• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 424
  • 50
  • 49
  • 49
  • 48
  • 39
  • 15
  • 6
  • 3
  • 3
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 426
  • 426
  • 152
  • 98
  • 90
  • 58
  • 54
  • 53
  • 52
  • 51
  • 50
  • 50
  • 49
  • 46
  • 44
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Ecologia reprodutiva de uma comunidade de anfibios Anuros na serra do Japi, sudeste do Brasil

Haddad, Célio Fernando Baptista, 1959- 26 April 1991 (has links)
Orientador : Adão Jose Cardoso / Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Biologia / Made available in DSpace on 2018-07-13T23:37:59Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Haddad_CelioFernandoBaptista_D.pdf: 6791653 bytes, checksum: ddee8c19bde1935de7281ca6192fe1df (MD5) Previous issue date: 1991 / Resumo: Uma comunidade de anuros foi estudada na Serra do Japi, municipio de Jundiai (ca. 23°13'5; 46°48'W; 870 m de altitude), Estado de São Paulo. Os seguintes tipos de ambientes foram estudados: represa, riachos de corredeira, poças temporárias e a mata circundante a estes corpos d'água. O estudo foi realizado entre março de 1988 e fevereiro de 1989. As coletas de dados foram feitas durante curtas visitas a intervalos regulares de uma semana. Visitas adicionais foram feitas na estação chuvosa (outubro a março) . Dezessete espécies, pertencentes a três famílias de anuros, foram observadas em atividade reprodutiva: Bufonidae (2), Hylidae (11) e Leptodactylidae (4). Aparentemente, o -ambiente de mata favoreceu um número predominante de espécies de Hylidae, que apresentam adaptações à ocupação vertical do ambiente. Houve sazonal idade na atividade reprodutiva da comunidade de anuros. Na estação chuvosa houve um maior número de espécies em atividade reprodutiva devido a uma maior disponibilidade de ambientes adequados a esta atividade. A maioria das espécies da comunidade bimodal de atividade, vocalizando ao amanhecer e ao anoitecer. apresentou inicio da atividade de vocalização em horário próximo ao pôr do sol. Hylodes cf. ornatus foi a única espécie tipicamente diurna e Bufo çrucifer apresentou padrões de distribuição temporal e espacial e as diferenças na utilização do espaço acústico evitaram sobreposição na utilização dos recursos na reprodução de quase todas as espécies.... Observação: O resumo, na íntegra, poderá ser visualizado no texto completo da tese digital / Abstract: An anuran community was studied at the Serra do Japi, municipality of Jundiai (ca. 23Q13'S; 46°48'W, 870 m above sea leveI), São Paulo State, southeastern Brazil. The following environments were studied: reservoir, rapid rivulets, temporary ponds, and the surrounding forest. The study was carried out between March 1988 and February 1989, and field data were obtained during short visits at regular intervals of one week. Additional field surveys were undertaken during the rainy season. Seventeen species of three anuran families were observed in reproductive activity: Bufonidae (2), Hylidae (11), and Leptodactylidae (4). The forested habitat favoured the greater number of Hylidae species because this group is adapted to a vertical occupation of the environment. I observed seasonality in the reproductive activity of the anuran community studied. During the rainy season there was a higher number of species in reproductive activity due to a greater availability of adequa te environments to this activity. The majority of the species in the community started to call near the sunset. Hylodes cf. ornatus was the only diurnal species and Bufo crucifer presented a bimodal activity pattern, calling during sunrise and sunset. The patterns of temporal and spatial distribution, and differences in the acoustical attributes of the calI among the majority of the species avoided overlapping in the resources utilized for reproduction. ... Note: The complete abstract is available with the full electronic digital thesis or dissertations / Doutorado / Ecologia / Doutor em Ciências Biológicas
2

Dieta de Tropidurus Itambere Rodrigues (Sauria ; Iguanidae) na Fazenda Manga, Municipio de Valinhos, São Paulo

Van Sluys, Monique 29 January 1991 (has links)
Orientador : Miguel Petrere Jr / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Biologia / Made available in DSpace on 2018-07-13T22:49:19Z (GMT). No. of bitstreams: 1 VanSluys_Monique_M.pdf: 4287941 bytes, checksum: 31431e47992853de31851c60308e17e4 (MD5) Previous issue date: 1991 / Mestrado / Ecologia / Mestre em Ciências Biológicas
3

