• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 27
  • Tagged with
  • 27
  • 27
  • 22
  • 18
  • 17
  • 17
  • 14
  • 12
  • 10
  • 8
  • 7
  • 5
  • 4
  • 4
  • 4
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Autonomação e a eliminação das perdas : a base de uma estratégia de produção para assegurar uma posição competitiva na indústria

Silva, Edson Zílio January 2002 (has links)
Com o avanço da globalização, surgem dúvidas quanto às conseqüências desse significativo processo para os países em desenvolvimento. Apesar disso, alguns fatos são inquestionáveis, como, por exemplo, a necessidade que terão as empresas, em especial as brasileiras, de buscar novas “fórmulas” para continuar competindo neste novo contexto globalizado. A tecnologia deve permanecer sendo um “divisor de águas” entre os líderes de mercado e seus seguidores, no entanto, seria razoável supor que a competição não se restrinja somente a esse aspecto, devendo abranger outros, também importantes, como é o caso dos processos de produção. Nesse contexto, surge a Produção Enxuta, que, por atacar sistematicamente os desperdícios dentro dos processos produtivos, busca a maximização da eficácia operacional dos mesmos, e por essa razão, tem-se mostrado como uma opção bastante exitosa dentro da competição globalizada. Apesar disso, a adoção da Produção Enxuta nas empresas ocidentais não tem acontecido na proporção e velocidade que permitissem a necessária redução da vantagem competitiva que as empresas japonesas auferiram através do seu uso. Isso se deve, no entender desta pesquisa, à falta de um entendimento mais profundo dos seus conceitos, elementos, e, principalmente, à ausência de um cuidado maior por parte das referidas empresas em estabelecer uma coerência com a sua própria política competitiva, ao tentar introduzir esses novos conceitos nos seus sistemas fabris. Este trabalho parte da premissa de que deve existir essa clara ligação entre as ações de melhoria executadas no “chão-de-fábrica” e a própria estratégia competitiva da empresa Nesse sentido, propõe o modelo de uma abordagem estruturada que pode permitir tal coerência. Desta forma é apresentada uma revisão bibliográfica, dividida em 4 partes onde, na primeira são abordados os conceitos básicos de estratégias competitivas, na segunda são revisados os sistemas de produção, em especial o Sistema de Produção em Massa, para assim permitir o seu contraste com a Produção Enxuta, apresentada logo após, na terceira parte. E, finalmente, na quarta parte, devido à sua relevância dentro da lógica de gestão enxuta de produção, é feita uma releitura da Autonomação, seus conceitos e potencialidades como preparação ao estudo de caso apresentado no final do trabalho, o qual foi desenvolvido na Pirelli Pneus S.A., onde o referido modelo foi aplicado com sucesso no processo de um produto considerado maduro, que já demonstra, inclusive, características de um commodity. A pesquisa é finalizada com a resenha dos resultados alcançados, bem como com a apresentação de considerações do autor quanto às dificuldades e peculiaridades relevantes relativas à experimentação do modelo proposto, concluindo-se, então, que a Eliminação das Perdas e a Autonomação podem servir de base para uma estratégia de produção com potencial para alavancar toda a estratégia competitiva da empresa.
2

Autonomação e a eliminação das perdas : a base de uma estratégia de produção para assegurar uma posição competitiva na indústria

