• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 357
  • 4
  • 2
  • 2
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 369
  • 264
  • 80
  • 58
  • 57
  • 44
  • 44
  • 38
  • 35
  • 33
  • 32
  • 31
  • 30
  • 29
  • 28
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Análise da distribuição de tensões ao redor de implantes osseointegrados em função do desalinhamento vestíbulo-lingual entre coroa e implante utilizando o método bidimensional de elementos finitos

de Freitas Guimarães Praça, Luciano January 2002 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T17:35:13Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo4419_1.pdf: 866577 bytes, checksum: 69b6a440d774c3d95f99ecf923346697 (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2002 / O desalinhamento vestíbulo -lingual entre coroa e implante tem sido relatado na literatura como um fator de risco biomecânico relevante para a manutenção de implantes osseointegrados em função. O efeito do desalinhamento vestíbulo -lingual entre coroa e implante na distribuição de tensões no osso circundante foi investigado através de análise de elementos finitos. Cinco modelos bidimensionais compostos de secção vestíbulo-lingual da maxila posterior, implante, pilar cônico e coroa de pré- molar superior foram desenvolvidos variando-se o desalinhamento entre coroa e implante de 0 a 4 milímetros. Após a aplicação de carga mastigatória oblíqua de 50N, observou-se a distribuição das tensões de Von Misses em seis diferentes áreas do osso circundante nos cinco modelos. Os resultados demonstram uma maior concentração de tensões no osso adjacente ao pescoço do implante no lado correspondente à aplicação da força oblíqua. Cada milímetro de desalinhamento entre coroa e implante resulta em um aumento em torno de 10% nas tensões de Von Misses no osso circundante em relação ao modelo sem desalinhamento. Foi concluído que o desalinhamento vestíbulo-lingual entre coroa e implante possui efeito relevante na concentração de tensões no osso adjacente a implantes osseointegrados e deve ser considerado durante o planejamento clínico dos tratamentos de pacientes parcialmente edêntulos por implantes osseointegrados
2

Contribuição ao estudo das variações ósseas na escama occipal de crânio humanos

Conceição Gomes Machado de Araújo, Karina January 2003 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T23:03:20Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo8799_1.pdf: 463675 bytes, checksum: cc4f3d1ce021c99d8dc91ea1a34336fd (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2003 / Admite-se que ossos interparietais, pré-interparietais e suturais resultam da formação de variações embriológicas na porção escamosa do osso occipital. Os ossos interparietais e pré-interparietais localizam-se no plano occipital da escama dentro da região interparietal, podendo permanecer separados por toda vida. Por outro lado, os ossos suturais desenvolvemse na margem dos ossos do crânio, principalmente na sutura lambdóide. Além disso, estes ossos podem estar associados com defeitos politrópicos que afetam o crânio ou defeitos metabólicos que envolvem os vários sistemas do corpo humano. Há muito tempo, diversos autores têm discutido sobre a relação, localização geográfica e a incidência dessas variações ósseas na sua população. O presente estudo teve como objetivo investigar, macroscopicamente, a incidência das possíveis variações ósseas na região interparietal da escama do osso occipital de crânios humanos adultos. Foram avaliados 250 crânios adultos de ambos os sexos pertencentes a ossários do Departamento de Anatomia da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) n=(106), Universidade Federal de Sergipe (UFS) n=(32), Universidade Tiradentes (UNIT) n=(25) e Universidade Federal da Bahia (UFBA) n=(87). O critério utilizado para classificar os crânios de adultos foi a sinostose da sutura basilar ou esfenoccipital. Todos os crânios estudados eram de indivíduos adultos com a região da escama do osso occipital preservada em toda sua extensão. A observação dos crânios foi realizada a olho desarmado, avaliando-se em norma posterior para identificação das possíveis variações ósseas na escama do osso occipital. Desta forma foram estudadas a forma e a situação dos ossos interparietais, pré-interparietais e suturais. Os resultados mostraram a ocorrência de variações em 23,6% dos 250 crânios. Os ossos interparietais individuais e múltiplos estavam presentes em 8 crânios (3,2%), os pré-interparietais individuais e múltiplos em 11 exemplares (4,4%) e os suturais em 40 (16%). Visualizou-se uma maior freqüência de variação nos ossos suturais em contrapartida às outras variações, mantendo-se uma correlação entre estas. Desta maneira, a partir do estudo da forma e da situação dos ossos interparietais, pré-interparietais e suturais observou-se que ocorreu variação nos parâmetros de classificação estudados, e que estes ocorrem de maneira particular. A freqüência relativa dessas variações ósseas pode estar associada a diversos fatores que se distribuem dentro de um percentual esperado nas populações mundiais ainda a serem elucidadas
3

