• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 228
  • 4
  • 4
  • 4
  • 4
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 232
  • 129
  • 128
  • 113
  • 78
  • 56
  • 49
  • 48
  • 47
  • 46
  • 46
  • 42
  • 40
  • 39
  • 31
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Prazer e eudaimonia no Filebo / Pleasure and eudaimonia in the Philebus

Araujo, Gabriela Messias de January 2017 (has links)
ARAÚJO, Gabriela Messias de. Prazer e eudaimonia no Filebo. 2017. 103 f. Dissertação (Mestrado em Filosofia)- Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2017. / Submitted by sebastiao barroso (jrwizard2209@hotmail.com) on 2017-07-20T17:43:39Z No. of bitstreams: 1 2017_dis_gmaraujo.pdf: 936406 bytes, checksum: b7a5d70dd327c95859156d9c87534b93 (MD5) / Approved for entry into archive by Jairo Viana (jairo@ufc.br) on 2017-07-21T19:59:40Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2017_dis_gmaraujo.pdf: 936406 bytes, checksum: b7a5d70dd327c95859156d9c87534b93 (MD5) / Made available in DSpace on 2017-07-21T19:59:40Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2017_dis_gmaraujo.pdf: 936406 bytes, checksum: b7a5d70dd327c95859156d9c87534b93 (MD5) Previous issue date: 2017 / The aim this work is to investigate in what sense is it possible to conceive of the pleasure in view of eudaimonia in the search for the Good in the Philebus Plato's dialogue. The platonic’s thought about pleasure takes different positions in different dialogues, ranging from a suspicious look, to finally have his deeply discussed and recognized place in the good life. Therefore, we must first turn to the tradition that precedes Plato, since the theme of pleasure recurs in Greek thought, and in turn filled with questions that also permeate platonic philosophy. In this sense, firstly Classical Greece will be visited, since the traditional culture conceived its foundations in the corners and epic poems, lyrical and tragic, and these in turn, the pleasure is a theme often, where there is a constant concern in living a pleasant life. Yet in order to understand the pleasures to the Platonic thought, it will be a brief investigation in Empedocles and Democritus physical. Then the different postures for the pleasure in Plato will be raised, to finally reach the Philebus, with the necessary luggage for better understanding of this topic often discussed. Thus, Plato extends its investigation into the pleasures through dialectics, in order to identify the place of pleasure in eudaimonica life. / O intuito desta dissertação é investigar em que sentido é possível conceber o prazer em vista da eudaimonia na busca pelo Bem no diálogo Filebo de Platão. O pensamento platônico sobre o prazer assume distintas posturas em diferentes diálogos, que oscilam desde um olhar suspeito, até finalmente ter seu lugar profundamente discutido e reconhecido na vida boa. Para tanto, é preciso inicialmente recorrer à tradição que precede Platão, uma vez que, o tema do prazer é recorrente no pensamento grego e, por sua vez, repleto de questões que também permeiam a filosofia platônica. Neste sentido, primeiramente a Grécia Clássica será visitada, uma vez que, a cultura tradicional concebia seus alicerces nos cantos e poemas épicos, líricos e trágicos. Nestes, por sua vez, o prazer é tematizado amiúde, pois há uma preocupação constante em viver uma vida prazerosa. Ainda com o intuito compreender os prazeres até o pensamento platônico, será feita uma breve investigação acerca dos físicos Empédocles e Demócrito. Em seguida, serão levantadas as distintas posturas referentes ao prazer em Platão, para finalmente chegar ao Filebo, com a bagagem necessária para melhor apreensão deste tema tantas vezes discutido. Assim, Platão amplia sua investigação acerca dos prazeres por meio da dialética, com o intuito de identificar o lugar do prazer na vida eudaimonica.
2

