• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 27
  • Tagged with
  • 27
  • 27
  • 23
  • 19
  • 15
  • 15
  • 13
  • 13
  • 11
  • 9
  • 8
  • 7
  • 7
  • 6
  • 4
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

"Influência do grau de proficiência técnica dos operadores no preparo de canais curvos, quando do emprego de instrumentos rotatórios de níquel-titânio" / Influence of the operator’s proficiency in the preparation of curved canals, using of rotary nickel-titanium instruments

Guimarães, José Lauriére Horta 26 April 2006 (has links)
O presente estudo avaliou a interferência de operadores com diferentes proficiências no preparo de canais radiculares curvos, simulados em blocos de resina transparente. Os grupos, com 10 indivíduos cada um, foram: Grupo 1 – professores de Endodontia; Grupo 2 - alunos de especialização; Grupo 3 – alunos de odontologia Monitores de Endodontia e o Grupo 4 – alunos de graduação no início do curso de Endodontia. Cada operador instrumentou dois canais com 20 graus de curvatura, o primeiro canal era visualizado para treinamento e o segundo não. O sistema mecanizado com instrumentos rotatórios de níquel-titânio empregado foi o RaCe®. Os parâmetros de avaliação foram: tempo de instrumentação, quantidade de material removido, desvio apical e deformação dos instrumentos. Os resultados encontrados (ANOVA e Teste de Tuckey a= 0,05%), foram: Para o tempo de instrumentação, no primeiro canal, houve diferença estatística entre o grupo 1 e os grupos 3 e 4, o grupo 2 diferiu somente do grupo 4. Já, no segundo canal, não houve diferença estatística entre os grupos. Para a quantidade de material removido do primeiro canal houve diferença estatística entre os graduados (grupos 1 e 2) em relação aos graduandos (grupos 3 e 4), porém, no segundo canal, houve diferença somente entre os grupos 1 e 2. O desvio apical não apresentou diferença estatística entre os grupos em nenhuma das condições experimentais. Após a aplicação do teste do Qui-quadrado (a=0,01%), observou-se que o grupo 1 foi o que produziu as menores deformações nos instrumentos. Conclui-se que: Os desvios apicais promovidos foram semelhantes entre os grupos experimentais. Houve diminuição no tempo de instrumentação do segundo canal em relação ao primeiro, com diferença estatística nos grupos dos monitores e acadêmicos e que não houve diferença estatística entre os grupos, em relação ao tempo de instrumentação do segundo canal. Os grupos dos graduados (professores e alunos de especialização) excisaram maior quantidade de material do primeiro canal, quando comparados aos dos graduandos (monitores e acadêmicos), não havendo diferença estatística entre os grupos em relação à quantidade de material removido do segundo canal, excetuando a comparação entre os professores e os alunos de especialização, onde os primeiros desgastaram significativamente mais que os últimos. Comparados aos demais grupos, os professores produziram menores deformações aos instrumentos. / This study evaluated the interference of operators with different proficiencies in the preparation of curved canals , simulated transparent resin blocks. The groups, with 10 individuals each, were: Group 1 - professors of Endodontics; Group 2 – students of specialization; Group 3 – undergraduate dental students who had concluded the Endodontics course and Group 4 - undergraduate dental students in the beginning of the Endodontics course. Each operator prepared two canals with 20 degrees of bending, the first canal was visualized for training and second no. The rotary instrumentation used was the RaCe®. The parameters of evaluation were: time of instrumentation, amount of removed material, apical transportation and deformation of the instruments. The results (ANOVA and Test of Tuckey = 0.05%): In relation to the instrumentation time, when of the execution of the first canal, it had statistics difference between group 1 and groups 3 and 4, group 2 only differed from group 4. When of the execution of the second canal it did not have difference statistics between the groups. For the amount of material removed of the first canal it had difference statistics between the graduated (groups 1 and 2) relation to the undegraduated (groups 3 and 4). After the second canal instrumentation, only had difference between groups 1 and 2. The apical transportation did not present statistics difference enters the groups in no ne of the experimental conditions. After the application ?2 test (a=0,01%), was observed that group 1 produced lesser deformations in the instruments. Conclusions: The apical transportation was similar between the different groups. It had reduction in the time of instrumentation of the second canal in relation to the first one, with statistics difference in the groups of the monitors and academics. It did not have difference statistics between the groups, in relation to the time of instrumentation of the second canal. The groups of the graduated ones (professors and students of specialization) removed bigger amount of material of the first canal, when compared with the ones of the undergraduate (monitorial and academic). It did not have statistics difference enters the groups in relation to the amount of material removed of the second canal, excepting the comparison between the professors and the students of specialization, where the first ones had consumed significantly more than the last ones. Compared with all groups, the professors had produced minors deformations to the instruments.
2

\"Resistência à perda de corte de instrumentos rotatórios de níquel-titânio submetidos à implantação iônica de nitrogênio\" / utting ability resistance in nickel-titanium instruments submitted to nitrogen ion implantation

