suas obras. Nesse estudo procuraremos responder às seguintes perguntas: De que maneira o tema Deus estrutura e incita sua obra literária? Sob que aspecto esse tema é um elemento integrador em seus livros transformando-se num pretexto fértil para sua criação literária? Qual a forma como esse tema é tratado em seus romances que formam o corpus central do nosso trabalho? Qual a sedução que esse tema exerce sobre o romancista? Qual o discurso literário sobre Deus em sua obra? Até que ponto a estrutura literária das obras do autor está impregnada pelo Deus do cristianismo? This research has as its central purpose the effectuation of an analysis of the God thematic in José Saramago's narrative fiction, trying to ask which will be the faces of God delineated in his romanced work. We started from the conjecture that these profiles are constructed based on the fertile and conflicting relationship between José Saramago's texts and the Bible, the traditions and religious dogmas, and also founded on the tense dialogue between Literature and Theology, which is a constant in his works. In this study we will try to answer the following questions: In which way the subject God structuralizes and stirs up his literary work? Under what aspect is this subject an integrating element in his books becoming a fertile excuse for his literary creation? In what way is this subject treated in his novels which form the central corpus of our work? What is the literary content about God in his work? Up to what level is the literary structure of the author's work impregnated by the God of christianism?
47

Casa de silêncio, Mar de solidão: o espaço literário nos contos de Orlanda Amarílis e de Sophia de M. B. Andresen

Grecco, Fabiana Miraz Freitas [UNESP] 16 December 2014 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2015-05-14T16:53:21Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2014-12-16Bitstream added on 2015-05-14T16:58:58Z : No. of bitstreams: 1 000822833.pdf: 2453782 bytes, checksum: ba7c64617b53f02ca5782537f30cbceb (MD5) A presente pesquisa teve por objetivo comparar os espaços dos contos da escritora caboverdiana Orlanda Amarílis e da poeta e escritora portuguesa Sophia de Mello Breyner Andresen. A partir das leituras de seus manuscritos e das versões dos seus contos dispersos em antologias e revistas literárias, propusemos a elaboração de um texto que pretendesse estabelecer um espaço comum entre essas obras, que têm em sua estrutura a preocupação obstinada com o espaço literário. Os desdobramentos das análises, pautadas nas noções de heterotopias e nos mecanismos de funcionamento do espaço na narrativa fantástica, resultaram na presença de um espaço comum entre a casa e o mar, habitados pelo silêncio e pela solidão This study aimed to compare the spaces of the short stories of Cape Verdean writer Orlanda Amarilis and Portuguese writer and poet Sophia de Mello Breyner Andresen. From the readings of theirs manuscripts and versions of his tales scattered in anthologies and literary magazines we proposed the drafting of a text wishing to establish a common ground between these works, which has in the literary space its stubborn preoccupation. The outcomes of the analysis, guided the notions of heterotopias and workings of space in fantastic narrative resulted in the presence of a common space between the house and the sea, inhabited by silence and solitude
48

O autor segundo ele mesmo: a escrita de si em Cadernos de Lanzarote, de José Saramago