A noção de "sentimento de vida" em escritos do sr. professor Kant

Rocha, Leandro José January 2017 (has links)
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Filosofia, Florianópolis, 2017. / Made available in DSpace on 2018-02-06T03:15:59Z (GMT). No. of bitstreams: 1 349453.pdf: 1519251 bytes, checksum: d2df511bc4c764905ec9f816f26d0d85 (MD5) Previous issue date: 2017 / Esta tese sustenta que, em Kant, há três modos de sentimento de vida: o animal, o humano e o espiritual. O sentimento de vida está relacionado com o prazer e o desprazer. A vida está relacionada com uma capacidade básica da alma de determinar suas forças. A alma sente uma representação, determinando suas forças para manter a presente representação ou dispersá-la. Na corporalidade do animal, tal efeito da alma é sentido como um prazer e como um desprazer. O prazer e o desprazer com uma representação são orientados pela concordância da representação com um plano oculto da natureza, o que remete a algo para além do mero animal que sente. Os três modos de se sentir vivo estão relacionados com os casos do agradável, dos juízos estéticos e do bom. / Abstract : According to this thesis, in Kant there are three modes of feeling of life: the animal, the human and the spiritual. The feeling of life is related to pleasure and displeasure. Life is related to a basic capacity of the soul to determine its forces. The soul feels a representation, determining its forces to maintain the present representation or to disperse it. In the corporeality of the animal, such effect of the soul is felt as a pleasure as well as a displeasure. Pleasure and displeasure towards a representation are oriented by the compliance of that representation with a hidden plan of nature, which refers to something beyond the mere animal that feels. The three modes of feeling alive are related to the cases of the agreeable, the aesthetic judgments and the good.
3

As representações da violência e suas relações com a religião, o feio, o medo e o grotesco: atração e repulsa nas telas de cinema

Silva, José Carlos Gomes da 28 February 2012 (has links)
Submitted by Milena Dias (milena.dias@ufpe.br) on 2015-03-05T19:32:59Z No. of bitstreams: 2 DISSERTAÇÃOJOSÉCARLOS.pdf: 2404299 bytes, checksum: 0471a1896451ddf220e3dd47f11a686e (MD5) license_rdf: 1232 bytes, checksum: 66e71c371cc565284e70f40736c94386 (MD5) / Made available in DSpace on 2015-03-05T19:32:59Z (GMT). No. of bitstreams: 2 DISSERTAÇÃOJOSÉCARLOS.pdf: 2404299 bytes, checksum: 0471a1896451ddf220e3dd47f11a686e (MD5) license_rdf: 1232 bytes, checksum: 66e71c371cc565284e70f40736c94386 (MD5) Previous issue date: 2012-02-28 / Os meios de comunicação estão repletos de imagens de pobreza e violência que juntamente com a denúncia de crimes tornaram-se quase um gênero jornalístico, despertando um interesse cada vez maior em todas as camadas sociais. Esse filão não poderia passar despercebido pela indústria cultural, fazendo com que o fenômeno começasse a ser explorado não apenas como uma questão social, mas também como um produto, um espetáculo para atrair o público. Hoje, toda a indústria cultural vem utilizando imagens fortes, sangue e adrenalina na emissão de suas mensagens. Este trabalho faz uma análise das manifestações violentas veiculadas pela indústria cinematográfica que tem produzido verdadeiros campeões de bilheteria explorando esse tema. O enfoque será dado aos filmes que fazem uma relação direta entre a violência e as representações do feio, do medo e do grotesco em obras que são consideradas verdadeiros ícones do cinema mundial e que atraem uma legião cada vez maior de fãs. A intenção é entender como esse tipo de experiência atrai e, ao mesmo tempo, cria repulsa nos telespectadores. A violência e a dor como um espaço lúdico de atrações, seu lado desejável e fashion, com estímulos sensoriais próximos do alucinatório, são, portanto, os focos deste trabalho.
4

Design experiencial em ambientes digitais : um estudo do uso de experiências em web sites e junto a designers e usuários de internet