Costa, Cristiane da 05 December 2006 (has links)
O presente estudo verificou o aumento da resistência à perda de corte de instrumentos produzidos em liga de níquel-titânio, após tratamento de implantação iônica de nitrogênio. Para tal, foram utilizados vinte e um instrumentos da marca K3 ?ENDO, de n° 25.02, com 21 mm, divididos em dois grupos. O grupo 1 foi constituído por onze instrumentos submetidos à ação de uma câmara de implantação iônica de nitrogênio, servindo um deles como controle para a determinação da quantidade de íons implantados. O grupo 2 foi composto por dez instrumentos não submetidos ao processo de implantação iônica. Cada lima instrumentou 20 blocos de canais simulados 20.02 de 21 mm, previamente lavados em cuba ultra-sônica com detergente a 40°C por 10 minutos e depois com água bidestilada por mais 10 minutos. Os mesmos foram secos com jato de ar, voltaram para estufa a 40°C por 2 dias e finalmente pesados em balança analítica. Após cada instrumentação os blocos foram lavados em cuba ultra-sônica com detergente a 40°C por 20 minutos e pesados novamente. O ensaio de resistência à perda de corte foi realizado mediante a instrumentação de cada bloco com auxílio de um simulador de ação da instrumentação endodôntica, sendo a amplitude percorrida pelo contra-ângulo padronizada em 2,5 mm a cada penetração por 8 vezes atingindo um total de 2,0 cm para dentro do canal simulado, com força de penetração de 1,5 N. Quanto a resistência à perda de corte os resultados mostraram que os instrumentos implantados não apresentaram diferença estatisticamente significante em nível de 5 % (? = 0,5 %) até 20 usos. Porém, os instrumentos não implantados mostraram diferença estatisticamente significante (? = 0,5 %) entre 5 e 15 usos, 5 e 20 usos, bem como entre 10 e 20 usos. Ao compararem-se instrumentos implantados e não implantados, observou-se que em 5 e 10 usos não houve diferença estatisticamente significante (p>5%). Já na comparação entre ambos com 15 e 20 usos a diferença foi estatisticamente significante (? = 0,5 %). Lícito foi concluir, portanto, que o processo de implantação de íons de nitrogênio manteve a resistência à perda de corte de instrumentos produzidos em liga de níquel-titânio até 20 usos. Os instrumentos não implantados mostraram perda progressiva do poder de corte significativamente entre 5 e 15 usos, 5 e 20 usos, bem como entre 10 e 20 usos. Comparando-se instrumentos implantados e não implantados, observou-se que até 10 usos ambos comportaram-se igualmente no que respeita à perda de corte. Já na comparação entre ambos com 15 e 20 usos a diferença foi significativa. / The present study investigated the cutting ability resistance in nickel-titanium instruments after nitrogen ion implantation treatment. Twenty-one instruments of K3 ?ENDO brand, number 20.02, with 21 mm, were divided in two groups. The group 1 submitted 11 instruments to nitrogen ion implantation chamber, while on served as positive control for the determination of the ion implantation quantity. In group 2, the 10 instruments were not submitted to ion implantation treatment. Each file instrumented 20 acrylic blocks 20.02 with 21 mm, previously washed in ultrasonic container with detergent in 40°C for 10 minutes and then with bidestiled water for 10 minutes. They were dried and put in a 40°C stove for 2 days and finally weighed in analytic balance. After instrumentation the blocks were washed for 20 minutes and weighed again. The usage essay was realized through the instrumentation of each block using an endodontic instrumentation simulated action, with a 2,5 mm standardized distance for 8 times, getting a total of 2,0 cm inside the simulated canal with a strong penetration of 1,5 N. The results showed that there was no statistical difference in cutting resistance of instruments treated with ionic implantation process until 20 uses. Although in the non treated instruments there was a gradual reduce in cutting ability resistance from 5 to 20 uses. The conclusion was that the nitrogen ion implantation process increases the cutting resistance of nickel-titanium instruments.
3

Avaliação da desinfecção do canal radicular frente ao preparo químico-cirúrgico por meio rotatório associado ou não a tratamento químico complementar / Assessment of the disinfection of root canals using a rotatory system associated or not to a complementary chemical treatment

