• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 191
  • 6
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 2
  • 2
  • 2
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 203
  • 203
  • 119
  • 111
  • 76
  • 51
  • 50
  • 45
  • 31
  • 27
  • 26
  • 21
  • 20
  • 20
  • 19
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Saude escolar : o Programa de Paulinia

Miranda, Vera Lucia Alves de, 1949- 14 July 2018 (has links)
Orientador : Antonio de Azevedo Barros Filho / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciências Médicas / Made available in DSpace on 2018-07-14T04:51:44Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Miranda_VeraLuciaAlvesde_M.pdf: 1360787 bytes, checksum: 5cdb9ff8bc7988009046831a557d8b1e (MD5) Previous issue date: 1992 / Resumo: o Programa Integrado de Educaçào e Saude Escolar PIESE em Paulinia/S.Paulo, dirigido aos escolares de primeiro grau da rede de ensino, e relatado desde a sua implantaçào em 1983, e seu desenrolar até o ano de 1989, precedido de um hist6oico sobre a Saude Escolar no Estado de Sào Paulo e no município de Paulinia...Observação: O resumo, na integra, podera ser visualizado no texto completo da tese digital / Abstract: Not informed / Mestrado / Mestre em Medicina
2

Higiene escolar. Exame otológico nas escolas primárias

Costa, Mário Teixeira da January 1919 (has links)
No description available.
3

Fatores de risco da hipercolesterolemia em escolares

Coronelli, Cleunice Luzia Smania 01 August 2018 (has links)
Orientador : Erly Catarina de Moura / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciências Médicas / Made available in DSpace on 2018-08-01T20:26:10Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Coronelli_CleuniceLuziaSmania_M.pdf: 1432319 bytes, checksum: 3729e85d677df89d0e9b014cb9e791f9 (MD5) Previous issue date: 2002 / Resumo: Este estudo epidemiológico foi conduzido com o objetivo de identificar os fatores de risco da hipercolesterolemia em escolares. Um estudo caso-controle foi aninhado em inquérito de base populacional entre alunos de 7 a 10 anos de idade no ensino fundamental (1a a 4a séries) nas escolas estaduais de Campinas, Estado de São Paulo. Um total de 86 casos e 86 controles emparelhados por sexo e trimestre de idade foi selecionado aleatoriamente a partir das 800 crianças amostradas. Os casos foram definidos e subamostrados na condição de ter colesterol sangüíneo > 200 mg/dL e os controles foram condicionados à faixa de 140 a 170 mg/dL. Data de nascimento, sexo e história familiar de doenças cardiovasculares foram recordados; pressão arterial, sistólica e diastólica, foi medida; peso e altura foram obtidos para o cálculo do índice de massa corporal e sangue foi coletado para a dosagem do nível de colesterol. Hipercolesterolemia foi considerada presente quando a criança apresentava colesterol > 200 mg/dL e ausente quando a criança apresentava colesterol entre 140 a 170 mg/dL. Os dados foram analisados por correlação bivariada usando o teste f para as variáveis quantitativas e o qui-quadrado para a história familiar de doenças cardiovasculares. O odds-ratio foi usado para estimar o risco de hipercolesterolemia. A média do colesterol encontrada foi de 215 mg/dL nos casos e de 154 mg/dL nos controles. A média da pressão arterial sistólica foi de 107 mmHg nos casos e de 106 mmHg nos controles e da diastólica foi de 67 mmHg nos casos e 68 mmHg nos controles. O índice de massa corporal (Kg/m2) apresentou média de 18,2 nos casos e de 17,1 nos controles. A análise bivariada mostrou associação entre hipercolesterolemia e índice de massa corporal (p=0,048). O odds ratio apontou a obesidade como fator de risco para a hipercolesterolemia (OR= 2,17; IC= 1,05 a 4,45) / Abstract: This epidemiologic study was undertaken aiming to identify the risk factors of hypercholesterolemia among Brazilian schoolchildren. A case-control study analysis was nested into a population based survey of school children aged 7 to 10 at Campinas City, São Paulo - Brazil. A total of 86 cases and 86 matched by sex and age ± 3 months controls were randomly selected from 800 population sampled elementary school students. Cases were defined and sub-sampled conditioned to having blood cholesterol > 200 mg/dL and controls were set to be in the 140 to 170 mg/dL range. Birth date, gender and family history of cardiovascular diseases were recorded, systolic and diastolic blood pressure were measured, weight and height were obtained for body mass index determination, and blood sample was collected for cholesterol dosage. Hypercholesterolemia was considered when the child presented 200mg/dL or more and cholesterol was considered normal between 140 and 170mg/dL. The data were analysed by bivariated cross-tabulation using t test for quantitative variables and chi-square for family history of cardiovascular diseases. The odds ratio was used to estimate the risk of hypercholesterolemia. The data showed, in average, cholesterol of 215 mg/dL for cases and 154 mg/dL for contrails. The mean of systolic blood pressure was 107 mmHg for cases and 106 mmHg for contrails. The mean of diastolic blood pressure was 67 mmHg for cases and 68 mmHg for contrails. The body mass index presented mean of 18,2 Kg/m2 in the case-group and 17,1 Kg/m2 in the contrails. The bivariated analysis showed association between hypercholesterolemia and body mass index (p=0,048). The odds ratio pointed to obesity as the risk factor in this study population (OR= 2,17; IC= 1,05 to 4,45) / Mestrado / Saude Coletiva / Mestre em Saude Coletiva
4