RIBEIRO, Marcos Buccini Pio January 2006 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T16:31:00Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo4405_1.pdf: 2160818 bytes, checksum: 15947de26f252a07290974d666bfba16 (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2006 / O ser humano não separa emoção e cognição, mesmo quando se trata do ato de utilizar ou comprar um produto. Este é um dos motivos pelos quais profissionais das áreas de criação de produtos e interfaces começam a considerar como parte do processo de criação as emoções e prazeres do usuário. Desta maneira, palavras como sentimento, emoção, experiência, prazer e beleza passaram a ter mais importância em pesquisas de usabilidade e marketing. Entretanto, pesquisas neste campo ainda são escassas e os esforços concentram-se na área de projeto de produto, havendo ainda poucos trabalhos no campo do design gráfico e digital. Este estudo visa contribuir para o preenchimento desta lacuna no conhecimento, buscando identificar as categorias de experiências que o design pode proporcionar, e averiguar como os profissionais e os usuários de web sites percebem o design experiencial. O desenvolvimento deste estudo teve início com um levantamento teórico, abordando os conceitos de experiência e de design experiencial, o contexto da experiência e teorias do campo do design e de outras áreas do conhecimento, que contribuíram para o entendimento do design experiencial. Com base na fundamentação teórica, elaborou-se um esquema, objetivando o auxílio à compreensão dos diversos fatores que participam da experiência do usuário com o produto. A pesquisa conduzida no âmbito deste estudo foi dividida em 3 fases: levantamento bibliográfico, análise do uso do design experiencial em web sites e focus group com designers da área de internet e usuários. Os principais resultados obtidos levam a acreditar que o design pode proporcionar um conjunto de diferentes experiências aos usuários de um web site, o que contribui para valorizar produtos e serviços, aumentando a eficácia na conquista destes
5

O prazer na escola

Pascoal, Miriam 26 June 1998 (has links)
Orientador: Maria Ines Fini / Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Educação / Made available in DSpace on 2018-07-23T23:35:18Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Pascoal_Miriam_D.pdf: 15628615 bytes, checksum: 79b893306bc196651ee3e464f3076629 (MD5) Previous issue date: 1998 / Resumo: O presente trabalho consiste num estudo sobre o prazer na escola, a partir de uma experiência profissional de vinte e cinco anos na rede pública escolar paulista. O objetivo é provocar reflexões sobre a presença/ausência do prazer na totalidade dos procedimentos escolares e no trabalho com o conhecimento, apresentando para isso, além de uma ampla discussão sobre a política educacional brasileira, especificamente a paulista, fatores interferentes no processo educativo de várias ordens: fatores de ordem sócio-econômica, política e cultural, fatores de ordem relacional, fatores de ordem afetivo- emocional, fatores de ordem estrutural e organizacional e fatores de ordem didático-pedagógica. O estudo serve de alerta para a necessidade de proporcionar aos alunos oportunidades para a vivência do prazer, como elemento que influi no acesso e permanência da criança, jovem e adulto na escola. A partir da necessidade de vivências escolares prazerosas, apresenta uma Proposta Educacional voltada ao prazer, como alternativa para diminuição dos índices de evasão, retenção e indisciplina / Abstract: The present work consists of a study on the pleasure m the school, stating from a twenty-five year-old professional experience in the school public net from Sao Paulo. The objective is to provoke reflections on the presence/absence of the pleasure in e totality of the school procedures and in the w ork with the owledge, presenting for that, besides a wide discussion on the Brazilian educational politics, specifically &om Sao Paulo, interfering factors in the educational process of several orders: factors of socioeconomic, politics and cultural order, factors of relational order, factors of ective-emotional order, factors of strucial and organizacional order and factors of didactic-pedagogic order. The study serves of alert for the need as providing to the students opporties for the existence of the pleasure, as element that fluences in the access and the permanence of the child, teenager and adult in the schooi. Stag from the need of school pleasure existence, it presents an Educatio Proposal lcd to the pleasure, as alternative for the decrease of the escape, retention and misbehavior indexes / Doutorado / Politicas de Educação e Sistemas Educativos / Doutor em Educação
6