Santana, Soraia Veloso Silva 09 April 2008 (has links)
A desinfecção dos canais radiculares figura como constante preocupação clínica. Esta pesquisa teve a proposta de verificar o nível de desinfecção alcançado pela instrumentação mecanizada utilizando o sistema K3 em relação ao uso desse mesmo sistema associado a um tratamento químico dentinário complementar. Foram utilizados 16 caninos inferiores unirradiculares, que foram aleatoriamente divididos em dois grupos. Foram realizados 2 ensaios em dias diferentes, cada ensaio formado por 8 dentes em cada grupo. As coroas dos dentes foram cortadas e o tamanho das raízes padronizado em 15 mm. Os canais foram esvaziados com auxilio de limas tipo K de números 10 ou 15 com hipoclorito de sódio a 1% seguido de 20 mL de tiosulfato de sódio a 5%. Seguiu-se então a odontometria. Os dentes foram impermeabilizados externamente por duas camadas de cianoacrilato de etila e montados em tubos Eppendorf a expensas de adesivo epóxico. Os conjuntos (raiz + Eppendorf) foram esterilizados em autoclave por 20 min a 134 °C. Os espécimes foram inoculados com uma da suspensão correspondente à concentração bacteriana 0,5 da escala de Mc Farland (1,5 x 108 UFC). A primeira coleta microbiológica foi realizada imediatamente após o tempo de incubação para estabelecer o número de unidades formadoras de colônias. O preparo químicocirúrgico dos canais radiculares do grupo 1 foi realizado apenas por meio do sistema rotatório K3. Cones de papel absorvente esterilizados foram inseridos no canal radicular para nova coleta. Os dentes do Grupo 2 também tiveram os canais radiculares preparados com sistema rotatório K3 até a fase de irrigação-aspiração final com hipoclorito de sódio a 0,5% e EDTA-T a 17%. Após essa etapa foi realizado o tratamento químico da dentina que correspondeu à inserção de solução de hipoclorito de sódio a 1% no interior da cavidade pulpar e com uma lima tipo K de número 25 a solução foi agitada durante um minuto. Esse procedimento foi repetido 5 vezes num total de 10 mL dessa substância e somando um tempo de 10 minutos. A irrigação final foi efetuada com 10 mL de solução de hipoclorito de sódio a 0,5% seguidas de 20 mL de solução de EDTA- T a 17% (pH 7,0). Nova coleta para exame microbiológico foi realizada. Essas suspensões sofreram diluições seriadas de 10-1 a 10-7 em água peptonada antes do preparo químico-cirúrgico e de10-1 a 10-5 após o mesmo As diluições foram então semeadas em triplicata em placas contendo TSA. Após o período de 24 h de incubação as placas que apresentaram crescimento bacteriano tiveram o número de unidades formadoras de colônias (UFCs) determinado. Embora houvesse redução da população bacteriana em ambos os grupos no que se refere ao pré e pós-operatório, os resultados demonstraram que não houve diferença estatística significante entre os grupos de estudo (p>0,05). / The effective disinfection of root canals represents a constant clinical concern. This research aimed at verifying the level of disinfection achieved by mechanical instrumentation using the K3 system when compared to the associated use of the same system and a complementary chemical dentinal treatment. Sixteen singlerooted lower canines were randomly divided into two groups. Two experiments, each using 8 teeth per group, were conducted on different days. The dental crowns were sectioned and the root length was standardized to 15 mm. The canals were instrumented using #10 or 15 K-files with 1% sodium hypochlorite, followed by 5% sodium thiosulfate. The root canals were measured. The teeth were made externally impermeable by two layers of ethyl cyanoacrylate and placed in Eppendorf tubes using epoxy resin. The compounds (root + Eppendorf) were sterilized in an autoclave for 20 min at 134oC. A suspension that corresponds to the bacterial concentration of 0.5 on the McFarland scale (1.5 x 108 CFU) was inoculated onto the specimens. The first microbiological sample collection was done immediately after incubation in order to determine the number of colony-forming units. Chemical preparation of the root canals of group 1 was done using the K3 rotatory system exclusively. Sterile paper cones were inserted into the canal for a new collection. Teeth from group 2 also had their root canals prepared using the K3 rotatory system up to the phase of final irrigation with 0.5% sodium hypochlorite and 17% EDTA-T. Next, chemical dentinal treatment was done by inserting a 1% sodium hypochlorite solution into the pulp cavity and agitating for one minute with the aid of a #25 K-file. This step was repeated 5 times using a total of 10 ml of the solution for a total duration of 10 minutes. Final irrigation was done using 10 ml of 0.5% sodium hypochlorite solution followed by 20 ml of 17% EDTA-T (pH 7.0). A new collection for microbiological examination was done. These suspensions underwent serial dilutions from 10-1 to 10- 7 using peptone water before preparation and from 10-1 to 10-5 afterwards. The dilutions were then inoculated thrice onto TSA plates. After an incubation period of 24h, the number of colony-forming units (CFU) was determined for the plates which presented with bacterial growth. Although there was a reduction of the bacterial population in both experimental groups when pre and post-operative counts were compared, results demonstrated that there was no statistically significant difference between the two study groups (p>0.05).
4

Análise da limpeza dentinária em canais radiculares preparados com um sistema rotatório e diferentes substâncias químicas / Analysis of the cleaning of root canal prepared with one rotary instruments system and different chemical substances

