• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 3437
  • 1139
  • 112
  • 44
  • 43
  • 43
  • 35
  • 22
  • 22
  • 21
  • 21
  • 21
  • 19
  • 12
  • 7
  • Tagged with
  • 4783
  • 1087
  • 864
  • 541
  • 478
  • 357
  • 337
  • 336
  • 336
  • 336
  • 336
  • 313
  • 313
  • 312
  • 278
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Análise de esquemas de aproximações angulares para a equação de transporte bidimensional em ordenadas discretas via formulações nodais

Tres, Anderson January 2015 (has links)
Neste trabalho é feito um estudo sobre a discretização angular da equa- ção bidimensional de transporte de nêutrons e os erros de truncamento associados, decorrentes da representação da variável angular contínua por um conjunto de direções discretas. Estes erros incluem a aproximação da integral do termo de espalhamento por um conjunto de quadratura numérica, técnica que caracteriza o chamado método de ordenadas discretas. Quatro esquemas de quadraturas numéricas disponíveis na literatura são empregados no estudo: Simétrica de nível (LQN), Legendre-Chebyshev triangular (PNTNSN), Legendre-Chebyshev quadrangular (PNTN), e Quadruple Range (QR), para a aproximação angular da equação de transporte. O uso do esquema de quadratura LQN, é limitado até ordem N = 20, enquanto que os demais permitem ordens de quadratura superiores. As variáveis espaciais da equação de transporte angularmente discretizada são tratadas através de técnicas nodais e resultados numéricos são obtidos a partir de dois métodos: o método nodal Arbitrarily High Order Transport (AHOT) e o método Analítico de Ordenadas Discretas (ADO). Além do fato do método ADO não utilizar algoritmos de varredura numérica ou métodos iterativos para resolu- ção das equações discretizadas resultantes, o mesmo determina soluções explícitas em termos das variáveis espaciais, via resolução de um problema de autovalores de ordem reduzida à metade do número de direções utilizadas na discretização angular. O estudo é focado em problemas de fonte xa, onde uma análise assint ótica espacial e angular é feita a m de determinar a ordem de convergência dos métodos e uma solução de referência para comparação dos resultados. Foi observado que para um determinado esquema de quadratura, a propriedade de integrar exatamente polinômios de alta ordem nos cossenos diretores não é su ciente para garantir uma maior precisão em termos de convergência espacial para a solução de referência. Ainda assim, os resultados numéricos mostram que o uxo escalar médio ao longo de toda a região de fonte do problema, converge assintoticamente com discretização espacial quase idêntica para todas as quadraturas angulares consideradas, mas o erro assintótico angular (calculado em relação ao valor de referência espacial para cada conjunto de quadratura utilizada), não diminui consideravelmente com o aumento do número de direções angulares. Por outro lado, a utilização do conjunto de quadratura QR, indicou redução da utuação dos valores dos uxos, os chamados efeitos raio, para ordens de aproximação angular mais baixas do que os outros três esquemas de quadratura considerados. No entanto, com base nos resultados numéricos obtidos até agora, não é possível determinar a taxa de convergência assintótica do erro devido à discretização angular. Além disso, foi possível incorporar quadraturas numéricas de ordem superior na formulação ADO, preservando propriedades importantes do método, tais como a redução da ordem do problema de autovalores, resultando uma maior e ciência computacional. As soluções ADO foram obtidas a partir da divisão do domínio em um número menor de regiões (até 2 × 2), mesmo assim apresentando boa precisão em comparação com a solução de referência espacial obtida através da extrapolação das soluções AHOT para sucessivos re namentos de malhas (até 64 × 64). / In this work, we study the angular discretization of two-dimensional neutron transport equation and the associated truncation errors, deriving from the representation of continuous angular variable by a set of discrete directions. These errors comprise the approximation of the integral of the scattering term by a set of numerical quadrature, a technique that characterizes the so-called method of discrete ordinates. Four numerical quadrature schemes available in the literature are employed in our study: Level symmetric (LQN), Legendre-Chebyshev triangular (PNTNSN), Legendre-Chebyshev quadrangular (PNTN), and Quadruple Range (QR), for the angular approximation of the transport equation. The use of the LQN quadrature scheme, is limited to order N = 20, while the others allow for arbitrarily high order quadratures. The spatial variables of the angularly discretized transport equation are handled through nodal techniques and numerical results are obtained with two methods: the Arbitrarily High Order Transport methods of the nodal type (AHOT) and the Analytical Discrete Ordinates method (ADO). In addition to the fact that ADO does not require a mesh sweep algorithm or iterative methods for solving the resulting discretized equations, the method presents explicit solutions in terms of spatial variables via eigenvalue problem resolution of reduced order to half the number of directions used in the angular discretization. The study is focused on xed-source problems, where a spatial and angular asymptotic analysis is done in order to determine the convergence order of the methods and a reference solution for comparison of the results. It was observed that, for a given quadrature scheme, the property of exactly integrating highest order direction cosines polynomials is not su cient to ensure higher accuracy in terms of spatial convergence to the reference solution. Still, numerical results show that the average scalar ux over the entire source region of the problem, converges asymptotically with the re nement of the spatial discretization almost identically for all angular quadratures considered, but the angular asymptotic error (computed against the reference value for each utilized quadrature set), does not decrease considerably with increasing number of angle directions. On the other hand, the use of QR quadrature set indicates larger reduction in the ux uctuations known as ray e ects for lower order angular approximation schemes than the other three sets considered. However, based on the numerical results we obtained so far, we are unable to determine the asymptotic convergence rate of the error due to angular discretization. Furthermore, it was possible to incorporate the numerical high order quadrature in the ADO formulation, preserving important properties of the method, such as reducing the order of the eigenvalue problem that results in a higher computational e ciency. The ADO solutions were obtained by dividing the domain in a fewer number of regions (up to 2 × 2), still exhibiting good accuracy compared with the spatial reference solution obtained via extrapolation of AHOT solutions obtained on successively re ned meshes (up to 64 × 64).
2

