• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 796
  • 16
  • 15
  • 15
  • 14
  • 12
  • 6
  • 5
  • 3
  • 2
  • 2
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 819
  • 522
  • 163
  • 121
  • 114
  • 96
  • 92
  • 69
  • 63
  • 54
  • 50
  • 50
  • 46
  • 42
  • 40
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Associação de micelas mistas de surfactantes aniônicos como o polímero hidrofobicamente modificado etil(hidroxietil) celulose(EHEC)

Dal-bó, Alexandre Gonçalves January 2007 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Físicas e Matemáticas. Programa de Pós-Graduação em Química / Made available in DSpace on 2012-10-23T06:07:39Z (GMT). No. of bitstreams: 1 238445.pdf: 1153241 bytes, checksum: 80be82d9e68e45ecf781b3808a8f1d0f (MD5) / As propriedades de misturas de etil(hidroxietil) celulose (EHEC) e dodecanoato de sódio (SDoD) em solução tampão borato/NaOH, pH 9,20, a 250C, foram aqui investigadas por meio de medidas de tensão superficial, condutividade elétrica e transmitância. Experimentos paralelos com misturas de EHEC e dodecilsulfato de sódio (SDS) foram executados. Também foi investigada a formação de micelas mistas do SDoD com o SDS na ausência e em presença de EHEC. Foram analisados parâmetros de associação obtidos a partir dos perfis de condutividade elétrica e tensão superficial como concentração micelar crítica (cmc), concentração de agregação crítica (cac), ponto de saturação do polímero (psp) e outras características como a inclinação nos perfis de condutividade específica versus [surfactante], o efeito da concentração do polímero nos parâmetros (cac) e (psp). Foi estudado o efeito da concentração do polímero nos parâmetros (cac) e (psp) para reforçar que o processo de ligação dos surfactantes SDS e SDoD ao polímero é fortemente cooperativo e que a mistura formada pelos surfactantes SDS e SDoD se trata de um sistema ideal, tanto através dos valores de (cmc) quanto através da (cac).
2

Complexos supramoleculares formados por associação do biossurfactante colato de sódio e do surfactante dodecil sulfato de sódio com o polímero neutro poli(óxido de etileno) e o polieletrólito poli(etilenoimina)

Felippe, Arlindo Cristiano 25 October 2012 (has links)
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciencias Fisicas e Matematicas, Programa de Pós-Graduação em Química / Made available in DSpace on 2012-10-25T15:58:13Z (GMT). No. of bitstreams: 1 289035.pdf: 3620701 bytes, checksum: 0a315f42023b81c47bbf341ed75d49f6 (MD5) / A formação de complexos supramoleculares em solução aquosa pela associação do polímero neutro hidrossolúvel poli(óxido de etileno) (PEO) e do polieletrólito poli(etilenoimina) (PEI) com misturas do biossurfactante colato de sódio (NaC) com o surfactante aniônico dodecil sulfato de sódio (SDS) foi aqui investigada usando as técnicas de condutivimetria, tensiometria, fluorimetria, espalhamento de raios-X a baixos ângulos (SAXS) e medidas de pH. Parâmetros de associação como concentração micelar crítica (cmc), concentração de agregação crítica (cac) e ponto de saturação do polímero (psp), além da morfologia dos complexos supramoleculares foram determinados. Contrariamente à afinidade que o SDS apresenta quando em presença do polímero PEO, os resultados indicaram que o biossurfactante NaC tem pouca tendência em associar-se cooperativamente com PEO. A formação de micelas mistas de SDS e NaC foi investigada e os resultados levaram à conclusão de que a adição de SDS a soluções contendo NaC e PEO regenera o processo cooperativo de associação formando complexos supramoleculares do tipo PEO-SDS-NaC em altas ?SDS. Observou-se ainda que, à medida que as micelas mistas tornaram-se ricas em NaC, cresceu a tendência de perder a afinidade com o polímero PEO. Por outro lado, tanto o SDS quanto o NaC apresentaram afinidade com o polieletrólito PEI. Os resultados de fluorimetria, condutivimetria e medidas de pH levaram à conclusão de que os nonômeros de NaC e SDS ligam-se primeiramente em sítios específicos das cadeias do polieletrólito PEI via interação eletrostática, e posteriormente o processo de associação cooperativa passa a coexistir. A interação do NaC com o PEI é mais fraca do que a interação do SDS com o PEI, porém, a adição de SDS ao sistema NaC-PEI levou à formação de micelas mistas SDS-NaC que interagiram fortemente com o polieletrólito PEI, e isso pode ser evidenciado pelo deslocamento de Go para valores mais negativos quando a ?SDS foi aumentada. Os resultados de SAXS forneceram informações úteis em relação à morfologia dos agregados contendo PEI e sugeriram que o complexo supramolecular PEI-SDS-NaC possui característica elipsoidal e essa forma não dependente da concentração de surfactante nem da ?NaC. Os complexos são menores em maiores concentrações de surfactante, porém, seu tamanho depende apenas ligeiramente da ?NaC. As simulações também evidenciaram mudanças notáveis na densidade eletrônica do núcleo hidrofóbico em relação a NaC, o que é consistente com a formação de diferentes micelas mistas. / The formation of supramolecular complexes produced by the association of the poly(ethylene oxide) (PEO) and the polyelectrolyte poly(ethyleneimine) (PEI) with mixtures of the biosurfactant sodium cholate (NaC) and the anionic surfactant sodium dodecyl sulfate (SDS) was investigated by electrical conductivity, surface tension, fluorescence spectroscopy, pH and small angle X-ray scattering (SAXS). Parameters of polymer-surfactant association such as the critical micellar concentration (cmc), critical aggregation concentration (cac) and polymer saturation point (psp), beyond the morphology of supramolecular complexes were determined. Unlike the SDS shows that the affinity in the presence of polymer PEO, results indicated that the NaC have little tendency to associate cooperatively with PEO. The formation of mixed micelles of SDS and NaC was investigated and the results led to the conclusion that the addition of SDS solutions containing NaC and PEO regenerates the cooperative process of association to form supramolecular complexes of the type PEO-SDS-NaC at high ?SDS. The results lead to the conclusion that, as the mixed micelles become richer in bile salt surfactant, the tendency of losing the reactivity with the polymer PEO increases. On the other hand, both the SDS and NaC showed the affinity for the polyelectrolyte PEI. The fluorescence linked to previous pH and conductivity measurements led to the conclusion that NaC and SDS molecules firstly bind specifically to sites of the PEI chains via electrostatic interaction and secondly undergo self-assembly through regular cooperative association. The interaction of the biosurfactant NaC with the polyelectrolyte PEI is weaker than that of SDS, however the addition of SDS to the NaC-PEI system led to the formation of mixed NaC-SDS micelles which interact more strongly with the polyelectrolyte PEI, as evidenced by the displacement of Go towards more negative values as ?SDS increases. The SAXS results provided useful information in relation to the morphology of the aggregates and suggested that the supramolecular complexes PEI-SDS-NaC have a considerably ellipsoidal characteristic and the micellar shape is not affected by the surfactant concentration or by ?NaC. The complexes are smaller at higher surfactant concentrations, however, their size is only slightly dependent on NaC. The fitting procedures also evidenced remarkable changes in the scattering length density contrast of the hydrophobic core as a function of NaC, which is consistent with the formation of mixed micelles.
3

