Return to search

Análise de fatores explicativos para o comportamento assimétrico dos custos em ambiente regulado

Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio-Econômico, Programa de Pós-Graduação em Contabilidade, Florianópolis, 2015. / Made available in DSpace on 2016-04-19T04:13:47Z (GMT). No. of bitstreams: 1
337670.pdf: 484806 bytes, checksum: e2199de568ab6169b9610f08488dab96 (MD5)
Previous issue date: 2015 / O presente estudo tem como objetivo identificar a influência de fatores explicativos para o comportamento assimétrico dos custos nas empresas brasileiras inseridas em um ambiente regulado com capital negociado na BM&FBOVESPA. Tais empresas estão sujeitas à regulação de seus preços pelas agências reguladoras, o que cria uma pressão para manter suas estruturas de custos enxutas. Neste sentido, coletou-se as informações publicadas nas demonstrações financeiras de tais companhias entre 1994 e 2014 e, por meio da análise de dados em painel, verificou-se o comportamento do Custo dos Produtos Vendidos (CPV), do Total das Despesas e Custos Totais, para as variações da Receita Líquida de Vendas, bem como a influência dos fatores: otimismo e pessimismo dos gestores, intensidade da folha de pagamento, grau de imobilização e custos de agência. Os resultados apontam que os três grupos de custos analisados apresentam comportamento assimétrico, De forma que o CPV e os Custos Totais seguem a lógica dos anti-sticky costs, enquanto o Total das Despesas segue a lógica dos sticky costs. Ainda que haja assimetria nos três grupos, essa acontece de forma discreta, o que corrobora os estudos anteriores. Quanto aos fatores explicativos, observa-se que os custos de agência não apresentam significância para as empresas objeto da análise. No entanto, otimismo e pessimismo dos gestores, intensidade da folha de pagamento e grau de imobilização contribuem para a diminuição da assimetria para o CPV e Custos Totais. De forma contrária, o Total das Despesas contribui para o aumento da assimetria. Apesar dos resultados contrariarem os estudos internacionais, especificamente em relação aos fatores explicativos, apresentam coerência com o setor objeto de análise, uma vez que, espera-se menor assimetria, devido a adequação da estrutura de custos.<br> / Abstract : This study seeks to ascertain the influence of explanatory factors concerning asymmetric cost behavior in Brazilian companies both operating in a regulated environment and with equity capital traded on the São Paulo Stock Exchange. This, given that such companies are subject to pricing regulations by corresponding agencies which, in contrast to conventional market conditions, creates a pressure to maintain lean cost structures. Toward this end, information published in the financial statements of these firms between 1994 and 2014 was collected. By way of panel data analysis, the behaviors of Cost of Goods Sold (COGS), Total Expenses and Total Costs vis-à-vis changes in Net Sales Revenues were shown, as was the influence of the following factors: manager optimism and pessimism, payroll intensity, the fixed assets to total assets ratio and agency costs. The results show that the three items pertaining to cost behave asymmetrically, as COGS and Total Costs display anti-sticky, and Total Expenses sticky, behavior. Regardless, these asymmetries occur in a subtle manner, which corroborates the findings of prior studies. In respect to explanatory factors, agency costs were not shown to be significant in the companies analyzed; however, manager optimism and pessimism, payroll intensity and the fixed assets to total assets ratio lead to decreases in asymmetry in COGS and Total Costs. Conversely, Total Expenses contributes to increases in asymmetry. Despite the fact that these results differ from those of international studies on the topic, particularly in relation to explanatory factors, they are consistent with the industry in question, in light of the expectation that cost structures be adapted to reduce asymmetry.

Identiferoai:union.ndltd.org:IBICT/oai:repositorio.ufsc.br:123456789/160726
Date January 2015
CreatorsKremer, Aline Willemann
ContributorsUniversidade Federal de Santa Catarina, Borgert, Altair
Source SetsIBICT Brazilian ETDs
LanguagePortuguese
Detected LanguagePortuguese
Typeinfo:eu-repo/semantics/publishedVersion, info:eu-repo/semantics/masterThesis
Format[84] p.| il., tabs.
Sourcereponame:Repositório Institucional da UFSC, instname:Universidade Federal de Santa Catarina, instacron:UFSC
Rightsinfo:eu-repo/semantics/openAccess

Page generated in 0.0029 seconds