• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 96
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 96
  • 96
  • 26
  • 25
  • 24
  • 17
  • 14
  • 13
  • 12
  • 12
  • 10
  • 10
  • 10
  • 10
  • 9
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Eletrodeposição e caracterização de revestimentos de Co-Mo e avaliação frente à corrosão e à reação de desprendimento de hidrogênio / Covering electroplating and characterization of Co-Mo and evaluation front to the corrosion and the reaction of hydrogen unfastening

Casciano, Paulo Naftali da Silva January 2009 (has links)
CASCIANO, P. N. S. Eletrodeposição e caracterização de revestimentos de Co-Mo e avaliação frente à corrosão e à reação de desprendimento de hidrogênio. 2009. 76 F. Dissertação (Mestrado em Química Orgânica) - Centro de Ciências, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2009. / Submitted by José Jairo Viana de Sousa (jairo@ufc.br) on 2014-10-13T18:50:56Z No. of bitstreams: 1 2009_dis_pnscasciano.pdf: 2791020 bytes, checksum: 615a30d290ef512c7f8770b1f0ebba85 (MD5) / Approved for entry into archive by José Jairo Viana de Sousa(jairo@ufc.br) on 2015-04-22T22:03:14Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2009_dis_pnscasciano.pdf: 2791020 bytes, checksum: 615a30d290ef512c7f8770b1f0ebba85 (MD5) / Made available in DSpace on 2015-04-22T22:03:14Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2009_dis_pnscasciano.pdf: 2791020 bytes, checksum: 615a30d290ef512c7f8770b1f0ebba85 (MD5) Previous issue date: 2009 / This work objective of this work was to electrodeposit Co-Mo on copper substrate and analyze the influence of current density and pH of the electrolytic solution during electrodeposition. Coatings were produced under galvanostatic control in the current density interval of 30 mAcm-2 to 60 mAcm-2 and pH 6 to 8. The Co-Mo coatings presented a nodular morphology with cracks, independently of the value of current density and pH employed. An analysis of the coating obtained with 60 mAcm-2 and pH8 by energy-dispersive X-ray spectroscopy revealed a high percentage of molybdenum, 32%. An X-ray diffraction analysis indicated that the coating were amorphous. The efficiency of the electrodeposition process was highest at a current density of 30 mAcm-2 and pH6. Theelectrochemical corrosion study was carried out in a medium of NaCl solution and of HCO3-/CO32-solution. The corrosion property of the various types of coatings showed no difference, but the HCO3-/CO32- medium was more aggressive and the composition of the passivation film was found to be dependent on the aggressive medium. The coating with the largest active area (containing the highest percentage of molybdenum) was used for the electrochemical study of the hydrogen evolution reaction (HER). Based on steady-state polarization curves carried out in a temperature range of 30 to 60 ºC it was possible to determine the activation energy for the HDR on the Co-Mo coatings, obtaining a value of 18.41 kJ.mol-1 / Este trabalho objetiva a eletrodeposição de Co-Mo sobre substrato de cobre e analisar a influência da densidade de corrente e do pH da solução eletrolítica durante a eletrodeposição. Os revestimentos foram obtidos sob controle galvanostático no intervalo de densidade de corrente de 30 mAcm-2 a 60 mAcm-2 e pH de 6 a 8. Os revestimento de Co-Mo apresentaram morfologia nodular com trincas independente do valor de densidade de corrente e pH usado. Por meio de Energia Dispersiva de Raios-X, o revestimento obtido em 60 mA.cm-2 e pH 8 apresentou maior porcentagem de molibdênio, 32%. A análise por Difração de Raios-X mostra que os revestimentos são amorfos. A eficiência no processo de eletrodeposição é maior quando a densidade de corrente é de 30 mAcm-2 e pH igual a 6. O estudo eletroquímico para a corrosão foi realizado em meio de solução de NaCl e solução deHCO3-/CO32-. Entre os tipos de revestimentos não houve diferença nas propriedadescorrosivas, poré , entre os meios, o de HCO3-/CO32- mostrou-se mais agressivo e a composição do filme de passivação depende do meio agressor. No estudo eletroquímico para a reação de desprendimento de hidrogênio (RDH) utilizou-se o revestimento com maior área ativa (com maior porcentagem de molibdênio). Por meio de curvas de polarização em estado estacionário, realizadas em um intervalo de temperatura de 30 a 60 °C, foi possível determinar a energia de ativação para a RDH sobre o revestimento de Co-Mo, obtendo-se um valor de 18,41 kJ.mol-1
2

