• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 185
  • 25
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 215
  • 57
  • 42
  • 40
  • 31
  • 25
  • 22
  • 22
  • 22
  • 18
  • 17
  • 17
  • 15
  • 15
  • 13
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Funcionalização covalente e não covalente de nanotubos de carbono / Covalent functionalization and noncovalent carbon nanotubes

Feitosa, Johnny Peter Macedo January 2009 (has links)
FEITOSA, J. P. M. Funcionalização covalente e não covalente de nanotubos de carbono. 2009. 72 f. Dissertação (Mestrado em Química) - Centro de Ciências, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2009. / Submitted by Daniel Eduardo Alencar da Silva (dealencar.silva@gmail.com) on 2014-11-17T18:09:47Z No. of bitstreams: 1 2009_dis_jpmfeitosa.pdf: 4506538 bytes, checksum: 54adaf01307706f95b412482b9da19c9 (MD5) / Approved for entry into archive by José Jairo Viana de Sousa(jairo@ufc.br) on 2014-12-22T16:49:46Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2009_dis_jpmfeitosa.pdf: 4506538 bytes, checksum: 54adaf01307706f95b412482b9da19c9 (MD5) / Made available in DSpace on 2014-12-22T16:49:46Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2009_dis_jpmfeitosa.pdf: 4506538 bytes, checksum: 54adaf01307706f95b412482b9da19c9 (MD5) Previous issue date: 2009 / The work developed in this thesis consists in the study of the process of non covalent functionalization of carbon nanotubes with triblock and diblock copolymers and covalent functionalization of carbon nanotubes with stearic acid. The non covalent functionalization of carbon nanotubes were realized using triblock copolymer [triblock E69S15E69, E69S7E69 (E= ethylene oxide, S = styrene oxide), E65G7E65 (E = ethylene oxide, G = phenyl glycidyl ether), the diblock copolymer E20CL10 (E = ethylene oxide, CL = Ɛ-caprolactone)] e SDS (sodium dodecyl sulfate). The individualization of carbon nanotubes with copolymer and SDS, were performed by stirring, sonication and centrifugation. The resulting samples were characterized using the Raman resonant spectroscopy study, exciting in wavelength of 532 nm (2.33 eV). The photoluminescence studies, in the copolymers and SDS solution, were realized using a detector InGaAs for detecting light in the intermission of 800 – 1700 nm, and a lamp of Xe, exciting in spectral intermission of 500 – 850 nm. The characterizations were used to identify the type of semiconductors carbon nanotubes, by photoluminescence, as well as the other identified by resonant Raman spectroscopy and the aspects that showing the individualization of carbon nanotubes using copolymers matrix. The covalent functionalization of carbon nanotubes were realized using stearic acid. The functionalization was performed in three steps, carboxylation of carbon nanotubes, usingfor this the mixture H2SO4:HNO3, functionalization of carbon nanotubes with COCl groups and functionalization of carbon nanotubes with stearic acid. The characterization of the obtained sample was realized using the Raman resonant spectroscopy study, exciting with laser at wavelength of 514,5 nm (2,41 eV), FTIR, DSC, in N2 atmosphere and heating rate of 10ºC/min in the intermission of 25 – 400 ºC, and TGA, in N2 atmosphere and heating rate of 10 ºC/min with intermission 25 – 900 ºC. These characterizations were realized in order to confirm the covalent functionalization of the carbon nanotubes with stearic acid, obtaining shift in the crystalline structure of the carbon nanotubes, showed by the Raman resonant spectroscopy study and corresponding -OOC-O-COO- anhydride bond also showed in the FTIR spectroscopy, as well as change in the thermal behavior of the carbon nanotubes functionalized in comparison with pure carbon nanotubes. / O trabalho desenvolvido nesta dissertação consiste no estudo do processo de funcionalização não covalente de nanotubos de carbono com copolímeros tribloco e dibloco e a funcionalização covalente de nanotubos de carbono com ácido esteárico. A funcionalização não covalente dos nanotubos de carbono foi realizada utilizando copolímeros tribloco e dibloco [tribloco E69S15E69, E69S7E69 (E = óxido de etileno, S = óxido de estireno), E65G7E65(E = óxido de etileno, G = óxido de fenilglicidil), o copolímero dibloco E20CL10 (E = óxido de etileno, CL = Ɛ-caprolactona)]. A individualização dos nanotubos de carbono com os copolímeros (em solução) foi realizada usando a técnica de agitação, sonicação e centrifugação. As amostras obtidas foram caracterizadas por espectroscopia Raman ressonante excitando com laser de comprimento de onda de 532 nm (2,33 eV), e por fotoluminescência no intervalo de 800 – 1700 nm. As caracterizações foram realizadas de forma a identificar os tipos de nanotubos semicondutores, por fotoluminescência, assim como também os demais por espectroscopia Raman. As características espectrais comprovam a individualização dos nanotubos de carbono utilizando os copolímeros como meio dispersivo. A funcionalização covalente dos nanotubos de carbono foi realizada empregando ácido esteárico, e desenvolvida em 3 etapas: i) carboxilação dos nanotubos de carbono utilizando a mistura H2SO4:HNO3; ii) funcionalização dos nanotubos com grupos COCl e iii) funcionalização dos nanotubos de carbono com ácido esteárico. A caracterização da amostra obtida foi realizada usando espectroscopia Raman ressonante, com excitação no comprimento de onda de 514,5 nm (2,41 eV), FTIR, DSC em atmosfera de N2 e taxa de aquecimento de 10 ºC/min no intervalo de 25 a 400 ºC, e TGA em atmosfera de N2 e taxa de aquecimento de 10ºC/min no intervalo de 25 a 900 ºC. Estas caracterizações foram realizadas de modo a obter elementos que indiquem a funcionalização covalente dos nanotubos de carbono com o ácido esteárico. Essa funcionalização reflete mudançaas na estrutura cristalina dos nanotubos de carbono, observada na espectroscopia Raman ressonante e bandas correspondentes a ligações -OOC-O-COO- típica de anidrido nos espectros de FTIR, assim como mudanças no comportamento térmico dos nanotubos funcionalizados em relação aos nanotubos de carbono puro.
2

