• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 2271
  • 90
  • 90
  • 89
  • 80
  • 69
  • 21
  • 15
  • 15
  • 9
  • 7
  • 7
  • 4
  • 4
  • 3
  • Tagged with
  • 2311
  • 2311
  • 1413
  • 1380
  • 491
  • 469
  • 341
  • 300
  • 281
  • 258
  • 249
  • 219
  • 195
  • 177
  • 159
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Abordando as relações agricultura e meio ambiente no ensino formal, através da educação ambiental – considerações a partir de um caso / not available

Rosa, Antonio Vitor 08 October 2001 (has links)
A pesquisa visa ampliar os conhecimentos sobre abordagens no ensino escolar que tratam as relações entre agricultura e meio ambiente e que procuram potencializar os educandos no questionamento do modelo agrícola convencional e na valorização de produtos e iniciativas agrícolas alternativas. Buscou-se um tratamento exploratório sobre o assunto, tendo como referência três questões: a) Como é tratado no ensino médio as relações agro-ambientais? b) Como ampliar e melhorar este tratamento? c) Que conseqüências pode ter esta ampliação? O trabalho delineado como uma pesquisa qualitativa baseou a parte de campo na proposta da pesquisa-ação. O procedimento principal para gerar dados e subsidiar a interpretação do objeto-processo de estudo foi promover e monitorar uma intervenção educacional junto a educadores da rede pública de ensino. A ideia de multirreferencialidade em estudos educacionais influenciou o tratamento do extenso conjunto de dados gerados. Os resultados do estudo evidenciaram que: os conhecimentos dos educadores sobre as relações agro-ambientais são, em geral, muito pequenos e pontuais, implicando em um tratamento superficial do assunto. Na abordagem educacional das relações agro-ambientais mostraram-se altamente adequados procedimentos envolvendo: a) processos não pontuais de aperfeiçoamento de educadores sobre o tema; b) promoção de projetos educacionais em equipes multidisciplinares; c) realização de diagnósticos agro-sócio-ambientais locais; d) a promoção de outras relações dos educandos com o conhecimento e com a realidade o que inclui desmistificar a ciência, exercitar novos olhares e novas compreensões e estimular a relação direta do educando com o assunto estudado destacando-se: visitas à estabelecimentos agrícolas com produção alternativa e a manipulação de elementos naturais (plantas e terra) em atividades escolares com horta orgânica e com mudas de árvores. 3) A pesquisa-ação constitui-se uma eficiente estratégia em pesquisas educacionais. 4) Há sérios problemas no sistema de ensino escolar incluindo falta de condições de trabalho e deficiência na formação e aperfeiçoamento dos educadores. 5) Tanto o tratamento do tema pode aproximar os educandos das questões ambientais em geral, como o tratamento de outras questões ambientais pode aumentar as preocupações agro-ambientais dos educandos. 6) Ocorrem limitações extra-educacionais específicas e maiores que as enfrentadas no tratamento de outros temas ambientais. O que remete à necessidade de políticas públicas regionais que incluam e articulem a divulgação e formação sobre as relações agro-ambientais com o apoio à produção, escoamento e consumo de produções agrícolas alternativas. 7) Com apoio de universidades, instituições de pesquisa ou extensão, secretarias e outros órgãos governamentais, é grande a possibilidade das escolas transformarem-se em espaços qualificados de difusão sobre as relações agro-ambientais. / not available
2

Educação ambiental: a temática da flora, da fauna e dos ambientes naturais (expressões da biodiversidade) a partir da educação formal / not available

