• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 1500
  • 35
  • 35
  • 34
  • 33
  • 21
  • 20
  • 18
  • 18
  • 17
  • 15
  • 3
  • 2
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 1542
  • 1542
  • 584
  • 536
  • 512
  • 315
  • 289
  • 236
  • 204
  • 160
  • 150
  • 148
  • 138
  • 121
  • 116
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
31

Elaboração e aplicação de um modelo de gestão do conhecimento adaptado para o departamento comercial de uma indústria farmacêutica

Rocha, Roberto Rego Vieira da January 2003 (has links)
Os debates e estudos sobre a importância do conhecimento organizacional têm sido cada vez mais freqüentes nos últimos anos. As empresas e universidades de negócios consideram a Gestão do Conhecimento uma vantagem competitiva para as organizações que conseguem estabelecer e aplicar modelos voltados para este fim. A bibliografia atual sobre este tema tem demonstrado duas tendências de propostas práticas para a Gestão do Conhecimento. A primeira enfatiza a importância do desenvolvimento de softwares responsáveis pela disseminação e estocagem dos conhecimentos organizacionais adquiridos de diversas fontes. A segunda, aplicada neste trabalho, é focada na capacidade e potencial dos indivíduos, e destaca a importância de criar e compartilhar conhecimentos através das pessoas. Este trabalho demonstra, a partir de um modelo de criação e gestão do conhecimento organizacional desenvolvido pelos professores Ikujiro Nonaka e Hirotaka Takeuchi, e denominado "Espiral do Conhecimento", uma aplicação prática de Gestão do Conhecimento numa equipe de representantes de vendas de uma indústria farmacêutica. Evidenciam-se, como conseqüência desta adaptação, novas rotinas do processo de "Espiral do Conhecimento", apresentando-se melhorias qualitativas e quantitativas nos resultados da equipe.
32

Elementos de gestão do conhecimento em uma ferramentaria : um estudo de caso

Reis, Zaida Cristiane dos January 2003 (has links)
Esta dissertação aborda apenas alguns elementos relacionados à gestão do conhecimento e, ao mesmo tempo, procura analisar o processo de criação do conhecimento em uma empresa de moldes. Gerir o conhecimento dentro de uma empresa pode ser uma grande vantagem competitiva diante do mercado atual. O desafio está em conciliar essas habilidades com a resolução dos problemas operacionais do cotidiano. O conhecimento pode ser associado a uma preparação para ação, o que leva as organizações a intensificarem o seu interesse por tal assunto. Uma das abordagens deste estudo de caso envolve a formação do conhecimento tácito dos funcionários e sua transformação em explícito. Observa-se que o conhecimento coletivo é importante na estratégia da empresa. Além do que, a gestão do conhecimento refere-se a todo esforço sistemático realizado pela empresa para criar, utilizar, reter e medir o seu conhecimento. Socializa-se o conhecimento, através do compartilhamento das idéias e experiências adquiridas, o que possibilita através do exemplo das pessoas, que esta fase gere observação sobre as ações tomadas. Evidencia-se que, na empresa em questão podem existir apenas elementos da gestão do conhecimento e não um efetivo gerenciamento do conhecimento. Há uma análise feita de alguns dos principais aspectos relacionados à gestão do conhecimento, ou seja: pessoas, processos, tecnologias de informação, fatores facilitadores e orientadores do aprendizado. As conclusões desta dissertação apontam que, em uma empresa do porte da estudada, podem existir dificuldades no gerenciamento do conhecimento em muitas ocasiões. A evidência de que este conhecimento pode ser usado estrategicamente na competitividade do mercado, bem como na formação das competências essenciais da empresa perante os demais concorrentes, não é estabelecida. Em suma, a análise dos elementos da gestão do conhecimento nessa empresa tem levado à melhoria do seu desempenho. Porém, talvez fosse aconselhável a alocação de um profissional para dar continuidade e servir de orientador dos grupos de trabalho relacionados a esses subsídios presentes na empresa, a fim de que possam melhorar sua estratégia.
33

Gestão do conhecimento :