Eletrodeposição, Caracterização e Estudos de Corrosão de Camadas de Ni-Mo-P

Melo, Régis Lopes January 2009 (has links)
MELO, R. L.; Eletrodeposição, Caracterização e Estudos de Corrosão de Camadas de Ni-Mo-P. 2009. 82 f. Dissertação (Mestrado em Química Orgânica) - Centro de Ciências, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2009. / Submitted by José Jairo Viana de Sousa (jairo@ufc.br) on 2014-10-13T20:42:42Z No. of bitstreams: 1 2009_dis_rlmelo.pdf: 4522295 bytes, checksum: 08116a16b20a848167aca50ece2a2725 (MD5) / Approved for entry into archive by José Jairo Viana de Sousa(jairo@ufc.br) on 2014-10-30T21:48:54Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2009_dis_rlmelo.pdf: 4522295 bytes, checksum: 08116a16b20a848167aca50ece2a2725 (MD5) / Made available in DSpace on 2014-10-30T21:48:55Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2009_dis_rlmelo.pdf: 4522295 bytes, checksum: 08116a16b20a848167aca50ece2a2725 (MD5) Previous issue date: 2009 / The present work describes the electrodeposition and characterization of the Ni-Mo-P coatings as well their corrosion behavior in 0.1 mol L-1 NaCl solution. The coatings were obtained by under galvanostatic control in the range of 25 mA cm-2 to 100 mA cm-2 and at the following plating solutions temperatures: room temperature (@ 27 °C), 50 °C and 70 °C. As-electrodeposited and as-annealed Ni-Mo-P coatings were characterized using Scaning Electron Microscopy (SEM), X-ray diffraction (XRD), Energy Dispersive X-ray (EDX) techniques and by microhardness measurements. The Ni-Mo-P coatings were electrodeposited on a copper surface using a plating solution contain 0.02 mol L-1 Na2MoO4.2H2O; 0.20 mol L-1 NiSO4·6H2O; 0.02 mol L-1, 0.04 mol L-1 NaPH2O2 and 0.10 mol L-1 Na3C6H5O7.2H2O, with the pH adjusted to 9.0 with ammonia solution. The corrosion tests were carried out by Potentiodynamic Linear Polarization (PLP) and by Electrochemical Impedance Spectroscopy (EIS) techniques. The microhardness measurements were made in samples as-electrodeposited and asannealed at 100, 200, 400 and 600°C. XRD diffractograms showed a change from crystalline structure for amorphous with the increase of P content in the coating. The increase of the microhardness of the coatings is observed with the increase of the annealing temperature which was related to the precipitation of Ni3P, Ni and Ni-Mo phases. The corrosion study shows a tendency of shift of the corrosion potentials for more positive values with the increase of P in the layer. Analyzing the corrosion results it can determine that Ni78Mo10P12 is the more resistive coating among the layers of studied. / O presente trabalho descreve a síntese, a caracterização e o estudo de corrosão em meio de NaCl 0,1 mol L-1 das ligas de Ni-Mo-P. Todas as ligas foram obtidas por eletrodeposição sobre uma superfície de cobre a temperatura ambiente, a 50°C e a 70°C, essas camadas foram caracterizadas em termos de microestrtura, composição química, estrutura cristalográfica, microdureza e resistência à corrosão. O eletrólito utilizado, para eletrodeposição dos revestimentos de Ni-Mo-P, foi uma solução de Na2MoO4.2H2O 0,02 mol L-1; NiSO4·6H2O 0,20 mol L-1; NaPH2O2 0,02 mol L-1 e 0,04 mol L-1; Na3C6H5O7.2H2O 0,10 mol L-1 e o pH ajustado para 9,0 com hidróxido de amônia. A caracterização física e química das camadas foram feitas por MEV, EDX, DRX e medidas de microdureza. Os testes eletroquímicos de corrosão foram feitos por polarização potenciodinâmica linear (PPL) e pela espectroscopia de impedância eletroquímica (EIE). As medidas de microdureza foram feitas em amostras não tratadas e tratadas termicamente nas temperaturas de 100, 200, 400 e 600°C. Os resultados de DRX mostram uma mudança de estrutura cristalina para amorfa com o aumento do teor de fósforo na camada. Observa-se o aumento da microdureza dos revestimentos de Ni-Mo-P com o aumento da temperatura de tratamento térmico, as análises de DRX feitas nas amostras tratadas termicamente mostraram que com o aumento da temperatura de tratamento há a precipitação de fases duras Ni3P, Ni e Ni-Mo. Na avaliação do estudo de corrosão observa-se uma tendência de deslocamento dos potenciais de corrosão para valores mais positivos, com o aumento do teor de fósforo na camada. Analisando os resultados de ensaios de corrosão pode-se determinar que o revestimento de Ni78Mo10P12 apresentou-se como o mais resistivo dentre as camadas de Ni-Mo-P.
3

