• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 535
  • 5
  • 2
  • 1
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 549
  • 267
  • 80
  • 79
  • 75
  • 66
  • 61
  • 61
  • 57
  • 56
  • 52
  • 51
  • 50
  • 43
  • 38
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Infestação do bicudo-do-algodoeiro em função da densidade de plantas e época do cultivo

Dias, Antonio Macedo 24 February 2016 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária, 2016. / Submitted by Albânia Cézar de Melo (albania@bce.unb.br) on 2016-04-08T13:41:14Z No. of bitstreams: 1 2016_AntonioMacedoDias.pdf: 1028081 bytes, checksum: 42600d36abd0edba95c5755af6e5ba5f (MD5) / Approved for entry into archive by Guimaraes Jacqueline(jacqueline.guimaraes@bce.unb.br) on 2016-04-11T14:25:24Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2016_AntonioMacedoDias.pdf: 1028081 bytes, checksum: 42600d36abd0edba95c5755af6e5ba5f (MD5) / Made available in DSpace on 2016-04-11T14:25:24Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2016_AntonioMacedoDias.pdf: 1028081 bytes, checksum: 42600d36abd0edba95c5755af6e5ba5f (MD5) / O bicudo-do-algodoeiro é uma das pragas de maior relevância da agricultura no Brasil. Apesar da sua importância, medidas de manejo efetivas em sistemas de cultivo restritivos ao uso de insumos sintéticos continuam escassas. O objetivo desse trabalho foi avaliar o efeito do espaçamento entre linhas e da época de semeadura sobre o ataque do bicudo-do-algodoeiro e características condicionantes da produção das plantas. Foram testados os espaçamentos de 0,50, 0,75 e 1,00 m entre linhas e as épocas de semeadura 20/11/14, 16/12/14 e 20/01/15, sendo os tratamentos arranjados no delineamento em blocos ao acaso com quatro repetições. Ao surgimento das primeiras estruturas reprodutivas, avaliou-se, semanalmente, o número total e o número de estruturas reprodutivas contendo sinais de alimentação e oviposição do bicudo-do-algodoeiro. Adicionalmente, as estruturas atacadas e caídas no solo foram coletadas, que também é uma medida de controle cultural por catação evitando um aumento na infestação da lavoura pelos indivíduos emergidos e destinadas ao laboratório e submetidas à mesma avaliação feita a campo sendo, em seguida, acondicionadas em recipientes plásticos de 5L de capacidade e submetidas à avaliação semanal quanto à emergência de adultos até 21 dias após a coleta. Na última avaliação, foi realizada análise destrutiva para contabilização das fases da praga presentes no interior das estruturas coletadas e que não emergiram. A partir da abertura de 80% dos capulhos, as avaliações a campo foram encerradas, quando foi realizada a colheita de 10 plantas ao acaso por parcela contabilizando-se o número total de capulhos e maçãs, o número de capulhos normais e defeituosos (carimã), o número total de ramos das plantas colhidas e o número de maçãs normais e com sinais de ataque do bicudo-do-algodoeiro. Após essa avaliação, os capulhos foram pesados com e sem caroço para estimativa da produção, rendimento e qualidade tecnológica da fibra. Os dados foram analisados por ANOVA por medidas repetidas e ANOVA seguida de teste de médias, para a verificação do efeito significativo de tratamentos. Observou-se que o espaçamento de 0,75 m entre linhas e a segunda época de cultivo (16/12/2014) adiaram a tomada de decisão de controle de A. grandis em uma e três semanas, respectivamente, além de terem produzido menor número de adultos e, em geral, menor número de estruturas reprodutivas danificadas. O espaçamento de 0,75 m e a primeira época de cultivo (20/11/2014) proporcionaram as maiores produções e permitiram a obtenção de melhores classificações em termos de qualidade da fibra. ___________________________________________________________________________ ABSTRACT / The boll weevil is one of the most important pest of cotton in Brazil. In spite of its relevance, management practices that are effective in controlling this pest in systems restrictive concerning pesticides use are scarce. Hence, this work evaluated the effect of row spacing and planting date over attack boll weevil, and over the production characteristics of cotton plants. Row spacing of 0.50, 0.75 and 1.00 m and planting dates of 11/20/14, 12/16/14 and 01/20/15 were tested, with the treatments being arranged in a completely randomized design with four replicates. The evaluations started at the appearance of the first reproductive structures. Weekly, from this point on, the total number of reproductive structures and those showing punctures of feeding and/or oviposition boll weevil were recorded. In addition, the falling attacked structures were collected, taken to the Lab and evaluated concerning the boll weevil adult emergence. Right after, these structures were placed in plastic containers of 5 L capacity where they were kept for 21 days. The number of emerging adults of boll weevil was weekly accounted. The last evaluation, a destructive observation, was performed in order to record the number of non-emerged insects. When the bolls opened, data recording stopped and 10 plants per plot were randomly harvested. The number of normal and attacked open and closed bolls and the number of branches per plant were recorded. The lint were manually separated from the seeds and weighted in order to obtain the fiber yield. The material was sent to Embrapa Cotton Campina Grande, PB, for fiber analysis. The data were subjected to repeated measures ANOVA and ANOVA followed by multiple comparison tests every time that a significant effect of treatments was verified. Row spacing of 0.75 m and the second planting date (12/16/2014) postponed the controlling decision of A. grandis in one and three weeks, respectively. Besides, those were the treatments where the lowest number of the boll weevil and damaged reproductive structures were obtained. Also, the highest yields were obtained at the row spacing of 0.75 and on the first planting date (11/20/2014). Finally, the quality of fiber in these treatments reached the best qualification.
2

