• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 154
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 166
  • 61
  • 30
  • 23
  • 18
  • 18
  • 17
  • 17
  • 17
  • 16
  • 15
  • 14
  • 13
  • 13
  • 12
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Investigação do sexo por mensurações cranio-faciais

Sampaio, Claudia Maria de Almeida 06 September 1999 (has links)
Orientador: Roberto Jose Gonçalves / Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Odontologia de Piracicaba / Made available in DSpace on 2018-07-25T11:07:07Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Sampaio_ClaudiaMariadeAlmeida_D.pdf: 2789318 bytes, checksum: 884d45d963d04aead603fa6a327a70bb (MD5) Previous issue date: 1999 / Resumo: A Odontologia Legal contribui de forma inconteste nos processos identificatórios. Entretanto, freqüentes são as situações onde figura apenas o crânio, ou parte dele como única fonte de informação, tornando necessário a aplicação de exames de complexidade e confiabilidade científica apurados. Nosso objetivo, no presente trabalho, será desenvolver um estudo segundo método quantitativo, em amostra brasileira, sobre a possibilidade de diagnosticar ou determinar o sexo através da análise da abertura piriforme e medidas cranianas. A amostra escolhida para uma pesquisa desenvolvida de forma estatisticamente aceitável, foi de 200 crânios, sendo 100 de cada sexo, acima de 21 anos, conforme orientações recebidas previamente do Analista de Sistemas Marcelo Alves Corrêa, do Centro de Informática na Agricultura "Luiz de Queiroz". Os crânios estudados para obtenção das medidas, serão integrantes do acervo do Museu Osteológico da Disciplina de Anatomia Topográfica do Departamento de Morfologia da Universidade Federal de São Paulo - Escola Paulista de Medicina. Outras peças da amostra eram do Cemitério Parque Nossa Senhora da Conceição, localizado no município de Campinas, pertencentes a indigentes, ou a indivíduos cujas famílias não reclamaram os ossos dentro do prazo administrativo legal determinado pela instituição, e tiveram como destino final, após três anos do óbito, o forno crematório ou inumação em vala comum. Todos os crânios eram catalogados com absoluta certeza de informações referentes ao sexo, procedência e idade, fator que permitirá o desenvolvimento de um estudo de altíssimo grau de confiabilidade. Os dados serão obtidos com o auxílio de um paquímetro de precisão da marca Mitutoyo, mensurando as cinco distâncias: na abertura piriforme: comprimento e largura máximos, e as medidas cranianas básio próstio, próstio-násio, násio-espinha nasal posterior, com pontos de referência padronizados previamente. De posse dos dados, os mesmos foram submetidos à análise estatística, segundo métodos específicos, objetivando a verificação de dimorfismo sexual. Os resultados demonstraram que as medidas comprimento máximo da abertura piriforme, distância básio- próstio e próstio - násio são significativas para estimar o sexo, permitindo a elaboração de uma fórmula para o diagnóstico do sexo, com uma porcentagem acerto de 70%. A pesquisa foi desenvolvida segundo aspectos técnico ¿ científico criteriosos, sendo o Projeto de Pesquisa N° 93/98 encaminhado ao Comitê de Ética em Pesquisa para análise ética, segundo a Resolução CNS 196/96, considerado aprovado, em reunião realizada em 17 de março de 1999, estando de acordo com as diretrizes e normas regulamentadoras de pesquisa / Abstract: Legal Dentistry contributes in na incontestable way to identification processes. However, frequent tare the situations where is only the cranium, or part of it, as the only source of information, making it necessary to apply exams of scientific complexity and reliability. Our objective, in the present work, was to develop a study according to the quantitative method, in Brazilian samples, on the possibility of determining the Sex throug the analysis of the pyriform aperture and cranial measures. The sample chosen sample for a statistically acceptable research was that of 200 cranuims, 100 of each Sex, aged over 21, according to previously received guidelines from Marcelo Alves Corrêa, systems analyst, from the Center of Computing in Agriculture "Luiz de Queiroz". The craniums wich were studied for the compilation of measures were part of a collection from the Museum of Topographic Anatomy, of the Morphology Departament of Federal University of São Paulo - São Paulo School of Medicine. Other pieces of the sample came from the Parque Nossa Senhora da Conceição Cemetery, located in the city of Campinas, belonging to the homeless, or to individuals who weren't claimed by their families by the legal administrative term, whose final destiny, three years after death, was the crematory oven or burial in a commom grave. All craniums were catalogued with proven information in the relation to sex and age, wich will allow for a study of a high degree of credibility. The data was obtained with the aid of a precision paquimeter of the brand Mitutoyo, through the measurements of five distances; in the apyriform aperture: maximum width and length; and the cranial measures: básio-próstio, próstio-násio, násio-posterior nasal spine, with previously standardized points of reference. The data was submitted to statistical analysis according to specific methods, with the objective of verifying sexual dimorphism. The results showed that the measurements of maximum length and pyriform aperture, and the básio-próstio and próstio-násio distances were of significant value in sex dedution, allowing for the elaboration of a mathematical formula for the probality calculation of the sex being male or female, with 70% accuracy. The research was developed following strict technical and scientific aspects; Research Project n° 93/98 sent to the Committee of Research Ethics according to the C.N.S. Resolution 196/96, considered approved in a meeting realized on March 17, 1999, in agreement with the guidelines and regulations that govern the research / Doutorado / Odontologia Legal e Deontologia / Doutor em Odontologia
2

