• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 100
  • 7
  • 7
  • 7
  • 7
  • 5
  • 2
  • 2
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 103
  • 103
  • 103
  • 43
  • 43
  • 31
  • 24
  • 20
  • 17
  • 16
  • 13
  • 12
  • 12
  • 11
  • 11
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Juízo moral e violência : a avaliação de situações de violência em crianças e adolescentes do ensino fundamental /

Campos, Sabrina Sacoman. January 2012 (has links)
Orientador: Adrián Oscar Dongo Montoya / Banca: Luciene Regina Paulino Tognetta / Banca: Patrícia Unger Raphael Bataglia / Resumo: A presente dissertação de mestrado, pautada na teoria sobre o juízo moral de Jean Piaget, tem como objetivo, por um lado, verificar se existe relação entre o desenvolvimento do respeito e a construção da noção de violência em crianças e adolescentes e, por outro, constatar se essa relação se mostra diferenciada em sujeitos de ambientes educacionais diferentes. Trata-se de um estudo de casos múltiplos, envolvendo oitenta sujeitos, separados em dois grupos: o primeiro é constituído por quarenta sujeitos de uma escola cujo ambiente sociomoral é coercitivo; e o segundo, constituído por quarenta sujeitos de uma escola cujo ambiente sociomoral é cooperativo. Utilizamos o método clínico, desenvolvido por Piaget, para a aplicação das entrevistas, que constaram de seis histórias de conteúdo moral, e, três histórias e uma entrevista pessoal de conteúdo sobre violência. Os resultados confirmam nossa hipótese de que há relação entre o desenvolvimento do respeito e a avaliação de situações de violência nas crianças e adolescentes. E, ainda, que o ambiente educacional cooperativo proporciona maior desenvolvimento do respeito e da avaliação da violência por parte dos sujeitos. Os resultados permitiram, ainda, constatarmos uma antecipação dos sujeitos frequentadores do ambiente educacional sociomoral cooperativo no desenvolvimento do respeito e da avaliação de situações de violência baseada em princípios internos / Abstract: This study, based on Jean Piaget‟s Theory about moral judgment, aims, firstly to verify whether there is a relation between the development of respect and the construction of the notion of violence in children and adolescents and, secondly, to conclude whether this relation differs in subjects from different educational environments. This is a multiple case study involving eighty subjects, divided in two groups: Group 1: forty subjects from a school whose environment is described as sociomoral coercive; Group 2: forty subjects from a school whose environment is described as sociomoral cooperative. A clinical method, developed by Piaget, was used to apply the interviews. The interviews held six stories of moral content, three stories and one personal interview of violence content. The results confirmed our hypothesis that there is relation between the development of respect and the assessment of situations of violence in children and adolescents. Moreover, that the cooperative educational environment provides a better development of respect and violence assessment by the subjects. The results also allowed concluding an anticipation of the subjects who attended the sociomoral cooperative environment for respect development and violence situation assessment / Mestre
2

Atividade epilinguística em sala de aula: as interpretações naturais feitas pelos alunos