Parâmetros hematológicos, bioquímicos, ganho em peso e emissão de metano de ovinos Santa Inês alimentados com coprodutos do algodão

Lima, Paulo de Mello Tavares 26 March 2013 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária, 2013. / Submitted by Albânia Cézar de Melo (albania@bce.unb.br) on 2013-06-14T13:22:38Z No. of bitstreams: 1 2013_PauloMelloTavaresLima.pdf: 571968 bytes, checksum: 1dca3ec9e89853e0597d0a7c703fd029 (MD5) / Approved for entry into archive by Guimaraes Jacqueline(jacqueline.guimaraes@bce.unb.br) on 2013-06-14T16:18:52Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2013_PauloMelloTavaresLima.pdf: 571968 bytes, checksum: 1dca3ec9e89853e0597d0a7c703fd029 (MD5) / Made available in DSpace on 2013-06-14T16:18:52Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2013_PauloMelloTavaresLima.pdf: 571968 bytes, checksum: 1dca3ec9e89853e0597d0a7c703fd029 (MD5) / Foram realizados dois experimentos ao longo deste trabalho. O primeiro teve o objetivo de avaliar os efeitos da suplementação de concentrado a base de coprodutos do algodão sobre parâmetros hematológicos, bioquímicos e ganho em peso de borregos Santa Inês. Este ensaio teve duração de 90 dias, foram utilizados 22 animais, sendo formados quatro grupos experimentais, que se diferenciaram entre si de acordo com o coproduto do algodão empregado na formulação do concentrado. Assim sendo, formaram-se os grupos: Controle (CON) (sem coproduto do algodão); Caroço de algodão (CAR); Farelo de algodão (FAR); e Torta de algodão (TOR). Foi utilizado delineamento inteiramente casualizado, com quatro tratamentos e seis repetições para os grupos CON e FAR e cinco para os grupos CAR e TOR. Não foi verificada diferença estatística (P > 0,05) entre os quatro tratamentos em nenhum dos parâmetros hematológicos e bioquímicos avaliados. Na avaliação de parâmetros hematológicos, com exceção ao parâmetro leucócitos (Leu), todos os valores permaneceram dentro da faixa de valores de referência para ovinos. Na avaliação dos parâmetros bioquímicos, o único parâmetro que apresentou resultados fora da faixa de valores de referência para ovinos foi a ureia sérica. As alterações verificadas nos resultados dos parâmetros Leu e ureia foram explicadas por mecanismos fisiológicos, e considerando-se o fato de que não foram observados sinais clínicos de intoxicação por gossipol nos animais ao longo de todo o experimento, concluiu-se que o gossipol na dieta não causou nenhum efeito tóxico aos animais. Avaliando-se o ganho em peso dos animais ao longo do período experimental, não se observou diferença estatística (P > 0,05) entre os quatro tratamentos, indicando que as rações formuladas com coprodutos do algodão propiciaram mesmo nível de desempenho aos animais que a ração do grupo CON, formulada a base de milho e farelo de soja, sem inclusão de coprodutos do algodão. Dessa forma, concluiu-se que os coprodutos do algodão constituem-se uma boa opção de suplementação para cordeiros. O segundo ensaio teve como objetivo avaliar o efeito da suplementação de coprodutos do algodão sobre a emissão de metano (CH 4) em ovelhas Santa Inês. A técnica empregada para avaliação da emissão de CH 4 foi a do gás traçador hexafluoreto de enxofre (SF 6). Foram utilizadas 12 ovelhas adultas, por um período experimental de 19 dias (14 adaptação, 5 coleta). Formaram- se novamente, quatro grupos experimentais: CON, CAR, FAR, TOR. Foi utilizado delineamento inteiramente casualizado com quatro tratamentos e três repetições. As rações utilizadas apresentavam diferentes teores de gossipol, uma vez que foram usados diferentes coprodutos do algodão na formulação das mesmas. Por meio de adição de óleo de soja, equilibrou-se o teor de extrato etéreo das rações dos quatro tratamentos. Não foi verificada diferença estatística (P > 0,05) entre nível de emissão de CH 4 dos quatro tratamentos, e por meio de análise de regressão linear e quadrática, observou-se que não houve relação entre o nível de gossipol na dieta e a emissão de CH 4 dos animais. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT / Two experiments were conducted throughout this work. The first aimed to evaluate the effects of the supplementation of concentrates formulated with cottonseed byproducts on hematological and biochemical parameters; and daily weight gain of Santa Inês lambs. This experiment lasted 90 days, 22 animals were used, divided into four experimental groups, which were distinguished from each other in accordance with the cottonseed byproduct employed in concentrates formulation. Therefore, the groups were: Control - CON (no cottonseed byproduct); Whole cottonseed (CAR); Cottonseed meal (FAR); Cottonseed cake (TOR). A completely randomized design was used, with six repetitions for the groups CON and FAR and five for the groups CAR and TOR. No statistical difference was found (P > 0.05) between the four treatments in any of the hematological and biochemical parameters evaluated. In the evaluation of hematological parameters, except for the parameter leukocytes (Leu), all values remained within the reference range for sheep. In the evaluation of biochemical parameters, the only parameter that presented results out of the reference range values for sheep was serum urea. The alterations observed in the evaluation of the parameters Leu and urea were explained by physiological mechanisms, and considering the fact that no clinical signs of gossypol intoxication were observed in the animals throughout the whole experimental period, it was concluded that dietary gossypol caused no toxic effect on animals. Evaluating the daily weight gain of the animals during the trial, it was found no statistical difference (P > 0.05) between the four treatments, indicating that the animals fed cottonseed byproducts have presented the same performance level of the animals of the CON group, which were fed concentrate formulated with corn grains and soybean meal, with no inclusion of any cottonseed byproduct. Thus, it was concluded that the cottonseed byproducts constitute a good option for lambs supplementation. The second experiment aimed to evaluate the effects of supplementation of concentrates formulated with cottonseed byproducts on the methane (CH 4) emission of Santa Inês sheep. The technique used to evaluate the CH 4 emission was the sulfur hexafluoride (SF 6) tracer technique. 12 Santa Inês mature sheep were used for an experimental period of 19 days (14 adaptation, 5 collection). The animals were divided into four experimental groups: CON, CAR, FAR, TOR. A completely randomized design was used, with four treatments and three repetitions. The diets used presented different gossypol levels from each other, since different cottonseed byproducts were used in the formulation of the concentrates, and by addition of soybean oil, the ether extract content was balanced between the diets. No statistical difference was found (P > 0.05) between CH emission level of the four treatments, and by linear and quadratic regression analysis, it was observed that there was no relation between the dietary gossypol and CH 4 emission of sheep.
3