Sistemas micelares de F127Ò, P123Ò e suas misturas como nanocarreadores dos fármacos griseofulvina e mangiferina / Micellar systems F127Ò, P123Ò and mixtures thereof as nanocarriers for drug griseofulvin and mangiferin

Dutra, Lillian Maria Uchôa January 2012 (has links)
DUTRA, L. M. U. Sistemas micelares de F127Ò, P123Ò e suas misturas como nanocarreadores dos fármacos griseofulvina e mangiferina. 55 f. 2012. Dissertação (Mestrado em Química) - Centro de Ciências, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2012. / Submitted by Daniel Eduardo Alencar da Silva (dealencar.silva@gmail.com) on 2014-11-24T21:12:23Z No. of bitstreams: 1 2012_dis_lmudutra.pdf: 938491 bytes, checksum: 995a95bc60ed4a490977237fa59e07da (MD5) / Approved for entry into archive by José Jairo Viana de Sousa(jairo@ufc.br) on 2015-11-26T20:42:16Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2012_dis_lmudutra.pdf: 938491 bytes, checksum: 995a95bc60ed4a490977237fa59e07da (MD5) / Made available in DSpace on 2015-11-26T20:42:16Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2012_dis_lmudutra.pdf: 938491 bytes, checksum: 995a95bc60ed4a490977237fa59e07da (MD5) Previous issue date: 2012 / T he use of copolymers in the dissolution of poorly soluble drugs in water is being increasingly practiced, principally, due to the low toxicity of these carriers and their high ef ficiency in the dissolution process. Using copolymer surfactants, which form micelles in solution, can enhance the solubility and control the time and act in the release of hydrophobic drugs in the body. The amphiphilic triblock copolymers known E m P n E m (Pl uronic®), P123 (E 21 P 67 E 21 ) and F127 (E 98 P 67 E 98 ), where E is the ethylene oxide monomer [ - (OCH 2 CH 2 ) - ] and P, propylene oxide monomer [ - OCH 2 CH(CH 3 ) - ], and the subscripts, n and m , denote the block length, being targets of this research due to their gelling p roperties at room temperature, enabling the application subcutaneo us, and its ability to solubilis e the active lipophilic in the micellar core. Binary mixtures of Pluronics® of similar hydrophobicities, mos tly, show greater solubilis ation capacity for Plur onics® alone. Thus, i n order to enhance the solubilis ation of griseofulvin drugs, drug model used in several works, and mangiferin, active antioxidant, and promote greater bioavailability of these drugs in the body systems of mixed micelles composed of F12 7 and P123 will be the focus of this research, in order to unite their gelling properties and biocompatibility for subcutaneous administration / O estudo sobre a utilização de copolímeros na dissolução de fármacos pouco solúveis em água vem sendo cada vez mais praticado, devido, principalmente, à baixa toxicidade desses carreadores e da sua alta eficiência no processo de dissolução. Com o uso de copolímeros surfactantes, que formam micelas em solução, é possível aumentar a solubilidade e controlar o tempo e/ou atuar na liberação de fármacos hidrofóbicos no organismo. Os copolímeros triblocos anfifílicos denominados EmPnEm (Pluronic®), P123 (E21P69E21) e F127 (E98P69E98), onde E representa o monômero óxido de etileno [–(OCH2CH2) –], P, o monômero óxido de propileno [–OCH2CH(CH3)–], e os subscritos m e n denotam o comprimento do bloco, estão sendo alvos desta pesquisa devido as suas propriedades de formação de gel a temperatura ambiente (termorresponsidade), possibilitando a aplicação subcutânea, e sua capacidade de solubilização de ativos lipofílicos no núcleo micelar de polioxipropileno (Pn). Misturas binárias de Pluronics® de hidrofobicidades semelhantes, em sua grande maioria, apresentam capacidade de solubilização maior que para os Pluronics® sozinhos. Assim, visando potencializar a solubilização dos fármacos griseofulvina, fármaco modelo utilizado em vários trabalhos, e mangiferina, ativo antioxidante, e promover a maior biodisponibilidade desses fármacos no organismo, sistemas de micelas mistas compostas por F127 e P123 será o foco dessa pesquisa, com finalidade de unir suas propriedades geleificantes e de biocompatibilidade para aplicação subcutânea
3