Produção da liga ternaria ND-FE-B via redução-difusão

Ristow Junior, Waldyr January 1992 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro Tecnologico / Made available in DSpace on 2016-01-08T17:54:37Z (GMT). No. of bitstreams: 1 87105.pdf: 17232760 bytes, checksum: 58740011eff73b338c7fb9d41f5da204 (MD5) Previous issue date: 1992 / No presente trabalho estudou-se o processo de obtenção da liga ternária Nd-Fe-B, via redução-difusão calciotérmica. Foram estudadas as variáveis-tempo, temperatura, excesso de cálcio e excesso de neodímio. Foi produzido pó dessa liga para obtenção de ímãs, via metalurgia do pó. As etapas envolvidas no processo foram: 1) produção da liga via R-D; 2)trituração da liga; 3) retirada dos resíduos do processo (lavagem do pó); 4)moagem. Também foi estudado um processo alternativo de retirada de resíduos da reação R-D. A caracterização da liga foi feita através de análise química, microestrutural e difração de raio-x. à análise química foi realizada utilizando-se um espectrômetro de energia dispersiva, analisando-se os elementos Ca, Nd e Fe. Também foram realizadas análises em um espectrômetro de comprimento de onda dispersiva para determinação do teor de oxigênio e boro. à análise microestrutural foi feita em microscópio ótico utilizando-se também o recurso de luz polarizada para análise da fase com domínios magnéticos. A difração de raio-x permitiu concluir sobre a cristalinidade da liga e principalmente verificar a presença da fase Nd2Fe14B, que é a fase principal na liga bem como a presença de ferrita (Fe-a) e óxidos remanescentes do processo da lavagem do pó.
4

Simulação numerica da transferencia de calor e massa na solidificação de ligas binarias, considerando instabilidades morfologicas

Ferreira, Romulo Adolfo Heringer January 1996 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnologico / Made available in DSpace on 2016-01-08T20:59:33Z (GMT). No. of bitstreams: 1 107324.pdf: 1973494 bytes, checksum: b5c64eaf23155ed7d42495cfa01151ca (MD5) Previous issue date: 1996 / Um modelo é proposto para solução numérica da transferência de calor e massa na solidificação unidirecional de ligas binárias hipoeutéticas, considerando a possibilidade da ocorrência de instabilidades morfológicas. São determinados o campo de entalpia, a distribuição de soluto, a velocidade de avanço da interface, bem como características da microestrutura de solidificação em função do tempo e da posição no domínio. A hipótese fundamental no presente trabalho é de que o efeito preponderante para os fenômenos de transporte, devido ao aparecimento de morfologias mais complexas, é o aumento da superfície entre o líquido e o sólido. É usada a teoria de estabilidade linear desenvolvida por Mullins e Sekerda, bem como as conclusões de Langer e Muller-Krumbhaar acerca do critério marginal de estabilidade, para incluir o efeito da instabilidade nos balanços térmico e mássico junto à interface. As equações de transporte de espécie química e de energia são resolvidas para as regiões líquida e sólida usando o método dos volumes finitos. Mediante a definição de uma interface itinerante entre os subdomínios correspondentes às regiões líquida e sólida, um conjunto completo de equações discretizadas é resolvido simultaneamente para todo o domínio. As comparações entre os resultados obtidos com o presente modelo e dados experimentais e teóricos da literatura, demonstram que o modelo e a metodologia de solução são capazes de rever a solidificação unidirecional de ligas binárias, mesmo quando ocorre o crescimento de estruturas celulares na interface de solidificação.
5

Estudo da influência do tempo de moagem na obtenção da liga Cu-13Al-4Ni via metalurgia do pó

