Return to search

Efeito inibitório do Ebselen, do Disseleneto de Difenila e do Ditelureto de Difenila sobre a atividade da LDH de mamíferos / Inhibitory effect of ebselen, diphenyl disselenide, diphenyl diteluride on LDH activity from mammals

Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior / Ebselen is a seleno compound whose antioxidant properties have been
attributed to its thiol-peroxidase and thioredoxin-like activity: it decomposes
peroxides at the expense of reduced thiols. However, the excessive oxidation of
thiols can be potentially toxic when it is not associated with peroxides
degradation. Thus, this work investigated if LDH can be a possible in vitro target
to toxicity of ebselen in comparison with diphenyl diselenide and diphenyl
ditelluride, two antioxidant organochalcogens that can easily interact with thiol in
exchange reaction. LDH inhibition was tested in homogenates from rat liver and
heart, and in purified LDH from rabbit muscle. Ebselen was the most potent
inhibitor of LDH. A maximal inhibitory effect was obtained at 2 μM to LDH
purified and at 20 μM to LDH from heart and liver homogenates. Moreover,
diphenyl diselenide followed by diphenyl ditelluride also presented a significant
inhibitory effect on LDH activity. In addition, we observe that DTT was able to
revert the inhibition of LDH induced by all compounds tested, confirming the
involvement of essential thiol groups on LDH inhibition by organocalchogens. In
conclusion, our results show that liver and heart LDH may be a possible target
for toxicity of organochalcogens at relative low concentrations. However, the
protection afforded by substrates may hide this potential molecular target of
organochalcogenides. Our results also indicate that the use of LDH as a marker
of cell viability may be biased by a direct inhibitory effect of ebselen or other
chalcogenides on LDH, resulting in false protection in in vitro system. / O Ebselen é um composto de selênio o qual tem suas propriedades
antioxidantes atribuídas à sua atividade mimética da tiorredoxina e tiolperoxidase:
ele decompõe peróxidos à custa de tióis reduzidos. Contudo, a
oxidação excessiva de tióis pode ser potencialmente tóxica quando não esta
associada com a degradação de peróxidos. Assim, este trabalho investiga se a
LDH pode ser um possível alvo à toxicidade do ebselen, em comparação com o
disseleneto de difenila e o ditelureto de difenila, dois organocalcogênios
antioxidantes que podem facilmente interagir com grupos tiol. A inibição da
LDH foi testada em homogeneizados de fígado e coração de ratos, e em LDH
purificada de músculo de coelhos. O Ebselen foi o mais potente inibidor da
LDH. O seu efeito inibitório máximo foi obtido com 2 μM para a LDH purificada
e 20 μM para a LDH de homogeneizados de fígado e coração de ratos. Além
disso, o disseleneto de difenila, seguido do ditelureto de difenila, também
apresentaram efeito inibitório significativo sobre a atividade da LDH. Em
adição, observou-se que o DTT foi capaz de reverter a inibição da LDH
induzida pelos compostos testados, confirmando o envolvimento de grupos tiol
essenciais da LDH no processo de inibição pelos organocalcogênios. Em
conclusão, estes resultados mostram que a LDH de fígado e coração pode ser
um possível alvo para a toxicologia de organocalcogênios a doses relativamente baixas. Nossos resultados também indicam que o uso da LDH
como um marcador de viabilidade celular pode ser mascarada por um efeito
inibitório direto do ebselen, ou outros calcogênios, sobre a LDH, resultando em
uma falsa proteção em um sistema in vitro.

Identiferoai:union.ndltd.org:IBICT/oai:repositorio.ufsm.br:1/11096
Date09 February 2009
CreatorsLugokenski, Thiago Henrique
ContributorsPereira, Maria Ester, Rocha, João Batista Teixeira da, Barbosa, Nilda Berenice de Vargas, Loro, Vania Lucia
PublisherUniversidade Federal de Santa Maria, Programa de Pós-Graduação em Ciências Biológicas: Bioquímica Toxicológica, UFSM, BR, Bioquímica
Source SetsIBICT Brazilian ETDs
LanguagePortuguese
Detected LanguagePortuguese
Typeinfo:eu-repo/semantics/publishedVersion, info:eu-repo/semantics/masterThesis
Formatapplication/pdf
Sourcereponame:Repositório Institucional da UFSM, instname:Universidade Federal de Santa Maria, instacron:UFSM
Rightsinfo:eu-repo/semantics/openAccess
Relation200800000002, 400, 500, 500, 500, 500, 500, 01f81ef8-370b-4663-a6f5-346c4c2115cc, 31545eab-c86c-4b7a-8a80-ac940a0e681f, 4a2aa8a7-cae4-4911-ab61-026ad02d6520, 51dd8038-260e-45c0-a23b-964111b21ed8, 301a3550-6b95-45aa-be7f-19ffad13abc4

Page generated in 0.0016 seconds