Síntese e caracterização de copolímeros em bloco de estireno com metacrilatos funcionalizados

Silva, Eduardo de Oliveira da January 2012 (has links)
Copolímeros em bloco de estireno com metacrilatos funcionalizados foram obtidos através da polimerização ATRP-ARGET, empregando EBiB como iniciador, CuBr/PMDETA com sistema catalisador e Sn(EH)2 como agente redutor. Sendo descrita na literatura a partir de 2006, ainda existem poucos trabalhos publicados sobre a polimerização ATRP-ARGET de metacrilatos polares ou contendo grupos funcionais pendentes. Os metacrilatos utilizados foram: metacrilato de metila (MMA), metacrilato de solketila (SMA), metacrilato de 2-esteariloxietila (2-EMA), metacrilato de 2-hidroxietila (HEMA), metacrilato de glicidila (GLM), além de uma acrilamida, N-(2-hidroxietil)acrilamida (HEAA). Verificou-se a influência de diferentes polaridades e funcionalidades sobre a conversão, polidispersidade e controle da reação. Os melhores resultados foram os copolímeros PS-b-PMMA (Mn=24500 Da e polidispersidade de 1,48), PS-b-PSMA (Mn=27000 Da e polidispersidade 1,22), e PS-b-P-2EMA (Mn= 66000 Da e polidispersidade 1,61), este último inédito na literatura, e apresentando propriedades semi-cristalinas e uma microestrutura organizada em domínios rígidos e esferoides inferiores a 1μm. Os copolímeros PS-b-PHEMA, PS-b-PHEAA e PS-b-PGLM, contendo monômeros mais polares, foram obtidos com baixas incorporações. O monômero metacrilato de 2,3-dihidroxipropila (DHPMA) descrito como solúvel em água, foi produzido através do GLM por abertura de anel catalisada por ácido. Foram produzidos PDHPMA-co-MMA, PDHPMA-co-2-OMA e PDHPMA-co-S por polimerização radicalar, e PDHPMA-b-PMMA e PDHPMA-b-PS por ATRP. / Styrene based block copolymers with functionalized methacrylates were obtained through ATRP ARGET polymerization using EBiB initiator, CuBr/PMDETA catalytic system and Sn(EH)2 as reducing agent. Described in literature since 2006, few studies were published on the polymerization ATRP ARGET of methacrylates containing polar or functional groups. Were used in this work the following methacrylates: methyl methacrylate (MMA), solketyl methacrylate (SMA), 2-stearyloxyethyl methacrylate (2-EMA), 2-hydroxyethyl methacrylate (HEMA), glycidyl methacrylate (GLM), as well as an acrylamide, N-(2-hydroxyethyl)-acrylamide (HEAA). The influence of different polarity and functionality on the conversion, polydispersity and reaction control was verified. The best results were obtained with PS-b-PMMA (Mn=24500 Da and polydispersity 1,48), PS-b-PSMA (Mn=27000 Da and polydispersity 1,22), and PS-b-P-2EMA (Mn= 66000 Da and polydispersity 1,61). The PS-b-P-2EMA block copolymer is unprecedented in literature, showed semi-crystalline properties and an organized microstructure with spheroid e rigid domains measuring less than 1 μm. PS-b-PHEMA, PS-b-PHEAA and PS-b-PGLM block copolymers, with polar monomers, were obtained with low yields. 2,3-dihydroxypropyl methacrylate (DHPMA), described as a water-soluble monomer, was produced by GLM acid catalysed ring opening. Were produced PDHPMA-co-MMA, PDHPMA-co-2-OMA and PDHPMA-co-S through radical polymerization and PDHPMA-b-PMMA and PDHPMA-b-PS through ATRP polymerization.
4

Obtenção e caracterização de polieletrólitos sulfonados à base de copolímeros estirênicos para membranas poliméricas