Avaliação do efeito da ciclosporina A sobre o tecido ósseo de ratos com doença periodontal induzida por ligadura /

Nassar, Patrícia Oehlmeyer. January 2003 (has links)
Orientador: Luís Carlos Spolidorio / Banca: Rosemary Adriana Chiérici Marcantonio / Banca: Cassiano Kuchenbecker Rosing / Resumo: A administração da CsA tem sido associada a osteopenia ou aumento na remodelação óssea. O objetivo do estudo foi avaliar o efeito da CsA no processo alveolar de ratos com doença periodontal induzida, por meio de análises sérica, estereométrica, histológica e histométrica. 24 ratos foram divididos em 4 grupos de 6 animais cada: Grupo 1: Controle; Grupo 2: ligadura ao redor do 1° molar inferior; Grupo 3: ligadura ao redor do 1° molar inferior e tratamento com CsA a 10mg/Kg de peso corporal/dia; Grupo 4: tratamento com CsA a 10mg/Kg de peso corporal/dia. Após 30 dias os animais foram sacrificados e os níveis séricos de cálcio e fosfatase alcalina foram mensurados. Após análise histológica, uma análise histométrica da junção cemento-esmalte até a crista óssea alveolar, da área de tecido ósseo e de reabsorção, mais espessura de cemento foi realizada conjuntamente com os parâmetros estereológicos: densidade volumétrica de osteoclastos multinucleados (Vo), osso alveolar (V-osso), medula (V-medula) e relação de superfície reabsorvida/superfície óssea (Sr/So) foram analisados na região mesial do osso alveolar. Diminuição significante foi observada no cálcio sérico nestes grupos que receberam terapia com CsA. Não foi observada mudança significante na fosfatase alcalina sérica. A terapia com CsA combinada com ligadura diminuiu o V-osso e aumentou o Vo, V-medula e Sr/So na superfície mesial dos primeiros molares inferiores, dados esses concordantes com a análise histométrica e comprovada pela leitura histológica. Além disso a espessura de cemento foi aumentada nos grupos tratados com CsA em relação aos não tratados. Entretanto, apesar da falta de efeitos diretos na altura do osso alveolar, a terapia com CsA intensifica o desequilíbrio da homeostasia do osso alveolar em ratos com doença periodontal induzida. / Abstract: The administration of CsA has been associated with significant bone loss and increased bone remodeling. The present investigation was designed to evaluate the effects of CsA on alveolar bone of rats subjected to experimental periodontitis, using serum, stereometric and histological analysis. 24 rats were divided in groups 6 animal each: 1-control; 2-rats with ligature around the lower 1st.molars; 3-rats with ligature around the lower 1st.molars and were treated with 10mg/kg body weight/day CsA; 4-rats were treated with 10mg/kg body weight/day CsA. At the end 30 days, rats were sacrificed and calcium and alkaline phosphatase levels were measured. After histological processing, the histomorfometric analysis of the distance cemento-enamel junction and alveolar bone crest, bone area, eroded bone area and cemento surface together with stereological parameters: volume densities of multinucleated osteoclasts(Vo), alveolar bone(V-bone), marrow(V-marrow), and relation of eroded surface/bone surface(Es/Bs) were assessed at the mesial region of the alveolar bone. Significant decreases in serum calcium were observed in groups with CsA therapy. No significant changes in serum alkaline phosphatase were observed. The CsA therapy combined with ligature placement decreased the V-bone and increased the Vo, V-marrow and Es/Bs at the mesial surface and the results at the histologic and histomorfometric analysis showed the same combination and changes. Significant increase on the cemento height were observed in the CsA therapy groups. Therefore, in spite of the lack of a direct effect on the alveolar bone height, the CsA therapy intensified the imbalance of the alveolar bone homeostasia in a rat model of experimental periodontitis. / Mestre
4

Análise histológica, imunoistoquímica e por micro-ct do processo de reparo alveolar de ratos orquiectomizados submetidos à terapia com teriparatida / Orchiectomized rats submitted to teriparatide therapy: histological, immunohistochemical and micro-ct analysis of the alveolar repair process

