• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 11138
  • 202
  • 22
  • 17
  • 6
  • 3
  • 2
  • 2
  • 2
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 11402
  • 9996
  • 9240
  • 7559
  • 2133
  • 1591
  • 1276
  • 1139
  • 1119
  • 1108
  • 1101
  • 1038
  • 1032
  • 933
  • 900
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

A descrição estrutural de orações relativas fortemente livres e construções correlatas

Gavioli-Prestes, Cindy Mery January 2016 (has links)
Orientador : Prof. Dr. Maximiliano Guimarães / Tese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Letras. Defesa: Curitiba, 20/12/2016 / Inclui referências : f.236-244 / Resumo: Esta tese tem por objetivo apresentar uma proposta de análise para as relativas livres que dispense completamente quaisquer categorias vazias indexadas ao pronome-Q. Portanto, o que perseguimos aqui é a ideia de que as relativas livres não apenas se caracterizariam pela ausência tanto de um antecedente nominal explícito na estrutura de superfície (o que chamaremos aqui de relativas livres quanto à capacidade gerativa fraca) como de um correlato desse antecedente em outro nível de representação abstrato que seja independente da fonologia (o que chamaremos de relativas livres quanto à capacidade gerativa forte). Além disso, nosso intuito é estender essa análise para outras construções sintáticas correlatas, especificamente as orações adverbiais (OSAdv). Para isso, refinamos a análise de Gavioli-Prestes (2012) e assumimos essa proposta para as sentenças relativas que toma como base o que foi delineado em Kato & Nunes (2009) que assumem a hipótese de alçamento formulada em Kayne (1994), bem como outras reflexões apresentadas por esse autor e por Chomsky (1995). Nossa análise leva em consideração noções sintáticas como c-comando, categoria e segmento de categoria (cf. CHOMSKY, 1986), a noção do super c-comando discutida em Barrie (2006) e a múltipla atribuição de papel temático a um mesmo DP a partir de Hornstein (1999, 2001), o que nos permite analisar as relativas livres sem ter que postular a existência de uma categoria sintática abstrata, como proposto pelas análises que tomam como base Caponigro (2002). Por conta disso é que afirmamos que nossa análise aponta para as relativas que podem ser rotuladas como 'relativas fortemente livres', visto que elas não apresentam nem um antecedente nominal foneticamente realizado adjacente ao sintagma-Q nem um elemento (núcleo nulo, pro, elipse) que faça esse papel. Nossa discussão está pautada, então, no quadro teórico da teoria Gerativo-Transformacional e segue orientações tanto pré-minimalistas quanto minimalistas. Tendo esses elementos aqui postos como base, inicialmente apresentamos uma análise para relativas livres em posição de argumento verbal, como, por exemplo, em 'João conhece quem foi ao show', e, em seguida, uma para relativas livres em posição de adjunto, como aquelas encabeçadas por quando, onde e como, as quais podem ser exemplificadas pela sentença 'João nasceu onde Maria mora'. Com intuito de mostrar que esse mesmo mecanismo pode ser aplicado em outras construções, tecemos comparações entre relativa livre adjunto encabeçada pelo quando temporal e a oração subordinada adverbial com enquanto, respectivamente, e.g. 'João saiu quando Maria chegou' e 'João saiu enquanto Maria chegou'. Ao pensarmos as orações adverbiais, hipotetizamos que as conjunções presentes nelas seriam como predicados de dois lugares com variáveis a serem saturadas por constituintes que denotam uma proposição, ou seja, um elemento como o enquanto seria capaz de relacionar dois eventos em relação ao 'tempo' em que ocorreram. Esta tese pretende mostrar que nossa análise pode ser estendida a outras construções correlatas, não ficando restrita às relativas livres, bem como lançar uma proposta de investigação acerca de sentenças adverbiais que corrobore, em maior ou menor grau, a hipótese apresentada, permitindo assim uma compreensão da gramática como um todo. Palavras-chave: Relativas livres. Orações adverbiais. Adjunção. Super c-comando. / Abstract: This thesis aims to develop and present a proposal of analysis for free relative clauses, in such a way that no kind of indexation of empty categories to the wh-pronoun is needed. Therefore, what we defend here is that free relatives are not only characterized by the absence of an overt nominal antecedent for the WH-pronoun in the surface structure (what we call here free relatives according to weak generative capacity). Also free relatives would not contain any kind of abstract covert nominal element associated with the WH-pronoun at no level of abstract representation which is independent of phonology (what we call here free relatives according to strong generative capacity). Besides that, our goal is to extend this analysis to similar syntactic constructions, especially adverbial sentences (OSAdv.). To this end, we refined Gavioli-Prestes' (2012) analysis and we assumed this proposal for the relative sentences which is based on what was delineated in Kato & Nunes (2009) in terms of the raising analysis proposed by Kayne (1994), as well as other reflections put forward by these authors and by Chomsky (1995). Our analysis takes into consideration syntactic notions as c-command, category, and category segment (cf. Chomsky, 1986), the notion of super c-command (cf. Barrie, 2006), and the notion of multiple thematic role assignment to one single DP, as developed in Hornstein (1999, 2001). These considerations allow us to analyze free relative clauses without postulating the existence of an abstract head, as opposed to what has been proposed in a family of analyses based on Caponigro (2002). For this reason, we state that our analysis provides a proper treatment to relatives that can be labeled as 'strongly free relatives', since they present neither a phonetically realized antecedent adjacent to the wh-phrase nor an element (empty head, pro, ellipse) that fulfills this purpose. Our discussion is framed within the Generative-Transformational theory, making use of pre-minimalist as well as minimalist tools and notions. Given all pointed out here, we inittially present an analyze argumental free relative clauses - e.g. 'João conhece quem foi ao show' -, and, then, we analyze non-argumental free relative clauses, as those headed by when, where, and how - which can be exemplified by 'João nasceu onde Maria mora'. Intending to show that this mechanism can be applied to other constructions, we compare non-argumental free relative clause headed by the temporal elements when to those headed by while - e.g. 'João saiu quando Maria chegou' and 'João saiu enquanto Maria chegou', respectively. As for adverbial sentences, we hypothesize that the conjunctions in these sentences are two-place predicates with variables to be saturated by constituents that denote propositions, that is, an element as while could take two events and assign them the same time. This thesis, then, intends to show that our analysis can be extended from free relatives to similar constructions, thereby launching an investigation about adverbial sentences that could corroborate, to a greater or a lesser degree, a more unified approach, allowing us to conceive the whole grammar as a more compact 'minimalist' engine. Keywords: Free relative clauses. Adverbial sentences. Adjunction. Super c-command.
2