Monteiro, Patricia Guerreiro 27 November 2007 (has links)
O desenvolvimento de instrumentos endodônticos em ligas de níquel-titânio (Ni-Ti) derivou maior rapidez na modelagem do canal radicular o que nos leva a questionar se realmente estariam as substâncias químicas auxiliares tendo oportunidade de agir convenientemente, considerando que o tempo de atuação das mesmas foi significantemente encurtado. Tendo em vista esse aspecto foi objeto deste trabalho avaliar, com auxílio de microscopia eletrônica de varredura (MEV) e leituras computadorizadas, a limpeza da superfície dentinária radicular, terços cervical, médio e apical, em canais radiculares de incisivos inferiores humanos, preparados pelo sistema rotatório K3?ENDO diante do uso de hipoclorito de sódio a 2,5%, (pH 11,0), do creme de Endo PTC reagindo com hipoclorito de sódio a 0,5%, (pH 11,0), empregando-se essa substância em duas diferentes consistências; sua consistência normal (Endo PTC-N) e uma outra de menor densidade (Endo-PTC-L); e, de um gel de clorexidina (Endogel®) com dois tipos de irrigação final. Concluída a fase de preparo todos os grupos receberam irrigação-aspiração final com soluções de hipoclorito de sódio a 0,5%, (pH 11,0) e de EDTA-T a 17%, exceção feita ao grupo em que se empregou o Endogel®, para o qual seguiu-se dois regimes de irrigação, em um grupo, irrigação-aspiração final com 20 mL de soro fisiológico, conforme recomendações do fabricante e em outro grupo empregou-se irrigação com EDTA-T. As amostras foram então preparadas para MEV e suas imagens analisadas pelo programa Scion Image. Os resultados revelaram haver diferença estatisticamente significante entre os grupos, sendo que o grupo do Endo-PTC-L se mostrou superior aos demais grupos testados no terço médio e apical já o grupo do Endogel seguido da irrigação final com EDTA-T apenas no terço médio, não havendo diferença estatística entre eles. / The development of nickel-titanium (NiTi) endodontic instruments results in more quickness during the root canal shaping phase that induce us to discuss if really would be the chemical substances are having opportunities to act properly, considering that the time of action of the same was significantly reduced. The object of this research was evaluate, using the scanning electron microscopy (SEM) and computerized analysis, the cleaning on root canal walls in coronal, middle and apical thirds in mandibular human incisives prepared with K3 NiTi rotary instruments and different chemical substances: 2,5% sodium hypochlorite (pH 11,0), Endo PTC cream at normal consistency (Endo PTC-N) neutralized by 0,5% sodium hypochlorite (pH 11,0), Endo PTC cream with lower density (Endo PTC-L) neutralized by 0,5% sodium hypochlorite (pH 11,0) and chlorhexidine gel (Endogel). Concluded the cleaning and shaping phase, all the groups received a final irrigation with of 0,5% sodium hypochlorite solution (pH 11,0) followed by 17% EDTA-T solution, except the Endogel group that received two different regimens of final irrigation, one group with 20 ml of physiological serum and another with the 17% EDTA-T solution. The samples were prepared for the SEM analysis and the images obtained were analyzed using the Scion Image program. The results showed a significant difference between the groups tested seeing that the Endo PTC-L group, in middle and apical thirds and Endogel followed by the final irrigation with EDTA-T group, in middle third were superiors in comparation with the other groups.
5

Avaliação do uso do laser de Er: YAG sobre a remoção da camada de 'smear' das paredes dos canais radiculares com achatamento mésio-distal submetidos à instrumentação rotatória / Evaluation of the use of the laser of Er: YAG on the removal of the layer of ' smear ' of the walls of the roots canals with mesio-distal flattening submitted to the rotatory instrumentation.

Fabio Heredia Seixas 02 October 2003 (has links)
No tratamento endodôntico, várias fases de igual importância são necessárias para a realização de uma terapêutica bem sucedida, entre elas podemos citar a instrumentação. Apesar de todas as técnicas e instrumentos propostos para a Endodontia, o sucesso esperado ainda não foi alcançado. Tanto a instrumentação manual quanto à rotatória não resulta na limpeza das áreas polares dos canais radiculares com achatamento mésio-distal. No intuito de obter melhor resultado clínico, avaliou-se “in vitro” a remoção da camada de “smear” das paredes dos canais radiculares de 40 dentes incisivos inferiores portadores de achatamento mésio-distal submetidos à instrumentação rotatória por meio da técnica “Free Tip Preparation”, utilizando o laser de Er: YAG nos parâmetros de 140 e 250 mJ. Para tanto, a fibra óptica do aparelho foi deslocada lentamente, com velocidade de 2 mm/s, até o orifício cervical na câmara pulpar, na parede vestibular e lingual da raiz; e sua eficácia na remoção da “smear” foi comparada aos grupos onde se utilizou apenas Hipoclorito a 2,5% e Hipoclorito de sódio a 2,5% alternado com EDTA a 17%. Os dentes foram analisados por meio de microscopia eletrônica de varredura, e as fotomicrografias das áreas mais representativas dos terços médio e apical foram avaliadas por três examinadores diferentes, com grau mínimo de Mestre, que observaram a quantidade da camada de “smear” presente nas amostras em relação a três padrões. Os examinadores, sem que tivessem o conhecimento prévio de qual dos grupos estavam avaliando, atribuíram escores de 1 a 4 as fotomicrografias, de acordo com a quantidade da camada de “smear” visualizada. Os dados obtidos foram submetidos à análise estatística não-paramétrica, comparando-se os diferentes grupos estudados (teste de Kruskal-Wallis) e os terços radiculares (teste de Wilcoxcon). Os resultados mostraram que, quanto à quantidade da “smear” encontrada nos grupos estudados, o grupo que utilizou Hipoclorito a 2,5% alternado com EDTA apresentou os canais radiculares mais limpos seguido do grupo do laser 250 mJ e posteriormente pelos grupos do laser Er: YAG a 140 mJ e do hipoclorito a 2,5%, que não apresentaram diferença estatisticamente significante entre si. Quanto aos terços, o apical apresentou maior quantidade da “smear” em comparação com o terço médio (p< 0,01). / Manual or rotary instrumentation techniques do not efficiently clean mesio-distal flattened root canals. This study evaluated, in vitro, smear layer removal of 40 mesio-distal flattened root canals after rotary instrumentation. The teeth were then divided into 4 groups: group 1: rotary instrumentation and 2.5% sodium hypochlorite used as irrigating solution; group 2: instrumented as group 1 and followed by Er: YAG laser irradiation (140mJ input/10Hz), withdrawn at 2mm/s from the apical to the cervical region touching the buccal walls the procedure was then repeated for the lingual wall); group 3: instrumented as group 1 and followed by Er: YAG laser irradiation (250mJinput/10Hz) withdrawn at 2mm/s from the apical to the cervical region touching the buccal walls the procedure was then repeated for the lingual wall) and group 4: instrumented as group 1 and alternated with 17% EDTA Teeth were split longitudinally and prepared for examination under scanning electron microscopy. Scores from 1 to 4 were given to the fotomicrographs by three independent evaluators, and these data was submitted to statistical analysis. The teeth where alternated 17% EDTA were used (group 4) showed less amount of smear layer, followed by the group irradiated with 250mJinput/10Hz (group 3), the group irradiated with 140mJ input/10Hz and the group where only sodium hypochlorite was used. The apical third presented more smear layer than the middle third (p<00.1).
6