Becker, Cristiane Miotto January 2007 (has links)
O presente trabalho teve como objetivo obter precursores poliméricos à base de copolímeros estirênicos com diferentes graus de sulfonação para produção de membranas para células a combustível com eletrólito polimérico. A sulfonação dos copolímeros estirênicos foi feita com sulfato de acetila, tendo sido avaliado o efeito da concentração dos grupos polares ácidos incorporados na cadeia macromolecular no desempenho do polieletrólito. Os polímeros obtidos foram caracterizados por espectroscopia de infra-vermelho, termogravimetria (TGA), grau de sulfonação, capacidade de troca iônica e condutividade. Foram desenvolvidos filmes poliméricos, à partir dos polímeros sulfonados utilizando como matriz o poli(fluorvinilideno) (PVDF), com a finalidade de serem usados como membranas. Estes filmes foram caracterizados quanto às propriedades térmicas (por calorimetria diferencial de varredura - DSC e por termogravimetria - TGA), densidade, grau de inchamento, condutividade iônica e morfologia (por microscopia eletrônica de varredura - MEV).Os resultados mostram que o grau de sulfonação dos polímeros é afetado pela concentração do agente sulfonante e pelo tempo de reação. O grau de sulfonação provoca variações na capacidade de troca iônica e na condutividade dos polímeros sulfonados e das membranas produzidas a partir destes. Os filmes produzidos a partir de blendas feitas com as resinas sulfonadas e a matriz polimérica de PVDF apresentaram uma melhora nas propriedades mecânicas se comparado com as resinas sulfonadas, no entanto, os valores de condutividade apresentados por essas blendas (10-5 S.cm-1) ainda são inferiores ao exibidos pelas membranas comercialmente disponíveis (10-3 a 10-2 S.cm-1). / The aim of this work is to obtain polymer precursors based on styrene copolymers with different sulfonation degree, as an alternative material for the production of fuel cell membranes. Acetyl sulfate was used to carry out the sulfonation and the effect of the concentration of the acid polar groups incorporated into the macromolecular chain on the performance of the polyelectrolyte has been studied. The resulting polymers were analysed by Fourier Transform Infra-Red Spectroscopy (FTIR) and Thermogravimetry (TGA). The polyelectrolytes were also evaluated regarding their degree of sulfonation, ion exchange capacity (IEC) and ionic conductivity. Polymeric films, i.e. membranes, were produced by blending the sulfonated styrene copolymers with poly(vinylidene fluoride) (PVDF). These films were characterized regarding their thermal properties (with differential scanning calorimetry - DSC and TGA), density, degree of swelling, ionic conductivity (with an electrochemical impedance spectroscope) and morphology (with an electron scanning microscope). The results show that the degree of sulfonation of the polymers is strongly affected by the conditions of the sulfonation reaction (i.e. sufonic acid content and reaction time). This will have a direct impact on the ionic exchange capacity and ionic conductivity of the sulfonated polymers and the membranes obtained with them. The films produced with the blends showed more suitable mechanical properties, however the conductivity of the membranes (10-5 S.cm-1) were inferior to that of commercially available membranes used in fuel cells (10-3 a 10-2 S.cm-1).
5

Síntese de macroaditivos e copolímeros de poliestireno contendo estabilizantes UV

Isidoro, Juliana Rodrigues January 2018 (has links)
Aditivos fotoestabilizante são utilizados para retardar a degradação pela radiação ultravioleta de produtos fabricados a partir de materiais poliméricos. Nesse contexto, este xvii trabalho investigou a utilização de copolímeros de poliestireno e aditivos polimerizáveis, assegurando a permanência destes aditivos na cadeia polimérica. Os copolímeros foram sintetizados com dois aditivos distintos, onde um deles contém o núcleo benzotriazol (PS-MBHE) e o outro possui um núcleo benzoxazol (PS-Benzox). Estes copolímeros foram preparados com baixas massas molares, no intuito de serem utilizados como macroaditivos em misturas com os polímeros comerciais ABS, HIPS e PS. Além disso, foram sintetizados também copolímeros PS-MBHE de alta massa molar para utilização direta como produto final. A fotoestabilização dos copolímeros foi avaliada através de experimentos de degradação acelerada por radiação ultravioleta. Os resultados destes ensaios mostraram que o macroaditivo PS-MBHE de baixa massa molar diminuiu o nível de degradação para filmes de poliestireno comercial. Para os polímeros ABS e HIPS o macroaditivo PS-MBHE não se mostrou propício como um fotoestabilizante nas concentrações testadas. Os copolímeros de PS-MBHE de alta massa molar apresentaram resultados pouco expressivos em relação aos ensaios de degradação, mesmo com diferentes proporções de aditivo adicionados aos copolímeros. O macroaditivo PS-Benzox se mostrou mais eficiente que o macroaditivo PS-MBHE para o PS comercial, indicando que esse núcleo apresenta um grande potencial de utilização para a aditivação de polímeros estirênicos. / Photostabilizer additives are used for slow down the ultraviolet light degradation of products manufactured from polymer materials. In this context, this work investigated the use of copolymers containing styrene and polymerizable additives ensuring the permanency of xviii these additives in the polymer. The copolymers were synthesized with two distinct additives, one with the benzotriazole group (PS-MBHE) and the other with a benzoxazole group (PS-Benzox). These copolymers were prepared with low molar mass, to be used as macroadditive in the commercial polymers ABS, HIPS and PS. Besides that, high molar mass PS-MBHE copolymers to be used directly as final product were also synthesized. The property of photostabilization of the copolymers was evaluated through ultraviolet light accelerated degradation experiments. The results showed a low level of degradation for commercial polystyrene films when the macroadditive PS-MBHE was used. For the ABS and HIPS polymers, however, the PS-MBHE macroadditive does not showed a good result as photo stabilizer in the tested concentrations. The PS-MBHE with high molar mass do not show expressive results for the degradation essay, even when different proportion of additive were added to the copolymers. The PS-Benzox macroadditive showed more efficiency than the PS-MBHE macroadditive for the commercial PS, indicating a great potential for additivation of styrenic polymers.
6