The language situation in Jamaica : a cartographic exploration of language narratives amongst creole-speaking teachers of spanish

Alcolea, María Teresa Sánchez January 2017 (has links)
Orientador : Prof. Dr. Clarissa Menezes Jordão / Tese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Letras. Defesa: Curitiba, 22/06/2017 / Inclui referências : f.187-195 / Resumo: Jamaica, uma das Antilhas Maiores do Caribe, compartilha com outras ilhas da região uma história de colonização, imigração e encontro de culturas que tem resultado na criação de uma cultura diversa e uma língua crioula. Como fenômeno integrador de cultura e história na sociedade, o crioulo jamaicano gera interesses múltiplos, segundo mostram a diversidade de estudos sobre essa língua e as diferentes questões de pesquisa em campos acadêmicos diversos, incluindo a linguística, a educação, a sociologia, a filosofia, entre outros. Seguindo um método cartográfico apoiado com o fundamento teórico da uma análise rizomática (Deleuze e GUATTARI, 1978), a tese apresenta um estudo panorâmico sobre o crioulo jamaicano, visando encontrar pontos de encontro entre a visão rizomática proposta para entender o desenvolvimento da língua jamaicana e os dados gerados a partir de entrevistas com os professores participantes. A tese discute aspectos diversos relacionados com a língua crioula jamaicana e apresenta uma interpretação de narrativas baseada nas percepções e concepções de língua prevalentes entre professores de espanhol como língua estrangeira na ilha. Estes professores compartilham com a autora interesses profissionais, especificamente por serem professores de línguas, o que aporta uma perspectiva diferente, dado que, ao considerar os assuntos das línguas, tanto os participantes quanto a autora estão incluindo pontos de vista que incluem a língua como um produto sociohistórico de amplo uso social e a língua como objeto de ensino. As narrativas interpretadas, portanto, incluem as experiências e ângulos pessoais de professores falantes nativos do crioulo jamaicano que têm informação de primeira mão sobre a realidade social dessa língua e sobre o seu impacto sobre a língua estrangeira que eles ensinam (espanhol). Consequentemente, a pesquisa sobre as narrativas compartilhadas e pessoais dos professores participantes mostra visões nascidas das experiências profissionais como professores de língua, e das suas próprias vidas dentro do contexto jamaicano. Conduzido entre professores jamaicanos que trabalham no contexto de educação secundária na Jamaica, o estudo conduz à interpretação de que esses participantes compartilham narrativas que têm a ver com a sua vida profissional e social, segundo há sido inferido de observações nas escolas, dos seus critérios e ideias nas entrevistas e conversas. Igualmente, a tese apresenta uma interpretação dos pontos de encontro entre as narrativas dos participantes com aquelas encontradas em publicações da mídia, as redes sociais, e conversas com pessoas proeminentes da sociedade jamaicana. O fato de não ser falante do crioulo jamaicano colocou à pesquisadora no papel de "outsider". No entanto, esse papel contribuiu para enriquecer o processo devido à experiência profissional e pessoal da autora como professora de espanhol e moradora da Jamaica há mais de 20 anos. Essa informação e vivências tem contribuído no desenvolvimento da própria narrativa da autora e conformaram uma outra perspectiva possível para interpretar o rico contexto jamaicano e as suas contradições lógicas. Palavras-chave: Crioulo. Rizoma. Crioulização. Descrioulização. Transcrioulização. Ensino. Espanhol. Jamaica. Narrativa. Percepções. Concepções de Língua. Cartografia / Abstract: Jamaica, one of the largest islands in the Caribbean, shares a history of colonization, immigration and culture convergence with other islands in the region, which has resulted in the creation of a diverse culture and a Creole language. As a phenomenon of sociocultural and sociohistorical integration, Jamaican Creole generates multiple interests; as shown by the diversity of language studies and the various research interests in several academic fields, including Linguistics, Education, Sociology, Philosophy, among others. Based on a cartographic approach, as proposed in DELEUZE & GUATTARI (1978) the thesis discusses various aspects pertaining to the language situation in Jamaica, especially the matter of Jamaican Creole, and presents an interpretation of narratives based on the language perceptions and conceptions prevailing amongst teachers of Spanish as a foreign language in the island. The thesis presents a discussion on various aspects pertaining to Jamaican Creole and an interpretation of participant's narratives about such situation, based on a study of the most prevalent language conceptions and perceptions found in this particular group composed of Jamaican Creole speakers involved in the teaching of Spanish in the island. The participating teachers and the author share common professional interests due to the fact that, being language teachers, they bring forth a different perspective to the discussion and analysis of language matters, particularly in connection with the socio-historical nature of languages and their use in education. The narratives interpreted, therefore, include the experiences and personal angles of teachers, who are native speakers of Jamaican Creole and who also have first-hand information about the social reality of that language, as well as its impact on the foreign language they teach (Spanish). Consequently, the research delved on the shared and personal narratives of language professionals, as views emerging from their personal and professional experiences within the context of Jamaica. After presenting a panoramic study of the language situation in Jamaica, based on a rhizomatic view of language development, the thesis discusses the data generated from interviews and unstructured conversations with Secondary Education Spanish teachers, most of whom are operating within a sociolinguistic context characterized by the presence of two languages: English (the official language of education) and Creole (the popular language). The study leads to the interpretation that these participants share narratives that involve their professional and social lives, as inferred from observations at their work spaces, their criteria and the ideas presented during interviews and conversations. Furthermore, the thesis presents an interpretation of connecting points between participant's narratives and those found in media publications, social network debates, and conversations with prominent Jamaicans. The fact of not being a Jamaican Creole speaker puts the researcher in a role of an "outsider". However, such role contributed to enrich the process due to the professional and personal experience of the author as a Spanish teacher and resident of Jamaica for more than 20 years. The sharing of information and experiences have contributed in the development of her own narrative and has brought forth yet another perspective to interpret the rich and multiple Jamaican context and its logical contradictions. Keywords: Creole. Rhizome. Creolization. Decreolization. Transcreolization. Teaching. Spanish. Jamaica. Narrative. Perceptions. Conceptions of language. Cartography / Resumen: Jamaica, una Antillas Mayores, comparte con otras islas del Caribe una historia de colonización, inmigración y encuentro de culturas que ha dado lugar a la creación de una cultura diversa y una lengua criolla. Como fenómeno integrador de cultura e historia en la sociedad, el criollo jamaicano genera múltiples intereses, según muestra la diversidad de estudios sobre el lenguaje y los distintos problemas de investigación en varios campos académicos, incluyendo la educación, la sociología, la lingüística, la filosofía, entre otros. Siguiendo un método cartográfico, basado en el fundamento teórico que ofrece el análisis rizomático (DELEUZE y GUATTARI, 1978), la tesis presenta un estudio panorámico sobre el criollo jamaicano, que tiene por objetivo encontrar y analizar puntos comunes entre la visión rizomática que se propone, para analizar el desarrollo del lenguaje jamaiquino, y los datos generados a partir de entrevistas con los profesores participantes. La tesis analiza diversos aspectos relacionados con la lengua criolla de Jamaica y presenta una interpretación de narrativas, en base a algunas percepciones y concepciones de lenguaje que existen entre los profesores de español participantes. Estos docentes comparten intereses profesionales con la autora, específicamente por el hecho de ser profesores de lenguas extranjeras. Tal hecho genera una perspectiva diferente, dado que, tanto los participantes como la autora aportan puntos de vistas que consideran aspectos del lenguaje como un producto sociohistórico de amplio uso social, incluyendo la educación. Las narrativas interpretadas, por tanto, incluyen experiencias y ángulos personales de profesores que son hablantes de criollo jamaicano, por lo que tienen información de primera mano sobre la realidad social de ese idioma y su impacto en la lengua extranjera que imparten (español). En consecuencia, la investigación sobre narrativas compartidas y personales de los profesores participantes muestra visiones relacionadas con las experiencias profesionales y de vivencia de los participantes dentro del contexto jamaicano. Sus experiencias y puntos de vista han conducido a una interpretación de narrativas, apoyada no solamente en los criterios e ideas presentados en las entrevistas, sino también en observaciones cartográficas del entorne característicos de sus escuelas. Al mismo tiempo, la tesis presenta una interpretación de los puntos de encuentro entre las narrativas de los participantes y las emergentes de publicaciones de los medios, redes sociales y conversaciones con personalidades de la sociedad jamaicana. El hecho de no ser hablante de criollo jamaicano puso a la autora en un rol de "outsider". Sin embargo, esa función contribuyó a enriquecer el proceso debido a su experiencia personal y profesional como profesora de español y residente de Jamaica durante más de 20 años. Esta información y experiencia ha contribuido en el desarrollo de su propia narrativa, a la vez que aporta otra perspectiva posible para interpretar el rico y múltiple contexto jamaicano y sus contradicciones lógicas. Palabras clave: Criollo. Rizoma. Criollización. Descriollización. Transcriollización. Enseñanza. Español. Jamaica. Narrativa. Percepciones. Concepciones de lenguaje. Cartografía. / Di Driff: Jamaica a wanna di biggess ailan inna di Caribbean an dem an di adda ailan dem inna di region ave di same istry a colonization an immigration, an dem copy tings from deh wanna nedda. A succum dem kultcha become suh mix up mix up, an a it mek dem ave patwa as a langwidge. Patwa great inna most people eye wen yuh considda di social an cultural fakta plus di social an istorical side a tings as well. Everybody interestid inna Patwa an yuh cyan si dat because a nuff study dem duh pan it, people weh interestid inna langwidge, Education, peeple weh study society, knowlidge an life an nuff more tings, study patwa. DELEUZE & GUATTARI (1978) suggess wan way fi duh research weh name cartography, i basically mean seh yaahgo map tings out, a it deh study yah use fi pree di langwidge situation inna Jamaica, exprecially Patwa, an di study explain certain tings base pa'how di Jamaican teecha dem weh teech Spanish feel bout Patwa. Deh study yah discuss wol heep a tings bout Patwa an it show yuh a meds bout how di participants dem feel bout it, an di study show yuh dem ting yah base pan di most common feelins weh dis particular group have wen i come to Patwa. An yuh dun know seh is a group a Jamaican Patwa-tawking teecha weh teech Spanish rait a yaad yah. Di teecha dem an di summady weh duh deh study yah have nuff tings in common wen yaah talk bout dem job because di wol a dem a teecha an dat a lone mean she dem kinda bring a different meds to di wol langwidge ting, exprecially if yaah tawk bout di social and history side a langwidge and how yuh use dem wen yaah deal wid tings fi duh wid education. From yuh hear dat yuh dun know seh anyting wi tell yuh, wi tell yuh base offa weh di teecha dem seh base pan dem own experience and feelins bout di matta. Plus, yuh know seh dem a Jamaican teecha weh tawk patwa from dem baan suh dem know firs han how peeple really treat pawta, plus dem know how it affeck tings wen dem a teech wan foreign langwidge like Spanish. Aarait, suh, di study use weh di teecha dem seh (buot weh di wol a dem agree pan an weh each a dem seh fi demself) fi get to di meet a di matta. After wi lay out everyting clear clear bout di langwidge situation inna Jamaica, base offa wan view weh dem use fi study how langwidge cum about weh dem call rhizomatic, weh mean seh langwidge can develop from different roots an levels, deh study yah discuss di response dem weh wi get from di interview dem an di conversation dem weh wi ave wid di teecha dem weh teech Spanish inna di high school dem. Most a dem deh teecha deh come from wan settings weh a two langwidge di people dem tawk, wan a Inglish, di wan weh dem use inna di skool dem, and di adda wan a Patwa, di wan weh almost all a people dem tawk. Di study lead up to wan andastandin seh di wol a di participant dem have similar experience, buot inna dem workplace an inna dem home an community surroundin, an wi realize dis base offa weh dem seh inna di interview dem an wen wi tawk to dem. Not ongle dat, but di study lead to wan andastandin of how weh di participants dem seh conneck wid weh dem always seh pan tv, an pan social media an weh sum a di big shot people dem always seh. Di fack seh di person weh a duh deh study ere nuh tawk Patwa mean seh yuh can basically call di person wan "outsaida". But di fack seh di person a wan outsaida add supm to di wol experience because of di professional an personal experience weh di person ave, because shi teech Spanish inna Jamaica an live deh fi ova 20 years. Because shi share infamation an experience wid di participants dem shi andastan di wol Pawta ting even betta now an can explain di nitty gritty a it much betta. Key word dem: Patwa. Rhizome. Creolization. Decreolization. Transcreolization. Teaching. Spanish. Jamaica. Di way people si tings. Feelins bout tings. How peeple si di langwidge. Mappin Out
3

