• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 35
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 35
  • 35
  • 35
  • 35
  • 15
  • 11
  • 10
  • 8
  • 7
  • 6
  • 4
  • 4
  • 3
  • 3
  • 3
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Prevalência de cárie em escolares do Paranoá/DF

Sé, Maria José da Silva Figueiredo 02 December 2011 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, 2011. / Submitted by Tania Milca Carvalho Malheiros (tania@bce.unb.br) on 2012-03-09T17:48:17Z No. of bitstreams: 1 2011_MariaJoséSilvaFigueiredoSé.pdf: 8442915 bytes, checksum: 6efff851d8334700a6d7f9898f0350fc (MD5) / Approved for entry into archive by Leila Fernandes (leilabiblio@yahoo.com.br) on 2012-03-16T15:05:14Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2011_MariaJoséSilvaFigueiredoSé.pdf: 8442915 bytes, checksum: 6efff851d8334700a6d7f9898f0350fc (MD5) / Made available in DSpace on 2012-03-16T15:05:14Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2011_MariaJoséSilvaFigueiredoSé.pdf: 8442915 bytes, checksum: 6efff851d8334700a6d7f9898f0350fc (MD5) / Objetivos: avaliar a prevalência de cárie e as consequências das lesões de cárie não tratadas em escolares de 6-7 anos de idade, do Paranoá-DF e seus determinantes. Metodologia: 835 crianças foram examinadas em 6 Escolas Públicas por 3 examinadores treinados e calibrados. Utilizou-se o índice ICDAS II para registro da prevalência de cárie dentária e o índice PUFA/pufa para avaliar as consequências das lesões de cárie em dentina não tratadas. Os dados foram lançados num programa específico para levantamento epidemiológico e foram analisados por um bioestatístico. Para análise estatística dos códigos ICDAS II, foi necessário convertê-los para o índice ceo/CPO a fim de facilitar a compreensão dos resultados. Resultados/Conclusões: a prevalência de cárie dentária, incluindo lesões no esmalte e na dentina, na dentição decídua, foi de 95,6% e em dentes permanentes foi de 63,7%. Os valores médios de c2eo2-d (lesões no esmalte e dentina), c3eo3-d (lesões na dentina) e os índices C2PO2-D e C3PO3-D foram de 6,9 ± 3,8, 3,2 ± 3,4, 1,7 ± 1,6 e 0,2 ± 0,5, respectivamente. A prevalência dos códigos pufa foi 23.7% e o valor médio de pufa foi 0.4 ± 0,9. O código “p”foi o mais prevalente (19,5%), enquanto o código “u” foi o menos prevalente (0,1%), de modo que a prevalência das consequências clínicas das lesões de cárie em dentina foi considerada moderada e a gravidade, baixa. Os fatores determinantes da prevalência apresentada para cárie foram as crianças residirem em área sócio-econômica desfavorecida e acesso limitado ao serviço odontológico capaz de oferecer tratamentos restauradores e programas de promoção de saúde bucal. Os determinantes do pufa/PUFA foram além dos 6 determinantes citados para prevalência de cárie, a presença de dor e história de extração. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT / Objective: to assess caries prevalence and the consequences of untreated cavitated lesions in 6-7 years old children, from Paranoá-DF and their determinants.Methodology: 835 children were examined in 6 Public schools by 3 trained and calibrated examiners. The ICDAS II index was used to register caries prevalence and the PUFA/pufa index was used to assess the consequences of untreated cavitated lesions. The data were included in a program specially developed for the epidemiological survey and were analyzed by a biostatistician. It was necessary to convert the ICDAS II into DMF/dmf in order to allow the statistical analysis and to facilitate the outcomes interpretation. Results/Conclusions: caries prevalence, including enamel and dentine lesions in primary dentition was 95.6% and in permanent dentition 63.7%. The mean values of d2mf2-t (enamel and dentine), d3mf3-t (dentine lesions) and the indices D2MF2-T and D3MF3-T were 6.9 ± 3.8, 3.2 ± 3.4, 1.7 ± 1.6 e 0.2 ± 0.5, respectively. The prevalence of pufa codes was 23.7% and the mean pufa was 0.4 ± 0.9. The “p” code was the most prevalent (19.5%), while the “u” code was the least (0.1%) prevalent one, in a way that the clinical consequences of untreated cavitated lesions was considered moderate and the severity was considered low. The determinants factors related to caries prevalence were living in a socioeconomical disadvantage area and having limited access to dental services that are able to offer restorative treatments. PUFA/pufa determinants were those presented for caries in addition to toothache and history of extraction.
2