Fernandes, Fernanda Buzzon [UNESP] 2 February 2015 (has links)
Made available in DSpace on 2015-07-13T12:10:20Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2015-02-02. Added 1 bitstream(s) on 2015-07-13T12:25:24Z : No. of bitstreams: 1 000834064_20170101.pdf: 261863 bytes, checksum: d528752c9301841592d54a3900891217 (MD5) Bitstreams deleted on 2017-01-02T15:03:49Z: 000834064_20170101.pdf,. Added 1 bitstream(s) on 2017-01-02T15:05:07Z : No. of bitstreams: 1 000834064.pdf: 810228 bytes, checksum: c2d5fd70516939b6f850de197b9998ca (MD5) A dissertação analisa as transgressões temático-formais empreendidas pelo escritor português José Saramago, nas obras Cadernos de Lanzarote (1998a) e Cadernos de Lanzarote II (1999), em relação ao diário, sobretudo em sua modalidade inautêntica, caracterizada por uma construção menos espontânea, em razão da publicação - divulgação a leitores diversos do diarista-, que a modifica formal e tematicamente, bem como em referência ao diálogo com o público. O primeiro capítulo tem como centro a genealogia do diário. O segundo é dedicado à apreciação crítica de Cadernos de Lanzarote. As transgressões genéricas e as vozes autorais são consideradas no terceiro capítulo. O propósito desta dissertação é discutir como, em oposição aos diários tradicionais, a obra autorreferencial do escritor português é pública, e não privativa, apresentando características particulares quanto aos paradigmas do gênero. Para alcançar tal propósito, a dissertação procura fornecer uma apresentação teórica mais detalhada do diário, contemplando-o desde sua origem - há aproximadamente 3.000 a.C., concomitantemente à invenção da escrita - até a contemporaneidade, ocasião em que se verifica a revolução promovida pela web 2.0 na escritura autorreferencial The dissertation analyzes the thematic and formal transgressions undertaken by Portuguese writer José Saramago, in the works Cadernos de Lanzarote (1998a) and Cadernos de Lanzarote II (1999), in relation to the diary, especially in its inauthentic mode, featured by a less spontaneous construction, because of the publication - disclosure to many readers completely different from the diarist - that changes it formal and thematically, and in reference to the dialogue with the audience. The first chapter is about the genealogy of the diary. The second is devoted to critical appreciation of Cadernos de Lanzarote. Generic transgressions, the authorship voices are considered in the third chapter. The purpose of this paper is to discuss how, as opposed to traditional journals, the self-referential work of Portuguese writer is public, not private, with particular characteristics regarding gender paradigms. To achieve this purpose, the dissertation seeks to provide a more detailed theoretical presentation of the diary, contemplating it from its origin - there were about 3,000 BC, concomitantly with the invention of writing - until nowadays, when it occurs the revolution brought by Web 2.0 I the self-referential writing
49

O Ano da Morte de Ricardo Reis: a literatura como uma possibilidade de olhar para o passado. O Ano da Morte de Ricardo Reis: the literature as a possibility to look at the past.

Oliveira, Raíza Brustolin de 18 March 2016 (has links)
Submitted by Miriam Lucas (miriam.lucas@unioeste.br) on 2017-08-25T14:45:43Z No. of bitstreams: 2 Raíza Oliveira 2016.pdf: 909068 bytes, checksum: 95f617b734c8a27d4055b533fbb4992f (MD5) license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) Made available in DSpace on 2017-08-25T14:45:43Z (GMT). No. of bitstreams: 2 Raíza Oliveira 2016.pdf: 909068 bytes, checksum: 95f617b734c8a27d4055b533fbb4992f (MD5) license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) Previous issue date: 2016-03-18 Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES Considering that the literature has an impact on society and is influenced by it, this research has the general objective to analyze how literature presents itself as an opportunity for historic resumed. This are intertwined other goals as: Understanding the relation between literature and history; as it is a novel of historical nature, and mainly historiographical metafiction; and as the historical aspect is addressed in Saramago´s work The Year of the Death of Ricardo Reis. Thus, taking into consideration that the object contained two kinds of knowledge, literary and historical, research shows interdisciplinarity as research methodology. Thus, with regard to methodology, this research includes a qualitative and interdisciplinary literature. In this sense, the work begins with the presentation of the concept of grounded interdisciplinary mainly Pombo (2008) and Casanova (2006). Then discusses the relationship between literature and history showing that both are close and the first, and the second, also presents a perspective on the past, this reflection will be based on the approaches of Lenhardt and Pesavento (1998) and Hayden White (1994). Then, in the second chapter we study the historical nature of novels from Lukacs's approach (2011) and historiographical metafiction Linda Hutcheon (1991). This route provides a better analysis of the work The Year of the Death of Ricardo Reis, written by José Saramago, in the third chapter, which is historiographical metafiction, proposes a historical and critical perspective of the 1936 European in order to illustrate how the literature looks to the past. In this analysis of the historicity of the work, it is observed mainly three elements: the omniscient narrator intrusive, the character Ricardo Reis - fruit of intertextuality with Fernando Pessoa - and intertextuality with the news from newspapers of the time. Thus, it seeks to make clear that the literature as well as history, can contribute to the vision that one has of the past. Tendo em vista que a Literatura exerce impacto na sociedade, bem como é influenciada por ela, a presente pesquisa tem como objetivo geral analisar como a Literatura apresenta-se como uma possibilidade de retomada histórica. Neste estão imbricados outros objetivos como: Compreender qual a relação entre Literatura e História; como se constitui um romance de cunho histórico, e principalmente uma metaficção historiográfica; e como o aspecto histórico é abordado na obra saramagueana O Ano da Morte de Ricardo Reis. Assim, levando em consideração que no objeto constam dois tipos de conhecimento, o literário e o histórico, a investigação apresenta a interdisciplinaridade como metodologia de pesquisa. Assim, no que concerne à metodologia, a presente investigação abarca uma pesquisa bibliográfica qualitativa e interdisciplinar. Nesse sentido, o trabalho tem início com a apresentação do conceito de interdisciplinaridade embasado principalmente em Pombo (2008) e Casanova (2006). Em seguida discute - se a relação entre Literatura e História mostrando que ambas são próximas e a primeira, assim como a segunda, também apresenta uma perspectiva sobre o passado, essa reflexão terá como base as abordagens de Lenhardt e Pesavento (1998) e Hayden White (1994). Então, no segundo capítulo estuda-se os romances de cunho histórico por meio da abordagem de Lukács (2011) e da metaficção historiográfica de Linda Hutcheon (1991). Este percurso propicia uma melhor análise da obra O Ano da Morte de Ricardo Reis, de autoria de José Saramago, no terceiro capítulo, que sendo uma metaficção historiográfica, propõe uma perspectiva histórica e crítica do ano de 1936 europeu, a fim de exemplificar como a literatura olha para o passado. Nesta análise da historicidade da obra, observa-se, principalmente três elementos: o narrador intruso onisciente, o personagem Ricardo Reis – fruto da intertextualidade com Fernando Pessoa – e a intertextualidade com as notícias de jornais da época. Deste modo, busca-se deixar claro que a Literatura, assim como a História, pode contribuir para a visão que se tem do passado.
50