A aquisição do artigo em inglês como segunda língua por falantes nativos de português brasileiro

Luchesa, Marta Matilde January 2017 (has links)
Orientadora : Profª. Drª Patrícia Rodrigues / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Letras. Defesa: Curitiba, 21/08/2017 / Inclui referências : f. 83-86 / Resumo: Essa dissertação apoia-se no trabalho de Ionin et al (2004, 2008), que testam a Hipótese de Flutuação, na qual falantes de segunda língua (L2) cuja língua materna (L1) não tenha artigos oscilam entre dois valores paramétricos: definitude ou especificidade. O principal objetivo foi aferir se a transferência das estruturas da língua materna se sobreporá em relação à flutuação dos traços definidos ou específicos no processo aquisição de inglês como L2 por falantes cuja língua materna é o português brasileiro e, havendo evidências de flutuação, verificar se os diferentes níveis de aquisição terão influência nesse processo. Dessa forma, esse trabalho visa à corroboração dos estudos de Mayo (2009), que testou adquirentes de inglês como L2 cuja língua materna é o espanhol L1, duas línguas que apresentam artigos em seu sistema, a hipótese é que a transferência de propriedades de L1 se sobreporá à flutuação entre a escolha dos traços [±definidos] e [±específicos], pois o PB, como o inglês, codifica a definitude e não a especificidade. O resultado da pesquisa aponta a transferência como fonte de recurso para a aquisição dos artigos, no entanto dentre os 90 sujeitos da pesquisa, 19 sujeitos apresentaram um número significativo de erros. Verificou-se também, como levantado na hipótese de pesquisa, que provavelmente o nível de proficiência em língua inglesa dos sujeitos interfere nesse processo, os sujeitos com um nível mais baixo de proficiência em língua inglesa foram os que apresentaram o maior número de erros. Sendo necessário um estudo mais abrangente para testar essa hipótese. Palavras-chave: Aquisição de L2. Artigos. Hipótese de Flutuação. Gramática Universal. / Abstract: This dissertation is based on the work of Ionin et al (2004, 2008), who tested the Fluctuation Hypothesis, in which second language speakers (L2) whose mother tongue (L1) does not have articles oscillate between two parametric values: definiteness or specificity. The main objective was to verify if the transference of the mother tongue structures will overlap in relation to the fluctuation of the definiteness or specificity features in the acquisition of English as L2 by speakers whose mother tongue is Brazilian Portuguese (PB) and if there have been evidences of fluctuation verify if the different levels will have an influence on this process. In this way, this work aims to corroborate the studies of Mayo (2009), which tested English acquirers as L2 whose mother tongue is Spanish L1, two languages that present articles in their system. The hypothesis is that the transfer of L1 properties will overlap the fluctuation between the choice [± defined] and [± specific] traces, since PB, like English, encodes the definite rather than the specificity. The research results point to the transfer as a source for the acquisition of articles, however, among the 90 subjects, 19 subjects presented a significant number of errors. It was also verified, as it was raised in the research hypothesis that probably the subjects level of proficiency in English interferes in this process, being the subjects with a lower level in English language those who presented more errors. A more comprehensive study is needed to test this hypothesis. Keywords: Acquisition of L2. Articles. Fluctuation. Hypothesis. Grammar.
4

A condição de estrangeira e a escrita de si em Transplante de menina, de Tatiana Belinky

Vargas, Simone Luciano January 2017 (has links)
Orientadora : Prof. Drª Isabel Cristina Jasinski / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Letras. Defesa: Curitiba, 23/03/2017 / Inclui referências : f. 137-145 / Resumo: O presente estudo se refere à autobiografia Transplante de menina, de Tatiana Belinky. A partir de suas memórias, Belinky apresentou sua infância na Letônia e discorreu sobre sua condição de estrangeira no Brasil. O estudo pretende refletir sobre a condição de estrangeira da escritora no processo de integração a uma nova cultura e sobre os conflitos nas relações sociais que contradizem a hospitalidade brasileira. A perspectiva que permeou a análise foi compreender a autobiografia como um objeto estético que faz uma apreciação crítica dessa condição, não sendo apenas um relato. Para embasar as reflexões, as teorias sobre memória e os estudos culturais contribuíram para a análise. Foi nas experiências vivenciadas na infância que Belinky buscou inspiração para a escrita de si, por isso se analisa o papel da recordação na ressignificação das experiências como criança/pré-adolescente estrangeira, a partir do ponto de vista da mulher idosa, integrada plenamente à cultura brasileira. Dessa maneira, apresentam-se várias tatianas que transcendem o "eu" empírico pela escrita, o que revela também que a identidade não é algo coeso, mas fragmentado. Dessa forma três pontos fundamentais são analisados: a escrita de si, a condição de estrangeiro e os espaços, com seus desdobramentos simbólicos. Palavras-chave: Escrita de si. Condição de estrangeiro. Autobiografia. Memória. Imigração. / Résumé: Cette étude présente l'analyse de l'autobiographie Transplante de menina, de l'écrivaine Tatiana Belinky. En ses mémoires, Belinky évoque son enfance en Lettonie et réfléchit à sa condition d'étrangère au Brésil. Cette étude vise à analyser la condition d'étranger qui cherche l'intégration dans le pays qui l'accueille et, par conséquence, dans une nouvelle culture. Un autre sujet de discussion concerne les conflits dans les relations sociales qui contredisent l'hospitalité brésilienne. Pour soutenir les réflexions, les théories sur la mémoire et les études culturelles ont contribué à l'analyse. C'est à partir de ses souvenirs d'enfance que Belinky a recherché l'inspiration pour l'écriture de soi. De cette manière, il est important d'analyser le rôle que la mémoire représente dans la reconstruction de ses expériences d'enfance à partir du point de vue de la femme âgée, intégrée à la culture brésilienne. Dans l'autobiographie, il y a plusieurs tatianas qui dépassent le " moi " empirique, ce qui révèle également que l'identité n'est pas quelque chose d'homogène, mais de fragmenté. De ce fait, trois points fondamentaux sont analysés : l'écriture de soi, la condition d'étranger et les espaces d'écriture. Mots-clés : Écriture de soi. Condition d'étranger. Autobiographie. Mémoire. Immigration.
5

