Return to search

Maturação nuclear de ovócitos de cadelas em estro e anestro submetidos à maturação in vitro /

Orientador : Maria Denise Lopes / O presente estudo objetivou avaliar a taxa de maturidade nuclear dos ovócitos provenientes de cadelas em estro e em anestro submetidos à maturação em dois meios de cultivo, TCM 199 (Tissue Culture Medium) e SOF (Synthetic Oviduct Fluid) durante 24 horas. A parte experimental foi dividida em dois grupos; grupo 1, cadelas em anestro e grupo 2, constituído de cadelas em estro. Em cada grupo, os ovócitos foram removidos dos ovários e metade deles foi imediatamente corada com Hoescht 33342 e classificados como VG (vesícula germinativa), QVG (quebra da vesícula germinativa), MI (metáfase I) e D/NI (degenerados/não passíveis de identificação) e a outra parte foi maturada em SOF e em TCM 199 por 24 horas, corados e avaliados conforme descrição anterior. Foram recuperados 511 e 373 ovócitos grau I nos grupos 1 e 2 respectivamente. O número médio de ovócitos grau I obtidos por cadela no anestro foi de 46,45 ± 25,23. Para as fêmeas do grupo 2, este valor foi de 62,16 ± 8,18 ovócitos/cadela. O protocolo que utilizou ovócitos provenientes de doadoras em estro e maturação in vitro no SOF foi superior aos demais protocolos testados, demonstrando que a maturação ovocitária é beneficiada pela associação entre a fase do ciclo estral e o meio de maturação in vitro (58% MI). Quando submetidos à maturação in vitro os ovócitos provenientes de fêmeas em estro e em anestro apresentam taxas de QVG semelhantes (21,68% TCM 199 e 23,61% SOF - anestro; 20% TCM199 e 23% SOF - estro), porém a taxa de MI foi superior no grupo de ovócitos provenientes de fêmeas em estro (9,79% TCM 199 e 9,72% SOF - anestro; 25% TCM 199 e 58% SOF - estro). Pôde-se ainda evidenciar que em todos os protocolos testados, o tempo de maturação in vitro de 24 horas foi insuficiente para a obtenção da configuração nuclear de metáfase II. / Abstract: The present study aimed to evaluate the nuclear maturation of in vitro matured oocytes originating from estrus and anoestrus bitches. Two different culture media were used, TCM 199 (Tissue Culture Medium) and SOF (Synthetic Oviduct Fluid). The experimental part was divided into two groups: group 1, consisting of anoestrus bitches, and group 2, consisting of estrus bitches. In each group, oocytes were harvested from ovaries and half of them were immediately stained with Hoechst 33342 and classified as in GV (germinal vesicle), GVBD (germinal vesicle breakdown), MI (metaphase I) and D/NI (degenerated/non identifiable). The other part was matured in SOF or TCM media for 24 hours, stained and evaluated as described previously. There were 511 and 373 grade I oocytes recovered in groups 1 and 2, respectively. The mean number of oocytes obtained per anoestrus bitch was 46.45 ± 25.23. For females in group 2, this value was 62.16 ± 8.18 oocytes / bitch. The protocol that utilized estrus donor's oocytes and in vitro maturation in SOF was superior to the other protocol tested, demonstrating that the association between phase of the estrus cycle and maturation medium is beneficial for oocyte in vitro maturation (58% MI). Oocytes from estrus and anoestrus bitches submitted to in vitro maturation presented similar rates of GVBD (21.68% TCM 199 and 23.61% SOF - anoestrus; 20% TCM199 and 23% SOF - estrus). However the MI rate was higher in the estrus group (9.79% TCM 199 and 9.72% SOF - anoestrus; 25% TCM 199 and 58% SOF - estrus). It was demonstrated, in all the protocols tested, that 24 hours in vitro maturation was insufficient for obtaining nuclear configuration of metaphase II. / Mestre

Identiferoai:union.ndltd.org:UNESP/oai:www.athena.biblioteca.unesp.br:UEP01-000290680
Date January 2005
CreatorsMartins, Lílian Rigatto.
ContributorsUniversidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia.
PublisherBotucatu : [s.n.],
Source SetsSao Paulo State University, Sao Paulo - Brazil.
LanguagePortuguese
Detected LanguagePortuguese
Typetext
Format70 f.
RelationSistema requerido: Adobe Acrobat Reader

Page generated in 0.0025 seconds