• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 810
  • 11
  • 10
  • 10
  • 10
  • 10
  • 10
  • 8
  • 3
  • 3
  • 2
  • 2
  • 2
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 850
  • 110
  • 95
  • 94
  • 83
  • 81
  • 77
  • 76
  • 76
  • 73
  • 60
  • 56
  • 54
  • 53
  • 51
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Potencial exportador de atividades relacionadas ao agronegócio: Bahia e oeste baiano

Freitas, Ana Elisia Souza de January 2008 (has links)
122f. / Submitted by Suelen Reis (suziy.ellen@gmail.com) on 2013-03-06T16:16:49Z No. of bitstreams: 1 Ana%20Elisia%20Freitasseg.pdf: 1630828 bytes, checksum: 95446a3fc01d29e092810086e0e00fb7 (MD5) / Approved for entry into archive by Vania Magalhaes(magal@ufba.br) on 2013-03-14T12:29:51Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Ana%20Elisia%20Freitasseg.pdf: 1630828 bytes, checksum: 95446a3fc01d29e092810086e0e00fb7 (MD5) / Made available in DSpace on 2013-03-14T12:29:51Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Ana%20Elisia%20Freitasseg.pdf: 1630828 bytes, checksum: 95446a3fc01d29e092810086e0e00fb7 (MD5) Previous issue date: 2008 / Esta dissertação fez um estudo sobre o estado da Bahia nos setores de atividades primordialmente relacionados ao segmento do agronegócio. Através do modelo da base exportadora e dos indicadores de análise regional, estudou-se a Bahia e o Oeste baiano respectivamente. Os testes de inferências econométricas do modelo da base de exportação referendam as análises do Estado que tem se caracterizado por microrregiões e atividades setoriais de potenciais voltados para o mercado externo. Os resultados foram satisfatórios na medida em que nos dois anos estudados (1995 e 2005), se testou para a Bahia as relações de causalidade entre os setores de atividades de exportação e os voltados para o mercado interno, obtendo-se o multiplicador de emprego. Quanto aos indicadores se observou que os principais setores e municípios do Oeste baiano sinalizam para algum grau de competitividade nas exportações. Ressalta-se que em nenhum momento as limitações teóricas e metodologias, assim como da utilização de base de dados secundária foram desconsideradas nas avaliações e análises comparativas deste trabalho. / Salvador
2

Geologia e potencial metalogenetico do complexo anortositico-leucogabroico de Lagoa da Vaca, municipio de Curaça, Bahia / Geology and metallogenetic potential of the anorthositic-leucogabbroic Lagoa da Vaca Complex, Curaça, Bahia State, Brazil