Análise de esquemas de aproximações angulares para a equação de transporte bidimensional em ordenadas discretas via formulações nodais

Tres, Anderson January 2015 (has links)
Neste trabalho é feito um estudo sobre a discretização angular da equa- ção bidimensional de transporte de nêutrons e os erros de truncamento associados, decorrentes da representação da variável angular contínua por um conjunto de direções discretas. Estes erros incluem a aproximação da integral do termo de espalhamento por um conjunto de quadratura numérica, técnica que caracteriza o chamado método de ordenadas discretas. Quatro esquemas de quadraturas numéricas disponíveis na literatura são empregados no estudo: Simétrica de nível (LQN), Legendre-Chebyshev triangular (PNTNSN), Legendre-Chebyshev quadrangular (PNTN), e Quadruple Range (QR), para a aproximação angular da equação de transporte. O uso do esquema de quadratura LQN, é limitado até ordem N = 20, enquanto que os demais permitem ordens de quadratura superiores. As variáveis espaciais da equação de transporte angularmente discretizada são tratadas através de técnicas nodais e resultados numéricos são obtidos a partir de dois métodos: o método nodal Arbitrarily High Order Transport (AHOT) e o método Analítico de Ordenadas Discretas (ADO). Além do fato do método ADO não utilizar algoritmos de varredura numérica ou métodos iterativos para resolu- ção das equações discretizadas resultantes, o mesmo determina soluções explícitas em termos das variáveis espaciais, via resolução de um problema de autovalores de ordem reduzida à metade do número de direções utilizadas na discretização angular. O estudo é focado em problemas de fonte xa, onde uma análise assint ótica espacial e angular é feita a m de determinar a ordem de convergência dos métodos e uma solução de referência para comparação dos resultados. Foi observado que para um determinado esquema de quadratura, a propriedade de integrar exatamente polinômios de alta ordem nos cossenos diretores não é su ciente para garantir uma maior precisão em termos de convergência espacial para a solução de referência. Ainda assim, os resultados numéricos mostram que o uxo escalar médio ao longo de toda a região de fonte do problema, converge assintoticamente com discretização espacial quase idêntica para todas as quadraturas angulares consideradas, mas o erro assintótico angular (calculado em relação ao valor de referência espacial para cada conjunto de quadratura utilizada), não diminui consideravelmente com o aumento do número de direções angulares. Por outro lado, a utilização do conjunto de quadratura QR, indicou redução da utuação dos valores dos uxos, os chamados efeitos raio, para ordens de aproximação angular mais baixas do que os outros três esquemas de quadratura considerados. No entanto, com base nos resultados numéricos obtidos até agora, não é possível determinar a taxa de convergência assintótica do erro devido à discretização angular. Além disso, foi possível incorporar quadraturas numéricas de ordem superior na formulação ADO, preservando propriedades importantes do método, tais como a redução da ordem do problema de autovalores, resultando uma maior e ciência computacional. As soluções ADO foram obtidas a partir da divisão do domínio em um número menor de regiões (até 2 × 2), mesmo assim apresentando boa precisão em comparação com a solução de referência espacial obtida através da extrapolação das soluções AHOT para sucessivos re namentos de malhas (até 64 × 64). / In this work, we study the angular discretization of two-dimensional neutron transport equation and the associated truncation errors, deriving from the representation of continuous angular variable by a set of discrete directions. These errors comprise the approximation of the integral of the scattering term by a set of numerical quadrature, a technique that characterizes the so-called method of discrete ordinates. Four numerical quadrature schemes available in the literature are employed in our study: Level symmetric (LQN), Legendre-Chebyshev triangular (PNTNSN), Legendre-Chebyshev quadrangular (PNTN), and Quadruple Range (QR), for the angular