Puttini, Igor de Oliveira [UNESP] 04 April 2017 (has links)
Submitted by IGOR DE OLIVEIRA PUTTINI null (igorputtini@gmail.com) on 2017-05-26T14:10:09Z No. of bitstreams: 1 dissertação corrigida.pdf: 2180462 bytes, checksum: d9ef91f43fb08cef2b7088aebfb7c369 (MD5) / Approved for entry into archive by Luiz Galeffi (luizgaleffi@gmail.com) on 2017-05-30T17:01:02Z (GMT) No. of bitstreams: 1 puttini_io_me_araca.pdf: 2180462 bytes, checksum: d9ef91f43fb08cef2b7088aebfb7c369 (MD5) / Made available in DSpace on 2017-05-30T17:01:02Z (GMT). No. of bitstreams: 1 puttini_io_me_araca.pdf: 2180462 bytes, checksum: d9ef91f43fb08cef2b7088aebfb7c369 (MD5) Previous issue date: 2017-04-04 / Objetivos: Avaliar a influência da teriparatida, administrada sistemicamente, nas características morfológicas e estruturais do osso reparacional formado durante o processo de reparo alveolar em ratos com osteoporose induzida (orquiectomizados). Materiais e Métodos: Foram utilizados 48 ratos divididos 3 em grupos discriminados a seguir: 16 ratos orquiectomizados tratados com teriparatida, 16 ratos orquiectomizados sem tratamento e 16 ratos sham. Deste modo, dividindo-se 8 ratos para análise histológica e para a análise imuno-histoquímica que foi feita através da expressão das proteínas TRAP, osteocalcína, e WNT, com período de eutanásia em 42 dias (tecidos descalcificados), e 8 ratos para análise microtomográfica (tecidos calcificados), nesta análise o período de eutanásia foi de 60 dias pós exodôntico. Os dados quantitativos foram submetidos ao teste de normalidade e este indicou um teste estatístico mais adequado (paramétrico VS não paramétrico). Foi adotado para todos os testes nível de significância de 5%. Resultados: A análise histológica mostrou melhores padrões de neoformação óssea para o grupo ORQTRAT com maior quantidade de tecido mineralizado e pouco tecido conjuntivo. Os resultados imunohistoquímicos novamente mostraram um padrão de reparo melhor no grupo ORQTRAT com marcações mais intensas de wnt e osteocalcína e marcações mais fracas de trap. Aos resultados da microtomografia novamente o grupo ORQTRAT se demostrou melhor que os demais, com maior volume ósseo (BV), porcentagem de trabeculado ósseo (BV/TV), espessura do trabeculado ósseo (Tb.Th) e separação entre as trabéculas (Tb.Sp). E, menor número (Tb.N) e menor porosidade total óssea (Po.Tot) quando comparado ao grupo sem tratamento. / Objectives: To evaluate the influence of teriparatide, systemically administered, on the morphological and structural characteristics of the reparative bone formed during the alveolar repair process in rats with induced osteoporosis (orchiectomized). Materials and Methods: Forty-eight rats were divided into three groups: 16 orchiectomized rats treated with teriparatide, 16 unqualified orchiectomized rats and 16 sham rats. Thus, 8 rats were divided for histological analysis and for Immunohistochemical analysis, which was done by the expression of TRAP proteins, osteocalcin, and WNT, with euthanasia at 42 days (decalcified tissues), and 8 rats for analysis for microtomographic analysis (calcified tissues). In this analysis, the euthanasia period was at 60 days after the extraction surgery. The quantitative data were submitted to the normality test and this indicated the most adequate statistical test (parametric vs non-parametric). The significance level of 5% was adopted for all tests. Results: Histological analysis showed better patterns of bone neoformation for the ORQTRAT group with greater amount of mineralized tissue and little connective tissue. The immunohistochemical results again showed a better repair pattern in the ORQTRAT group with more intense markings of wnt and osteocalcin and weaker trap markings. To the results of the microtomography again the ORQTRAT group showed better than the others, with higher bone volume (BV), percentage of trabecular bone (BV / TV), thickness of trabecular bone (Tb.Th) and separation between trabeculae (Tb.Sp). And, lower number (Tb.N) and lower total bone porosity (Po.Tot) when compared to the non-treated group. Conclusions: It was possible to conclude that the treatment with Teriparatide improved important parameters that determine the quality of reparative bone tissue even in the presence of the established systemic condition in the animals.
5

Morte celular de osteoclastos do osso alveolar de ratas tratadas com estrógeno / Programmed cell death of alveolar bone osteoclasts in estrogen treated rats