Silva, Edson Zílio January 2002 (has links)
Com o avanço da globalização, surgem dúvidas quanto às conseqüências desse significativo processo para os países em desenvolvimento. Apesar disso, alguns fatos são inquestionáveis, como, por exemplo, a necessidade que terão as empresas, em especial as brasileiras, de buscar novas “fórmulas” para continuar competindo neste novo contexto globalizado. A tecnologia deve permanecer sendo um “divisor de águas” entre os líderes de mercado e seus seguidores, no entanto, seria razoável supor que a competição não se restrinja somente a esse aspecto, devendo abranger outros, também importantes, como é o caso dos processos de produção. Nesse contexto, surge a Produção Enxuta, que, por atacar sistematicamente os desperdícios dentro dos processos produtivos, busca a maximização da eficácia operacional dos mesmos, e por essa razão, tem-se mostrado como uma opção bastante exitosa dentro da competição globalizada. Apesar disso, a adoção da Produção Enxuta nas empresas ocidentais não tem acontecido na proporção e velocidade que permitissem a necessária redução da vantagem competitiva que as empresas japonesas auferiram através do seu uso. Isso se deve, no entender desta pesquisa, à falta de um entendimento mais profundo dos seus conceitos, elementos, e, principalmente, à ausência de um cuidado maior por parte das referidas empresas em estabelecer uma coerência com a sua própria política competitiva, ao tentar introduzir esses novos conceitos nos seus sistemas fabris. Este trabalho parte da premissa de que deve existir essa clara ligação entre as ações de melhoria executadas no “chão-de-fábrica” e a própria estratégia competitiva da empresa Nesse sentido, propõe o modelo de uma abordagem estruturada que pode permitir tal coerência. Desta forma é apresentada uma revisão bibliográfica, dividida em 4 partes onde, na primeira são abordados os conceitos básicos de estratégias competitivas, na segunda são revisados os sistemas de produção, em especial o Sistema de Produção em Massa, para assim permitir o seu contraste com a Produção Enxuta, apresentada logo após, na terceira parte. E, finalmente, na quarta parte, devido à sua relevância dentro da lógica de gestão enxuta de produção, é feita uma releitura da Autonomação, seus conceitos e potencialidades como preparação ao estudo de caso apresentado no final do trabalho, o qual foi desenvolvido na Pirelli Pneus S.A., onde o referido modelo foi aplicado com sucesso no processo de um produto considerado maduro, que já demonstra, inclusive, características de um commodity. A pesquisa é finalizada com a resenha dos resultados alcançados, bem como com a apresentação de considerações do autor quanto às dificuldades e peculiaridades relevantes relativas à experimentação do modelo proposto, concluindo-se, então, que a Eliminação das Perdas e a Autonomação podem servir de base para uma estratégia de produção com potencial para alavancar toda a estratégia competitiva da empresa.
3

Autonomação e a eliminação das perdas : a base de uma estratégia de produção para assegurar uma posição competitiva na indústria

Silva, Edson Zílio January 2002 (has links)
Com o avanço da globalização, surgem dúvidas quanto às conseqüências desse significativo processo para os países em desenvolvimento. Apesar disso, alguns fatos são inquestionáveis, como, por exemplo, a necessidade que terão as empresas, em especial as brasileiras, de buscar novas “fórmulas” para continuar competindo neste novo contexto globalizado. A tecnologia deve permanecer sendo um “divisor de águas” entre os líderes de mercado e seus seguidores, no entanto, seria razoável supor que a competição não se restrinja somente a esse aspecto, devendo abranger outros, também importantes, como é o caso dos processos de produção. Nesse contexto, surge a Produção Enxuta, que, por atacar sistematicamente os desperdícios dentro dos processos produtivos, busca a maximização da eficácia operacional dos mesmos, e por essa razão, tem-se mostrado como uma opção bastante exitosa dentro da competição globalizada. Apesar disso, a adoção da Produção Enxuta nas empresas ocidentais não tem acontecido na proporção e velocidade que permitissem a necessária redução da vantagem competitiva que as empresas japonesas auferiram através do seu uso. Isso se deve, no entender desta pesquisa, à falta de um entendimento mais profundo dos seus conceitos, elementos, e, principalmente, à ausência de um cuidado maior por parte das referidas empresas em estabelecer uma coerência com a sua própria política competitiva, ao tentar introduzir esses novos conceitos nos seus sistemas fabris. Este trabalho parte da premissa de que deve existir essa clara ligação entre as ações de melhoria executadas no “chão-de-fábrica” e a própria estratégia competitiva da empresa Nesse sentido, propõe o modelo de uma abordagem estruturada que pode permitir tal coerência. Desta forma é apresentada uma revisão bibliográfica, dividida em 4 partes onde, na primeira são abordados os conceitos básicos de estratégias competitivas, na segunda são revisados os sistemas de produção, em especial o Sistema de Produção em Massa, para assim permitir o seu contraste com a Produção Enxuta, apresentada logo após, na terceira parte. E, finalmente, na quarta parte, devido à sua relevância dentro da lógica de gestão enxuta de produção, é feita uma releitura da Autonomação, seus conceitos e potencialidades como preparação ao estudo de caso apresentado no final do trabalho, o qual foi desenvolvido na Pirelli Pneus S.A., onde o referido modelo foi aplicado com sucesso no processo de um produto considerado maduro, que já demonstra, inclusive, características de um commodity. A pesquisa é finalizada com a resenha dos resultados alcançados, bem como com a apresentação de considerações do autor quanto às dificuldades e peculiaridades relevantes relativas à experimentação do modelo proposto, concluindo-se, então, que a Eliminação das Perdas e a Autonomação podem servir de base para uma estratégia de produção com potencial para alavancar toda a estratégia competitiva da empresa.
4