Análise da dicotomia sofrimento e prazer na função gerencial feminina

Menda, Patrícia Buksztejn January 2004 (has links)
Trata-se de uma pesquisa exploratório-descritiva que tem como questão norteadora o impacto do prazer e do sofrimento na função gerencial feminina. O problema de pesquisa constituiu-se em saber como o prazer e o sofrimento aparecem na vida profissiona l e familiar das mulheres que ocupam cargos gerenciais. Os dados foram coletados através de entrevistas semi-estruturadas com seis mulheres que ocupam cargos de gerência ou direção em várias áreas de trabalho, por um tempo mínimo de cinco anos. Para a análise das respostas às questões das entrevistas, utilizou-se a metodologia da análise de conteúdo temática. Os resultados são apresentados em três conjuntos de categorias: dezenove Categorias Iniciais, posteriormente reagrupadas em sete Categorias Intermediárias e, por último, sintetizadas nas Categorias Finais: A mulher e a conciliação entre trabalho e família, A mulher e o sofrimento e O gênero e o futuro da mulher. Os resultados obtidos apontam para uma importância na busca da conciliação entre a vida familiar e a vida profissional da mulher, especialmente no que se refere ao relacionamento com os filhos. A pesquisa também indica as causas da geração do sofrimento em relação ao trabalho e como isso influencia a vida pessoal das mulheres gerentes, além de discutir questões de gênero no mundo do trabalho.
7

Análise da dicotomia sofrimento e prazer na função gerencial feminina

Menda, Patrícia Buksztejn January 2004 (has links)
Trata-se de uma pesquisa exploratório-descritiva que tem como questão norteadora o impacto do prazer e do sofrimento na função gerencial feminina. O problema de pesquisa constituiu-se em saber como o prazer e o sofrimento aparecem na vida profissiona l e familiar das mulheres que ocupam cargos gerenciais. Os dados foram coletados através de entrevistas semi-estruturadas com seis mulheres que ocupam cargos de gerência ou direção em várias áreas de trabalho, por um tempo mínimo de cinco anos. Para a análise das respostas às questões das entrevistas, utilizou-se a metodologia da análise de conteúdo temática. Os resultados são apresentados em três conjuntos de categorias: dezenove Categorias Iniciais, posteriormente reagrupadas em sete Categorias Intermediárias e, por último, sintetizadas nas Categorias Finais: A mulher e a conciliação entre trabalho e família, A mulher e o sofrimento e O gênero e o futuro da mulher. Os resultados obtidos apontam para uma importância na busca da conciliação entre a vida familiar e a vida profissional da mulher, especialmente no que se refere ao relacionamento com os filhos. A pesquisa também indica as causas da geração do sofrimento em relação ao trabalho e como isso influencia a vida pessoal das mulheres gerentes, além de discutir questões de gênero no mundo do trabalho.
8

Análise da dicotomia sofrimento e prazer na função gerencial feminina

Menda, Patrícia Buksztejn January 2004 (has links)
Trata-se de uma pesquisa exploratório-descritiva que tem como questão norteadora o impacto do prazer e do sofrimento na função gerencial feminina. O problema de pesquisa constituiu-se em saber como o prazer e o sofrimento aparecem na vida profissiona l e familiar das mulheres que ocupam cargos gerenciais. Os dados foram coletados através de entrevistas semi-estruturadas com seis mulheres que ocupam cargos de gerência ou direção em várias áreas de trabalho, por um tempo mínimo de cinco anos. Para a análise das respostas às questões das entrevistas, utilizou-se a metodologia da análise de conteúdo temática. Os resultados são apresentados em três conjuntos de categorias: dezenove Categorias Iniciais, posteriormente reagrupadas em sete Categorias Intermediárias e, por último, sintetizadas nas Categorias Finais: A mulher e a conciliação entre trabalho e família, A mulher e o sofrimento e O gênero e o futuro da mulher. Os resultados obtidos apontam para uma importância na busca da conciliação entre a vida familiar e a vida profissional da mulher, especialmente no que se refere ao relacionamento com os filhos. A pesquisa também indica as causas da geração do sofrimento em relação ao trabalho e como isso influencia a vida pessoal das mulheres gerentes, além de discutir questões de gênero no mundo do trabalho.
9