Paixão, Marco Antonio Pires 22 March 2006 (has links)
Orientador: Elson Paiva de Oliveira / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Geociências / Made available in DSpace on 2018-07-21T07:08:16Z (GMT). No. of bitstreams: 2 Paixao_MarcoAntonioPires_M_ANEXO.zip: 1613088 bytes, checksum: b80eec0a1a0624b2167e329ef8171a7a (MD5) Paixao_MarcoAntonioPires_M.pdf: 27796434 bytes, checksum: d57c5653b870a3488c1d7d80d83aa320 (MD5) Previous issue date: 1996 / Resumo: O Complexo Lagoa da Vaca faz parte de um dos três domínios lito-estruturais (Domínío Central) definidos pelo mapeamento geológico, e possui uma largura aflorante de 3 km. É constituído por camadas de rochas de composição anortosítíca, leucogabróica, gabróica e ultramáficas (hornblenditos). Além dísso, possui Jitotipos ultramáficos de posicionamento estratigráfico duvidoso (peridotitos e anfibólio-metaperidotitos). A composição mineralógica é dada principalmente pela presença de hornblenda e plagioclásio (Jabradorita). Estruturas primárias são representadas pela presença de acamamento gradacional e estruturas de slumping. O limite norte do complexo é desconhecido, mas seu limite oriental é feito com rochas granulíticas de composição enderbítica ajotunítica, que compreende o Domínio Leste. O limite ocidental é feito com o Domínio Oeste, caracterizado por gnaisses quartzo-feldspáticos com intercalações de camadas e (ou) lentes de anfibolito, os quais foram mais intensamente afetados pela orogênese da Faixa Caldeirão. A história tectôno-metamórfica da área envolve três fases deformacionais, as duas primeiras de caráter dúcti1. A primeira fase é marcada por condições de pico metamórfico em fácies granulito, com posteriores efeitos de descompressão, rehidratação e reequilíbrío em fácies anfibolito, estes últimos condições típicas da segunda fase de deformação. A última fase de caráter rúptil-dúctil é expressa localmente, e caracterizada por assembléias metamórticas típicas de retrogressão à fácies xistoverde nas rochas dos três domínios. A geocronologia Pb-Pb para as rochas do Complexo Lagoa da Vaca e para as rochas granulíticas do Domínio Leste, indicam idades de 3.161 :!: 65 Ma e 3072:!: 72 Ma, respectivamente. Os piroxênios dos Jitotipos ultramáficos de posicionamento duvídoso e aqueles das rochas do Complexo Lagoa da Vaca apresentam uma lacuna composicional, sugerindo não existir uma relação genética entre si. Correlações com a literatura indicam que muito provavelmente este complexo assemelha-se aqueles encontrados na Groenlândia (complexo Fiskenaesset) e África do Sul (complexo Messina), que ocorrem em terrenos gnaissicos de alto grau, de idade arqueana. A ausência de níveis ou concentrações de óxidos e (ou) sul fetos nas rochas do Complexo Lagoa da Vaca, bem como nos Jitotipos ultramáficos de posicionamento duvidoso, aliada à composição dos espínélios indicam pouca potencialidade para mineralizações de metais como Cr, Cu e Ni. O Complexo Lagoa da Vaca deve ter-se alojado e diferenciado em uma crosta continental arqueana, mais provavelmente no Bloco de Uauá / Abstract: The complex is one of the three litho-structural domains mapped (central domain), and has an outcrop width of 3 kilometers. It is made up mostly of north-south-trending layers of anorthositic, meta-leucogabbroic, meta-gabbroic and ultramafic compositions. Ultramafic rocks of unknown stratigraphic relations, vz. peridotite and amphibole meta-peridotite, were also included in the complexo MineralogicalIy, the anorthositic rocks contain hornblende and labradorític plagioclase, whereas the peridotitcs contain olivine, pyroxenes, spinels and amphiboles. Primary structures are given by mineral layering and syn magmatic slump fauJts. The limit ofthe complex to the North is unknown. 1t is bounded, to the East, by granulite facies rocks of enderbitic to jotunitic composition (eastern domain), and to the West by quartz-feldspatic gneisses with interleaved bands of amphibolite (western domain) which have been strongly deformed by the Caldeirão beJt orogenic event.The tectonic and metamorphic evolution ofthe mapped arca is described in terms ofthree deformation phases; the first two and the last one have respectively ductile and brittle characteristics. Granulite facies metamorphic conditions have been attained during the first phase, folIowed by retrogression (vz. decompression textures, hydration) under amphibolite facies conditions, which is a characteristic ofthe second deformation phase. The third phase, on the other hand, is locally observed in alI domains; ít shows typical brittle-ductile characteristics, and metamorphic mineral assemblages diagnostic of the greenschist facies. The Lagoa da Vaca anorthositic rocks were dated by the whole-rock Pb-Pb isochron technique, yielding an age of 3, 161:J: 65 Ma. Zircons from a granulite have yielded an age of 3072:1:72 Ma by stepwise Pb evaporation technique. Pyroxenes trom the Lagoa da Vaca Complex and peridotites show a significant compositional gap, suggesting that the two rock types most Jikely are not consanguineous nor cogenetic. The lack of sulphide or oxide concentrations, combined with spinel compositions, indicate that both anorthositic and peridotitic rocks have little potential for Chromium, Copper and Nickel mineralisations. The Lagoa da Vaca Complex is very much like other Archaean layered anorthositic complexes found in high grade terranes, such as the Fiskenaesset (Greenland) and Messina (South Africa). Its age, Pb isotopic characteristic (", = 8,8:1: 0,62) and field relationships strongly suggest a continental environment for its emplacement rather than an oceanic one / Mestrado / Metalogenese e Geoquimica / Mestre em Geociências
3