Carvalho, Fábio Câmara Araújo de January 2000 (has links)
Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. / Made available in DSpace on 2012-10-17T13:17:39Z (GMT). No. of bitstreams: 1 153139.pdf: 1468743 bytes, checksum: 2f33542fdc1ba779c873e6d1ae0df661 (MD5) / A decadência da era industrial, cujos fatores de produção eram o capital e o trabalho, abre espaço para a era do conhecimento. Até o momento, em livros, artigos, periódicos, na imprensa falada e escrita, enfim na mídia de uma forma geral, muito se tem comentado acerca do novo cenário pós era industrial, dando início a uma sociedade baseada na informação e no conhecimento. Porém, pouco tem sido o esforço de condensar aquilo que deva ser a gestão no contexto desse novo cenário, onde os modelos de gestão organizacional são reinventados para dar suporte à competitividade das organizações. Este trabalho procura sintetizar as áreas mais relevantes dentro desse novo ambiente de gestão, onde são abordadas teorias antigas, em confronto com novas e/ou adaptações, os novos paradigmas, dentro da limitação de passar um escopo dos elementos constituintes sem perder a visão do contexto dos mesmos em relação ao todo. Em seguida, é abordado um caso que atesta o uso de técnicas relacionadas às novas teorias desse novo cenário para criar um ambiente, ainda que incipiente, onde a gestão da informação e do capital humano - no processo de criação da base de conhecimento - possa fornecer subsídios para melhoria de processos relacionados à agilidade no acesso à informação e ao atendimento ao cliente, desenvolvimento de novos produtos (como treinamentos) e liberação de profissionais de atividades operacionais para atividades mais ligadas ao desenvolvimento de suas habilidades e conhecimento.
34

Uma proposta de gestão da informação para a área de patrimônio imobiliário e meio ambiente de uma empresa do setor elétrico, a partir da utilização da metodologia Commokads

Bem, Roberta Moraes de 24 October 2012 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico, Programa de Pós-Graduação em Engenharia e Gestao do Conhecimento, Florianópolis, 2009. / Made available in DSpace on 2012-10-24T14:41:06Z (GMT). No. of bitstreams: 1 274596.pdf: 1347409 bytes, checksum: c1b5a93bd7b6c05abfaac9623b1fdf65 (MD5) / Na atual economia do conhecimento, a Gestão inadequada de informações, a falta de padronização e o próprio desconhecimento da situação (necessidades, demandas, gestão, ambiente, etc.) configuram-se como itens inibidores à Gestão do Conhecimento (GC) e ao caráter competitivo que ela propõe. A informação é a matéria-prima para a criação do conhecimento, e se ela não está bem estruturada, torna-se difícil o seu compartilhamento e a própria motivação à GC dentro da organização. Neste sentido, pretende-se diagnosticar a "situação informacional" da área de patrimônio imobiliário e meio ambiente de uma empresa do Setor Elétrico. Para tanto, utilizou-se a metodologia CommonKADS, em razão de sua capacidade de contextualização, pois essa metodologia trabalha com seis modelos, a saber: organização, tarefa, agente, conhecimento, comunicação e desenho. Porém, em vez da construção de um SBC (concepção tradicional da metodologia), desenvolve um diagnóstico centrado nas necessidades e condições da organização, de forma sistêmica e dotada de método. Como resultado, são propostas sugestões de melhoria, a fim de contribuir com o processo de Gestão da Informação, para que este possa ser flexível e suficientemente completo para compreender e responder às perguntas dos usuários, sem redundância, retrabalho, e com confiabilidade, gerando um conhecimento capaz de ser entendido/contextualizado e compartilhado, agregando valor à atividade da organização e garantindo-lhe competitividade.
35

Processo para recuperar produtos de inteligência competitiva a partir da memória organizacional