Diretrizes para a manutenção e o aperfeiçoamento do processo de planejamento e controle da produção em empresas construtoras

Soares, Alexandre Castro January 2003 (has links)
A indústria da construção civil é caracterizada por um elevado nível de desperdícios, baixa inovação tecnológica e gerencial, e baixa qualidade de seus produtos. Este fato traz à construção civil uma imagem de setor atrasado e, muitas vezes, causa a desmotivação de seus profissionais. Neste contexto, a aplicação de novos conceitos e princípios de gestão da produção, muitos deles oriundos da indústria automobilística, pode contribuir para a modernização da construção civil. Neste sentido, o processo de planejamento e controle da produção (PCP) tem um papel importante na aplicação dos novos conceitos de gestão da produção. O presente trabalho tem como objetivo geral propor diretrizes para a manutenção e o aperfeiçoamento do PCP em empresas construtoras, utilizando conceitos e princípios gerais de gestão da produção. A pesquisa foi realizada através de um estudo de caso em uma empresa construtora, sendo dividida em três etapas. Inicialmente, foi realizada uma análise no sistema de planejamento e controle da produção existente. Na segunda etapa, foram entrevistados diretores, gerentes de produção, representantes de clientes e fornecedores da empresa, e realizadas visitas e coleta de dados em obras. Além disso, realizou-se um estudo de caso mais aprofundado em uma das obras da empresa. Após, durante a terceira fase desta pesquisa, foram analisados os dados obtidos e propostas as diretrizes para a manutenção e o aperfeiçoamento do processo de PCP Entre as principais conclusões deste estudo, podem ser destacados os fatores que contribuíram para o sucesso da implementação do sistema de PCP: a existência de um sistema de gestão da qualidade baseado na norma ISO-9001, o papel desempenhado pelo coordenador do planejamento e as reuniões de aprendizagem semanal envolvendo todos os gerentes de produção. Observou-se também que o atendimento dos requisitos do cliente aumentou com a implementação do sistema de PCP.
5

Proposta de melhorias do processo de projeto e de desenvolvimento de produtos em empreendimentos imobiliários / Proposal for improvement of process design and product development projects in real estate