Prevalencia de carie dentaria em primeiros molares permanentes de escolares de 7 a 12 anos de idade das escolas publicas estaduais e municipais da zona urbana de Brusque-SC

Sales, Conceição de Maria Viana January 1981 (has links)
Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciencias da Saude / Made available in DSpace on 2012-10-16T21:56:09Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2016-01-08T14:11:09Z : No. of bitstreams: 1 109815.pdf: 935080 bytes, checksum: 75165817eb7e4f8faea30145561dd0c3 (MD5) / A autora estudou a prevalência da cárie dentária nos primeiros molares permanentes de escolares de ambos os sexos, nas idades de 7 a 12 anos, das Escolas Públicas Estaduais e Municipais da zona urtana da cidade de Brusque, SC, utilizando-se do Índice CPO-D descrito por KLEIN E PALMER--(1937). Dos valores encontrados, pode-se concluir que:1. O valor do índice CPO-D médio final foi 3,42. 2. O valor do índice CPO-D médio foi maior nos meninos, ) do que nas meninas (3,38). 3. Dos 799 primeiros molares permanentes examinados, 759 (94,99t) apresentavam história de cárie dentária. 4. Verificando a prevalência de cárie dentária entre os lados direito e esquerdo, sugerem os dados possível bilateralidade da lesão em ambos os arcos. 5. De acordo com as observações entre os arcos superior e inferior, ainda que os valores tenham sido semelhantes para o CPO-D, nos parece válido pressupor que o arco inferior seja mais suscetível de cárie dentária do que o arco superior.
3

Prevalência de defeitos do esmalte e cárie dentária nas dentições decídua e permanente em crianças de nascimento prematuro e a termo

Cruvinel, Vanessa Resende Nogueira 10 July 2009 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, 2009. / Submitted by Jaqueline Ferreira de Souza (jaquefs.braz@gmail.com) on 2010-03-25T11:04:20Z No. of bitstreams: 1 2009_VanessaResendeNogueiraCruvinel.pdf: 1630107 bytes, checksum: 6112fd332a11489221acc013f693a764 (MD5) / Approved for entry into archive by Lucila Saraiva(lucilasaraiva1@gmail.com) on 2010-04-07T21:37:07Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2009_VanessaResendeNogueiraCruvinel.pdf: 1630107 bytes, checksum: 6112fd332a11489221acc013f693a764 (MD5) / Made available in DSpace on 2010-04-07T21:37:07Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2009_VanessaResendeNogueiraCruvinel.pdf: 1630107 bytes, checksum: 6112fd332a11489221acc013f693a764 (MD5) Previous issue date: 2009-07-10 / Este estudo teve por objetivo avaliar a prevalência de defeitos do esmalte e cárie dentária, bem como seus fatores de risco, nas dentições decídua e permanente em crianças de nascimento prematuro e a termo nascidas no Hospital Regional da Asa Sul Brasília-DF. Foram examinadas 80 crianças, 40 de nascimento prematuro (G1) e 40 nascidas a termo (G2), na faixa etária entre 5 e 10 anos. Foi aplicado um questionário para obtenção de dados gerais, história médica e hábitos do paciente e realizado exame clínico para análise dos defeitos do esmalte encontrados que foram anotados em uma ficha de acordo com a classificação proposta pelo DDE Index, 1992. Os índices ceo-d e CPO-D foram utilizados para avaliar a história de cárie e registrados em um odontograma. Para a análise estatística, foram utilizados os teste Kruskal-Wallis, Qui-quadrado, Kappa e não paramétricos de Mann-Whitney. Para se estudar os possíveis fatores de risco associados às ocorrências de defeitos de esmalte e cárie foi realizado o ajustamento de uma regressão logística multivariada. Foram utilizadas como variáveis dependentes: ocorrências de opacidade e hipoplasia sendo considerado fator de risco preponderante o tipo de nascimento, e como potenciais fatores de confundimento, as variáveis: escolaridade da mãe, renda per capita, trauma, doenças infecciosas e doenças exantemáticas. Para a cárie, os potenciais fatores de confundimento foram: escolaridade da mãe, renda percapita, escovação, flúor na água de abastecimento, escolaridade da mãe, dieta e hipoplasia. Os resultados encontrados mostraram que 75% da amostra total apresentaram defeitos de esmalte havendo diferença significativa entre os grupos apenas para a dentição decídua (p<0,001), onde o G1 apresentou maior prevalência de hipoplasia (p=.0,0013). Nenhuma das variáveis confundidoras mostrou associação significativa com defeitos do esmalte e cárie. O CPO-D total foi de 0,95 no G1 e 2,07 no G2 (p = 0,0164). Na dentição decídua, observou-se um ceo-d médio maior nas crianças a termo (p= 0,0251). Na permanente, não houve diferença entre os grupos (p= 0,9926). Concluiu-se que a prematuridade pode ser um fator predisponente para a presença dos defeitos do esmalte dentário apenas para a dentição decídua. _____________________________________________________________________________________ ABSTRACT / The aim of this study was to evaluate the prevalence of enamel defects and dental caries and their risk factors on primary and permanent dentitions of prematurely-born children and full-term born children born at Regional Hospital of Asa Sul, Brasilia DF. Eighty children were examined, 40 children born prematurely (G1) and 40 born full-term (G2), on the age group between 5 and 10 years. The demographic variables, medical history and oral health behaviors were recorded on a questionnaire and the data clinical examination was registered. The teeth were examined for presence of deficiencies of the enamel and caries that were registered in an odontogram. The enamel defects found were analyzed and written down in a file according to the classification proposed by the DDE Index, 1922. The caries were registered, focusing on the indices deft (decayed, extracted, and filled primary teeth) and DMFT (decayed, missing, and filled permanent teeth). For statistical analysis, the tests Kruskal-Wallis, Chi-square, Kappa, Mann-Whitney and logistic regression were used. The results found showed that 75% of total sample had enamel defects. There was a major prevalence of hypoplasia of the enamel in G1 (p<0.001). There was a significant relation between the low weight and the presence of the imperfections on the enamel in G1 on the primary dentition. The logistic regression model showed that the other risk factors such as per capita family income, educational level, dietary and hygiene habits, fluoride exposure, trauma, and diseases had no association with enamel defects and caries. A smaller value of total DMFT (0.95) was found in the group of premature children in comparison to the full term group (2.07) p= 0.0164. There was no difference concerning the permanent dentition between both groups (p= 0.9926). One concludes that the prematurety can be a predisponent factor for the presence of enamel defects only for the primary dentition.
4