Rother, Rodrigo Garcia January 2009 (has links)
Dissertação (mestrado) - Univesidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico, Programa de Pós-graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento, Florianópolis, 2009 / Made available in DSpace on 2012-10-24T21:52:09Z (GMT). No. of bitstreams: 1 269307.pdf: 849111 bytes, checksum: b1418d58c652c1550ec400ea30ca8997 (MD5) / Essa dissertação se propõe a desenhar um processo capaz de ser futuramente desenvolvido computacionalmente em uma ferramenta de inteligência competitiva chamada de Mindpuzzle, que tem como função principal a geração de produtos de inteligência e conseqüentemente na identificação dos sinais e tendências advindas do mercado. Esta ferramenta teve sua origem a partir do projeto NUGIN (Núcleo de apoio ao planejamento e à gestão da inovação em empresas de pequeno e médio porte) com recursos provenientes do FINEP (Financiadora de Estudos e Projetos). Desta forma, esta dissertação procura resolver o seguinte problema: Como recuperar produtos de inteligência competitiva em uma memória organizacional? O objetivo geral é desenvolver um processo para recuperação de produtos de inteligência competitiva em uma memória organizacional, potencializando dessa forma o acesso a informação e conhecimento de forma ágil. Os objetivos específicos são definidos como sendo: descrever o ciclo de operacionalização do processo de inteligência competitiva; descrever modelos de memória organizacional; propor a integração do ciclo de operacionalização do processo de inteligência competitiva com um modelo de memória organizacional; propor um instrumento baseado em taxonomia para recuperar produtos de inteligência competitiva. A metodologia de pesquisa utilizada nessa dissertação é uma pesquisa exploratória. Como resultados alcançados, têm-se o desenho de um processo estruturado de forma capaz de suportar processos de inteligência competitiva e memória organizacional juntos, possibilitando buscar de forma eficiente por produtos de inteligência competitiva utilizando-se de taxonomia.
36

Análise Comparativa entre IPTV, WebTV e TVD com foco em disseminação do conhecimento

Giglio, Kamil 25 October 2012 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico, Programa de Pós-Graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento, Florianópolis, 2010 / Made available in DSpace on 2012-10-25T08:47:40Z (GMT). No. of bitstreams: 1 278188.pdf: 6016209 bytes, checksum: 674d9ea6dcd0d4bc857deca7a32b6b68 (MD5) / O tema proposto tem por intuito realizar uma análise comparativa entre padrões digitais de televisão, com foco na disseminação do conhecimento. Para tanto, é contextualizado o cenário socioeconômico e tecnológico atual, representado pela sociedade do conhecimento, com objetivo de demonstrar as diferenças e convergências entre as tecnologias escolhidas para análise. Neste sentido, foram selecionados três padrões, Internet Protocol Television (IPTV), Televisão pela Web (WebTV) e TV digital Terrestre (TVD), que se apresentam como alternativas potenciais e congruentes com o objetivo principal da pesquisa. A metodologia adotada baseou-se numa pesquisa bibliográfica e descritiva, com foco em três áreas interdisciplinares de pesquisa: a Engenharia do Conhecimento, a Gestão do Conhecimento e a Mídia do Conhecimento. Para a realização da análise comparativa foram estabelecidos alguns indicadores/critérios, baseados na revisão sistemática da literatura, que se utilizou da pesquisa quantitativa em estudos de trabalhos correlatos, pesquisados em base de dados específica. Por fim, com os resultados obtidos na pesquisa busca-se contribuir no processo de desenvolvimento da disseminação e compartilhamento do conhecimento através de mídias digitais, dissertando sobre as principais características que compõem cada padrão e cooperar na discussão e no processo de desenvolvimento do mercado e da academia.
37

Gestão por competência na construção de um modelo de formação para árbitros de futebol