Ecologia das taxocenoses de Actinote (Lepidoptera : Nymphalidae) em Asteraceae (Angiosperma : Magnoliatae) no sudeste do Brasil : subsidios para conservação

Francini, Ronaldo Bastos 27 November 1992 (has links)
Orientador : Keith Spalding Brown Jr / Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Biologia / Made available in DSpace on 2018-07-17T09:24:56Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Francini_RonaldoBastos_D.pdf: 26351051 bytes, checksum: bcfc9a35503a41d91b2a54e61356bc30 (MD5) Previous issue date: 1992 / Resumo: Estudou-se 21 espécies de borboletas do gênero Actinote (I nsecta: Lepidoptera: Nymphalidae) [Actinote aja/ia (C. & R. Felder, 1860); Actinote bry/la Oberthür, 1917; Actinote canutia (Hopffer, 1874); Actinote carycina Jordan, 1913; Actinote conspicua Jordan, 1913; Actinote discrepans D'Almeida, 1935; Actinote genitrix D'Almeida 1923; Actinote hyaJina Jordan, 1913; Actinote matnita mitama (Schaus, 1902); Actinote morio Oberthür, 1917; Actinote parapheles Jordan, 1913; Actinote pe/lenea pellenea Hübner, 1821-24; Actinote quadra (Schaus, 1902); Actinote rhodope D'Almeida, 1922; Actinote surima (Schaus, 1902); Actinote thaJia pyrrha (Fabricius, 1775); Actinote zikani Almeida, 1943; Actinote sp. 1; Actinote sp. 2; Actinote sp. 3; Actinote sp. 4] e 47 espécies de plantas de alimento larval, dos gêneros: Mikani~ Eupatorium, Trichogoni~ Symphyopappus, Erigeron, Senecío e Vernonia (Angiosperma: Magnoliatae: Asteraceae) na região compreendida entre os paralelos 21°4O'S e 24°oo'S e os meridianos 44°3Q'W e 47°oo'W. Essa região tem aproximadamente 65.000 km2 sendo atravessada pelo Trópico de Capricórnio e portanto, transicional entre os climas tropical e subtropical. Quatro espécies tiveram uma distribuição ampla em a toda área: A.carycina, A.thalia pyrrha, A.parapheles e A.hyalina. Cinco, ocuparam uma muito restrita: A.quadra" Actinote sp. 3, A.morio e Actinote sp. 4. Analisou-se a distribuição geográfica de cada espécie de Actinote em relação, às seguintes características do ambiente: tipo de terrenos geológicos, classes de altitude e classes de heterogeneidade do relevo, tipos de solos, precipitação pluviométrica anual média e excedente hídrico anual médio, tipos de vegetação florestal, campestre e antrópica, e classes de influência antrópica. ... Observação: O resumo, na integra, poderá ser visualizado no texto completo da tese digital / Abstract: A study was undertaken of 21 species of butterflies of the genus Actinote (I nsecta: Lepidoptera: Nymphalidae) [Actínote a/alia C. & R. Felder, 1860; Actínote brylla Oberthür, 1917; Actínote canutía (Hopffer, 1874); Actínote carycina Jordan, 1913; Actínote oonspícua Jordan, 1913; Actínote díscrepans D'Almeida, 1935; Actínote genítrix D'Almeida 1923; Actínote hyalina Jordan, 1913; Actínote mamita mitama (Schaus, 1902); Actinote mario Oberthür, 1917; Actinote paraphe/es Jordan, 1913; Actinote pellenea pellenea Hübner, 1821-24; Actinote quadra (Schaus, 1902); Actinote rhodope D'Almeida, 1922; Actinote surima Schaus, 1902; Actinote thalía pyrrha (Fabricius, 1775); Actinote zikani Almeida, 1943; Actinote sp. 1; Actinote sp. 2; Actinote sp. 3; Actinote sp. 4], and 47 species of larval food plants in the genera: Mikania, Eupatorium, Trichogonia, Symphyopappus, Erigeron, Senecio e Vernonia (Angiosperma: Magnolíatae: Asteraceae) in the region between 21°40'- 24°00'S and 44°30'-47°00'W, with about 65.000 km2 and crossed by the Tropic of Capricorn (thus transitional between tropical and sub-tropical climates). Four species had an ample distribution in entire area: A.carycina, A.thalia pyrrha, A.parapheles, and A.hyalina. Five occupied a very restricted area: A.quadra, Actinote sp. 3, A.mario, and Actinote sp. 4. The geographical distribution of each species of Actinote was analyzed and related with the follow environmental characteristics: type of geological terrain, class of altitude and relief heterogeneity, type of soils, mean yearly pluviometric precipitation and hydric excess, vegetation types and classes of anthropic influence. ... Note: The complete abstract is a available with the full eletronic digital thesis or dissertations / Doutorado / Ecologia / Ciencias Biologicas
4