Grossi, Lara Jardim 31 October 2016 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Tecnologia, Departamento de Engenharia Mecânica, 2016. / Submitted by Camila Duarte (camiladias@bce.unb.br) on 2017-01-05T13:24:55Z No. of bitstreams: 1 2016_LaraJardimGrossi.pdf: 15490704 bytes, checksum: b1957340912d46f113d53dea8f6d8e7c (MD5) / Approved for entry into archive by Raquel Viana(raquelviana@bce.unb.br) on 2017-02-03T20:16:56Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2016_LaraJardimGrossi.pdf: 15490704 bytes, checksum: b1957340912d46f113d53dea8f6d8e7c (MD5) / Made available in DSpace on 2017-02-03T20:16:56Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2016_LaraJardimGrossi.pdf: 15490704 bytes, checksum: b1957340912d46f113d53dea8f6d8e7c (MD5) / O presente trabalho estuda a influência do tempo da moagem de alta energia nas características, como dureza e densidade, da liga Cu-13Al-4Ni obtida pelo processo de metalurgia do pó. O estudo desta liga vem tendo grande crescimento uma vez que, esta possui alta aplicabilidade na indústria e é passível do efeito memória de forma. Inicialmente, os pós elementares de cobre, alumínio e níquel foram caracterizados em relação à morfologia e a pureza, além da determinação da temperatura de fusão de cada um de forma individual. Observou-se que todos os pós caracterizados apresentaram pureza acima de 99,5% sendo adequados para a utilização na técnica de metalurgia do pó. Os componentes da liga, nas proporções adequadas, forma inseridos em um moinho de bolas planetário e submetidos à moagem por tempos de 2, 4, 8 e 16 horas ao vácuo obedecendo aos mesmos procedimentos e parâmetros evitando que variações na moagem interferissem no resultado final. As densidades aparentes dos pós já moídos foram calculadas e observou-se que o aumento do tempo de moagem diminui o valor desta densidade devido à deformação plástica dos elementos envolvidos. Os pós moídos foram compactados uniaxialmente a frio, utilizando a pressão específica de cada amostra que, foi determinada através da construção de curvas de compressibilidade. As densidades a verde foram calculadas e os resultados obtidos indicaram que o aumento do tempo de moagem provoca a diminuição do seu valor. Os compactados foram sinterizados a 1000 por uma hora e meia em atmosfera de argônio. As densidades e, consequentemente, as porosidades das amostras sinterizadas foram calculadas. As melhores densificações, em relação à densidade teórica, foram obtidas para os tempos de moagem de 4 e 8 horas, que apresentaram, respectivamente, a porcentagem de porosidade de 21,419% e 21,628%. Estudos de calorimetria diferencial de varredura confirmaram que nenhuma das ligas em estudo apresentou o efeito memória de forma sugerindo que são necessárias outras etapas para possibilitar o aparecimento desta característica. Os resultados de DRX confirmaram a presença das fases γ2, α e AlNi formadas após a sinterização. Além disso, o aumento do tempo de moagem favoreceu o surgimento das fases γ2 e AlNi. O valor mais elevado de microdureza, 237,080 HV/10 gf, foi obtido para as amostras que sofreram moagem de 4 horas. Desta forma, 4 horas de moagem foi o tempo ideal, em relação à densificação e microdureza, para a obtenção da liga CuAlNi considerando os parâmetros utilizados neste trabalho. / This work studies the influence of the high energy milling time in the manufacture of Cu-13Al-4Ni alloy by powder metallurgy process, as well as, the finals characteristics of the products. The study of this alloy has had growth since it has high applicability in the industry and is liable of shape memory. Firstly, the elementary powders of copper, aluminum and nickel were characterized in regarding of the morphology, purity and melting temperature of each individual element. All powders that were analyzed have showed purity over than 99,5%, suitable for the powder metallurgy technic. The components of alloy, in the correct proportions, were inserted in a Planetary Balls Mill and have been submitted to milling for 2, 4, 8 and 16 hours following the same procedures and parameters to prevent that variations interfere in the final result. The apparent densities of the milled powders were calculated and, the results have showed that the increasing the milling time decreases the value of this density, because of the plastic deformation in the involved elements. The milled powders were uniaxially cold compressed, using specific pressure for each sample which, were determined through the construction of compressibility curves for the four different milling times. The green densities were calculated and, the results have showed that the milling time increase causes the decrease of this density. The compressed were sintered at 1000 for 90 minutes in argon atmosphere. The densities, and consequently, the porosity were determined. The best densifications, in relation to theoretical density, were obtained for the milling time of 4 and 8 hours, which have showed, respectively, the percentage of porosity of 21,419% and 21,628%. Studies of Differential Scanning Calorimetry have confirmed that the alloys didn’t show the shape memory effect, suggesting that are necessary others steps to possibility the appearance of this characteristic. The DRX results have confirmed the presence of γ2, α e AlN i phases formed after the slow cooling at an oven. Furthermore, the increasing of the milling time has favored the appearance of γ2 and AlNi phases. The higher value of microhardness, 237,080 HV/10 gf, was obtained for the samples which have been milled for 4 hours. Thus, 4 hours was the ideal milling time, in relation to densification and microhardness for obtain the CuAlNi alloy considering the parameters used in this work.
6