O insólito em "A confissão de Lúcio" de Mario de Sá-Carneiro

Kazan, Neide Medeiros 29 August 2010 (has links)
Made available in DSpace on 2016-03-15T19:45:10Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Neide Medeiros Kazan.pdf: 573888 bytes, checksum: 220c64e6661173164e65b0478a5c96e8 (MD5) Previous issue date: 2010-08-29 Fundo Mackenzie de Pesquisa The purpose of this dissertation is to analyze A confissão de Lúcio (Lucio‟s confession), a narrative by Mário de Sá-Carneiro. This study will be based on the theory of the double and the fantastic applied in the process of the narrative construction. An investigation of the role of the first-person narrator in this novel is also aimed at, because, in this narrative, he is presented as trustworthy, but narrates his own story revealing a questionable memory. Concerning the theory of the double, this work will be analyzed based, mainly, on Otto Rank s and Freud s theories, and relating to the fantastic, the support will come from Todorov s conceptions. The double theme appears in the narrative especially in the creation of an unexpected love triangle, composed by Lúcio, Ricardo and his enigmatic wife (Ricardo s supposedly double), which makes it possible for the reader to have more than one strange understanding of the adventure experienced and narrated by Lúcio. O propósito desta dissertação é fazer uma análise de A confissão de Lúcio, narrativa de Mário de Sá-Carneiro, a partir da aplicação da teoria do duplo e do fantástico no processo de construção da narrativa, não deixando ainda de mencionar a função exercida pelo narrador de 1ª pessoa, pois ele se apresenta como confiável, mas narra sua história a partir de uma memória que é questionável. Quanto ao duplo, a obra será analisada com base, principalmente, nos estudos teóricos de Otto Rank e Freud e, com relação ao fantástico, o apoio advirá das concepções de Todorov. O tema do duplo aparece na referida obra, em especial na criação de um insólito triângulo amoroso, composto por Lúcio, Ricardo e sua enigmática esposa, que, supostamente, constitui uma duplicação do marido, fato que possibilita mais de uma leitura da estranha aventura narrada por Lúcio.

Page generated in 0.0934 seconds