Relacionamento entre microestrutura e propriedades de variedades de fibras de algodão cultivadas no Brasil

Gondim, Rose Marry Araujo 05 April 1989 (has links)
Orientador: Edison Bittencourt / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Engenharia de Campinas / Made available in DSpace on 2018-07-16T13:59:09Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Gondim_RoseMarryAraujo_M.pdf: 2819635 bytes, checksum: 5f738c93dda46d1047c48a7f258d1464 (MD5) Previous issue date: 1989 / Resumo: As técnicas de caracterização morfológica das fibras de algodão são bastante conhecidas no exterior, constando de inúmeros trabalhos. No Brasil nenhum estudo sobre a estrutura da fibra de algodão havia sido realizado. O objetivo deste trabalho é o desenvolvimento e a utilização de vários métodos de análise, ainda não utilizados no país, para estudar as características estruturais de fibras celulósicas, tais como cristalinidade e acessibilidade, utilizando métodos químicos e fíS1COS, e correlaciona-las com o comportamento mecânico e físico-químico da fibra. Este estudo representa a fase inicial de um programa de desenvolvimento, que visa obter um maior conhecimento da estrutura da fibra, podendo, deste modo, melhorar os estudos genéticos de novas variedades de algodão com melhor qualidade, o que é de grande importância para a industria têxtil. / Abstract:The technics of morfological caracterization of cotton fibers are well known in other countries, as can be seen by the amount of published papers. In Brazil, no study about the structure of cotton fiber has been done yet. The purpose of this work is the development and the utilization of analytical techniques, yet not used in Brazil, for the study of structural caracterization of cellulosics fibers, like the cristalinity and the accessibility, using chemical and phisical methods. The results are correlated to mecanical and physical chemical caracteristics of fiber. This work is a initial study of a program concerning with the development of a better knowledge of the structure of the fiber, possibilliting genetical studies for obtaintion of new breeds of cotton, with a enhanced quality. A field of great importance for the textil industries. / Mestrado / Mestre em Engenharia Química
4

Seleção de estirpes de Bacillus thuringiensis tóxicas ao pulgão do algodoeiro (Aphis gossypii)