Analise numerica da variação da permeabilidade de canais interdentriticas durante a solidificação de ligas metalicas

Melo, Mirian de Lourdes Noronha Motta 27 September 1991 (has links)
Orientador: Rezende Gomes dos Santos / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Engenharia Mecanica / Made available in DSpace on 2018-07-14T01:23:02Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Melo_MiriandeLourdesNoronhaMotta_M.pdf: 2852437 bytes, checksum: 011d1bdb976adbacceeba6b0886afabf (MD5) Previous issue date: 1991 / Resumo: Este trabalho apresenta o desenvolvimento de um modelo numérico , baseado em diferenças finitas, determinação dos principais parâmetros térmicos e que permite a estruturais processo de solidificação de ligas metálicas, para casos do de fluxos de esfera). calor unidirecional (placa) e radiais o modelo (cilindro permite e Utilizando tais parâmetros a determinação da tortuosidade e da permeabilidade os canais interdendriticos que são importantes para a análise da formação de microporosidades durante o processo de solidificação O modelo desenvolvido é aplicado para o estudo da solidificação de diferentes ligas em diversas condições do sistema metal/molde / Abstract: In this work a numerical method, using finite difference equations , is proposed to study the solidification of metallic alloys under unidirectional (slabs) and radial (cylinders and spheres) heat flux. The method is able to predict the tortosity and permeability of the dendritic channels , which are important to study pore formation during solidification. The method is aplied to study different alloys and different metal/mold conditions / Mestrado / Mestre em Engenharia Mecânica
7