Wamser, Camila Arndt [UNESP] 26 April 2013 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:30:11Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2013-04-26Bitstream added on 2014-06-13T20:20:28Z : No. of bitstreams: 1 wamser_ca_me_arafcl.pdf: 879669 bytes, checksum: c5c1a17c0ba3c917acd1a2aaddb30648 (MD5) / O objetivo principal desta pesquisa é estabelecer um contraponto entre as abordagens tradicional e epilinguística no ensino da língua materna. Os demais objetivos são: 1) determinar as noções semânticas e sintáticas estabelecidas pelos alunos na compreensão de termos previamente selecionados; 2) operar oralmente com os marcadores adversativos; 3) identificar a ausência da reflexão nas atividades tradicionais de interpretação de textos, vocabulário e gramática. Nossa pesquisa é dividida em duas etapas, a primeira, de análise dos enunciados e um trabalho prático com os alunos. A segunda, de comparação do desenvolvimento metalinguístico dos alunos nas duas metodologias. Trabalhamos com duas turmas do sexto ano do ensino fundamental da Escola Dr. Joaquim Batista na cidade de Jaboticabal/SP, entre os meses de agosto/2011 e maio/2012. Numa turma, denominada “Turma B”, trabalhamos com a leitura e interpretação de fábulas de modo oral, buscamos motivar os alunos a produzirem explicações naturais sobre noções selecionadas, bem como sobre as relações adversativas estabelecidas por marcas específicas ou pela ausência dessas. O estudo do tópico gramatical foi trabalhado de acordo com as manipulações operadas pelos próprios alunos. Após cada aula fizemos sua transcrição com o intuito de levantar os enunciados passíveis de análise segundo o modelo fornecido pelo linguista francês Antoine Culioli na sua “Teoria das Operações Predicativas e Enunciativas”. Na outra turma, chamada “Turma A” trabalhamos os mesmos textos, porém, com atividades tradicionais de interpretação de texto e gramática: questionamentos e exercícios de múltipla escolha, ou seja, o estudo do texto isolado do estudo da gramática. O objetivo é comparar o que foi assimilado pelos alunos nas duas turmas, verificando qual método foi mais... / The main purpose of this research is to establish a difference between the traditional and epilinguístic approach regarding mother language teaching procedures. The other aims are: 1) To determine the primitive relations established by the students in the understanding of selected notions; 2) To operate orally with the adversative markers; 3) To identify the absence of reflection on the traditional activities of understanding, vocabulary and grammar; Our study is divided into two parts: the first one deals with statement analysis and a practical work with the students and the epilinguistic activities. The second one is a comparison of the metalinguistic development of the students within the two different strategies. We worked with two classes of sixth grade, at Dr. Joaquim Batista school, in the city of Jaboticabal/SP, between August, 2011 and May, 2012. In one of them, named “Class B”, it was worked orally with reading and understanding of fables, motivating the students to produce natural explanations about notions, as well as the adversatives relations established by the marker mas/but or the absence of it. The study of the grammar topic was done according to the manipulations operated by the students themselves. After each class we made the transcription aiming to raise the statements that could be analyzed according to the theoretical model provided by the French linguist Antoine Culioli, in his Predicative and Enunciative Operations Theory. In the other class, called “Class A”, we worked the same texts, but with traditional activities of text comprehension and grammar: guided questions and multiple choice exercises, in other words, the text was studied separated from the grammar structures. The activities with this class supplied the material for the comparison of which method was more productive, in terms of expression of thought... (Complete abstract click electronic access below)
3

Juízo moral e violência: a avaliação de situações de violência em crianças e adolescentes do ensino fundamental

Campos, Sabrina Sacoman [UNESP] 14 August 2012 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:24:56Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2012-08-14Bitstream added on 2014-06-13T20:13:25Z : No. of bitstreams: 1 campos_ss_me_mar.pdf: 685933 bytes, checksum: d18e5940a4b845d324f4fd536a99bcda (MD5) / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / A presente dissertação de mestrado, pautada na teoria sobre o juízo moral de Jean Piaget, tem como objetivo, por um lado, verificar se existe relação entre o desenvolvimento do respeito e a construção da noção de violência em crianças e adolescentes e, por outro, constatar se essa relação se mostra diferenciada em sujeitos de ambientes educacionais diferentes. Trata-se de um estudo de casos múltiplos, envolvendo oitenta sujeitos, separados em dois grupos: o primeiro é constituído por quarenta sujeitos de uma escola cujo ambiente sociomoral é coercitivo; e o segundo, constituído por quarenta sujeitos de uma escola cujo ambiente sociomoral é cooperativo. Utilizamos o método clínico, desenvolvido por Piaget, para a aplicação das entrevistas, que constaram de seis histórias de conteúdo moral, e, três histórias e uma entrevista pessoal de conteúdo sobre violência. Os resultados confirmam nossa hipótese de que há relação entre o desenvolvimento do respeito e a avaliação de situações de violência nas crianças e adolescentes. E, ainda, que o ambiente educacional cooperativo proporciona maior desenvolvimento do respeito e da avaliação da violência por parte dos sujeitos. Os resultados permitiram, ainda, constatarmos uma antecipação dos sujeitos frequentadores do ambiente educacional sociomoral cooperativo no desenvolvimento do respeito e da avaliação de situações de violência baseada em princípios internos / This study, based on Jean Piaget‟s Theory about moral judgment, aims, firstly to verify whether there is a relation between the development of respect and the construction of the notion of violence in children and adolescents and, secondly, to conclude whether this relation differs in subjects from different educational environments. This is a multiple case study involving eighty subjects, divided in two groups: Group 1: forty subjects from a school whose environment is described as sociomoral coercive; Group 2: forty subjects from a school whose environment is described as sociomoral cooperative. A clinical method, developed by Piaget, was used to apply the interviews. The interviews held six stories of moral content, three stories and one personal interview of violence content. The results confirmed our hypothesis that there is relation between the development of respect and the assessment of situations of violence in children and adolescents. Moreover, that the cooperative educational environment provides a better development of respect and violence assessment by the subjects. The results also allowed concluding an anticipation of the subjects who attended the sociomoral cooperative environment for respect development and violence situation assessment
4