Determinação da microestrutura e relação com as propriedades dos terpolímeros de etileno-propileno-alfa-olefinas

Escher, Fernanda Fontanari Nunes January 2004 (has links)
Na busca por novos materiais, foram sintetizados uma série de terpolímeros de etilenopropileno –α-olefinas superiores (1-hexeno, 1-deceno e 1-octadeceno) usando o sistema catalítico rac-Et[Ind]2ZrCl2/MAO. A razão entre E/P foi variada e duas concentrações de termonômeros foram estudadas. Neste trabalho foram apresentados os resultados qualitativos e quantitativos da caracterização desses terpolímeros através da técnica de ressonância magnética de carbono 13 (RMN de 13C). Foram apresentados os deslocamentos químicos observados e devidamente identificados, assim como a análise quantitativa da distribuição das tríades, do comprimento médio de unidades consecutivas e das razões de reatividade. O efeito da adição de uma olefina de cadeia longa ao sistema etileno-propileno foi avaliado através dos resultados obtidos da atividade catalítica, teor de incorporação, nas propriedades térmicas, na massa molar e propriedades mecânicas. Também foi realizado um estudo da heterogeneidade de algumas amostras através do fracionamento por eluição com gradiente de temperatura (TREF). O sistema rac-Et[Ind]2ZrCl2/MAO mostrou-se eficiente na terpolimerização do etileno e a técnica de RMN de 13C permitiu a completa caracterização de todos os terpolímeros obtidos. Esses terpolímeros mostraram-se como um sistema complexo onde foi possível observar que, dependendo do tipo de olefina que irá coordenar no sítio ativo do rac- Et[Ind]2ZrCl2/MAO, haverá mudanças significativas nas atividade e nas propriedades desses materiais. Verificou-se que as três α-olefinas superiores estudadas foram incorporadas a cadeia polimérica, sendo que na maioria dos casos a α-olefina mais incorporada foi o 1-octadeceno nas duas concentrações de termonômero analisadas. O aumento da incorporação de propeno acarreta uma diminuição no teor de termonômero incorporado. A incorporação do propeno acarreta uma diminuição das unidades cristalizáveis de etileno, provocando um decréscimo na temperatura de fusão, com o aumento da incorporação de propeno ocorre um aumento das seqüências de propeno cristalizáveis e conseqüentemente a temperatura de fusão. A massa molecular também diminui devido ao aumento das reações de terminação por β-eliminação de hidreto. Observou-se que os terpolímero apresentaram um módulo menor do que os copolímeros. Esses terpolímeros estudados apresentaram um comportamento elastomérico, podendo ser classificados como Elastômeros Termoplásticos.
7

Obtenção e caracterização de polieletrólitos sulfonados à base de copolímeros estirênicos para membranas poliméricas

Becker, Cristiane Miotto January 2007 (has links)
O presente trabalho teve como objetivo obter precursores poliméricos à base de copolímeros estirênicos com diferentes graus de sulfonação para produção de membranas para células a combustível com eletrólito polimérico. A sulfonação dos copolímeros estirênicos foi feita com sulfato de acetila, tendo sido avaliado o efeito da concentração dos grupos polares ácidos incorporados na cadeia macromolecular no desempenho do polieletrólito. Os polímeros obtidos foram caracterizados por espectroscopia de infra-vermelho, termogravimetria (TGA), grau de sulfonação, capacidade de troca iônica e condutividade. Foram desenvolvidos filmes poliméricos, à partir dos polímeros sulfonados utilizando como matriz o poli(fluorvinilideno) (PVDF), com a finalidade de serem usados como membranas. Estes filmes foram caracterizados quanto às propriedades térmicas (por calorimetria diferencial de varredura - DSC e por termogravimetria - TGA), densidade, grau de inchamento, condutividade iônica e morfologia (por microscopia eletrônica de varredura - MEV).Os resultados mostram que o grau de sulfonação dos polímeros é afetado pela concentração do agente sulfonante e pelo tempo de reação. O grau de sulfonação provoca variações na capacidade de troca iônica e na condutividade dos polímeros sulfonados e das membranas produzidas a partir destes. Os filmes produzidos a partir de blendas feitas com as resinas sulfonadas e a matriz polimérica de PVDF apresentaram uma melhora nas propriedades mecânicas se comparado com as resinas sulfonadas, no entanto, os valores de condutividade apresentados por essas blendas (10-5 S.cm-1) ainda são inferiores ao exibidos pelas membranas comercialmente disponíveis (10-3 a 10-2 S.cm-1). / The aim of this work is to obtain polymer precursors based on styrene copolymers with different sulfonation degree, as an alternative material for the production of fuel cell membranes. Acetyl sulfate was used to carry out the sulfonation and the effect of the concentration of the acid polar groups incorporated into the macromolecular chain on the performance of the polyelectrolyte has been studied. The resulting polymers were analysed by Fourier Transform Infra-Red Spectroscopy (FTIR) and Thermogravimetry (TGA). The polyelectrolytes were also evaluated regarding their degree of sulfonation, ion exchange capacity (IEC) and ionic conductivity. Polymeric films, i.e. membranes, were produced by blending the sulfonated styrene copolymers with poly(vinylidene fluoride) (PVDF). These films were characterized regarding their thermal properties (with differential scanning calorimetry - DSC and TGA), density, degree of swelling, ionic conductivity (with an electrochemical impedance spectroscope) and morphology (with an electron scanning microscope). The results show that the degree of sulfonation of the polymers is strongly affected by the conditions of the sulfonation reaction (i.e. sufonic acid content and reaction time). This will have a direct impact on the ionic exchange capacity and ionic conductivity of the sulfonated polymers and the membranes obtained with them. The films produced with the blends showed more suitable mechanical properties, however the conductivity of the membranes (10-5 S.cm-1) were inferior to that of commercially available membranes used in fuel cells (10-3 a 10-2 S.cm-1).
8

