• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 817
  • 3
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 1
  • Tagged with
  • 825
  • 144
  • 89
  • 84
  • 76
  • 70
  • 59
  • 59
  • 54
  • 52
  • 50
  • 43
  • 41
  • 41
  • 39
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Estudo morfoanatômico, fitoquímico e do potencial tóxico, larvicida, antimicrobiano, antioxidante, anti-inflamatório e antinociceptivo de Smilax larvata Griseb. (Smilacaceae)

Hirota, Beatriz Cristina Konopatzki January 2015 (has links)
Orientadora : Profª. Drª. Marilis Dallarmi Miguel / Co-orientador : Prof. Dr. Obdulio Gomes Miguel / Tese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas. Defesa: Curitiba, 10/02/2015 / Inclui referências / Área de concentração: Insumos, medicamentos e correlatos / Resumo: A especie Smilax larvata Griseb.(Smilacaceae), e conhecida no sul do Brasil como gunha-de-gatoh e suas partes aereas sao utilizadas na medicina tradicional para o tratamento da inflamacao. O presente estudo tem como objetivo gerar informacoes que contribuam para o conhecimento e controle de qualidade da especie. Os aspectos abordados incluem o estudo morfoanatomico, determinacao de parametros de pureza, investigacao da composicao fitoquimica, avaliacao do potencial toxico, hemolitico, larvicida e antimicrobiano, estudo da atividade antioxidante, e investigacao do potencial efeito anti-inflamatorio e antinociceptivo de S. larvata. O material foi coletado na cidade de Curitiba, Parana, Brasil. Uma parte foi destinada ao estudo morfoanatomico e determinacao de parametros de pureza. O restante foi submetido a extracao etanolica em aparelho de soxhlet gerando o extrato etanolico bruto. Este foi submetido a particao liquido-liquido com solventes de polaridade crescente obtendo-se as fracoes n-hexano, cloroformio, acetato de etila e hidroalcoolica. O extrato bruto e fracoes foram utilizados nos ensaios de atividade biologica. De acordo com o estudo anatomico, a folha de S. larvata e simples, hipoestomatica e a margem e espinulosa. O mesofilo e dorsiventral. Observa-se a presenca de cristais prismaticos e rafides. Projecoes espiniformes sao observadas na nervura central da face abaxial da folha e por toda extensao do caule. Este possui um anel esclerenquimatico continuo envolvendo o cilindro vascular no qual os feixes vasculares estao distribuidos de forma atactostelica. Com relacao a composicao fitoquimica, da fracao acetato de etila foram isolados dois flavonoides di-glicosideos, os quais foram identificados por experimentos de RMN de 1H, 13C, HSQC e HMBC como drabanemoroside e canferol 3-O-ƒ¿-L-ramnopiranosil(1¨2)-ƒ¿-L-ramnopiranoside. Estas substancias foram isoladas pela primeira vez no genero no presente estudo. Tambem foram identificados o canferol, acido p-cumarico e acido p-hidroxibenzoico. O extrato bruto e fracoes foram inocuos a Artemia salina, entretanto, o extrato bruto, fracao hexano e cloroformio foram hemoliticos (1000 ƒÊg.mL-1). O extrato bruto apresentou atividade larvicida contra larvas de Aedes aegypti e atividade antifungica para Candida albicans. Todos os extratos reduziram a peroxidacao lipidica. O extrato bruto apresentou significativa atividade antinociceptiva. O mecanismo de acao compreende a participacao do sistema opioide, com atuacao sobre receptores ƒÊ e provavelmente sem o envolvimento de receptores TRPA1. Esta propriedade e devida provavelmente aos alcaloides presentes no extrato etanolico bruto de S. larvata. Palavras-chave: Smilax, drabanemoroside, canferol, Aedes aegypti, antioxidante, antinociceptivo. / Abstract: The species Smilax larvata Griseb. (Smilacaceae) is known in southern Brazil as "unha-de-gato" and its aerial parts are used in traditional medicine for the treatment of inflammation. This study aims to generate information that contributes to the knowledge and the quality control of the species. The aspects evaluated include morpho-anatomical study, determination of purity parameters, phytochemical composition investigation, toxicity, hemolytic, larvicidal and antimicrobial activities evaluation, study of antioxidant activity, and antiiinflammatory and antinociceptive activities investigation of S. larvata. The vegetal material was collected in the city of Curitiba, Parana, Brazil. A part was used in the anatomical study and quality control parameters. The remaining was submitted to an alcoholic extraction in Soxhlet apparatus generating the crude extract. It was submitted to a liquid partition with crescent polarity solvents producing the n-hexane, chloroform, ethyl acetate and hydroalcoholic fractions. The crude extract and fractions were used in the biological activities assays. According to the anatomical study, S. larvata leaf is simple, hypostomatic and the margin is spinulose. The mesophyll is dorsiventral. Prismatic crystals and raphides were observed. Spiniform projections were observed in the leaf midrib abaxial face and through all stem length. The stem has a sclerenchymatous ring involving the vascular cylinder which vascular bundles has atactostelic distribution. Regarding to the phytochemical composition, from the ethyl acetate fraction were isolated two flavonoid glycosides which were identified through 1H, 13C, HSQC and HMBC NMR experiments, as drabanemoroside and kaempferol 3-O-ƒ¿-L-rhamnopyranosyl (1 ¨ 2) -ƒ¿- L-rhamnopyranoside. These compounds were isolated for the first time on this genus in the present study. Kaempferol, p-coumaric acid and p-hydroxybenzoic acid were also identified. The crude extract and fractions were harmless to Artemia salina, however, the crude extract, hexane and chloroform fractions were hemolytic (1000 ƒÊg.mL-1). The crude extract showed larvicidal activity against Aedes aegypti and antifungal activity against Candida albicans. All extracts reduced the lipid peroxidation. The crude extract showed significant antinociceptive activity. The mechanism of action consists on opioid system participation, acting on ƒÊ receptors probably without TRPA1 receptors involvement. This property is probably due to the alkaloids detected in the crude ethanolic extract of S. larvata. Keywords: Smilax, drabanemoroside, kaempferol, Aedes aegypti, antioxidant, anti-nociceptive.
2

Contribuição ao estudo fitoquímico e biológico de Byrsonima duckeana W. R. Anderson (Malpighiaceae)