Prevalência da cárie dentária em escolares da zona urbana da cidade de Guarapuava - estado do Paraná - Brasil

Veiga, Joel Camargo January 1980 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde / Made available in DSpace on 2013-07-15T20:24:02Z (GMT). No. of bitstreams: 0
5

Avaliação do potencial remineralizante do diaminofluoreto de prata a 30% (safluoraide di Walter) e do verniz a base de fluoreto de sódio (Duraphat) aplicados topicamente em dentina bovina desmineralizada artificialmente :: estudo in situ /

Sousa Nétto, Otacílio Batista de January 1999 (has links)
Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde. / Made available in DSpace on 2012-10-18T21:38:56Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2016-01-09T01:29:23Z : No. of bitstreams: 1 139927.pdf: 3234713 bytes, checksum: b4e22fd409627e8223112287045f34ce (MD5)
6

Efetividade do programa de atenção odontológica ao bebê do Hospital Universitário de Brasília na prevenção da cárie dentária

Medeiros, Patrícia Bastos de Vasconcellos de 22 October 2013 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde, 2013. / Submitted by Alaíde Gonçalves dos Santos (alaide@unb.br) on 2014-03-18T14:06:18Z No. of bitstreams: 1 2013_PatriciaBastosdeVasconcellosdeMedeiros.pdf: 1929079 bytes, checksum: 172f52686ff2d8416f73756127690bc1 (MD5) / Approved for entry into archive by Guimaraes Jacqueline(jacqueline.guimaraes@bce.unb.br) on 2014-03-18T15:27:03Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2013_PatriciaBastosdeVasconcellosdeMedeiros.pdf: 1929079 bytes, checksum: 172f52686ff2d8416f73756127690bc1 (MD5) / Made available in DSpace on 2014-03-18T15:27:03Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2013_PatriciaBastosdeVasconcellosdeMedeiros.pdf: 1929079 bytes, checksum: 172f52686ff2d8416f73756127690bc1 (MD5) / Introdução: A gravidez é um período que remete a mulher à busca por informações e aquisição de boas práticas de saúde constituindo um período favorável para mudanças de hábitos, inclusive os de saúde bucal. Desta maneira, desde 2006, foi implantado no Hospital Universitário de Brasília (HUB) um programa de atenção odontológica às gestantes e aos bebês. Embora inúmeras mulheres e seus filhos já tenham recebido atendimento no referido programa nenhuma avaliação sistemática da sua efetividade foi realizada. Objetivos: avaliar a efetividade do programa de atendimento odontológico, IMPACTO DA ATENÇÃO ODONTOLÓGICA À GESTANTE E A EXPERIÊNCIA DE CÁRIE NO BEBÊ, da Universidade de Brasília, comparando a prevalência de cárie dentária, o índice de placa visível e de sangramento gengival dos bebês incluídos no programa com os índices dos bebês que não participaram do mesmo. Metodologia: 240 Gestantes/Mães inscritas no Programa, no período de 2006 a 2009, foram convidadas a participar deste estudo. As crianças que participaram efetivamente do programa, visitando-o no mínimo uma vez por ano, formaram o grupo de estudo (G1). Aquelas que não aderiram ao programa formaram o grupo controle (G2). Os pares mães/filhos foram submetidos ao exame físico intra-bucal por dois examinadores treinados e calibrados e as mães responderam a um questionário. Os examinadores registraram em fichas próprias as respostas das mães ao questionário, quantidade de visitas, ausência ou presença de dor; índice de placa visível; índice de sangramento gengival; e prevalência de cárie. Os dados coletados foram transferidos para um programa de computador e submetidos à análise estatística. Resultados: Para a análise de dados foram utilizados o Teste T, Qui-quadrado, Regressão logística e Teste de Spearman. Não foram observadas diferenças estatisticamente significativas entre os níveis de escolaridade (p = 0,109) e sócio-econômico (p = 0,758) entre as mães do G1 e G2. Não houve diferença estatística