Efeitos do canto de anúncio e do tamanho corporal no espaçamento entre machos em agregações de Dendropsophus nanus (Anura, Hylidae)/

Sousa, Verônica Thiemi Tsutae de. January 2012 (has links)
Orientador: Christopher Gordon Murphy / Coorientador: Denise de Cerqueira Rossa Feres / Banca: Cynthia Peralta de Almeida / Banca: Itamar Alves Martins / Resumo: Em anuros, a manutenção de espaçamento entre machos constitui uma importante adaptação às agregações reprodutivas, minimizando o mascaramento auditivo e aumentando o sucesso reprodutivo dos machos emissores de vocalização. O canto de anúncio transmite informações com o potencial de influenciar o estabelecimento e a manutenção de espaçamento entre machos, como a habilidade de luta e a localização dos machos. Avaliamos o espaçamento entre machos de Dendropsophus nanus (Anura, Hylidae), que emitem canto de anúncio formado por duas notas: as introdutórias (notas A) e as secundárias (notas B). Testamos três hipóteses: 1) o espaçamento entre machos é influenciado por um ou mais parâmetros do canto de anúncio; 2) o canto de anúncio transmite informações a respeito do tamanho corporal dos machos; 3) o espaçamento entre machos é mediado por notas introdutórias. Machos de D. nanus utilizam ambas as notas para advertir seu tamanho corporal e sua localização no habitat reprodutivo. No entanto, somente as notas A transmitem ambas as informações por meio dos mesmos parâmetros acústicos, relativos à estrutura da nota. As notas B transmitem as informações relativas ao tamanho corporal pela taxa de repetição de notas e de pulsos, enquanto o espaçamento foi influenciado pelo número e duração dos pulsos. Além disso, o espaçamento entre machos foi maior quando mediado por notas A do que por notas B. Assim, as notas A informam a coespecíficos a habilidade competitiva do macho emissor da vocalização, enquanto as notas B advertem a qualidade reprodutiva dos machos às fêmeas / Abstract: In anurans, the maintenance of spacing between males is an important adaptation to the chorus, reducing auditory masking and maximizing the transmission of the calls and males' reproductive success. Advertisement call conveys information with the potential to influence the establishment and maintenance of intermale spacing, like competitive ability and location of males. We evaluate intermale spacing in natural aggregation of Dendropsophus nanus (Anura, Hylidae), whose advertisement call is constituted by two notes: the introductory (type A notes) and the secondary (type B notes). We tested three hypotheses: 1) intermale spacing is influenced by one or more parameters of the advertisement call; 2) the advertisement call contains information about male body size; 3) intermale spacing is mediated by introductory notes. Males of D. nanus use both notes to advertise their body size and their location in the reproductive habitat to other conspecifics. However, only A notes convey both kinds of information through the same acoustic parameters, which are related to note structure. Type B notes advertise body size through note and pulses repetition rate, while spacing is associated to the number and duration of pulses. Furthermore, intermale spacing was greater when mediated by A notes than when mediated by B notes. Therefore, A notes advertise mainly a male's competitive ability in male-male interactions, while B notes appear to advertise the males' reproductive quality to females / Mestre
5

Hábitos alimentares de Toninha, Pontoporia blainvillei (Gervais e D'Orbigny, 1844) (Mammalia, Cetacea), no sul do Estado de São Paulo e norte do Paraná, Brasil /

