Return to search

Escherichia coli enterotoxigenica : sobrevivencia e enterotoxipatogenicidade, em pescado mantido em baixas temperaturas

Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Ciencias agrarias / Made available in DSpace on 2012-10-16T02:46:16Z (GMT). No. of bitstreams: 0 / Avaliou-se a sobrevivência de duas linhagens de escherichia coli enterotoxigênica (etec) produtoras de toxina termo-estável (ETEC-ST) etermo-labil (ETEC-LT), inoculadas experimentalmente em corvina (Micropongon sp) fresca e mantida a temperatura de refrigeração doméstica. A avaliação de sobrevivência destas linhagens foi feita pelas metodologias de reparação - líquida e sólida - visando a recuperação de células injuriadas. O teste de camundongo recém nascido (CRN) e de hemaglutinação indireta foram utilizadas para as determinações de toxinas ST e LT, respectivamente. Os resultados comprovaram a recuperação de células ETEC-ST e ETEC-LT por longos períodos de armazenagem, mantidas a 7oC e a - 0,5o C respectivamente. A metodologia de reparação sólida provou ser mais eficiente do que a líquida. Foi comprovado, também, que a produção das toxinas LT e ST, manteve-se constante durante todo o período de armazenamento.

Identiferoai:union.ndltd.org:IBICT/oai:repositorio.ufsc.br:123456789/75603
Date January 1990
CreatorsAlor, Felix Alejandro Ruiz
ContributorsUniversidade Federal de Santa Catarina, Machado, Rubem Abreu
Source SetsIBICT Brazilian ETDs
Detected LanguagePortuguese
Typeinfo:eu-repo/semantics/publishedVersion, info:eu-repo/semantics/masterThesis
Format49f.| il
Sourcereponame:Repositório Institucional da UFSC, instname:Universidade Federal de Santa Catarina, instacron:UFSC
Rightsinfo:eu-repo/semantics/openAccess

Page generated in 0.0071 seconds