Caracterização tectono-metamorfica do deposito aurifero Ambrosio, Greenstone Belt do Rio Itapicuru - Bahia

Pires, Paulo Fernando Ravacci 03 May 1996 (has links)
Orientadores: Job Jesus Batista, Roberto Perez Xavier / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Geociencias / Made available in DSpace on 2018-07-21T09:35:06Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Pires_PauloFernandoRavacci_M.pdf: 6148087 bytes, checksum: 07686fc46b8c721d0a18610bb070a801 (MD5) Previous issue date: 1996 / Resumo: O depósito aurífero Ambrósio situa-se no setor norte do Greenstone Be/t do Rio Itapicuru, de idade Proterozóica inferior (2.200 a 2.000 Ma), associado a uma estreita faixa de rochas supracrustais, intensamente deformada, entre dois domos sin-tectônicos (dom os Ambrósio e Pedra Alta). A mineralização encontra-se no contato entre metassedimentos clásticos e químicos / anfibolitos, que fazem parte do Domínio Vulcânico Máfico, porção basal da seqüência litoestratigráfica deste greenstone. Os metassedimentos e anfibolitos são a lapa e a capa da mineralização, respectivamente, sendo os primeiros representados por andaluzita-granada-biotita xistos e os últimos formados essencialmente por homblenda e plagioclásio. Estes litotipos apresentam aspecto milonitico desenvolvido em fácies anfibolito. O controle estrutural do depósito está intimamente associado a estruturas geradas em função do desenvolvimento de um sistema de dup/exes direcionais dúcteis, na região de recobrimento entre duas zonas de cisalhamento principais, situadas nas bordas dos domos granito-gnáissicos. O ouro é encontrado em veios quartzo-sulfetados (arsenopirita, pirrotita e pirita), com biotita, plagioclásio e muscovita em menor quantidade. Os veios foram submetidos a intenso processo de recristalização, sendo controlados por: I) zona transcorrente (NNE) e 2) dobras de arrasto com eixos subhorizontais na direção NNE. Estas estruturas mineralizadas estão relacionadas aos estágios iniciais da evolução deste sistema de dup/exes, concomitantes ao metamorfismo regional. Estudos de inclusões fluidas, nos veios mineralizados, revelam o predomínio de inclusões monofásicas ricas em CO2 (a temperatura ambiente). Estas inclusões ricas em CO2 aparecem restritas às trilhas intergranulares ou ao longo dos limites dos sub-grãos. Dados de microtennometria e microssonda Raman demonstram que os fluidos carbônicos são compostos por CO2 puro. A caracterização do fluido e a petrografia no veio mineralizado sugerem que o ouro foi transportado por tiocomplexos, em um fluido original aquo-carbônico que, durante a formação do veio e posteriormente com a deformação, foi enriquecido em CO2 pela perda de H20 / Abstract: The Ambrósio lode gold deposit, located in the northem sector ofthe lower Proterozoic (2.200 to 2.000 Ma) Rio Itapicuru greenstone belt, northeast Brazil, is enclosed within a narrow belt ofhighly deformed supracrustals, tightly squeezed between two syn-tectonic granitic batholiths (pedra Alta and Ambrósio domes). The deposit is hosted at the contact of amphibolites and clastic-chemical metasediments, which represent part ofthe mafic volcanic domain at the basal portion ofthe greenstone belt sequence. The metasediments and amphibolites comprise the footwall and hangingwall ofmineralization, respectively. The former are represented by andalusite-gamet-biotite schist and the latter consits mainly ofhomblende and plagioclase; these lithotypes show mylonite texture devoloped in amphibolites facies. The deposit is closely associated with structures developed in a ductile strike-slip duplexes system, in the offset region between two main shear zones at the boundary of the granite-gneiss domes. The gold mineralization occurs in centimetre-wide quartz veins containing disseminations of iron sulphides (arsenopyrite, pyrrhotite and pyrite), and subordinate amounts ofbiotite, plagioclase and muscovite. The veins were submitted to intense recrystallization processes and are controUed by: 1) transcurrent shear zone (NNE) and 2) drag folds with subhorizontal axis in the NNE direction. These minera1ized structures are related to early stages of evolution ofthe duplexes system, and are broadly synchronous with regional metamorphism and granite intrusions. CO2 - rich inclusions, mostly monophase at room temperature, are the dominant or virtually the only fluid inclusion type, in the quartz veios of the Ambrósio deposito The CO2 - rich inclusions appear restricted to intergranular trails, or along subgrain boundaries. Microthermometry and laser Raman microphobe data demonstrate that the carbonic fluids are composed of pure CO2. Fluid inclusions and petrographic studies suggest that gold was transported by tiocomplex in an original H20-C02 fluid, which was enriched in C02 by loss ofH20 during the vein formation and later deformation / Mestrado / Metalogenese / Mestre em Geociências
4