significativa entre as idades das crianças (G1 = 4,2 anos; G2 = 4,4 anos, p = 0,068). Diferenças estatisticamente significativas foram observadas: na média de idade das mães (G1 = 33,8 anos; G2 = 35.6 anos , p = 0,015); no CPOS médio das mães (G1 = 24,71; G2 = 32,58, p < 0,001); e no ceos médio das crianças (G1 = 0,25; G2 = 4,12, p < 0,001). Observou-se ainda, uma correlação entre o índice de placa visível e de sangramento gengival das crianças com a prevalência de cárie dentária. Conclusões: As crianças que não frequentaram o programa tiveram maior prevalência de cárie, apresentaram experiência de dor e extração em razão da cárie dentária, maiores índices de placa e sangramento gengival quando comparadas às que aderiram ao programa. O programa de atendimento odontológico à gestante e ao bebê mostrou-se efetivo na prevenção da cárie dentária para aquelas crianças que o frequentaram com regularidade. ______________________________________________________________________________________ ABSTRACT / Introduction: Pregnancy is a period in which the woman is searching for information and is willing to incorporate good health practices. This is a favorable period for health promotion, once changes in the pregnant’ health pattern might influence on their babies health. In this way, since 2006, an Oral Health Program for the pregnant and their babies were implemented at the Brasília University Hospital (HUB). Although many women and their infants have been assisted by the Program, a systematic evaluation regarding its effectiveness has never been performed. Objective: to assess the effectiveness of the Oral health Program IMPACT OF THE ORAL CARE TO PREGNANT AND THE CARIES EXPERIENCE OF THE BABY, from the University of Brasília, by comparing the caries prevalence, the visible plaque and gingival bleeding scores of the infants enrolled in the program to the scores of those whose did not adhered to it. Methodology: 240 pregnant/mothers registered in the Program from 2006 to 2009 were invited to participate. Children who effectively participated of the Program, by visiting it at least once a year, comprised the study group (G1) and those who did not, the control group (G2). The pairs mothers/infants were submitted to a clinical oral examination by two trained and calibrated examiners and the mothers responded to a questionnaire. The examiners registered in a specific form the mothers’ responses, the number of dental visits, the presence of toothache, the visible plaque and gingival bleeding scores and the caries prevalence. The information collected was transfered to a computer program and the data was statistically analyzed. Results: For the statistical analysis the Student T-Test, Chi-square, Logistic Regressions and Spearman Test were used. No statistical differences were observed in regard to the education level and (p = 0.109), socio-economic status (p = 0.758) between mothers from G1 and G2 and in relation to the infants age (G1 = 4.2 years-old; G2 = 4.4 years-old, p = 0.068). Statistical differences were observed in regard to: mothers mean age (G1 = 33.8 years-old; G2 = 35.6 years-old, p = 0.015); mean DMFS of mothers (G1 = 24.71; G2 = 32.58, p < 0.001); and infants mean dmfs (G1 = 0.25; G2 = 4.12, p < 0.001). It was observed a correlation between the infants visible plaque and gingival bleeding scores with caries prevalence. Conclusions: The children who did not attend the Program presented with higher caries prevalence, greater toothache experience and required tooth extraction due to caries, higher scores of visible plaque and gingival bleeding when compared to the infants who adhered to the Program. Therefore, the Program of Oral care to pregnant and to the baby showed to be effective in caries prevention once the infant attended to it with regularity.
7