Faloni, Ana Paula de Souza [UNIFESP] 22 February 2006 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2015-07-22T20:50:40Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2006-02-22 / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) / Introdução: O osso é um tecido mineralizado que está sob a influência de diversos fatores sistêmicos, locais e ambientais. Dentre os fatores sistêmicos, o estrógeno é um hormônio bem conhecido por exercer uma função inibitória sobre a reabsorção óssea. Devido ao fato do osso alveolar de ratas jovens sofrer contínua e intensa remodelação para acomodar os dentes em formação e erupção, ele constitui um adequado modelo in vivo para estudar a possível ação do estrógeno sobre os osteoclastos. Objetivo: Na tentativa de investigar a possibilidade do estrógeno induzir a morte de osteoclastos, foi examinado o osso alveolar de ratas jovens tratadas com estrógeno. Métodos: Quinze ratas de 22 dias foram divididas em grupos: Estrógeno (GE), Sham (GS) e Controle (GC). Os animais do GE receberam, durante 7 dias, injeção intramuscular diária de 0,125mg/100g de estrógeno (Benzoginoestril-ap®) diluído em óleo de milho. Os animais do GS receberam o óleo utilizado como veículo de diluição. Após 8 dias, fragmentos contendo osso alveolar foram removidos e processados para microscopia de luz e microscopia eletrônica de transmissão. Os cortes foram corados em hematoxilina/eosina (HE) e o método do TRAP (fosfatase ácida resistente ao tartarato) foi utilizado como marcador de osteoclastos. Foi realizada a análise quantitativa do número de osteoclastos TRAP-positivos/mm de superfície óssea. Para detecção de apoptose, cortes foram submetidos ao método do TUNEL (Terminal deoxynucleotidyl transferase-mediated dUTP Nick End Labeling); os métodos TUNEL/TRAP combinados foram também utilizados. Resultados: O número de osteoclastos TRAP-positivos/mm de superfície óssea foi significantemente reduzido no GE comparado ao GC e ao GS. No GE, foram observados osteoclastos TRAP-positivos exibindo núcleos TUNEL-positivos. Além disso, imagens ultraestruturais revelaram osteoclastos encolhidos exibindo núcleos com massas conspícuas e tortuosas de cromatina condensada, típicos de apoptose. Conclusões: Os resultados reforçam a idéia que o estrógeno inibe a reabsorção óssea promovendo a redução no número de osteoclastos, indicando, portanto, que esta redução pode ser, pelo menos em parte, uma conseqüência da apoptose de osteoclastos. / Introduction: Bone is a mineralized tissue which is under the influence of several systemic, local and environmental factors. Among systemic factors, estrogen is a hormone well known for its inhibitory function on bone resorption. Since alveolar bone of young rats undergoes continuous and intense remodeling to accommodate the growing and erupting tooth, it is a suitable in vivo model to study the possible estrogen action on bone. Purpose: In an attempt to investigate the possibility that estrogen may induce death of osteoclasts, we have examined the alveolar bone of estrogen treated young rats. Methods: Fifteen 22-day-old female rats were divided into Estrogen (EG), Sham (SG) and Control (CG) groups. Rats from EG received during 7 days, daily intramuscular injection of 0.125mg/100bw of estrogen (Benzoginoestril-ap®) diluted in corn oil. Rats from SG received oil used as diluition vehicle. After 8 days, fragments containing alveolar bone were removed and processed for light microscopy and transmission electron microscopy. Sections were stained with hematoxylin/eosin (HE) and tartrate-resistant acid phosphatase (TRAP) was used as an osteoclast marker. Quantitative analysis of the number of TRAP-positive osteoclasts/mm of bone surface was carried out. For detection of apoptosis, sections were submitted to the TUNEL (Terminal deoxynucleotidyl transferase-mediated dUTP Nick End Labeling) method; TUNEL/TRAP methods combined were also used. Results: The number of TRAP-positive osteoclasts/mm of bone surface was significantly reduced in EG compared to CG and SG. TRAP-positive osteoclasts exhibiting TUNEL-positive nuclei were observed in EG. In addition, the ultrastructural images revealed shrunken osteoclast exhibiting nuclei with conspicuous and tortuous masses of condensed chromatin, typical of apoptosis. Conclusion: Our results reinforce the idea that the estrogen inhibits bone resorption by promoting reduction in the number of osteoclasts, indicating therefore, that this reduction may be, at least in part, a consequence of osteoclast apoptosis. / TEDE / BV UNIFESP: Teses e dissertações
6

