Return to search

Os familiares na sala de espera de uma unidade de terapia intensiva

Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-graduação em Enfermagem, Florianópolis, 2009 / Made available in DSpace on 2012-10-24T09:59:33Z (GMT). No. of bitstreams: 1
276056.pdf: 12400646 bytes, checksum: a3d82276171ab44423fa7a7d03be1196 (MD5) / Trata-se de um estudo que teve como objetivo conhecer, quais os sentimentos e expectativas de cuidados, dos familiares de pacientes internados em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI), antes da visita. O estudo se deu em duas etapas: a primeira, através de uma pesquisa de revisão bibliográfica sobre o tema família em UTI adulto, com foco nos sentimentos dos familiares relacionados a internação. A revisão bibliográfica foi realizada nas bases de dados LILACS e BDENF e constituíram o corpus documental 20 artigos. A segunda etapa se constituiu de uma pesquisa de campo qualitativa do tipo exploratório descritiva com foco nos sentimentos e expectativas dos familiares, cujo cenário foi a UTI de um hospital público, da região oestina de Santa Catarina. Para a coleta de dados utilizou-se a entrevista estruturada com 18 familiares. Os resultados dessa dissertação, são apresentados de acordo com a Resolução 001/PEN/2008 de 10 de julho de 2008, na qual determina que os resultados apresentados deverão ser na forma de no mínimo 2 manuscritos/artigos. Um artigo refere-se a pesquisa de revisão bibliográfica e o outro a pesquisa de campo. A revisão bibliográfica revelou que o tema predominante nos estudos foi comunicação/informação e os sentimentos referidos pelos familiares foram: o difícil acesso a informação, o tempo restrito de visita, sentimentos de medo, ansiedade, desconfiança, o pouco diálogo com a equipe, informações transmitidas de maneira confusa . Para o tratamento dos dados do estudo de campo, foram utilizados as figuras metodológicas do Discurso do Sujeito Coletivo. Os discursos foram organizados em quatro tema: os sentimentos dos familiares relacionados a internação dos pacientes na UTI, os sentimentos na espera para entrar na unidade de terapia intensiva, a relação da equipe de enfermagem e aos familiares, necessidades dos familiares na sala de espera. As famílias ao terem seu familiar hospitalizado na UTI, sentem como sendo um momento desesperador, muito difícil, devido ao isolamento que a hospitalização acomete. O momento que antecede o horário de visita é referido pelos familiares como angustiante e o pior momento do dia, devido a pouca ou nenhuma informação referente ao seu familiar e por não saber como encontrá-lo. Os familiares apontaram como necessidade na sala de espera, ter informações sobre as condições do seu familiar doente e ampliar o horário de visitas. Este estudo reforça a necessidade da equipe de saúde da UTI, em particular da enfermagem, considerar o familiar do paciente em UTI como sujeito de cuidado, como cliente com inúmeras necessidades em especial a necessidade de informação, diálogo, respeito aos seus sentimentos. / This is a study which its main purpose was to understand what feelings and caring expectations from family members of patients placed in an Intensive Care Unit (ICU), before visiting them. The study was performed in two stages: the first, through a survey of literature on the subject of Family In adult ICU, focusing on feelings of family members related to the hospitalization. The Literature review was conducted on the databases LILACS and BDENF, and they composed the documentary corpus in 23 articles. The second stage consisted of a qualitative field research of an exploratory descriptive kind, focused on feelings and expectations of family members which took place in the ICU of a public hospital in Western Santa Catarina. In order to collect data, It was necessary to use a structured interview with 18 family members. The results of this dissertation are presented in accordance with the Resolution 001/PEN/2008 July 10, 2008 which states that the results should be presented in the form of at least 2 manuscripts/articles. An article refers to the Literature review research and the other refers to the field research. The Literature review, revealed that the main issues in the studies were communication/information; and the feelings expressed by the family members were: the difficulty on accessing information, restricted time of visit, feelings of fear, anxiety, mistrust, lack of dialogue with the personnel, information provided in a confusing way. For processing data of the studies field, methodological tools of #Discurso do Sujeito Coletivo# were used. The Speeches were organized in four subjects: The feelings of the family members related to the hospitalization in ICU, their feelings on waiting for the hospitalization in ICU, the relationship between the nursing personnel and the family, the family needs in the waiting room. Having their relatives hospitalized in ICU, they feel as a very desperating and difficult moment, due to the isolation which hospitalization entails. The preceding moment of the visit is referred by the relatives as anguishing and the worst part of the day due to poor or absence of information regarding the family member and for not knowing how to find Him/Her. The relatives noted as necessities in the waiting room, having information on the sick relative#s conditions and expanding visit time. This study reinforces the necessity of the ICU health care team, (of the nursing personnel in particular), in considering the patient#s relative in ICU as a care needing individual, a client with several necessities, (mainly informational needs), dialogue and respect for their feelings.

Identiferoai:union.ndltd.org:IBICT/oai:repositorio.ufsc.br:123456789/92548
Date24 October 2012
CreatorsFrizon, Gloriana
ContributorsUniversidade Federal de Santa Catarina, Nascimento, Eliane Regina Pereira do
Source SetsIBICT Brazilian ETDs
LanguagePortuguese
Detected LanguageEnglish
Typeinfo:eu-repo/semantics/publishedVersion, info:eu-repo/semantics/masterThesis
Sourcereponame:Repositório Institucional da UFSC, instname:Universidade Federal de Santa Catarina, instacron:UFSC
Rightsinfo:eu-repo/semantics/openAccess

Page generated in 0.0027 seconds