Lopes, Xênia Moreira. January 2012 (has links)
Orientador: Marcos Cesar de Oliveira Santos / Banca: Francisco Manoel de Souza Braga / Banca: Salvatore Siciliano / Resumo: A toninha, Pontoporia blainvillei, é um pequeno cetáceo odontoceto da família Pontoporiidae com distribuição restrita a uma pequena parcela da América do sul, na costa Atlântica. Esta espécie tem sido foco de preocupação quanto ao seu status atual e futuro de conservação. Isto se deve em especial ao alto índice de mortalidade devido à captura acidental em redes de pesca, e à baixa capacidade desta espécie para repor a parcela da população removida por fontes de mortalidade não-naturais. Portanto, todo esforço destinado ao melhor conhecimento da mesma ao longo de sua distribuição se faz necessário. Este estudo visou averiguar o hábito alimentar de P. blainvillei utilizando os conteúdos estomacais de 86 indivíduos capturados acidentalmente por embarcações que operaram com redes de emalhe sediadas no porto do município de Cananéia (25°00'S e 47°55'W), sul do Estado de São Paulo, entre maio de 2005 e agosto de 2007. Foram reportados três grupos faunísticos nos conteúdos: peixes teleósteos, cefalópodes e crustáceos, sendo o hábito ictiófago o mais representativo. A toninha alimenta-se ao longo da coluna d'água e próximo ao substrato marinho. As famílias de peixes ósseos e cefalópodes mais relevantes foram Sciaenidae e Loliginidae, respectivamente. Com base no Índice de Importância Relativa, as espécies de peixe e cefalópode com maior importância no hábito alimentar foram a piaba, Pellona harroweri, e a lula Doryteuthis plei, respectivamente. O camarão-sete-barbas, Xiphopenaeus kroyeri, foi a espécie de crustáceo mais representativa. Não houve seletividade quanto à composição das presas consumidas, entretanto o contrário foi observado quanto ao porte das presas, sendo em geral consumidas presas pequenas... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: The franciscana dolphin, Pontoporia blainvillei, is a small cetacean from the family Pontoporiidae with a restricted distribution to a small portion of the South American Atlantic coast. The conservation of this species has been a cause of great concern due to the high levels of mortality in gillnet fishing and the low levels of stock reposition. Therefore, efforts to evaluate the natural history of franciscana dolphins throughout its distribution are deemed necessary. The present study evaluated P. blainvillei feeding habits through the analyses of 86 stomach contents of individuals incidentally captured by the gillnet fishing fleet based on the Cananéia main harbour (25°00'S; 47°55'W), south of São Paulo state, which operated in coastal waters between May 2005 and August 2007. Three different types of preys were reported: teleostean fishes, cephalopods and crustaceans. The ichthyophagous habit was the most representative. Franciscana dolphins preyed throughout the water column and near the sea bottom. Sciaenidae and Loliginidae were the most relevant fish and cephalopod families, respectively. Based on the Index of Relative Importance, the most important teleostean fish and cephalopod species were Pellona harroweri and Doryteuthis plei, respectively. The seabob shrimp, Xyphopenaeus kroyeri was the most representative crustacean species. There was no selectivity in prey composition, however the opposite pattern was observed regarding prey size, with small-sized preys consumed frequently (fishes: mean ± standard error of the mean = 4.62 ± 0.02cm / cephalopods: mean ± standard error of the mean = 8.76 ± 0,14cm). When gender, sexual maturity and season were evaluated, the main preys remained the same... (Complete abstract click electronic access below) / Mestre
6

Ecologia e estrutura social do veado-campeiro (Ozotoceros bezoarticus) no Pantanal