Impregnação de peças de osso bovino com poli(metilmetacrilato) : um novo material para o design de produto

Roese, Pedro Barrionuevo January 2009 (has links)
O presente trabalho teve como objetivo obter um material compósito a partir da impregnação de peças de osso bovino com um monômero seguido da polimerização deste, resultando assim em um material com menor absorção de água e inchamento quando comparado ao osso em seu estado natural. O tratamento de impregnação realizado foi adaptado de tratamentos tipicamente empregados na madeira e, para tal, foi realizada uma ampla revisão bibliográfica com o objetivo de determinar as diferenças entre a estrutura química e a microestrutura do osso e da madeira. A partir da revisão bibliográfica, determinou-se que as melhores chances de se obter bons valores para os parâmetros de eficiência anti-inchamento (%EAI) e eficiência na exclusão de umidade corrigida (%EEUC) residiam em aplicar ao osso um tratamento de impregnação com metilmetacrialto (MMA) utilizando vácuo ou pressão e metanol ou ácido acrílico (AA) como promotores de difusão. Determinou-se a composição média das peças de osso quanto ao teor de umidade, de mineral e de gordura e os resultados mostraram que as amostras de osso empregadas eram bastante homogêneas. Então, foi estudada a influência do vácuo, de pressão positiva e da concentração dos promotores de difusão na impregnação do osso com MMA. Os resultados mostraram que o uso de vácuo, de metanol a 20% v:v e AA a 5% v:v aceleram a absorção de MMA pelo osso permitindo assim obter um maior teor de impregnante no compósito. As peças de osso foram então impregnadas com MMA e este foi polimerizado in situ para a obtenção do material compósito, utilizando peróxido de benzoíla como iniciador e temperaturas de 90ºC. O material resultante foi caracterizado em ensaios de absorção de água e inchamento e analisado por microscopia óptica e eletrônica de varredura. Os compósitos obtidos utilizando metanol 20% v:v como promotor de difusão apresentaram os melhores resultados com %EAI = 22,1% e %EEUC = 35,1%, comparados ao osso não impregnado. / This work aimed to obtain a composite material from the impregnation of bovine bone slabs with a monomer, followed by monomer polymerization, yielding a material with lower water absorption and swelling compared to untreated bone. The impregnation carried out was adapted from treatments which are typically employed to wood and, to make that possible, a broad review was carried out to determine the differences between the chemical and microstructural composition of wood and bone. From the review, it was determined that the best possibilities to obtain high values for the anti swelling efficiency (%ASE) and moisture exclusion efficiency (%MEE) parameters could be reached through the impregnation of the bone slabs with methylmetacrylate (MMA) employing pressure and methanol and acrylic acid (AA) as diffusion promoters. Before starting impregnation procedures, the mean composition of the bone slabs regarding moisture content, mineral content and fat content was determined. Results showed that the bone slabs composition was quite homogeneous. Then, the influence of vacuum, 2 bar pressure and methanol and AA concentration in the absorption of MMA by the bone slabs. The results pointes that vacuum and methanol 20% v:v and AA 5% v:v speeds up the MMA absorption by bone, thus, making possible to obtain composites with higher impregnant amounts. Once the optimized impregnation conditions were found, boné slabs were impregnated with MMA in such conditions and then it was polymerized in situ with benzoyl peroxide as initiator and 90ºC temperature. The resulting material was characterized regarding water absorption and swelling and was analyzed through optical and electronic microscopy. Results showed that the composites obtained with methanol as diffusion promoter presented the best performance with %ASE = 22.1% and %MEE = 35.1%.
7

Impregnação de peças de osso bovino com poli(metilmetacrilato) : um novo material para o design de produto