Desenvolvimento de ligas Fe-C-Cr-(Nb) resistentes ao desgaste

Gregolin, Jose Angelo Rodrigues 16 February 1990 (has links)
Orientador : Nelson Guedes de Alcantara / Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Engenharia de Campinas / Made available in DSpace on 2018-07-14T02:08:21Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Gregolin_JoseAngeloRodrigues_D.pdf: 7272657 bytes, checksum: 9570b8db39232cea6fded9a3eaea20fd (MD5) Previous issue date: 1990 / Resumo: São apresentados os resultados de uma pesquisa sobre o desenvolvimento de ligas Fe ¿ C ¿ Cr e Fe ¿ C ¿ Cr ¿ Nb que representam classes importantes de materiais para aplicações contra o desgaste abrasivo. As ligas experimentais foram elaboradas em forno de indução e vazadas em moldes de areia. Ensaios abrasivos por sílica a baixas tensões, com equipamento de roda de borracha, foram realizados para a determinação de perdas de massa e de volume dos materiais. Empregou-se uma técnica de microscopia eletrônica de varredura na observação de superfícies progressivamente desgastadas. Também foram realizadas análises térmicas de solidificação de ligas, com o emprego de forno de aquecimento resistivo e interrupção de solidificação por congelamento da amostra. Com relação ás microestruturas destes materiais, a série de ligas Fe ¿ C ¿ Cr apresentou matriz austenítica (?) e carbonetos M7C3 variando entre 8,7% a 47,7%, abrangendo desde estruturas hipoeutéticas até hipereutéticas. A série de ligas Fe ¿ C ¿ Cr ¿ Nb apresentou as fases ?, M7C3 e NbC em duas configurações microestruturais típicas, com a formação de ? dendrítico ou de carbonetos M7C3 massivos. As ligas da série ao Nb contendo ? dendrítico apresentaram desde 1,5 até 22,2% NbC (em um total de 27,9 até 44,1% de carbonetos M7C3 + NbC). As ligas da série ao Nb contendo M7C3 massivo apresentaram desde 1,2 7 3 até 20,5% NbC (em um total de 36,5 até 45,1% de carbonetos M7C3 + NbC). Investigou-se a variação do desgaste com a porcentagem volumétrica de carbonetos presentes na microestrutura destes materiais. Verificou-se um mínimo de desgaste para frações intermediárias de carboneto M7C3 nas ligas Fe ¿ C ¿ Cr, para microestrutura ligeiramente hipereutética. Também foi verificado um mínimo de desgaste para fração intermediária do total de carbonetos M7C3 + NbC para as ligas Fe ¿ C ¿ Cr ¿ Nb. Para auxiliar na interpretação dos resultados quantitativos de desgaste, foram observados os micromecanismos superficiais de desgaste. As diferentes formas de degradação microestrutural em geral se mostraram semelhantes para as ligas Fe ¿ C ¿ Cr e Fe ¿ C ¿ Cr ¿ Nb. Entretanto, podem ser salientadas duas diferenças importantes no desgaste de NbC e M7C3. O NbC não apresentou ilhas de matriz austenítica confinadas em seu interior, ao contrário do M7C3 massivo que apresentou essa formação microestrutural e o mecanismo de fragmentação por pite associado. Por outro lado, os carbonetos NbC massivos mostraram-se sujeitos a um arrancamento ou desintegração acentuada, enquanto que os carbonetos M7C3 massivos apresentaram degradação sempre gradual. Para a previsão e interpretação da formação das microestruturas obtidas nas ligas da série contendo Nb, foi desenvolvido um modelo de equilíbrio e solidificação de fases. O modelo previu por exemplo, os campos de formação de ? dendrítico ou M7C3 massivo, presentes de forma mutuamente excludentes e todas as ligas contendo NbC investigadas. O modelo fundamentou-se no sistema Fe ¿ C ¿ Cr ¿ NbC. / Abstract: The Fe - C - Cr e Fe - C - Cr - Nb alloys, extensively used for abrasive wear resistance applications, were developed and studied in the present work. These experimental alloys were induction melted and sand cast. Low stress rubber wheel abrasion tests with silica were performed for mass and volume loss measurements. Scanning electronic microscopy was use for observing wear damages on the material's surface. Thermal analysis were conducted by heating some alloys in a SiC resistance furnace and water quenching for freezing structures. The Fe - C - Cr alloy microstrutures showed austenitic (?) matrix and 8,7% to 47,7% M7C3 carbides going from hipoeutetic to hipereutetic structures. The Fe - C - Cr alloys exibited ?, M7C3 and NbC in two different microstructural configurations. One of them showed dendritic ? and the other massive M7C3 . The Nb alloys with dendritic ? showed 1,5 to 22,2% NbC (in a total of 27,9% to 44,1% M7C3 + NbC), whilst the Nb alloys with massive M7C3 showed 1,2 to 20,5% NbC (in a total of 36,5 to 45,1% M7C3 + NbC). The influence of carbide volume fraction on the wear behavior was investigated, and a minimum wear was observed for intermediate volume fraction of M7C3 in Fe - C - Cr alloys corresponding to a slightly hipereutetic microstructure. The same behavior was also verified at intermediate M7C3 + NbC carbide volume fraction for the Nb alloys. For a better understanding o the above quantitative results SEM observations were performed, attention being centered on the evolution of the wear morphology and thus on the micromechanism involved in the process. Although the general features were almost identical, two main differences were observed, regarding the fracture mode of massive NbC and M7C3 . First, austenitic matrix islands were observed within M7C3 carbide, which exibited pit formation mechanism, while no such microstructural feature was associated to NbC. Second, evidences of NbC gross fracture were often found while massive M7C3 was characterized by progressive degradation. In order to rationalize the Nb alloys microstruture formation, a phase equilibrium diagram and a solidification model were developed based on a Fe - C - Cr - NbC system. The ? dendritic and massive M7C3 solidification fields for the experimental Nb alloys were explained by this model / Doutorado / Doutor em Engenharia Mecânica
8