Avaliação da neutralização dos efeitos citotóxicos do ácido lipoteicóico em canais radiculares

Xavier, Ana Claudia Carvalho [UNESP] 28 July 2014 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2016-04-01T17:55:14Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2014-07-28. Added 1 bitstream(s) on 2016-04-01T18:01:10Z : No. of bitstreams: 1 000827007.pdf: 804148 bytes, checksum: e0d7e110b05e33c4baf47caec8b9deea (MD5) / O ácido lipoteicóico (LTA) é um importante fator de virulência das bactérias Gram-positivas. Assim, o objetivo desse estudo foi determinar a eficácia do preparo biomecânico realizado com diferentes agentes irrigantes e medicações intracanal na neutralização do LTA em canais radiculares. Foram seccionados e padronizados 108 raízes de dentes humanos uni-radiculares. Após esterilização, os canais foram inoculados com solução de LTA. Após esta contaminação, os mesmos foram submetidos a preparo biomecânico através de sistema rotatório (BioRace) e divididos em 9 grupos, variando-se as soluções irrigantes (hipoclorito de sódio 1%, clorexidina gel 2% e extrato glicólico de própolis 12%) e as medicações intracanal (hidróxido de cálcio + soro; hidróxido de cálcio + clorexidina gel 2%; clorexidina gel 2%). Foram realizadas 3 coletas dos canais radiculares: após o preparo biomecânico, após EDTA e após medicação intracanal por 14 dias. Realizou-se ativação de macrófagos com as amostras, os quais tiveram seu sobrenadante coletado após 24 horas. Este sobrenadante foi utilizado para verificação da produção de citocinas (TNF-α, IL-6, IP-10, MIP-1α e IL-1β) e G-CSF através de teste imunoenzimático (ELISA). De acordo com os resultados de S1 e S2, houve diferença estatística entre os vários grupos, sendo que o hipoclorito de sódio gerou as menores médias de TNF-α, IL-6, IP-10, MIP-1α e GCSF a própolis as menores médias de IL-1β. Em relação aos resultados de S3, todos os grupos apresentaram baixos índices de citocinas. Concluiu-se que o hipoclorito de sódio 1% associado a instrumentação rotatória é o agente irrigante mais eficiente na neutralização dos efeitos citotóxicos do LTA, seguido pelo extrato glicólico de própolis 12%. Além disso, todos os protocolos de tratamento analisados foram efetivos na neutralização dos efeitos citotóxico LTA / The lipoteichoic acid (LTA) is a Gram-positive bacteria's virulence factor, which should be neutralized on endodontic treatment. The objective of this study is determining the effectiveness of biomechanical preparation performed with different auxiliary solutions and different intracanal medications in the neutralization of LTA in root canals. For this, 108 human teeth were sectioned and standardizing. After sterilization, the canals were inoculated with known amount of LTA solution. After contamination of specimens, they were subjected to biomechanical preparation through rotary system (BioRace) and divided into 9 groups, according the irrigating solutions (1% sodium hypochlorite, 2% chlorhexidine gel and 12% propolis glycolic extract) and intracanal medications (calcium hydroxide + physiologic solution; calcium hydroxide + 2% chlorhexidine gel; chlorhexidine gel 2 %). There were performed 3 sample collections from the root canals: after biomechanical preparation, after EDTA (3 min) and after intracanal medication (14 days). Held macrophage activation with the samples, which had its supernatant collected after 24 hours. This supernatant was used to investigate the production (TNF-α, IL-6, IP-10, MIP-1α and IL-1β) and G-CSF by enzyme linked immunosorbent assay (ELISA). According to the results, there was statistic difference between the groups. Sodium hypochlorite showed the best results on TNF-α, IL-6, IP-10, MIP-1α e G-CSF and propolis on IL-1β. In S3, all groups showed low indices. The sodium hypochlorite is the best irrigant in neutralizing cytotoxicity effects of LTA, and all protocols are efficient on neutralizing LTA cytotoxic effect
4