Prevalência da cárie dentária em primeiros molares permanentes de escolares de 7-12 anos de idade matriculados nos estabelecimentos de ensino de 1º grau da zona urbana do munícipio de Imbituva-PR

Mazurek, Anna Maria Godoy Gomes January 1980 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 1980. / Made available in DSpace on 2013-12-05T19:20:01Z (GMT). No. of bitstreams: 1 109810.pdf: 1973640 bytes, checksum: 533d8ec177f369c18ee5b14d790246b7 (MD5) Previous issue date: 1980 / A autora estudou a prevalência da cárie dentária nos primeiros molares permanentes de todas as crianças de 7-12 anos de idade matriculadas nos Estabelecimentos de Ensino de 1º Grau da Zona Urbana do Município de Imbituva, Paraná, utilizando-se do índice CPO-D. Encontrou os valores de 3,93 para o CPO-D médio geral, sendo 3,92 para o sexo masculino e 3,94 para o sexo feminino. Dos 3112 primeiros molares permanentes examinados, 3064 (98,46%) apresentavam história de cárie dentária. Comparando os dados de prevalência de cárie dentária entre os lados direito e esquerdo, a autora confirmou a bilateralidade da lesão em ambos os arcos e sexos. As comparações entre os arcos mostraram valores semelhantes para o CPO-D, embora a porcentagem de dentes cariados tivesse sido maior no arco superior que no inferior, ocorrendo o inverso com a porcentagem de dentes perdidos,. o que parece indicar maior severidade das lesões cariosas no arco inferior. O tratamento a realizar representou 86,75% do total de dentes CPO-D e o tratamento realizado representou 13,25%.
8

Prevalencia de carie de mamadeira em crianças de 13 a 48 meses de idade, de creches da rede municipal de ensino na cidade de Florianopolis

Oliveira, Jose Marcio Lenzi de January 1997 (has links)
Dissertação (mestrado) - Curso de Pos-Graduação em Odontologia, Universidade Federal de Santa Catarina / Made available in DSpace on 2012-10-17T01:57:23Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2016-01-08T22:02:26Z : No. of bitstreams: 1 108689.pdf: 2818354 bytes, checksum: 3e2f0cb7e3c62a29ac06c466e489d090 (MD5) / O presente levantamento epidemiológico realizado na cidade de Florianópolis com crianças de creches da rede municipal de ensino, na faixa etária de 13 a 48 meses de idade, encontrou um ceo médio para faixa etária de 13 a 24 meses de 0,2, para faixa etária de 25 a 36 meses de 0,77 e para faixa etária de 37 a 48 meses de 1,93. Com uma prevalência de cárie de mamadeira na faixa etária de 13 a 48 meses de 3,81%.
9

Avaliação de fatores relacionados à cárie dental em crianças de 24 a 42 meses de creches da cidade de Florianópolis, Santa Catarina

Rosa, Juliana Boechat January 2000 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde. / Made available in DSpace on 2012-10-17T13:09:07Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2014-09-25T16:00:15Z : No. of bitstreams: 1 173617.pdf: 2783712 bytes, checksum: 7dfecec2f9b77e9388f6d4b3c505ad8f (MD5) / Este trabalho avaliou fatores relacionados à cárie dental em crianças de 24 a 42 meses, matriculadas em creches da rede municipal, na cidade de Florianópolis, Santa Catarina. Foram selecionadas 100 crianças, realizado um exame clínico, bem como um questionário foi aplicado com perguntas feitas ao responsável sobre hábitos de alimentação, higiene e condição sócio-econômico-cultural. Observou-se uma prevalência de 34% e índice ceo-d de 7,8, ambos crescentes com o aumento da idade, presença de amamentação noturna, início de higiene bucal após um ano de idade e quando era a própria criança a responsável pela higiene bucal.
10

Prevalência de cárie dentária em 277 escolares, alunos novos da 1a. série do 1o. grau, de 7 a 10 anos de idade, ambos os sexos, de 35 escolas públicas localizadas na zona rural da região da grande Florianópolis estado de Santa Catarina /

Makowiecky, Nelson January 1978 (has links)
Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde. / Made available in DSpace on 2012-10-15T20:08:03Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2016-01-08T13:21:56Z : No. of bitstreams: 1 140054.pdf: 1212567 bytes, checksum: 290011c9757e5949135c62db8ca528c5 (MD5)

Page generated in 0.223 seconds