• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 217
  • 8
  • 8
  • 8
  • 8
  • 7
  • 6
  • 2
  • 2
  • 1
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 231
  • 231
  • 101
  • 89
  • 37
  • 29
  • 23
  • 20
  • 18
  • 18
  • 17
  • 17
  • 17
  • 16
  • 15
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Dinâmica e estrututra populacional de Anopheles darlingi em um assentamento rural na floresta amazônica, Acre, Brasil

Moutinho, Paulo Rufalco [UNESP] 04 March 2010 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:26:02Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2010-03-04Bitstream added on 2014-06-13T18:29:19Z : No. of bitstreams: 1 moutinho_pr_me_botib.pdf: 1187616 bytes, checksum: 4d06260d12c810f2894eb487c2db1db6 (MD5) / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / Os mosquitos do gênero Anopheles incluem espécies de grande importância epidemiológica, pois representam os principais vetores da malária. Estudar o papel destas espécies na transmissão, a interação com o humanos e as diferentes regiões que eles infestam estão entre os principais objetivos da entomologia médica. Sua infestação esta ligada a regiões tropicais e o gênero está presente de forma cosmopolita, predominantemente nos países em desenvolvimento. No Brasil, o Anopheles darlingi é o principal vetor da doença e é encontrado na região norte, área onde são notificados 99,5% de casos da doença. O presente estudo consistiu em capturas de mosquitos do gênero Anopheles ao longo de oito meses, em dois diferentes sítios do Ramal do Granada, localizado no município de Acrelândia, Acre. O Ramal do Granada, estrada que corta o bioma amazônico e com extensão de 30 km a partir do ponto 0 (BR 364), possui diferentes formas de assentamento conforme a área analisada. A tendência é: quanto mais afastado do ponto 0, menor é o número de famílias residentes e menor a proporção de desmatamento. Cada coleta foi composta por três dias, dois para capturas de três horas, no intra, peri e extra-domicílio, e um para capturas de 12 horas, no intra e peri-domicílio. As coletas foram realizadas em intervalos de dois meses, acompanhando a sazonalidade das chuvas, fator ambiental estritamente ligado com a presença do anofelino. Foi verificada a densidade, a distribuição, atividade hematofágica de mosquitos Anopheles darlingi, além de sua filogeografia, através do sequenciamento de parte do gene ND4. A comparação entre os dois sítios quanto a quantidade e variabilidade, e o com menor grau de desflorestamento e número de residências se mostrou com maior quantidade de mosquitos. As coletas de doze horas mostraram que o pico do An. darlingi se dá entre 19:00 e 22:00... / Anopheles spp. include species of major epidemiological importance, because of their role as the main malaria vectors. Studying mosquito variability, their behavior and the various regions they infest are the main objectives of medical entomology. In Brasil, An. darlingi, the main vector of disease, is found predominantly in northern area, where are reported 99,5% of malaria. This study consists in monitoring mosquito variability during eight months, in two different regions of a rural settlement, the “Ramal do Granada” located in Acrelândia, Acre. The “Ramal do Granada”, a road in the Amazon biome, whose extension is 30 km from point 0 (BR 364), has different ways of population settlement, varying accordingly to the observed kilometer. The tendency is: the farther from point 0, the lower is the number of residents and the level of deforestation. The collections are performed during three days, two days for three-hour captures and one day for a twelve-hour capture. Mosquitoes were collected by human landing inside and outside the houses. Each collection is made between intervals of two months, following the seasonal variation of rainfall, environmental factor closely connected to the presence of the Anopheles. Populational variations and density has been analyzed, together with molecular analysis of Anopheles darlingi by part of ND4 gene sequencing. The data presented shows differences inside the settlement: number of collected mosquitoes was greater in all collections nearby the settlement limits, representing newer settlements. The twelve-hour captures have shown the presence of only one density peak occuring between 7:00PM to 10:00 PM in months of low density, and verified the existence of peaks in the remaing hours of the night, in collections of high density. Molecular analysis using sequencing of the mitochondrial ND4 gene showed no variation between the An. darlingi ... (Complete abstract click electronic access below)
2

Dinâmica e estrututra populacional de Anopheles darlingi em um assentamento rural na floresta amazônica, Acre, Brasil /