Verdam, Maria Christina dos Santos January 2014 (has links)
Orientador : Prof. Dr. Obdulio Gomes Miguel / Co-orientadora : Profª. Drª. Marilis Dallarmi Miguel / Tese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas. Defesa: Curitiba, 27/11/2014 / Inclui referências / Área de concentração: Insumos, medicamentos e correlatos / Resumo: Espécies vegetais são utilizadas ao longo da história da humanidade como recurso para cura e alívio dos mais diversos males. O conhecimento empírico a respeito de diferentes espécies vegetais se tornou uma ferramenta importante na descoberta de substâncias que possam fazer parte do arsenal terapêutico. Baseados nessa premissa o presente trabalho tem como objetivo verificar as informações acerca de atividades biológicas e traçar perfil fitoquímico da espécie vegetal amazônica – Byrsonima duckeana W. R. Anderson. O perfil fitoquímico delineou metabólitos secundários de interesse biológico, tais como a presença de flavonóides, esteróides, terpenos e taninos. O perfil cromatográfico constatou a presença de ácido gálico e as técnicas de elucidação estrutural permitiram que se constatasse a presença do terpeno Friedelina. Na busca por atividades biológicas e farmacológicas, a espécie apresentou atividades de grande interesse, com grande potencial antioxidante e baixa toxicidade, dada a ausência de citotoxicidade no modelo Artemia salina e no ensaio in vivo de toxicidade aguda. Os ensaios farmacológicos demonstraram atividade antiinflamatória e analgésica, em especial para a fração acetato de etila, corroborando com estudos de outras espécies do gênero. Foi encontrada ainda atividade citotóxica no modelo de cultura celular, em células HT29 e atividade hemolítica. Dessa forma, Byrsonima duckeana mostrou ser uma espécie interessante químicamente e farmacologicamente. Palavras-chave: Byrsonima duckeana W.R. Anderson, Farmacologia, Antioxidante, Amazônia, Citotoxicidade. / Abstract: Plant species are used throughout the history of mankind as a resource for healing and relief from various ailments . Empirical knowledge about different plant species has become an important tool in the discovery of substances which may form part of the therapeutic arsenal. Based on this premise this study aims to determine information about the biological activities and tracing phytochemical profile of Amazonian plant species - duckeana Byrsonima WR Anderson. The phytochemical profile outlined secondary metabolites of biological interest , such as the presence of flavonoids , steroids , terpenoids and tannins . The chromatographic profile showed the presence of gallic acid and structural elucidation techniques have allowed it appeared the presence of terpene friedelin . In the search for biological and pharmacological activities , the species was of great interest activities with great antioxidant potential and low toxicity , given the absence of cytotoxicity in the model brine shrimp assay and in vivo acute toxicity . Pharmacological studies demonstrated anti-inflammatory and analgesic activity , especially for the ethyl acetate fraction , corroborating studies of other species of the genus . Cytotoxic activity was also found in the cell culture model , in HT29 cells and low hemolytic activity . Thus , Byrsonima duckeana proved to be an interesting specie chemically and pharmacologically. Keywords : Byrsonima duckeana W.R Anderson, Pharmacology, Antioxidant, Amazon, Cytotoxicity .
3

Obtenção de sais de piridínio e piridinas através da oxidação de di-hidropiridinas de Hantzsch

Guanaes, Lais Danciguer January 2015 (has links)
Orientador : Prof. Dr. Alan Guilherme Gonçalves / Co-orientador : Prof. Dr. Diogo Ricardo Bazan Ducatti / Co-orientadora : Profª. Drª. Sandra Mara Woranovicz Barreira / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas. Defesa: Curitiba, 24/02/2015 / Inclui referências / Área de concentração: Insumos, medicamentos e correlatos / Resumo: A aromatização oxidativa de di-hidropiridinas tem chamado a atenção de pesquisadores de diversas áreas desde o fim do século XIX, a fim de explicar o processo de transferência de hidreto da coenzima NADH nos processos biológicos. Inúmeros protocolos oxidativos para a aromatização de 1,4-di-hidropiridinas têm sido desenvolvidos. Contudo, a aromatização de di-hidropiridinas N-substituídas ainda apresenta poucos estudos e esta parece ser mais difícil do que as reações envolvendo as 1,4-di-hidropiridinas. Com o intuito de solucionar este problema este trabalho buscou desenvolver uma metodologia de aromatização oxidativa que fosse aplicável tanto para di-hidropiridinas N-substituídas quanto para 1,4-di-hidropiridinas. Para isto, foram sintetizados cinco N-fenil-di-hidropiridinas, uma N-metil-di-hidropiridina e duas 1,4-di-hidropiridinas. Para a aromatização destas di-hidropiridinas, foi desenvolvido um novo método, o qual se baseia na utilização do ácido de Lewis trifluoreto de boro dietil eterato (BF3OEt2). É importante destacar que o método desenvolvido neste trabalho dispensa a utilização de oxidantes, tais como quinonas, peróxidos, nitratos e cromatos, os quais são muitíssimos empregados nos métodos de aromatização de di-hidropiridinas descritos na literatura. Durante o desenvolvimento do método foi observado que o uso de oxigênio atmosférico, excesso de BF3OEt2, temperaturas próximas a 0 oC e ausência de luz constituem condições importantes para o sucesso da reação. O método desenvolvido mostrou-se eficiente, versátil e inovador para obtenção dos sais de piridínio e piridinas. Palavras-chave: di-hidropiridinas, sais de piridínio, piridina, síntese de Hantzsch, aromatização oxidativa. / Abstract: The oxidative aromatization of dihydropyridines has attracted the attention of researchers from diverse areas since the end of the XIX century. This interest basically lies on the possibility of investigating the mechanism of hydride transfer promoted by NADH coenzyme. Innumerous protocols devoted to the oxidation of 1,4-dihydropyridines have been developed; however the aromatization of N-substituted dihydropyridines is still little studied and appears to be more difficult than the case of the 1,4-dihydropyridines. In order to solve this problem, this study aimed the development of a new method capable of promoting the aromatization of both N-substituted dihydropyridines and 1,4-dihydropyridines. For this purpose, we first synthesized five N-phenyl-dihydropyridines, one N-methyl-dihydropyridine and two 1,4-dihydropyridines to serve as starting materials. The aromatization of these dihydropyridines was performed by the new method herein developed, which was based on the utilization of the Lewis acid boron trifluoride diethyl etherate (BF3OEt2), in the absence of commonly used oxidizing agents, such as quinones, peroxides, nitrates and chromates. During the development of the method, we could observe that the use of atmospheric air, excess of BF3OEt2, temperatures close to 0 oC and absence of light were important for reaction success. The method herein developed was proven to be efficient, versatile and innovative to obtain pyridinium salts and pyridines. Key-words: dihydropyridines, pyridinium salts, pyridine, Hantzsch synthesis, oxidative aromatization.
4