Notas de Camptometria nos Crânios Portugueses

Cunha, António João da January 1926 (has links)
No description available.
3

Sobre uma correlação anatómica nos crânios portugueses

Fernandes, Aurélio da Silva January 1925 (has links)
No description available.
4

Determinação do sexo atraves da curva frontal e apofise mastoidea

Galvão, Luis Carlos Cavalcante 24 September 1998 (has links)
Orientador: Heloisa Amelia de Lima Castro / Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Odontologia de Piracicaba / Made available in DSpace on 2018-07-24T09:39:51Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Galvao_LuisCarlosCavalcante_D.pdf: 3228710 bytes, checksum: 904f75980df1fe876dc7452e93c8625b (MD5) Previous issue date: 1998 / Resumo: Os médicos e Odonto-Legistas, por vezes, recebem para análise pericial crânios, ou partes deles, sem outros ossos do esqueleto humano. Neste tipo de perícia, deve-se levar em consideração se o material a ser examinado refere-se a um crânio íntegro, com mandíbula e unidades dentárias, crânio fraturado ou, ainda, se apenas alguns ossos isolados deste segmento do esqueleto. O presente trabalho foi proposto com a intenção de se verificar a possibilidade da determinação ou diagnóstico do sexo, através do comprimento da curva frontal e da apófise mastoidea. Foram estudados 151 crânios, sendo 94 masculinos e 57 femininos. Todos os crânios eram de procedência, sexo e idade conhecidos com absoluta segurança e permaneceram inumados por um período de aproximadamente 3 (três) anos. As peças examinadas eram de pessoas indigentes ou que pertenceram a indivíduos cujas famílias não reclamaram os ossos no período estabelecido pela instituição (Cemitério), e cujo destino final era o forno crematório ou ossário. Todos os crânios examinados eram de indivíduos que, à data do óbito, contavam com mais de vinte anos d e idade. Os resultados permitiram estabelecer uma fórmula para diagnóstico do sexo, com índice de acerto da ordem de 80,30/0 ou ainda pelo uso da média mais o intervalo de confiança estabelecido com probabilidade de acerto em torno de 950/0. Estes procedimentos para determinação do sexo podem ser utilizados, com segurança, pelos Institutos Médico-Legais ou Serviços de Antropologia Forense, com a vantagem de terem sido realizados em amostragem nacional / Abstract: Phisicans and dental experts sometimes receipt, for expert analysis, skulls and skull pieces with no other skeleton parts. In this kind of expert analysis it must be considered either if the studied subject is a whole skull, with jaw and dental units, or a fractured skull, or even if it is a set of bones belonging to this part of the skeleton. The present study was propposed with the thought of to verify the possibility on determining or diagnosis of the sex by the lenght of frontal curve and mastoid apophysis. One hundred fifty-one skull were studied, ninety-four male and fifty-seven female. Ali skulls were known in origin, sex and age with absolute security and remained buried for about three years. The studied pieces belonged to unknown dead people or those whose families did not reclaim the bones within the time stablished by the institution (grave yard) and whose final destiny was the crematory, or bone hood. Ali examined skulls must belong to individuais dead at twenty or more years age. The results allowed to find a formula for sex diafnosis in a levei of 80,3 percent reliability, or even by using the average plus confidence interval stablished with probability of about 95 percent. These sex determining procedures may be used with security by forensic Medicine Institutes or Forensic Anthropology Services, with the advantage of being performed on a local national sample / Doutorado / Odontologia Legal e Deontologia / Doutor em Ciências
5