Leite, Kelma Pinheiro 30 October 2014 (has links)
LEITE, K. P. Proposta de melhorias do processo de projeto e de desenvolvimento de produtos em empreendimentos imobiliários. 2014. 229 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Civil: Estruturas e Construção Civil) – Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2014. / Submitted by Hohana Sanders (hohanasanders@hotmail.com) on 2016-04-26T14:19:06Z No. of bitstreams: 1 2014_dis_kpleite.pdf: 16346920 bytes, checksum: 152daddc29bc2debb65fa3a1923fe644 (MD5) / Approved for entry into archive by Marlene Sousa (mmarlene@ufc.br) on 2016-04-29T17:57:52Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2014_dis_kpleite.pdf: 16346920 bytes, checksum: 152daddc29bc2debb65fa3a1923fe644 (MD5) / Made available in DSpace on 2016-04-29T17:57:52Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2014_dis_kpleite.pdf: 16346920 bytes, checksum: 152daddc29bc2debb65fa3a1923fe644 (MD5) Previous issue date: 2014-10-30 / This research addresses, from the lean thinking standpoint, the product development process (PDP) and the project process for multifamily vertical residences of the real estate development market. The concept phase and the production phase became farther apart, so there are numerous professionals employed on different stages and functions, but without proper integration among them. Integration amongst those involved in the construction process improves the quality of the project, adds value and eliminates losses. However, traditional project managing is obsolete because: (1) it does not consider the workflow; (2) it does not consider the predictability of the workflow; and (3) it does not measure the planning system’s performance. To do a project using the lean concept includes a new way of thinking (lean) and incorporates new tools or work methods. Therefore, this paper proposes the following research question: how to improve the project process and the PDP in real estate ventures by applying the philosophy of lean thinking? Aiming at resolving the research question, this paper’s goal is to propose guidelines to increase efficiency of product development process and real estate development’s project process, based on the philosophy of lean thinking. As theoretical basis for this work, a review study was conducted on the literature related to planning methods and control of project process, real estate PDP, on the new production (lean thinking) and project (lean design) philosophy, and also on Building Information Modeling (BIM). This is a qualitative research of applied nature. The research strategy used was an exploratory-descriptive analysis of multiple case studies, which came from cases of development and construction companies that already adopt lean construction in their production process. After the collection and the analysis, guidelines were suggested to improve the project process and the real estate PDP. The applicability of the guidelines is conditioned to the specificities of the companies analyzed here, though not compromising their use in other construction and development companies with similar characteristics. From this paper, other companies can evaluate their maturity level with regards to lean processes and create stages and goals to attain the optimum point of PDP and real estate project design. / Esta pesquisa aborda o processo de desenvolvimento de produto (PDP) e o processo de projeto do mercado de incorporação imobiliária residencial multifamiliar vertical, sob a ótica do pensamento enxuto. As etapas de concepção e de produção tornaram-se mais distantes entre si, havendo diversos profissionais alocados em etapas e funções diferentes e sem uma devida integração entre eles. A integração entre as diferentes partes envolvidas na construção melhora a qualidade do projeto, agregando valor e eliminando perdas. Contudo, o gerenciamento de projetos tradicional é obsoleto, pois: (1) não considera o fluxo do trabalho; (2) não considera a previsibilidade do fluxo de trabalho; e (3) não mede o desempenho do sistema de planejamento. A elaboração de projeto utilizando o conceito lean inclui um novo pensamento (enxuto) e a incorporação de diferentes ferramentas ou métodos de trabalho. Assim, este trabalho propõe a seguinte questão de pesquisa: como melhorar o processo de projeto e o PDP em empreendimentos imobiliários através da filosofia do pensamento enxuto? Visando atender à questão de pesquisa, o objetivo deste trabalho é propor diretrizes para aumentar a eficiência do processo de desenvolvimento do produto e do processo de projeto de empreendimentos imobiliários, tomando como base a filosofia do pensamento enxuto. Foi realizada uma revisão bibliográfica relacionada aos métodos de planejamento e controle do processo de projeto, PDP imobiliário, a nova filosofia de produção (pensamento enxuto) e de projeto (lean design) e Building Information Modeling (BIM) como embasamento teórico da pesquisa. Trata-se de uma pesquisa qualitativa de natureza aplicada. A estratégia de pesquisa adotada foi o estudo de caso múltiplo, com caráter exploratóriodescritivo. Os estudos de caso foram realizados em empresas incorporadoras e construtoras que já adotam a construção enxuta em seu processo produtivo. Após as etapas de coleta e análise, foram propostas diretrizes para melhoria do processo de projeto e PDP imobiliário. A aplicabilidade das diretrizes fica condicionada às especificidades das empresas pesquisadas sem comprometer a aplicação em outras empresas construtoras e incorporadoras com características semelhantes. A partir desse trabalho, outras empresas podem avaliar o grau de maturidade quanto a processos enxutos e trilhar etapas e metas de evolução até um ponto ótimo de PDP e de projeto imobiliário.
6