Revisão sistemática com meta-análise da eficácia e segurança de medicamentos para o tratamento do transtorno de déficit de atenção e hiperatividade em crianças e adolescentes

Padilha, Sarah Carolina de Oliveira Silva January 2017 (has links)
Orientador : Prof. Dr. Roberto Pontarolo / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Assistência Farmacêutica. Defesa: Curitiba, 20/03/2017 / Inclui referências : f. 107-113 / Resumo: O Transtorno de Déficit de Atenção/Hiperatividade (TDAH) é uma doença crônica que afeta cerca de 3,4% das crianças e adolescentes em idade escolar. As opções terapêuticas para o tratamento desse transtorno englobam ações não farmacológicas, como psicoterapia, e farmacológicas. Dentro das opções farmacológicas, há uma gama de medicamentos disponíveis no mercado, incluindo alguns de uso off label, que representam alternativas para o manejo da doença. Porém, a literatura ainda carece de provas sólidas sobre o perfil de eficácia e segurança dessas intervenções que promovam o seu uso na prática clínica. A reunião e sistematização de informações provenientes de ensaios clínicos é uma ferramenta útil para a Medicina Baseada em Evidências, uma vez que é capaz de gerar evidências para embasar aprovação de novas terapias, tomadas de decisão em saúde, aperfeiçoamento de protocolos e diretrizes clínicas. Este trabalho teve como objetivo reunir evidências de ensaios clínicos randomizados controlados duplo-cegos de comparação direta (head-to-head) dos medicamentos aprovados para o tratamento do TDAH, bem como os de uso off label. Realizou-se uma revisão sistemática, conduzida por dois revisores independentes, em dez bases de dados eletrônicas para levantamento e extração de dados de eficácia e segurança dos medicamentos alopáticos utilizados em crianças e adolescentes (0-18 anos) diagnosticados com TDAH. Meta-análises de comparação de tratamento misto (MTC) - incluindo comparações diretas e indiretas, foram realizadas. Os resultados de eficácia e segurança para amantadina (AMA), atomoxetina (ATX), bupropiona (BUP), buspirona (BSP) dexanfetamina (DEX), edivoxetina (EDX), lisdexanfetamina (LDX), memantina (MEM), metilfenidato (MPH), modafinil (MOD) pindolol (PDL), reboxetina (RBX), sais mistos de anfetamina (MAS), selegilina (SLG), venlafaxina (VEN) foram analisados através dos dados de consistência e inconsistência (node-split) utilizando o software ADDIS. Ranqueamentos considerando a probabilidade de terapias serem melhores ou piores para cada desfecho também foram realizados. Foram identificados 46 ensaios clínicos (n = 3806 participantes), dos quais 10 foram utilizados para análises dos desfechos de eficácia e 31 para MTC de segurança (eventos adversos). Não foram observadas diferenças significativas entre os fármacos para eficácia. Dentre os desfechos avaliados, BSP apresentou menos chances de causar distúrbios de sono em relação à ATX. De acordo com o ranking de medicamentos, a LDX foi mais propensa a causar distúrbios do sono (37% de chance de levar ao evento adverso), perda de apetite (61%) e problemas comportamentais, como irritabilidade (64%). BSP (70%), EDX (45%) e VEN (27%) são as que menos podem causar redução do apetite. Para os efeitos comportamentais, PDL foi considerado mais seguro (52%), e RBX (90%) parece ter menor probabilidade de causar qualquer evento adverso. Os resultados encontrados nesse estudo podem oferecer uma visão mais ampla sobre os tratamentos disponíveis para o TDAH, especialmente no que se refere a questões de segurança, e contribuir para gerar evidências na prática clínica. Palavras chaves: Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade, Medicina baseada em evidencias, revisão sistemática, meta-análise / Abstract: Attention Deficit / Hyperactivity Disorder (ADHD) is a chronic disease that affects about 3.4% of children and adolescents of school age. Therapeutic options include nonpharmacological actions, such as psychotherapy, and pharmacological interventions. Concerning the pharmacological options, there is a range of drugs available in the market, including some off label use, that may represent alternatives to the management of the disease. However, there still a lack of clinical evidence on the efficacy and safety profiles of these interventions that may promote its use in practice. To systematically gather information from clinical trials is a useful tool for Evidence Based Medicine since it support the approval of new therapies, guide health decisionmaking and help to improve protocols and guidelines. The aim of this study was to gather evidence from head-to-head double-blind randomized controlled trials of all available drugs for the treatment of ADHD. A systematic review was conducted by two independent reviewers on ten electronic bases for the collection and extraction of efficacy and safety data of allopathic drugs used in children and adolescents (0-18 years old) diagnosed with ADHD. Mixed treatment meta-analyzes (MTC) - including direct and indirect comparisons, were performed. The results of efficacy and safety for amantadine (AMA) atomoxetine (ATX), bupropion (BUP), buspirone (BSP), dexanfetamine (DEX), edivoxetine (EDX), lisdexamphetamine (LDX), memantine (MEM), methylphenidate (MPH), mixed amphetamine salts (MAS), modafinil (MOD), pindolol (PDL), reboxetine (RBX), selegiline (SLG), venlafaxine (VEN), were analyzed on consistency and inconsistency data using ADDIS software. Rankeograms of the probability of each therapy be the best or the worst for all outcomes were also built. A total of 46 clinical trials (n = 3806 participants) were identified, of which 10 were used for efficacy endpoint analysis and 31 for safety (adverse events) MTC. No significant differences were observed between the drugs for efficacy. BSP was less likely to cause sound disturbances over ATX. According to the drug ranking, LDX was more likely to cause sleep disturbances (37% of leading to adverse event), loss of appetite (61%) and behavioral problems, such as irritability (64%). BSP (70%), EDX (45%) and VEN (27%) are the least likely to cause reduced appetite. For the behavioral effects, PDL was considered safer (52%), and RBX (90%) appeared to be less likely to cause any adverse events. Key words: Attention Deficit Hyperactivity Disorder, Evidence-based medicine, systematic review, meta-analysis
5