Geologia e potencial metalogenetico do complexo anortositico-leucogabroico de Lagoa da Vaca, municipio de Curaça, Bahia / Geology and metallogenetic potential of the anorthositic-leucogabbroic Lagoa da Vaca Complex, Curaça, Bahia State, Brazil

Paixão, Marco Antonio Pires 22 March 2006 (has links)
Orientador: Elson Paiva de Oliveira / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Geociências / Made available in DSpace on 2018-07-06T14:02:40Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Paixao_MarcoAntonioPires_M.pdf: 10710026 bytes, checksum: 55292d83e697fd12d4467cda719f88f7 (MD5) Previous issue date: 1996 / Resumo: O Complexo Lagoa da Vaca faz parte de um dos três domínios lito-estruturais (Domínío Central) definidos pelo mapeamento geológico, e possui uma largura aflorante de 3 km. É constituído por camadas de rochas de composição anortosítíca, leucogabróica, gabróica e ultramáficas (hornblenditos). Além dísso, possui Jitotipos ultramáficos de posicionamento estratigráfico duvidoso (peridotitos e anfibólio-metaperidotitos). A composição mineralógica é dada principalmente pela presença de hornblenda e plagioclásio (Jabradorita). Estruturas primárias são representadas pela presença de acamamento gradacional e estruturas de slumping. O limite norte do complexo é desconhecido, mas seu limite oriental é feito com rochas granulíticas de composição enderbítica ajotunítica, que compreende o Domínio Leste. O limite ocidental é feito com o Domínio Oeste, caracterizado por gnaisses quartzo-feldspáticos com intercalações de camadas e (ou) lentes de anfibolito, os quais foram mais intensamente afetados pela orogênese da Faixa Caldeirão. A história tectôno-metamórfica da área envolve três fases deformacionais, as duas primeiras de caráter dúcti1. A primeira fase é marcada por condições de pico metamórfico em fácies granulito, com posteriores efeitos de descompressão, rehidratação e reequilíbrío em fácies anfibolito, estes últimos condições típicas da segunda fase de deformação. A última fase de caráter rúptil-dúctil é expressa localmente, e caracterizada por assembléias metamórticas típicas de retrogressão à fácies xistoverde nas rochas dos três domínios. A geocronologia Pb-Pb para as rochas do Complexo Lagoa da Vaca e para as rochas granulíticas do Domínio Leste, indicam idades de 3.161 :!: 65 Ma e 3072:!: 72 Ma, respectivamente. Os piroxênios dos Jitotipos ultramáficos de posicionamento duvídoso e aqueles das rochas do Complexo Lagoa da Vaca apresentam uma lacuna composicional, sugerindo não existir uma relação genética entre si. Correlações com a literatura indicam que muito provavelmente este complexo assemelha-se aqueles encontrados na Groenlândia (complexo Fiskenaesset) e África do Sul (complexo Messina), que ocorrem em terrenos gnaissicos de alto grau, de idade arqueana. A ausência de níveis ou concentrações de óxidos e (ou) sul fetos nas rochas do Complexo Lagoa da Vaca, bem como nos Jitotipos ultramáficos de posicionamento duvidoso, aliada