Determinação do sexo atraves da area formada pelo triangulo da face superior

Saliba, Tania Adas 27 February 2002 (has links)
Orientador : Roberto Jose Gonçalves / Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas. Faculdade de Odontologia de Piracicaba / Made available in DSpace on 2018-07-31T18:54:49Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Saliba_TaniaAdas_D.pdf: 2734116 bytes, checksum: 045b6513f029876681c56130a7d03ffc (MD5) Previous issue date: 2001 / Resumo: A identificação se caracteriza por ser um ato de comprovação da identidade, onde qualifica alguma coisa, objeto ou pessoa no meio de outras de mesmo gênero, individualizando-a. Porém, esse processo torna-se cada vez mais complexo quanto menor for o número de dados sobre o material examinado. o propósito do presente trabalho foi verificar a possibilidade de determinar o sexo, por intermédio' de cinco medidas cranianas: Distância entre o ponto mais externo da órbita situado na sutura fronto-zigomática esquerda à direita, distância entre a espinha nasal anterior ao násio, distância entre a espinha nasal anterior ao ponto mais externo da órbita situado na sutura fronto-zigomática esquerda, distância entre a espinha nasal anterior ao ponto mais externo da órbita situado na sutura fronto-zigomática direita e a área formada pelos pontos cranianos: sutura fronto-zigomática esquerda, sutura fronto-zigomática direita e espinha nasal anterior. Foram estudados 168 crânios, sendo 72 pertencentes ao sexo feminino, e 96 pertencentes ao sexo masculino de pessoas adultas maiores de 20 anos. As medidas foram obtidas com um paquímetro digital, marca "Mitutoyo" entre os pontos de referência previamente padronizados. Os dados foram submetidos à análise estatística para se verificar o dimorfismo sexual. Os resultados demonstraram que as variáveis: a área, que é formada pelos pontos de referência na sutura fronto-zigomática esquerda, sutura fronto-zigomática direita e espinha nasal anterior, e a distância biorbital foram significativas, o que possibilitou a elaboração de uma fórmula matemática para se estimar o sexo, com a confiabilidade de 75% / Abstract: Sex determination through the area formed by the upper facial triangle The identification is distinguished by a identity comprovation act, that qualifies something or someone in the middle of others on the same kind, individualizing it. However, this process is becoming more and more complex the smallest is the data numbers about the examined material. The purpose of the following work was verifying the possiblity of identifying the gender, through five cranial measures: Distance between the right and left frontomalar suture, distance between the anterior nasal spine and nasion, distance between the anterior nasal spine and left frontomalar, distance between anterior nasal spine and right frontomalar suture and the area formed by the cranial points: right and left frontomalar suture, and anterior nasal spine. Among 168 skulls we have studied, 72 belong to the female gender, and 96 belong to male gender, and they are all over 20 years old. The measures were obtained by a digital pachymeter Mitutoyo, among the references previously standardize. The information were submited to statistics analisys to verify the sexual dimorphism. The results showed that the variables: area formed by the right and left frontomalar suture points, and anterior nasal spine and the distance biorbita were significative, and provided the elaboration of a mathematic formula to fínd out the gender, with sureness of 75% / Doutorado / Doutor Odontologia Legal e Deontologia
6

O ângulo facial nos crânios portugueses

Santos, Miguel António Cerveira da Silveira Costa January 1924 (has links)
No description available.
7

A fronte nos portugueses : estudo craniométrico

Valença, Eduardo January 1925 (has links)
No description available.
8

Avaliação do efeito do tratamento com alendronato, a longo prazo, sobre a reparação do tecido ósseo em defeitos de calvárias. Estudo em ratas /