Roese, Pedro Barrionuevo January 2009 (has links)
O presente trabalho teve como objetivo obter um material compósito a partir da impregnação de peças de osso bovino com um monômero seguido da polimerização deste, resultando assim em um material com menor absorção de água e inchamento quando comparado ao osso em seu estado natural. O tratamento de impregnação realizado foi adaptado de tratamentos tipicamente empregados na madeira e, para tal, foi realizada uma ampla revisão bibliográfica com o objetivo de determinar as diferenças entre a estrutura química e a microestrutura do osso e da madeira. A partir da revisão bibliográfica, determinou-se que as melhores chances de se obter bons valores para os parâmetros de eficiência anti-inchamento (%EAI) e eficiência na exclusão de umidade corrigida (%EEUC) residiam em aplicar ao osso um tratamento de impregnação com metilmetacrialto (MMA) utilizando vácuo ou pressão e metanol ou ácido acrílico (AA) como promotores de difusão. Determinou-se a composição média das peças de osso quanto ao teor de umidade, de mineral e de gordura e os resultados mostraram que as amostras de osso empregadas eram bastante homogêneas. Então, foi estudada a influência do vácuo, de pressão positiva e da concentração dos promotores de difusão na impregnação do osso com MMA. Os resultados mostraram que o uso de vácuo, de metanol a 20% v:v e AA a 5% v:v aceleram a absorção de MMA pelo osso permitindo assim obter um maior teor de impregnante no compósito. As peças de osso foram então impregnadas com MMA e este foi polimerizado in situ para a obtenção do material compósito, utilizando peróxido de benzoíla como iniciador e temperaturas de 90ºC. O material resultante foi caracterizado em ensaios de absorção de água e inchamento e analisado por microscopia óptica e eletrônica de varredura. Os compósitos obtidos utilizando metanol 20% v:v como promotor de difusão apresentaram os melhores resultados com %EAI = 22,1% e %EEUC = 35,1%, comparados ao osso não impregnado. / This work aimed to obtain a composite material from the impregnation of bovine bone slabs with a monomer, followed by monomer polymerization, yielding a material with lower water absorption and swelling compared to untreated bone. The impregnation carried out was adapted from treatments which are typically employed to wood and, to make that possible, a broad review was carried out to determine the differences between the chemical and microstructural composition of wood and bone. From the review, it was determined that the best possibilities to obtain high values for the anti swelling efficiency (%ASE) and moisture exclusion efficiency (%MEE) parameters could be reached through the impregnation of the bone slabs with methylmetacrylate (MMA) employing pressure and methanol and acrylic acid (AA) as diffusion promoters. Before starting impregnation procedures, the mean composition of the bone slabs regarding moisture content, mineral content and fat content was determined. Results showed that the bone slabs composition was quite homogeneous. Then, the influence of vacuum, 2 bar pressure and methanol and AA concentration in the absorption of MMA by the bone slabs. The results pointes that vacuum and methanol 20% v:v and AA 5% v:v speeds up the MMA absorption by bone, thus, making possible to obtain composites with higher impregnant amounts. Once the optimized impregnation conditions were found, boné slabs were impregnated with MMA in such conditions and then it was polymerized in situ with benzoyl peroxide as initiator and 90ºC temperature. The resulting material was characterized regarding water absorption and swelling and was analyzed through optical and electronic microscopy. Results showed that the composites obtained with methanol as diffusion promoter presented the best performance with %ASE = 22.1% and %MEE = 35.1%.
8

Efeitos do tratamento com cloridrato de fluoxetina na mandíbula da prole de ratas tratadas durante a gestação e lactação