approximation of the transport equation. The use of the LQN quadrature scheme, is limited to order N = 20, while the others allow for arbitrarily high order quadratures. The spatial variables of the angularly discretized transport equation are handled through nodal techniques and numerical results are obtained with two methods: the Arbitrarily High Order Transport methods of the nodal type (AHOT) and the Analytical Discrete Ordinates method (ADO). In addition to the fact that ADO does not require a mesh sweep algorithm or iterative methods for solving the resulting discretized equations, the method presents explicit solutions in terms of spatial variables via eigenvalue problem resolution of reduced order to half the number of directions used in the angular discretization. The study is focused on xed-source problems, where a spatial and angular asymptotic analysis is done in order to determine the convergence order of the methods and a reference solution for comparison of the results. It was observed that, for a given quadrature scheme, the property of exactly integrating highest order direction cosines polynomials is not su cient to ensure higher accuracy in terms of spatial convergence to the reference solution. Still, numerical results show that the average scalar ux over the entire source region of the problem, converges asymptotically with the re nement of the spatial discretization almost identically for all angular quadratures considered, but the angular asymptotic error (computed against the reference value for each utilized quadrature set), does not decrease considerably with increasing number of angle directions. On the other hand, the use of QR quadrature set indicates larger reduction in the ux uctuations known as ray e ects for lower order angular approximation schemes than the other three sets considered. However, based on the numerical results we obtained so far, we are unable to determine the asymptotic convergence rate of the error due to angular discretization. Furthermore, it was possible to incorporate the numerical high order quadrature in the ADO formulation, preserving important properties of the method, such as reducing the order of the eigenvalue problem that results in a higher computational e ciency. The ADO solutions were obtained by dividing the domain in a fewer number of regions (up to 2 × 2), still exhibiting good accuracy compared with the spatial reference solution obtained via extrapolation of AHOT solutions obtained on successively re ned meshes (up to 64 × 64).
3

Alocação de material rodante em ferrovias

Luchesi, Hamilton 21 December 1989 (has links)
Orientador: Akebo Yamakami / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Engenharia Eletrica / Made available in DSpace on 2018-07-14T01:26:53Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Luchesi_Hamilton_M.pdf: 6633330 bytes, checksum: e25b31cf07500fc09017ef2f13f71508 (MD5) Previous issue date: 1989 / Resumo: Modelamos um problema de alocação de carga em ferrovias sujeito a um conjunto de restrições. Esse tipo de problema á enfrentado diariamente pelas companhias ferroviárias. O objetivo do problema é encontrar quais são os caminhos a serem seguidos pelos produtos. O modelo prevê impossibilidade de se transportar todos os produtos. Melhores o caso da devido as restrições impostas, criando uma estrutura para se transportar os produtos em excesso. de caminhos alternativos de A modelagem envolve restrições de tração dos trechos de linha. limitação das trotas de tipos de vagões e de balanceamento de produtos nas estações. A utilização do método Simplex para a solução de problemas reais se torna inviável devido -as proporções que o problema toma e por isso devemos buscar novas alternativas para resolvê-Io. Fazemos um estudo dos métodos existentes na bibliografia para problemas com a estrutura do nosso modelo. Dentre estes, escolhemos um método de multifluxo em rede. Basicamente, este é uma especialização do método Primal-Simplex Revisado aplicado a uma rede de arcos e nós. Mostramos o algoritmo do método e resultados de alguns exemplos simulados / Mestrado / Mestre em Engenharia Elétrica
4

