Return to search

A utilização de índices de fluxo de caixa no ranking das empresas Melhores e Maiores / The use of cash flows indexes on the “Maiores e Melhores” firms ranking

Submitted by Ednei Pereira (ednei@face.ufg.br) on 2012-05-03T01:59:39Z
No. of bitstreams: 1
Camilla Paula Fernandes.pdf: 394605 bytes, checksum: 302854f8bcf299b008ae586047cd4fde (MD5) / Rejected by Claudia Moura (claudiamoura18@gmail.com), reason: Favor indicar a data da defesa e em citação a referencia bgrafica e se possível o título em ingles. on 2012-05-16T14:51:21Z (GMT) / Submitted by Ednei Pereira (ednei@face.ufg.br) on 2012-06-01T03:00:33Z
No. of bitstreams: 1
Camilla Paula Fernandes.pdf: 394605 bytes, checksum: 302854f8bcf299b008ae586047cd4fde (MD5) / Approved for entry into archive by Claudia Moura (claudiamoura18@gmail.com) on 2012-06-05T18:06:22Z (GMT) No. of bitstreams: 1
Camilla Paula Fernandes.pdf: 394605 bytes, checksum: 302854f8bcf299b008ae586047cd4fde (MD5) / Made available in DSpace on 2012-06-05T18:06:22Z (GMT). No. of bitstreams: 1
Camilla Paula Fernandes.pdf: 394605 bytes, checksum: 302854f8bcf299b008ae586047cd4fde (MD5)
Previous issue date: 2011-12-12 / Haja vista a atual harmonização das normas contábeis, justificada pela globalização das
organizações, o mercado empresarial torna-se acirradamente competitivo. Nesse cenário, as empresas brasileiras, aderindo a esse processo de convergência contábil internacional, precisaram adaptar-se a avançados conceitos contábeis. Um desses insere-se na Lei 11.638/07, que tornou obrigatória a publicação da Demonstração dos Fluxos de Caixa pelas empresas brasileiras. Distinta de demonstrações tradicionais, como o Balanço Patrimonial e a Demonstração do Resultado, baseadas no regime de competência, a Demonstração dos Fluxos de Caixa é baseada no regime de caixa, e portanto traz para a contabilidade uma perspectiva diferente de análise e interpretação do desempenho da empresa. Nesse assunto, a Revista Exame, publica anualmente uma edição especial com o ranking das Melhores e Maiores empresas do país, utilizando como indicador de desempenho das mesmas, sua respectiva receita bruta. Além disso, a EXAME, fornece adicionalmente em seu sítio, rankings baseados em índices criados a partir de demonstrações tradicionais. Tais rankings, não consideram os possíveis efeitos de indicadores baseados no fluxo de caixa. Dessa forma, esta pesquisa objetiva verificar se a inclusão de índices baseados no fluxo de caixa em três rankings específicos do sítio da EXAME, modifica sua classificação já existente. Para isso foram analisadas as empresas contidas nos referidos rankings que divulgaram suas demonstrações no sítio da BM&FBOVESPA, tornando possível o cálculo de indicadores de fluxo de caixa dessas empresas. Em seguida foi comparado os três rankings da Revista Exame, com os três rankings criados por esta pesquisa, e verificou-se se houve alteração na posição das empresas. A pesquisa constatou que houve mudança na classificação de grande parte das empresas analisadas.

Identiferoai:union.ndltd.org:IBICT/oai:repositorio.bc.ufg.br:ri/243
Date12 December 2011
CreatorsFernandes, Camilla Paula
Source SetsIBICT Brazilian ETDs
LanguageSpanish
Detected LanguagePortuguese
Typeinfo:eu-repo/semantics/publishedVersion, info:eu-repo/semantics/doctoralThesis
Sourcereponame:Repositório Institucional da UFG, instname:Universidade Federal de Goiás, instacron:UFG
Rightsinfo:eu-repo/semantics/openAccess

Page generated in 0.0017 seconds