Pegoraro, João Luiz 14 August 1998 (has links)
Esta dissertação apresenta dados e reflexão sobre o papel de fontes formais e informais que atuam mediando o acesso ao patrimônio natural-cultural constituído pela diversidade de espécies ou biodiversidade. A apresentação segue recente tendência de divisão em capítulos que guardam certa independência, embora interligados pelo eixo temático. O primeiro capítulo traz um pequeno histórico das iniciativas referentes a educação conservacionista, especialmente as que envolvem a flora e a fauna. Traz também breve discussão sobre a necessidade de se inserir os objetivos específicos dos programas educativos envolvendo flora, fauna e ambientes naturais aos objetivos mais abrangentes da Educação Ambiental e do ambientalismo. O segundo capítulo apresenta uma análise de ilustrações da flora e da fauna presentes em livros didáticos das disciplinas de Ciências, Biologia e Geografia para o ensino fundamental e médio. O terceiro capítulo traz dados referentes a uma amostra de alunos do ensino médio de escolas públicas, da região de Campinas-SP, e o quarto capítulo apresenta a consulta a uma amostra de professores de Ciências, Biologia e Geografia. Incluiu-se ainda um capítulo com algumas propostas de ações concretas potencialmente aplicáveis a educação formal. Pode-se concluir que o cotidiano urbano e a forma como se desenvolve o processo de escolarização, propiciam mais o contato e o aprendizado a partir de ambientes bastante antropizados, de paisagens artificializadas e do excesso de espécies exóticas, contribuindo para manter em relativo anonimato a rica e diversificada flora e fauna nativa. Detectou-se também que há limitadas fontes destinadas a intermediar e a fomentar a obtenção de informação, o contato e a aproximação com tais elementos. Com efeito, fontes informais, como a convivência, acabam destacadas como sede do aprendizado e de obtenção de informações sobre a temática da flora, da fauna e dos ambientes naturais / not available
3

Educação ou adestramento ambiental?

Neves, Paula Cals Brugger January 1993 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciencias da Educação / Made available in DSpace on 2012-10-16T04:52:49Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2016-01-08T18:15:09Z : No. of bitstreams: 1 94209.pdf: 8305259 bytes, checksum: e060ccee5ed2fa869775118194b5a200 (MD5) / Na educação ambiental há uma disputa para se designar o que seja o adjetivo ambiental, mas devido a hegemonia da racionalidade instrumental em nossa sociedade, a perspectiva técnico-natural e predominante. Elegeu-se então a "estratégia internacional de acción en materia de educación y formación ambientales para el decénio de 1990", publicada pelo PNUMA/UNESCO para uma análise de conteúdo dos conceitos de meio-ambiente, desenvolvimento sustentável e educação, dentro do contexto maior da ciência e da tecnologia. Esta análise revelou a possibilidade do surgimento de um processo de instrução, que denominamos adestramento, que consiste em produzir, reproduzir e legitimar a hegemonia do pensamento tecnocrático, assegurando as necessidade de mercado da sociedade industrial em detrimento de uma formação plena e libertadora. Enfatiza-se pois a não compartimentalização da questão ambiental na educação: a educação é que deve ser ambiental no seu todo. Isso impõe uma ampla rediscussão de vários conceitos que estruturam o pensamento hegemônico em nossa sociedade.
4

Capacitação de agentes multiplicadores para a semana da água 2005: concepções e práticas de educação ambiental

