Return to search

Densidade de estocagem de lambari (Astyanax altiparanae) em tanques-rede / Density of storage (astyanax altiparanae) in cages

Made available in DSpace on 2016-08-17T18:39:44Z (GMT). No. of bitstreams: 1
4573.pdf: 2386349 bytes, checksum: 7ed71a71bbb8a21974731217325807a0 (MD5)
Previous issue date: 2011-12-13 / Financiadora de Estudos e Projetos / With the increased interest in growing native fish species the tetra has been highlighted nationally in the marketing of fish facing the two niche markets: as a snack in bars and restaurants and other natural bait for sport fishing. Therefore, studies on the stocking density are needed for better understanding in response to performance than can affect the growth, nutrition and animal behavior. This study aimed to evaluate the economic viability and growth performance of the tetra (Astyanax altiparanae) in cages, subjected to different stocking rates. The experiment was conducted on the premises of the UPD Pirassununga, APTA Pole Central East, in cages of 1m3, villages in densities: 250,450 and 600 fish per tank with 4 repetitions. The temperature, water clarity, dissolved oxygen an pH were daily measured. The tetra were fed extruded commercial diet containing 36%of protein. The experiment lasted 57 days and monthly samples were collected to evaluate the development and adjust amount of feed. To verify the significance between treatment means was used Tukey s test at 5% probability. The results showed increasing linear effect for variable total biomass (p<0,05) as opposed to the linear effect (p<0,05) for average consumption of feed as well as weight gain, average final length and final weight medium according to the increase of stocking density. The physic-chemical parameters remained at adequate levels. It is concluded that stocking density affects the development of juveniles of tetra and the density of persons over fishes/m³. Can still be used in the cultivation of 600 fishes/m³ tetra juveniles in cages, resulting in higher total biomass, although they result in smaller populations. / Com o aumento do interesse no cultivo de espécies de peixes nativos, o lambari tem se destacado nacionalmente na comercialização de pescado frente à dois nichos de mercado: um como petiscos em bares e restaurantes e outro como isca natural para a pesca esportiva. Sendo assim, estudos referentes à densidade de estocagem se fazem necessários para um melhor entendimento frente ao desempenho produtivo que pode afetar o crescimento, a alimentação e o comportamento dos animais. Neste estudo, objetivou-se avaliar a viabilidade econômica e o desempenho produtivo do lambari (Astianax altiparanae) em tanquesrede, submetidos à diferentes densidades de estocagem. O experimento foi conduzido nas instalações da UPD de Pirassununga, Pólo APTA Centro-Leste, em tanques-redes de 1m3, povoados nas densidades de: 250, 400 e 600 peixes por tanque com 4 repetições. A temperatura, transparência da água, oxigênio dissolvido e o pH foram aferidos diariamente.Os lambaris foram alimentados com ração comercial extrusada contendo 36% de proteína bruta. O experimento durou 57 dias e mensalmente foram realizadas biometrias para avaliar o desenvolvimento e o ajuste da quantidade de ração. Para verificar a significância entre as médias dos tratamentos foi utilizado o teste de Tukey, ao nível de 5% de probabilidade. Os resultados mostraram efeito linear crescente para variável de biomassa total (p<0,05) em oposição ao efeito linear decrescente (p<0,05) para consumo médio de ração, assim como ganho de peso médio, comprimento final médio e peso final médio conforme aumento da densidade de estocagem. Os parâmetros físicoquímicos permaneceram em níveis adequados. Conclui-se que a densidade de estocagem afeta o desenvolvimento dos juvenis de lambari e que a densidade de 300 peixes/m3proporciona indivíduos maiores. Ainda pode-se utilizar 600 peixes/m3 no cultivo de juvenis de lambari em tanque-rede, resultando em maior biomassa total, apesar de resultarem em populações menores.

Identiferoai:union.ndltd.org:IBICT/oai:repositorio.ufscar.br:ufscar/7003
Date13 December 2011
CreatorsCosta, Beatriz Braun
ContributorsDias, Luciana Thie Seki
PublisherUniversidade Federal de São Carlos, Programa de Pós-graduação em Biotecnologia, UFSCar, BR
Source SetsIBICT Brazilian ETDs
LanguagePortuguese
Detected LanguagePortuguese
Typeinfo:eu-repo/semantics/publishedVersion, info:eu-repo/semantics/masterThesis
Formatapplication/pdf
Sourcereponame:Repositório Institucional da UFSCAR, instname:Universidade Federal de São Carlos, instacron:UFSCAR
Rightsinfo:eu-repo/semantics/openAccess

Page generated in 0.004 seconds