Fiori, Leslie Cristine. January 2016 (has links)
Orientador: Silvana Regina Perez Orrico / Co-orientador: Ana Paula de Souza Faloni / Resumo: Os bifosfonatos têm sido amplamente utilizados no tratamento de doenças relacionadas a distúrbios no metabolismo ósseo. Dentre os bifosfonatos mais potentes, o alendronato (ALD), possui grande potencial em inibir a reabsorção óssea. O objetivo deste estudo foi avaliar, in vivo, o efeito da administração de alendronato, a longo prazo, na reparação óssea em defeitos críticos confeccionados em calvárias de ratas. Para isto, 160 ratas foram distribuídas aleatoriamente em 2 grupos que receberam, semanalmente, injeções subcutâneas de placebo [grupo controle (CTL)] e de alendronato [grupo alendronato (ALD)]. Após 120 dias do início do tratamento, foi confeccionado um defeito crítico na calvária de todos os animais e 10 animais de cada grupo foram sacrificados aos 5, 10, 15, 20, 25, 30, 45 e 60 dias após a confecção do defeito. No dia do sacrifício foram coletadas amostras de urina e sangue e foram removidas as calvárias e os fêmures dos animais. Os fêmures foram avaliados quanto à densidade mineral óssea (BMD). Para a avaliação sistêmica do efeito do medicamento no metabolismo ósseo, foram investigados os níveis urinários de deoxipiridinolina (DPD) e os níveis séricos de propeptídeo amino terminal do procolágeno tipo I (P1NP), de telopeptídeo carboxiterminal do colágeno tipo I (CTX) e de osteocalcina por ensaio imunoenzimático (ELISA). Secções de calvárias submetidas ao processamento para inclusão em parafina foram empregados para: 1) imuno-histoquímica para detecção de RANKL (ligan... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: The bisphosphonates have been widely used for the treatment of diseases related to osseous metabolism disturbances. Among the most powerful bisphosphonates, the alendronate (ALD) presents great potential to inhibit the osseous reabsorption. This aim of this study was to evaluate, in vivo, the effect of the administration of alendronate in the long run, in bone repair in critic defects produced in rats' calvarias. For so, 160 rats were randomly distributed into 2 groups which received, weekly, placebo subcutaneous injections [control group (CTL)] as well as alendronate injections [alendronate group (ALD)]. After 120 days from the beginning of treatment, a critic defect was produced in all animals and 10 animals from each group were sacrificed at 5, 10, 15, 20, 25, 30, 45 and 60 days after the defect production. On the day of sacrifice, urine and blood samples were collected and the calvarias and femurs were removed. The femurs were evaluated as for their bone mineral density (BMD). For the systemic evaluation of the medicine effect over the bone metabolism, the deoxypyridinoline urinary levels were investigated (DPD) as well as the serum levels of amino-terminal procollagen propetide of type 1 (P1NP), of carboxy-terminal telopeptide of collagen type I (CTX) and of osteocalcin by means of enzyme-linked immunosorbent essay (ELISA). Parts of calvarias undergone processing for inclusion in paraffin were employed to: 1) immuno-histochemistry for detection of RANKL (receptor activator of nuclear factor kß ligand), osteoprotegerin (OPG), Cathepsin K, RUNX2 (transcription factor 2 related to Runt), Osteopontin (OPN), iNOS (inducible nitric oxide synthase) and Vascular Endothelial Growing Factor (VEGF); 2) coloration with Goldner's Trichrome for analyzing the quantity of mineralized tissue and of osteoid matrix and defect closing; 3)...(Complete abstract electronic access below) / Mestre
9

Evolução na forma e tamanho do crânio no gênero Ctenomys (Rodentia: Ctenomydae)

