Return to search

Avaliação da citologia aspirativa e de expressão no diagnóstico da mastite bubalina e pesquisa de cepas de Staphylococcus aureus e Escherichia coli toxigênicas e produtoras de beta-lactamase /

Orientador : Carlos Alberto de Magalhães Lopes / Resumo: Estudou-se a viabilidade da utilização da citologia aspirativa por agulha fina (CAAF) e Citologia de Expressão (CE) em 137 búfalas, procedentes de sete propriedades leiteiras, localizadas nos municípios de Jaú, Botucatu e Sorocaba, estado de São Paulo, como novo recurso no diagnóstico precoce da mastite, além da frequência de mastite subclínica, as características dos agentes etiológicos envolvidos, a relação entre a Contagem de Células Somáticas (CCS) pelo método automático, reação ao "California Mastitis Test" (CMT), reação ao "Whiteside" modificado WSM contagem de bactérias aeróbias mesófilas e exame microbiológico, avaliou-se, ainda, a sensibilidade bacteriana frente a antimicrobianos, produção de beta-lactamase para E. coli e S. aureus, além da caracterização pela Reação em Cadeia de Polimerase das amostras de Escherichia coli isoladas e pesquisa da produção de toxinas estafilocócicas. Dos 548 quartos mamários estudados, obteve-se uma freqüência para mastite subclínica de 16,8%. O Staphylococcus epidermidis o agente mais freqüente (21,43%). A média da CCS obtida nas amostras analisadas foi de 170, 26 x 103 cél./mL de leite. As cepas de S. aureus apresentaram maior sensibilidade para Meticilina (100%), Amoxilina + Ácido clavulônico (100%), Cefalotina (84%) e Gentamicina (67%) e as E. coli para Enrofloxacina (100%), Gentamicina (100%) e Cefoperazone (100%). Das seis (06) cepas de S. aureus isoladas cinco (05) foram produtoras de TSST-1 e uma (01) para EEA. A produção de beta-lactamase foi de 83% para as cepas de S. aureus e 57% para E. coli. A CAAF apresentou ótima especificidade (96%) da mesma forma que a CE por análise comparativa, quando comparada com outras técnicas para diagnóstico da mastite, verificando-se a predominância de neutrófilos nas amostras com reação inflamatória, deste modo conclui-se que a CAAF... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo). / Abstract: The viability of Fine Needle Aspiration Cytology (FNAC) and Expression Cytology (EC) in 137 buffalos, proceeding of seven farms in Jaú, Botucatu and Sorocaba municipal districts in São Paulo State were studied. Frequency of subclinical mastitis, feature of etiological agents, production of toxins in Staphylococcus aureus and beta-lactamase by S. aureus and Escherichia coli were studied too. Total of 548 udder quarters, the frequency was 16,8%. Staphylococcus epidermidis was the pathogen found in 21,43% of samples and was the highest rate. The Somatic Cell Count (SCC) media was 170,26 x 103 cell/mL of milk. Sensibility to antimicrobial drugs demonstrate S. aureus was more susceptible methicilin, Amoxilin + Clavunonic acid, cephalothin and gentamicin and E. coli to enrofloxacin, gentamicin and cefoperazone. Five (05) samples S. aureus tested were producers TSST-1 and one (01) enterotoxin A (EEA). The beta-lactamase production was 83% in S. aureus samples and 57% to E. coli samples. A excellent specificity (96%) was observed to FNAC and EC when compared to others techniques to mastitis diagnostic. Neutrophils were the most prevalent cellular type in the analyzed samples. The FNAC and EC can be used for determination of inflammation grade in the buffaloes mammary gland. / Doutor

Identiferoai:union.ndltd.org:UNESP/oai:www.athena.biblioteca.unesp.br:UEP01-000219346
Date January 2003
CreatorsOliveira, Andréa Alice da Fonseca.
ContributorsUniversidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia.
PublisherBotucatu : [s.n.],
Source SetsSao Paulo State University, Sao Paulo - Brazil.
LanguagePortuguese
Detected LanguagePortuguese
Typetext
Format119 f.
RelationSistema requerido: Adobe Acrobat Reader

Page generated in 0.0035 seconds