Melatti, Viviane Montagner 02 1900 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária, 2008. / Submitted by Fernanda Weschenfelder (nandaweschenfelder@gmail.com) on 2009-09-30T20:03:49Z No. of bitstreams: 1 2008_VivianeMontagnerMelatti.pdf: 1372596 bytes, checksum: 4327d9c56392bd6c864bd8edbae9196b (MD5) / Approved for entry into archive by Marília Freitas(marilia@bce.unb.br) on 2010-02-11T00:03:04Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2008_VivianeMontagnerMelatti.pdf: 1372596 bytes, checksum: 4327d9c56392bd6c864bd8edbae9196b (MD5) / Made available in DSpace on 2010-02-11T00:03:04Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2008_VivianeMontagnerMelatti.pdf: 1372596 bytes, checksum: 4327d9c56392bd6c864bd8edbae9196b (MD5) Previous issue date: 2008-02 / O crescimento da produção de algodão expõe esta cultura ao ataque severo de diversas pragas, entre elas o pulgão do algodoeiro (Aphis gossypii). Este inseto tem causado até 44% de perdas à cultura do algodão, atacando principalmente os estágios iniciais da cultura. Devido à sucção contínua da seiva ocorre a deformação dos brotos, prejuízo ao desenvolvimento da planta e ainda, excreção de uma secreção açucarada (“honeydew”) com associação simbiótica com formigas e favorece o surgimento da fumagina. O A. gossypii pode causar danos indiretos através da transmissão de doenças viróticas como o vermelhão e o mosaico das nervuras (“azulão”). O controle desta praga pelo uso intensivo de inseticidas químicos pode causar o desequilíbrio do meio ambiente, atuando sobre os inimigos naturais e selecionando populações resistentes. Com isso, o controle biológico surge como uma alternativa para o controle dessa praga. Bacillus thuringiensis é uma bactéria gram positiva, que produz inclusões protéicas, conhecidas como &-endotoxinas, que apresentam atividade tóxica a algumas ordens de insetos. Esta bactéria apresenta potencial para ser utilizada para o controle de insetos sugadores através da sua utilização sistêmica ou com o uso de plantas geneticamente modificadas com genes cry ativos ao inseto-alvo. Estirpes do Banco de Germoplasma de Bacillus sp. da Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia foram testadas contra A. gossypii através de bioensaio seletivo, das quais foram selecionadas as estirpes S29, S40, S616, S1168 e S1576 que apresentaram mortalidade superior a 50%. As cinco estirpes selecionadas foram caracterizadas quanto ao perfil protéico, que variou de 50 a 130kDa, e ao perfil molecular, sendo algumas delas positivas para a presença dos genes cry1Aa, cry1D, cry2 e cry8. Na caracterização através da microscopia eletrônica de varredura, cristais esféricos e bipiramidais foram observados em grande parte nas estirpes testadas. __________________________________________________________________________________________ ABSTRACT / The production of the cotton crop is growing and exposes this culture to severe attack of various pests, including the cotton aphid (Aphis gossypii). This insect has caused 44% loss to the culture of cotton, attacking the initial stages of the crop. The continuous sucking sap deforms the shoots, hampers the development of the plant and also expels a sugar secretion ("honeydew") that has symbiotic association with ants and favors the emergence of fumagina. A. gossypii can cause indirect damage through the transmission of virotic diseases such as “vermelhão” and mosaic of ribs ("azulão"). The control of this pest by the intensive use of chemical insecticides can cause the imbalance of the environment, acting on the natural enemies and selecting resistant populations. Thus, the biological control emerges as an alternative for the control of this pest. Bacillus thuringiensis is a Gram positive bacterium, which produces protein inclusions, known as &-endotoxins, which have toxic activity to some orders of insects. This bacterium has the potential to be used for the control of sucker insects by the systemic use or using genetically modified plants with cry genes active to the target insect. Strains of the Bank of Germplasm of Bacillus spp. of Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia were tested against A. gossypii by selective bioassay which were selected the strains S29, S40, S616, S1168 and S1576 that showed more than 50% of mortality. The five selected strains were characterized by protein profile, which ranged from 50 to 130 kDa, and by molecular profile, where some of them were positive for the presence of genes cry1Aa, cry1D, cry2 and cry8. The characterization by electronic microscopy round and bipiramidal crystals were seen in the most strains tested.
5

Análise da variabilidade genética de populações de Anthonomus grandis (Coleoptera: Curculionidae), na cultura do algodoeiro