Fatores que influenciam o sobrepeso de crianças menores de quatro anos usuárias do SUS e Centros de Ensino Infantil do Município de Curitiba

Baltazar, Daniele Ferreira Barbosa dos Santos January 2015 (has links)
Orientadora : Profª. Drª. Sandra M. W. Barreira / Co-orientadora : Profª. Drª. Grace M. F. C. Wile / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas. Defesa: Curitiba, 27/03/2015 / Inclui referências / Área de concentração: Insumos, medicamentos e correlatos / Resumo: A obesidade infantil se caracteriza como uma epidemia, sendo um dos principais desafios da saúde pública no momento. Seu combate pode evitar outras doenças crônicas como os acidentes cardiovasculares e diabetes na vida adulta. Múltiplos fatores genéticos e ambientais estão envolvidos na gênese da obesidade, os quais parecem interagir predispondo a um fenótipo obeso. Os componentes da dieta são os principais fatores ambientais a influenciar o genoma humano. Esta interação ao longo da vida, em grande parte, define o estado de saúde de um indivíduo. O objetivo deste trabalho foi o de verificar o perfil do aleitamento, alimento complementar e frequência de consumo atual dos pré-escolares de Curitiba, PR. Assim, foi realizado estudo transversal envolvendo crianças usuárias de unidades de saúde ou matriculadas em escolas públicas e particulares. Fez-se uso de questionário para conhecer dados socioeconômicos, recordatório alimentar do primeiro ano de vida e frequência de consumo alimentar atual. A grande maioria da amostra se encontrava com peso e altura adequados, no entanto estava deslocada à direita com tendência ao sobrepeso quando comparada a curva normal da Organização Mundial da Saúde de índice de massa corporal para idade e peso para idade e tendiam a ser menores quando comparada a curva normal de referência de altura para idade. Encontrou-se o sobrepeso ou obesidade em ambos os gêneros e em todos os distritos sanitários, sendo encontrados 36 casos (1 obeso e 35 com sobrepeso) que corresponde a 12,12%. A hipótese de o aleitamento materno proteger o sobrepeso não foi comprovada na amostra estudada. Por outro lado, outros fatores investigados mostraram influenciar no desenvolvimento do sobrepeso na infância: alto peso ao nascer (p=0,02), menor renda familiar (p=0,02), percepção de grande apetite (p=0,04), mãe acima do peso (p=0,04) e ganho de peso gestacional maior de 14kg (p=0,05). Os resultados também mostraram que grande parte das famílias entrevistadas não seguiam as recomendações de aleitamento, tanto em relação à exclusividade quanto à duração; início de alimento complementar, pois introduzem precocemente água, chá, papa e açúcar; consideraram sua alimentação saudável; não estavam preocupadas com o excesso de peso dos filhos e não controlavam o acesso às guloseimas e industrializados. Verificou-se também distorção entre a percepção dos pais em relação a silhueta dos filhos e o real perfil nutricional. Os fatores de risco identificados apontam à necessidade de intensificar ações de prevenção ao excesso de peso, pois, considerando que a obesidade é multifatorial, a população estudada, tem perfil para aumentar a prevalência do sobrepeso. Faz-se necessário sensibilizar as famílias para que a criança cresça em meio a nutrição adequada para o seu bom desenvolvimento, adquirindo bons hábitos alimentares e, assim, prevenindo novos casos e evitando que indivíduos com sobrepeso venham a se tornar obesos. Palavras-Chave: Obesidade Infantil. Aleitamento materno. Fatores socioeconômicos / Abstract: Childhood obesity is one of the main public health challenges of our times and has reached epidemic proportions, its prevention can reduce other chronic diseases such as heart attacks and diabetes in adulthood. Multiple genetic and environmental factors are involved and interact in the genesis of obesity, predisposing to an obese phenotype. The components of the diet are the main environmental factors influencing the human genome. This lifelong interaction largely defines health or disease of an individual. The objective of this study was to verify the breastfeeding profile, complementary food and frequency of food consumption of preschoolers in Curitiba, PR. A cross-sectional study was developed, involving children attending health units or preschoolers from public and private schools. A questionnaire was used to investigate the socio-economic data, breastfeeding habits, foods used in the first year of life and current food consumption frequency. The vast majority of the sample meets appropriate weight and height, but is shifted to the right with a tendency to overweight when compared to the normal curves of the World Health Organization (WHO) of body mass index (BMI) for age and weight for age. The children also tend to be smaller when compared to the normal curve of height for age. It was found overweight or obese children in both genders and spread in all Health Districts, corresponding to 12.12% of the studied population. The hypothesis of breastfeeding protecting against overweight has not been proven in the sample. On the other hand, other factors investigated have shown to influence the development of overweight in childhood: high birth weight (p= 0.02), lower income family (p= 0.02), child caregivers' perception of a child having big appetite (p= 0.04) mother overweight (p= 0.04) and gestational weight gain over 14 kg (p= 0.05). The results also showed that the recommendations of WHO are not followed for breastfeeding (exclusivity and duration), early supplementary food, early introduced water, and sugar. Many do not recognize their diet as not healthy, are not concerned that their children might be overweight and do not control access to candies and industrialized foods. It was also noted that perception of the children's silhouette by their parents were not confirmed by their BMI classification. All the factors identified point out to the need and opportunity to take actions aiming the early prevention of the obesity wave in the Brazilian population. It is necessary to warn the families to the fact that good health and learning capacity are the result of good eating habits, and the prevention of obesity will achieve a healthier adult life. Keywords: Childhood obesity. Breastfeeding. Socio-economic. Factors affecting obesity.
6

Estudos fitoquímicos, ensaios de toxidade, atividade larvicida, antimicrobiana e antioxidante das folhas e caules de Mollinedia clavigera Tul. (Monimiaceae)