Lacerda, Ana Cristyna Reis 18 April 2008 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Biológicas, Programa de Pós-Graduação em Biologia Animal, 2008. / Submitted by Rosane Cossich Furtado (rosanecossich@gmail.com) on 2010-02-19T10:53:24Z No. of bitstreams: 1 2008_AnaCristynaReisLacerda.pdf: 1817799 bytes, checksum: f9c9c1c8e2095422c34e31a48225d61a (MD5) / Approved for entry into archive by Marília Freitas(marilia@bce.unb.br) on 2010-02-19T22:08:36Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2008_AnaCristynaReisLacerda.pdf: 1817799 bytes, checksum: f9c9c1c8e2095422c34e31a48225d61a (MD5) / Made available in DSpace on 2010-02-19T22:08:36Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2008_AnaCristynaReisLacerda.pdf: 1817799 bytes, checksum: f9c9c1c8e2095422c34e31a48225d61a (MD5) Previous issue date: 2008-04-18 / O veado-campeiro, Ozotoceros bezoarticus L. 1758 (Artiodactyla, Cervidae) teve originalmente uma distribuição ampla, ocupando um alcance de ambientes abertos, incluindo os Pampas argentinos e o Cerrado brasileiro, entre 5 e 40 S da América do Sul. Atualmente, essa espécie está restrita a um número pequeno de populações relictuais, extremamente ameaçadas, especialmente na Argentina, Bolívia, Paraguai e Uruguai. Perda e fragmentação de habitat, caça indiscriminada, competições com gado e transmissão de doenças de gado têm sido apontadas como as principais causas do declínio em populações de veado-campeiro. A exceção desse cenário é o Pantanal brasileiro, cuja população foi estimada em torno de 60.000 indivíduos. No entanto, mudanças das diretrizes políticas e econômicas para a região, com o incentivo à conversão de paisagens naturais para a introdução de gramíneas exóticas têm aumentado a pressão sobre esse bioma e despertado preocupações quanto à conservação das populações silvestres nele inseridas. Nesse contexto, o presente trabalho buscou estudar as interações ecológicas entre o veado-campeiro e o seu ambiente, fornecendo informações criteriosas que possam subsidiar esforços de conservação e definir balizas para o manejo de pastagens de modo sustentável no Pantanal. Veados-campeiros foram especialistas, ocupando uma variedade de ambientes abertos. O hábitat ‘baía’ foi particularmente importante e seu uso não variou entre estações e em relação aos sexos. Observações diretas do comportamento alimentar do veado-campeiro mostraram que esse cervídeo, apresentou um comportamento típico de podador seletivo, consumindo preferencialmente, dentro e entre as estações, espécies de herbáceas e arbustos, ao invés das maiores biomassas disponíveis de gramíneas e ciperáceas. Veados-campeiros no Pantanal apresentam uma estrutura social fluida e pouco gregária que, no entanto, ainda é estruturada ao redor de associações preferenciais entre indivíduos que se unem, permanecem assim por um tempo variável e então se separam. A unidade social básica é formada por animais solitários ou duplas, geralmente uma fêmea com seu filhote de menos de um ano de idade.. As associações e dissociações rápidas entre duas ou mais unidades sociais básicas, principalmente em sítios de alimentação localmente abundantes, formam grupos maiores e mais instáveis de veado-campeiro. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT / The pampas deer, Ozotoceros bezoarticus L 1758 is a medium sized cervid, whose original range comprised all natural grasslands of eastern South America between 5 and 40 S. This wide range has been severely reduced by habitat loss and fragmentation, hunting, and competition with cattle. Most information about this species concentrates on population status across its range, and very little information is available about its ecology and social structure. The aim of this work is to obtain data on the home range, habitat use, diet, reproductive biology and structure social from data collected from a population of pampas deer, in the Pantanal, MS. There was no significant difference between home range size and habitat use between the sexes. The open natural grassland and permanent ponds were the most used habitat by pampas deer, where forest was avoided. The pampas deer in the Pantanal present a behavior characteristic of browsers, and was no difference in the use of food items between the sexes. There is a well defined birth season which appears to be regulated by hydro-period, with peak births occurred in dry season. The pampas deer lives in fission-fusion a society that is predominantly composed of short-term acquaintances lasting a few hours to a few days and few constants companions. The species showed social segregation, but no ecological segregation around the birth season, when males lives in groups composed only by males, and females lives apart from co-specifics of both sexes. The pattern of social segregation of groups of males and the postpartum isolation behavior of females imply that social factors play important roles in social segregation and group formation.
7

Efeitos do canto de anúncio e do tamanho corporal no espaçamento entre machos em agregações de Dendropsophus nanus (Anura, Hylidae)