Moutinho, Paulo Rufalco. January 2010 (has links)
Orientador: Eduardo Martins Ribolla / Banca: Claudia Pio / Banca: Karina dos Santos Paduan / Resumo: Os mosquitos do gênero Anopheles incluem espécies de grande importância epidemiológica, pois representam os principais vetores da malária. Estudar o papel destas espécies na transmissão, a interação com o humanos e as diferentes regiões que eles infestam estão entre os principais objetivos da entomologia médica. Sua infestação esta ligada a regiões tropicais e o gênero está presente de forma cosmopolita, predominantemente nos países em desenvolvimento. No Brasil, o Anopheles darlingi é o principal vetor da doença e é encontrado na região norte, área onde são notificados 99,5% de casos da doença. O presente estudo consistiu em capturas de mosquitos do gênero Anopheles ao longo de oito meses, em dois diferentes sítios do Ramal do Granada, localizado no município de Acrelândia, Acre. O Ramal do Granada, estrada que corta o bioma amazônico e com extensão de 30 km a partir do ponto 0 (BR 364), possui diferentes formas de assentamento conforme a área analisada. A tendência é: quanto mais afastado do ponto 0, menor é o número de famílias residentes e menor a proporção de desmatamento. Cada coleta foi composta por três dias, dois para capturas de três horas, no intra, peri e extra-domicílio, e um para capturas de 12 horas, no intra e peri-domicílio. As coletas foram realizadas em intervalos de dois meses, acompanhando a sazonalidade das chuvas, fator ambiental estritamente ligado com a presença do anofelino. Foi verificada a densidade, a distribuição, atividade hematofágica de mosquitos Anopheles darlingi, além de sua filogeografia, através do sequenciamento de parte do gene ND4. A comparação entre os dois sítios quanto a quantidade e variabilidade, e o com menor grau de desflorestamento e número de residências se mostrou com maior quantidade de mosquitos. As coletas de doze horas mostraram que o pico do An. darlingi se dá entre 19:00 e 22:00 ... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: Anopheles spp. include species of major epidemiological importance, because of their role as the main malaria vectors. Studying mosquito variability, their behavior and the various regions they infest are the main objectives of medical entomology. In Brasil, An. darlingi, the main vector of disease, is found predominantly in northern area, where are reported 99,5% of malaria. This study consists in monitoring mosquito variability during eight months, in two different regions of a rural settlement, the "Ramal do Granada" located in Acrelândia, Acre. The "Ramal do Granada", a road in the Amazon biome, whose extension is 30 km from point 0 (BR 364), has different ways of population settlement, varying accordingly to the observed kilometer. The tendency is: the farther from point 0, the lower is the number of residents and the level of deforestation. The collections are performed during three days, two days for three-hour captures and one day for a twelve-hour capture. Mosquitoes were collected by human landing inside and outside the houses. Each collection is made between intervals of two months, following the seasonal variation of rainfall, environmental factor closely connected to the presence of the Anopheles. Populational variations and density has been analyzed, together with molecular analysis of Anopheles darlingi by part of ND4 gene sequencing. The data presented shows differences inside the settlement: number of collected mosquitoes was greater in all collections nearby the settlement limits, representing newer settlements. The twelve-hour captures have shown the presence of only one density peak occuring between 7:00PM to 10:00 PM in months of low density, and verified the existence of peaks in the remaing hours of the night, in collections of high density. Molecular analysis using sequencing of the mitochondrial ND4 gene showed no variation between the An. darlingi ... (Complete abstract click electronic access below) / Mestre
3

Estudo de laboratório e de campo, sobre dinâmica populacional de Biomphalaria spp., hospedeiros intermediários do Schistosoma mansoni, no território brasileiro