Homem, Isabel Christina Mignoni January 2015 (has links)
Orientador : Prof. Dr. Obdulio Gomes Miguel / Co-orientadora : Profª. Drª. Marilis Dallarmi Miguel / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas. Defesa: Curitiba, 24/02/2015 / Inclui referências / Área de concentração: Insumos, medicamentos e correlatos / Resumo: O presente trabalho teve como objetivo investigar a composicao fitoquimica e possiveis atividades antioxidante, antimicrobiana, larvicida e toxicidade da especie Mollinedia clavigera Tul., familia Monimiaceae. O material foi coletado na cidade de Curitiba, Parana, Brasil. O estudo foi realizado a partir das folhas e caules, onde verificou-se os parametros fisicos-quimicos e os metabolitos secundarios presentes, sendo qualitativamente detectados alcaloides, flavonoides, esteroides, triterpenos e saponinas. Obteve-se os extratos brutos etanolicos, que em seguida foram particionados utilizando solventes em escala crescente de polaridade e obteve- se as fracoes hexano, cloroformio, acetato de etila e hidroalcoolica remanescente. Realizou-se tambem a extracao do oleo essencial das folhas secas a temperatura ambiente em aparato de Clevenger modificado e o composto quimico majoritario identificado foi o ƒÀ-elemeno (14,38%). Na atividade larvicida e ensaios de toxicidade as fracoes com resultados mais significantes foram a fracao hexano das folhas e a fracao hexano dos caules. A fracao hexano das folhas apresentou uma boa atividade antimicrobiana (15,625 ƒÊg/ƒÊL) sobre a cepa S. epidermidis. Os ensaios antioxidantes indicaram que a especie possui boa capacidade antioxidante, destacando-se no ensaio de reducao do fosfomolibdenio onde o oleo apresentou atividade antioxidante de 86,47% em relacao ao padrao vitamina C e superou em 190,63% a atividade do padrao rutina. No ensaio de reducao do radical DPPH, o extrato bruto etanolico dos caules apresentou o melhor desempenho (IC50= 33,59 } 0,82), assim como a fracao acetato de etila dos caules (IC50= 34,16 } 0,58). Palavras-chave: Mollinedia clavigera. Monimiaceae. ƒÀ elemeno. Toxicidade Antioxidante. / Abstract: The present work aimed investigation of phytochemical composition and activities such as antioxidant, antimicrobial, larvicidal and toxicity of Mollinedia clavigera Tul. species, Monimiaceae family. Species material was collected in Curitiba city, Parana, Brasil. The study evaluated physical-chemical parameters and present secondary metabolites in leaves and stems, detecting alkaloids, flavonoids, esteroids, triterpenes and saponins. Crude ethanolic extracts were partitioned using solvents in increasing polarity scale, producing hexane, dichloromethane, ethyl acetate and water-alcohol remaining fractions. Essencial oil from dried leaves was obtained at room temperature in modified Clevenger apparatus, being ƒÀ-elemen the major chemical compound (14,38%). Leavesf and stemsf hexane fracions had most significant results in toxicity and larvicidal activities. Leavesf hexane fraction presented good antimicrobial activity in S. epidermidis (15,625 ƒÊg/ƒÊL). Antioxidant essays indicate the species present good antioxidant capacity, highlighting oil activity in phosphomolybdenum reduction essay, representing 86,47% of vitamin C activity, overcoming in 190,63% rutin activity. DPPH reduction essay, stemsf crude ethanolic extract presented the best performance (IC50= 33,59 } 0,82), as good as stemsf ethyl acetate fraction (IC50= 34,16 } 0,58). Keywords: Mollinedia clavigera. Monimiaceae. ƒÀ-elemene. Toxicity. Antioxidant.
7

Seleção de leveduras ambientais produtoras de enzimas para a síntese de fruto-oligossacarídeos

Deffert, Flávia January 2015 (has links)
Orientador : Prof. Dr. Tania Maria Bordin Bonfim / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas. Defesa: Curitiba, 12/02/2015 / Inclui bibliografia / Área de concentração: Insumos, medicamentos e correlatos / Resumo: Fruto-oligossacarideos sao carboidratos que apresentam uma molecula de sacarose e uma ou mais unidades frutosil ligadas a ela. O consumo destes acucares beneficia a multiplicacao celular de micro-organismos beneficos do trato gastrointestinal auxiliando a manutencao da saude e aumento do bem-estar do hospedeiro. Os fruto-oligossacarideos podem ser produzidos pelo emprego das enzimas ƒÀ-frutofuranosidase e/ou frutosiltransferase. Estas enzimas realizam a ligacao de uma ou mais unidades de frutose a uma molecula de sacarose. Em virtude de que as leveduras, diferentemente dos outros micro-organismos, foram pouco exploradas para a producao de fruto-oligossacarideos e de que os micro-organismos ambientais estao expostos a diferentes fatores de estresse como diferencas na disponibilidade de agua e de pressao osmotica, modificando sua fisiologia para adaptar-se ao ambiente, as leveduras ambientais tornam-se um interessante objeto de estudo para a obtencao de fruto-oligossacarideos. O objetivo deste trabalho foi selecionar leveduras ambientais capazes de sintetizar fruto-oligossacarideos e identificar o seu genero e especie. Dentre as 141 leveduras ambientais avaliadas em solucao de sacarose 500 g.L-1, valor de pH inicial de 4,5}0,2, 50 oC, 150 rpm, 65 leveduras formaram o fruto-oligossacarideo 1-cestose. As leveduras foram selecionadas por cromatografia em camada delgada e o carboidrato identificado por cromatografia em fase liquida de alta eficiencia. A formacao de fruto-oligossacarideos pelas oito leveduras selecionadas foi avaliado nas temperaturas de 40 oC, 50 oC e 60 oC, nos valores de pH de 4,5; 5,5 e 6,5. Em seis horas de reacao, a levedura 225, na temperatura de 60 oC e valor de pH de 4,5, formou 23,47} 1,88 g.L-1 de 1-cestose e a levedura 222, formou 3,90 } 2,56 g.L-1 de 1-cestose e 14,89 } 0,39 g.L-1 de nistose, na temperatura de 50 oC e valor de pH 4,5. As leveduras selecionadas foram identificadas como Saccharomyces cerevisiae por meio das tecnicas de espectrometria de massa MALDI-TOF e PCR-RFLP. Palavras chave: Saccharomyces cerevisiae. 1-cestose. Nistose. MALDI-TOF. PCR-RFLP. / Abstract: Fructooligosaccharides are carbohydrates that have a sucrose molecule and one or more fructosyl units linked to it. The consumption of these sugars increases multiplication of beneficial microorganisms cells in the gastrointestinal tract aiding the maintenance of health and the host's well-being. The fructooligosaccharides may be produced by the use of the â-fructofuranosidase and/or fructosyltransferase enzymes. These enzymes carry out the linkage of one or more fructose units to a sucrose molecule. Yeasts, unlike others microorganisms, were little exploited for producing fructooligosaccharides and, else, environmental micro-organisms are exposed to various stress factors such as differences in the availability of water and osmotic pressure, changing their physiology to adapt to the environment. So, wild yeasts become an interesting object of study for obtaining fructooligosaccharides. The objective of this work is to select environmental yeasts capable of synthesizing fructooligosaccharides and identify its genus and species. Of the 141 yeast environmental evaluated in sucrose solution 500 gl-1, initial pH value of 4.5 ± 0.2, 50 °C, 150 rpm, 65 yeasts formed the fructooligosaccharide 1-kestose. The yeasts were selected by thin layer chromatography and the carbohydrate was identified by high efficiency liquid chromatography. The formation of fructooligosaccharides by the eight selected yeasts was evaluated at temperatures of 40 °C, 50 °C and 60 °C at pH 4.5; 5.5 and 6.5. Within six hours of reaction, the yeast 225 formed 23.47 ± 1.88 g.L -1 of 1-kestose, at a temperature of 60 °C and pH 4.5, and yeast 222 formed 2.56 ± 3.90 g.L-1 1-kestose and 14.89 ± 0.39 g.L-1 of nystose, at temperature of 50 °C and pH value of 4.5. The selected yeasts were identified through the techniques of MALDI-TOF mass spectrometry and PCR-RFLP as Saccharomyces cerevisiae. Keywords: Saccharomyces cerevisiae. 1-kestose. Nystose. MALDI-TOF. PCR-RFLP.
8