Influência da razão SiO2/Na2O do silicato de sódio na defloculação de suspensões aquosas empregadas na conformação por colagem de barbotinas

Link, Marcelo January 2013 (has links)
O silicato de sódio é um aditivo largamente utilizado na indústria cerâmica, sendo empregado como defloculante em barbotinas no processo de conformação por colagem. A razão SiO2/Na2O é uma das características mais importantes do silicato de sódio. Este trabalho apresenta um estudo comparativo entre quatro silicatos de sódio distintos quanto à razão SiO2/Na2O, empregado como defloculante em uma suspensão de argila, outra de caulim e uma terceira suspensão da argila, do caulim, com o acréscimo de um feldspato,constituindo essa última mistura uma massa de cerâmica triaxial. As suspensões foram caracterizadas quanto à variação da viscosidade e do pH em função do teor de defloculante empregado, na formação de espessura de parede pelo Teste Baroid e pela colagem em molde de gesso. Os resultados mostraram uma forte influência da relação SiO2/Na2O na defloculação de argilas, mas pouca influência na defloculação do caulim e uma forte influência na defloculação da massa cerâmica. Também, foi possível constatar uma relação entre o aumento de pH e a redução da viscosidade mínima aparente. Com o aumento da razão SiO2/Na2O, foi obtido um acréscimo na espessura de parede, o que favoreceria o processo de fabricação, com possíveis ganhos de produtividade. O silicato de sódio com razão SiO2/Na2O 2,43 apresentou a melhor relação de desempenho entre defloculação e formação de espessura de parede. / Sodium silicate is an additive widely used in the ceramics industry, being employed as a deflocculant in the slip casting process. The ratio SiO2/Na2O is one of the most important characteristics of sodium silicate. This paper presents a comparative study between four different sodium silicates with different SiO2/Na2O, used as deflocculant in a suspension of clay, kaolin and a third of the clay, kaolin, with de addition of feldspar, forming a triaxial ceramic slip. The suspensions were characterized in terms of viscosity and variation of the pH in function of the amount of deflocculant employed, in the formation of wall thickness by Baroid testing and the plaster mold slip casting. The results showed a strong influence on the ratio SiO2/Na2O in the deflocculation of clays, but little influence on the deflocculation of kaolin and a strong influence on the deflocculation of the ceramic slip. Also, there has been a relationship between the increase of the pH and a reduction in the minimum apparent viscosity. Whit increasing SiO2/Na2O was obtained an increase in wall thickness, which would favor the manufacturing process, with possible productivity gains. Sodium silicate with ratio SiO2/Na2O2,43 showed the best performance between deflocculation and wall thickness.
5

Estudo dos efeitos da alta ingestão de cloreto de sódio por via oral sobre o metabolismo diário e função renal de ratos / Study of effects on the daily metabolism and the renal function of rats under high oral ingestion of sodium chloride

