Return to search

Gestão da qualidade no Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco : uma proposta de modelo para excelência na Administração Pública

Made available in DSpace on 2014-06-12T18:36:28Z (GMT). No. of bitstreams: 2
arquivo7958_1.pdf: 832177 bytes, checksum: d421223538a0957b8adf33b6e80810da (MD5)
license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5)
Previous issue date: 2003 / A Reforma Administrativa propõe um Estado voltado para a administração
gerencial, determinando cortes, em especial de funcionários, quando se extrapolar o
limite máximo de gastos com pessoal, sem, no entanto, propor alternativas de gestão
para a qualidade.
A Lei de Responsabilidade Fiscal refere-se ao equilíbrio das finanças públicas,
transparência na gestão, impondo sanções aos gestores públicos, quando do seu
descumprimento, entretanto, relega o aspecto social e não propõe, de fato, a
implantação de ferramentas administrativas que visem a excelência do desempenho.
Sendo assim, antes de se pensar em um novo Estado com menos funcionários a
servir à população, que seja concretizado um Estado onde os gestores tenham a devida
consciência pelo zelo do patrimônio público, trabalhando na busca de uma gestão por
excelência, onde os servidores sejam devidamente qualificados no exercício de sua
profissão: prestar serviços de qualidade à sociedade. E também onde as ações sejam
desenvolvidas com vistas à eficiência e eficácia dos resultados, gerando satisfação aos
usuários internos e externos. Dessa forma, pois, chegaremos a uma gestão pública
eficiente e eficaz, rompendo o paradigma burocrático em direção ao equilíbrio das
finanças públicas e à satisfação da sociedade.
E é neste contexto que se insere a atuação do Tribunal de Contas do Estado de
Pernambuco, enquanto órgão público que necessita se modernizar, através de
ferramentas administrativas e gerenciais que possam lhe propiciar qualidade nos
serviços que presta à sociedade, nas suas informações e nos seus servidores, pois é
bem verdade que cada vez mais lhe são exigidas eficácia e eficiência nas suas ações.
Através de pesquisas de campo, tanto interna como externa à instituição,
verificando ainda possíveis implementações de Programas de Qualidade em outros
Tribunais de Contas do país, aliadas aos conceitos existentes sobre a matéria,
formulamos no final do trabalho uma proposta de modelo de Programa de Qualidade
para o Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco

Identiferoai:union.ndltd.org:IBICT/oai:repositorio.ufpe.br:123456789/7867
Date January 2003
CreatorsFARIAS, Roseane Milanez de
ContributorsFALK, James Anthony
PublisherUniversidade Federal de Pernambuco
Source SetsIBICT Brazilian ETDs
LanguagePortuguese
Detected LanguagePortuguese
Typeinfo:eu-repo/semantics/publishedVersion, info:eu-repo/semantics/masterThesis
Sourcereponame:Repositório Institucional da UFPE, instname:Universidade Federal de Pernambuco, instacron:UFPE
Rightsinfo:eu-repo/semantics/openAccess

Page generated in 0.4072 seconds