Fornel, Rodrigo January 2010 (has links)
Ctenomys é um gênero de roedores subterrâneos endêmico ao sul da região Neotropical, que compreende cerca de 60 espécies conhecidas como “tuco-tucos”. Este gênero é um exemplo de evolução rápida, que tem uma alta diversidade cariotípica com número diplóide variando de 2n = 10 até 2n = 70. Com exceção de algumas espécies, a variação morfológica quantitativa entre os tuco-tucos é pouco conhecida. Recentemente, estudos usando citocromo b propuseram relações filogenéticas para Ctenomys e apoiam oito grandes grupos. O objetivo deste estudo é investigar neste gênero, os padrões de evolução morfológica na forma e no tamanho do crânio, assim como diferenças entre sexos, em nível macro e microevolutivo, usando uma abordagem de morfometria geométrica. Em nível macroevolutivo, analisamos padrões de variação em 47 espécies do gênero Ctenomys e a variação dentro e entre os grupos mendocinus e torquatus. Em nível microevolutivo, analisamos mais detalhadamente as espécies C. minutus e C. lami. Ambas ocorrem na planície costeira do sul do Brasil. A primeira espécie tem 15 cariótipos (2n = 42, 43, 44, 45, 46a, 46b, 47a, 47b, 48a, 48b, 48c, 49a, 49b, 50a e 50b), o maior polimorfismo cromossômico conhecido para o gênero Ctenomys. C. lami também apresenta uma alta variação cariotípica, com números diplóides de 2n = 54 até 2n = 58. Baseado em diferentes frequências de rearranjos cromossômicos ao longo de sua distribuição geográfica, quatro blocos populacionais foram previamente propostos. Em nível macroevolutivo, a diversificação na forma do crânio parece estar estruturada geograficamente. Encontramos gradientes tanto leste-oeste quanto norte-sul, crânios mais robustos no norte e crânios mais gráceis nas espécies do sul. A mandíbula se mostrou menos variável na forma do que o crânio. Os fenogramas gerados com distâncias de Mahalanobis mostraram um forte sinal filogenético para o grupo torquatus e similaridade morfológica entre os dois grupos Bolivianos e entre os grupos mendocinus e Patagônico. O grupo torquatus é muito congruente na forma e pouco varia em tamanho. Uma relação de ancestralidade comum entre os grupos Patagônico e mendocinus, baseada na forma do crânio, é reforçada pela mesma morfologia de espermatozóide assimétrico encontrada nos dois grupos. Em nível microevolutivo, a forma do crânio não parece obedecer ao mesmo padrão. Em C. minutus a variação morfológica é estruturada espacialmente por um modelo de isolamento pela distância, por barreiras geográficas antigas (paleo-canais) e provavelmente por uma inversão cromossômica. Os rearranjos cromossômicos envolvendo fusões e fissões robertsonianas parecem não ser um fator primário que promova a estruturação na variação do crânio. A diferença de habitats também foi um dos fatores detectados como estruturante. Além disso, nós encontramos deriva, seleção diversificadora e seleção estabilizadora atuando na variação da forma do crânio nos quatro blocos populacionais cromossômicos de C. lami. O padrão de seleção diversificadora envolve estruturas relacionadas à escavação, que são compatíveis com modelos biomecânicos propostos para Ctenomys. O padrão de seleção estabilizadora envolve um ajuste das proporções da bula timpânica, entre a capacidade auditiva e a abertura mandibular. De forma geral, nossos achados sugerem que a evolução do crânio de Ctenomys é resultado principalmente de processos históricos regidos pela biologia da espécie em níveis macroevolutivos. Porém, em níveis microevolutivos, a combinação de diversas forças evolutivas e processo históricos produzem padrões mais variáveis do que o esperado e pouco relacionados com a distribuição geográfica. / Ctenomys is a genus of subterranean rodents endemic to the southern Neotropical region, which comprise about 60 living species known as “tuco-tucos”. This genus is an example of rapid evolution, which have high karyotypic diversity with diploid numbers varying from 2n = 10 to 2n = 70. To the exception of a few species, quantitative morphological variation among tuco-tucos is poorly known. Recently, studies using cytochrome b proposed phylogentic relationships for Ctenomys and support eight great groups. The goal of this study is to investigate in this genus, the morphological evolution patterns in skull shape and size variation between sexes, in macro and microevolutionary levels, using a geometric morphometrics approach. In macroevolutionay level, we analyze the variation pattern in 47 species of the genus Ctenomys and the variation within and between mendocinus and torquatus groups. In microevolutionary level we analyze in more details C. lami and C. minutus. Both occurs in coastal plain of southern Brazil. The first species has 15 karyotypes (2n = 42, 43, 44, 45, 46a, 46b, 47a, 47b, 48a, 48b, 48c, 49a, 49b, 50a and 50b), the highest intraspecific chromosomal polymorphism known for the genus Ctenomys. C. lami also shows high karyotypic variation, with diploid numbers ranging from 2n = 54 to 2n = 58. Based on different chromosome rearrangement frequencies along its geographical distribution, four population blocks were previously proposed. In macroevolutionary level we found that skull evolution appear geographically structured. We found west-east and north-south gradients, skulls more robust in north and skulls more gracile in south species. The mandible is less variable in shape than skull. The phenograms of Mahalanobis distances show strong phylogenetic signal only for torquatus-group and morphological similarity between two Bolivian groups, and between mendocinus and Patagonico groups. The torquatus-group is very congruent in shape and have low variation in size. Common ancestral relationship between Patagonico and mendocinus groups based in skull shape is reinforced by the same asymmetry in sperm morphology found in both groups. In microevolutionary level, the skull shape does not follow the same pattern. For C. minutus the morphological variation is spatial structured by the isolation-by-distance model by ancient barriers (paleochannels) and probably by a chromosomal inversion. Chromosomal rearrangements involving robertsonians fusions and fissions appear not be a primary factor that promote the structure in skull shape. The habitats difference also a factor in structure shape change. Moreover, we found drift, diversifying selection and stabilizing selection acting on variation in skull shape in four chromosomal population blocks of C. lami. Diversifying patterns involve structures related to digging, that are compatible with biomechanical models proposed for Ctenomys. Stabilizing patterns involve a compromise in the proportions of the auditory bulla, between hearing ability and the mandibular opening. In general, our findings suggested that Ctenomys skull evolution is a result of historical factors conducted by species biology in macroevolutionary level. However, in microevolutionary level the combination of many forces and historical process producing more variable patterns than expected and weak related to geographical distribution.
10