Taniguti, Marco Sakio [UNESP] 20 September 2006 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:24:20Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2006-09-20Bitstream added on 2014-06-13T18:20:39Z : No. of bitstreams: 1 taniguti_ms_me_rcla.pdf: 3261542 bytes, checksum: c718549ed3c84fc473016030264e92aa (MD5) / Concomitante ao avanço do movimento ambientalista sobre a área de atividades da Educação, área eminentemente pública, como as áreas da Saúde, da Segurança e dos transportes, entre outras, ocorreu uma redução da ação do Estado nestas áreas em prol do desenvolvimento do chamado Terceiro Setor, constituído por instituições de diferentes naturezas como Organizações Não Governamentais (ONGs), associações de classe, fundações e empresas do setor de serviços. Nesse contexto, em 1989 foi criado o Consórcio intermunicipal das Bacias dos Rios Piracicaba Capivari e Jundiai (Consórcio PCJ), uma associação de municípios com o propósito de unir a região em uma luta para recuperar e conservar seus recursos hídricos. Nessa luta, o Programa de Educação Ambiental voltado à Gestão dos Recursos Hídricos Semana da Água se constituiu em uma das mais importantes atividades do Consórcio PCJ na área da Educação Ambiental. Adotando como estratégia a realização de cursos de capacitação de agentes multiplicadores, em onze anos de realização regular, esse Programa envolveu milhares de pessoas em dezenas de municípios, de forma a se destacar entre as atividades identificadas como de Educação Ambiental desenvolvidas na região. A presente pesquisa investigou, por meio de um estudo de caso, as concepções de Educação Ambiental subjacentes ao Curso de capacitação de agentes multiplicadores Semana da Água bem como as práticas pedagógicas por ele desenvolvidas no ano de 2005, Esta investigação revelou concepções de Educação Ambiental, aparentemente conflitantes, coexistindo no Programa, bem como diferentes abordagens das dimensões dos conhecimentos, valores e participação política nas práticas por ele desenvolvidas, indicando tendências voltadas para pequenas transformações no âmbito individual e coletivo... / Concomitant with the environmental movement progress on the education activities sector, eminently public sector, like the Health sector, Safety and transports, between others, it happened a State action reduction in these sectors, benefiting the development of the called Third Sector, constituted by institutions of different natures as No Government Organizations (NGOs), class associations, foundations and services sector companies. In this context, in 1989, it was created the Consórcio Intermunicipal das Bacias dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí (Consórcio PCJ), a municipal districts association with the purpose of uniting the region in a fight to recover and to conserve their water resources. In that fight, the Programa de Educação Ambiental Voltado à Gestão dos Recursos Hídricos Semana da Água was constituted in one of de most important Consórcios activities on Environmental Education, adopting as strategy the accomplishment of multipliers agents training. In eleven years of regular accomplishment, that Program involved thousands of people in dozens of municipal districts, reaching a standing out between the activities, identified like Environmental Education, developed in that region. Present research it investigated, through a case study', the Environmental Education conceptions underlying the multipliers agents training course, alike the pedagogic practices developed for the Consórcio PCJ in the year 2005. This investigation revealed Environmental Education conceptions, seemingly conflicting. coexisting in the Program, as well different approaches of the dimensions of the knowledge, values and political participation in the practices for its developed, indicating tendencies turned to small transformations in attitudes, behaviors, from the individual and collective extent, but conserving the structures political-cultural that sustains the current socioeconomic development model.
5

Capacitação de agentes multiplicadores para a semana da água 2005 : concepções e práticas de educação ambiental /