Lima, Carlos Eduardo Pires Grault Vianna de January 2013 (has links)
Made available in DSpace on 2016-03-15T14:24:27Z (GMT). No. of bitstreams: 2 carlos_lima_ioc_dout_2013.pdf: 8345944 bytes, checksum: f6913af0e4b95c4ed9e6e5b2eefc25e9 (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2016-01-13 / Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz. Rio de Janeiro, RJ, Brasil / A dinâmica de populações é centrada na observação da taxa de crescimento populacional. Essa análise, fundamentalmente, leva em conta a combinação de dois princípios básicos, taxa de reprodução e a taxa de mortalidade. Outros fatores extrínsecos, tais como migração, imigração, variações climáticas, competição por alimento ou nutrientes e doenças podem afetar a abundância de uma determinada espécie. Nessa tese, foram realizados quatro experimentos em laboratório e um estudo de campo de oito meses, no que se buscou analisar e comparar os parâmetros reprodutivos das três espécies hospedeiras de Schistosoma mansoni no território brasileiro, Biomphalaria glabrata, B. tenagophila e B. straminea. Os dois primeiros experimentos tiveram como objetivo analisar os parâmetros reprodutivos das três espécies, mais uma cepa de B. straminea refratária a infecção, quando expostas a infecção antes e após alcançarem a maturidade sexual, ou seja, quinze e quarenta e cinco dias após a eclosão dos moluscos. O terceiro experimento foi concebido para comparar o impacto provocado na capacidade reprodutiva das coortes estudadas frente à exposição ao parasito, quando realizada individualmente em cada molusco ou em massa. Nesse caso, a dependência da densidade do parasito dentro do hospedeiro poderia desempenhar papel crucial na dinâmica populacional No quarto experimento, teve como escopo amplificar o efeito da infecção, tal como proposto no experimento três, porém aumentando em ate quatro vezes o numero de miracídios por moluscos e a exposição foi realizada antes que os caramujos atingissem a maturidade sexual. O trabalho de campo foi conduzido em áreas onde ocorre a transmissão da esquistossomose, nos municípios de Barra Mansa e Sumidouro, estado do Rio de Janeiro. Os resultados obtidos em laboratório demonstraram que a cepa resistente de B. straminea apresentou sucesso reprodutivo significativamente superior em comparação as outras coortes estudadas. O efeito da infecção no sucesso reprodutivo foi menor em B. straminea do que nas outras duas espécies. A infecção imposta em indivíduos jovens de B. tenagophila e B. glabrata, ocasionou expressiva diminuição dos parâmetros reprodutivos em especial na ultima espécie. Quando a infecção foi imposta a caramujos sexualmente maduros que os valores observados para B. tenagophila foram significativamente superiores do que os verificados para B. glabrata As observações obtidas no estudo de campo foram semelhantes às 7 alcançadas nos experimentos realizados em laboratório. Os resultados deste estudo podem contribuir para melhor compreensão da abundancia e ampla distribuição geográfica de B. straminea e sua importância como hospedeiro intermediário / Population dynamics is mainly concerned in establishing factors that affect the population growth rate, and is essentially based on two major elements, the reproducti ve and mortality rate s, for analysis. Other extrinsic factors, such as migration, climatic variations, food and nutrient competition, and diseases may affect the abundance of specific species. The aim of this study was to analyze and compare reproductive parameters among three Brazilian host species for Schistosoma mansoni , namely Biomphalaria g labrata, B. tenagophila and B. straminea , which were explored through four laboratory experiments and one eight - month field work. The first two experiments aimed in analyzing the reproductive parameters among these three species along with a refractory spe cies, B. Straminea , for infection, when exposed before and after reaching sexual maturity, in other words, fifteen to forty five days after the molluscs hatch. A third experiment was carried out to compare the impact on the reproductive capacity by the stu died cohorts when exposed to the parasite individually for each mollusc or in bulk. In this case, the reliance of the parasites density within the hosts could play a crucial role in the population dynamics. The fourth experiment was focused on amplifying t he effect of the infection, as was proposed by the third experiment, however increasing to up to four times the number of miracidia per snails and was performed prior to the mollusc’s sexual maturity. The field work was conducted in areas where schistosomi asis transmission occurs, in the counties of Barra Mansa and Sumidouro, in Rio de Janeiro state. The laboratory results demonstrated successful reproduction in the resistant specie for B. straminea , which was significantly higher among the other species st udied. The effect of infection on successful reproduction was lower in the B. straminea when compared to the other two species. The imposed infection on young snails from the B. tenagophila and B. g labrat a caused an expressive decrease in the reproductive parameters, especially the later specie. When infection occurred in sexually mature snails, the values observed for where significantly higher than those observed for B. g labrata The findings in the field work where similar to those observed in the lab experiments. These findings throw some light in the much wider geographical distribution of B. straminea and its importance on the epidemiology and transmission control of schistosomiasis, Especially in the north - eastern Brazil, where it is much more important than the other two species as a host of schistosomiasis.
4

Biologia populacional e uso de planta hospedeira em Battus polydamas polydamas e Battus polystictus polystictus (Troidini, Papilionidae)