Síntese, Caracterização e Liberação de Troxerutina por SBA-n/MCM-41/Argila Montmorilonita/Hidrogéis. / Synthesis, characterization and release by Troxerutin SBA-n/MCM-41/Clay Montmorillonite / Hydrogels.

Silva, Dráulio Sales da January 2009 (has links)
SILVA, D. S.; RICARDO, N. M. P. S. Síntese, Caracterização e Liberação de Troxerutina por SBA-n/MCM-41/Argila Montmorilonita/Hidrogéis. 2009. 134 f. Tese (Doutorado em Química) - Centro de Ciências, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2009. / Submitted by José Jairo Viana de Sousa (jairo@ufc.br) on 2014-11-04T20:59:55Z No. of bitstreams: 1 2009_tese_dssilva.pdf: 2216507 bytes, checksum: 37d61ab5a8ee826a0672662c74d67b17 (MD5) / Approved for entry into archive by José Jairo Viana de Sousa(jairo@ufc.br) on 2015-11-23T20:59:26Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2009_tese_dssilva.pdf: 2216507 bytes, checksum: 37d61ab5a8ee826a0672662c74d67b17 (MD5) / Made available in DSpace on 2015-11-23T20:59:26Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2009_tese_dssilva.pdf: 2216507 bytes, checksum: 37d61ab5a8ee826a0672662c74d67b17 (MD5) Previous issue date: 2009 / The ordered mesoporous materials such as MCM-41 and SBA-15, the montmorilonite clay and hydrogels are amongst the most studied and researched excipients used in pharmaceutical technology mainly because dry delivery systems have grown in the past few years due to the economical advantages and to the therapeutic benefits they present. The objective of this work is to synthesize the mesoporous materials SBA-15 and MCM-41 from triblock copolymers and to make a comparative study of troxerutin release with montmorilonite clay and hydrogels. The mesoporous materials were synthesised, calcinated and modified with chitosan and added to troxerutin for characterization by X-ray diffraction, gas adsorption, thermogravimetric analysis (TG) and infrared spectroscopy (FTIR). The Montmorilonite clay, the polyacrilamide hydrogels (PAM) and the bentonite (BENPG10), after hydrolysed, were incorporated to the drug, characterized by infrared spectroscopy (FTIR) and X-ray diffraction. X-ray studies allowed characterizing the porous synthesized material as belonging to the mesoporous class and that the clay intercalated drug medicine in its lamellae. Infrared spectroscopy studies allowed characterizing the functional groups of the silica network, of chitosan and troxerutin present in the mesopores. The thermogravimetric analysis (TGA) showed that the decomposition of the structure-directing agentoccurs in the materials at temperatures below 500 ºC. The adsorption of gas makes it evident that there were modifications in the surface area and in the diameter of pores by the presence of the drug and chitosan. The release studies showed that the release rate has different behaviours according to the matrix and the medium used. / Os materiais mesoporosos ordenados, como MCM-41 e SBA-15, a argila montmorilonita e os hidrogéis estão dentre os excipientes mais estudados, pesquisados e utilizados em tecnologia farmacêutica, uma vez que sistemas de liberação controlada de fármacos têm crescido nos últimos anos devido às vantagens econômicas e aos grandes benefícios terapêuticos. O presente trabalho teve como objetivo sintetizar os materiais mesoporosos SBA-15 e MCM-41 a partir de copolímeros triblocos, realizando um estudo comparativo de liberação do fármaco troxerutina entre os materiais mesoporosos com a argila montmorilonita e os hidrogéis. Os materiais mesoporosos foram sintetizados, calcinados, modificados com quitosana e incorporados`a troxerutina para ser caracterizados por difração de raios-X, adsorção de gases, análise termogravimétrica (TG) e espectroscopia de absorção na região do infravermelho (FTIR). A argila montmorilonita, os hidrogéis poliacrilamida (PAM) e a bentonita (BENPG10), depois de hidrolisados, foram incorporados ao fármaco e caracterizados por espectroscopia de absorção na região do infravermelho (FTIR) e difração de raios-X. Estudos de raios-X permitiram caracterizar o material poroso sintetizado como pertencente à classe dos mesoporosos e que a argila intercalou o fármaco em suas lamelas. Estudos de espectroscopia de absorção na região do infravermelho (FTIR) permitiram caracterizar os grupos funcionais da rede sílica, da quitosana e da troxerutina presente nos mesopororos. A análise termogravimétrica (TGA) mostrou que a decomposição do direcionador estrutural ocorre nos materiais em temperaturas inferiores a 500 ºC. A adsorção de gases evidenciou as modificações na área superficial e no diâmetro de poros pela presença do fármaco e quitosana. Os estudos de liberação evidenciaram que a taxa de liberação possui diferentes comportamentos de acordo com a matriz e o meio utilizado.
9