Evolução na forma e tamanho do crânio no gênero Ctenomys (Rodentia: Ctenomydae)

Fornel, Rodrigo January 2010 (has links)
Ctenomys é um gênero de roedores subterrâneos endêmico ao sul da região Neotropical, que compreende cerca de 60 espécies conhecidas como “tuco-tucos”. Este gênero é um exemplo de evolução rápida, que tem uma alta diversidade cariotípica com número diplóide variando de 2n = 10 até 2n = 70. Com exceção de algumas espécies, a variação morfológica quantitativa entre os tuco-tucos é pouco conhecida. Recentemente, estudos usando citocromo b propuseram relações filogenéticas para Ctenomys e apoiam oito grandes grupos. O objetivo deste estudo é investigar neste gênero, os padrões de evolução morfológica na forma e no tamanho do crânio, assim como diferenças entre sexos, em nível macro e microevolutivo, usando uma abordagem de morfometria geométrica. Em nível macroevolutivo, analisamos padrões de variação em 47 espécies do gênero Ctenomys e a variação dentro e entre os grupos mendocinus e torquatus. Em nível microevolutivo, analisamos mais detalhadamente as espécies C. minutus e C. lami. Ambas ocorrem na planície costeira do sul do Brasil. A primeira espécie tem 15 cariótipos (2n = 42, 43, 44, 45, 46a, 46b, 47a, 47b, 48a, 48b, 48c, 49a, 49b, 50a e 50b), o maior polimorfismo cromossômico conhecido para o gênero Ctenomys. C. lami também apresenta uma alta variação cariotípica, com números diplóides de 2n = 54 até 2n = 58. Baseado em diferentes frequências de rearranjos cromossômicos ao longo de sua distribuição geográfica, quatro blocos populacionais foram previamente propostos. Em nível macroevolutivo, a diversificação na forma do crânio parece estar estruturada geograficamente. Encontramos gradientes tanto leste-oeste quanto norte-sul, crânios mais robustos no norte e crânios mais gráceis nas espécies do sul. A mandíbula se mostrou menos variável na forma do que o crânio. Os fenogramas gerados com distâncias de Mahalanobis mostraram um forte sinal filogenético para o grupo torquatus e similaridade morfológica entre os dois grupos Bolivianos e entre os grupos mendocinus e Patagônico. O grupo torquatus é muito congruente na forma e pouco varia em tamanho. Uma relação de ancestralidade comum entre os grupos Patagônico e mendocinus, baseada na forma do crânio, é reforçada pela mesma morfologia de espermatozóide assimétrico encontrada nos dois grupos. Em nível microevolutivo, a forma do crânio não parece obedecer ao mesmo padrão. Em C. minutus a variação morfológica é estruturada espacialmente por um modelo de isolamento pela distância, por barreiras geográficas antigas (paleo-canais) e provavelmente por uma inversão cromossômica. Os rearranjos cromossômicos envolvendo fusões e fissões robertsonianas parecem não ser um fator primário que promova a estruturação na variação do crânio. A diferença de habitats também foi um dos fatores detectados como estruturante. Além disso, nós encontramos deriva, seleção diversificadora e seleção estabilizadora atuando na variação da forma do crânio nos quatro blocos populacionais cromossômicos de C. lami. O padrão de seleção diversificadora envolve estruturas relacionadas à escavação, que são compatíveis com modelos biomecânicos propostos para Ctenomys. O padrão de seleção estabilizadora envolve um ajuste das proporções da bula timpânica, entre a capacidade auditiva e a abertura mandibular. De forma geral, nossos achados sugerem que a evolução do crânio de Ctenomys é resultado principalmente de processos históricos regidos pela biologia da espécie em níveis macroevolutivos. Porém, em níveis microevolutivos, a