Return to search

Caracterização geotécnica de campo experimental para avaliação do método não destrutivo da resistência elétrica em solo grampeado

Orientador : Prof. Dr. Sidnei Helder Cardoso Teixeira / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Tecnologia, Programa de Pós-Graduação em Construção Civil. Defesa: Curitiba, 17/02/2017 / Inclui referências : f. 116-123 / Resumo: Estruturas de contenção com solo grampeado são amplamente utilizadas ao longo de rodovias e ferrovias a fim de estabilizar taludes em corte e prover a segurança dos usuários. O acompanhamento periódico do estado de conservação dessas estruturas é essencial para garantir seu desempenho, no entanto, por serem elementos enterrados, são limitados a inspeções visuais. A utilização de métodos não destrutivos (MND) para avaliar a condição atual da contenção é uma prática que vem sendo estudada em âmbito nacional e internacional devido à simplicidade e facilidade de execução, evitando ensaios de arrancamento. O Método da Resistência Elétrica permite identificar diferentes comprimentos de barras e falhas no preenchimento da calda de cimento, e apresenta potencial de utilização por ser uma técnica comparativa entre a resistência de grampos próximos. O presente estudo compreende a caracterização geológica-geotécnica de uma área em que será executada uma contenção experimental com solo grampeado. Foram realizadas medições preliminares de resistência elétrica em campo e em laboratório para avaliação da metodologia. O campo experimental apresentou variação lateral de resistência elétrica provavelmente pela heterogeneidade do solo e presença de nível de lençol freático. A resistência e resistividade elétrica testada em laboratório reduziu com o aumento do teor de umidade, aumentou com maiores índices de vazios, e apresentou correlação com o limite de liquidez. Palavras-chave: Campo experimental. Solo grampeado. Métodos não destrutivos. Resistência elétrica. / Abstract: Retaining structures with soil nailing are commonly used along highways and railways, in order to stabilize slopes and provide safety to its users. Periodic monitoring of these structures state of conservation is essential to ensure their performance however, being buried elements are limited to visual inspections. The use of non-destructive methods for checking the quality of soil nailing is a practice that has been studied in the national and international scope due to its simplicity and facility of execution, avoiding pullout tests. The Electrical Resistance Method is a technique that allows evaluating the length of the nails and incomplete grouting, and presents potential of use by a comparative technique between resistances of close nails. The present study comprises a geological-geotechnical characterization of an area the experimental field. Preliminary electrical resistance measurements were performed in the field and in the laboratory to evaluate methodology. The experimental field showed lateral variation of electrical resistance due soil heterogeneity and presence of groundwater level. The electrical resistivity tested in the laboratory reduced with increasing umid content, increased with higher water content and correlated with the liquid limit. Key words: Experimental field. Soil nails. Nondestructive methods. Electrical resistance.

Identiferoai:union.ndltd.org:IBICT/oai:dspace.c3sl.ufpr.br:1884/53003
Date January 2017
CreatorsMikos, Ana Paula
ContributorsUniversidade Federal do Paraná. Setor de Tecnologia. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Construção Civil, Teixeira, Sidnei Helder Cardoso
Source SetsIBICT Brazilian ETDs
LanguagePortuguese
Detected LanguagePortuguese
Typeinfo:eu-repo/semantics/publishedVersion, info:eu-repo/semantics/masterThesis
Format141 p. : il., mapas, gráfs., tabs., application/pdf
Sourcereponame:Repositório Institucional da UFPR, instname:Universidade Federal do Paraná, instacron:UFPR
Rightsinfo:eu-repo/semantics/openAccess
RelationDisponível em formato digital

Page generated in 0.0025 seconds