Análise de esquemas de aproximações angulares para a equação de transporte bidimensional em ordenadas discretas via formulações nodais

Tres, Anderson January 2015 (has links)
Neste trabalho é feito um estudo sobre a discretização angular da equa- ção bidimensional de transporte de nêutrons e os erros de truncamento associados, decorrentes da representação da variável angular contínua por um conjunto de direções discretas. Estes erros incluem a aproximação da integral do termo de espalhamento por um conjunto de quadratura numérica, técnica que caracteriza o chamado método de ordenadas discretas. Quatro esquemas de quadraturas numéricas disponíveis na literatura são empregados no estudo: Simétrica de nível (LQN), Legendre-Chebyshev triangular (PNTNSN), Legendre-Chebyshev quadrangular (PNTN), e Quadruple Range (QR), para a aproximação angular da equação de transporte. O uso do esquema de quadratura LQN, é limitado até ordem N = 20, enquanto que os demais permitem ordens de quadratura superiores. As variáveis espaciais da equação de transporte angularmente discretizada são tratadas através de técnicas nodais e resultados numéricos são obtidos a partir de dois métodos: o método nodal Arbitrarily High Order Transport (AHOT) e o método Analítico de Ordenadas Discretas (ADO). Além do fato do método ADO não utilizar algoritmos de varredura numérica ou métodos iterativos para resolu- ção das equações discretizadas resultantes, o mesmo determina soluções explícitas em termos das variáveis espaciais, via resolução de um problema de autovalores de ordem reduzida à metade do número de direções utilizadas na discretização angular. O estudo é focado em problemas de fonte xa, onde uma análise assint ótica espacial e angular é feita a m de determinar a ordem de convergência dos métodos e uma solução de referência para comparação dos resultados. Foi observado que para um determinado esquema de quadratura, a propriedade de integrar exatamente polinômios de alta ordem nos cossenos diretores não é su ciente para garantir uma maior precisão em termos de convergência espacial para a solução de referência. Ainda assim, os resultados numéricos mostram que o uxo escalar médio ao longo de toda a região de fonte do problema, converge assintoticamente com discretização espacial quase idêntica para todas as quadraturas angulares consideradas, mas o erro assintótico angular (calculado em relação ao valor de referência espacial para cada conjunto de quadratura utilizada), não diminui consideravelmente com o aumento do número de direções angulares. Por outro lado, a utilização do conjunto de quadratura QR, indicou redução da utuação dos valores dos uxos, os chamados efeitos raio, para ordens de aproximação angular mais baixas do que os outros três esquemas de quadratura considerados. No entanto, com base nos resultados numéricos obtidos até agora, não é possível determinar a taxa de convergência assintótica do erro devido à discretização angular. Além disso, foi possível incorporar quadraturas numéricas de ordem superior na formulação ADO, preservando propriedades importantes do método, tais como a redução da ordem do problema de autovalores, resultando uma maior e ciência computacional. As soluções ADO foram obtidas a partir da divisão do domínio em um número menor de regiões (até 2 × 2), mesmo assim apresentando boa precisão em comparação com a solução de referência espacial obtida através da extrapolação das soluções AHOT para sucessivos re namentos de malhas (até 64 × 64). / In this work, we study the angular discretization of two-dimensional neutron transport equation and the associated truncation errors, deriving from the representation of continuous angular variable by a set of discrete directions. These errors comprise the approximation of the integral of the scattering term by a set of numerical quadrature, a technique that characterizes the so-called method of discrete ordinates. Four numerical quadrature schemes available in the literature are employed in our study: Level symmetric (LQN), Legendre-Chebyshev triangular (PNTNSN), Legendre-Chebyshev quadrangular (PNTN), and Quadruple Range (QR), for the angular approximation of the transport equation. The use of the LQN quadrature scheme, is limited to order N = 20, while the others allow for arbitrarily high order quadratures. The spatial variables of the angularly discretized transport equation are handled through nodal techniques and numerical results are obtained with two methods: the Arbitrarily High Order Transport methods of the nodal type (AHOT) and the Analytical Discrete Ordinates method (ADO). In addition to the fact that ADO does not require a mesh sweep algorithm or iterative methods for solving the resulting discretized equations, the method presents explicit solutions in terms of spatial variables via eigenvalue problem resolution of reduced order to half the number of directions used in the angular discretization. The study is focused on xed-source problems, where a spatial and angular asymptotic analysis is done in order to determine the convergence order of the methods and a reference solution for comparison of the results. It was observed that, for a given quadrature scheme, the property of exactly integrating highest order direction cosines polynomials is not su cient to ensure higher accuracy in terms of spatial convergence to the reference solution. Still, numerical results show that the average scalar ux over the entire source region of the problem, converges asymptotically with the re nement of the spatial discretization almost identically for all angular quadratures considered, but the angular asymptotic error (computed against the reference value for each utilized quadrature set), does not decrease considerably with increasing number of angle directions. On the other hand, the use of QR quadrature set indicates larger reduction in the ux uctuations known as ray e ects for lower order angular approximation schemes than the other three sets considered. However, based on the numerical results we obtained so far, we are unable to determine the asymptotic convergence rate of the error due to angular discretization. Furthermore, it was possible to incorporate the numerical high order quadrature in the ADO formulation, preserving important properties of the method, such as reducing the order of the eigenvalue problem that results in a higher computational e ciency. The ADO solutions were obtained by dividing the domain in a fewer number of regions (up to 2 × 2), still exhibiting good accuracy compared with the spatial reference solution obtained via extrapolation of AHOT solutions obtained on successively re ned meshes (up to 64 × 64).
5