Impacto do programa de prevenção do tabagismo na escola

Ferrari, Mirian Beatriz Gehlen January 2003 (has links)
Resumo não disponível.
5

Impacto do programa de prevenção do tabagismo na escola

Ferrari, Mirian Beatriz Gehlen January 2003 (has links)
Resumo não disponível.
6

Atuação do cirurgião-dentista no Programa Saúde na Escola no município de Fortaleza-CE / Performance of the dentist in the School Health Program in the city of Fortaleza

Lima, Eline Miranda Correia 30 September 2016 (has links)
LIMA, E. M. C. Atuação do cirurgião-dentista no Programa Saúde na Escola no município de Fortaleza-CE. 2016. 124 f. Dissertação (Mestrado em Saúde da Família) - Faculdade de Medicina, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2016. / Submitted by Erika Fernandes (erikaleitefernandes@gmail.com) on 2016-12-21T16:23:11Z No. of bitstreams: 1 2016_dis_emclima.pdf: 877923 bytes, checksum: 86b1e7fa27194933a491150f12a74811 (MD5) / Approved for entry into archive by Erika Fernandes (erikaleitefernandes@gmail.com) on 2016-12-21T16:23:19Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2016_dis_emclima.pdf: 877923 bytes, checksum: 86b1e7fa27194933a491150f12a74811 (MD5) / Made available in DSpace on 2016-12-21T16:23:19Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2016_dis_emclima.pdf: 877923 bytes, checksum: 86b1e7fa27194933a491150f12a74811 (MD5) Previous issue date: 2016-09-30 / The School Health Program (SHP), a partnership between the Ministry of Health and the Ministry of Education, was established in 2007 with an aim to contribute to the integral formation of students through actions of promotion, prevention and health care. Traditionally, dentists develop actions to prevent oral diseases at schools, therefore they are integrated in the school environment. The purpose of this study was to describe the activities of dentists from the Family Health Strategy in the School Health Program in Fortaleza, outlining socio-demographic and professional aspects of these professionals’ profiles, identifying the actions developed in their practice under the program, their facilities and difficulties in conducting the work and their training needs. This is a cross-sectional descriptive study, with a predominantly quantitative approach, developed with 158 dentists from Fortaleza’s Family Health teams associated with public elementary and/or high schools through the SHP. An online questionnaire with subjective and objective questions was the data collection instrument proposed for this study. Quantitative data were analyzed by the statistical package SPSS and presented in charts and tables. The data collected from the subjective questions underwent content analysis and are presented in tables. The results showed that 48.1% of the participants were unaware of the connection between their team and the SHP, and that 55.7% of them work in the program, but only 25.3% do it frequently. The majority of these professionals never participated in program trainings, but it was detected interest in this kind of training, especially in those regarding educative strategies. The actions developed by the participants on the SHP are, essentially, to prevent oral diseases, however, a significant number of dentists also participate in health promotion actions with other approaches. The main facilitator factor in conducting the program was the school support and the main difficulties were the problems with transportation and material supply. The training of professionals involved in the SHP was the most pointed out suggestion. As a conclusion, even though structural factors still jeopardize its development, the SHP endures in Fortaleza and relies on the important, although still limited, participation of dentists as health promoters at schools. / O Programa Saúde na Escola (PSE), fruto de parceria entre o Ministério da Saúde e o Ministério da Educação foi instituído em 2007 com o objetivo de contribuir para a formação integral dos estudantes por meio de ações de promoção, prevenção e atenção à saúde. Os cirurgiões-dentistas, tradicionalmente, desenvolvem ações de prevenção às doenças bucais nas escolas, portanto, têm inserção no ambiente escolar. Este estudo buscou descrever a atuação dos cirurgiões-dentistas da Estratégia Saúde da Família no Programa Saúde na Escola em Fortaleza. Trata-se de um estudo descritivo transversal, de caráter predominantemente quantitativo, desenvolvido com 158 cirurgiões-dentistas das equipes de Saúde da Família do município de Fortaleza vinculadas a escolas públicas de ensino fundamental e/ou médio por meio do PSE. Um questionário online com perguntas abertas e fechadas foi o instrumento de coleta proposto para este estudo. Os dados quantitativos foram analisados pelo pacote estatístico SPSS e apresentados em gráfico e tabelas. Os dados coletados a partir das questões abertas passaram por Análise de Conteúdo e estão apresentados em quadros. Os resultados mostraram que 48,1% dos participantes desconhecem o vínculo de sua equipe ao PSE e 55,7% atuam no programa, mas apenas 25,3% o fazem com frequência. A maioria dos profissionais nunca participou de capacitações no âmbito do PSE, mas foi identificado interesse neste tipo de formação, especialmente no tocante a estratégias educativas. As ações desenvolvidas pelos participantes no PSE são, essencialmente, de prevenção às doenças bucais, porém, os cirurgiões-dentistas também participam de ações de promoção à saúde com outros enfoques. O apoio da escola foi indicado como principal fator facilitador e os problemas com transporte e fornecimento de materiais como as principais dificuldades na condução do programa. A capacitação dos profissionais envolvidos no PSE foi a sugestão mais apontada. Conclui-se que apesar de fatores de ordem estrutural ainda comprometerem seu desenvolvimento, o PSE resiste em Fortaleza e conta com importante, ainda que limitada, participação dos cirurgiões-dentistas como promotores de saúde junto aos escolares
7

Vivência e experiência no cuidado da criança com estomia na perspectiva dos familiares e dos professores

