Return to search

Informações ambientais das empresas de capital aberto no Ceará : análise de conteúdo à luz da teoria da legitimidade / INFORMATION ENVIRONNEMENTALE DES ENTREPRISES Capitaux ouverts à Ceara: ANALYSE DE CONTENU POUR LUMIÈRE DE LA THÉORIE DE LEGITIME (Inglês)

Made available in DSpace on 2019-03-29T23:45:01Z (GMT). No. of bitstreams: 0
Previous issue date: 2013-08-22 / This dissertation deals with the dissemination of environmental information by
publicly held companies in Northeast Brazil (Ceara State). The theoretical
background includes legitimacy theory, sustainable development, environmental
management and accounting. It started from the hypothesis that fear of public
reaction towards reaction towards adverse environmental impacts is the reason for
publicly held companies to spread environmental information. Its dissemination is
handled as a qualitative parameter for environmental accounting with a focus on
public acceptance. The interaction between environmental accounting and
environmental management for companies conceives a prior knowledge of future
negative impacts on their equity, if environment is not considered on their decisionmaking
concerning natural resources usage and the extent of its environmental
impacts. The research was conducted in Ceara among thirteen publicly held
companies with shares in the stock market. Its methodology comprises a descriptive
research outlining documental and content analysis. As methodological resources,
the study selected categories and subcategories already mentioned in other
mentioned researches. Analyses were performed with the contribution of Atlas-TI 7.0
software. As a conclusion, the study revealed that the fear against negative impacts
is the main motivator for companies to disseminate environmental information,
confirming the main hypothesis.
Keywords: Environmental information. Environmental Accounting. Environmental
Management. Legitimacy Theory. Northeast Brazil (Ceara). / Este trabalho trata da divulgação de informações ambientais pelas empresas de
capital aberto no Ceará. O embasamento teórico contou com estudos de teoria da
legitimidade, desenvolvimento sustentável, gestão ambiental, contabilidade
ambiental e informações ambientais. Partiu-se da hipótese inicial de que o medo da
reação do público de interesse, ante impactos ambientais negativos, é a razão para
as empresas de capital aberto divulgarem informações ambientais. A divulgação de
informações ambientais é tratada como parâmetro qualitativo para a contabilidade
ambiental, com foco na aceitação do público de interesse. A interação da
contabilidade ambiental com a gestão ambiental concebe para as empresas um
conhecimento prévio dos impactos negativos no seu patrimônio, caso não considere
o meio ambiente em suas decisões acerca do uso dos recursos naturais e do grau
dos impactos ambientais. A pesquisa foi realizada em treze empresas de capital
aberto no Ceará, com ações na Bolsa de Valores. Metodologicamente, trata-se de
uma pesquisa descritiva com delineamento documental e análise de conteúdo.
Como recursos metodológicos, foram selecionadas categorias e subcategorias já
analisadas em outros estudos. A análise foi feita com a contribuição do Atlas-ti 7.0.
Como conclusão, o estudo revelou que o medo ante impacto é o principal motivador
para a divulgação de informações ambientais, confirmando a hipótese central.
Palavras-chave: Informações Ambientais. Contabilidade Ambiental. Gestão
Ambiental. Teoria da Legitimidade. Ceará.

Identiferoai:union.ndltd.org:IBICT/oai:dspace.unifor.br:tede/92306
Date22 August 2013
CreatorsDuarte, Ruth Gonçalves
ContributorsOliveira, Francisco Correia de, Oliveira, Marcelle Collares de, Oliveira, Francisco Correia de, Bugarim, Maria Clara Cavalcante
PublisherUniversidade de Fortaleza, Mestrado Em Administração de Empresas, UNIFOR, Brasil, Centro de Ciências da Comunicação E Gestão
Source SetsIBICT Brazilian ETDs
LanguagePortuguese
Detected LanguagePortuguese
Typeinfo:eu-repo/semantics/publishedVersion, info:eu-repo/semantics/masterThesis
Sourcereponame:Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da UNIFOR, instname:Universidade de Fortaleza, instacron:UNIFOR
Rightsinfo:eu-repo/semantics/openAccess
Relation6047824762126999537, 500, 500, -4438513205011272166

Page generated in 0.0055 seconds