Velho, Nivia Marcia January 2010 (has links)
Tese (Doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico, Programa de Pós-Graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento, Florianópolis, 2010 / Made available in DSpace on 2012-10-25T09:53:45Z (GMT). No. of bitstreams: 1 287168.pdf: 1912134 bytes, checksum: 6ac02f87dc2ffffbf788b81cf0fce731 (MD5) / A presente pesquisa teve como objetivo geral apresentar competências básicas para proposição de um modelo de formação para árbitros de futebol. Trata-se de um estudo de natureza aplicada, é um trabalho descritivo do tipo estudo de caso com análise qualitativa. A população foi constituída por dois grupos, responderam ao questionário alunos árbitros, e árbitros que fizeram teste para atuar na temporada de 2010 em Santa Catarina. Responderam às entrevistas árbitros, árbitros assistentes e um presidente de comissão estadual de arbitragem, atuantes em escolas de formação no País. Os instrumentos utilizados para a coleta de dados foram: documentação, observação direta, questionário e entrevista. Os dados das entrevistas foram analisados segundo o método de análise de conteúdo e, para codificação dos dados, foi utilizado o software ATLAS TI. Com base na pesquisa foi possível identificar, através das categorias que emergiram da análise, algumas competências básicas a serem consideradas na trajetória do árbitro de futebol: 1. Na gestão de carreira verificou-se que a arbitragem não é profissão, é apenas uma ocupação, para ser exercida requer que o indivíduo tenha uma profissão de origem e investimentos pessoais materializados na procura por um curso em escolas que funcionem com regularidade e que estejam comprometidas com o currículo mínimo estabelecido em convenção nacional; 2. Aquisição do conhecimento inicial nas escolas de formação conta com alguns pré-requisitos fundamentais que devem ser trazidos de casa, e com a utilização dos conhecimentos tácito e explícito que darão efetivo suporte à tomada de decisão nas ações do jogo; 3. Na disseminação do conhecimento identificou-se a necessidade de serem estabelecidas parcerias com as universidades e buscar escolas independentes das federações, preocupadas com a criação, aquisição e disseminação do conhecimento, sem interferência de interesses políticos; 4. Na gestão por competências emergiu a competência física que vem sendo trabalhada ao longo dos anos; a competência técnica refletida no conhecimento das regras do jogo também é reconhecida como fundamental; além das competências mental e social, com discussões mais recentes e ainda carentes de estudos e métodos para serem desenvolvidas.
38