Vilarinho, Karen Regina 07 1900 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária, 2007. / Submitted by Alexandre Marinho Pimenta (alexmpsin@hotmail.com) on 2009-09-03T22:08:33Z No. of bitstreams: 1 Dissert_KarenReginaVilarinho.pdf: 2920480 bytes, checksum: bfe0c903f90d65be70e3169d37d13508 (MD5) / Approved for entry into archive by Luanna Maia(luanna@bce.unb.br) on 2009-09-14T15:23:20Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Dissert_KarenReginaVilarinho.pdf: 2920480 bytes, checksum: bfe0c903f90d65be70e3169d37d13508 (MD5) / Made available in DSpace on 2009-09-14T15:23:20Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Dissert_KarenReginaVilarinho.pdf: 2920480 bytes, checksum: bfe0c903f90d65be70e3169d37d13508 (MD5) Previous issue date: 2007-07 / O algodão é uma das fibras mais importantes do mundo. Além disso, pertence ao grupo das oleaginosas e por este motivo é considerado como um elemento importante para biocombustíveis alternativos. Os custos da produção de algodão são muito elevados devido às pragas que ameaçam sua produtividade, qualidade e lucratividade. No Brasil, a produção de algodão também figura entre as culturas agrícolas mais importantes. Um dos principais obstáculos na produção de algodão é a presença de pragas, tal como o bicudo do algodoeiro Anthonomus grandis (Coleoptera: Curculionidae). Esta praga foi introduzida em 1983, na região Sudeste do Brasil e atualmente está disseminada por todas as áreas produtivas de algodão. Embora as fêmeas adultas prefiram os botões florais, elas ovipositam dentro dos botões florais e das maçãs, reduzindo a produção e a qualidade da fibra. Medidas fitossanitárias aplicadas para o controle da praga dependem do uso intenso de pesticidas, os quais resultam em problemas ambientais. Estes pesticidas podem envenenar os trabalhadores, matar insetos benéficos e microorganismos do solo e contaminam a água. A exemplo do Programa de Área Livre de bicudo-doalgodoeiro utilizado em uma área da região do cerrado, eficientes medidas fitossanitárias integradas em outras regiões do país são muito importantes para diminuir a população, os prejuízos econômicos e eventualmente a erradicação da praga. Este estudo foi realizado na região do cerrado, em cinco áreas produtoras de algodão do DF, com o objetivo de avaliar a diversidade genética das populações de bicudo-do-algodoeiro. Nessas áreas, medidas fitossanitárias foram aplicadas semanalmente para o controle da população do inseto. Um grande número de bicudos-do-algodoeiro foi coletado em todas as áreas estudadas, mesmo com as intensas aplicações de inseticidas durante o desenvolvimento da cultura. Os resultados também confirmaram que nessas áreas o inseto teve um índice alto de sobrevivência, com várias gerações durante todo o ciclo do algodão, reproduzindo-se e migrando para as áreas de vegetação natural, que servem como refúgio para a população durante a entressafra da cultura. Análises moleculares de RAPD forneceram informações úteis para as cinco populações estudadas. Embora a maior distância geográfica entre as áreas de produção fosse de 13 km, os marcadores RAPD detectaram variabilidade genética entre as populações de bicudo-doalgodoeiro, mostrando dois subgrupos distintos. A análise intrapopulacional realizada em uma das áreas estudadas também apresentou dois subgrupos distintos: um formado pelas subpopulações da pré-floração e da floração; e outro da subpopulação pós-floração. ________________________________________________________________________________________ ABSTRACT / Cotton is one of the most important fiber in the world. It is also in the category of oilseed group and therefore is now considered as an important element for biofuels alternatives. Cotton cost production is very high because of pests that threaten its productivity, quality and profitability. In Brazil, cotton production also figures among the most important cultivated crops. One of the major challenges of cotton production is the presence of pests such as the boll weevil, Anthonomus grandis (Coleoptera: Curculionidae). This pest was introduced in 1983, in the southeast region of Brazil and nowadays it has spread to all cotton production areas. Although adult females prefer squares, they oviposit into both squares and young bolls reducing yield and quality of the fiber. Phytosanitary measures applied to control the pest, depend heavily on hazard pesticides which in turn have been leading to environmental problems. These pesticides can poison farm workers, kill beneficial insects and soil microorganisms and contaminate ground and surface water. In spite of The Boll Weevil Free Area Program in progress in one area of the savanna region, efficient integrated phytosanitary management in others regions of the country is very important to bring the population down to specific economic injury levels and economic thresholds and eventually to eradication. This study was conducted in five cotton production areas of the savanna region, in DF, Brazil, with a goal to evaluate the genetic diversity of the boll weevil populations. In those areas, phytosanitary measures were applied weekly to control the insects’ populations. High numbers of boll weevils were collected in all fields studied in spite of insecticide applications during the growing season. The results also confirmed that in those areas the insect went through several overlapping generations during every crop season, reproducing and moving often to surrounding natural vegetation areas as a refuge to its population. Molecular analysis of RAPD technique provided useful information on the population collected in the five areas. Although the highest geographic distance among the production sites was of 13 km, the results revealed polymorphism between the weevil populations showing two distinct subgroups. Intrapopulation analysis realized in one of the sites studied also revealed two distinct subgroups of weevils, being one subgroup of cotton first bloom and early bloom populations and the other,peak bloom subgroup population.
6

Estudos economicos da cotonicultura cearense

Alcantara Filho, Sebastião January 1971 (has links)
Submitted by Marcia Bacha (marcia.bacha@fgv.br) on 2011-04-26T17:51:49Z No. of bitstreams: 1 000100636.pdf: 2754997 bytes, checksum: f2a2586b62b4fb1a584fc14de9a3e343 (MD5) / Approved for entry into archive by Marcia Bacha(marcia.bacha@fgv.br) on 2011-04-26T17:51:57Z (GMT) No. of bitstreams: 1 000100636.pdf: 2754997 bytes, checksum: f2a2586b62b4fb1a584fc14de9a3e343 (MD5) / Made available in DSpace on 2011-04-26T17:53:00Z (GMT). No. of bitstreams: 1 000100636.pdf: 2754997 bytes, checksum: f2a2586b62b4fb1a584fc14de9a3e343 (MD5) Previous issue date: 1971-11
7

Estudo comparativo de custos e receitas entre os sistemas de produção do algodão colorido de sequeiro e algodão colorido irrigado no Estado da Paraíba