Taniguti, Marco Sakio. January 2006 (has links)
Orientador: Rosa Maria Feiteiro Cavalari / Banca: Luiz Marcelo de Carvalho / Banca: Heloisa Chalmers Sisla Cinquetti / Resumo: Concomitante ao avanço do movimento ambientalista sobre a área de atividades da Educação, área eminentemente pública, como as áreas da Saúde, da Segurança e dos transportes, entre outras, ocorreu uma redução da ação do Estado nestas áreas em prol do desenvolvimento do chamado "Terceiro Setor", constituído por instituições de diferentes naturezas como Organizações Não Governamentais (ONGs), associações de classe, fundações e empresas do setor de serviços. Nesse contexto, em 1989 foi criado o Consórcio intermunicipal das Bacias dos Rios Piracicaba Capivari e Jundiai (Consórcio PCJ), uma associação de municípios com o propósito de unir a região em uma "luta para recuperar e conservar seus recursos hídricos". Nessa "luta", o Programa de Educação Ambiental voltado à Gestão dos Recursos Hídricos "Semana da Água" se constituiu em uma das mais importantes atividades do Consórcio PCJ na área da Educação Ambiental. Adotando como estratégia a realização de cursos de "capacitação" de "agentes multiplicadores", em onze anos de realização regular, esse Programa envolveu milhares de pessoas em dezenas de municípios, de forma a se destacar entre as atividades identificadas como de Educação Ambiental desenvolvidas na região. A presente pesquisa investigou, por meio de um "estudo de caso", as concepções de Educação Ambiental subjacentes ao "Curso de capacitação de agentes multiplicadores Semana da Água" bem como as práticas pedagógicas por ele desenvolvidas no ano de 2005, Esta investigação revelou concepções de Educação Ambiental, aparentemente conflitantes, coexistindo no Programa, bem como diferentes abordagens das dimensões dos conhecimentos, valores e participação política nas práticas por ele desenvolvidas, indicando tendências voltadas para pequenas transformações no âmbito individual e coletivo... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: Concomitant with the environmental movement progress on the education activities sector, eminently public sector, like the Health sector, Safety and transports, between others, it happened a State action reduction in these sectors, benefiting the development of the called "Third Sector", constituted by institutions of different natures as No Government Organizations (NGOs), class associations, foundations and services sector companies. In this context, in 1989, it was created the Consórcio Intermunicipal das Bacias dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí (Consórcio PCJ), a municipal districts association with the purpose of uniting the region in a "fight to recover and to conserve their water resources". In that "fight", the Programa de Educação Ambiental Voltado à Gestão dos Recursos Hídricos "Semana da Água" was constituted in one of de most important Consórcios activities on Environmental Education, adopting as strategy the accomplishment of "multipliers agents training". In eleven years of regular accomplishment, that Program involved thousands of people in dozens of municipal districts, reaching a standing out between the activities, identified like Environmental Education, developed in that region. Present research it investigated, through a "case study', the Environmental Education conceptions underlying the "multipliers agents training" course, alike the pedagogic practices developed for the Consórcio PCJ in the year 2005. This investigation revealed Environmental Education conceptions, seemingly conflicting. coexisting in the Program, as well different approaches of the dimensions of the knowledge, values and political participation in the practices for its developed, indicating tendencies turned to small transformations in attitudes, behaviors, from the individual and collective extent, but conserving the structures political-cultural that sustains the current socioeconomic development model. / Mestre
6

Abordando as relações agricultura e meio ambiente no ensino formal, através da educação ambiental – considerações a partir de um caso / not available

Antonio Vitor Rosa 08 October 2001 (has links)
A pesquisa visa ampliar os conhecimentos sobre abordagens no ensino escolar que tratam as relações entre agricultura e meio ambiente e que procuram potencializar os educandos no questionamento do modelo agrícola convencional e na valorização de produtos e iniciativas agrícolas alternativas. Buscou-se um tratamento exploratório sobre o assunto, tendo como referência três questões: a) Como é tratado no ensino médio as relações agro-ambientais? b) Como ampliar e melhorar este tratamento? c) Que conseqüências pode ter esta ampliação? O trabalho delineado como uma pesquisa qualitativa baseou a parte de campo na proposta da pesquisa-ação. O procedimento principal para gerar dados e subsidiar a interpretação do objeto-processo de estudo foi promover e monitorar uma intervenção educacional junto a educadores da rede pública de ensino. A ideia de multirreferencialidade em estudos educacionais influenciou o tratamento do extenso conjunto de dados gerados. Os resultados do estudo evidenciaram que: os conhecimentos dos educadores sobre as relações agro-ambientais são, em geral, muito pequenos e pontuais, implicando em um tratamento superficial do assunto. Na abordagem educacional das relações agro-ambientais mostraram-se altamente adequados procedimentos envolvendo: a) processos não pontuais de aperfeiçoamento de educadores sobre o tema; b) promoção de projetos educacionais em equipes multidisciplinares; c) realização de diagnósticos agro-sócio-ambientais locais; d) a promoção de outras relações dos educandos com o conhecimento e com a realidade o que inclui desmistificar a ciência, exercitar novos olhares e novas compreensões e estimular a relação direta do educando com o assunto estudado destacando-se: visitas à estabelecimentos agrícolas com produção alternativa e a manipulação de elementos naturais (plantas e terra) em atividades escolares com horta orgânica e com mudas de árvores. 3) A pesquisa-ação constitui-se uma eficiente estratégia em pesquisas educacionais. 4) Há sérios problemas no sistema de ensino escolar incluindo falta de condições de trabalho e deficiência na formação e aperfeiçoamento dos educadores. 5) Tanto o tratamento do tema pode aproximar os educandos das questões ambientais em geral, como o tratamento de outras questões ambientais pode aumentar as preocupações agro-ambientais dos educandos. 6) Ocorrem limitações extra-educacionais específicas e maiores que as enfrentadas no tratamento de outros temas ambientais. O que remete à necessidade de políticas públicas regionais que incluam e articulem a divulgação e formação sobre as relações agro-ambientais com o apoio à produção, escoamento e consumo de produções agrícolas alternativas. 7) Com apoio de universidades, instituições de pesquisa ou extensão, secretarias e outros órgãos governamentais, é grande a possibilidade das escolas transformarem-se em espaços qualificados de difusão sobre as relações agro-ambientais. / not available
7