à composição dos espínélios indicam pouca potencialidade para mineralizações de metais como Cr, Cu e Ni. O Complexo Lagoa da Vaca deve ter-se alojado e diferenciado em uma crosta continental arqueana, mais provavelmente no Bloco de Uauá / Abstract: The complex is one of the three litho-structural domains mapped (central domain), and has an outcrop width of 3 kilometers. It is made up mostly of north-south-trending layers of anorthositic, meta-leucogabbroic, meta-gabbroic and ultramafic compositions. Ultramafic rocks of unknown stratigraphic relations, vz. peridotite and amphibole meta-peridotite, were also included in the complexo MineralogicalIy, the anorthositic rocks contain hornblende and labradorític plagioclase, whereas the peridotitcs contain olivine, pyroxenes, spinels and amphiboles. Primary structures are given by mineral layering and syn magmatic slump fauJts. The limit ofthe complex to the North is unknown. 1t is bounded, to the East, by granulite facies rocks of enderbitic to jotunitic composition (eastern domain), and to the West by quartz-feldspatic gneisses with interleaved bands of amphibolite (western domain) which have been strongly deformed by the Caldeirão beJt orogenic event.The tectonic and metamorphic evolution ofthe mapped arca is described in terms ofthree deformation phases; the first two and the last one have respectively ductile and brittle characteristics. Granulite facies metamorphic conditions have been attained during the first phase, folIowed by retrogression (vz. decompression textures, hydration) under amphibolite facies conditions, which is a characteristic ofthe second deformation phase. The third phase, on the other hand, is locally observed in alI domains; ít shows typical brittle-ductile characteristics, and metamorphic mineral assemblages diagnostic of the greenschist facies. The Lagoa da Vaca anorthositic rocks were dated by the whole-rock Pb-Pb isochron technique, yielding an age of 3, 161:J: 65 Ma. Zircons from a granulite have yielded an age of 3072:1:72 Ma by stepwise Pb evaporation technique. Pyroxenes trom the Lagoa da Vaca Complex and peridotites show a significant compositional gap, suggesting that the two rock types most Jikely are not consanguineous nor cogenetic. The lack of sulphide or oxide concentrations, combined with spinel compositions, indicate that both anorthositic and peridotitic rocks have little potential for Chromium, Copper and Nickel mineralisations. The Lagoa da Vaca Complex is very much like other Archaean layered anorthositic complexes found in high grade terranes, such as the Fiskenaesset (Greenland) and Messina (South Africa). Its age, Pb isotopic characteristic (", = 8,8:1: 0,62) and field relationships strongly suggest a continental environment for its emplacement rather than an oceanic one / Mestrado / Metalogenese e Geoquimica / Mestre em Geociências
5

Caracterização e dinâmica das transformações ocorridas na base tecno-econômica da Angro baiano na década de 1970-80