Utilização de fontes de carbono por estirpes de Aeromonas spp. e Draft genoma de A. veronii bv sobria 312M.

Prediger, Karoline de Campos January 2015 (has links)
Orientadora : Profª. Drª. Cyntia M.T. Fadel-Picheth / Co-orientadora : Profª. Drª. Dayane Alberton / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas. Defesa: Curitiba, 23/02/2015 / Inclui referências / Área de concentração: Análises clinicas / Resumo: O genero Aeromonas compreende bacilos Gram-negativos, oxidase positiva, fermentadores de glucose. Sao capazes de causar infeccoes intestinais e extra-intestinais em humanos, tais como sepse e infeccoes de pele. O objetivo deste trabalho foi determinar o comportamento de estirpes de Aeromonas isoladas de amostras clinicas humanas, predominantemente fezes de pessoas com diarreia, em relacao a utilizacao de fontes de carbono, sequenciar parcialmente o genoma da estirpe de A. veronii bv sobria e analisar a resposta a bile dessa bacteria. A utilizacao de microplacas GN2 do sistema BiologR, que contem 95 fontes de carbono incluindo carboidratos, aminoacidos, acidos organicos e nucleotideos, mostrou que todas as estirpes oxidaram 20 dos substratos entre os quais se destacam os carboidratos em detrimento de acidos organicos; para 15 substratos o resultado foi negativo para todas as estirpes analisadas e para 60 o resultado foi variavel entre as bacterias. O sequenciamento do genoma da estirpe A.veronii bv sobria 312M, realizado utilizando a plataforma 454 GS Junior System (RocheR), resultou em um gdrafth genoma de aproximadamente 4,5 Mb alocados em 526 contigs. A cobertura foi de aproximadamente 10 X e o conteudo de C+G foi de 58,7%. A anotacao automatica do genoma foi realizada utilizando o RAST Server, que identificou 4.104 sequencias codificadoras e 115 RNAs. Entre os subsistemas identificados destacam-se o de metabolismo de aminoacidos, ao qual 489 genes foram associados, e metabolismo de carboidratos, 422 genes. Em relacao a virulencia, destacam-se os Sistemas de Secrecao Tipo III e VI, alem de hemolisinas, lipase, adesinas e genes associados com sintese de capsula; tambem foram identificados genes associados com resistencia a antimicrobianos. Para avaliar a resposta de A. veronii bv sobria 312M frente ao sal biliar desoxicolato de sodio (DOC) a bacteria foi cultivada na ausencia ou na presenca de 24ƒÊM e 240 ƒÊM de DOC. Nao houve diferenca em relacao ao numero de colonias nas tres condicoes, entretanto, em presenca de DOC, as colonias apresentaram aumento de aproximadamente 1mm de diametro. A concentracao de 240 ƒÊM de DOC foi utilizada para analisar o efeito do sal biliar sobre o perfil de expressao proteica de A. veronii bv sobria 312M utilizando SDS-PAGE e eletroforese bidimensional. Nas condicoes de analise nao foi detectada nenhuma proteina diferencialmente expressa. Palavras-chave: Aeromonas; Fontes de carbono; Sequenciamento; Genoma; Bile. / Abstract: The genus Aeromonas contains Gram-negative bacilli, oxidase positive, glucose fermenters. Aeromonas are able to cause intestinal and extraintestinal infections in humans, such as sepsis and skin infections. The objective of this study was to determine the behavior of Aeromonas strains isolated from human clinical samples, predominantly feces of people with diarrhea, regarding the use of carbon sources; to sequence the genome of a strain of A. veronii bv sobria and analyze the response to bile of this bacterium. The use of the system Biolog® GN2 microplate containing 95 carbon sources including carbohydrates, amino acids, organic acids and nucleotides, showed that all strains oxidized 20 substrates, being the carbohydrates sources preferred over organic acids; for 15 substrates the result was negative for all strains analyzed and for 60 the result was variable between bacteria. The sequencing of the genome of strain A.veronii bv sobria 312M, performed using the 454 GS Junior System platform (Roche ™), resulted in a "draft" genome of approximately 4.5 Mb allocated in 526 contigs. The coverage was approximately 10 X and the C + G content was 58.7%. The automated genome annotation was performed using RAST Server, which identified 4.104 coding sequences and 115 RNAs. Among the identified subsystems, the amino acid metabolism containing 489 genes, and carbohydrate metabolism 422 genes, exceed the other in number of genes. The Type III and Type VI Secretion Systems, as well as hemolysin, lipase, adhesin and genes associated with capsule synthesis are associated with virulence; genes associated with antimicrobial resistance were also identified. To evaluate the response of A. veronii bv sobria 312M to the bile salt sodium deoxycholate (DOC) the bacteria were cultured in the absence or presence of 24ìM and 240 mM of DOC. There was not difference in the number of colonies among the three conditions tested, however, in the presence of DOC, the colonies diameter increased by approximately 1mm in relation to control. The concentration of DOC of 240 uM was used to examine the effect of bile salt on the protein expression profile of A. veronii bv sobria veronii 312 M using SDS-PAGE and two dimensional electrophoresis. In the analysis conditions no protein differentially expressed was detected. Keywords: Aeromonas; Carbon sources; sequencing; genome; Bile.
9