Análise postural do endodontista na atividade clínica utilizando instrumentação rotatória e manual por meio da cinemetria, eletromiografia de superfície e checklists ergonômicos / Analysis of the endodontist posture using rotary and manual instrumentation applying kinemetry, surface electromyography and ergonomic checklists

Onety, Geraldo Celso da Silva 22 December 2011 (has links)
Atualmente a ergonomia revela-se em todas as circunstâncias na prática odontológica, desde o local de trabalho a forma como os equipamentos são utilizados, onde variáveis importantes como a postura e o movimento são determinados pela tarefa e pelo posto de trabalho. O objetivo desta pesquisa foi analisar, por meio da atividade muscular (eletromiografia), cinemetria, escalas ergonômicas (RULA e Checklist de Couto) e biofotogrametria, a postura de dezoito profissionais endodontistas, destros, com idade entre 25 e 60 anos (30 ± 3) durante o preparo químico-mecânico do sistema de canais radiculares dos molares 16 e 17, utilizando-se da técnica de instrumentação rotatória e da técnica de instrumentação manual, evidenciando os efeitos que a profissão odontológica e as posturas viciosas adotadas pelos profissionais endodontistas promovem durante as horas de trabalho nas cadeias musculares dos membros superiores e região de tronco. Baseado nos resultados obtidos nesta pesquisa pode-se concluir que as variações apresentadas nos valores eletromiográficos normalizados durante a execução das técnicas rotatória e manual sugerem que a ação dos músculos longuíssimo, deltóide anterior, deltóide médio, trapézio - fibras médias, bíceps braquial, tríceps braquial, braquiorradial e abdutor curto do polegar, propiciou adaptações musculares, com a finalidade de promover movimentos funcionais mais precisos. Na cinemetria computadorizada, observou-se que a técnica rotatória apresentou maior exigência postural do que a técnica manual, fato também evidenciado pela análise do posto de trabalho e biomecânica da atividade profissional. A análise estática da postura corporal (biofotogrametria) sugere que a atividade clínica do profissional endodontista pode contribuir para um desequilíbrio postural do quadrante superior do corpo. Concluiu-se que o profissional endodontista apresentou postura corporal comprometida, independente de trabalhar com a técnica rotatória e/ou manual. / Nowadays ergonomics has had different uses in dentistry, from the workplace to how equipments are used; where important variables, such as posture and movement, have been determined by the job and the work position. The objective of this research was to apply electromyography, kinemetry, ergonomic scales (RULA and Coutos checklist) and biophotogrammetry to analyze the posture of eighteen righthanded endodontists, aged between 25 and 60 years old (30 ± 3), during the preparation of the chemical-mechanical system of root canal of molars 16 and 17, using rotary and manual instrumentation, showing the effects of endodontists profession and vicious postures during hours of work on muscle chains of upper limbs and trunk. Based on the results it is possible to conclude that the variations showed in the electromyographic values normalized during the use of rotary and manual techniques, suggest that longissimus, anterior and middle deltoid, trapezium medium fibers, brachial biceps and triceps, brachioradialis and short abducent of the thumb, provided muscle adaptations in order to cause functional more accurate movements. In computer kinemetry the rotary technique was more postural demanding than the manual technique, that was also showed by the analysis of the work position and biomechanics of the profession. The static analysis of the body posture (biophotogrammetry) suggests that the professional activity of the endodontist can contribute for a postural imbalance of upper body. In conclusion, the endodontist presented compromised posture regardless the kind of technique he/she uses: rotary and/or manual.
7

Avaliação do uso do laser de Er: YAG sobre a remoção da camada de 'smear' das paredes dos canais radiculares com achatamento mésio-distal submetidos à instrumentação rotatória / Evaluation of the use of the laser of Er: YAG on the removal of the layer of ' smear ' of the walls of the roots canals with mesio-distal flattening submitted to the rotatory instrumentation.

