Return to search

Diversity and distribution patterns of order Zoantharia (Cnidaria: Anthozoa)

Orientadora : Prof. Dr. Marcelo Visentini Kitahara / Orientadora : Prof. Dr. James Davis Reimer / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Terra, Programa de Pós-Graduação em Sistemas Costeiros e Oceânicos. Defesa: Pontal do Paraná, 10/12/2015 / Inclui referências / Linha de pesquisa: Biologia e ecologia de sistemas oceânicos e costeiros / Resumo: Os padrões de diversidade nos oceanos são foco de teorias ecológicas e evolutivas. Estudos correlacionando dados filogenéticos e da distribuição de organismos permitem corroborar essas teorias que explicam os processos geradores da diversidade marinha. A compreensão desses processos também auxilia prever as consequências de eventos tais como alterações climáticas e bioinvasões Os animais da ordem Zoantharia (Cnidaria: Anthozoa) são encontrados da zona entremarés até profundidades abissais em todos oceanos. Zoantários formam extensas colônias, as quais servem de proteção e alimento para outros organismos. Apesar de serem um grupo de animais abundantes e cosmopolitas, dados sobre a distribuição das espécies ainda são escassos em diversos locais. Por exemplo, até a realização desta dissertação não haviam estudos investigando as espécies de Zoantharia da costa brasileira e sua distribuição nessa província. A falta de investigações sobre a diversidade do grupo é causada principalmente pela dificuldade de identificação das espécies, as quais apresentam uma grande plasticidade morfológica. Para solucionar essa dificuldade, estudos acoplando dados moleculares e taxonômicos mostram ser uma excelente forma de identificar esses animais. Dados moleculares também acresceram no conhecimento sobre a história evolutiva da ordem Zoantharia, um dos grupos que divergiram mais basais em Metazoa. Até o momento não foram estimadas relações filogenéticas do grupo utilizando todos as famílias/genêros com dados disponíveis em bases de dados tais como o GenBank. Em adição, dados moleculares indicam um relacionamento estreito entre espécies de zoantário dos oceanos Atlântico e Pacífico/Índico, entretanto nenhum trabalho investigou quais são são esses pares de espécie e que processos podem ter gerado esse padrão. O objetivo desta dissertação é contribuir na elucidação de padrões evolutivos nos oceanos, utilizando como modelo os zoantários. Nós analisamos as relações filogenéticas da ordem Zoantharia em dois aspectos complementares: 1) grandes clados e 2) espécies geneticamente próximas. Adicionalmente, nós relacionamos esses dados com ecologia e zoogeografia do grupo. No primeiro capítulo, a relação filogenética entre todas as famílias de Zoantharia é analisada em conjunto com as principais características ecológicas de cada clado. O segundo capítulo examina a diversidade e distribuição de zoantários no Atlântico sudeste, preenchendo a lacuna de conhecimento sobre o grupo na costa brasileira. Os resultados desse capítulo são utilizados também na investigação das espécies próximas de zoantários entre as duas bacias oceânicas (Oceano Atlântico e oceanos Pacífico e Índico) no terceiro capítulo. / Abstract: Diversity patterns in the oceans are focus of ecological and evolutionary theories. Studies correlating phylogenetic and distribution data of species allow support these theories which explain the processes generators of marine diversity. Undestand these processes also allow predict the consequences of events such as climate changes and bioinvasons. Animals of the order Zoantharia (Cnidaria: Anthozoa) occur from intertidal to abissal zones in all oceans. Species of the group are able to form extensive colonies that serve as shelter and food resource to other organisms. Althought zoantharian are abundant and cosmopolitan, distribution species data are still scass in several localities. For example, until the present research, there were no studies on Zoantharia species in brazilian coast. The lack of investigation of the group diversity is mostly due to the difficulties in species identification, which present a high interspecific morphological variability. In order to overcome this problem, studies using both morphological and molecular data have proven to be an excellent way to identify species. Molecular data have also provide a better knowledge on the evolution history of the group, however, there is no estimarion of phylogenetic relationships between all the genera with data avaialable in data bases such as GenBank. Moreover, molecular data indicated a close-related relationship between species on Atlantic Ocean and Pacific/Indian oceans, but no study have investigation which are these species. The goal of this dissertation is contribute in the elucidation of evolutionary patterns in the oceans, using as a model the zoantharians. We analyze phylogenetic relationships of the order Zoantharia in two complementary aspects: 1) large clades 2) close-related species. Furthemore, we linked these data with ecology and zoogeograpy of the group. In the first chapter, phylogenetic relationships between all Zoantharia families is analyzed along with their ecological traits. The second chapter examine diversity and distribution of zoantharians in southwest Atlantic, filling the gap of Zoantharia diversity in Brazil. Data of this study is also used in the investifation of close- related species between the two ocean basins (Atlantic Ocean and Pacific/Indian oceans) on the third chapter.

Identiferoai:union.ndltd.org:IBICT/oai:dspace.c3sl.ufpr.br:1884/41121
Date January 2015
CreatorsSantos, Maria Eduarda Alves dos
ContributorsReimer, James Davis, Universidade Federal do Paraná. Setor de Ciências da Terra. Centro de Estudos do Mar. Programa de Pós-Graduação em Sistemas Costeiros e Oceânicos, Kitahara, Marcelo Visentini
Source SetsIBICT Brazilian ETDs
LanguagePortuguese
Detected LanguagePortuguese
Typeinfo:eu-repo/semantics/publishedVersion, info:eu-repo/semantics/masterThesis
Format1 v. : il., application/pdf
Sourcereponame:Repositório Institucional da UFPR, instname:Universidade Federal do Paraná, instacron:UFPR
Rightsinfo:eu-repo/semantics/openAccess
RelationDisponível em formato digital

Page generated in 0.1437 seconds