Jorge, Antonio Rafael Coelho January 2009 (has links)
JORGE, Antonio Rafael Coelho. Estudo dos efeitos da alta ingestão de cloreto de sódio por via oral sobre o metabolismo diário e função renal de ratos. 2008. 117 f. Dissertação (Mestrado em Farmacologia) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Medicina, Fortaleza, 2009. / Submitted by denise santos (denise.santos@ufc.br) on 2012-03-06T16:40:22Z No. of bitstreams: 1 2009_dis_arcjorge.pdf: 930687 bytes, checksum: c95d8ee183d9d6dd43c5a3b0399ad11c (MD5) / Approved for entry into archive by Eliene Nascimento(elienegvn@hotmail.com) on 2012-03-07T11:35:03Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2009_dis_arcjorge.pdf: 930687 bytes, checksum: c95d8ee183d9d6dd43c5a3b0399ad11c (MD5) / Made available in DSpace on 2012-03-07T11:35:04Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2009_dis_arcjorge.pdf: 930687 bytes, checksum: c95d8ee183d9d6dd43c5a3b0399ad11c (MD5) Previous issue date: 2009 / Guanylin (GN), uroguanylin (UGN), and the bacterial heat-stable enterotoxin (ST) peptides comprise a new family of cyclic guanosine 3’-5’ monophosphate (cGMP)-regulating agonist. Ingestion of a salt meal induces secretion of GN and UGN into the intestinal lumen, where they inhibit Na+ absorption and induces Cl-, HCO3- , and water secretion. Simultaneously, these hormones stimulate renal electrolyte excretion by inducing natriuresis, kaliuresis, and diuresis. The highly integrated mechanism allows the organism to maintain sodium balance by eliminating excess NaCl in the urine. However, their physiological regulation within the kidney has not been studied. The aim of this study was showing changes on daily metabolism and renal function of rat under high sodium chloride ingestion. Its effects were examined using wistar rats maintained for ten days in metabolic cages. Control group received only water, two more groups received 1% and 2% solutions of sodium chlroride. We daily analyzed urinary volume, weigh, and food and water consume. The renal function was evaluated using isolated perfused kidneys, in which the kidneys were perfused after ten days in metabolic cages, only with Krebs-Henseleit solution containing 6g% of a previously dialysed bovine albumine serum. All data were analyzed by ANOVA and Student t-test with level of significance set at *p<0,05. Rat’s weights of 2% group decreased after eighth day, compared with control group, while 1% group did not show significative weight lost. Urinary volume and water consume increased, in both treatments, from second day. Food consume did not show significative among groups. In isolated kidney both treatments increase perfusion pressure (PP). The renal vascular resistence (RVR), urinary flow (UF), glomerular filtration rate (GFR) and the osmolar clearance (Cosm) increased in the 1% group compared with control group, however decreased in 2% NaCl group. Treatment with 2% NaCl decreased the sodium (%TNa+, %pTNa+), potassium (%TK+, %pTK+) and chloride (%TCl-, %pTCl-). These results suggest that a high salt ingestion on diet promote significative changes on daily metabolism and the renal function of rats. / Guanilina (GN), uroguanilina (UGN) e a enterotoxina termo-estável da Escherichia coli (STa) fazem parte de uma nova família de peptídeos que ativam a formação de cGMP. A ingestão de sal na dieta induz a secreção de GN e UGN no lúmen intestinal, inibindo a reabsorção de sódio e induzindo a secreção de Cl-, HCO3- e água. Simultaneamente, esses hormônios estimulam a excreção renal de eletrólitos através da indução de natriurese, caliurese e diurese. Esse mecanismo altamente integrado permite a manutenção do sódio corporal, através da eliminação desse excesso de sódio pela urina. Entretanto, essa regulação fisiológica entre o intestino e o rim na tem sido muito bem estudada. O objetivo desse trabalho é estudar as alterações no metabolismo diário e na função renal de ratos submetidos a uma alta ingestão de cloreto de sódio. Os efeitos forma examinados usando ratos Wistar mantidos por 10 dias em gaiolas metabólicas. O grupo controle recebeu somente água destilada, enquanto que os grupos tratados receberam 1% e 2% de solução de NaCl. Forma analisadas diariamente o volume urinário, o peso corporal e o consumo de água e alimento. A função renal foi avaliada através da perfusão de rim isolado de ratos após dez dias de tratamento em gaiolas metabólicas, onde a perfusão foi realizada com solução de Krebs-Henseleit modificada com 6g% de albumina bovina. Os dados foram comparados através de teste t de Student e ANOVA, com significância p<0,05. O peso dos ratos tratados com 2% de NaCl apresentou uma redução a partir do dia 8, em relação ao controle, enquanto que 1% não apresentou redução significativa. O volume urinário e o consumo de água apresentaram um aumento em ambos os tratamentos a partir do dia 2. O consumo de alimento ingerido não apresentou grandes variações entre os grupos. Em rim isolado de rato ambos os tratamentos aumentou a pressão de perfusão (PP). A resistência vascular renal (RVR), o fluxo urinário (FU), o ritmo de filtração glomerular (RFG) e o clearance osmolar (Cosm) aumentou no grupo de 1% comparado ao controle, porém esses mesmos parâmetros diminuíram no grupo de 2%. Em relação ao transporte de eletrólitos observa-se alteração somente no grupo de 2%, onde reduziu o transporte de sódio (%TNa+, %pTNa+), potássio (%TK+, %pTK+) e cloreto (%TCl-, %pTCl-). Esses resultados sugerem que a alta ingestão de NaCl na dieta promove significativa alterações no metabolismo diário e na função renal.
6

Influência da razão SiO2/Na2O do silicato de sódio na defloculação de suspensões aquosas empregadas na conformação por colagem de barbotinas