Micelas de copoli(oxialquileno)s: caracterização, encapsulação e liberação de fármaco / Micelles of poly (oxialquileno) s: characterization, drug encapsulation and release

Ribeiro, Maria Elenir Nobre Pinho January 2010 (has links)
RIBEIRO, M. E. N. P. Micelas de copoli(oxialquileno)s: caracterização, encapsulação e liberação de fármaco. 2010. 131 f. Tese (Doutorado em Química) - Centro de Ciências, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2010. / Submitted by Daniel Eduardo Alencar da Silva (dealencar.silva@gmail.com) on 2014-11-26T20:34:22Z No. of bitstreams: 1 2010_tese_menpribeiro.pdf: 2215532 bytes, checksum: 7780360e808dba6b9314cd56d3385892 (MD5) / Approved for entry into archive by José Jairo Viana de Sousa(jairo@ufc.br) on 2016-03-22T13:07:08Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2010_tese_menpribeiro.pdf: 2215532 bytes, checksum: 7780360e808dba6b9314cd56d3385892 (MD5) / Made available in DSpace on 2016-03-22T13:07:08Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2010_tese_menpribeiro.pdf: 2215532 bytes, checksum: 7780360e808dba6b9314cd56d3385892 (MD5) Previous issue date: 2010 / Most drug candidates fail to progress in their formulations due to its low solubility in water. To resolve this issue, block copolymers with surfactant properties have been well investigated. The objective of this study was to investigate the copolymers F87 (E62P39E62), and mixtures thereof E43B14E43 50/50 to 90/10, with increasing proportion of the more hydrophobic copolymer (E43B14E43), the series of diblock EmBn to carry the model drug through different griseofulvin solubilization methods and study their release, and the study of drug solubilization of quercetin and mangiferin E65G5 the copolymers and their applications in order E65G7E65 Entrainment and controlled release of drugs. We used the technique of inversion of the tube for the study of gelling properties of copolymers F87, and mixtures thereof E43B14E43 50/50 to 90/10. To determine the critical micelle concentration (CMC) used the dye solubilization method measured by fluorescence. The solubility of drugs griseofulvin, quercetin and mangiferin in micellar systems was measured by UV-Vis spectrophotometry and systems of copolymers E65G5 E65G7E65 and used the high performance liquid chromatography (HPLC). The pure copolymers and the systems containing the drugs were characterized by infrared spectroscopy (FT-IR), Raman spectroscopy (FT-Raman), X-rays, particle size by dynamic light scattering (Zetasizer), and experiments in vitro release were carried out for some systems. The copolymers F87, E43B14E43, their mixtures, the number of diblock copolymers and EmBn E65G5 E65G7E65 and are promising for administration of hydrophobic drugs, because they showed good solubilising capacity values ​​(Scp). The copolymers were E65G7E65 E65G5 and those who stood out in solubilization of quercetin (HPLC): its micellar system increased the aqueous solubility of quercetin in 253 times at 25 ° C for both copolymers and 124 and 142 times at 37 ° C for the diblock and triblock, respectively, and its particles showed complete encapsulation efficiency of quercetin / A solubilidade do fármaco em água é um fator importante para sua eficácia. Entretanto, a maioria dos fármacos apresenta baixa solubilidade em água. Para resolver este problema, copolímeros em bloco com propriedades surfactantes têm sido bastante investigados. O objetivo deste trabalho é investigar os copolímeros F87 (E62P39E62), E43B14E43 e suas misturas 50/50 a 90/10, com proporção crescente do copolímero mais hidrofóbico (E43B14E43), a série de diblocos EmBn para carrear o fármaco modelo griseofulvina através de diferentes métodos de solubilização e estudar a sua liberação, bem como o estudo da solubilização dos fármacos quercetina e mangiferina nos copolímeros E65G5 e E65G7E65 visando suas aplicações no carreamento e liberação controlada de fármacos. Utilizou-se a técnica de inversão de tubo para o estudo das propriedades geleificantes dos copolímeros F87, E43B14E43 e suas misturas 50/50 a 90/10. Para a determinação da concentração micelar crítica (CMC) utilizou-se o método de solubilização de corante medida por fluorescência. A solubilidade dos fármacos griseofulvina, quercetina e mangiferina nos sistemas micelares foi medida por espectrofotometria UV-Vis e para os sistemas dos copolímeros E65G5 e E65G7E65 utilizou-se a cromatografia líquida de alta eficiência (HPLC). Os copolímeros puros e os sistemas contendo os fármacos foram caracterizados por técnicas de espectroscopia de absorção na região do infravermelho (FT-IR), espectroscopia RAMAN (FT-RAMAN), raios-X, tamanho de partícula por espalhamento de luz dinâmico (Zetasizer), e experimentos de liberação in vitro foram realizados para alguns dos sistemas. Os copolímeros F87, E43B14E43, suas misturas, os diblocos da série EmBn e os copolímeros E65G5 e E65G7E65 são promissores para administração de fármacos hidrofóbicos, pois apresentaram bons valores de capacidade de solubilização (Scp). Os copolímeros E65G5 e E65G7E65 foram os que mais se destacaram na solubilização da quercetina (HPLC): seu sistema micelar aumentou a solubilidade aquosa da quercetina em 264 vezes a 25 °C em ambos os copolímeros e 118 e 135 vezes a 37°C, no dibloco e tribloco, respectivamente, e suas partículas apresentaram total eficiência de encapsulação da quercetina. Portanto, o dibloco de glicidil (E65G5) é o melhor copolímero para encapsulamento de fármaco.
10