Pessoa, Luiz Gustavo de Sena Brandão January 2008 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Programa Multiinstitucional e Inter-regional de Pós-Graduação em Ciências Contábeis, 2008. / Submitted by samara castro (sammy_roberta7@hotmail.com) on 2010-03-20T17:59:21Z No. of bitstreams: 1 2008_LuizGustavodeSenaBrandaoPessoa.pdf: 680716 bytes, checksum: f3e41543b95af556485dc0018f552cba (MD5) / Approved for entry into archive by Lucila Saraiva(lucilasaraiva1@gmail.com) on 2010-04-27T22:03:13Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2008_LuizGustavodeSenaBrandaoPessoa.pdf: 680716 bytes, checksum: f3e41543b95af556485dc0018f552cba (MD5) / Made available in DSpace on 2010-04-27T22:03:13Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2008_LuizGustavodeSenaBrandaoPessoa.pdf: 680716 bytes, checksum: f3e41543b95af556485dc0018f552cba (MD5) Previous issue date: 2008 / A cotonicultura brasileira vem passando por diversas mutações no sistema de produção com os diversos avanços tecnológicos, caracterizados pela competitividade, o que sugere a contabilidade como ferramenta para auxiliar nas alternativas de decisões. A utilização da alternativa de produzir algodão em fibras coloridas vem como sugestão ao produtor da Paraíba, caracterizado como satisfatório para esta cultura. A presente dissertação traz um estudo comparativo de custos e receitas na produção de algodão colorido sob regime de sequeiro e sob regime irrigado, na Paraíba. Com o objetivo de identificar e mensurar a diferença estatística entre as variáveis de custos dos sistemas de produção do algodão colorido de sequeiro e irrigado, partiu-se da hipótese que as diferenças existem. Para responder a hipótese, foi feita uma pesquisa de campo entre produtores selecionados em ambos os sistemas de produção, no universo de estudo, situado nas regiões do seridó e sertão paraibano. O banco de dados foi composto através de dados primários, obtidos por meio de um formulário de questões a respeito das variáveis que afetam os custos e as receitas em ambos os sistemas de produção; e secundários, obtidos através de pesquisas bibliográficas e informações obtidas nos diversos órgãos públicos. Os dados foram tratados e analisados através da estatística descritiva e estatística analítica, utilizando-se a estatística não paramétrica através do Teste de Mann Whitney, precedido pelo teste de aleatoriedade. Os resultados mostram que existem diferenças estatísticas entre as variáveis que afetam os custos e as receitas na produção do algodão colorido nos regimes de sequeiro e irrigado. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT / The Brazilians raise of cotton have been passing through several changes in the production system with the various technological advances, characterized by competitiveness, which suggests the accounts as a tool to assist in alternative decisions. The use of the alternative of producing cotton in colored fibers suggestion comes as the producer of Paraíba, characterized as satisfactory for this culture. This dissertation provides a comparative study of costs and revenues in the production of cotton under color scheme of dry and under irrigation scheme, in Paraíba. In order to identify and measure the variables statistics among the variables of system costs of production of the cotton colorful of sequeiro and irrigating she breaked if from hypothesis as the differences exists. To respond the assumption, a field research was made between producers selected in the universe of study located in the regions of serido and paraibans sertao region. The database was composed through primary data, obtained through a form of questions about the variables that affect the costs and revenues in both schemes, and secondary, obtained through searches and bibliographic information obtained in the various public agencies. The data were processed and analyzed by descriptive statistics and statistical analytical, using the non-parametric statistical through the Mann-Whitney test, preceding at test of aleatoriedade. The results show that there are statistical differences between the variables that affect costs and revenues in the production of cotton color schemes in rain fed and irrigated
8

Produção de bacteriocinas por diferentes isolados e raças fisiológicas de Xanthomonas campestris pv. Malvacearum (E. F. Smith, 1901) DYE, 1978 / Production of bacteriocins by different isolates and physiologic races of Xanthomonas campestris pv. Malvacearum (E. F. Smith, 1901) DYE, 1978