Short Sea Shipping : uma solução sustentável para cadeias multimodais de transporte de mercadorias

Costa, Rui Jorge Maciel Lima da January 2009 (has links)
Tese de mestrado integrado. Engenharia Civil (Especialização em Planeamento do Território e Ambiente). Faculdade de Engenharia. Universidade do Porto. 2009
6

Estudio experimental de la evolución temporal de las formas de fondo en flujos en presión con régimen laminar de fluidos pseudoplásticos

Traslaviña Saldes, Cristóbal Andrés January 2017 (has links)
Ingeniero Civil / En la industría minera y otras áreas, se utilizan tuberías para transportar sólidos a grandes distancias. Cuando el material presenta una granulometría extendida, los gruesos pueden sedimentar, formando un lecho en el fondo. En cambio, la partículas finas suspendidas generan una mezcla que se comporta como un fluido con una reología distinta a la del agua. El presente trabajo es un estudio experimental, donde se investiga la condición de arrastre incipiente, la evolución temporal y la estabilidad de un lecho granular no cohesivo, sometido a la acción de un flujo laminar en presión de fluidos pseudoplásticos. Para llevarlo a cabo, se realizaron modificaciones a una instalación experimental, ubicada en el Laboratorio de Hidráulica Francisco J. Dominguez, del Departamento de Ingeniería Civil de la Universidad de Chile. La geometría tridimensional del lecho se registró con un sistema de medición no intrusivo, conocido como perfilometría por transformada de Fourier (FTP). Los fluidos no newtonianos se generaron con una dilución de carboximetilcelulosa (CMC) en agua. Para estudiar el arrastre incipiente, se realizaron 21 experimentos, cubriendo cuatro tamaños de partículas, cinco pendientes, y distintas concentraciones de CMC en peso, entre 0,4 y 0,5%. Los datos experimentales se clasificaron visualmente y se graficaron en un diagrama de Shields en función del número de Reynolds de la partícula, modificado para fluidos pseudoplásticos, Re_{*p}^K. Se obtuvo como resultado que las curvas parametrizadas para fluidos newtonianos subestiman la condición de arrastre incipiente. Se propuso una relación para predecir el fenómeno, \tau_{**lecho}^c = 0,18 (Re_{*p}^K)^{-0,73}, válida en el rango 0,31 < Re_{*p}^K < 2,52. La evolución del lecho se estudió a partir de 12 experimentos de cuatro horas de duración, cada uno. Con el sistema de medición FTP se registró la altura del lecho, inicialmente plano, sometido a la acción de un caudal constante y se determinaron las principales características geométricas de las formas de fondo: amplitud, celeridad y longitud de onda. Se obtuvo como resultado que la amplitud y la celeridad tienden a disminuir en el tiempo, provocando una disminución del gasto sólido de fondo, que es consecuencia de la ausencia de aporte de sedimentos desde aguas arriba a la zona de estudio. Por otra parte, no se observó un comportamiento definido de la longitud de onda. De los registros temporales, se observó que en algunos experimentos el lecho se volvió inestable, propiciando la aparición y migración de ondas sedimentarias tridimensionales. En otros casos, el lecho permaneció plano durante varias horas. Para estudiar la estabilidad, se construyó un diagrama que depende de tres parámetros adimensionales usados en diversos estudios para explicar estos fenómenos, modificados para incorporar la reología: el número de Shields, \tau_*; el número de Reynolds, modificado para fluidos pseudoplástico, Re_{KT}; y número de Galileo modificado, Ga_K. Los experimentos se clasificaron dentro del diagrama, obteniendo zonas de estabilidad e inestabilidad. / Este trabajo ha sido financiado por FONDECYT a través del proyecto de investigación N° 1161751