Teoria de impurezas isoeletrônicas em ligas III-V

Fracastoro-Decker, Maristella 23 July 1980 (has links)
Orientador: George G. Kleiman / Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Fisica Gleb Wataghin / Made available in DSpace on 2018-07-14T22:09:41Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Fracastoro-Decker_Maristella_D.pdf: 2427958 bytes, checksum: 16a19bd1104f9d801fc28cd998619bc5 (MD5) Previous issue date: 1980 / Resumo: Neste trabalho é estudado sistematicamente o modelo de Kleiman para o potencial criado por uma impureza isoeletrônica numa liga III-V. Este modelo atribui ao potencial de impureza uma componente de curto alcance e uma de longo alcance (20-25 Þ ), ambas atrativas. A presença desta última componente está em contraste com as interpretações tradicionais da física deste tipo de impurezas e obriga a uma revisão da origem deste potencial de alcance mais extenso, anteriormente atribuído à relaxação da rede. O modelo é aplicado ao caso de Ga(As,P):N, estudado em detalhe e comparado com a experiência. O acordo entre os resultados obtidos e os dados é muito bom / Abstract: In this work we present a systematic study of the Kleiman model for an isoelectronic impurity potential in a III-V alloy. The model attributes a short-range plus a long-range component to the impurity potential. The presence of this long-range part, which extends on a region of 20-25 Þ , is in contrast with traditional interpretations of the physics of this kind of impurity and forces to a revision of the origin of this more extended component of the potential, previously attributed to lattice relaxation around the impurity. The model was studied in detail, applied to Ga(As,P):N and compared to the data. The results of these calculations are in very good agreement with experience / Doutorado / Física / Doutor em Ciências
9

Influência da temperatura de envelhecimento na histerese de molas de NiTi, Distrito Federal, 2016

Brandão, Nilo José Lima da Silva 01 December 2016 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade UnB Gama, Programa de Pós-Graduação em Integridade de Materiais da Engenharia, 2016. / Submitted by Camila Duarte (camiladias@bce.unb.br) on 2017-02-02T17:00:28Z No. of bitstreams: 1 2016_NiloJoséLimadaSilvaBrandão.pdf: 2624080 bytes, checksum: 49da07484afd1d134a7e07ebc01d7d09 (MD5) / Approved for entry into archive by Raquel Viana(raquelviana@bce.unb.br) on 2017-02-16T16:26:08Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2016_NiloJoséLimadaSilvaBrandão.pdf: 2624080 bytes, checksum: 49da07484afd1d134a7e07ebc01d7d09 (MD5) / Made available in DSpace on 2017-02-16T16:26:08Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2016_NiloJoséLimadaSilvaBrandão.pdf: 2624080 bytes, checksum: 49da07484afd1d134a7e07ebc01d7d09 (MD5) / As ligas com memória de forma possuem a capacidade de recuperar sua forma original após deformações severas. No comportamento pseudoelástico a liga possui capacidade dissipativa de energia, em decorrência do laço de histerese. Com o objetivo de conhecer a influência das temperaturas de envelhecimento na histerese de ligas de NiTi, adotou-se como metodologia a fabricação de molas helicoidais feitas com um fio comercial de NiTi com composição em peso de aproximadamente 56% de níquel e 44% de titânio, diâmetro de 2,16 mm e microestrutura em fase austenítica. Os corpos de prova (molas) passaram por tratamento térmico de 500 °C para alívio de tensão e foram envelhecidos nas temperaturas de 350 °C, 450 °C, 550 °C e 600 °C com isoterma de 30 minutos e têmpera em água. As molas foram ensaiadas mecanicamente para obtenção dos gráficos de histerese e caracterizadas por calorimetria exploratória diferencial (DSC), difração de raio X (DRX) e ensaios de microdureza vickers. O tratamento térmico de alívio de tensão (500 °C) e os envelhecimentos de 350 °C, 450 °C e 550 °C desenvolveram fase R. As temperaturas de transformação martensítica diminuíram para todas as amostras tratadas termicamente. Os tratamentos térmicos reduziram o valor da microdureza nas amostras quando comparadas à liga como recebida. Os tratamentos de envelhecimento de 350 °C e 450 °C em temperatura ambiente apresentam fase austenita, fase R e precipitação Ni2Ti. O envelhecimento de 350 °C aparentemente apresentou menor laço de histerese e o tratamento térmico de 500 °C o maior laço de histerese quando comparados todos os tratamentos. / The shape memory alloys have the ability to recover the original form, after large deformations. In pseudoelasticity, the alloy having energy dissipation capacity, as a result of the hysteresis loop. The objective is to know the influence of aging temperatures on the mechanical properties of a NiTi pseudoelastic. Springs were made with commercial wire NiTi, with composition 54% of Ni and 42 % of Ti, diameter 2.16 mm and austenitic microstructure. The springs had heat treatment for stress relief (500 °C), posteriorly the samples were heat-aging treatment at temperatures of 350 °C, 450 °C, 550 °C and 600 °C. The springs underwent mechanical testing, DSC, RXD, vickers microhardness. The aging treatment of 350 ° C, 450 ° C, 500 ° C and 550 ° C developed R phase. Heat treatment reduced the hardness of the samples. The martensitic transformation temperatures decreased for all thermally treated samples. The aging treatments of 350 °C and 450 °C at ambient temperature exhibit in their austenite phase, R phase and Ni2Ti precipitation. The aging treatment of 350 ° C apparently showed smallest hysteresis loop and heat treatment of 500 ° C the largest hysteresis loop when comparing with the all treatments.
10

