Return to search

A contribuição da indústria da manufatura no desenvolvimento de software / The contribution of manufacturing industry in software development

Os Métodos Ágeis surgiram no final da década de 90, como uma alternativa aos métodos prescritivos de desenvolvimento de software. Eles propõem uma nova abordagem de desenvolvimento, eliminando gastos com documentação excessiva e burocrática, enfatizando a interação entre as pessoas e as atividades que efetivamente trazem valor ao cliente. Nos últimos anos, diversos princípios e práticas baseados na indústria de manufatura foram incorporadas pelos Métodos Ágeis de desenvolvimento de software. Um dos princípios absorvidos é o de melhorar a eficácia de uma organização através de melhorias globais. Embora este princípio seja bem difundido nos Métodos Ágeis, utilizá-lo não é uma tarefa fácil. Nem sempre é fácil ter uma visão global do processo de desenvolvimento. Além disso, para realizar melhorias globais é necessário descobrir a causa para possíveis problemas, o que também pode ser uma tarefa difícil. Esse trabalho investiga duas abordagens da indústria de manufatura que enxergam uma organização como um sistema no qual todas as partes são inter-relacionadas. Com base nelas, três abordagens de desenvolvimento de software existentes são analisadas. Finalmente, um estudo comparativo foi feito para avaliar as principais características dos métodos de desenvolvimento estudados. Esse estudo estende o trabalho feito por Abrahamssom et al., no livro Agile Software Development: Current Research and Future Directions, avaliando o desempenho dos métodos seguindo o arcabouço proposto pelos mesmos autores. / Agile methods appeared in the late 90\'s as an alternative approach to the classic prescriptive planning approaches to software development. They propose a new style of development, eliminating excessive and bureaucratic documentation, and emphasizing the interactions between people collaborating to achieve high productivity and deliver high-quality software. In the last few years, several principles and practices based on the manufacturing industry were incorporated by Agile software development. One of the principles absorbed is to improve the effectiveness of an organization through an overall improvement. Although this principle is quite widespread in Agile Methods, using it is not an easy task. It is not easy to get the big picture of the development process. Moreover, to achieve overall improvements is necessary to discover the cause of possible problems, which can also be a difficult task. This work investigates two approaches in the manufacturing industry that shares the assumption that the whole organization is focused on overall throughput, not on micro-optimization. Based on then, three approaches to existing software development are analyzed. Finally, a comparative study was done to assess the main characteristics of the studied methods. This study extends the work done by Abrahamssom et al. In the book Agile Software Development: Current Research and Future Directions, evaluating the performance of the methods following the framework proposed by the same authors.

Identiferoai:union.ndltd.org:IBICT/oai:teses.usp.br:tde-11042012-102429
Date20 October 2011
CreatorsEduardo Teruo Katayama
ContributorsAlfredo Goldman Vel Lejbman, Rafael Prikladnicki, Jose Reinaldo Silva
PublisherUniversidade de São Paulo, Ciência da Computação, USP, BR
Source SetsIBICT Brazilian ETDs
LanguagePortuguese
Detected LanguageEnglish
Typeinfo:eu-repo/semantics/publishedVersion, info:eu-repo/semantics/masterThesis
Sourcereponame:Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP, instname:Universidade de São Paulo, instacron:USP
Rightsinfo:eu-repo/semantics/openAccess

Page generated in 0.0173 seconds