Link, Marcelo January 2013 (has links)
O silicato de sódio é um aditivo largamente utilizado na indústria cerâmica, sendo empregado como defloculante em barbotinas no processo de conformação por colagem. A razão SiO2/Na2O é uma das características mais importantes do silicato de sódio. Este trabalho apresenta um estudo comparativo entre quatro silicatos de sódio distintos quanto à razão SiO2/Na2O, empregado como defloculante em uma suspensão de argila, outra de caulim e uma terceira suspensão da argila, do caulim, com o acréscimo de um feldspato,constituindo essa última mistura uma massa de cerâmica triaxial. As suspensões foram caracterizadas quanto à variação da viscosidade e do pH em função do teor de defloculante empregado, na formação de espessura de parede pelo Teste Baroid e pela colagem em molde de gesso. Os resultados mostraram uma forte influência da relação SiO2/Na2O na defloculação de argilas, mas pouca influência na defloculação do caulim e uma forte influência na defloculação da massa cerâmica. Também, foi possível constatar uma relação entre o aumento de pH e a redução da viscosidade mínima aparente. Com o aumento da razão SiO2/Na2O, foi obtido um acréscimo na espessura de parede, o que favoreceria o processo de fabricação, com possíveis ganhos de produtividade. O silicato de sódio com razão SiO2/Na2O 2,43 apresentou a melhor relação de desempenho entre defloculação e formação de espessura de parede. / Sodium silicate is an additive widely used in the ceramics industry, being employed as a deflocculant in the slip casting process. The ratio SiO2/Na2O is one of the most important characteristics of sodium silicate. This paper presents a comparative study between four different sodium silicates with different SiO2/Na2O, used as deflocculant in a suspension of clay, kaolin and a third of the clay, kaolin, with de addition of feldspar, forming a triaxial ceramic slip. The suspensions were characterized in terms of viscosity and variation of the pH in function of the amount of deflocculant employed, in the formation of wall thickness by Baroid testing and the plaster mold slip casting. The results showed a strong influence on the ratio SiO2/Na2O in the deflocculation of clays, but little influence on the deflocculation of kaolin and a strong influence on the deflocculation of the ceramic slip. Also, there has been a relationship between the increase of the pH and a reduction in the minimum apparent viscosity. Whit increasing SiO2/Na2O was obtained an increase in wall thickness, which would favor the manufacturing process, with possible productivity gains. Sodium silicate with ratio SiO2/Na2O2,43 showed the best performance between deflocculation and wall thickness.
7

Sobrecarga de Na+ durante o período perinatal programa o aumento da reabsorção proximal deste eletrólito e hipertensão em ratos adultos: o tratamento com enalapril depois do desmame reprograma estas alterações

CABRAL, Edjair Vicente 24 February 2011 (has links)
Submitted by Fernanda Rodrigues de Lima (fernanda.rlima@ufpe.br) on 2018-08-27T19:33:14Z No. of bitstreams: 2 license_rdf: 811 bytes, checksum: e39d27027a6cc9cb039ad269a5db8e34 (MD5) DISSERTAÇÃO Edjair Vicente Cabral.pdf: 986887 bytes, checksum: 58cdb36341ddcddd9d04854e89d41b64 (MD5) / Approved for entry into archive by Alice Araujo (alice.caraujo@ufpe.br) on 2018-09-05T20:23:56Z (GMT) No. of bitstreams: 2 license_rdf: 811 bytes, checksum: e39d27027a6cc9cb039ad269a5db8e34 (MD5) DISSERTAÇÃO Edjair Vicente Cabral.pdf: 986887 bytes, checksum: 58cdb36341ddcddd9d04854e89d41b64 (MD5) / Made available in DSpace on 2018-09-05T20:23:56Z (GMT). No. of bitstreams: 2 license_rdf: 811 bytes, checksum: e39d27027a6cc9cb039ad269a5db8e34 (MD5) DISSERTAÇÃO Edjair Vicente Cabral.pdf: 986887 bytes, checksum: 58cdb36341ddcddd9d04854e89d41b64 (MD5) Previous issue date: 