Diálogo e qualidade na educação infantil : um estudo de relações na sala de aula

Silva, Alaídes Pereira da 07 1900 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação, 2006. / Submitted by Larissa Ferreira dos Angelos (ferreirangelos@gmail.com) on 2009-11-09T21:09:50Z No. of bitstreams: 1 _2006_Alaídes.pdf: 531437 bytes, checksum: a751c5b0f2e3af8079c4a01ad143206b (MD5) / Approved for entry into archive by Luanna Maia(luanna@bce.unb.br) on 2010-06-18T12:11:21Z (GMT) No. of bitstreams: 1 _2006_Alaídes.pdf: 531437 bytes, checksum: a751c5b0f2e3af8079c4a01ad143206b (MD5) / Made available in DSpace on 2010-06-18T12:11:21Z (GMT). No. of bitstreams: 1 _2006_Alaídes.pdf: 531437 bytes, checksum: a751c5b0f2e3af8079c4a01ad143206b (MD5) Previous issue date: 2006-07 / Este estudo busca entender a qualidade da relação professor-aluno construída por meio do diálogo estabelecido entre uma professora da Educação Infantil da rede pública de ensino do Distrito Federal e seus 25 alunos de 6 anos de idade. A compreensão do problema foi ancorada na perspectiva histórico-cultural e na teoria da dialogia de Bakhtin que aponta o diálogo como base das relações entre os homens. A partir da observação de situações interativas e da convivência com o grupo, procuramos encontrar indícios de uma relação dialógica e ligações entre o diálogo e a qualidade da relação professor-aluno. Destacamos a escuta e a responsividade como categorias para orientar as observações e a análise das situações presenciadas. Ao longo do trabalho de pesquisa e da análise das interações entre a professora e os alunos, concluímos que a qualidade da relação professor-aluno é construída no dia-a-dia por meio das negociações das regras de convivência e dos vínculos afetivos criados entre os sujeitos. O diálogo é uma estratégia necessária para construir um ambiente de bem-estar por meio da escuta ativa e de atitudes responsivas, as quais promovem um envolvimento afetivo sadio e propício à aprendizagem. Desta forma, as regras de convivência e a organização física e social da sala eram resultantes de negociações e acertos feitos entre o grupo. _________________________________________________________________________________________ ABSTRACT / This study looks forward to examine the quality of relationship teacher–student through the dialogue established among a teacher of childhood education of public education of Distrito Federal and her 25 six-year-old pupils. The comprehension of the problem was anchored in the historical-cultural’s perspective and the dialogical theory as studied by Bakhtin that indicated the dialogue of the base the relationship’s man. Through the observation of interactive situations and the acquaintance among the group, we searched to find tread marks of a dialogical relationship and connections between the dialogue and the quality of the teacher-student’s relationship. We empathized two categories to orient the observations and analyses of the interactive situations: the listening and the responsive. Through the work of research and analyses of the interactions among the teacher and the students we concluded that the quality of the relationship between teacher-student was built diary through the negotiations of roles and affective vinculums established among the people. The dialogue is a necessary strategy to construct an environment of welfare through the active listening and responsive attitudes, which promote an affective involvement, necessary to the learning process. In this way, the acquaintance’s roles and the social physic organization of classroom was resultants of negotiations and make treaties done between the group.
5

Práticas de violência no espaço escolar do Distrito Federal : uma interpretação do fenômeno nas aulas de educação física

