Return to search

Desenvolvimento da versao brasileira da K-SADS-PL(Schudule for Affective Disorders and Schizophrenia for Scholl Aged Children Present and Lifetime Version) e estudo de suas propriedades psicometricas Development of the brazilian version of K-SADS-PL (Schudule for Affective Disorders and Schizophrenia for Scholl Aged Children Present and Lifetime Version) and study of psychometric properties

Made available in DSpace on 2015-12-06T23:02:56Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2003

A Schedule for Affective Disorders and Schizophrenia for School-Age Childrenl Present and Lifetime Version (K-SADS-PL) e uma entrevista psiquiatrica semiestruturada para identificar transtornos na faixa etaria de 6 a 18 anos. Objetivos: Traduzir a K-SADS-PL do ingles (versao original) para o portugues e avaliar suas propriedades psicometricas (estudo de validade e confiabilidade). Metodos: Estudo de corte transversal envolvendo uma amostra consecutiva de criancas e adolescentes (N=78) agendadas para primeiro atendimento em ambulatorio de Saúde mental da Universidade Federal do Rio de Janeiro (Servico de Saúde Mental Infanto-Juvenil do Instituto de Psiquiatria). A validade de conteudo foi avaliada comparando-se a retrotraducao da versao brasileira com o instrumento original. A validade de constructo foi avaliada: (1) comparando-se a frequencia de transtornos detectados pela K-SADS-PL com dados de prevalencia encontrados na literatura, (2) comparando-se os padroes de comorbidade baseados na K-SADS-PL com os referidos na literatura, (3) examinando-se a validade convergente da K-SADS-PL em relacao ao Child 8ehavior Checklist- CBCL (N=78), e (4) verificando-se a existencia de associacao entre transtornos mentais nas criancas, identificados pela K-SADSPL, e problemas de Saúde mental nas maes, identificados pelo Self-Report Questionnaire (SRQ-20). O estudo da confiabilidade entre-avaliadores foi baseado na pontuacao da K-SADS-PL obtida por duas psiquiatras da infancia, uma aplicando a secao de rastreamento e a outra observando (N=30). O estudo da confiabilidade teste-reteste foi baseado na pontuacao da secao de rastreamento obtida pela mesma psiquiatra da infancia em duas ocasioes, com intervalo de tempo de uma a oito semanas (N=16). Resultados: Adultos e criancas de diferentes faixas etarias nao apresentaram dificuldades para entender os itens da versao traduzida da KSADS-PL. A retrotraducao da versao brasileira evidenciou equivalencia de conteudo com o instrumento original. A validade de constructo foi comprovada na medida em que achados da literatura foram compativeis com resultados da K-SADS-PL em termos de taxas de transtornos mentais observadas nas criancas, padroes de comorbidade e evidencia de associacao entre transtornos psiquiatricos nas criancas e problemas de Saúde mental materna. A K-SADS-PL tambem apresentou evidencias de validade convergente, quando comparada a...(au)

BV UNIFESP: Teses e dissertações

Identiferoai:union.ndltd.org:IBICT/oai:repositorio.unifesp.br:11600/18619
Date2003
CreatorsBrasil, Heloisa Helena Alves [UNIFESP]
ContributorsUniversidade Federal de São Paulo (UNIFESP), Bordin, Isabel Altenfelder Santos [UNIFESP]
PublisherUniversidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Source SetsIBICT Brazilian ETDs
LanguagePortuguese
Detected LanguagePortuguese
Typeinfo:eu-repo/semantics/publishedVersion, info:eu-repo/semantics/doctoralThesis
Format138v.1 e 163 v.2 p.
Sourcereponame:Repositório Institucional da UNIFESP, instname:Universidade Federal de São Paulo, instacron:UNIFESP
Rightsinfo:eu-repo/semantics/openAccess

Page generated in 0.0029 seconds