2011-02-24 / CAPES / FACEPE / Foram investigados os mecanismos renais que permeiam a hipertensão induzida pela sobrecarga perinatal de Na⁺, bem como, os efeitos de um tratamento de curta duração com o enalapril, em termos de reprogramação de alterações moleculares no rim e dos mecanismos responsáveis pela hipertensão. Ratos machos adultos Wistar foram obtidos de mães mantidas, durante a gravidez e lactação, com dieta padrão e água potável, o grupo controle, ou com NaCl 0,17 M, o grupo salina. O enalapril (100 mg/l) foi administrado durante três semanas, após o desmame. A prole de mães que beberam salina apresentou túbulos proximais com atividade aumentada da (Na⁺+K⁺)ATPase sem alterações na expressão da subunidade alfa. A atividade da Na⁺-ATPase insensível a ouabaina permaneceu inalterada, mas sua resposta à angiotensina II (ANG II) foi perdida. A atividade das proteína kinase C (PKC), da proteína kinase dependente de AMPc (PKA) e as substâncias reativas ao ácido tiobarbitúrico (TBARS) apresentaram-se aumentadas, enquanto a expressão de receptores AT₂ apresentou-se diminuída e a expressão de receptores AT₁ apresentou-se inalterada. O tratamento com enalapril reduziu as atividades de ambas bombas e as atividades da PKC e PKA na prole que foi exposta ao sódio durante o período perinatal. Adicionalmente, o tratamento com enalapril reduziu a expressão de receptores AT₂ e aumentou os níveis de TBARS no rim. A atividade reduzida da PKA na prole tratada com salina mais enalapril foi acompanhada por recuperação da atividade estimulatória, mas não da inibitória, no que diz respeito a ação da ANG II sobre a enzima Na⁺-ATPase. A prole de mães tratadas com salina apresentou, aos 90 dias, pressão arterial mais elevada do que a prole de mães controle. O tratamento com enalapril preveniu a hipertensão. No entanto, os efeitos paralelos, como a diminuição da atividade da PKA e da PKC, assim como dos receptores AT₂ e o aumento de TBARS podem prejudicar a função renal na idade adulta. / The renal mechanisms underlying perinatal Na⁺ overload-induced hypertension were investigated, as were the effects of short treatment with enalapril in terms of the reprogramming of molecular alterations in the kidney and the onset of hypertension. Male adult Wistar rats were obtained from dams maintained throughout pregnancy and lactation on a standard diet and drinking water (control) or 0.17 M NaCl (saline group). Enalapril (100 mg/l) was administered for three weeks after weaning. Ninety day old offspring from dams that drank saline presented with proximal tubules exhibiting increased (Na⁺+K⁺)ATPase activity without alterations in α-subunit expression. Ouabain-insensitive Na⁺-ATPase activity remained unchanged but its response to angiotensin II (ANG II) was lost. Protein kinase C (PKC), cAMPdependent protein kinase (PKA) and renal thiobarbituric acid reactive substances (TBARS) increased, AT₂ receptor expression decreased and AT₁ receptor expression remained unchanged. Early treatment with enalapril reduced the activities of both pumps, and reduced PKC and PKA activities depending on whether the offspring were exposed to high Na+ perinatally. In addition, treatment with enalapril lowered AT₂ receptor expression and increased local TBARS. Reduced PKA activity in enalapril-treated saline offspring was accompanied by a recovery of the stimulatory, but not the inhibitory, response to ANG II. The ninety day old saline offspring had higher blood pressure than controls and early enalapril administration blocked the onset of hypertension, indicating reprogramming of (Na⁺+K⁺)ATPase. Enalapril was beneficial in decreasing Na+ reabsorption and preventing hypertension in adult offspring. However, side effects including down-regulation of PKA, PKC and AT₂ receptors, and increasing TBARS could impair renal function in later life.
8