De prostituta a escritora : considerações sobre a participação das mulheres na geração beat a partir das memórias de Bonnie Bremser

Gazola, Marina Bertani January 2017 (has links)
Orientador : Prof. Dr. Rodrigo Tadeu Gonçalves / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Letras. Defesa: Curitiba, 18/08/2017 / Inclui referências : f. 173-175 / Resumo: A Geração Beat surgiu no final dos anos 1950 como movimento de contracultura a fim de questionar os valores políticos e sociais da época. Seus precursores - Jack Kerouac, Allen Ginsberg e William Burroughs - são até hoje estudados e traduzidos. Eles são os responsáveis pela propagação da vida em comunidade, do sexo sem compromisso e acima de tudo, de textos literários que questionavam a sociedade pós-guerra. Apesar de seu discurso voltado para a liberdade de expressão, os reflexos da sociedade tradicional e opressora em que viviam estavam presentes nas suas comunidades, pois as mulheres que escolhiam percorrer a estrada com os homens Beat se deparavam com os mesmos papeis sociais desempenhados por elas na sociedade tradicional. As mulheres escolheram participar do movimento Beat por se identificarem com os ideais desse movimento, contudo, esperava-se que elas ficassem nas comunidades cuidando dos afazeres domésticos. Contrariando essas expectativas, as mulheres Beat começaram a escrever textos que criticavam essa sociedade e narravam como era ser mulher, mãe, esposa e escritora em uma geração marcada por produções literárias masculinas. As escritoras da segunda onda da Geração Beat optaram por narrar suas histórias por meio de memórias, pois esse gênero mescla ficção e não-ficção. Entre essas escritoras está Brenda Frazer, que após casar-se com o poeta Beat Ray Bremser passa a se chamar Bonnie Bremser e foge com ele e com a filha Rachel para o México porque Ray era procurado pela polícia. O livro de memórias de Bonnie - Troia. Mexican Memoirs- narra o ano em que ela e sua família ficaram no México. Como Ray era procurado pela polícia, Bonnie precisa prostituir-se para conseguir sustentar sua família. Enquanto narra suas memórias, Bonnie (re)escreve o discurso doméstico presente nos textos Beat. Ela demonstra como a maternidade interfere na vida das mulheres que estão na estrada e como a sexualidade permitiu que ela encontrasse autonomia sobre seu corpo e sua escrita. Essa dissertação objetiva contribuir para a propagação dos estudos sobre a Geração Beat a partir da análise e da tradução do primeiro capítulo do livro de memórias de Bonnie Bremser/Brenda Frazer Troia. Mexican Memoirs visando o rompimento do silenciamento enfrentado pelas mulheres, desde a Geração Beat até os dias de hoje. Assim, o primeiro capítulo/livro das memórias de Bonnie foi traduzido e analisado a partir do discurso doméstico. No decorrer do processo de tradução das memórias de Bonnie foram encontradas muitas dificuldades, principalmente com a tradução da oralidade presente na obra. Estudos sobre a participação das mulheres na produção literária Beat se fazem necessários, pois elas demonstram através do seu olhar as características dessa geração. Traduzir e estudar suas produções literárias permite que as suas histórias cheguem até os países de língua portuguesa e continuem inspirando as mulheres. Palavras-chave: Geração Beat. Escritoras. Memórias. Bonnie Bremser. Tradução. / Abstract: The Beat Generation emerged at the end of the 1950s as a counterculture movement aiming at questioning political and social values of that time. The precursors of this movement - Jack Kerouac, Allen Ginsberg and William Burroughs - have been studied and translated until today. They are the ones who are responsible for community life propagation as well as free love and above all, literary texts that question the post-war society. Although the Beat discourse was directed to freedom of expression, the reflections of traditional and oppressing society in which they were living are present in their communities because women who chose to go through the road with Beat men faced the same social roles performed by them in the traditional society. Women chose to participate in the Beat movement for their identification with the ideals of the movement; however, it was expected that they stayed in the communities taking care of the domestic issues. Contradicting these expectations, Beat women started to write texts that criticized this society and narrated how it was like to be woman, mother, wife and writer in a generation marked by male literary productions. The second Beat women writers chose to narrate their stories through their memories because this genre blends fiction and non-fiction. Bonnie Bremser is among these writers. After getting married to the Beat poet Ray Bremser, she changes her name to Bonnie Bremser and runs away with him and their daughter Rachel to Mexico because Ray was being chased by the police. Bonnie's memoirs - Troia. Mexican Memoirs - narrates the year in which she and her family stayed in Mexico. As Ray was being chased by the police, Bonnie needed to get into prostitution to support her family. While she narrates her memories, Bonnie (re)writes the domestic discourse present in Beat texts. She demonstrates how maternity interferes in the lives of women who are on the road and how that allowed her to find autonomy with her body and her writing. This dissertation aims at contributing in the propagation of Beat Generation studies from the analysis and the translation of the first book of Bonnie Bremser/Brenda Frazer's memoir Troia. Mexican Memoirs aiming at the disruption of the silencing faced by women since the Beat Generation until today. Therefore, the first book of Bonnie's memories was translated and analysed with a focus on domestic discourse. During the translation process of Bonnie's memories, some difficulties were found, mainly with the translation of the work's orality. Studies about the women participation in the Beat literary production are necessary because they demonstrate through their view the characteristics of this generation. Translating and studying their literary production allows for their stories to reach Portuguese-speaking countries and keep inspiring women. Keywords: Beat Generation. Women writers. Memoirs. Bonnie Bremser. Translation.
6