Ferreira, Cleber dos Santos 29 July 2010 (has links)
Dissertação (Mestrado)-Universidade de Brasília, Faculdade de Educação Física, 2010. / Submitted by Luiza Moreira Camargo (luizaamc@gmail.com) on 2011-06-20T16:57:43Z No. of bitstreams: 1 2010_CleberdosSantosFerreira.pdf: 1016260 bytes, checksum: 4df2c5e2f628163ce41ba4bb2210666f (MD5) / Approved for entry into archive by Guilherme Lourenço Machado(gui.admin@gmail.com) on 2011-06-21T13:38:41Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2010_CleberdosSantosFerreira.pdf: 1016260 bytes, checksum: 4df2c5e2f628163ce41ba4bb2210666f (MD5) / Made available in DSpace on 2011-06-21T13:38:41Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2010_CleberdosSantosFerreira.pdf: 1016260 bytes, checksum: 4df2c5e2f628163ce41ba4bb2210666f (MD5) / O presente estudo teve por objetivo verificar a ocorrência, freqüência e tipos de práticas de violência nas aulas de Educação Física em uma escola pública da cidade satélite de Santa Maria - Distrito Federal, compreendendo o ambiente das aulas, a figura do professor e dos alunos, a escola e as relações desta com a comunidade como elementos integrantes e intervenientes, para uma ação refletida no fazer pedagógico. Durante sua construção foram observadas as práticas de violência presentes e como se davam essas práticas nas aulas de Educação Física. De linha qualitativa e quantitativa combinou-se a aplicação de questionários, observações e realizações de grupos focais com alunos, professores, equipe de direção e policiais do Batalhão Escolar; no intuito de trazer relatos e compreender a mecânica de construção do fenômeno nas aulas na medida em que mostrou as motivações, as causas, os modos como determinados atos e atitudes se entrelaçam, os efeitos sobre os indivíduos, as relações sociais e o ambiente escolar. Foram constatadas práticas de violência nas aulas de Educação Física, tendo as agressões verbais lugar de destaque, seguidas de agressões físicas e roubos, o que em alguns casos levou os alunos ao isolamento em sala de aula ou na própria quadra. Questões como contexto em que a escola está inserida, infra-estrutura das quadras, falta de planejamento do professor e a sua omissão diante dessas práticas, foram citados como fatores influenciadores da prática de violência durante as aulas; percebendo assim que um trabalho conjunto deve ser realizado no tratamento do assunto. ___________________________________________________________________________________ ABSTRACT / This study aimed to assess the occurrence, frequency and types of practices of violence in physical education classes in a public school in the suburban town of Santa Maria – Distrito Federal, including the school environment, the figure of the teacher and pupils the school and its relations with the community as integral elements and actors for an action reflected in the teaching done. During its construction, showed the present practices of violence and how it gave these practices in physical education classes. Line qualitative and quantitative combined to questionnaires, observations and realizations of focus groups with students, faculty, staff director of the School Battalion and police, in order to bring reports and understand the mechanics of construction of the phenomenon in the classroom as that showed the motivations, the causes, the ways in certain actions and attitudes are intertwined, and the effects on individuals, social relationships and school environment. Practices of violence were found in physical education classes, taking verbal prominent place, followed by assaults and robberies, which in some cases led to the isolation students in the classroom or on their court. Issues such as the context in which the school is located, the court infrastructure, lack of teacher's planning and its omission before these practices were cited as factors influencing the practice of violence during the school year, they realize that a joint work must be done in the treatment of the subject.
6

Percepção de professores e estudantes de cursos de licenciatura quanto ao estímulo à criatividade