Melo, Manuela Costa 12 April 2017 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, Departamento de Enfermagem, Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, 2017. / Submitted by Raquel Almeida (raquel.df13@gmail.com) on 2017-06-12T18:37:41Z No. of bitstreams: 1 2017_ManuelaCostaMelo.pdf: 1101063 bytes, checksum: 2f0bf42350cb5d134a5d858261f8a029 (MD5) / Approved for entry into archive by Raquel Viana (raquelviana@bce.unb.br) on 2017-06-13T17:28:32Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2017_ManuelaCostaMelo.pdf: 1101063 bytes, checksum: 2f0bf42350cb5d134a5d858261f8a029 (MD5) / Made available in DSpace on 2017-06-13T17:28:32Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2017_ManuelaCostaMelo.pdf: 1101063 bytes, checksum: 2f0bf42350cb5d134a5d858261f8a029 (MD5) Previous issue date: 2017-06-13 / A estomia tem impacto relevante na vida da pessoa e da sua família. Quando se trata de crianças, a situação não é diferente. A família e a criança com estomia precisam adquirir competências que não faziam parte do seu cotidiano, o que requer acompanhamento multiprofissional. OBJETIVO: Este estudo procurou compreender o processo do cuidar de familiares e professores da criança com estomia. MÉTODO: A investigação qualitativa constituiu o alicerce metodológico deste estudo. Para o processo de coleta de dados foi utilizada a narração de episódios significativos em roda de conversa com 13 familiares e entrevista em profundidade com cinco professores, as coletas foram audiogravadas, completadas pelo diário de campo. As narrativas foram transcritas e então submetidas a análise temática, fundamentada em Bardin, tendo como apoio o uso do software de tratamento de dados qualitativos NVivo® 10. A coleta de dados ocorreu entre os meses de setembro de 2015 a fevereiro de 2016. RESULTADO: Nas narrativas dos familiares, prevalecem o desconhecimento e o despreparo para lidar com a criança com estomia. Os familiares foram unânimes em narrar que, apesar das dificuldades, conseguem apoio dos profissionais de saúde, em especial a equipe de enfermagem do hospital que atende o grupo de estomizados. Entre os professores, verificamos que, em primeiro lugar, prevaleceram os pressupostos da integração muito mais do que os da inclusão da criança com estomia; em segundo lugar, os professores foram unânimes em narrar que a inserção da criança com estomia ocorria com a modificação da formação da própria prática pedagógica para atender, com qualidade, a diversidade; e os professores informaram a necessidade da presença do profissional enfermeiro nas escolas. CONSIDERAÇÕES FINAIS: Evidenciou-se, a necessidade do planejamento individualizado e sistematizado, facilitando o processo do cuidar dos envolvidos. Dada a relevância e atualidade da temática, a compreensão desses aspectos pode auxiliar os profissionais da saúde e da educação que atuam com as famílias e as crianças com estomia. / The stoma has relevant impact on a person's life and their family. When it comes to children, the situation is not different. The family and the child with a stoma has to learn competencies that were not part of their routine before, and needs a multiprofessional follow-up care for that. OBJECTIVE: this study aimed to understand the process of caring for families and teachers of children with stoma. METHOD: qualitative research constituted the methodological of this study. For the data collection process was used in the narration of significant episodes in group