Diretrizes para a manutenção e o aperfeiçoamento do processo de planejamento e controle da produção em empresas construtoras

Soares, Alexandre Castro January 2003 (has links)
A indústria da construção civil é caracterizada por um elevado nível de desperdícios, baixa inovação tecnológica e gerencial, e baixa qualidade de seus produtos. Este fato traz à construção civil uma imagem de setor atrasado e, muitas vezes, causa a desmotivação de seus profissionais. Neste contexto, a aplicação de novos conceitos e princípios de gestão da produção, muitos deles oriundos da indústria automobilística, pode contribuir para a modernização da construção civil. Neste sentido, o processo de planejamento e controle da produção (PCP) tem um papel importante na aplicação dos novos conceitos de gestão da produção. O presente trabalho tem como objetivo geral propor diretrizes para a manutenção e o aperfeiçoamento do PCP em empresas construtoras, utilizando conceitos e princípios gerais de gestão da produção. A pesquisa foi realizada através de um estudo de caso em uma empresa construtora, sendo dividida em três etapas. Inicialmente, foi realizada uma análise no sistema de planejamento e controle da produção existente. Na segunda etapa, foram entrevistados diretores, gerentes de produção, representantes de clientes e fornecedores da empresa, e realizadas visitas e coleta de dados em obras. Além disso, realizou-se um estudo de caso mais aprofundado em uma das obras da empresa. Após, durante a terceira fase desta pesquisa, foram analisados os dados obtidos e propostas as diretrizes para a manutenção e o aperfeiçoamento do processo de PCP Entre as principais conclusões deste estudo, podem ser destacados os fatores que contribuíram para o sucesso da implementação do sistema de PCP: a existência de um sistema de gestão da qualidade baseado na norma ISO-9001, o papel desempenhado pelo coordenador do planejamento e as reuniões de aprendizagem semanal envolvendo todos os gerentes de produção. Observou-se também que o atendimento dos requisitos do cliente aumentou com a implementação do sistema de PCP.
7

Diretrizes para a manutenção e o aperfeiçoamento do processo de planejamento e controle da produção em empresas construtoras

Soares, Alexandre Castro January 2003 (has links)
A indústria da construção civil é caracterizada por um elevado nível de desperdícios, baixa inovação tecnológica e gerencial, e baixa qualidade de seus produtos. Este fato traz à construção civil uma imagem de setor atrasado e, muitas vezes, causa a desmotivação de seus profissionais. Neste contexto, a aplicação de novos conceitos e princípios de gestão da produção, muitos deles oriundos da indústria automobilística, pode contribuir para a modernização da construção civil. Neste sentido, o processo de planejamento e controle da produção (PCP) tem um papel importante na aplicação dos novos conceitos de gestão da produção. O presente trabalho tem como objetivo geral propor diretrizes para a manutenção e o aperfeiçoamento do PCP em empresas construtoras, utilizando conceitos e princípios gerais de gestão da produção. A pesquisa foi realizada através de um estudo de caso em uma empresa construtora, sendo dividida em três etapas. Inicialmente, foi realizada uma análise no sistema de planejamento e controle da produção existente. Na segunda etapa, foram entrevistados diretores, gerentes de produção, representantes de clientes e fornecedores da empresa, e realizadas visitas e coleta de dados em obras. Além disso, realizou-se um estudo de caso mais aprofundado em uma das obras da empresa. Após, durante a terceira fase desta pesquisa, foram analisados os dados obtidos e propostas as diretrizes para a manutenção e o aperfeiçoamento do processo de PCP Entre as principais conclusões deste estudo, podem ser destacados os fatores que contribuíram para o sucesso da implementação do sistema de PCP: a existência de um sistema de gestão da qualidade baseado na norma ISO-9001, o papel desempenhado pelo coordenador do planejamento e as reuniões de aprendizagem semanal envolvendo todos os gerentes de produção. Observou-se também que o atendimento dos requisitos do cliente aumentou com a implementação do sistema de PCP.
8