Sousa, Verônica Thiemi Tsutae de [UNESP] 02 February 2012 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:22:57Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2012-02-02Bitstream added on 2014-06-13T19:49:22Z : No. of bitstreams: 1 sousa_vtt_me_sjrp.pdf: 382796 bytes, checksum: 45527b50461ab4e54e5e836b0d5b322d (MD5) / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) / Em anuros, a manutenção de espaçamento entre machos constitui uma importante adaptação às agregações reprodutivas, minimizando o mascaramento auditivo e aumentando o sucesso reprodutivo dos machos emissores de vocalização. O canto de anúncio transmite informações com o potencial de influenciar o estabelecimento e a manutenção de espaçamento entre machos, como a habilidade de luta e a localização dos machos. Avaliamos o espaçamento entre machos de Dendropsophus nanus (Anura, Hylidae), que emitem canto de anúncio formado por duas notas: as introdutórias (notas A) e as secundárias (notas B). Testamos três hipóteses: 1) o espaçamento entre machos é influenciado por um ou mais parâmetros do canto de anúncio; 2) o canto de anúncio transmite informações a respeito do tamanho corporal dos machos; 3) o espaçamento entre machos é mediado por notas introdutórias. Machos de D. nanus utilizam ambas as notas para advertir seu tamanho corporal e sua localização no habitat reprodutivo. No entanto, somente as notas A transmitem ambas as informações por meio dos mesmos parâmetros acústicos, relativos à estrutura da nota. As notas B transmitem as informações relativas ao tamanho corporal pela taxa de repetição de notas e de pulsos, enquanto o espaçamento foi influenciado pelo número e duração dos pulsos. Além disso, o espaçamento entre machos foi maior quando mediado por notas A do que por notas B. Assim, as notas A informam a coespecíficos a habilidade competitiva do macho emissor da vocalização, enquanto as notas B advertem a qualidade reprodutiva dos machos às fêmeas / In anurans, the maintenance of spacing between males is an important adaptation to the chorus, reducing auditory masking and maximizing the transmission of the calls and males’ reproductive success. Advertisement call conveys information with the potential to influence the establishment and maintenance of intermale spacing, like competitive ability and location of males. We evaluate intermale spacing in natural aggregation of Dendropsophus nanus (Anura, Hylidae), whose advertisement call is constituted by two notes: the introductory (type A notes) and the secondary (type B notes). We tested three hypotheses: 1) intermale spacing is influenced by one or more parameters of the advertisement call; 2) the advertisement call contains information about male body size; 3) intermale spacing is mediated by introductory notes. Males of D. nanus use both notes to advertise their body size and their location in the reproductive habitat to other conspecifics. However, only A notes convey both kinds of information through the same acoustic parameters, which are related to note structure. Type B notes advertise body size through note and pulses repetition rate, while spacing is associated to the number and duration of pulses. Furthermore, intermale spacing was greater when mediated by A notes than when mediated by B notes. Therefore, A notes advertise mainly a male’s competitive ability in male-male interactions, while B notes appear to advertise the males’ reproductive quality to females
8

Influência relativa de parâmetros ambientais e espaciais na diversidade de anuros (Amphibia: Anura) dos Campos Gerais, Paraná, Brasil

Crivellari, Lucas Batista [UNESP] 24 February 2012 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:22:58Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2012-02-24Bitstream added on 2014-06-13T19:08:33Z : No. of bitstreams: 1 crivellari_lb_me_sjrp.pdf: 1471138 bytes, checksum: aa2839ddf9434751e8cc6c384cd026f9 (MD5) / Um dos principais desafios em ecologia de comunidades é fazer previsões em sistemas complexos onde organismos vivos interagem entre si através de uma sinergia de múltiplos fatores (bióticos e abióticos). Isso fica evidente em estudos de metacomunidades, quando consideramos que as comunidades não estão isoladas mas potencialmente interagindo através da dispersão das espécies. Neste contexto, somente com a avaliação da influência relativa de fatores ambientais e espaciais operando em várias escalas é possível identificar os mecanismos responsáveis pela estruturação e distribuição das espécies nas comunidades biológicas. Os Campos naturais presentes no estado do Paraná podem ser definidos como uma unidade fitogeográfica que apresenta cobertura predominantemente herbácea com elementos arbustivos e lenhosos (Estepes), interrompido por afloramentos rochosos e pela ocorrência de Floresta com Araucária, que aparece na forma de matas ciliares ou em capões isolados. Os Campos naturais estão entre os ecossistemas mais ameaçados do Brasil e sua anurofauna é praticamente desconhecida. O objetivo do presente trabalho é descrever a estrutura das comunidades de anuros nessa formação vegetal, avaliando o papel relativo de fatores ambientais (estrutura do hábitat local e da paisagem regional) e espaciais (posição geográfica dos corpos d’água) na estruturação das 12 comunidades, investigando a influência da heterogeneidade ambiental na diversidade (riqueza e abundância) de espécies de anuros. As amostragens foram realizadas por levantamento em sítio de reprodução e busca ativa, entre os meses de setembro de 2010 a março de 2011, sendo realizadas etapas de amostragem com duração de dez dias consecutivos. Ao todo foram amostrados 43 corpos d’água em quatro Unidades de Conservação de Campos Gerais em 30 dos quais... / One of main challenges of community ecology is to make predictions about complex systems of living organisms, which potentially interact with each other. Species interactions itself may be influenced by a complex association of multiple factors (biotic and abiotic). This is clear in metacommunity studies, in which we consider that communities are not isolated but potentially interacting through the dispersion of species. In this context, only when we take into account environmental factors and space operating at different scales is it possible to identify the mechanisms responsible for the structure and distribution of species in biological communities. Natural grasslands in Paraná are a phytogeographic unit with predominantly herbaceous coverage with shrubs and woody elements, interrupted by rocky outcrops, and the Araucaria Forest, as riparian forests or isolated capons. These natural grasslands are among the most threatened ecosystems of Brazil and its amphibians are practically unknown. The aim of this study was to describe the structure of assemblages of anurans, evaluating the relative role of environmental (physical complexity of the local and landscape structure) and spatial factors on community structure. I also investigated the influence of environmental heterogeneity on the diversity (richness and abundance) of anurans species. Fieldwork was conducted during ten days in each study area between September 2010 and March 2011. Overall, I sampled 43 water bodies, 30 of which I collected environmental data. I used the technique survey at breeding sites as a method for sampling anurans. I recorded 36 species belonging to in ten families corresponding to 25% of the known amphibian richness for the State of Paraná. Our results show a clear difference in anuran... (Complete abstract click electronic access below)
9