Silva, Antônio João da January 1985 (has links)
Submitted by Deise Carla Marques Tejas Serpa (deisecarlaserpa@hotmail.com) on 2017-06-22T13:25:10Z No. of bitstreams: 1 Caracterização e dinâmica das transformações ocorridas na base tecno-econômica da Angro baiano na década de 1970-80.pdf: 53949943 bytes, checksum: a0b32228f3f407e8c918ca9d15cecb7a (MD5) / Approved for entry into archive by Vania Magalhaes (magal@ufba.br) on 2017-07-11T14:11:59Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Caracterização e dinâmica das transformações ocorridas na base tecno-econômica da Angro baiano na década de 1970-80.pdf: 53949943 bytes, checksum: a0b32228f3f407e8c918ca9d15cecb7a (MD5) / Made available in DSpace on 2017-07-11T14:11:59Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Caracterização e dinâmica das transformações ocorridas na base tecno-econômica da Angro baiano na década de 1970-80.pdf: 53949943 bytes, checksum: a0b32228f3f407e8c918ca9d15cecb7a (MD5) / PNPE/CAPES-DS / A presente dissertação visa fazer um estudo das transformações ocorridas na base tecno-econômica do Agro baiano, na década 1970-80, respaldando-se em hipótese similar a de Geraldo Muller defendida para a agricultura brasileira. Procura caracterizar a estrutura produtiva, o alicerce sobre o qual se ergue a agricultura baiana, no sentido de entender o que se produz, quem produz, como produz e para quem produz.
6

A municipalização do ensino via cooperação entre entes federados: um estudo em dois municípios do território do sisal no semi-árido baiano

Costa, Jean Mário Araújo January 2008 (has links)
Submitted by Edileide Reis (leyde-landy@hotmail.com) on 2013-04-29T13:12:05Z No. of bitstreams: 1 Jean Costa.pdf: 3023518 bytes, checksum: c20e573e68fd1bfca097bf6d86cb9182 (MD5) / Approved for entry into archive by Maria Auxiliadora Lopes(silopes@ufba.br) on 2013-06-10T18:45:15Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Jean Costa.pdf: 3023518 bytes, checksum: c20e573e68fd1bfca097bf6d86cb9182 (MD5) / Made available in DSpace on 2013-06-10T18:45:15Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Jean Costa.pdf: 3023518 bytes, checksum: c20e573e68fd1bfca097bf6d86cb9182 (MD5) Previous issue date: 2008 / O trabalho estuda o processo de municipalização do ensino, no bojo das políticas de descentralização da educação do Estado brasileiro, através de uma investigação interpretativa, de caráter qualitativo, na modalidade estudo de casos, que se valeu de pesquisa documental e pesquisa empírica, cujo propósito foi o de analisar as relações de cooperação/colaboração entre Estado e municípios no desenvolvimento e gestão do ensino fundamental, no período de 1997 a 2006. O estudo discute inicialmente questões ligadas ao federalismo brasileiro e a municipalização do ensino como política de Estado. Em seguida, parte para uma análise do programa de municipalização do ensino fundamental do Estado da Bahia, implementado a partir do programa de Reforma do Aparelho do Estado, mostrando os principais objetivos e características da proposta do Governo na década de 1990. Nesta intenção, discute os desdobramentos da Emenda Constitucional 14 que criou o Fundef, da Lei 9424/96 que o regulamentou e da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional 9394/96, que explicitou de forma clara as atribuições e responsabilidades dos entes federados na oferta do ensino fundamental, alterando, assim, as relações federativas no Estado brasileiro, na distribuição dessa oferta. Com isto, o estudo concentra-se no caso baiano cujo governo investiu na radicalização do processo de municipalização dessa etapa de ensino, inspirado nesse aparato legal. Para evidenciar as relações entre entes federados, nesse processo, esta investigação toma como campo de pesquisa os Municípios baianos de Ichu e Serrinha, ambos localizados no Território do Sisal, no Semi-Árido baiano, procurando desvelar quais os delineamentos tomados pela municipalização do ensino, a partir da assinatura do Convênio Ação-Parceria Estado e Municípios, acordado entre Prefeituras Municipais e Secretaria Estadual de Educação e que alterou consideravelmente os rumos da educação municipal. Os resultados obtidos revelaram que, nesse contexto, o incentivo à municipalização do ensino fundamental esteve assentado principalmente pelo apelo financeiro, sem a devida atenção às relações de cooperação entre os entes federados, visando oferecer melhores serviços educacionais. / Salvador
7