Avaliação dos principais produtos de excreção da cumarina na urina de humanos

Leonart, Letícia Paula January 2015 (has links)
Orientador : Prof. Dr. Roberto Pontarolo / Orientador : Prof. Dr. João Cleverson Gasparetto / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas. Defesa: Curitiba, 03/03/2015 / Inclui referências / Área de concentração: Insumos, medicamentos e correlatos / Resumo: O objetivo deste trabalho foi avaliar qualitativamente os produtos de excreção da cumarina em urina humana. Participaram do presente estudo cinco voluntários adultos, que receberam via oral cápsulas contendo 500 mg de cumarina após jejum de oito horas. A urina dos voluntários foi coletada por um período de 24 horas. Para análise da amostra biológica, um método de screening de metabólitos rápido e facilmente executável por cromatografia líquida de ultra eficiência acoplada à espectrometria de massas de alta resolução foi desenvolvido. O pré-tratamento da amostra consistiu na ultracentifugação da urina por 15 minutos a 14000 rpm e a 4ºC seguida de filtração em filtro de poliéster (0,2 ?m) antes da injeção no cromatógrafo. Após aquisição dos dados, estes foram tratados com o auxílio do software MetaboLynx para a procura dos metabólitos oriundos da cumarina. Para que a confirmação estrutural pudesse ser realizada, os principais metabólitos encontrados passaram por um processo de isolamento e purificação através da coleta de picos cromatográficos, cromatografia em camada delgada e cromatografia em coluna. Foram encontrados 12 metabólitos, dos quais apenas quatro já haviam sido citados na literatura como parte do metabolismo humano da cumarina. Com o auxílio do software MetaboLynx, todas as biotransformações ocorridas na cumarina foram identificadas, porém, não foi possível confirmar por espectrometria de massas em quais locais da molécula as biotransformações ocorreram. Duas substâncias foram confirmadas pela comparação com padrão analítico (7-hidroxicumarina e ácido ohidroxifenilacético) e, com o auxílio da espectroscopia de ressonância magnética nuclear, as estruturas de dois metabólitos isômeros foram propostas: 7- hidroxicumarina glucoronida (sabidamente o principal metabólito da cumarina) e 5- hidroxicumarina glucoronida. Também foram encontrados dois isômeros hidroxilados e sulfatados da cumarina e dois isômeros di-hidroxilados e sulfatados. Outros metabólitos minoritários da cumarina também foram detectados. Não foi evidenciada a presença de cumarina livre ou do ácido o-cumárico na urina dos voluntários. O presente estudo mostrou que, apesar de a cumarina ser uma substância simples e já muito estudada, suas rotas de metabolização se encontravam incompletas. Isso nos levou à conclusão que o uso de ferramentas modernas é de extrema relevância para complementar o conhecimento do metabolismo de diversas drogas, especialmente porque os metabólitos ainda desconhecidos podem apresentar algum tipo de atividade biológica. Palavras-chave: cumarina, 7-hidroxicumarina, metabólitos, urina, excreção. / Abstract: The purpose of this work was to qualitatively evaluate the excretory products of coumarin in the human urine. Five adult volunteers were enrolled in this study. Each one orally received a capsule containing 500 mg of coumarin after a fasting period of eight hours. The urine was collected for 24 hours. To analyze the biological sample and identify coumarin metabolites, a fast and easily executable screening method by ultra performance liquid chromatography coupled with high resolution mass spectrometry was developed. The sample pretreatment consisted in urine ultracentrifugation for 15 minutes (14000 rpm, 4ºC), followed filtration in polyester filter (0.2 ?m) before injection in the chromatograph. The acquired data were processed with MetaboLynx software to search for coumarin metabolites. To perform the structural confirmation, the major metabolites found have undergone an isolation and purification process through chromatographic peak collection, thin layer chromatography and column chromatography. Twelve metabolites were found, and only four had been previously described in the literature as part of the human metabolism of coumarin. With MetaboLynx software, all coumarin biotransformations were identified, however, it was not possible to confirm by mass spectrometry where in the molecule the biotransformation occurred. Two substances were confirmed by comparison to analytical standard (7-hydroxycoumarin and o-hydroxyphenylacetic acid) and, by nuclear magnetic resonance spectroscopy, the structures of two isomers metabolites were proposed: 7-hydroxycoumarin glucuronide (already know as the major metabolite of coumarin) and 5-hydroxycoumarin glucuronide. Two hydroxylated and sulfated coumarin isomers and two dihydroxylated and sulfated isomers were also found. Other minor coumarin metabolites were detected as well. Free coumarin or o-coumaric acid were not identified in volunteers' urine. This study showed that, although coumarin is a simple and well-studied substance, its metabolism routes were incomplete. This led us to the conclusion that the use of modern tools for drug metabolism identification is of extreme relevance, especially because the unknown metabolites can possess biological activity. Keywords: coumarin, 7-hydroxycoumarin, metabolites, urine, excretion.
10

Desenvolvimento e validação de método por CLAE-DAD para determinação simultânea de Captopril, Hidroclorotiazida e seus compostos relacionados e avaliação da equivalência farmacêutica de medicamentos anti-hipertensivos