7

Valorización monetaria del Manejo de las Ventanas de tiempo en un problema de atención de requerimientos

Pérez Paredes, José Ignacio January 2017 (has links)
Magíster en Gestión de Operaciones / Las empresas que deben trasladar su flota de un lugar a otro para atender los requerimientos de sus clientes, ya sea de bienes o servicios, buscan desarrollar una logística orientada a entregar una buena calidad de servicio de la forma más eficiente posible. De esta manera deben responder la pregunta de qué recursos usar y cómo utilizarlos. Es por lo anterior que se ha buscado dar respuesta a estas preguntas planteando diferentes modelos de ruteo y utilizándolos para definir el tamaño óptimo de una determinada flota. Considerando siempre, parámetros invariantes, tales como la distancia entre los clientes o la amplitud de las ventanas de tiempo para atenderlos. La orientación de este trabajo es analizar cómo se modifican los resultados de ruteo óptimo y diseño de flota al tener la posibilidad de variar la amplitud de las ventanas de tiempo de determinados clientes en un problema de atención de requerimiento con una flota de técnicos. De esta forma, el objetivo general de la investigación consiste en comparar los costos de diferentes configuraciones de operación, una con un número de técnicos y magnitud de ventanas de tiempo determinados y otras con una menor flota pero con ventanas de tiempo más amplias para algunos clientes. De esta forma, si el costo de una configuración con un menor número de técnicos es menor y alcanza la misma calidad de servicio, es posible entonces generar un mecanismo de compensaciones para aquellos clientes que aceptaron relajar sus ventanas de tiempo. Para poder desarrollar el objetivo de la investigación se analiza un problema de atención de requerimiento dentro de la ciudad de Santiago de Chile. En la determinación del ruteo, se utiliza un modelo estático, es decir, donde se conocen todos los requerimientos al comienzo de cada día, y donde se utiliza la técnica de generación de columnas branch and price, para llegar al resultado óptimo. Por otro lado, para realizar la comparación de costos de las diferentes configuraciones y escenarios se utiliza la simulación como herramienta. Los resultados muestran que al relajar las ventanas de tiempo a un determinado número de clientes, es posible lograr la misma calidad de servicio que con un aumento marginal de la flota (8%), logrando ahorrar entre un 2,5% y 5% de los costos operativos. Este ahorro representa los recursos disponibles para entregar incentivos, descuentos, a los clientes para que acepten ser atendidos con menor urgencia. En este caso el descuento que se puede ofrecer es de hasta $2.500 por servicio, que puede representar hasta el 15% del costo unitario del servicio.
8