Seixas, Fabio Heredia 02 October 2003 (has links)
No tratamento endodôntico, várias fases de igual importância são necessárias para a realização de uma terapêutica bem sucedida, entre elas podemos citar a instrumentação. Apesar de todas as técnicas e instrumentos propostos para a Endodontia, o sucesso esperado ainda não foi alcançado. Tanto a instrumentação manual quanto à rotatória não resulta na limpeza das áreas polares dos canais radiculares com achatamento mésio-distal. No intuito de obter melhor resultado clínico, avaliou-se “in vitro" a remoção da camada de “smear" das paredes dos canais radiculares de 40 dentes incisivos inferiores portadores de achatamento mésio-distal submetidos à instrumentação rotatória por meio da técnica “Free Tip Preparation", utilizando o laser de Er: YAG nos parâmetros de 140 e 250 mJ. Para tanto, a fibra óptica do aparelho foi deslocada lentamente, com velocidade de 2 mm/s, até o orifício cervical na câmara pulpar, na parede vestibular e lingual da raiz; e sua eficácia na remoção da “smear" foi comparada aos grupos onde se utilizou apenas Hipoclorito a 2,5% e Hipoclorito de sódio a 2,5% alternado com EDTA a 17%. Os dentes foram analisados por meio de microscopia eletrônica de varredura, e as fotomicrografias das áreas mais representativas dos terços médio e apical foram avaliadas por três examinadores diferentes, com grau mínimo de Mestre, que observaram a quantidade da camada de “smear" presente nas amostras em relação a três padrões. Os examinadores, sem que tivessem o conhecimento prévio de qual dos grupos estavam avaliando, atribuíram escores de 1 a 4 as fotomicrografias, de acordo com a quantidade da camada de “smear" visualizada. Os dados obtidos foram submetidos à análise estatística não-paramétrica, comparando-se os diferentes grupos estudados (teste de Kruskal-Wallis) e os terços radiculares (teste de Wilcoxcon). Os resultados mostraram que, quanto à quantidade da “smear" encontrada nos grupos estudados, o grupo que utilizou Hipoclorito a 2,5% alternado com EDTA apresentou os canais radiculares mais limpos seguido do grupo do laser 250 mJ e posteriormente pelos grupos do laser Er: YAG a 140 mJ e do hipoclorito a 2,5%, que não apresentaram diferença estatisticamente significante entre si. Quanto aos terços, o apical apresentou maior quantidade da “smear" em comparação com o terço médio (p< 0,01). / Manual or rotary instrumentation techniques do not efficiently clean mesio-distal flattened root canals. This study evaluated, in vitro, smear layer removal of 40 mesio-distal flattened root canals after rotary instrumentation. The teeth were then divided into 4 groups: group 1: rotary instrumentation and 2.5% sodium hypochlorite used as irrigating solution; group 2: instrumented as group 1 and followed by Er: YAG laser irradiation (140mJ input/10Hz), withdrawn at 2mm/s from the apical to the cervical region touching the buccal walls the procedure was then repeated for the lingual wall); group 3: instrumented as group 1 and followed by Er: YAG laser irradiation (250mJinput/10Hz) withdrawn at 2mm/s from the apical to the cervical region touching the buccal walls the procedure was then repeated for the lingual wall) and group 4: instrumented as group 1 and alternated with 17% EDTA Teeth were split longitudinally and prepared for examination under scanning electron microscopy. Scores from 1 to 4 were given to the fotomicrographs by three independent evaluators, and these data was submitted to statistical analysis. The teeth where alternated 17% EDTA were used (group 4) showed less amount of smear layer, followed by the group irradiated with 250mJinput/10Hz (group 3), the group irradiated with 140mJ input/10Hz and the group where only sodium hypochlorite was used. The apical third presented more smear layer than the middle third (p<00.1).
8

Análise ao longo do tempo da postura do profissional endodontista durante o preparo químico-mecânico do sistema de canais radiculares / Analysis over time endodontist\'s professional attitude during the chemomechanical preparation of root canals