Empreendedorismo em organização pública intensiva em conhecimento

Willerding, Inara Antunes Vieira 25 October 2012 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico, Programa de Pós-Graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento, Florianópolis, 2011 / Made available in DSpace on 2012-10-25T14:47:35Z (GMT). No. of bitstreams: 1 289536.pdf: 1446477 bytes, checksum: 0ec30d311ff8e4017e3e47964bbcfc92 (MD5) / As organizações adotam uma nova forma de gerir, impulsionadas pela globalização, que estabelece o uso do conhecimento como diferencial competitivo. O conhecimento passa a exercer um papel fundamental para processos organizacionais. Diante dessa perspectiva, o Brasil iniciou mudanças de forma tardia e com deficiência em sua infraestrutura, bem como na área educacional, dado que a minoria da população tem nível universitário. A criação do conhecimento organizacional ocorre em três níveis: indivíduo, grupo e organização, sendo o ser humano o principal sujeito, pois ele é quem processa a informação para gerar o conhecimento. Nesse sentido é possível avaliar que a educação é a forma mais adequada para construir conhecimentos que possam auxiliar no desenvolvimento do comportamento do indivíduo, bem como na compreensão de atividades empreendedoras e suas exigências. Nesse âmbito, o Curso Pré-Vestibular da UFSC - Inclusão para a Vida, organização pública intensiva em conhecimento, foi criado para suprir as necessidades existentes nas camadas desfavorecidas da sociedade, no que se refere a alunos oriundos de escolas públicas, que não dispõem de recursos financeiros para frequentar cursos particulares de preparação para o vestibular, dificultando dessa forma, em virtude da concorrência, o ingresso nas universidades, principalmente nas públicas gratuitas, bem como o desenvolvimento educacional, da cidadania e de um melhor preparo da sociedade para o mercado de trabalho. A presente pesquisa teve como objetivo geral identificar o perfil intraempreendedor do idealizador do projeto. Para tanto, foi utilizado o modelo proposto por Uriarte (2000). A pesquisa classifica-se como qualiquantitativa, exploratória, bibliográfica, documental e estudo de caso. A população entrevistada consistiu de doze sujeitos, o idealizador do curso e mais onze colaboradores, que compõem a equipe. Pelos resultados obtidos, pode-se concluir em linhas gerais que o idealizador possui um perfil intraempreendedor padrão, mas apresenta características intraempreendedoras marcantes e outras que precisam ser mais bem desenvolvidas para que possa ter mais equilíbrio em seu comportamento. Vale ressaltar que através das características marcantes, em seu perfil, desenvolve ações para a expansão do curso, por meio de parcerias, sobretudo em relação à importância da educação, delineando o Pré- Vestibular da UFSC - Inclusão para a Vida como um dos maiores révestibulares sociais do País. / Organizations adopt a new way to manage, driven by globalization, which establishes the use of knowledge as a differentiator. Knowledge begins to exert a key role in organizational processes. Given this perspective, Brazil initiated changes so late and with disabilities in its infrastructure and in education, since the minority of the population has college degrees. The organizational knowledge creation occurs in three levels, individual, group and organization, and the human being is the main subject, for he is the one who processes the information to generate knowledge. In this sense it is possible to evaluate that education is the most appropriate way to build skills that can help the development of individual behavior as well as in the understanding of entrepreneurial activities and their demands. In this context, the Pre- College Course UFSC - Inclusion for Life, public knowledge-intensive organization, was created to meet the existing needs in disadvantaged sections of society, with regard to students from public high schools that lack resources funds to attend private courses in preparation for the exam, thus making it difficult for admission to the universities because of competition, especially public ones, as well as educational development, citizenship and a better preparation of the society for the labor market. This research aims at identifying the intrapreneur profile of the founder of Pre-College Course UFSC - Inclusion for Life. For this, we used the model proposed by Uriarte (2000). The research is classified as qualitative and quantitative, exploratory, bibliografical, documentary and case study. The survey population consisted of twelve subjects, the creator of the course and eleven employees, which make up the team. From the results we can conclude in general terms that the creator has a default intrapreneur profile, but has outstanding intrapreneur characteristics and others that need to be developed so that his behavior can be more balanced. It is noteworthy that through the characteristics, in his profile, he develops actions to expand the course, through partnerships, above all regarding the importance of education, outlining the Pre-College UFSC - Inclusion for Life as the country's largest social pre-college.
39

TV digital interativa e gestão do conhecimento organizacional

Macedo, Marcelo January 2008 (has links)
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento / Made available in DSpace on 2012-10-23T20:49:39Z (GMT). No. of bitstreams: 1 261710.pdf: 1202764 bytes, checksum: f53aee53cecb8a4e7b9490c0cfa15f9f (MD5) / Esta tese aborda a TV Digital Interativa como uma das tecnologias da Era do Conhecimento que podem auxiliar no processo de Gestão do Conhecimento organizacional. As aplicações e serviços de TVDI podem ser utilizados para fazer uma ponte estratégica entre essa nova tecnologia e o processo de Gestão de Conhecimento nas organizações. Nesse sentido, o objetivo principal desta pesquisa é propor um modelo para analisar a adequação do uso de recursos da TV Digital Interativa à Gestão do Conhecimento organizacional. Se as aplicações e serviços de TVDI forem usadas de maneira adequada, podem tornar-se um poderoso instrumento de criação, compartilhamento e disseminação de conhecimento nas organizações. O ineditismo, além da relação entre a Gestão do Conhecimento Organizacional e a TV Digital Interativa, também aparece na metodologia, pois não foi ainda desenvolvida uma relação entre o Modelo de Criação de Conhecimento de Nonaka e Takeuchi e as aplicações e serviços da TVDI. O modelo desenvolvido trata da relação entre as características e as cinco fases de criação de conhecimento do modelo de Nonaka e Takeuchi, e outra relação entre as aplicações e serviços de TVDI e as características do modelo de Nonaka e Takeuchi. A validação do modelo, com a definição dos conceitos de suporte, contexto e confiança, foi realizada a partir da relação entre a teoria sobre GCO e TVDI, a percepção do autor na aplicação do modelo, e entrevistas com especialistas em TVDI e GC sobre a análise realizada, o método desenvolvido e a necessidade de possíveis mudanças. O modelo foi considerado útil e pertinente por todos os especialistas e alguns pontos positivos foram destacados, tais como: utilidade para fixar o conteúdo; permite a utilização por qualquer tipo de organização; possibilita a paremetrização de cenário, permitindo a análise objetiva de novos negócios que podem surgir; e permite que sejam inseridas outras variáveis.
40