Sobrecarga de sódio e tratamento no período perinatal com inibidor de enzima conversora de angiostensina ou α-tocoferol alteram a função renal e cardiovascular em ratos

CABRAL, Edjair Vicente 28 November 2014 (has links)
Submitted by Pedro Barros (pedro.silvabarros@ufpe.br) on 2018-08-28T20:35:28Z No. of bitstreams: 2 license_rdf: 811 bytes, checksum: e39d27027a6cc9cb039ad269a5db8e34 (MD5) TESE Edjair Vicente Cabral.pdf: 4514898 bytes, checksum: 96c4588a2d09e08f62367b1180ade494 (MD5) / Approved for entry into archive by Alice Araujo (alice.caraujo@ufpe.br) on 2018-09-05T22:07:17Z (GMT) No. of bitstreams: 2 license_rdf: 811 bytes, checksum: e39d27027a6cc9cb039ad269a5db8e34 (MD5) TESE Edjair Vicente Cabral.pdf: 4514898 bytes, checksum: 96c4588a2d09e08f62367b1180ade494 (MD5) / Made available in DSpace on 2018-09-05T22:07:17Z (GMT). No. of bitstreams: 2 license_rdf: 811 bytes, checksum: e39d27027a6cc9cb039ad269a5db8e34 (MD5) TESE Edjair Vicente Cabral.pdf: 4514898 bytes, checksum: 96c4588a2d09e08f62367b1180ade494 (MD5) Previous issue date: 2014-11-28 / CAPES / Elevada ingestão de sódio durante o desenvolvimento induz na prole disfunções cardiovasculares e renais. Intervenções durante o período pós-natal podem prevenir tais alterações. Neste trabalho foram investigados se o enalapril, um inibidor da enzima conversora de angiotensina ou o α-tocoferol, administrados por 3 semanas após o desmame previnem alterações programadas pela sobrecarga de sódio pré-natal. Adicionalmente, foi avaliado o efeito do α-tocoferol quando administrado em um período mais precoce, durante a lactação. O protocolo experimental foi dividido da seguinte forma: i) ratos machos adultos Wistar foram obtidos de mães mantidas, durante a gravidez e lactação, com NaCl 0,17 M e ii) ratos machos obtidos de mães mantidas com solução de NaCl 0,3 M, desde 20 dias antes do acasalamento até o parto. A prole de mães que receberam salina 0,17 M durante o período perinatal apresentou nos túbulos proximais: atividade aumentada e maior expressão da subunidade alfa da (Na⁺-K⁺)-ATPase, atividade da Na⁺-ATPase insensível a ouabaína permaneceu inalterada, no entanto, sua resposta à Angiotensina II (AngII) foi perdida. A atividade das proteínas kinases C e A e as substâncias reativas ao ácido tiobarbitúrico (TBARS) apresentaram-se aumentadas, assim como a densidade de colágeno e a expressão de AngII. O tratamento com enalapril reverteu praticamente todas as alterações produzidas pela sobrecarga salina, no entanto, produziu no grupo controle alterações de função renal. A prole de mães que receberam salina 0,3 M durante a gestação apresentou, sobretudo alterações do desenvolvimento cardíaco, as quais foram somadas aos efeitos do α-tocoferol pós-natal. O α-tocoferol produziu elevação da pressão arterial, hiporesponsividade à AngII e atrofia cardíaca, e quando associado ao tratamento pré-natal com salina produziu redução na sensibilidade do baroreflexo. Conclusão: A duração do tratamento perinatal, ou seja, somente pré-natal ou pré-natal mais período do aleitamento parecem decisivos na extensão de efeitos sobre a função renal. Por outro lado, o tratamento com enalapril ou α-tocoferol durante o período pós-natal pode reverter alterações produzidas pela sobrecarga de sódio perinatal, no entanto pode programar alterações funcionais cardíaca e renal que são irreversíveis. / Maternal high sodium intake over pregnancy leads to renal and cardiovascular dysfunctions in the offspring. Early interventions could prevent some of these dysfunctions. This work investigated whether the enalapril, an angiotensin converting enzyme inhibitor, or the α-tocopherol, administered for 3 weeks after the weaning, prevent alterations provoked by prenatal sodium overload. Additionally, it was investigated the α-tocopherol effect administered over lactation. The experimental protocol was as it follows: i) Adult male Wistar rats were born from dams provided during pregnancy and lactation with 0.17 M NaCl solution and; ii) adult male rats were born from dams provided 0.3 M NaCl, from 20 days before pregnancy up to parturition. The offspring of dams on 0.17 M NaCl showed in the proximal renal tubules: increased activity of (Na⁺+K⁺)ATPase, increased expression of the α subunit of this enzyme, unaltered activity of Na+-ATPase, hyporesponsiveness of Na⁺-ATPase to angiotensin II, increased activity of PKC and PKA and increased levels of tiobarbituric acid reactive substances (TBARS). In the kidney, they showed increased content of collagen and angiotensin II. Enalapril prevented molecular alterations produced by sodium overload; however it changed renal function in control rats. The offspring of mothers that received 0.3M saline over pregnancy exhibited changes in cardiac development that were summed up to postnatally administered α-tocopherol effects. α-Tocopherol led to hyporesponsiveness to angiotensin II-induced hypertension and cardiac atrophy. When it was associated with prenatal treatment with sodium overload, α-tocopherol led to an attenuation in the baroreflex sensitivity. Conclusion: The sodium overload length, it means, only prenatal or prenatal plus postnatal over lactation, seem crucial to the extension of cardiovascular and renal effects. On the other hand, treatment with enalapril or α-tocopherol, at early periods of development, may prevent alterations provoked by sodium overload during perinatal period. However, these substances may programming irreversible changes in renal and cardiac function.
9

Estudos de formação e decomposição do diformiato de etilenoglicol na presença e ausencia de formiato de sodio

Silva, Flavio Teixeira da 15 July 2018 (has links)
Orientador : Ulf F. Schuchardt / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Quimica / Made available in DSpace on 2018-07-15T17:36:52Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Silva_FlavioTeixeirada_M.pdf: 7348025 bytes, checksum: 043f9e1a9712d814a10025dfd01a4437 (MD5) Previous issue date: 1987 / Mestrado
10

Influência da remoção do colágeno e do uso de oxalato de potássio na resistência de união de adesivos simplificados à dentina / Influence of collagen removal and the use of potassium oxalate in the bond strength of simplified adhesives to dentine