Correia, Priscylla Gonçalves 26 February 2013 (has links)
Submitted by Leonardo Freitas (leonardo.hfreitas@ufpe.br) on 2015-04-14T14:27:14Z No. of bitstreams: 2 dissertação priscylla versão final.pdf: 1495926 bytes, checksum: 5c12ae154ce7fa1cdd4026b6b49068fe (MD5) license_rdf: 1232 bytes, checksum: 66e71c371cc565284e70f40736c94386 (MD5) / Made available in DSpace on 2015-04-14T14:27:14Z (GMT). No. of bitstreams: 2 dissertação priscylla versão final.pdf: 1495926 bytes, checksum: 5c12ae154ce7fa1cdd4026b6b49068fe (MD5) license_rdf: 1232 bytes, checksum: 66e71c371cc565284e70f40736c94386 (MD5) Previous issue date: 2013-02-26 / Os Inibidores Seletivos da Recaptação da Serotonina (ISRS) podem interferir na formação de estruturas craniofaciais por bloquear a ação da serotonina nos sítios de captação. Estudos sobre ação da fluoxetina no osso têm sido desenvolvidos, mas, pouco se sabe da repercussão deste fármaco no desenvolvimento mandibular. METODOLOGIA: Foram utilizados 24 filhotes de ratas Wistar tratadas durante a gestação e durante a gestação e lactação, divididos em 4 grupos: CG - Controle da gestação; CL - Controle da gestação e lactação, ambos com solução de Cloreto de Sódio 0,9% na dose 10μl/g de peso animal (v.o); FG - Tratado com fluoxetina durante a gestação e FL - Tratado durante a gestação e lactação, ambos com fluoxetina na dose de 20mg/kg de peso animal (v.o). Aos 25 dias de vida após anestesia com xilazina a 20mg/Kg de peso animal (i.m.) e quetamina a 50mg/Kg de peso animal (i.m.), os animais foram perfundidos por via intracardíaca. As hemi-mandíbulas direitas foram removidas e fixadas no mesmo fixador por 24 horas a temperatura ambiente. Os espécimes foram submetidos à radiografia digital, processados convencionalmente para parafina e corados pela Hematoxilina e Eosina, Tricrômico de Masson e Picrosirius Red. Análises radiopacidade radiográfica, histológica, histométrica e microscopia de polarização foram realizadas. Os dados obtidos foram submetidos ao teste de Mann-Whitney com índice de significância de 5%. RESULTADOS: Houve diferença significativa comparando o CL com o FL tanto na histometria quanto na radiopacidade radiográfica, revelando respectivamente uma redução na espessura da cortical óssea inferior, redução no número de osteócitos, redução na radiopacidade óssea, com consequente redução na densidade óssea. Ocorreu também redução no número de osteoblastos do FG. CONCLUSÃO: A fluoxetina diminui a produção de osteócitos e diminui a radiopacidade óssea, com consequente diminuição da densidade óssea nos animais tratados com o fármaco a longo prazo. Mostrando que o uso prolongado da fluoxetina por ratas prenhes e lactantes altera a massa óssea mandibular.
9

Impregnação de peças de osso bovino com poli(metilmetacrilato) : um novo material para o design de produto

Roese, Pedro Barrionuevo January 2009 (has links)
O presente trabalho teve como objetivo obter um material compósito a partir da impregnação de peças de osso bovino com um monômero seguido da polimerização deste, resultando assim em um material com menor absorção de água e inchamento quando comparado ao osso em seu estado natural. O tratamento de impregnação realizado foi adaptado de tratamentos tipicamente empregados na madeira e, para tal, foi realizada uma ampla revisão bibliográfica com o objetivo de determinar as diferenças entre a estrutura química e a microestrutura do osso e da madeira. A partir da revisão bibliográfica, determinou-se que as melhores chances de se obter bons valores para os parâmetros de eficiência anti-inchamento (%EAI) e eficiência na exclusão de umidade corrigida (%EEUC) residiam em aplicar ao osso um tratamento de impregnação com metilmetacrialto (MMA) utilizando vácuo ou pressão e metanol ou ácido acrílico (AA) como promotores de difusão. Determinou-se a composição média das peças de osso quanto ao teor de umidade, de mineral e de gordura e os resultados mostraram que as amostras de osso empregadas eram bastante homogêneas. Então, foi estudada a influência do vácuo, de pressão positiva e da concentração dos promotores de difusão na impregnação do osso com MMA. Os resultados mostraram que o uso de vácuo, de metanol a 20% v:v e AA a 5% v:v aceleram a absorção de MMA pelo osso permitindo assim obter um maior teor de impregnante no compósito. As peças de osso foram então impregnadas com MMA e este foi polimerizado in situ para a obtenção do material compósito, utilizando peróxido de benzoíla como iniciador e temperaturas de 90ºC. O material resultante foi caracterizado em ensaios de absorção de água e inchamento e analisado por microscopia óptica e eletrônica de varredura. Os compósitos obtidos utilizando metanol 20% v:v como promotor de difusão apresentaram os melhores resultados com %EAI = 22,1% e %EEUC = 35,1%, comparados ao osso não impregnado. / This work aimed to obtain a composite material from the impregnation of bovine bone slabs with a monomer, followed by monomer polymerization, yielding a material with lower water absorption and swelling compared to untreated bone. The impregnation carried out was adapted from treatments which are typically employed to wood and, to make that possible, a broad review was carried out to determine the differences between the chemical and microstructural composition of wood and bone. From the review, it was determined that the best possibilities to obtain high values for the anti swelling efficiency (%ASE) and moisture exclusion efficiency (%MEE) parameters could be reached through the impregnation of the bone slabs with methylmetacrylate (MMA) employing pressure and methanol and acrylic acid (AA) as diffusion promoters. Before starting impregnation procedures, the mean composition of the bone slabs regarding moisture content, mineral content and fat content was determined. Results showed that the bone slabs composition was quite homogeneous. Then, the influence of vacuum, 2 bar pressure and methanol and AA concentration in the absorption of MMA by the bone slabs. The results pointes that vacuum and methanol 20% v:v and AA 5% v:v speeds up the MMA absorption by bone, thus, making possible to obtain composites with higher impregnant amounts. Once the optimized impregnation conditions were found, boné slabs were impregnated with MMA in such conditions and then it was polymerized in situ with benzoyl peroxide as initiator and 90ºC temperature. The resulting material was characterized regarding water absorption and swelling and was analyzed through optical and electronic microscopy. Results showed that the composites obtained with methanol as diffusion promoter presented the best performance with %ASE = 22.1% and %MEE = 35.1%.
10