Leonel, Daniel Vilela 23 March 2012 (has links)
O trabalho e as condições em que este é realizado são fatores preponderantes no estado de saúde integral do indivíduo. As lesões por esforços repetitivos (LER) e os distúrbios osteomusculares relacionados ao trabalho (DORT) em profissionais da saúde, principalmente cirurgiões dentistas, tem demonstrado aumento significativo e crescente. O objetivo desta pesquisa foi avaliar as adaptações músculo esqueléticas posturais do profissional endodontista ao longo do tempo de tratamento do sistema de canais radiculares utilizando técnicas de instrumentação rotatória e manual. Participaram deste estudo dezoito endodontistas destros que realizaram o preparo químico-mecânico nos elementos dentais 16 e 17, tendo a eletromiografia, biofotogrametria e cinemetria como forma de coleta de dados. Ao consideramos os resultados obtidos neste trabalho, podemos concluir que durante o processo de instrumentação os músculos deltóide anterior, deltóide médio, bíceps braquial, tríceps braquial, braquiorradial, abdutor do polegar, trapézio - fibras médias e longuíssimo produziram adaptações em virtude da necessidade de executar movimentos específicos e especializados. Na cinemetria ficou evidente que a técnica rotatória apresentou maior exigência do campo visual para realização da instrumentação tendo como consequência o aparecimento de alterações posturais marcantes ao longo do tempo. Os resultados da biofotogrametria evidenciaram a grande exigência postural do no quadrante superior do profissional endodontista, o que propiciou posturas inadequadas causadas pela repetitividade de um mesmo padrão de movimento. Concluiu-se que o profissional endodontista tem sua postura corporal comprometida ao longo do tempo de trabalho independente da técnica (rotatória e/ou manual) que utilize podendo desenvolver doenças acupacionais. / The work and the conditions under which this is accomplished are critical factors in the health of the individual. The repetitive strain injury (RSI) and work-related musculoskeletal disorders (MSDs) in health care professionals, mostly dentists, have demonstrated significant and growing. The objective of this study was to evaluate the musculoskeletal postural adjustments professional endodontist over time for treatment of root canal system using rotary instrumentation techniques and manual. The study included eighteen handed endodontists who underwent chemomechanical preparation in dental elements 16 and 17, with electromyography, kinematics and photogrammetry as a means of data collection. When we consider the results obtained in this work, we can conclude that during the instrumentation process the deltoid anterior, middle deltoid, biceps, triceps, brachioradialis, abductor of thumb, trapezium - medium and very long fibers produced adaptations due to the need to perform specific and specialized movements. In kinematics it was evident that the rotary technique showed a higher requirement for the realization of the visual field instrumentation with the result the appearance of marked postural changes over time. The results of photogrammetry showed the great demand of upper quadrant postural professional endodontist, which led to poor posture caused by repetition of the same movement pattern. It was concluded that the professional endodontist has compromised his posture over time work regardless of the technique (rotational and / or manual) that you use may develop occupational diseases.
9

Análise postural do endodontista na atividade clínica utilizando instrumentação rotatória e manual por meio da cinemetria, eletromiografia de superfície e checklists ergonômicos / Analysis of the endodontist posture using rotary and manual instrumentation applying kinemetry, surface electromyography and ergonomic checklists

Geraldo Celso da Silva Onety 22 December 2011 (has links)
Atualmente a ergonomia revela-se em todas as circunstâncias na prática odontológica, desde o local de trabalho a forma como os equipamentos são utilizados, onde variáveis importantes como a postura e o movimento são determinados pela tarefa e pelo posto de trabalho. O objetivo desta pesquisa foi analisar, por meio da atividade muscular (eletromiografia), cinemetria, escalas ergonômicas (RULA e Checklist de Couto) e biofotogrametria, a postura de dezoito profissionais endodontistas, destros, com idade entre 25 e 60 anos (30 ± 3) durante o preparo químico-mecânico do sistema de canais radiculares dos molares 16 e 17, utilizando-se da técnica de instrumentação rotatória e da técnica de instrumentação manual, evidenciando os efeitos que a profissão odontológica e as posturas viciosas adotadas pelos profissionais endodontistas promovem durante as horas de trabalho nas cadeias musculares dos membros superiores e região de tronco. Baseado nos resultados obtidos nesta pesquisa pode-se concluir que as variações apresentadas nos valores eletromiográficos normalizados durante a execução das técnicas rotatória e manual sugerem que a ação dos músculos longuíssimo, deltóide anterior, deltóide médio, trapézio - fibras médias, bíceps braquial, tríceps braquial, braquiorradial e abdutor curto do polegar, propiciou adaptações musculares, com a finalidade de promover movimentos funcionais mais precisos. Na cinemetria computadorizada, observou-se que a técnica rotatória apresentou maior exigência postural do que a técnica manual, fato também evidenciado pela análise do posto de trabalho e biomecânica da atividade profissional. A análise estática da postura corporal (biofotogrametria) sugere que a atividade clínica do profissional endodontista pode contribuir para um desequilíbrio postural do quadrante superior do corpo. Concluiu-se que o profissional endodontista apresentou postura corporal comprometida, independente de trabalhar com a técnica rotatória e/ou manual. / Nowadays ergonomics has had different uses in dentistry, from the workplace to how equipments are used; where important variables, such as posture and movement, have been determined by the job and the work position. The objective of this research was to apply electromyography, kinemetry, ergonomic scales (RULA and Coutos checklist) and biophotogrammetry to analyze the posture of eighteen righthanded endodontists, aged between 25 and 60 years old (30 ± 3), during the preparation of the chemical-mechanical system of root canal of molars 16 and 17, using rotary and manual instrumentation, showing the effects of endodontists profession and vicious postures during hours of work on muscle chains of upper limbs and trunk. Based on the results it is possible to conclude that the variations showed in the electromyographic values normalized during the use of rotary and manual techniques, suggest that longissimus, anterior and middle deltoid, trapezium medium fibers, brachial biceps and triceps, brachioradialis and short abducent of the thumb, provided muscle adaptations in order to cause functional more accurate movements. In computer kinemetry the rotary technique was more postural demanding than the manual technique, that was also showed by the analysis of the work position and biomechanics of the profession. The static analysis of the body posture (biophotogrammetry) suggests that the professional activity of the endodontist can contribute for a postural imbalance of upper body. In conclusion, the endodontist presented compromised posture regardless the kind of technique he/she uses: rotary and/or manual.
10

Avaliação da desinfecção do canal radicular frente ao preparo químico-cirúrgico por meio rotatório associado ou não a tratamento químico complementar / Assessment of the disinfection of root canals using a rotatory system associated or not to a complementary chemical treatment