Ribeiro, Rejane Arruda 28 April 2006 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, 2006. / Submitted by Jaqueline Ferreira de Souza (jaquefs.braz@gmail.com) on 2011-09-08T12:58:50Z No. of bitstreams: 1 2006_Rejane Arruda Ribeiro.pdf: 268967 bytes, checksum: 73f0dfe9f5cd2151a87e64d7119b2e44 (MD5) / Approved for entry into archive by Jaqueline Ferreira de Souza(jaquefs.braz@gmail.com) on 2011-09-08T12:59:17Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2006_Rejane Arruda Ribeiro.pdf: 268967 bytes, checksum: 73f0dfe9f5cd2151a87e64d7119b2e44 (MD5) / Made available in DSpace on 2011-09-08T12:59:17Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2006_Rejane Arruda Ribeiro.pdf: 268967 bytes, checksum: 73f0dfe9f5cd2151a87e64d7119b2e44 (MD5) / Estudar criatividade a partir da perspectiva do desenvolvimento humano requer entender o indivíduo como um ser complexo, inserido em múltiplos ambientes que o influenciam e são por ele influenciados. Nesse sentido, é válido ressaltar a necessidade de se compreendê-la de forma sistêmica e dinâmica. A escola adquire, então, grande importância como local de estímulo e desenvolvimento das habilidades criativas. Assim, inúmeros autores têm discutido o papel das instituições de ensino superior na promoção da criatividade. O presente estudo examinou a percepção de professores universitários, de cursos de licenciatura de instituição pública e particular do Distrito Federal, acerca da extensão em que suas práticas docentes favorecem o desenvolvimento da criatividade de seus estudantes, bem como possíveis barreiras à sua criatividade pessoal. O estudo verificou ainda a percepção de estudantes acerca destas práticas docentes. Participaram do estudo 82 professores e 1396 estudantes. Foram utilizados o Inventário de Práticas Docentes e o Inventário para Identificação de Barreiras à Criatividade Pessoal. Para analisar os dados foram empregadas as análises de variância univariada (ANOVA) e multivariada (MANOVA). Os resultados indicaram que os fatores do Inventário de Práticas Docentes melhor avaliados pelos estudantes e professores foram Clima para Expressão de Idéias e Interesse pela Aprendizagem do Aluno. Já o fator Avaliação e Metodologia de Ensino obteve a média mais baixa. Os resultados ainda revelaram que a percepção de professores acerca da extensão em que suas práticas docentes favorecem a criatividade discente foi mais favorável do que a dos estudantes. Ademais, os dados apontaram que estudantes de cursos da área de Saúde apresentaram uma percepção mais positiva quanto aos fatores Incentivo a Novas Idéias e Interesse pela Aprendizagem do Aluno em comparação aos estudantes das áreas de Ciências e Humanidades. Também, os estudantes da área de Saúde avaliaram de forma mais positiva o fator Avaliação e Metodologia de Ensino do que os da área de Ciência. Além disso, a percepção de estudantes de semestres avançados foi mais favorável do que a de estudantes de semestres iniciais em relação a todos os fatores medidos pelo Inventário de Práticas Docentes. Estudantes de instituições de ensino superior particular avaliaram mais positivamente os fatores Incentivo a Novas Idéias e Avaliação e Metodologia de Ensino do que estudantes de instituição pública. Falta de Tempo/Oportunidade foi apontada pelos professores como a principal barreira à criatividade pessoal. ___________________________________________________________________________________ ABSTRACT / The study of creativity from the human development perspective demands the understanding of the individual as a complex being, inserted in multiple environments, which influence and are influenced by him. Thus, the need to understand creativity in a systemic and dynamic way has to be emphasized. As a consequence, school acquires a great importance as a place of incentive and development of creative abilities. Therefore, various authors have been discussing the role of colleges and universities in promoting creativity. The present study has examined the professors' and university students' perception on courses from public and private institutions in the Federal District, to find out to what extent the educational practices encourage the students' creative expression. It also checked the professors' perception on possible barriers to their personal creativity. The study had the participation of 82 professors and 1,396 students. The Educational Practice and the Barrier Identification to Personal Creativity Inventories were applied. In order to analyze the data, the univariate variance analyses (ANOVA) and multivariate variance analyses (MANOVA) were used. The results indicated that the factors, which were best evaluated by students and professors in the Educational Practice Inventory, were the Atmosphere for the Expression of Ideas and the Interest for Student's Learning. The Evaluation and Teaching Methodology factor obtained the lowest average. The results still revealed that the professors' perception concerning to what extent their educational practices encouraged students' creative expression, was more favorable than that of students'. The other results showed that students doing courses in the Health area, presented a more positive perception in the Incentive to New Ideas and the Interest for the Student's Learning factors, when compared to students from the Social and Natural Sciences. Furthermore, the perception of students' in more advanced semesters was more favorable than of those in initial semesters in relation to all the factors measured in the Educational Practice Inventory. Students from private education institutions had a more positive evaluation of factors concerning the Incentive to New Ideas and the Evaluation and Teaching Methodology than those students from public institutions. Professors pointed out the lack of time and opportunity as the main barriers to personal creativity.
7