Educação ambiental: a temática da flora, da fauna e dos ambientes naturais (expressões da biodiversidade) a partir da educação formal / not available

João Luiz Pegoraro 14 August 1998 (has links)
Esta dissertação apresenta dados e reflexão sobre o papel de fontes formais e informais que atuam mediando o acesso ao patrimônio natural-cultural constituído pela diversidade de espécies ou biodiversidade. A apresentação segue recente tendência de divisão em capítulos que guardam certa independência, embora interligados pelo eixo temático. O primeiro capítulo traz um pequeno histórico das iniciativas referentes a educação conservacionista, especialmente as que envolvem a flora e a fauna. Traz também breve discussão sobre a necessidade de se inserir os objetivos específicos dos programas educativos envolvendo flora, fauna e ambientes naturais aos objetivos mais abrangentes da Educação Ambiental e do ambientalismo. O segundo capítulo apresenta uma análise de ilustrações da flora e da fauna presentes em livros didáticos das disciplinas de Ciências, Biologia e Geografia para o ensino fundamental e médio. O terceiro capítulo traz dados referentes a uma amostra de alunos do ensino médio de escolas públicas, da região de Campinas-SP, e o quarto capítulo apresenta a consulta a uma amostra de professores de Ciências, Biologia e Geografia. Incluiu-se ainda um capítulo com algumas propostas de ações concretas potencialmente aplicáveis a educação formal. Pode-se concluir que o cotidiano urbano e a forma como se desenvolve o processo de escolarização, propiciam mais o contato e o aprendizado a partir de ambientes bastante antropizados, de paisagens artificializadas e do excesso de espécies exóticas, contribuindo para manter em relativo anonimato a rica e diversificada flora e fauna nativa. Detectou-se também que há limitadas fontes destinadas a intermediar e a fomentar a obtenção de informação, o contato e a aproximação com tais elementos. Com efeito, fontes informais, como a convivência, acabam destacadas como sede do aprendizado e de obtenção de informações sobre a temática da flora, da fauna e dos ambientes naturais / not available
8

Trabalhos de campo em bacias hidrograficas : os caminhos de uma experiencia em educação ambiental