Chiavegato, Ederaldo José 28 February 1989 (has links)
No presente trabalho, foi investigada a produção de bacteriocinas por diferentes isolados e raças fisiológicas de Xanthomonas campestris PV. Malvacearum (E. F. Smith, 1901) DYE. Isolados provenientes de várias localidades, diferiram entre si quanto à capacidade de produção e à sensibilidade as bacteriocinas, tanto a nível de raças ou de isolados, como em relação à origem desses isolados. Consequentemente, foi impossível a caracterização destes em grupos por tipos de bacteriocinas. De acordo com os resultados obtidos, as bacteriocinas produzidas são termoestáveis a 79°C por 15 minutos. Foi observado que 55% dos isolados produziram bacteriocinas contra os demais, quando testados em meio de cultura BDA. Em Agar-Nutriente a produção foi inibida. Paralelamente aos estudos de produção de bacteriocinas, foram feitas observações a respeito da variabilidade patogênica de Xanthomonas campestris PV. Malvacearum . Foram detectadas as raças fisiológicas 3, 7, 13, 17, 18 e 19 com base nas reações de patogenicidade apresentadas pelo grupo de linhagens diferenciais de algodoeiro. Todas essas raças foram observadas no Estado de São Paulo. A raça 18 foi detectada em amostras provenientes de todos os outros Estados produtores de algodão na Zona Meridional do Brasil (Paraná, Mato Grosso, Minas Gerais, Goiás e Mato Grosso do Sul), porém, nessas regiões foi observada ocorrência menos generalizada das demais raças / The production of bacteriocins by different isolates and physiologic races of Xanthomonas campestris PV. Malvacearum (E. F. Smith, 1901) Dye was investigated. Isolates coming from several localities differed as bacteriocins productors and to the sensibility to such substances. Differences were also observed among races as well as according the geographic origin. Characterization and grouping of the isolates by the type of bacteriocins produced was not possible. The bacteriocins were thermostable at 79°C for minutes. The results showed that 55% of the isolates produced bacteriocins against the others, when tested in PDA medium. Bacteriocin production was inhibited in Nutrient-Agar. Observations concerning the variability of Xanthomonas campestris pv. Malvacearumwere made. Physiologic races 3, 7, 13, 17, 18 and 19 were detected on the basis of reactions exhibited by the group of cotton lines generally recognized as differentials. All those races were observed in São Paulo state, Brazil. Race 18 was detected also in samples collected in the other cotton producing meridional states of Brazil (Paraná, Mato Grosso, Minas Gerais, Goiás and Mato Grosso do Sul); however, a less generalized ocorrence was observed for the other races in the same states
9

Eficácia da penetração de gotas de pulverização no algodoeiro em diferentes alturas de plantas / Effectiveness of the penetration of drops of spraying in the cotton plant in different heights of plants

Bettini, Paulo Cesar 29 September 2005 (has links)
Embora a pulverização seja o principal método utilizado para o tratamento fitossanitário da cultura do algodoeiro, esta tem sido realizada de maneira empírica, o que evidencia a necessidade de trabalhos para avaliar a penetração de gotas no algodoeiro, uma vez que algumas de suas principais pragas e doenças ocorrem no interior da planta. Assim, o presente trabalho teve como objetivo principal avaliar a eficácia da penetração de gotas de pulverização no algodoeiro, em diferentes fases vegetativas. Para isso, pulverizadores equipados com pontas produzindo 5 diferentes espectros de gotas (200, 243, 297, 358 e 396 μm) pulverizaram sobre plantas de algodoeiro, em duas diferentes fases vegetativas (0,80 m de altura com 1.735,51 cm2 de área foliar e 1,0 m de altura com 12.241,03 cm2 de área foliar), equipadas com hastes coletoras contendo cada uma 3 placas de alumínio, simulando a folha da cultura, com um papel hidrossensível na parte superior e outro na inferior, posicionadas no terço superior, médio e inferior da planta. Foram realizadas 4 repetições, cada uma composta por 6 plantas selecionadas ao longo da barra do pulverizador. Uma avaliação visual prévia dos resultados mostrou que nenhum dos tratamentos utilizados foi eficiente em colocar uma quantidade adequada de gotas sobre os papéis hidrossensíveis posicionados na parte inferior dos amostradores, razão pela qual os mesmos não foram considerados na análise. O espectro das gotas coletadas foi determinado por meio do programa computacional e-Sprinkle, versão 2004, desenvolvido pela Embrapa/Ablevision. Foram utilizados os dados relativos ao número de gotas por classe de tamanho, e não o diâmetro mediano volumétrico, uma vez que a eficácia de várias gotas pequenas em atingir o alvo poderia ser mascarada por apenas uma gota média ou grande caso este último fosse utilizado. Uma vez normalizados, os dados foram analisados para cada época segundo um delineamento inteiramente casualizado, dentro de um esquema fatorial 5x3x17, correspondendo a 5 diâmetros iniciais, 3 posições na planta e 17 classes de diâmetros verificados sobre os amostradores. Pelos resultados obtidos nas condições dos ensaios, para as duas épocas analisadas, pode-se concluir que gotas com diâmetros na faixa de 95 a 174 μm proporcionaram melhor distribuição no perfil da planta do algodoeiro; em pulverizações onde o alvo é o terço médio e superior da planta, gotas de até 363 μm mostraram-se eficientes; gotas com diâmetro superior a 500 μm, em função da baixa penetração não devem ser utilizadas no tratamento fitossanitário do algodoeiro. Estudos complementares de cobertura e deposição de calda, com gotas dentro destas faixas de diâmetros, necessárias a eficácia do controle das principais pragas do algodoeiro, são ainda necessários. / Although the spraying is the main method used for cotton plant crop protection, it has been carried through in an empirical way, that evidences the necessity of studies to evaluate the penetration of the drops into the cotton plant, once some of its main plagues and illnesses occur inside the plant. Thus, the present study aimed to evaluate the effectiveness of drop penetration sprayed in the cotton plant in different vegetative phases. For that reason, sprayers equipped with nozzle 5 different droplet spectrum (200, 243, 297, 358 and 396 μm) have sprayed on cotton plants, in two different vegetative phases (0,80 m of height with 1.735.51 cm2 of foliar area and 1,0 m of height with 12.241,03 cm2 of foliar area), equipped with samplers rods containing 3 aluminum plates each, simulating the plant leaf, with a water sensitive paper on its both sides. It was considered 4 repetitions, each one composed by 6 plants selected along the sprayer bar. A previous visual evaluation of the results showed that none of the treatments used was efficient in placing an adequate amount of droplets on the water sensitive paper that was located in the lower part of the leaf. Because of that, this lower side analysis was not considered. The specter of the collected drops was determined through the software ware e-Sprinkle, version 2004, developed by Embrapa/Ablevision. Data related to the number of droplets by size group were used instead of the volume median diameter. The reason for that is because the effectiveness of a great number of small droplets reaching the target could be masked by only one big or median drop. Once the data had been normalized, they were analyzed concerning each phase, according to an entirely casual delineation, in a factorial project 5x3x17, corresponding to the 5 initial diameters, 3 positions in plant and 17 diameter groups verified on the collectors. The results, which were obtained in the condition of both phases analyzed, showed that drops with about 95 to 174 μm diameter provided a better distribution in the cotton plant profile; in sprayings where the target is the third medium and superior parts of the plant, droplets lower than 363 μm were efficient; droplets with a diameter bigger than 500 μm are not usefull in the cotton plant crop protection treatment, because of the low penetration function. Complementary studies of coverage and deposition of the chemicals, with droplets this range of in diameters, which are necessary to the effectiveness of cotton plant main plague control, are still needed.
10