Influência relativa de parâmetros ambientais e espaciais na diversidade de anuros (Amphibia: Anura) dos Campos Gerais, Paraná, Brasil /

Crivellari, Lucas Batista. January 2012 (has links)
Orientador: Denise de Cerqueira Rossa Feres / Coorientador: Carlos Eduardo Conte / Banca: Fausto Nomura / Banca: Cinthia Aguirre Brasileiro / Resumo: Um dos principais desafios em ecologia de comunidades é fazer previsões em sistemas complexos onde organismos vivos interagem entre si através de uma sinergia de múltiplos fatores (bióticos e abióticos). Isso fica evidente em estudos de metacomunidades, quando consideramos que as comunidades não estão isoladas mas potencialmente interagindo através da dispersão das espécies. Neste contexto, somente com a avaliação da influência relativa de fatores ambientais e espaciais operando em várias escalas é possível identificar os mecanismos responsáveis pela estruturação e distribuição das espécies nas comunidades biológicas. Os Campos naturais presentes no estado do Paraná podem ser definidos como uma unidade fitogeográfica que apresenta cobertura predominantemente herbácea com elementos arbustivos e lenhosos (Estepes), interrompido por afloramentos rochosos e pela ocorrência de Floresta com Araucária, que aparece na forma de matas ciliares ou em capões isolados. Os Campos naturais estão entre os ecossistemas mais ameaçados do Brasil e sua anurofauna é praticamente desconhecida. O objetivo do presente trabalho é descrever a estrutura das comunidades de anuros nessa formação vegetal, avaliando o papel relativo de fatores ambientais (estrutura do hábitat local e da paisagem regional) e espaciais (posição geográfica dos corpos d'água) na estruturação das 12 comunidades, investigando a influência da heterogeneidade ambiental na diversidade (riqueza e abundância) de espécies de anuros. As amostragens foram realizadas por levantamento em sítio de reprodução e busca ativa, entre os meses de setembro de 2010 a março de 2011, sendo realizadas etapas de amostragem com duração de dez dias consecutivos. Ao todo foram amostrados 43 corpos d'água em quatro Unidades de Conservação de Campos Gerais em 30 dos quais... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: One of main challenges of community ecology is to make predictions about complex systems of living organisms, which potentially interact with each other. Species interactions itself may be influenced by a complex association of multiple factors (biotic and abiotic). This is clear in metacommunity studies, in which we consider that communities are not isolated but potentially interacting through the dispersion of species. In this context, only when we take into account environmental factors and space operating at different scales is it possible to identify the mechanisms responsible for the structure and distribution of species in biological communities. Natural grasslands in Paraná are a phytogeographic unit with predominantly herbaceous coverage with shrubs and woody elements, interrupted by rocky outcrops, and the Araucaria Forest, as riparian forests or isolated capons. These natural grasslands are among the most threatened ecosystems of Brazil and its amphibians are practically unknown. The aim of this study was to describe the structure of assemblages of anurans, evaluating the relative role of environmental (physical complexity of the local and landscape structure) and spatial factors on community structure. I also investigated the influence of environmental heterogeneity on the diversity (richness and abundance) of anurans species. Fieldwork was conducted during ten days in each study area between September 2010 and March 2011. Overall, I sampled 43 water bodies, 30 of which I collected environmental data. I used the technique survey at breeding sites as a method for sampling anurans. I recorded 36 species belonging to in ten families corresponding to 25% of the known amphibian richness for the State of Paraná. Our results show a clear difference in anuran... (Complete abstract click electronic access below) / Mestre
10