Método de prevenção de perdas do tipo making-do, retrabalho e falta de terminalidade em canteiros de obras / Method of preventing wastes of the type making-do, rework and unfinished work in construction sites

Germano, Andrezza Vagnielly Coutinho 28 March 2018 (has links)
Submitted by Automação e Estatística (sst@bczm.ufrn.br) on 2018-06-05T22:22:46Z No. of bitstreams: 1 AndrezzaVagniellyCoutinhoGermano_DISSERT.pdf: 6628811 bytes, checksum: 31bb9ff6d85f774c7d60410044c5d92e (MD5) / Approved for entry into archive by Arlan Eloi Leite Silva (eloihistoriador@yahoo.com.br) on 2018-06-11T22:53:16Z (GMT) No. of bitstreams: 1 AndrezzaVagniellyCoutinhoGermano_DISSERT.pdf: 6628811 bytes, checksum: 31bb9ff6d85f774c7d60410044c5d92e (MD5) / Made available in DSpace on 2018-06-11T22:53:16Z (GMT). No. of bitstreams: 1 AndrezzaVagniellyCoutinhoGermano_DISSERT.pdf: 6628811 bytes, checksum: 31bb9ff6d85f774c7d60410044c5d92e (MD5) Previous issue date: 2018-03-28 / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / A construção enxuta é uma filosofia de produção que busca a redução ou eliminação de perdas nos processos construtivos. A perda do tipo making-do está relacionada com a ocorrência de improvisações pelas equipes de trabalho. A perda do tipo retrabalho consiste em nova execução de um serviço que já foi executado. A perda do tipo falta de terminalidade refere-se a não finalização das tarefas. O estudo de perdas na construção civil é de fundamental importância na melhoria do desempenho de processos construtivos bem como na redução de custos. Há importantes relações de causa e efeito entre as categorias making-do, retrabalho e falta de terminalidade que são frequentemente relacionadas às falhas nos sistemas de gestão que não evitaram a propagação das perdas. Assim, o objetivo principal é propor um método de prevenção de perdas do tipo making-do, falta de terminalidade e retrabalho em canteiros de obras. Para tanto, a abordagem de pesquisa é denominada de Design Science Research composta de cinco fases: (1) “Consciência do problema” em que se obteve a lacuna do conhecimento; (2) “Sugestão” do método de prevenção; (3) “Desenvolvimento” da segunda versão do método, onde ocorreu o refinamento da primeira versão do método. (4) “Avaliação” consistiu na avaliação da utilidade prática da segunda versão do artefato através do grupo focal com profissionais de uma das três empresas estudadas, neste sentido algumas destas apreciações foram incorporadas na última versão do método; (5) “Conclusão” nesta última fase foi identificada as contribuições práticas e teóricas. Os resultados obtidos no estudo de caso 1 e 2 indicaram que a maior parte das perdas por making-do foram materiais/componentes e os impactos são retrabalho, falta de terminalidade e diminuição da produtividade. No estudo de caso 3, os pacotes informais causados por falta de terminalidade em sua maioria são alvenaria de vedação e revestimento interno e foram o que mais aumento de prazos e custos tiveram. As principais contribuições deste estudo estão relacionadas à compreensão das perdas de uma perspectiva sistêmica desde a sua origem até os impactos no sistema de produção como um todo, bem como tornar os sistemas de gestão mais robustos e buscar a redução ou eliminação das perdas de forma mais eficaz. / Lean construction is a production philosophy that seeks to reduce or eliminate wastes in construction processes. Making-do is a category of waste related to the occurrence of improvisations by the work teams. Rework consists of a new execution of a task that has already been executed. Unfinished work refers to the noncompletion of the tasks. The study of wastes in construction is of fundamental importance in improving the performance of construction processes as well as in cost reduction. There are important cause and effect relationships between the categories of making-do, rework, and unfinished work that are often related to failures in management systems that have not prevented the spread of wastes. Thus, the main objective is to propose a method of preventing wastes of the type making-do, rework and unfinished work in construction sites. To do so, the research approach is called Design Science Research composed of five phases: (1) "Problem awareness" in which the knowledge gap was obtained; (2) "Suggestion" of the prevention method; (3) "Development" of the second version of the method, where the refinement of the first version of the method occurred. (4) "Evaluation" consisted in evaluating the practical utility of the second version of the artifact through the focus group with professionals from one of the three companies studied, in this sense some of these assessments were incorporated in the last version of the method; (5) "Conclusion" in this last phase was identified the practical and theoretical contributions. The results obtained in case study 1 and 2 indicated that most of the wastes by making-do were materials / components and the impacts are rework, unfinished work and decrease of productivity. In the case study 3, the informal packages caused by unfinished work are mostly masonry of sealing and internal coating and were the most increase of deadlines and costs had. The main contributions of this study are related to the understanding of the wastes from a systemic perspective from its origin to the impacts on the production system, as well as to make the management systems more robust and to seek the reduction or elimination of wastes in a more effective way.
9