Analise dos aspectos qualitativos do projeto de reformulação do transporte coletivo urbano de Goiania - Goias

Silva Filho, Carlos de Macedo e 13 February 2004 (has links)
Orientador: Ademir Petenate / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Engenharia Mecanica / Made available in DSpace on 2018-08-03T22:48:25Z (GMT). No. of bitstreams: 1 SilvaFilho_CarlosdeMacedoe_M.pdf: 6473904 bytes, checksum: b741f75e3a1f56869f228b73fa7522a4 (MD5) Previous issue date: 2004 / Resumo: Este trabalho tem corno objetivo a análise do Projeto de Reformulação do Transporte Coletivo Urbano de Goiânia, nesta data em fase de implantação final, que foi concebido na busca por um modelo de gestão baseado na qualidade de atendimento aos usuários do sistema. Os conceitos abordados para a fundamentação teórica são baseados na visão sistêmica dos processos, foco nos clientes e, principalmente, na implementação da qualidade corno estratégia de negócios. A metodologia da qualidade corno estratégia de negócios se baseia nos estudos desenvolvidos pela A.P.I - Associates in Process Improvement, em 1987, denominado Q.B.S - Quality as a Business Strategy (Qualidade corno Estratégia de Negócios), numa clara evolução dos princípios da Produção corno Sistema de Deming. O modelo de gestão dos serviços de transportes coletivos proposto para Goiânia foi analisado no estudo de caso, através dos indicadores do setor. Nestes foram expostas suas características e fundamentos, as mudanças em relação ao modelo anterior, na busca pelo atendimento às necessidades dos clientes e na recuperação do mercado. A análise dos resultados demonstra a aplicação da visão sistêmica no projeto, assim corno a melhoria da qualidade do transporte coletivo. Os indicadores apontam para a recuperação do mercado, maior conforto dos usuários, menores tempos de viagem e melhor atendimento às necessidades dos clientes. O projeto tem sido constantemente monitorado e alterado, caracterizando a preocupação com a melhoria contínua. Os resultados demonstram que a qualidade foi urna estratégia que, até o momento, propiciou fôlego para o sistema e deu novas perspectivas às empresas e aos usuários do sistema / Abstract: This research had as aim the analysis of the Reformulation Project of the urban public transport in Goiânia, nowadays in the course of final implementation. This project was conceived seeking a management model based on service quality for transport system users. The approached concepts for the theoretical evidences are based on the systemic vision of the processes, on customers as a center of interest and, mainly, on quality as a business strategy. The quality as a business strategy methodology is based on researches developed by AP.I ¿ Associate in Process Improvement, in 1987, named Q.B.S - Quality as a Business Strategy, in a clear evolution of the Deming's principles about Production as a System. The model of public transport management services proposed for Goiânia was analyzed in the case study through sector indexes, where its characteristics and basis were exposed, as well as the changes conceming the former model, catering for the customers' needs and recovery of the market share. The result analysis gave evidence towards the application of the systemic vision in the project, as well as quality improvement. The indications pointed to market share recovery, bigger comfort for the customers, shorter trip duration and better catering for customers' needs. The project has been constantly analyzed and changed, showing concern for a continuous quality improvement. The results gave evidence that quality was a strategy that, up to the moment, improved the transport system and gave new perspectives for its companies and customers / Mestrado / Gestão da Qualidade Total / Mestre em Engenharia Mecânica
9

Nos cambió la cara: el padecimiento de la metrópolis con el Transantiago

Garrido Moya, Claudio Esteban January 2015 (has links)
Memoria para optar al título de Periodista / Una de las necesidades esenciales que tienen los seres humanos es la de desplazarse. Ya sea para alimentarse, e incluso reproducirse como especie. La gran mayoría, sino todas las cosas que realiza en su diario vivir, tienen como proceso básico trasladarse. En el mundo de hoy, aparte de esas necesidades básicas, está lo socialmente requerido, como educarse y laborar. Las distancias no siempre pueden ser cubiertas a pie. Por eso el ser humano fue desarrollando a lo largo de su historia diferentes formas de transportarse, más de los que su propia capacidad le podía dar. El uso de animales, y la invención de la rueda son parte de este proceso, paralelo a la creación de las civilizaciones, e incluso las mismas ciudades. En el siglo XXI, moverse por éstas es un acto imprescindible del diario vivir. Es por ello que se han planteado desafíos en distintos lugares del mundo para poder compatibilizar el crecimiento de estas ciudades con las necesidades ciudadanas de desplazamiento. El transporte es un elemento clave en todas las actividades civiles. Mueve a la gente a la escuela y al trabajo, forma parte fundamental de la cadena de distribución de alimentos, insumos y energía. Ningún país puede arrogarse decir que puede funcionar sin algún medio de transporte. Y la historia de Chile ha dicho que cuando los transportistas dejan de hacer su labor, los países se detienen por completo.
10