Hábitos alimentares de Toninha, Pontoporia blainvillei (Gervais e D'Orbigny, 1844) (Mammalia, Cetacea), no sul do Estado de São Paulo e norte do Paraná, Brasil

Lopes, Xênia Moreira [UNESP] 17 August 2012 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:30:15Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2012-08-17Bitstream added on 2014-06-13T19:00:02Z : No. of bitstreams: 1 lopes_xm_me_rcla.pdf: 707714 bytes, checksum: aa72e871a5e7fad4532d610d4822b6b7 (MD5) / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) / A toninha, Pontoporia blainvillei, é um pequeno cetáceo odontoceto da família Pontoporiidae com distribuição restrita a uma pequena parcela da América do sul, na costa Atlântica. Esta espécie tem sido foco de preocupação quanto ao seu status atual e futuro de conservação. Isto se deve em especial ao alto índice de mortalidade devido à captura acidental em redes de pesca, e à baixa capacidade desta espécie para repor a parcela da população removida por fontes de mortalidade não-naturais. Portanto, todo esforço destinado ao melhor conhecimento da mesma ao longo de sua distribuição se faz necessário. Este estudo visou averiguar o hábito alimentar de P. blainvillei utilizando os conteúdos estomacais de 86 indivíduos capturados acidentalmente por embarcações que operaram com redes de emalhe sediadas no porto do município de Cananéia (25°00’S e 47°55’W), sul do Estado de São Paulo, entre maio de 2005 e agosto de 2007. Foram reportados três grupos faunísticos nos conteúdos: peixes teleósteos, cefalópodes e crustáceos, sendo o hábito ictiófago o mais representativo. A toninha alimenta-se ao longo da coluna d’água e próximo ao substrato marinho. As famílias de peixes ósseos e cefalópodes mais relevantes foram Sciaenidae e Loliginidae, respectivamente. Com base no Índice de Importância Relativa, as espécies de peixe e cefalópode com maior importância no hábito alimentar foram a piaba, Pellona harroweri, e a lula Doryteuthis plei, respectivamente. O camarão-sete-barbas, Xiphopenaeus kroyeri, foi a espécie de crustáceo mais representativa. Não houve seletividade quanto à composição das presas consumidas, entretanto o contrário foi observado quanto ao porte das presas, sendo em geral consumidas presas pequenas... / The franciscana dolphin, Pontoporia blainvillei, is a small cetacean from the family Pontoporiidae with a restricted distribution to a small portion of the South American Atlantic coast. The conservation of this species has been a cause of great concern due to the high levels of mortality in gillnet fishing and the low levels of stock reposition. Therefore, efforts to evaluate the natural history of franciscana dolphins throughout its distribution are deemed necessary. The present study evaluated P. blainvillei feeding habits through the analyses of 86 stomach contents of individuals incidentally captured by the gillnet fishing fleet based on the Cananéia main harbour (25°00’S; 47°55’W), south of São Paulo state, which operated in coastal waters between May 2005 and August 2007. Three different types of preys were reported: teleostean fishes, cephalopods and crustaceans. The ichthyophagous habit was the most representative. Franciscana dolphins preyed throughout the water column and near the sea bottom. Sciaenidae and Loliginidae were the most relevant fish and cephalopod families, respectively. Based on the Index of Relative Importance, the most important teleostean fish and cephalopod species were Pellona harroweri and Doryteuthis plei, respectively. The seabob shrimp, Xyphopenaeus kroyeri was the most representative crustacean species. There was no selectivity in prey composition, however the opposite pattern was observed regarding prey size, with small-sized preys consumed frequently (fishes: mean ± standard error of the mean = 4.62 ± 0.02cm / cephalopods: mean ± standard error of the mean = 8.76 ± 0,14cm). When gender, sexual maturity and season were evaluated, the main preys remained the same... (Complete abstract click electronic access below)

Page generated in 0.0808 seconds