Ambiente de trabalho das salas de aula no ensino básico de Curitiba

Leucz, Júlia January 2001 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção. / Made available in DSpace on 2012-10-18T12:11:39Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2014-09-25T20:09:25Z : No. of bitstreams: 1 186236.pdf: 10747159 bytes, checksum: 75373eb8f9646f6154962fab1dc981cc (MD5) / O objetivo desta dissertação foi verificar se as escolas do Ensino Básico de Curitiba, dispõem de ambiente físico de trabalho adequado para o desenvolvimento do ensino, se as salas de aula seguem recomendações mínimas exigidas na construção, se os professores têm conhecimento sobre estes fatores físico-ambientais que primam melhorar a qualidade do ambiente de trabalho. Para a execução do trabalho, fez-se uma revisão bibliográfica e uma pesquisa de campo. Na revisão bibliográfica procurou-se referenciar os autores que tratam do tema escolhido.A pesquisa de campo teve, por objetivo específico, coletar dados sobre o conhecimento e as preocupações dos professores em relação ao ambiente em que trabalham, especificamente, a sala de aula. Para tal fim, elaborou-se um questionário com perguntas fechadas e algumas abertas, que foi aplicado para professores nas escola de Curitiba no ensino público e particular.Juntamente com esta pesquisa, fez-se uma pesquisa observacional sobre os fatores físico- ambientais e construção das salas de aula. Nas mesmas escolas, fez-se a medição do ruído em sala de aula. Os dados coletados, foram analisados cientificamente com auxílio de "software" e interpretados à luz do referencial teórico e normas em anexo. Os resultados obtidos, permitiram elaborar uma proposta para futuras pesquisas.
8

Erros e dificuldades no ensino da algebra : o tratamento dado por professoras de 7a.serie em aula

Pinto, Renata Anastacio 26 August 1997 (has links)
Orientador: Dario Fiorentini / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Educação / Made available in DSpace on 2018-07-23T03:39:55Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Pinto_RenataAnastacio_M.pdf: 6115399 bytes, checksum: b8af5ac987be266ef21e412acce8ec17 (MD5) Previous issue date: 1997 / Resumo: Este estudo teve como objetivo investigar e analisar o modo como os professores tratam/enfrentam, em aula, as situações de erro ou dificuldade, suas e dos alunos, que surgem no processo de ensino/aprendizagem da álgebra elementar. A pergunta orientadora da investigação foi a seguinte: Como o professor trata/enfrenta os erros e as dificuldades que surgem em situações de aula envolvendo atividades algébricas? Para responder a pergunta acima foram observadas as aulas de duas professoras de 7a série, em escolas no município de Campinas. As aulas foram registradas em diário de campo e, algumas, audio-gravadas e transcritas. Após descrever as práticas e idéias das professoras participantes deste estudo de caso (Capítulo I), foram analisados os vários modos de tratamento dos erros (Capítulo 11) através de alguns episódios e também um episódio especial (Capítulo 111) no qual o erro foi olhado sob uma perspectiva teórica de produção de significados. Entre outros resultados, este estudo mostrou a existência de três fontes de origem dos erros nas aulas: erros dos alunos, erros da professora e erros do material didático. Mostrou também que os erros que os alunos cometem são conseqüência de uma prática escolar que privilegia mais os processos sintáticos (relativos ao uso de regras) que semânticos (relativos à interpretação dos significados negociados ou instituídos em aula). Também houve variações no modo da professora tratar os erros em aula. Além disso, o estudo apontou para a necessidade de olhar o erro não como algo ruim ou negativo, mas como conseqüência de uma tentativa de compreensão e significação e que, por ISSO, precisa ser tratado/explorado pedagogicamente pelo professor / Abstract: The objective of this study is to investigate and analyse the way teachers deal with/face error and difficulties situations inside the classroom. These situations ¿ both teacher' s and students' - arise on the process of teaching and learning of elementary algebra. The question that orients this investigation is the following: How the Teacher deal with/face errors and difficulties that arise in classroom situations involving algebrical activities ? ln order to answer the above question the classes of two 7'Sh grade teachers in the city of Campinas have been observed. The classes have been registered on a field diary and some of them have been recorded and transcribed. Chapter l describes the practice and ideas of the teachers that took part on this case study. After this, Chapter II analyses the various ways of dealing with errors by means of a number of episodes. Finally, Chapter III features a special episode in which the error is seen under a meaning-production theoretical perspective. Among other results, this study has shown the existence of three sources for the ongm of the errors on the classroom: students' errors, teacher's errors and didactic material' s errors. It has also shown that the errors that students do are a consequence of a school practice that favours much more the sintatic processes (relative to the use of rules) instead of the semantic ones (relative to the interpretation of the meanings negociated or instituted on class). There has been, however, variations on the teacher's way to deal with errors on class. Furthermore, the study has pointed towards the need of seeing the error not as a bad or negative thing, but instead as a consequence of a comprehension and signification try and hence has to be dealed with/explored in a pedagogic fashion by the teacher / Mestrado / Educação Matematica / Mestre em Educação
9