Muito Prazer!? discussões sobre sexualidade, gênero e educação sexual a partir da análise de revistas femininas e masculinas /

Pastana, Marcela. January 2014 (has links)
Orientador: Ana Cláudia Bortolozzi Maia / Banca: Dolores Aronovich Aguero / Banca: Paulo Rennes Marçal Ribeiro / Resumo: A educação sexual é um processo que ocorre por toda a vida e envolve diferentes instâncias como a família, a escola, o meio social e os meios de comunicação. Os materiais midiáticos participam no aprendizado sobre sexualidade e gênero e transmitem continuamente padrões e modelos idealizados de feminilidade, de masculinidade, de corpo, de relacionamentos amorosos, de sociabilidade e de práticas sexuais, com muitas imagens e mensagens que afirmam a importância de aproveitar a vida, de divertir-se, de buscar a felicidade e o prazer. Neste sentido, torna-se importante a discussão sobre a forma repressiva como o prazer, ao invés de ser compreendido como um campo de múltiplas possibilidades, passa a ser visto como uma exigência, um dever a ser cumprido, um imperativo acompanhado de modelos normativos sobre como deve ser buscado e sentido. Um dos marcadores que atravessam a construção desses modelos normativos é os padrões de gênero, de forma que a divisão binária entre feminilidade e masculinidade é naturalizada e colocada como determinante de quais serão os gostos, interesses, sentimentos, desejos e prazeres dos sujeitos. Nesta pesquisa qualitativa-descritiva documental foi realizada a análise de conteúdo das edições publicadas em fevereiro de 2012 de 14 revistas femininas e masculinas (Nova, Boa Forma, Women's Health, Tpm, Capricho, Atrevida, Todateen, Playboy, Sexy, Vip, Men's Health, Trip, Júnior e G) com o objetivo de identificar o que é representado como prazeroso pelas publicações e de que forma os prazeres valorizados variam de acordo com a segmentação por gênero. A partir da análise foi possível identificar que nas revistas femininas predomina um ideal de "viver bem", relacionado à busca pelo equilíbrio, pela autoestima e pelo cultivo de si mesma e das próprias relações, de modo que os prazeres valorizados com mais frequência foram o cuidado com a beleza e com o corpo, o relacionamento... / Abstract: Sexual education is a process that occurs during all life and involves different instances such as the family, the school, the social environment and the media. The media materials participate in the learning process about sexuality and gender and transmit continuously idealized patterns and models of femininity, masculinity, body, love relationships, sociability and sexual practices, with many images and messages that affirm the importance of enjoying life, having fun, searching for happiness and pleasure. Considering this, it becomes important to discuss about the repressive way by which pleasure, instead of being comprehended as a field of multiple possibilities, is seen as an exigency, a duty to be performed, an imperative followed by normative models about what has to be aimed and felt. One of the markers that pervades the construction of these normative models is the gender patterns, in a way that the binary division between femininity and masculinity is naturalized and put as a determinant of what will be the subjects' preferences, interests, feelings, desires and pleasures. In this qualitative-descriptive documental research, it was conducted the content analysis of the editions published in February 2012 of 14 feminine and masculine magazines (Nova, Boa Forma, Women's Health, Tpm, Capricho, Atrevida, Todateen, Playboy, Sexy, Vip, Men's Health, Trip, Júnior and G), with the objective of identifying what is represented as pleasurable by the publications and how the pleasures represented as positive vary according to the gender segmentation. Based on the analysis, it was possible to identify that in feminine magazines there is the predominance of a "living well" ideal, related to the search for harmony, self-esteem and to the care of oneself and of one's own relations, what is related to the fact that the pleasures valued most frequently were the care about the beauty and the body... / Mestre
10