Uma análise estrutural e regional de culturas agrícolas por mesorregiões do Estado da Bahia entre 2001 e 2010 com base no modelo shift and share

Bispo, Nelsivan Gonçalves January 2012 (has links)
Submitted by Jacileide Oliveira (jacileideo@gmail.com) on 2013-08-01T16:06:38Z No. of bitstreams: 1 NELSIVAN GONÇALVES BISPO.pdf: 2552504 bytes, checksum: 29acc8b2bae77ed28c601dbdc853cdc7 (MD5) / Approved for entry into archive by Vania Magalhaes(magal@ufba.br) on 2013-08-01T16:32:37Z (GMT) No. of bitstreams: 1 NELSIVAN GONÇALVES BISPO.pdf: 2552504 bytes, checksum: 29acc8b2bae77ed28c601dbdc853cdc7 (MD5) / Made available in DSpace on 2013-08-01T16:32:37Z (GMT). No. of bitstreams: 1 NELSIVAN GONÇALVES BISPO.pdf: 2552504 bytes, checksum: 29acc8b2bae77ed28c601dbdc853cdc7 (MD5) Previous issue date: 2012 / FAPESB / Esta dissertação tem por objetivo primeiro elaborar um diagnóstico sobre as atuais configurações das mesorregiões do estado da Bahia e dos seus principais municípios através da observação da evolução do Valor da Produção Agrícola de cada cultura desenvolvida nessas mesorregiões entre os anos de 2001 e 2010. Para isto, aplicou-se o modelo shift-share, formulado por Stilwell (1969), usando a variável “valor da produção agrícola” das principais culturas de cada uma das sete mesorregiões e seus correspondentes municípios, visando, dessa forma, averiguar o desempenho das componentes de crescimento contidas no modelo – global, estrutural modificada e regional residual. Neste contexto, a investigação delimita-se a encontrar sinais de dinamismo das culturas agrícolas observados no período, identificando indícios causadores do aumento do valor da produção nos municípios. Os dados utilizados foram da Produção Agrícola Municipal (PAM-IBGE) dos anos 2001 e 2010. Foi feita uma correção para os valores do ano de 2001, empregando como referência o Índice Geral de Preços-Disponibilidade Interna (IGP-DI). Os resultados indicaram a relevância da taxa de crescimento de cada mesorregião como fator impulsionador do desenvolvimento das culturas de cada município, ao mesmo tempo em que se notou a contribuição das mudanças estruturais e de influências endógenas locais no período como determinantes do crescimento em alguns municípios. / Salvador
8