talks with 13 relatives and profound interviews with five teachers, the collections were audio-recorded, in addition to the field diary. The narratives were transcribed and then subject to thematic analysis, based in Bardin. and with support from NVivo 10 software. Data collection occurred between the months of september 2015 the february of 2016. RESULT: Family members’ narratives revealed their lack of knowledge and unreadiness to care for the child with a stoma. All family members told that, despite difficulties, they do receive support from health professionals, specially the nurses from the hospital that serves the group of patients with a stoma. The teachers’ narratives revealed the prevalence of integration rather than inclusion of the student with a stoma. Also, the teachers told that dealing with the child with a stoma required changes in their pedagogical practices to welcome diversity. Finally, they affirmed that a nurse was necessary at school. CONCLUSION: showed that caring for a child with a stoma requires individualized and systematized planning. Given the importance of this theme, understanding these aspects may help health and education professionals that deal with children with a stoma and their families. / La ostomia tiene un impacto importante en las personas y en su vida familiar. Cuando se trata del niño, la situación no es diferente. La familia y el niño con ostomía necesitan adquirir habilidades que no formaban parte de su vida cotidiana, y requieren una abordage multiprofesional. OBJETIVO: Este estudio trata de comprender el proceso de cuidar de los miembros de la familia y maestros a el niño con ostomía. MÉTODOS: La investigación cualitativa fue la base metodológica de este estudio. Para el proceso de recolección de datos se utilizó la narración de episodios significativos en rueda de conversación con 13 miembros de la familia y fueron realizadas entrevistas en profundidad con cinco maestros, las informaciones colectadas fueron audio grabado y complementadas por el diario de campo. Los relatos fueron transcritos y luego sometidos a análisis temático, basado en Bardin, que tubo como apoyo el software de procesamiento de datos cualitativos NVivo 10. La recolección de datos se realizó entre los meses de septiembre de 2015 y febrero de 2016. RESULTADOS: En narrativas de la familia prevalecen la ignorancia y la falta de preparación para cuidar a un niño con ostomía. Los miembros de la familia fueron unánimes al relatar que, a pesar de las dificultades, se pueden apoyar en los profesionales de la salud, en especial el personal de enfermería del hospital que acompaña al grupo de ostomizados. Entre los profesores fue verificado que en primer lugar, prevaleció los supuestos de integración mucho más que la inclusión de los niños con ostomía; En segundo lugar, los profesores fueron unananimes en decir que la inclusión de los niños con ostomía tubo relación con la modificación de la formación de su propia práctica docente para atender con calidad, la diversidad; y los profesores informaron que hay necesidad de la presencia del profesional de enfermería en las escuelas. CONCLUSIÓN: Fue evidente la necesidad de una planificación individualizada y sistemática, lo que facilita el proceso de cuidar de los niños com ostomia. Dada la importancia y relevancia del tema, la comprensión de estos aspectos pueden ayudar a los profesionales de la salud y de la educación que trabajan con las familias y los niños con ostomía.
8