Modelo para prática e avaliação de canteiros de obra sustentáveis – uma visão Lean x Green x Wellbeing / Template for practice and evaluation of sustainable construction sites - a Lean x Green x Wellbeing vision

Vasconcelos, Iuri Aragão de 28 June 2013 (has links)
VASCONCELOS, I. A. Modelo para prática e avaliação de canteiros de obra sustentáveis – uma visão Lean x Green x Wellbeing. 2013. 214 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Civil: Estruturas e Construção Civil) – Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2013. / Submitted by Marlene Sousa (mmarlene@ufc.br) on 2015-08-07T12:10:42Z No. of bitstreams: 1 2013_dis_iavasconcelos.pdf: 8931335 bytes, checksum: fb5a45e537aadd5e6673294fbb2ce9ec (MD5) / Approved for entry into archive by Marlene Sousa(mmarlene@ufc.br) on 2015-08-07T12:30:07Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2013_dis_iavasconcelos.pdf: 8931335 bytes, checksum: fb5a45e537aadd5e6673294fbb2ce9ec (MD5) / Made available in DSpace on 2015-08-07T12:30:07Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2013_dis_iavasconcelos.pdf: 8931335 bytes, checksum: fb5a45e537aadd5e6673294fbb2ce9ec (MD5) Previous issue date: 2013-06-28 / Among the various philosophies currently widespread, lean construction and green building has gained prominence in the context of technological innovation in construction within the project management. The concept of social responsibility has also gained importance in the strategy of companies in this sector towards the satisfaction of its employees, that in this work is treated as quality of life and welfare in construction (wellbeing). It is possible to identify a potential simultaneous interaction between these components (lean, green and wellbeing) with the philosophy of sustainability, which employs three main pillars (economic, social and environmental). There are models that attest to maturity of green, social responsibility and involvement with lean construction by firms. However, the simultaneous interaction between these philosophies in favor of sustainable development, has been little explored. Moreover, the building process, which is considered one of the stages of generating greater ecological damage is directly related to the management of the construction site, and even then, these assessment methodologies seek to analyze the company holistically or even giving emphasis on the development of the projects, indicating the need to seek studies specifically focused on sustainable construction sites. Therefore, the objective of this research is to propose a model of guidelines for practice and evaluation of sustainable construction sites, aiming the interaction between lean, green and wellbeing. The methodology used in the research was: a literature review, for information and data on the topic of best practices and performance indicators for sustainable construction sites, followed by developing the model and, finally, the realization of a field study within 3 construction works in Fortaleza / CE to test the use of the model. The result of this research is the achievement of sustainability degrees of construction sites and the behavior of firms in this context, through a better understanding of the principles advocated by lean, green and wellbeing and its relation to the philosophy of sustainability, focusing on the application of these concepts on construction sites through the proposed model / Dentre as diversas filosofias difundidas atualmente, a lean construction e a green building tem obtido destaque no contexto da inovação tecnológica na construção civil, dentro da gestão de projetos. O conceito de responsabilidade social também tem adquirido importância na estratégia das empresas desse setor em prol da satisfação de seus colaboradores, que neste trabalho é tratado como qualidade de vida e bem-estar na construção (wellbeing). É possível identificar um potencial de interação simultânea entre essas vertentes (lean, green e wellbeing) com a filosofia da sustentabilidade, que emprega três pilares principais (dimensões econômica, social e ambiental - ESA). Existem modelos que atestam a maturidade verde, a responsabilidade social e o envolvimento com a construção enxuta por parte das empresas. Contudo, a interação simultânea entre essas filosofias, em prol do desenvolvimento sustentável, vem sendo pouco explorada. Além disso, o processo construtivo, que é tido como uma das etapas de maior geração de danos ecológicos, está diretamente relacionado com a gestão do canteiro de obra e, no entanto, essas metodologias de avaliação buscam analisar a empresa de maneira holística ou mesmo dando ênfase para o desenvolvimento dos empreendimentos, o que indica a necessidade de buscar estudos voltados especificamente para canteiros de obra sustentáveis. Sendo assim, objetiva-se com esta pesquisa propor um modelo para prática e avaliação de canteiros de obras sustentáveis, visando a interação das filosofias lean, green e wellbeing. A metodologia adotada na pesquisa foi uma revisão bibliográfica, para obter informações sobre o tema e dados de melhores práticas e indicadores de desempenho para canteiros sustentáveis, seguida da elaboração do modelo e, por fim, a realização de um estudo de campo com 3 obras da cidade de Fortaleza/CE para verificar o uso do modelo. Tem-se como resultado dessa pesquisa a obtenção do nível de sustentabilidade de canteiros de obras e do comportamento das empresas nessa vertente através de uma melhor compreensão dos princípios preconizados pelas vertentes lean, green e wellbeing e sua relação com a filosofia da sustentabilidade, focando na aplicação desses conceitos em canteiros de obras através do modelo proposto
10