A politica da sala de aula

Costa, Josias Dias da 19 February 1998 (has links)
Orientador: Jose Luiz Sigrist / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Educação / Made available in DSpace on 2018-07-23T09:03:00Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Costa_JosiasDiasda_M.pdf: 9891051 bytes, checksum: b74d1641502a4d1b872fc1ddc60d07ba (MD5) Previous issue date: 1998 / Resumo: O presente texto consiste numa busca de esclarecimento aos fundamentos do que é ensinado na sala de aula. Essa busca se baseia nas seguintes questões: Por que a sala de aula? Qual é o sentido da ação daqueles que nela trabalham, quais são os paradoxos dessa ação e que conseqüências ela traz para a sociedade? Os fundamentos histórico-filosóficos da educação são buscados na origem do ser humano e no seu desenvolvimento ao longo da história, quando as diferentes sociedades praticaram suas educações centradas nos valores e nas visão de homem que cada uma possuía. Com o surgimento do capitalismo, a sociedade chegou a tal complexidade que a burguesia, com novos valores e novas idéias, criou a sala de aula e transformou-a num elemento fundamental para a universalização de sua consciência. Mas o surgimento do proletariado enquanto classe social fez surgir também a necessidade de universalização de sua consciência revolucionária. De modo que as lutas pela conquista do espaço da sala de aula transformaram-se numa expressão importante das contradições que se manifestavam na sociedade como um todo. Nesse contexto conflitivo de lutas sociais, em que se inserem as lutas pela educação, é que surgem as diferentes teorias educacionais, umas produzidas por intelectuais da burguesia e outras por intelectuais comprometidos com os trabalhadores. Esses intelectuais, dos dois grupos citados, estão ligados direta ou indiretamente a grupos político-partidários que tentam arregimentar a classe trabalhadora, para reforçar, a partir da sala de aula, os interesses ideológicos ou revolucionários da classe que defendem / Abstract: This text is a search of clarification as to foundations of what is taught in the classroom. This search is based on the following questions: What is the function of the classroom; what is the meaning of the interaction of those working in the classroom; what is the meaning of the interaction of those working in the classroom? What are the paradoxes involved in this interaction, and what are some consequences it brings to society? The historical-philosophical grounds of education should be sought at the origin of mankind and in his development though the ages when different societies educate according to its proper values and vision of mano With the uprising of capitalism society has evolved in a degree of complexity that the bourgeoisie, with new valves and new ideas, create a classroom and transform it into the essential element of the universalization of its conscience. But with the coming of the proletariat, as a social class, also gives rise to the necessity of the universalization of its revolutionary conscience. In this manner the struggle to control the classroom becomes an important factor in the contradictions manifest in society at large. In this social struggle in which the struggle for education is inserted, difIerent educational theories arise: those produced by intellectuals of the bourgeoisie, and those by intellectuals in favor of the working class. Both are part of the difIerent political groups trying to recruit and defend, by way of the classroom, works to reinforce their or ideological and revolutionary interests / Mestrado / Filosofia e História da Educação / Mestre em Educação
10

Os livros na Escola Estadual Barão Geraldo de Rezende : entre a biblioteca e a sala-ambiente

Bianchi, Maria do Carmo 03 August 2018 (has links)
Orientador: Lilian Lopes Martin da Silva / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Educação / Made available in DSpace on 2018-08-03T20:52:09Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Bianchi_MariadoCarmo_M.pdf: 6931170 bytes, checksum: 62741e0b33b1d2b83188540efad7722d (MD5) Previous issue date: 2003 / Mestrado

Page generated in 0.1282 seconds