Influência da Calcarea phosphorica e do alendronato sódico na remodelação óssea de ratas ovariectomizadas /

Machado, Ana Lourdes da Silva. January 2012 (has links)
Orientador: Adriana Aigotti Haberbeck Brandão / Banca: Rosilene Fernandes da Rocha / Banca: Emília Angela Loschiavo Arisawa / Banca: Renata Falchete do Prado / Banca: Luiz Eduardo Blumer Rosa / Resumo: A osteoporose é uma doença crônica degenerativa caracterizada por deterioração progressiva e silenciosa da microarquitetura óssea, que requer tratamento, pois aumenta o risco de fraturas. Entre os medicamentos mais utilizados para tratar osteoporose estão os bifosfonatos como o alendronato. Na literatura, há poucos trabalhos que descrevam a ação de medicamentos homeopáticos com possível indicação para o tratamento da osteoporose. O objetivo deste trabalho foi analisar a ação da Calcarea phosphorica em comparação à ação do alendronato sódico na remodelação óssea no fêmur de ratas com deficiência estrogênica. Foram utilizadas 120 ratas divididas em quatro grupos de 30 animais. Aos três meses de idade, três grupos foram submetidos à ovariectomia (OVZ) e um grupo à falsa castração (Sham). Após 60 dias os tratamentos foram iniciados de acordo com os seguintes grupos: Sham com placebo, OVZ com placebo, OVZ com Calcarea phosphorica 6CH (2 glóbulos/ml de água/dia/animal) e o OVZ com alendronato sódico (1,2mg/kg/três vezes/semana/animal). Os animais em grupo de 6 foram sacrificados após 3, 6, 10, 17 e 28 dias de tratamento. O fêmur direito de cada animal foi submetido às analises, histomorfométrica do volume ósseo no colo do fêmur e imunohistoquímica para osteocalcina. Os resultados mostraram que os animais tratados com Calcarea phosphorica responderam ao tratamento com estímulo à proliferação de osteoblastos e aumento de volume ósseo no colo do fêmur enquanto o tratamento com alendronato influiu apenas na diminuição de reabsorção óssea. Concluiu-se que o tratamento com Calcarea phosphorica é valido para o controle da remodelação óssea na osteoporose / Abstract: Ostoporosis is a chronic degenerative disease characterized by bone loss due to progressive damage in the bone microarchitecture. It requires treatment because of the increased risk of fractures. There are few reports describing the effects of homeopathic medication on bone remodeling regarding its possible application in the treatment of osteoporosis. The aim of this study was to analyze the effect of Calcarea phosphorica in comparison to Alendronate on bone remodeling of the proximal area of femurs of osteoporotic rats. For that 120 rats 3 months old were used, divided in 4 groups of 30 animals. Three groups went through bilateral ovariectomy in order to induce osteoporosis, and one group had a sham surgery to become a control group. After 60 days the following treatments began: Sham treated with placebo, ovariectomized treated with placebo, ovariectomized treated with Calcarea phosphorica 6CH (2 globules/1 ml of water/day/animal) and ovariectomized treated with Alendronate sodium (1,2mg/kg/3 times a week/animal). The animals (n= 6) were sacrificed after 3, 6, 10, 17 and 28 days of treatment. The right femur was removed, and representative sections of the femoral epiphysis and trocanter area were selected to histomorphometric and imunohistochemical analyzes. The results showed that the animals treated with the homeopathic remedy Calcarea phosphorica 6CH had a positive response with proliferation of osteoblasts while treatment with alendronate had effect on the osteoclasts inhibiting bone resorption. It is concluded that treatment with Calcarea phosphorica is valid to control bone remodeling in osteoporosis / Doutor

Page generated in 0.0286 seconds