Avaliação de um método de desenvolvimento de programas de certificação setorial como uma ferramenta de gestão do conhecimento

Eckschmidt, Alex January 2008 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento / Made available in DSpace on 2012-10-24T03:45:06Z (GMT). No. of bitstreams: 1 249549.pdf: 3620788 bytes, checksum: f25eb8dc6216ef81e725bae844f6c817 (MD5) / O objetivo primordial desta dissertação foi avaliar um método que desenvolve e implanta programas de certificação setorial, como ferramenta de gestão do Conhecimento. O método para desenvolver Programas de Certificação Setoriais selecionado para a avaliação foi o utilizado em Santa Catarina no agronegócio. A estratégia de pesquisa foi formada pela definição dos problemas de pesquisa, quais sejam: a dificuldade de se sistematizar a geração, codificação e disseminação do conhecimento como um desafio da Gestão do Conhecimento. No processo de se desenvolver um programa de certificação, pode-se garantir a codificação do conhecimento de um setor. Em função deste problema, a pergunta de pesquisa foi formulada, questionando a contribuição do método, em desenvolver programas de certificação setoriais, como ferramenta de Gestão do Conhecimento: #O Método de desenvolver Programas de Certificação Setoriais podem contribuir para a Gestão do Conhecimento em setores de negócios?# Para a consecução da pesquisa, visando ao alcance dos objetivos, o entendimento da avaliação do método para o desenvolvimento de programas de certificação setorial teve como alicerce o estudo da Avaliação da Conformidade, já que se trata de um processo sistematizado, acompanhado e avaliado. A pesquisa foi classificada como sendo de natureza aplicada, com abordagem qualitativa, e o trabalho caracterizou-se como um estudo exploratório/descritivo, uma vez que teve como procedimentos técnicos a pesquisa bibliográfica, a pesquisa documental e o estudo de caso. Como instrumento de coleta de dados foi elaborada uma Lista de Verificação (Check List) sobre a Gestão do Conhecimento submetendo o método em questão a mesma. Para esta análise, a Lista de Verificação foi subdividida nas seis dimensões da Gestão do Conhecimento. Como conclusão do trabalho, verificou-se que foi possível validar o método de desenvolver programas de certificação setorial como uma ferramenta de gestão do conhecimento. The main objective of this work was to evaluate a method that develops and implements industry specific certification programs, as a tool for knowledge management. The method to develop industry specific certification programs selected was for agribusiness in the state of Santa Catarina, Brazil. The research strategy was developed by the definition of the research issues, which were: difficulties of systematize the creation, coding and sharing of the knowledge as a challenge of the Knowledge Management. In the process of developing a certification program, we can ensure a coding for the sector#s knowledge. In regard to this problem, the question of this research was formulated in regard to how can the method contribute as a Knowledge Management tool, through the development of sector specific certification program: #The Method of developing Sector certification programs contribute to the Knowledge Management of the business sector?# For the development of the research, aiming the study objectives, the understanding of the evaluation method for the development of sector certification programs was based on Conformity Evaluation, which is a systematized, followed and measured process. The research was classified as of practical nature, with a qualitative approach. The work is defined as exploratory / descriptive, as it had its technical procedure based on a bibliographic research, documental research and case study. For the data collection, a check list was developed for Knowledge Management which was submitted to the developed method. For this analysis, the check list was divided in the six dimensions of the Knowledge Management. The conclusion of this work confirms the applicability of the method to develop sector certification programs as a knowledge management tool.

Page generated in 0.114 seconds