Guimarães, Eliana Maria Alves 10 January 1999 (has links)
Orientador: Maria Margaret Lopes / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Geociencias / Made available in DSpace on 2018-07-25T02:03:43Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Guimaraes_ElianaMariaAlves_M.pdf: 8356467 bytes, checksum: 888caf48450fcc06cc662aea0ea643f6 (MD5) Previous issue date: 1999 / Resumo: Nesta pesquisa realizo uma análise das atividades do Projeto de Educação Ambienta! nas microbacias dos córregos Areia e Areia Branca/Projeto Microbacias enfatizando os trabalhos de campo desenvolvidos por professores das escolas públicas de Campinas. Incluo ~ atividades do Projeto de Descentralização do Museu Dinâmico de Ciências, o qual considero como o desencadeador do Projeto Microbacias, e as contribuições do Projeto Microbacias nas atividades educativas do Museu Dinâmico de Ciências, especialmente na atividade Geologia à beira da estrada. Realizo um levantamento bibliográfico qualitativo sobre trabalho de campo em publicações de Geografia, visando aprofundar as reflexões sobre o campo e os trabalhos de campo: as concepções de trabalho de campo, sua importância para o ensino, seu potencial educativo, os papéis didáticos desempenhados e as metodologias empregadas em sua execução. Abordo a importância do desenvolvimento de trabalhos de campo em bacias hidrográficas, com o objetivo de subsidiar ações de Educação Ambiental e contribuir para a concepção de uma nova visão da bacia hidrográfica como unidade espacial adequada ao desenvolvimento de estudos que abordem o meio ambiente e, em particular, a gestão das águas. Desta forma, a contribuição que pretendo oferecer com este estudo consiste em uma reflexão sobre o campo e o potencial educativo dos trabalhos de campo para a melhoria da qualidade do ensino, enfatizando o desenvolvimento de atividades de Educação Ambiental que adotem a bacia hidrográfica como recorte temático e espacial para a realização de atividades interdisciplinares / Abstract: This research that 1 realized through analysis from activities developed by the Environrnental Education Project Areia and Areia Branca (Micro-basins Project), had the participation of teachers from public schools located at Campinas' city - State ofSão Paulo. So, this study mostly tries to show the importance of fieldwork as a methodology that was used by them. 1 also insert in this study the activities developed by the Dynamic Museum Decentralization Project, considered in my opinion as a promoter of micro-basins project, and also the contributions from the Micro-basins Project especially the activity: Geology on the road. 1 realized a bibliographic survey too, about fieldwork in geography publications, in order to show its importance as a field of study and as a study of the field, to improve teaching, to develop an educational potential for new methodologies. As far as 1 am concerned, the main importance of fieldwork as a methodology in teaching practices occurs when it is able to subsidy the real Environrnental Education actions. It can contribute for a new perception of river basin as a geographical space suitable for studies of environrnent and water management. So far, the fundamental contribution 1 intend to offer with this work is the need for a deep reflection about fieldwork, as a matter of environrnental education that could be able to inc1ude activities in river basins, considering it is a subject to discuss environrnental problems and as a place to make possible the interdisciplinarity - a good mechanism to improve teaching quality / Mestrado / Educação Aplicada as Geociencias / Mestre em Geociências
9

Emprego de revistas de divulgação cientifica como instrumento na educação ambiental

Sariego, Jose Carlos Lopes 06 September 1995 (has links)
Orientador: Sergio Ferreira do Amaral / Dissertação(mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Educação / Made available in DSpace on 2018-07-20T14:35:36Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Sariego_JoseCarlosLopes_M.pdf: 6071689 bytes, checksum: e0e40335e60e5f70e37a56931a5d8683 (MD5) Previous issue date: 1995 / Resumo: Diversos congressos e seminários internacionais patrocinados pela Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA) estabeleceram as diretrizes para programas de Educação Ambiental, indicando sua conceituação, objetivos e características mais notáveis. Elas apontam para a conveniência da prática da pesquisa bibliográfica sobre temas ambientais que pode ser realizada com diversos tipos de fontes de informação. A análise comparativa de duas delas: livros didáticos e revistas de divulgação científica mostrou que a segunda possui características que as qualificam como o melhor material didático para atingir os fins propostos para a Educação Ambienta!. As revistas de divulgação científica são fontes de informação sobre questões ambientais mais atualizadas do que livros didáticos; cobrem os conteúdos desejáveis para uma programa de Educação Ambiental de uma forma mais completa; abordam temas extremamente específicos e delimitados; são mais amplamente difundidas e distribuídas, o que facilitaria o acesso para alunos de pontos remotos do território nacional e adotam uma abordagem interdisciplinar na forma de apresentação dos conteúdos, o que não ocorre com freqüência entre os livros didáticos, pois não conseguem romper com a rígida disciplinaridade em que tradicionalmente são concebidos. A elaboração de um banco de dados em Educação Ambiental no qual foram indexados artigos - de sete revistas de divulgação científica - abordando questões ambientais constitui-se em um precioso subsídio para os professores de primeiro e segundo graus desejosos de facilitar leituras a seus alunos. Esse banco de dados também forneceu informações que permitiram diferenciar as revistas de divulgação científica em função de quatro correntes do pensamento ambientalista, o que retrata a ideologia e concepção da relação Homem-Natureza que inspira sua redação. Discute-se, ainda, algumas questões tanto metodológicas, como epistemológicas, pedagógicas e mesmo ideológicas que envolvem a prática da pesquisa bibliográfica em programas de Educação Ambiental / Abstract: Several international conferences and symposia sponsored by the United Nations Environment Program (UNEP) set up the directions for Environmental Education programs, emphasizing their characteristics, objectives and conceptualization. They indicate the convenience of bibliographic research on environmental themes that can be done with different types of information sources. The comparative analysis of two sources - text books and scientific magazines - showed that the magazines have advantages which qualify them as the best didactic materials for reaching the objectives of Environmental Education. The scientific magazines are sources of information about present environmental questions; they cover desirable contents for a program of Environmental Education, they approach specific themes; they are widely distributed and allow the access by pupils from different regions of Brazil; and they reveal an interdisciplinary approach to the treatment of the contents. Those advantages cannot be applied to text books because text books are traditionally produced according to rigid disciplinarily. The construction of a data base in are a of Environmental Education, inserting indexed articles from seven magazines can be taken as a source for primary and secondary school teachers, especially those desire to facilitate reading to their pupils. Such a data base has also provided information which indicates the differences among the magazines according to four currents of environmental thinking which reveal the ideology and the conception of the Man-Nature relationship. The dissertation also deals with a few questions related to methodology, epistemology and ideology - areas that can be linked to bibliographic research of Environmental Education programs / Mestrado / Mestre em Educação
10