Soraia Veloso Silva Santana 09 April 2008 (has links)
A desinfecção dos canais radiculares figura como constante preocupação clínica. Esta pesquisa teve a proposta de verificar o nível de desinfecção alcançado pela instrumentação mecanizada utilizando o sistema K3 em relação ao uso desse mesmo sistema associado a um tratamento químico dentinário complementar. Foram utilizados 16 caninos inferiores unirradiculares, que foram aleatoriamente divididos em dois grupos. Foram realizados 2 ensaios em dias diferentes, cada ensaio formado por 8 dentes em cada grupo. As coroas dos dentes foram cortadas e o tamanho das raízes padronizado em 15 mm. Os canais foram esvaziados com auxilio de limas tipo K de números 10 ou 15 com hipoclorito de sódio a 1% seguido de 20 mL de tiosulfato de sódio a 5%. Seguiu-se então a odontometria. Os dentes foram impermeabilizados externamente por duas camadas de cianoacrilato de etila e montados em tubos Eppendorf a expensas de adesivo epóxico. Os conjuntos (raiz + Eppendorf) foram esterilizados em autoclave por 20 min a 134 °C. Os espécimes foram inoculados com uma da suspensão correspondente à concentração bacteriana 0,5 da escala de Mc Farland (1,5 x 108 UFC). A primeira coleta microbiológica foi realizada imediatamente após o tempo de incubação para estabelecer o número de unidades formadoras de colônias. O preparo químicocirúrgico dos canais radiculares do grupo 1 foi realizado apenas por meio do sistema rotatório K3. Cones de papel absorvente esterilizados foram inseridos no canal radicular para nova coleta. Os dentes do Grupo 2 também tiveram os canais radiculares preparados com sistema rotatório K3 até a fase de irrigação-aspiração final com hipoclorito de sódio a 0,5% e EDTA-T a 17%. Após essa etapa foi realizado o tratamento químico da dentina que correspondeu à inserção de solução de hipoclorito de sódio a 1% no interior da cavidade pulpar e com uma lima tipo K de número 25 a solução foi agitada durante um minuto. Esse procedimento foi repetido 5 vezes num total de 10 mL dessa substância e somando um tempo de 10 minutos. A irrigação final foi efetuada com 10 mL de solução de hipoclorito de sódio a 0,5% seguidas de 20 mL de solução de EDTA- T a 17% (pH 7,0). Nova coleta para exame microbiológico foi realizada. Essas suspensões sofreram diluições seriadas de 10-1 a 10-7 em água peptonada antes do preparo químico-cirúrgico e de10-1 a 10-5 após o mesmo As diluições foram então semeadas em triplicata em placas contendo TSA. Após o período de 24 h de incubação as placas que apresentaram crescimento bacteriano tiveram o número de unidades formadoras de colônias (UFCs) determinado. Embora houvesse redução da população bacteriana em ambos os grupos no que se refere ao pré e pós-operatório, os resultados demonstraram que não houve diferença estatística significante entre os grupos de estudo (p>0,05). / The effective disinfection of root canals represents a constant clinical concern. This research aimed at verifying the level of disinfection achieved by mechanical instrumentation using the K3 system when compared to the associated use of the same system and a complementary chemical dentinal treatment. Sixteen singlerooted lower canines were randomly divided into two groups. Two experiments, each using 8 teeth per group, were conducted on different days. The dental crowns were sectioned and the root length was standardized to 15 mm. The canals were instrumented using #10 or 15 K-files with 1% sodium hypochlorite, followed by 5% sodium thiosulfate. The root canals were measured. The teeth were made externally impermeable by two layers of ethyl cyanoacrylate and placed in Eppendorf tubes using epoxy resin. The compounds (root + Eppendorf) were sterilized in an autoclave for 20 min at 134oC. A suspension that corresponds to the bacterial concentration of 0.5 on the McFarland scale (1.5 x 108 CFU) was inoculated onto the specimens. The first microbiological sample collection was done immediately after incubation in order to determine the number of colony-forming units. Chemical preparation of the root canals of group 1 was done using the K3 rotatory system exclusively. Sterile paper cones were inserted into the canal for a new collection. Teeth from group 2 also had their root canals prepared using the K3 rotatory system up to the phase of final irrigation with 0.5% sodium hypochlorite and 17% EDTA-T. Next, chemical dentinal treatment was done by inserting a 1% sodium hypochlorite solution into the pulp cavity and agitating for one minute with the aid of a #25 K-file. This step was repeated 5 times using a total of 10 ml of the solution for a total duration of 10 minutes. Final irrigation was done using 10 ml of 0.5% sodium hypochlorite solution followed by 20 ml of 17% EDTA-T (pH 7.0). A new collection for microbiological examination was done. These suspensions underwent serial dilutions from 10-1 to 10- 7 using peptone water before preparation and from 10-1 to 10-5 afterwards. The dilutions were then inoculated thrice onto TSA plates. After an incubation period of 24h, the number of colony-forming units (CFU) was determined for the plates which presented with bacterial growth. Although there was a reduction of the bacterial population in both experimental groups when pre and post-operative counts were compared, results demonstrated that there was no statistically significant difference between the two study groups (p>0.05).

Page generated in 0.1165 seconds