• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 3251
  • 107
  • 107
  • 107
  • 105
  • 99
  • 21
  • 21
  • 8
  • 6
  • 5
  • 3
  • 2
  • 2
  • 2
  • Tagged with
  • 3294
  • 3294
  • 1151
  • 1146
  • 1000
  • 756
  • 630
  • 591
  • 526
  • 509
  • 466
  • 431
  • 372
  • 355
  • 274
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

O eu e o outro na terra da cocanha : o jogo da identidade italiana em solo gaúcho

Godoy, Ana Boff de January 2002 (has links)
Il presente lavoro ha come oggetto di analisi due romanzi dello scrittore gaúcho José Clemente Pozenato – A Cocanha (2000) e O Quatrilho (1985) – e come obiettivo discutere su due punti principali, quali siano: i. la credenza nell’utopia della Cuccagna (paese immaginario che funzionerebbe come una sorta di paradiso terrestre per gli immigranti italiani) e la sua relazione coll’America; ii. il processo di identificazione per il quale passarono gli italiani dalla loro uscita di Italia fino al loro arrivo alla terra promessa. Tali questioni si mostrano molto complesse attraverso la tela narrativa creata dall’autore, la quale coinvolge la finzione propriamente detta, la storia reale e la storia sociale dell’immaginario. Questi tre elementi si fondono di maniera che si stabilisca una sorta di gioco. L’idea del gioco, tra l’altro, è presente nei titoli stessi delle opere, costituendo un parallelismo tra esse che rende chiaro l’incrocio fra di loro e che sucita un elenco di relazioni. Per riempire gli spazi vuoti della storia, della memmoria e della letteratura, per mescolare la storia dell’immigrazione italiana e la storia dell’immaginario alla finzione scritta in lingua portoghesa, si fa possibile credere che A Cocanha e O Quatrilho siano le opere inaugurali della vertente letteraria dell’immigrazione italiana nel Rio Grande do Sul. / O presente estudo tem por objeto de análise dois romances do escritor gaúcho José Clemente Pozenato – A Cocanha (2000) e O Quatrilho (1985) – e por objetivo discutir sobre duas questões principais, quais sejam: i. a crença na utopia da Cocanha (país imaginário que funcionaria como uma espécie de paraíso terrestre para os imigrantes italianos) e a sua relação com a América; ii. o processo de identificação pelo qual passaram os italianos desde a sua saída da Itália até a sua chegada à terra prometida. Essas questões mostram-se bastante complexas através da teia ficcional criada pelo autor, que envolve a ficção propriamente dita, a história real e a história social do imaginário. Esses três elementos fundem-se de maneira a se estabelecer uma espécie de jogo. A idéia do jogo, aliás, está presente nos títulos mesmos das obras, estabelecendo um paralelismo entre elas que deixa claro o seu entre-cruzamento e suscitam uma série de relações. Por preencher os espaços vazios da história, da memória e da literatura, por mesclar a história da imigração italiana e a história do imaginário à ficção em língua portuguesa, acredita-se serem A Cocanha e O Quatrilho as obras inaugurais da vertente literária da imigração italiana no Rio Grande do Sul.
2

A poética do mal : a ficção de Álvares de Azevedo, uma literatura sob o signo de satã

Labres, Claudia January 2002 (has links)
O presente estudo traz reflexões sobre Noite na Taverna e Macário, textos de Álvares de Azevedo, e a forma pela qual eles se inscrevem na literatura maldita. Para tanto, faz-se necessário um olhar mais detido para elementos fundadores do maldito: o erotismo como fonte do desejo; o sentimento de perda pelo desejo não realizado; a melancolia decorrente dessa desilusão; a rebeldia pela percepção do ideal frustrado e a morte como fim último da existência. Visa-se, portanto, abordar a questão do mal enquanto temática literária que passa a influenciar o pensamento e o modo de viver e agir das personagens azevedianas, tornando-se aspecto fundamental nos textos em questão.
3