A saude na escola : ação ou informação? : um estudo dos programas de saude

Pretti, Maria Christina Malta, 1949- 16 July 2018 (has links)
Orientador : Rosalia Maria Ribeiro de Aragão / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Educação / Made available in DSpace on 2018-07-16T03:24:05Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Pretti_MariaChristinaMalta_M.pdf: 8663850 bytes, checksum: 282a1be99f97a59a24a2499b5b2c504c (MD5) Previous issue date: 1983 / Mestrado
9

Percepção de professores e pessoal de ensino sobre a campanha olho no olho em escola de ensino fundamental

Russ, Heloisa Helena Abril 26 March 2003 (has links)
Orientadores : Newton Kara-Jose, Edmea Rita Temporini Nastari / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciências Médicas / Made available in DSpace on 2018-08-03T16:01:21Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Russ_HeloisaHelenaAbril_M.pdf: 3364213 bytes, checksum: b7ddab25e239c02fd4f2cb6f68db72de (MD5) Previous issue date: 2003 / Resumo: A cegueira é a mais onerosa fonna de invalidez, existindo 45 milhões de cegos no mundo e 135 milhões de pessoas com baixa visão e risco acentuado de se tornarem cegas, sendo que dois terços dos casos seriam potenciahnente evitáveis ou curáveis nos países em desenvolvimento.A dificuldade visual na mancia torna-se particularmente importante devido à influencia da visão na fonnação psico-social do indivíduo e no aprendizado. Com base nesse fato, em 1998 criou-se no Brasil o Programa Nacional de Reabilitação Visual - Campanha Veja Bem Brasil / Olho no Olho, destinado à triagem de crianças da primeira série de ensino fundamental por professores. Pode-se inferir beneficios decorrentes dos resultados da Campanha, que vem sendo analisados, bem como a qualidade do treinamento oferecido aos profissionais envolvidos no processo de triagem, fator que suscitou a realização desse estudo. Os objetivos do estudo são identificar conhecimentos do pessoal de ensino anteriores ao treinamento fornecido pelo programa; percepção referente à qualidade do treinamento; e aos beneficios do programa. Foi realizado estudo analítico e transversal, mediante aplicação de questionário estruturado aos participantes do treinamento oferecido pela referida Campanha na cidade de Curitiba-Pr, em 2000. Responderam ao questionário 89,0% dos participantes, sendo que apenas 13% eram professores regentes de classe. A satisfação profissional era elevada (100% dos professores e 96,8% dos demais profissionais)..Entre os professores regentes, o tempo médio de magistério foi 20,54 anos, predominando carga horária semanal de 40 horas (64,3%). O treinamento global foi considerado "bom/ótimo" por 85,9% dos respondentes,com necessidade de explicações adicionais (59,3%); 87,3% opinaram que a triagem deve ser realizada no 10 trimestre e 96,4% consideraram-na muito importante. O professor foi considerado responsável pela triagem por apenas 1,0%. Questionando-se sobre qual o profissional responsável pela aplicação do teste de acuidade visual, não houve diferença estatisticamente significativa comparando-se professores e demais profissionais considerando-se carga horária, tempo de magistério e satisfação profissional. Relataram que 83,8% dos óculos foram entregues e houve melhora do rendimento escolar em 85,7%. As dificuldades para realização da Campanha citadas pelos pais foram: desconhecimento da baixa da acuidade da visão do fiJho (50%) e dificuldades financeiras (44,2%). Dentre