Silva, Francisco Cláudio Fernandes Alves e January 2008 (has links)
SILVA, Francisco Claúdio Fernandes Alves e. Influência da remoção do colágeno e do uso de oxalato de potássio na resistência de união de adesivos simplificados à dentina. 2008. 96 f. Dissertação (Mestrado em Odontologia) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem, Fortaleza, 2008. / Submitted by denise santos (denise.santos@ufc.br) on 2011-12-08T13:48:00Z No. of bitstreams: 1 2008_dis_fcfasilva.pdf: 899686 bytes, checksum: 6b2d986eca4f5f9c9f63bd3ae7d4f4f7 (MD5) / Approved for entry into archive by Eliene Nascimento(elienegvn@hotmail.com) on 2012-02-01T13:33:35Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2008_dis_fcfasilva.pdf: 899686 bytes, checksum: 6b2d986eca4f5f9c9f63bd3ae7d4f4f7 (MD5) / Made available in DSpace on 2012-02-01T13:33:35Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2008_dis_fcfasilva.pdf: 899686 bytes, checksum: 6b2d986eca4f5f9c9f63bd3ae7d4f4f7 (MD5) Previous issue date: 2008 / The aim of this in vitro study was to evaluate two adhesive systems: XP Bond (Dentsply) and Prime & Bond NT (Dentsply), applied on human tooth dentine with previous application of sodium hypochlorite (NaOCl) 10% and potassium oxalate (BisBlock - Bisco), by means of test of microtensile bond strength (µTBS), and standard of fracture analysis through optical microscope (OM). Thirty two non-carious human third molars were selected and had its oclusal enamel removed to produce flat dentin surface which was prepared using sandpapers (SiC) of granulation 600 through a politriz with the intention of standardize the smear layer. After that the teeth were divided in 8 groups: G1 (XP) - XP Bond; G2 (XPH) – 10% sodium hypochlorite + XP Bond; G3 (XPO) - potassium oxalate + XP Bond; G4 (XPHO) – 10% sodium hypochlorite + potassium oxalate + XP Bond; G5 (PB) - Prime & Bond NT; G6 (PBH) – 10% sodium hypochlorite + Prime & Bond NT; G7 (PBO) – potassium oxalate + Prime & Bond NT, e G8 (PBHO) – 10% sodium hypochlorite + potassium oxalate + Prime & Bond NT. After the treatments had been performed, crowns with resin composite Esthet X (Dentsply), color A-2 were built. These crowns were done through increments of 2 mm of thickness, with photo polymerization of 20 s for increment, until reaching 6 mm of height. The samples then had been parted for the attainment of beams with transversal section of 0.8 mm, to be performed under µTBS. The mechanical assay was carried through a machine of universal assay. The beams used in the microtensile test had been used later for the analysis of the standard of breaking through an OM. The results gotten in µTBS, Means(SD), were: XP – 35.225(15.470)Aa, XPH – 23.405(12.425)Ba, XPO – 15.492(9.168)Cb, XPHO – 16.389(11.108)Cb, PB – 27.589(11.265)Ab, PBH – 25.457(12.044)Aa, PBO – 31.631(14.391)Aa and PBHO – 26.263(8.912)Aa. After the values had been submitted to the statistical analysis (Kruskal-Wallis, Dunn e Mann-Whitney, α=0.05), was verified that XP Bond had better bond strength than Prime & Bond NT (control groups), and the 10% NaOCl treatment and potassium oxalate usage had decreased the bond strength of XP Bond and did not cause any statistical interference on Prime & Bond NT, even its usage was either together or isolated. The microscopic analysis of the breaking standard showed that almost all os specimens had adhesive fractures. / O objetivo deste estudo in vitro foi avaliar a resistência de união através de teste de microtração (RUµT) e a observação do padrão de fratura através de análise com microscópio ótico (MO) de dois sistemas adesivos: XP Bond (Dentsply) e Prime & Bond NT (Dentsply), aplicados sobre dentina de dentes humanos com aplicação prévia de hipoclorito de sódio (NaOCl) a 10% e oxalato monopotássio mono-hidrogenado 3% (BisBlock - Bisco). Trinta e dois terceiros molares humanos hígidos recém extraídos tiveram suas coroas seccionadas no terço oclusal, próximo à junção amelo-dentinária, onde a dentina foi exposta e planificada usando lixas de SiC de granulação 600 através de uma politriz giratória refrigerada a água. Posteriormente os dentes foram separados aleatoriamente em 8 grupos a saber: G1 (XP) - XP Bond; G2 (XPH) – NaOCl 10% + XP Bond; G3 (XPO) - oxalato de potássio + XP Bond; G4 (XPHO) – NaOCl 10% + oxalato de potássio + XP Bond; G5 (PB) Prime & Bond NT; G6 (PBH) – NaOCl 10% + Prime & Bond NT; G7 (PBO) - oxalato de potássio + Prime & Bond NT, e G8 (PBHO) – NaOCl 10% + oxalato de potássio + Prime & Bond NT. Após a aplicação dos tratamentos, foram confeccionadas coroas com compósitos Esthet X (Dentsply), cor A-2. Essas coroas foram confeccionadas através de incrementos de 2 mm de espessura, com fotoativação de 20 s por incremento, até atingirem 6 mm de altura. Os dentes foram submetidos a ensaio de microtração e análise do padrão de fratura foi realizada através de MO. As fraturas foram classificadas como: adesiva, coesiva e mista. Os resultados obtidos, Média(DP) no ensaio de microtração (RUµT) foram: XP – 35,225(15,470)Aa, XPH – 23,405(12,425)Ba, XPO – 15,492(9,168)Cb, XPHO – 16,389(11,108)Cb, PB – 27,589(11,265)Ab, PBH – 25,457(12,044)Aa, PBO – 31,631(14,391)Aa e PBHO – 26,263(8,912)Aa. Após análise estatística (Kruskal-Wallis, Dunn e Mann-Whitney, α=0,05), verificou-se que o adesivo XP Bond apresentou maior resistência de união (RU) que o Prime & Bond NT; O uso de NaOCl 10% e oxalato de potássio interferem negativamente no XP Bond e não causaram alterações na RU do Prime & Bond NT quando aplicados tanto conjuntamente como isolados. A análise microscópica do padrão de fratura mostrou que a maioria dos espécimes fraturou na interface adesiva.

Page generated in 0.0488 seconds