Muito Prazer!? discussões sobre sexualidade, gênero e educação sexual a partir da análise de revistas femininas e masculinas / Too much pleasure?! discussions about sexuality, gender and sexual education from the analysis of feminine and masculine magazines

Pastana, Marcela [UNESP] 16 June 2014 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2015-03-03T11:52:34Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2014-06-16Bitstream added on 2015-03-03T12:06:27Z : No. of bitstreams: 1 000806219.pdf: 5726885 bytes, checksum: 0d6a87c667fc6b618f5f51d6f4d7acf9 (MD5) / A educação sexual é um processo que ocorre por toda a vida e envolve diferentes instâncias como a família, a escola, o meio social e os meios de comunicação. Os materiais midiáticos participam no aprendizado sobre sexualidade e gênero e transmitem continuamente padrões e modelos idealizados de feminilidade, de masculinidade, de corpo, de relacionamentos amorosos, de sociabilidade e de práticas sexuais, com muitas imagens e mensagens que afirmam a importância de aproveitar a vida, de divertir-se, de buscar a felicidade e o prazer. Neste sentido, torna-se importante a discussão sobre a forma repressiva como o prazer, ao invés de ser compreendido como um campo de múltiplas possibilidades, passa a ser visto como uma exigência, um dever a ser cumprido, um imperativo acompanhado de modelos normativos sobre como deve ser buscado e sentido. Um dos marcadores que atravessam a construção desses modelos normativos é os padrões de gênero, de forma que a divisão binária entre feminilidade e masculinidade é naturalizada e colocada como determinante de quais serão os gostos, interesses, sentimentos, desejos e prazeres dos sujeitos. Nesta pesquisa qualitativa-descritiva documental foi realizada a análise de conteúdo das edições publicadas em fevereiro de 2012 de 14 revistas femininas e masculinas (Nova, Boa Forma, Women’s Health, Tpm, Capricho, Atrevida, Todateen, Playboy, Sexy, Vip, Men’s Health, Trip, Júnior e G) com o objetivo de identificar o que é representado como prazeroso pelas publicações e de que forma os prazeres valorizados variam de acordo com a segmentação por gênero. A partir da análise foi possível identificar que nas revistas femininas predomina um ideal de “viver bem”, relacionado à busca pelo equilíbrio, pela autoestima e pelo cultivo de si mesma e das próprias relações, de modo que os prazeres valorizados com mais frequência foram o cuidado com a beleza e com o corpo, o relacionamento... / Sexual education is a process that occurs during all life and involves different instances such as the family, the school, the social environment and the media. The media materials participate in the learning process about sexuality and gender and transmit continuously idealized patterns and models of femininity, masculinity, body, love relationships, sociability and sexual practices, with many images and messages that affirm the importance of enjoying life, having fun, searching for happiness and pleasure. Considering this, it becomes important to discuss about the repressive way by which pleasure, instead of being comprehended as a field of multiple possibilities, is seen as an exigency, a duty to be performed, an imperative followed by normative models about what has to be aimed and felt. One of the markers that pervades the construction of these normative models is the gender patterns, in a way that the binary division between femininity and masculinity is naturalized and put as a determinant of what will be the subjects’ preferences, interests, feelings, desires and pleasures. In this qualitative-descriptive documental research, it was conducted the content analysis of the editions published in February 2012 of 14 feminine and masculine magazines (Nova, Boa Forma, Women’s Health, Tpm, Capricho, Atrevida, Todateen, Playboy, Sexy, Vip, Men’s Health, Trip, Júnior and G), with the objective of identifying what is represented as pleasurable by the publications and how the pleasures represented as positive vary according to the gender segmentation. Based on the analysis, it was possible to identify that in feminine magazines there is the predominance of a “living well” ideal, related to the search for harmony, self-esteem and to the care of oneself and of one’s own relations, what is related to the fact that the pleasures valued most frequently were the care about the beauty and the body...

Page generated in 0.0589 seconds