The effect of L2 writing instruction on L1 writing among children

Palma, Candida Regina January 2017 (has links)
Orientador : Prof. Dr. Ronald Martinez / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Letras. Defesa: Curitiba, 26/06/2017 / Inclui referências : f. 74-81 / Resumo: Este estudo teve como objetivo suprir a falta de evidencias cientificas sobre a transferência linguística bilateral (ou seja, entre L1 e L2) na escrita. Especificamente, a presente pesquisa se propôs a investigar se o ensino de escrita em L2 inglês exerce algum efeito sobre a escrita em L1 de crianças falantes da língua portuguesa brasileira. Um modelo de métodos mistos foi escolhido para explorar o fenômeno longitudinalmente. Os participantes foram crianças de 11 e 12 anos (n = 7) matriculadas em um programa de educação bilíngue em Curitiba, Brasil. O estudo compreendeu uma intervenção com duração de 3 meses e a coleta de amostras de textos em ambas as línguas, incluindo pré-teste, pós-teste e pós-teste postergardo. Os participantes receberam instrução de composição de texto focando no gênero panfleto e tema redução do lixo, com aulas interdisciplinares, multimídia e praticas (hands-on). As amostras de escrita em L2 passaram pelas etapas do processo de escrita (por exemplo, planejamento, elaboração, revisão, etc.). Em contraste, as amostras em L1 foram rascunhos únicos sobre os mesmos tópicos que em L2, mas sempre coletados pelo menos uma semana depois, por uma professora diferente, redigido em uma sala separada e sem instruções especificas, permitindo assim, tanto quanto possível, que a produção escrita em L1 mostrasse efeitos latentes do desenvolvimento da escrita em L2. A pesquisadora e uma segunda avaliadora atribuíram notas aos textos dos participantes com base nos elementos significado, gênero, estrutura, detalhe, voz e convenção. Os dados revelam que, por mais idiossincrático que possa ser o desenvolvimento da escrita, e apesar das diferenças individuais entre os participantes, o progresso foi espelhado tanto no desenvolvimento da escrita em L1 como na L2. As correlações de Pearson revelam uma associação particularmente forte entre o desenvolvimento de genro L2-L1, com efeitos duradouros mesmo apos o período de intervenção. Assim, os resultados compostos conduzem a rejeição da hipótese nula e sugerem que a transferência linguística da L2 a L1 ocorreu como resultado da intervenção. No que diz respeito as implicações praticas da pesquisa, os participantes relataram ter aprendido (mais) sobre o conteúdo curricular envolvido no estudo, o que sugere que a natureza interdisciplinar do modelo de instrução de escrita oferecida aos participantes também poderia ser benéfico no apoio a outras disciplinas escolares. Palavras-chave: Escrita. Ensino de língua inglesa. Transferência linguística. Multicompetência. Biletramento. CLIL. Educação bilíngue. / Abstract: This study aimed to address the lack of research evidence on how crosslinguistic transfer in writing occurs bilaterally (i.e. L1 and L2). Specifically, the current research aimed to tackle the question of whether writing instruction in L2 English has any effect on the L1 writing of Portuguese native-speaking children. A mixed methods design was chosen to explore the phenomena longitudinally. The participants were 11 and 12-year-old children (n=7) enrolled in a bilingual education program in Curitiba, Brazil. The study comprised a 3- month writing intervention and the collection of writing samples in both languages, including pre-test, post-test and delayed post-test. Participants received writing instruction focusing on the genre of brochure writing and the theme of waste reduction, with classes being interdisciplinary, multimedia and hands-on. The L2 writing samples underwent the stages of the pedagogical writing process (e.g. planning, drafting, revising, etc.). By contrast, the L1 samples were single drafts about the same topics as in L2, yet always collected at least a week later, by a different teacher, written in a separate classroom and with no specific instruction so as to, as much as possible, allow the L1 written production to show independent latent effects of the L2 writing development. The researcher and a second rater scored the participants' written work on meaning, genre, structure, detail, voice and convention. The data reveal that, however idiosyncratic writing development may be, and despite individual differences among the participants, the overall shape of the improvement was mirrored in both L1 and L2 writing performance. Pearson correlations reveal a particularly strong association between L2-L1 genre development, with effects enduring even past the intervention period. The composite results would thus allow for the rejection of the null hypothesis and suggest that L2 L1 crosslinguistic transfer did occur as a result of the intervention. Concerning practical implications of the research, participants reported having learned (more) about the subject-specific content involved in the study, which would suggest that the interdisciplinary nature of the writing instruction model provided to the participants could also be beneficial in supporting other subject areas across the school curriculum. Keywords: Writing. English Language Teaching. Crosslinguistic Transfer. Multicompetence. Biliteracy. CLIL. Bilingual education.
7