Educação ambiental e agenda 21 local : estrategias para a efetivação do desenvolvimento sustentável

Caúla, Bleine Queiroz 08 June 2007 (has links)
Made available in DSpace on 2019-03-29T23:13:20Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2007-06-08 / This work studies the construction of Agenda 21 Local in the municipality of Ceará, with emphasis in environmental education as primary condition for its effectiveness. For that reason it analyses the progress of the environmental education and legislation, conducting its course in all Brazilian constitutions, highlighting the Article 225 of the Carta Magna of 1988, which consecrated the right to the healthy environmental and ecologically balanced as a fundamental right to the human being bringing up the sustainable development as a duty of the public power and all society. Methodologically analyses the efficacy of the Law 9.796/99, which has to do with environmental education, by research with teachers from public schools of seven municipalities from Ceará where the project Agenda is in course or at least there is a tendency in doing it. For the achievement of the research were contacted entities that have to do with environmental, as The Vitae Civilis Institute and the Konrad Adenauer Fund. The study points out a blanck in the education and capacitation of the teachers of the public schools in environmental subject, as for the municipalities build its subject, as for the municipalities build its Agendas 21 Locals, it is necessary the implantation of public politics turned to environmental education. / O presente trabalho estuda a construção da Agenda 21 Local nos municípios do Ceará, com ênfase na educação ambiental como condição primária para a sua efetivação. Para tanto, analisa a evolução da educação e da legislação ambientais, traçando o seu percurso em todas as Constituições Brasileiras, ressaltando o artigo 225 da Carta de 1988, que consagrou o direito ao meio ambiente sadio e ecologicamente equilibrado como um direito fundamental da pessoa humana, trazendo à luz o desenvolvimento sustentável como um dever do poder público e de toda a sociedade. Metodologicamente, analisa a eficácia da Lei nº 9.796/99, que trata da educação ambiental, por meio de levantamento com professores das escolas públicas de sete municípios cearenses onde, reconhecidamente, encontrase em implantação a Agenda, ou, pelo menos, há manifesta disposição para fazê-lo. Para realização da pesquisa de campo, foram consultadas entidades que atuam em meio ambiente, como o Instituto Vitae Civilis e a Fundação Konrad Adenauer. O estudo indica a existência de uma lacuna na formação e na capacitação dos professores das escolas públicas na área ambiental, já que, para os municípios construírem suas Agendas 21 Locais, faz-se necessária a implantação de políticas públicas voltadas para a educação ambiental. Palavras-chave: Desenvolvimento sustentável. Agenda 21. Educação ambiental.

Page generated in 0.4865 seconds