as sugestões para melhoria da campanha foram citadas: aplicação por profissional da saúde, antecipação e ampliação do tempo das atividades da campanha. Conclui-se que os profissionais tinham conhecimento satisfatório sobre triagem visual, consideravam-na muito importante mas não se achavam responsáveis por ela; o treinamento oferecido pela Campanha foi considerado adequado e reconhecida a melhora do rendimento escolar em decorrência do atendimento oftalmológico. Sugere-se criar formas de incentivo e valorização do professor para que ele, profissional capacitado para medir acuidade visual, sinta-se estimulado a realizar a triagem visual de seus alunos / Abstract: The effects ofvisual screening at elementary school- educators perceptions. Blindness is one of most serious handicap , there is 45 millions of blinds and 135 millions with impaired vision with great risk of becoming blind, and 2/3 of these are potentially preventable in developing countries. Visual disability in children could impair psico-social development and learn ability. .In order to prevent blindness, in Brazil a National Program of Visual Reabilitation-" Campanha Olho no Olho / Veja Bem Brasil" was created, to perfonn visual screening in children of elementary school by educators. The objectives were identifY acquired knowledge of educators before the training of visual screening; quality of training and benefits of program. A descriptive and analytical study, transversal, was perfonned through application of structural questionnaires to participants of training in Curitiba-Pr, Brazil, 2000. 89,0% of a1l participants answered the questionnaire, but only 13% were teachers. The rate of professional satisfaction was high (IOO% of teachers and 96,8% of others). Between the teachers, the mean time ofprofessional exercise were 20,54 years, with a weekly working time of 40 hours (64,3%).Training was considered "good" by 85,9%of participants. Additional information was required by 59,3%. 87,3% said the screening must be perfonned during the first 3 months of year and 96,4% said it is very important. Only 1,0% of applicants think the teacher is responsible for the screening: There were no statistically difference between teachers and others professionals related to weekly working time, professional exercise and satisfaction.83,3% of spectacles were distributed and 85,7% of children had scholar improvement. Parents related some di:fficulties: absence of knowledge of children visual impainnent (50%) and economic difficulties (44,2%).Suggestions ftom the educators: screening perfonned by health professional, and extension of activities of screening. People ftom research had enough knowledge about visual screening, but they doesn't feel responsible by it, even considering it very important. The training was satisfactory and scholar benefits were c1ear. It's necessary find ways of encourage teachers to perfonn visual screening, once they are the most qualified professional to do it / Mestrado / Oftalmologia / Mestre em Ciências Médicas
10

Um estudo sobre ações educativas para o uso de medicamentos /

Damo, Nevoni Goretti, 1963-, Zurba, Magda do Canto, 1972-, Universidade Regional de Blumenau. Programa de Pós-Graduação em Educação. January 2006 (has links) (PDF)
Orientadora: Magda do Canto Zurba. / Dissertação (mestrado) - Universidade Regional de Blumenau, Centro de Ciências da Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação.

Page generated in 0.0383 seconds