combinação de diversas forças evolutivas e processo históricos produzem padrões mais variáveis do que o esperado e pouco relacionados com a distribuição geográfica. / Ctenomys is a genus of subterranean rodents endemic to the southern Neotropical region, which comprise about 60 living species known as “tuco-tucos”. This genus is an example of rapid evolution, which have high karyotypic diversity with diploid numbers varying from 2n = 10 to 2n = 70. To the exception of a few species, quantitative morphological variation among tuco-tucos is poorly known. Recently, studies using cytochrome b proposed phylogentic relationships for Ctenomys and support eight great groups. The goal of this study is to investigate in this genus, the morphological evolution patterns in skull shape and size variation between sexes, in macro and microevolutionary levels, using a geometric morphometrics approach. In macroevolutionay level, we analyze the variation pattern in 47 species of the genus Ctenomys and the variation within and between mendocinus and torquatus groups. In microevolutionary level we analyze in more details C. lami and C. minutus. Both occurs in coastal plain of southern Brazil. The first species has 15 karyotypes (2n = 42, 43, 44, 45, 46a, 46b, 47a, 47b, 48a, 48b, 48c, 49a, 49b, 50a and 50b), the highest intraspecific chromosomal polymorphism known for the genus Ctenomys. C. lami also shows high karyotypic variation, with diploid numbers ranging from 2n = 54 to 2n = 58. Based on different chromosome rearrangement frequencies along its geographical distribution, four population blocks were previously proposed. In macroevolutionary level we found that skull evolution appear geographically structured. We found west-east and north-south gradients, skulls more robust in north and skulls more gracile in south species. The mandible is less variable in shape than skull. The phenograms of Mahalanobis distances show strong phylogenetic signal only for torquatus-group and morphological similarity between two Bolivian groups, and between mendocinus and Patagonico groups. The torquatus-group is very congruent in shape and have low variation in size. Common ancestral relationship between Patagonico and mendocinus groups based in skull shape is reinforced by the same asymmetry in sperm morphology found in both groups. In microevolutionary level, the skull shape does not follow the same pattern. For C. minutus the morphological variation is spatial structured by the isolation-by-distance model by ancient barriers (paleochannels) and probably by a chromosomal inversion. Chromosomal rearrangements involving robertsonians fusions and fissions appear not be a primary factor that promote the structure in skull shape. The habitats difference also a factor in structure shape change. Moreover, we found drift, diversifying selection and stabilizing selection acting on variation in skull shape in four chromosomal population blocks of C. lami. Diversifying patterns involve structures related to digging, that are compatible with biomechanical models proposed for Ctenomys. Stabilizing patterns involve a compromise in the proportions of the auditory bulla, between hearing ability and the mandibular opening. In general, our findings suggested that Ctenomys skull evolution is a result of historical factors conducted by species biology in macroevolutionary level. However, in microevolutionary level the combination of many forces and historical process producing more variable patterns than expected and weak related to geographical distribution.

Page generated in 0.0372 seconds