Síntese e caracterização de copolímeros em bloco de estireno com metacrilatos funcionalizados

Silva, Eduardo de Oliveira da January 2012 (has links)
Copolímeros em bloco de estireno com metacrilatos funcionalizados foram obtidos através da polimerização ATRP-ARGET, empregando EBiB como iniciador, CuBr/PMDETA com sistema catalisador e Sn(EH)2 como agente redutor. Sendo descrita na literatura a partir de 2006, ainda existem poucos trabalhos publicados sobre a polimerização ATRP-ARGET de metacrilatos polares ou contendo grupos funcionais pendentes. Os metacrilatos utilizados foram: metacrilato de metila (MMA), metacrilato de solketila (SMA), metacrilato de 2-esteariloxietila (2-EMA), metacrilato de 2-hidroxietila (HEMA), metacrilato de glicidila (GLM), além de uma acrilamida, N-(2-hidroxietil)acrilamida (HEAA). Verificou-se a influência de diferentes polaridades e funcionalidades sobre a conversão, polidispersidade e controle da reação. Os melhores resultados foram os copolímeros PS-b-PMMA (Mn=24500 Da e polidispersidade de 1,48), PS-b-PSMA (Mn=27000 Da e polidispersidade 1,22), e PS-b-P-2EMA (Mn= 66000 Da e polidispersidade 1,61), este último inédito na literatura, e apresentando propriedades semi-cristalinas e uma microestrutura organizada em domínios rígidos e esferoides inferiores a 1μm. Os copolímeros PS-b-PHEMA, PS-b-PHEAA e PS-b-PGLM, contendo monômeros mais polares, foram obtidos com baixas incorporações. O monômero metacrilato de 2,3-dihidroxipropila (DHPMA) descrito como solúvel em água, foi produzido através do GLM por abertura de anel catalisada por ácido. Foram produzidos PDHPMA-co-MMA, PDHPMA-co-2-OMA e PDHPMA-co-S por polimerização radicalar, e PDHPMA-b-PMMA e PDHPMA-b-PS por ATRP. / Styrene based block copolymers with functionalized methacrylates were obtained through ATRP ARGET polymerization using EBiB initiator, CuBr/PMDETA catalytic system and Sn(EH)2 as reducing agent. Described in literature since 2006, few studies were published on the polymerization ATRP ARGET of methacrylates containing polar or functional groups. Were used in this work the following methacrylates: methyl methacrylate (MMA), solketyl methacrylate (SMA), 2-stearyloxyethyl methacrylate (2-EMA), 2-hydroxyethyl methacrylate (HEMA), glycidyl methacrylate (GLM), as well as an acrylamide, N-(2-hydroxyethyl)-acrylamide (HEAA). The influence of different polarity and functionality on the conversion, polydispersity and reaction control was verified. The best results were obtained with PS-b-PMMA (Mn=24500 Da and polydispersity 1,48), PS-b-PSMA (Mn=27000 Da and polydispersity 1,22), and PS-b-P-2EMA (Mn= 66000 Da and polydispersity 1,61). The PS-b-P-2EMA block copolymer is unprecedented in literature, showed semi-crystalline properties and an organized microstructure with spheroid e rigid domains measuring less than 1 μm. PS-b-PHEMA, PS-b-PHEAA and PS-b-PGLM block copolymers, with polar monomers, were obtained with low yields. 2,3-dihydroxypropyl methacrylate (DHPMA), described as a water-soluble monomer, was produced by GLM acid catalysed ring opening. Were produced PDHPMA-co-MMA, PDHPMA-co-2-OMA and PDHPMA-co-S through radical polymerization and PDHPMA-b-PMMA and PDHPMA-b-PS through ATRP polymerization.

Page generated in 0.0293 seconds