Caracterização de ligas hipereutéticas de Al-Ni solidificadas unidirecionalmente / Characterization of hypereutectic Al-Ni alloys unidirectionally solidified

Dantas, Patrícia Pereira 02 April 2014 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade Gama, Faculdade de Tecnologia, Programa de Pós-Graduação em Integridade de Materiais da Engenharia, 2014. / Submitted by Raquel Viana (raquelviana@bce.unb.br) on 2014-10-13T18:53:49Z No. of bitstreams: 1 2014_PatríciaPereiraDantas.pdf: 4689274 bytes, checksum: 44746194ebe45764f0ea7fbdc31c7284 (MD5) / Approved for entry into archive by Raquel Viana(raquelviana@bce.unb.br) on 2014-10-15T17:25:36Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2014_PatríciaPereiraDantas.pdf: 4689274 bytes, checksum: 44746194ebe45764f0ea7fbdc31c7284 (MD5) / Made available in DSpace on 2014-10-15T17:25:36Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2014_PatríciaPereiraDantas.pdf: 4689274 bytes, checksum: 44746194ebe45764f0ea7fbdc31c7284 (MD5) / O alumínio é o metal não-ferroso mais consumido do mundo, devido à suas propriedades, como baixa densidade, alta resistência à corrosão, alta condutibilidade térmica e elétrica, boa tenacidade, alta resistência a baixas temperaturas e excelente conformidade, entretanto, sua baixa resistência mecânica torna-se um limitador de suas aplicações. A adição de elementos de liga, como o níquel, tende a melhorar suas propriedades mecânicas, deixando-o atrativo para as mais diversas indústrias como a aeroespacial, a automotiva e a bélica. As ligas de alumínio-níquel, assim como os demais materiais fundidos, dependem do processo de solidificação para desenvolverem estruturas que atendam às exigências das indústrias. A evolução da microestrutura durante a solidificação não é afetado somente pelo teor de soluto mas também por variáveis que controlam o processo, tais como velocidade de solidificação, taxa de resfriamento e gradiente térmico. Desta forma, a cinética da solidificação pode influenciar de forma significativamente a estrutura final e como consequência, suas propriedades mecânicas. Diante disto, este trabalho buscou relacionar as variáveis térmicas da solidificação com os parâmetros microestruturais das ligas Al-8,5%Ni e Al-9%Ni produzidas em dispositivo de solidificação unidirecional vertical ascendente e verificou a influência do teor de níquel nas propriedades mecânicas através da realização de ensaio mecânico não destrutivo. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT / Aluminum is the most consumed non-ferrous metal in the world, due to its properties such as low density, high corrosion resistance, high thermal and electrical conductivity, good toughness, high resistance to low temperatures and excellent compliance, however, its low mechanical strength becomes a limiting their applications. The addition of alloying elements, such as nickel, tends to improve its mechanical properties, making it attractive for a variety of industries such as aerospace, automotive and war. The aluminum-nickel alloys, like other molten materials, depend on the solidification process to develop structures that meet the requirements of the industries. The evolution of microstructure during solidification is not only affected by the content of solute but also by controlling the process variables, such as speed of solidification cooling rate and thermal gradient. Thus, the kinetics of solidification can significantly influence the shape of the final structure, and as a result, its mechanical properties. Thus, this study sought to relate the solidification thermal variables with the microstructural parameters of the Al-8,5wt.%Ni and Al-9wt.%Ni alloys produced in vertical upward directional solidification device and verified the influence of nickel on the mechanical properties by performing non-destructive mechanical testing.

Page generated in 0.1754 seconds