A evolução da linguagem de uma perspectiva internalista

Mesquita, Fabio January 2017 (has links)
Orientador : Prof. José Borges Neto / Tese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Letras. Defesa: Curitiba, 30/06/2017 / Inclui referências : f.153-159 / Resumo: Algumas das questões levantadas neste trabalho são daquele tipo que uma criança poderia perguntar e não obter uma resposta convincente nem mesmo de especialistas. Por que só os humanos falam? O quanto alguns animais podem entender quando dirigimos uma sentença a eles? A investigação dessas perguntas, dentro da área de pesquisa científica interdisciplinar que pode ser chamada de evolução e origem da linguagem, frequentemente oscila entre objetos teóricos muito distintos. Muitas vezes, a causa destas divergências é o fato de que os autores estão assumindo diferentes concepções de linguagem. O presente trabalho propõe uma dicotomia que divide essas concepções sob duas categorias: uma internalista e outra externalista. A primeira, que será analisada mais a fundo, é caracterizada pela busca por uma "linguagem interna", ou seja, aquela que pode ser descrita sob a forma de estados e algoritmos mentais que permitiriam a externalização fonológica ou gestual que enxergamos quando alguém produz sentenças. É justamente essa linguagem externa o objeto de investigação próprio da concepção externalista, ou seja, trata-se da grande maioria dos estudos que já foram produzidos durante milênios sobre linguagem e comunicação humana. Essa dicotomia não deve ser encarada como "camisas" que times de pesquisadores vestiriam, mas sim como um par de lentes que ajuda a enxergar certos estranhamentos causados por algumas afirmações teóricas. Por exemplo, quando um pesquisador propõe que a linguagem pode ter emergido há aproximadamente 50 mil anos, ou seja, somente após o surgimento dos primeiros humanos anatomicamente modernos, e outro pesquisador retruca dizendo que ela pode ter surgido entre hominídeos muito mais antigos, há mais de um milhão de anos, a primeira coisa a fazer é verificar se essas pessoas não estariam discordando sobre qual traço fenotípico teria evoluído, embora ambas o estejam chamando de linguagem. Palavras-chaves: evolução da linguagem. origem da linguagem. controvérsia científica. / Abstract: Some questions raised here are of the kind a child could ask and not obtain convincing answers even from specialists. Why do only humans speak? How much some animals can understand when we address them a sentence? The investigation of these questions, within the interdisciplinary research area that can be called origins and evolution of language, often range among very different theoretical objects. Many times, divergence is caused by the fact that authors are assuming different conceptions of language. I propose a dicothomous distinction between an internalist and an externalist conception of language. The first one, which is examined more deeply, can be characterized by a search for an "internal language", which can be described by formalized mental states and alghotitms. This internal language would permit the phonological or gestual externalization we see when someone produces a sentence. It is precisely this external language the object of the investigation based on the externalist conception, which represents the vast majority of studies about language and communication that have been made through millenia. This dichotomy should not be regarded as "uniforms" that research teams would wear, but rather as a pair of lenses for visualizing supposedly inexplicable interpretations caused by theoretical claims. For instance, when some author proposes that language might have emerged approximately 50 thousand years ago, that is, only after anatomically modern humans have appeared, and another author refutes this claim saying that language could only have originated among much older hominids, about, let's say, one million years ago, the first thing to consider is whether these people agree on which trait would have evolved, although both could be calling it language. Key-words: evolution of language. origins of language. scientific controversy.
8

A queda da casa patriarcal : uma análise das personagens femininas da obra A menina morta de Cornélio Penna

Szabô, Gabriela January 2013 (has links)
Orientador : Luis G. Bueno de Camargo / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Letras. Defesa: Curitiba, 19/12/2013 / Inclui referências / Área de concentração: Literatura / Resumo: Nessa pesquisa pretendemos estudar a representação da mulher na obra Menina Morta de Cornélio Penna. Autor de quatro romances: Fronteira (1935), Dois Romances de Nico Horta (1939), Repouso (1948), Menina Morta (1954). Nessas obras o autor analisa o mundo dos personagens que habitam a região do Vale do Paraíba, em fazendas de produção de café e antigas mineradoras, durante o Segundo Império. Na obra que será objeto de nosso estudo, A Menina Morta, a ação se desenrola numa fazenda em Porto Novo, lugar isolado por montanhas, numa região degradada pela ação do homem. As pessoas, isoladas em si mesmas, desgastadas pelo cotidiano pesado e monótono, parecem almas que habitam uma casa fantasmagórica. Negros e brancos sentem o peso da solidão e da angústia, lamentosos por perder o único sopro de vida, o único elo entre a casa grande e a senzala: a menina morta. Nessa pesquisa pretendemos analisar como o universo feminino está inserido nesse ambiente. Cornélio Penna é elogiado pelos críticos pela minúcia com que explora a mente feminina. A casa grande é predominantemente um universo feminino e o autor representa com detalhes e complexidade a hierarquia de poder que há entre as mulheres desse ambiente. Palavras-chave: Mulher; Família patriarcal; Estética e Social e Crítica literária. / Abstract: In this research we want to study the representation of women in the work of Cornelio Penna, "A Menina Morta". Author of four novels: "Fronteira" (1935) , "Dois Romances de Nico Horta" ( 1939), "Repouso" (1948 ), A Menina Morta"(1954 ). In these works the author examines the world of the characters who inhabit the region of Vale do Paraíba, on farms of coffee production and old mines during the Second Empire. In the work that will be the object of our study, "A Menina Morta", the action takes place on a farm in Porto Novo, secluded by mountains , a degraded by human region. People, isolated in themselves , worn by the heavy and monotonous routine, seem souls who inhabit a ghostly house. Blacks and whites feel the weight of loneliness and anguish, wailing about losing the only breath of life, the only link between the big house and the slave quarters: the dead girl. In this research we aim to analyze how the female universe is inserted in this environment. Cornelio Penna is praised by critics for the thoroughness with which explores the female mind. The big house is predominantly a female universe and the author with details and complexity is the hierarchy of power that exists between women that environment. Keywords : Women; patriarchal family; Aesthetics and Social and Literature review. .
9

Produção e percepção da qualidade de voz em português e inglês por brasileiros bilíngues

