Return to search

Contribuição ao estudo de um esquema poliquimioterapico : efeitos sobre linfocitos de sangue periferico, provenientes de pacientes com carcinoma de mama

Orientador: Regina de Castro Bicudo Pisani / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Biologia / Made available in DSpace on 2018-07-17T03:09:41Z (GMT). No. of bitstreams: 1
Bottcher-Luiz_Fatima_M.pdf: 2833589 bytes, checksum: bb679a5a7a02e43a0b449c341f6b8a06 (MD5)
Previous issue date: 1989 / Resumo: O presente estudo teve como objetivo principal avaliar o potencial tóxico das drogas que compõem o esquema CMF (Ciclofosfamida, metotrexato e 5-fluoruracila), sobre os linfócitos de sangue periférico, provenientes de pacientes com carcinoma de mama em estadio clínico II ou III, mastectomizadas, e que se utilizaram desse esquema como tratamento adjuvante pós-cirúrgico. Para tanto, foram realizadas coletas de sangue periférico de 13 pacientes, em quatro ocasiões pré-estabelecidas: antes do 1º ciclo de quimioterápicos, 30 minutos após a aplicação do mesmo, antes da aplicação do 4º ciclo e uma coleta final feita 6 a 9 meses após o término do tratamento protocolado. O grupo controle foi constituído de 29 indivíduos sadios, com Idade entre 20 e 45 anos, e que não se utilizaram de qualquer medicação nos últimos três meses anteriores à coleta do sangue periférico. Após a cultura dos leucócitos por 72 horas, o material foi preparado segundo as técnicas convencionais de citogenética, para a avaliação do índice mitótico (IM) e estudo cromossômico. Paralelamente, uma duplicata de cada cultura foi utilizada para a realização dos esfregaços e posterior avaliação da transformação blástica (TB). Os resultados obtidos possibilitaram o estabelecimento de valores médios percentuais para o grupo controle, de 66% para a TB, 15% para o IM, 1% para as aberrações numéricas e 4% para as aberrações estruturais. Nesse grupo, a presença do plasma autólogo revelou-se importante na expressão das variáveis TB e IM, cujos percentuais estiveram sempre aumentados, quando comparados aos cuItivos realizados na ausência do mesmo. As pacientes apresentaram, antes de iniciarem o tratamento, percentuais de TB não diferidos estatisticamente do controle, enquanto que os de IM estavam em média, inferiorizados em relação a este. Nesse grupo (antes do 1º ciclo) verificou-se a existência de dois comportamentos distintos, no que se refere à atuação do plasma autólogo: um com resposta blastogênica semelhante ao controle e outro com resposta aumentada nas culturas onde o plasma autólogo estava ausente. Esses dados sugerem a existência de algum fator inibidor da resposta, presente no plasma dessas pacientes. Logo após a aplicação do primeiro ciclo, os percentuais de TB permaneceram inalterados, mas os valores de IM mostraram-se sensivelmente diminuídos nas pacientes que receberam CMF. Com o prosseguimento do tratamento, os valores alterados retomaram os níveis iniciais, prévios ao tratamento. Com relação às alterações cromossômicas numéricas, o grupo de pacientes revelou um percentual médio aumentando (6%), em relação aos controles, mesmo antes de iniciarem o tratamento, sugerindo o caráter constitucional destas. As alterações observadas nas amostras subseqüentes não diferiram estatisticamente dos valores obtidos na amostra inicial, sugerindo ainda que o esquema CMF, não deve afetar significativamente este tipo de aberração. Com relação às aberrações estruturais observadas, o grupo de pacientes não se mostrou diferido do controle. As aberrações estruturais manifestaram-se estatisticamente alteradas logo após a aplicação do primeiro ciclo, mas retornaram aos padrões iniciais na amostras correspondentes à coleta final. De acordo com os resultados obtidos, parece que o esquema CMF não induz a formação de clones anômalos estáveis, detectáveis pela metodologia empregada neste trabalho / Mestrado / Genetica Medica / Mestre em Biologia

Identiferoai:union.ndltd.org:IBICT/oai:repositorio.unicamp.br:REPOSIP/317239
Date17 July 2018
CreatorsBöttcher-Luiz, Fátima, 1957-
ContributorsUNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS, Pisani, Regina Célia de Castro Bicudo, 1934-, Pisani, Regina de Castro Bicudo
Publisher[s.n.], Universidade Estadual de Campinas. Instituto de Biologia
Source SetsIBICT Brazilian ETDs
LanguagePortuguese
Detected LanguagePortuguese
Typeinfo:eu-repo/semantics/publishedVersion, info:eu-repo/semantics/masterThesis
Format104f. : il., application/pdf
Sourcereponame:Repositório Institucional da Unicamp, instname:Universidade Estadual de Campinas, instacron:UNICAMP
Rightsinfo:eu-repo/semantics/openAccess

Page generated in 0.0027 seconds