Beira rio beira vida de Assis Brasil

Leopoldino, Maria Solange Almeida de Deus January 1985 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 1985 / Made available in DSpace on 2012-10-15T23:19:58Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2013-07-16T17:03:38Z : No. of bitstreams: 1 310097.pdf: 4475161 bytes, checksum: 72a629205ea21509c61b17b51d4d4bf2 (MD5)
4

Uma leitura intertextual de o homem vermelho

Gregorio, Regina Maria January 1989 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Comunicação e Expressão / Made available in DSpace on 2012-10-16T02:12:45Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2016-01-08T16:24:20Z : No. of bitstreams: 1 79185.pdf: 8085895 bytes, checksum: a9f3f2607d83ca9f0b89972392cd3cc7 (MD5) / A presente dissertação analisa a obra "O Homem vermelho", de Domingos Pellegrini Jr., procurando relacioná-la com outros textos, sob a perspectiva teórica do intertexto. Nesta obra de Pellegrini cruzam-se os diálogos com a literatura - Cortázar, Guimarães Rosa, Drummond e a Bíblia - com o popular: a oralidade, os costumes populares além de uma imbricação com os próprios textos do autor.
5

De arte e de dor: proposta nova para a leitura de evocações

Valladão, Tania Cristina Tavares Correa January 1989 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Comunicação e Expressão / Made available in DSpace on 2012-10-16T02:25:31Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2016-01-08T16:17:03Z : No. of bitstreams: 1 81570.pdf: 4473288 bytes, checksum: 1292be6540193b28697a2f7464f3f8bb (MD5) / Este trabalho tem como objetivo estudar a obra "Evocações", de Cruz e Sousa, de forma a criticar sua inadequada interpretação no contexto da literatura brasileira. Para tal, propõe-se uma avaliação da fortuna crítica sobre o autor, sobre sua obra e, especificamente, sobre "Evocações", para depois analisar os temas presentes no livro, afim de confrontar as interpretações apresentadas e o verdadeiro teor do trabalho do poeta. Pretende-se, assim, apresentar a obra de um artista "além de seu tempo", que antecipou tematicamente a literatura contemporânea ao revelar sua preocupação com o papel do ser humano em meio a um mundo em transformação e evolução, compondo uma obra não só atual, mas profundamente filosófica.
6

Confissões de Ralfo: um romance de geração

Hilbert, Telma Maria Remor January 1990 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Comunicação e Expressão / Made available in DSpace on 2012-10-16T03:43:54Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2016-01-08T16:41:18Z : No. of bitstreams: 1 80638.pdf: 1814460 bytes, checksum: 5a304d7d2be37e3e45b73bcb7382c2d2 (MD5) / A presente dissertação é uma tentativa de leitura da obra "Confissões de Ralfo (uma autobiografia imaginária)" de Sérgio Sant'Anna procurando relacioná-la como texto-síntese de uma geração no sentido histórico de uma época datada - Anos 70; do estilo de fazer literatura de uma geração de escritores; e de produção literária gerada por um imaginário. Com esse objetivo, inicialmente, analisa a estratégia da composição imaginária da autobiografia, e a relaciona com o contexto histórico e literário do período. Em seguida, trata do imaginário carnavalesco na correspondência visão do mundo e linguagem, sob a perspectiva teórica de Bakhtin. Finalmente, recupera as gerações do texto, a partir das confissões poéticas e retóricas existentes na literatura do escritor.
7

Para alem do "cisco do sol no olho"

Scramim, Susana Celia Leandro January 1991 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Comunicação e Expressão / Made available in DSpace on 2012-10-16T03:58:49Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2016-01-08T16:54:44Z : No. of bitstreams: 1 84292.pdf: 4011896 bytes, checksum: d97b42bf4aca730f8024157066961976 (MD5) / Leitura da obra A educação dos cinco sentidos, de Haroldo de Campos. Pela importância do papel que o autor desempenha na literatura brasileira e pela complexidade de sua obra, fez-se necessária a passagem pelas modalidades culturais exercidas por ele: o projeto vanguardista, a prática da tradução e o exercício da crítica, atividades estas fundamentais para a compreensão da sua criação poética.
8