Um estudo sobre equações auxiliares em formulações nodais explícitas para solução da equação de transporte de nêutrons bidimensional

Cromianski, Solange Regina January 2016 (has links)
Neste trabalho, uma abordagem analítica é utilizada juntamente com esquemas nodais para resolução de um problema de transporte de nêutrons de fonte fixa, definido em meios homogêneos e heterogêneos, em geometria cartesiana bidimensional, com espalhamento isotrópico. A metodologia é desenvolvida a partir da versão em ordenadas discretas da equação bidimensional de transporte. Utiliza-se esquemas nodais para obtenção de equações unidimensionais integradas transversalmente, as quais são resolvidas via método ADO (Analytical Discrete Ordinates). Expressões explícitas em termos das variáveis espaciais são determinadas para os fluxos angulares médios em cada região em que o domínio foi subdividido. Para obtenção da solução em todo o domínio, acopla-se as soluções de cada região às regiões vizinhas, através de um sistema linear. Neste contexto, o objetivo principal é o estudo relacionado às equações auxiliares necessárias para aproximação dos termos desconhecidos nos contornos do domínio ou das interfaces, que surgem devido ao processo de integração. Três abordagens distintas para aproximação dos termos de fuga transversais, oriundos da integração transversal, são estudadas: aproximações por constantes, aproximações lineares e aproximações exponenciais, as quais são incorporadas ao termo fonte. Adicionalmente, neste trabalho quatro esquemas de quadraturas numéricas são utilizados para aproximar o termo integral de espalhamento: quadratura Simétrica de Nível (LQN), Legendre-Chebyshev quadrangular (PNTN), Legendre-Chebyshev triangular (PNTNSN) e Quadruple Range (QR). Resultados numéricos são obtidos para o fluxo escalar médio em regiões do domínio e comparados com resultados disponíveis na literatura bem como gerados pelo código AHOT. A análise dos resultados confirma a viabilidade da proposta das equações auxiliares alternativas, mantendo a eficiência computacional já verificada em outras abordagens do método ADO, no entanto indica que estudos complementares necessitam ser realizados para caracterizar vantagens adicionais no uso de tais propostas. / In this work, an analytical approach is used along with nodal schemes for solving xed source neutron transport problems de ned in two-dimensional homogeneous and heterogeneous medium with isotropic scattering. The methodology is developed from the discrete ordinates version of the two-dimensional transport equation. Nodal procedures are performed to derive one-dimensional transverse integrated equations, which are solved by the ADO method. Explicit expressions in terms of the spatial variables are obtained for averaged angular uxes in each region in which the domain is subdivided. The solution for the whole domain is obtained trough the coupling of the local solutions in a general linear system. In this context, the main goal is to analyse the use of different auxiliary equations to describe the unknown transverse leakage terms on the boundaries and interfaces. Three di erent approaches are used to approximate the unknown transverse leakage terms: constant, linear and exponential approximations, which are incorporated into the source term. Four numerical quadrature schemes are used to approximate the integral scattering term: Level Symmetric quadrature scheme LQN, Legendre-Chebyshev quadrangular PNTN, Legendre-Chebyshev triangular PNTNSN and Quadruple Range (QR). The numerical results obtained for region-averaged scalar uxes are compared with results available in the literature as well as numerical results provided by the AHOT code. The analysis of the results con rm the feasibility with computational e ciency as usual for the ADO method. However subsequent work is indicated to evidence advantages of the proposed auxiliary equations.

Page generated in 0.1316 seconds