Moda afro-baiana: comunicação e identidade através da estética afro

Gonçalves, Veruska Barreiros 11 December 2008 (has links)
Submitted by Programa Pos-Graduação Estudos Etnicos Africanos (posafro@ufba.br) on 2013-12-17T12:55:37Z No. of bitstreams: 1 dissertacao_VBGoncalves.pdf: 6152877 bytes, checksum: ea57331f8397b19de741a2e5c11d3773 (MD5) / Approved for entry into archive by Hozana Azevedo (hazevedo@ufba.br) on 2017-08-11T17:39:12Z (GMT) No. of bitstreams: 1 dissertacao_VBGoncalves.pdf: 6152877 bytes, checksum: ea57331f8397b19de741a2e5c11d3773 (MD5) / Made available in DSpace on 2017-08-11T17:39:12Z (GMT). No. of bitstreams: 1 dissertacao_VBGoncalves.pdf: 6152877 bytes, checksum: ea57331f8397b19de741a2e5c11d3773 (MD5) / Nesse trabalho vamos analisar cultura, identidade e estética negra a partir da produção de uma moda "afro baiana” em Salvador, cidade conhecida pela forte tradição assentada nas matrizes culturais de origem africana, que indicam tendências à formação de posturas identitárias, estético-políticas que evocam um pertencimento e privilegiam a ancestralidade. O nosso objetivo é analisar se essa moda realmente existe, qual o seu papel na construção da identidade e das características étnico-raciais, se ela reafirma e difunde a cultura negra neste momento histórico. O estudo da apropriação da moda no processo identitário da afrobaianidade é analisado dentro dos parâmetros de afirmação e comunicação. Vamos abordar sobre a identidade africana criada dentro do contexto baiano e as implicações dessa cultura na sociedade através da criação da moda afro-baiana, da valorização da estética negra no contexto de Salvador, e da importância da moda como articuladora de sociabilidades específicas através da história. Identificamos produtores e matrizes culturais de moda afro na cidade, analisando quem são esses produtores, como se constrói essa moda, em que cenário se desenvolve, o que essa moda quer comunicar, e quais as implicações e transformações ocorridas com o negro na cultura baiana. O negro está sempre recriando e reinterpretando as formas de expressão estética, e o uso dessa estética pode se dar por questões políticas, pela beleza da indumentária ou por um processo de identificação. Concluímos que as roupas asseguram uma identidade, diferindo grupos, e os baianos adotam a moda afro valendo-se de uma orientação moderna e contemporânea e da representação de uma África mítica criada por sujeitos que vivem em centros urbanos ocidentais de onde retiram a sua imagem da negritude. Essa moda evoca sinalizações, é apoiada por uma determinação ideológica, está paulatinamente se desenvolvendo, mas ainda não atingiu um grande mercado consumidor. / In this study we will examine culture, identity, black aesthetics from the production of a "African Bahia" fashion in Salvador, a city known for its strong cultural tradition settled in the matrix of African origin, which indicates trends to the formation of postures identity, aesthetic-policies that evoking belonging and privilege to ancestry. Our goal is to examine whether that fashion really exists what its role in building the identity and characteristics of ethnic-racial, if it reaffirms and disseminates the black culture in this historic moment. The study of the appropriation of fashion in the process of identifying african-baianidade is analyzed within the parameters of expression and communication. We will tackle on African identity created within the context of Bahia and the implications of the culture in society through the creation of fashion african-Bahia, the recovery of the black aesthetic in the context of Salvador, and the importance of fashion as articulating the specific sociability through history. We have identified native producers and cultural matrix of african fashion in the city, who are considering these producers, as this fashion is built, in which scenario, what this fashion wants to communicate, and what are implications and changes for the black people to the black culture in Bahia. The black people from Bahia is always recreating and reinterpreting the aesthetic forms of expression, and the use of aesthetics african takes place either on political issues, by the beauty of clothing or by a process of identity. We concluded that the clothes provide an identity, differing groups. And the Bahian adopt the african fashion based on a modern and contemporary guidance and representation of a mythical Africa created by subjects who live in urban centers from where Westerners withdraw its image of blackness. This style which evokes signs, is supported by an ideological determination, and it is gradually developing, but has not yet reached a large consumer market.
9

A manufatura do fumo na Bahia

Almeida, Paulo Henrique de 14 July 2018 (has links)
Orientador : Sergio S. Silva / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciencias Humanas / Made available in DSpace on 2018-07-14T02:49:04Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Almeida_PauloHenriquede_M.pdf: 6186315 bytes, checksum: a35ff07ee9dc74fb0ab489a3eccc509a (MD5) Previous issue date: 1983 / Resumo: Não informado / Abstract: Not informed / Mestrado / Mestre em Ciências Sociais
10

A ocupação da mão-de-obra agricola na Bahia : uma analise regionalizada da decada de 90

Couto Filho, Vitor de Athayde, 1971-2006 03 August 2018 (has links)
Orientador: Angela Antonia Kageyama / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Economia / Made available in DSpace on 2018-08-03T20:24:49Z (GMT). No. of bitstreams: 1 CoutoFilho_VitordeAthayde_M.pdf: 1186425 bytes, checksum: 4903893583b39c539fe287654972cb93 (MD5) Previous issue date: 2003 / Mestrado

Page generated in 0.0469 seconds