Paixões e máscaras (interpretação de três narrativas de Hilda Hilst) /

Mafra, Inês da Silva January 1993 (has links)
Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão. / Made available in DSpace on 2012-10-16T05:01:59Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2016-01-08T18:15:57Z : No. of bitstreams: 1 142361.pdf: 2750858 bytes, checksum: e855e92156410d0e7721521d3af3b220 (MD5)
9

Descrirreconstrução : cultura e memoria em Pedro Nava

Lima Filho, Henrique Espada Rodrigues January 1993 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Comunicação e Expressão / Made available in DSpace on 2012-10-16T05:19:04Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2016-01-08T18:08:13Z : No. of bitstreams: 1 91218.pdf: 3786704 bytes, checksum: 92d158378f1942a877054cc6f2ad750b (MD5) / Pedro Nava, em suas "memórias", sustenta a força e a riqueza de sua narrativa em uma "leitura" do mundo. Desde fotografias e documentos, passando por velhos bilhetes e cartas do tempo de escola, até os espaços - as ruas, as ruínas, a cidade. Toda esta matéria se mostra para o memorialista como repleta de significados perdidos que o narrador - mediado por seu "saber", a experiência - vai desvendar e nos devolver através do seu texto. A reconstrução deste mundo pleno de sentidos empreendida pela memória não é uma tentativa de "descrição" do passado "tal qual aconteceu", mas - nas palavras do próprio Nava - uma descrirreconstrução: a recriação através da narrativa de um passado vivo e multifacetado. As memórias de Nava são então um esforço de memória cultural, na medida em que se trata de uma inteligibilidade do tempo mediada pelo acúmulo e transmissão da experiência coletiva - a cultura. Uma memória que quer testemunhar sobre os fazeres dos homens empenhados em seu convívio com os outros homens, em suas práticas e significações sociais, que dão sentido ao mundo e ao tempo.
10

O Escritor post-modernista enquanto critico : Lucio Cardoso

Cordeiro, Ana Maria January 1995 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão / Made available in DSpace on 2012-10-16T09:02:23Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2016-01-08T19:43:13Z : No. of bitstreams: 1 103820.pdf: 2950779 bytes, checksum: 1727567103d3b01bd0942c2c0909b76b (MD5) / Este trabalho visa, fundamentalmente, analisar e interpretar as tensões que se estabelecem na produção crítica do escritor brasileiro Lúcio Cardoso à luz da questão da influência. Para isso, foi utilizado o referencial teórico da teoria da influência de Harold Bloom como suporte do trabalho.Enquanto problema dos tempos modernos, a angústia da influência segundo a teoria bloomiana aparece na obra dos escritores, ora como uma repetição, ora como um fantasma assombroso ou mesmo como um ato revisionário da obra do precursor. As atitudes do artista podem ser múltiplas nesta relação em busca da identidade literária, porém o que caracteriza sua trajetória é o resultado da obra, na totalidade, diferente do(s) precursor(es). Numa tentativa de testar os limites desta teoria, ensaiamos sua validade, na produção crítica de um escritor brasileiro. Com isso, pretendemos abordar o modo como o escritor modernista se distanciou dos postulados de ruptura, ao mesmo tempo que não deixou de ter uma postura crítica em relação à vanguarda. Ao resgatar a figura dos precursores, Lúcio Cardoso não somente analisa suas escrituras, como também faz uma auto-análise crítica ao optar pelas literaturas estrangeiras. Consideramos, portanto, que a estética de Lúcio Cardoso, inferida nos conflitos modernistas, postula uma reinterpretação das reflexões críticas que têm sido feitas, sobre o chamado segundo momento do modernismo brasileiro.

Page generated in 0.1141 seconds