Comportamento do algodão 'IAC-20' (Gossypium hirsutum L. raça latifolium) em diferentes espaçamentos e distribuições espaciais / Behaviour of cotton cultivar IAC-20 (Gossypiurn hirsuturn L. race latifolium) with different spacings and spatial distributions

Bellettini, Silvestre 18 March 1988 (has links)
Com o objetivo de estudar o comportamento do cultivar IAC-20 de algodão (Gossypium hirsutum L. raça latifolium) sob diferentes espaçamentos e distribuições espaciais, instalou-se, em outubro de 1985, no município de Bandeirantes, Estado do Paraná, ensaio constando dos seguintes tratamentos: seis espaçamentos, sendo três em linhas simples (0,80; 0,90 e 1,00 m), três em linhas duplas (0,40 x 1,20; 0,40 x 1,40 e 0,50 x 1,50 m) e três números de plantas por metro linear (5, 7 e 10). O delineamento experimental foi fatorial 6 x 3, com três repetições em blocos casualizados. De doze plantas de cada parcela analisaram-se os seguintes parâmetros: altura de plantas; diâmetro de caule; número de ramos vegetativos; número de ramos frutíferos; altura de inserção do primeiro ramo frutífero; formação do primeiro botão floral; antese da primeira flor; ocorrência do primeiro capulho; número de capulhos por planta; precocidade; número de lojas por capulho; peso médio de um capulho; porcentagem de fibras; peso de cem sementes; comprimento, uniformidade, resistência, finura e maturidade da fibra, e, produção de algodão em caroço por hectare. A análise e a discussão dos resultados permitem concluir que: O cultivar IAC-20 se comporta, no que se refere à produção e qualidade da fibra, igualmente em qualquer dos sistemas de plantio utilizados. As diferenças estatisticamente significativas ocorrentes em alguns dos parâmetros analisados são insignificantes diante da produção e da qualidade da fibra. As possíveis vantagens dos sistemas de linhas duplas devem ser testadas, técnica e economicamente, em condições diferentes e em presença do bicudo do algodão (Anthonomus grandis Boheman, 1843) / With the objective of studying the behavior of cultivar IAC-20 cotton (Gossypium hirsutum L. race latifolium) under different spacings and spatial distributions, an experiment was installed in October of 1985, in the city of Bandeirantes, Paraná State, Brazil, consisting of the following treatments: six spacings being three in single rows (0,80m; 0,90m and 1,00m), and three in double rows (0,40 x 1,20m; 0,40 x 1,40m and 0,50 x 1,50m) and with three numbers of plants per lineal meter (5; 7 and 10). The experimental design was factorial 6 x 3 with three repetition in randomized blocks. The twelve plants of each plot were analysed for the following parameters: plants height; stem diameter; number of vegetative branches; number od fruiting branches; insertion height of the first fruiting branches; the first flower bud formation; the first flower anthesis; occurrence of the first boll; number of bolls per plant; earliness; number of loculus per boll; averaged weight of one boll; fibers percentage; 100 cotton seeds weight; length, uniformity, strength, fineness, fibers maturity and seed cotton yield per hectare. The analysis and discussion of results lead to the following conclusions: About yield and fiber quality, he behavior of cultivar IAC-20 is the same in anyone of the planting systems used. The significative statistical differences occuring in some of the analysed parameters are insignificant in the presence of yield and fiber quality. The possible advantages of double rows systems must be proved, and in presence of cotton boll weevil (Anthonomus grandis Boheman, 1843)

Page generated in 0.0497 seconds