Engelbert, Ana Paula Petriu Ferreira January 2015 (has links)
Orientadora : Profª Drª Adelaide Hercília Pescatori Silva / Co-orientadora : Profª Drª Jody Kreiman / Tese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Letras. Defesa: Curitiba, 09/04/2015 / Inclui referências / Área de concentração: Estudos linguísticos / Resumo: A qualidade de voz resulta da modulação dos articuladores do trato vocal e da configuração laríngea, produzindo um efeito de longo-termo na produção e percepção da fala. Bilíngues ou multilíngues podem alterar a qualidade de voz quando falam línguas diferentes, ou combinar qualidades das línguas que falam, conforme estudos na área. A motivação para tal alteração pode estar relacionada à personalidade, estado emocional e atitude do falante para com a L2 em questão. O presente estudo investiga a produção da voz e a percepção de sua qualidade em português brasileiro (PB) e inglês (IN) por falantes e ouvintes bilíngues brasileiros. Assim, os objetivos principais deste trabalho são: (a) descrever e comparar a produção de falantes brasileiros bilíngues em emissões no PB e no IN no que concerne às características vocais descritas por medidas acústicas; (b) examinar a percepção de qualidade de voz em PB e em IN de um mesmo falante por ouvintes leigos, também bilíngues; (c) averiguar possíveis relações entre as medidas acústicas de produção da voz e os julgamentos de percepção da qualidade de voz. Para atingir tais objetivos, foram realizados um experimento de produção e um de percepção. O experimento de produção consistiu na gravação de emissões em PB e em IN em tarefas de leitura de frases-veículo e de textos, bem como amostras em fala semiespontânea. Participaram desse experimento 16 brasileiros falantes nativos de PB e de IN como L2. As medidas acústicas utilizadas foram H1*-H2*, H2*-H4*, H4*-2kHz, 2kHz-5kHz, razão alfa, D0225kHz, D2558kHz, e média e extensão de f0. Os resultados mostram diferenças estatisticamente significativas entre médias e extensão de f0 entre as línguas, bem como entre medidas de declínio espectral entre línguas e tarefas. O experimento de percepção consistiu na tarefa de discriminação entre emissões de fala em PB e em IN de um mesmo falante por outros 14 paricipantes bilíngues que não tinham experiência em avaliação de vozes. Foi investigado se esses ouvintes leigos percebiam possíveis diferenças de qualidade vocal entre as línguas, como eles quantificavam e como descreviam essas diferenças. A partir dos resultados dos dois experimentos, foram rodados testes estatísticos para verificar uma possível correlação entre diferenças de produção da voz e a percepção dessas diferenças pelos ouvintes leigos. De maneira geral, os ouvintes perceberam algumas diferenças entre as emissões em IN em relação ao PB e houve correlações entre os julgamentos perceptuais e as medidas acústicas realizadas nos dados de produção. Palavras-chave: qualidade de voz; fala bilíngue; análise acústica. / Abstract: Voice quality results from the modulation of vocal tract articulators and laryngeal activity and produces a long-term effect in speech production and perception. Bilingual or multilingual speakers can alter voice quality when speaking different languages or even combine aspects from the languages they speak, according to eveidences shown in research in the field. This change is usually related to the speaker's personality, emotional state and attitude towards the L2 and their speakers. Thus, the present study aims at investigating voice production and the perception of its quality in Brazilian Portuguese (BP) and English (EN) by Brazilian bilingual speakers and listeners. Thus, our aims were: (a) describe and compare Brazilian bilinguals' voice production in BP and EN through acoustic measures; (b) test Brazilian naïve listeners' perception of voice quality in same speaker/different language samples; (c) check for correlations between results from production and perception of voice quality. In order to achieve such goals, production and perception experiments were designed. The production experiment consisted of the recordings of reading and semi-spontaneous tasks in BP and EN. Sixteen Brazilian bilinguals participated in this experiment. The acoustic measures used to analyze production data were H1*-H2*, H2*-H4*, H4*-2kHz, 2kHz-5kHz, alpha ratio, D0225kHz, D2558kHz, and f0 mean and range. Preliminary results show statistically significant differences between languages in f0 measures, as well as in spectral characteristics between languages and tasks. The perception experiment consisted of a same speaker/different language discrimination task by Brazilian naïve listeners, also BP-EN bilinguals. The aim of this experiment was to find out whether listeners perceive possible differences in voice quality between BP and EN speech, how they quantify this difference and how they describe them. From the results of both experiments, it was possible to verify some correlations between differences in voice production and differences actually perceived by listeners. Keywords: voice quality; L2 speech; acoustic analysis.
10

Poemas satânicos no Brasil

Rocha, Claudecir de Oliveira January 2014 (has links)
Orientador : Prof. Dr. Rodrigo Vasconcelos Machado / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Letras. Defesa: Curitiba, 16/12/2014 / Inclui referências / Área de concentração: Estudos literários / Resumo: O objetivo desta dissertação é fazer um estudo crítico do satanismo na poesia brasileira no período conhecido como romantismo até pré-modernismo. (1871-1931) Partindo do estudo dos poemas produzidos durante esse intervalo, cujo enfoque temático se reportava ao mito de Satanás, a fim de verificar como essas abordagens poéticas foram feitas pelos poetas brasileiros, desde a imitação, desconstrução, reflexão e recriação através de tópicos comparativos, sejam eles pela sua forma, seu tema, sua estética, sua construção mítica, sua reflexão social ou sua indagação religiosa. Para isto, pretendo buscar a relação delas com a literatura universal, através de um recorte que possibilite o entendimento básico dessa temática presente em grandes escritores, como Charles Baudelaire, Lord Byron, John Milton, Dante Alighieri, Goethe, entre outros. No Brasil, o satanismo literário se fez presente no período do romantismo, às vezes como símbolo dramático de revolta juvenil, outras vezes explorado pelo seu lado satírico. Mas foi a partir do simbolismo e nos seus desdobramentos que esse satanismo poético encontrou sua melhor e mais fluida expressão, ora como veículo de revolta espiritual contra alguns dogmas da Igreja Católica, ora contra toda uma impossibilidade social que refletia toda uma angústia, uma desesperança e o tédio que marcava a sociedade no final do séc. XIX e início do XX. Palavras-chave: satanismo e literatura; simbolismo e satanismo; romantismo e satanismo. / Abstract: This dissertation goal to show a critical study of Satanism in Brazilian poetry in the period between pre-modernism to romanticism. Beginning from poems produced during this interval, whose thematic focus reported to the myth of Satan, we intended check how these poetic approaches were made by Brazilian poets, from imitation, deconstruction, reflection and recreation through comparative topics, whether by its form, its subject, its aesthetics, its mythic construction, its social reflection or its religious quest. For this, we intent to show their relationship to world literature through a cutout that allows the basic understanding of this issue present in great writers such as Charles Baudelaire, Lord Byron, John Milton, Dante, Goethe, among others. In Brazil, Satanism in literature was present during the period of Romanticism, sometimes as dramatic symbol of youthful rebellion, sometimes exploited by his satirical side. But it was from the symbolism and its aftermath that has found its poetic Satanism better and more fluid expression, sometimes as a vehicle of spiritual revolt against some of the dogmas of the Catholicism, sometimes against a whole reflected a social impossibility that all anguish, hopelessness and a boredom that marked society in the late nineteenth century and early twentieth century. Keywords: Satanism and literature; symbolism and satanism; romanticism and satanism.

Page generated in 0.0687 seconds