Protocolo de auditoria do uso de práticas da construção enxuta

Etges, Bernardo Martim Beck da Silva January 2012 (has links)
A Construção Enxuta (CE) tem sido introduzida, gradativamente, na construção civil através de práticas como controle de perdas, gestão da qualidade e planejamento e controle da produção. Tendo em vista a disseminação da CE na indústria da construção, há a necessidade de medir o nível do seu uso nas empresas, o que permite identificar melhores práticas e oportunidades de melhoria. Desta forma, o presente trabalho tem por objetivo desenvolver um protocolo de auditoria do uso de práticas da CE. Esse método foi desenvolvido ao longo de quatro etapas: (a) uma revisão da literatura para identificar categorias de práticas da CE, tendo como base o material publicado nos anais dos eventos do International Group for Lean Construction (IGLC) entre 1993 e 2010; (b) definição de fontes de evidência para avaliar o uso de cada categoria de prática; (c) definição de pesos referentes à importância de cada prática, com base nas opiniões de sete especialistas em CE; e (d) aplicação do protocolo a um empreendimento da construção civil. O protocolo foi inicialmente aplicado como um estudo piloto em um canteiro de obras o que possibilitou melhorias no documento. A versão revisada do protocolo foi então aplicada no mesmo empreendimento em que ocorreu a aplicação piloto, gerando dados que possibilitaram a avaliação do protocolo segundo sua utilidade. / The Lean Construction (LC) hás been introduced gradually in construction through practices such as loss control, quality management, and production and planning control. Given the spread of the LC in the construction industry, there is a need to measure the level of use of LC in the companies, which allows us to identify best practices and improvement opportunities. Thus, this study aims todevelop a protocol for the use of audit LC practices. This method was developed over four stages: (a) a literature review to identify LC categories of practice, based on the papers published in the Annual IGLC Conferences between 1993 and 2010, (b) sources of evidences definition to evaluate the use of each category of practice, (c) definition of weights referring to the importance of each practice, based on the opinions of seven LC experts; and (d) the protocol aplication in na construction site. The protocol was initially implemented as a pilot study on a construction site which led to improvements in the audit document. The revised protocol was then applied in the same project that occurred in the pilot application, generating data that enabled the evaluation of the protocol according to its usefulness.

Page generated in 0.09 seconds