Hess, Bianca Sarturi January 2011 (has links)
Orientador : Prof. Dr. Roberto Pontarolo / Orientador : Dr. Marco André Cardoso / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas. Defesa: Curitiba, 29/03/2011 / Inclui referências / Área de concentração: Insumos, medicamentos e correlatos / Resumo: Neste trabalho os fármacos anti-hipertensivos captopril e hidroclorotiazida foram alvo de estudo por duas abordagens: (a) analítica, com o objetivo de desenvolver e validar método por CLAE-DAD para sua determinação e de seus compostos relacionados simultaneamente em comprimidos e (b) do ponto de vista do controle de qualidade com o objetivo de avaliar a equivalência farmacêutica e perfil de dissolução dos medicamentos disponíveis comercialmente que os contenham separadamente ou associados. Foi desenvolvido e validado um método rápido e econômico utilizando CLAE-DAD para quantificação de captopril (CAP), hidroclorotiazida (HCTZ) e seus principais compostos relacionados: dissulfeto de captopril (CAD), clorotiazida (CTZ) e benzotiadiazina (BTDZ). O método foi desenvolvido e validado através de um sistema cromatográfico composto por uma coluna Agilent Zorbax Eclipse XDB-Phenyl 5 ?m, 4,6 x150 mm mantida a 40°C, utilizando como fase móvel (A) ácido fosfórico 0,067% (pH 2,5) e (B) acetonitrila em modo gradiente como segue: t0-3,0 min: B=15%; t3,1-6,5 min: B=35%; t6,6-8,0 min: B=15%. O fluxo de eluição da fase móvel foi de 1,2 mL/min e o volume de injeção de 20 ?L sendo os analitos monitorados a 220 nm. O método se mostrou linear na faixa de concentração de 0,5 a 400 ?g/mL para CAP, 0,313 a 14,4 ?g/mL para CAD, 0,05 a 100,0 ?g/mL para HCTZ, 0,078 a 1,2 ?g/mL para CTZ e 0,02 a 2,4 ?g/mL para BTDZ. O ensaio de exatidão resultou em recuperações no intervalo de 98,82 - 101,31% e no ensaio de precisão intra e inter-dia DPR <5% foi obtido. A robustez do método foi verificada frente a modificações na composição da fase móvel, fluxo, temperatura e pH, sendo este crítico para a determinação de CAD. A avaliação da equivalência farmacêutica não constatou a equivalência de duas amostras de comprimidos de CAP 25 mg dentre as seis marcas de genéricos e cinco de similares avaliadas. Para comprimidos de HCTZ 25 mg essa situação foi constatada para um medicamento similar entre os dois similares e dois genéricos testados. Todas as formas farmacêuticas associadas apresentaram equivalência farmacêutica com o medicamento de referência, Lopril-D®. Os perfis de dissolução de comprimidos de CAP, HCTZ e sua associação foram comparados através da análise da variância (ANOVA), eficiência de dissolução (ED%), fator de semelhança f2 e cinética de dissolução (zero ordem, primeira ordem e Higuchi). Os resultados dos perfis caracterizaram três genéricos de CAP, entre os sete testados, como não semelhantes ao referência e entre os seis similares o mesmo aconteceu para apenas uma das marcas. Entre os dois genéricos e quatro similares de HCTZ apenas um genérico exibiu perfil satisfatório. Na forma farmacêutica associada, dos dois genéricos testados apenas um teve perfil semelhante ao Lopril-D®. Como conclusão tem-se que o novo método pode ser utilizado para a determinação simultânea dos cinco compostos citados na forma farmacêutica comprimido, sendo proposto como uma alternativa para o controle de qualidade destes produtos na indústria farmacêutica e laboratórios analíticos. Também concluímos que há uma necessidade real de maior fiscalização em relação a qualidade dos medicamentos durante seu período de comercialização. Palavras-chaves: Captopril, hidroclorotiazida, desenvolvimento analítico, validação analítica, CLAE-DAD, equivalência farmacêutica, perfil de dissolução. / Abstract: In this study, the antihypertensive drugs captopril and hydrochlorothiazide were the subject of study by two approaches: (a) analytical, aiming to develop and validate HPLC-DAD method for their determination and of their related compounds simultaneously in tablets and (b) from the standpoint of quality control in order to evaluate the pharmaceutical equivalence and dissolution profile of commercially available drugs containing them separately or combined. A quick and economical method using HPLC-DAD was developed and validated for quantification of captopril (CAP), hydrochlorothiazide (HCTZ) and its main related compounds: captopril disulfide (CAD), chlorothiazide (CTZ) and benzothiadiazine (BTDZ). The method was developed and validated through a chromatographic system composed ofa Agilent Zorbax Eclipse XDB-Phenyl column 5 ?m 4.6 x150 mm maintained at 40°C. The mobile phase consisted of 0.067% phosphoric acid (pH 2.5) (A) and acetonitrile (B) in gradient elution mode eluted at a flow rate of 1.2 mL/min as follows: t0-3.0 min: B = 15%, t3.1-6.5 min: B = 35%, t6.6-8.0 min: B = 15%. The detection wavelength was set at 220 nm and the injection volume of the sample was 20 ?L. The method was linear in the concentration range of 0.5 to 400 ?g/mL for CAP, 0.313 to 14.4 ?g/mL for CAD, 0.05 to 100 ?g/mL for HCTZ, 0.078 to 1.2 ?g/mL for CTZ and 0.02 to 2.4 ?g/mL for BTDZ. The accuracy test resulted in recoveries range of 98.82 to 101.31% and for intra and inter-day precision RSD <5% was obtained. The robustness study evaluated changes in the mobile phase composition, flow, temperature and pH, the last one is a critical factor for the CAD determination. Regarding the assessment of equivalence pharmaceutical trials did not demonstrate equivalence of two samples of captopril 25 mg tablets among the six brands of Generics and five of Similar evaluated. For hydrochlorothiazide 25 mg tablets two Similar and two Generics were tested and one Similar medicine was not equivalent to the reference. All brands of the association were pharmaceutical equivalents of their reference medicine, Lopril- D. The dissolution profiles of Generics, Similar and reference of captopril, hydrochlorothiazide and their association were compared by analysis of variance (ANOVA), dissolution efficiency (DE%), similarity factor f2 and dissolution kinetics (zero order, first order and Higuchi). The results of the profiles featured three Generics and one Similar of captopril as no similar to the reference. Among Generics and Similar medicines of hydrochlorothiazide only one Generic medicine exhibited satisfactory dissolution profile. For the medicines of the association just one of the two Generics tested was similar to Lopril-D. In conclusion we have that the new method might be used to determine the five compounds simultaneously in tablets, and presents itself as an alternative for quality control of these products in the pharmaceutical industry and that there is a real need for increased monitoring of the quality of drugs during their marketing period. Key words: Captopril, hydrochlorothiazide, analytical development, validation, HPLC, pharmaceutical equivalence, dissolution profile.

Page generated in 0.0347 seconds