Scalco, Vanessa Willems January 2014 (has links)
Estudos sobre a diversidade e estrutura de populações em ambientes naturais, tanto preservados e como impactados, são importantes ferramentas para programas de conservação ambiental. Nesse sentido, pesquisas com foco em estudos populacionais de borboletas têm sido amplamente utilizadas para o aperfeiçoamento do conhecimento sobre a biologia e ecologia das espécies. Duas espécies do gênero Battus são encontradas no sul do Brasil: Battus polystictus e Battus polydamas. Apesar destas borboletas utilizarem como hospedeiras somente plantas do gênero Aristolochia, e de serem filogeneticamente muito próximas, ambas espécies apresentam hábitos ecológicos bastante distintos. Assim, o objetivo deste trabalho foi estudar a dinâmica das populações de B. polydamas e B. polystictus ao longo de um ciclo anual, relacionando os padrões observados com a variação nos requerimentos ecológicos das espécies em função das condições climáticas, disponibilidade de recursos alimentares e de desempenho larval em diferentes plantas hospedeiras. As populações foram analisadas através de marcação-recaptura para estimar os padrões populacionais. As borboletas foram capturadas com rede entomológica, marcadas, analisadas e soltas no mesmo local de captura. Em laboratório, os testes de preferência alimentar e desempenho foram realizados em condições controladas de temperatura (25°C) e fotoperíodo (16L:8E), nos seguintes tratamentos: Battus polydamas x A.triangularis (n=60); Battus polydamas x A.sessilifolia (n=60); Battus polystictus x A.triangularis (n=15); Battus polystictus x A.sessilifolia (n=15). Os resultados deste trabalho mostraram que B. polydamas e B. polystictus têm requerimentos ecológicos diferentes, sendo a primeira mais tolerante a alterações ambientais. As populações das duas espécies de Battus não foram constantes no tempo, havendo variações estruturais e de densidade ao longo do ano. Os experimentos em laboratório mostraram que ambas as espécies de borboletas aceitam e podem se desenvolver nas plantas testadas, porém com desempenhos diferentes. Enquanto B. polydamas utiliza as hospedeiras de maneira equivalente, B. polystictus tem melhor desempenho em A. triangularis. De modo geral, os resultados obtidos sugerem que as dinâmicas das populações para ambas as espécies são influenciados principalmente pela estruturação ambiental dos habitats e pela disponibilidade de plantas hospedeiras. Os dados também sugerem que, quando em sintopia, ambas as espécies utilizem de maneira diferencial os recursos larvais disponíveis.
5

Biologia populacional e uso de planta hospedeira em Battus polydamas polydamas e Battus polystictus polystictus (Troidini, Papilionidae)

Scalco, Vanessa Willems January 2014 (has links)
Estudos sobre a diversidade e estrutura de populações em ambientes naturais, tanto preservados e como impactados, são importantes ferramentas para programas de conservação ambiental. Nesse sentido, pesquisas com foco em estudos populacionais de borboletas têm sido amplamente utilizadas para o aperfeiçoamento do conhecimento sobre a biologia e ecologia das espécies. Duas espécies do gênero Battus são encontradas no sul do Brasil: Battus polystictus e Battus polydamas. Apesar destas borboletas utilizarem como hospedeiras somente plantas do gênero Aristolochia, e de serem filogeneticamente muito próximas, ambas espécies apresentam hábitos ecológicos bastante distintos. Assim, o objetivo deste trabalho foi estudar a dinâmica das populações de B. polydamas e B. polystictus ao longo de um ciclo anual, relacionando os padrões observados com a variação nos requerimentos ecológicos das espécies em função das condições climáticas, disponibilidade de recursos alimentares e de desempenho larval em diferentes plantas hospedeiras. As populações foram analisadas através de marcação-recaptura para estimar os padrões populacionais. As borboletas foram capturadas com rede entomológica, marcadas, analisadas e soltas no mesmo local de captura. Em laboratório, os testes de preferência alimentar e desempenho foram realizados em condições controladas de temperatura (25°C) e fotoperíodo (16L:8E), nos seguintes tratamentos: Battus polydamas x A.triangularis (n=60); Battus polydamas x A.sessilifolia (n=60); Battus polystictus x A.triangularis (n=15); Battus polystictus x A.sessilifolia (n=15). Os resultados deste trabalho mostraram que B. polydamas e B. polystictus têm requerimentos ecológicos diferentes, sendo a primeira mais tolerante a alterações ambientais. As populações das duas espécies de Battus não foram constantes no tempo, havendo variações estruturais e de densidade ao longo do ano. Os experimentos em laboratório mostraram que ambas as espécies de borboletas aceitam e podem se desenvolver nas plantas testadas, porém com desempenhos diferentes. Enquanto B. polydamas utiliza as hospedeiras de maneira equivalente, B. polystictus tem melhor desempenho em A. triangularis. De modo geral, os resultados obtidos sugerem que as dinâmicas das populações para ambas as espécies são influenciados principalmente pela estruturação ambiental dos habitats e pela disponibilidade de plantas hospedeiras. Os dados também sugerem que, quando em sintopia, ambas as espécies utilizem de maneira diferencial os recursos larvais disponíveis.
6

Dinâmica populacional de Echinometra lucunter (Linnaeus, 1758) (Echinodermata: Echinoidea) na praia de Muro Alto, Ipojuca, Pernambuco

José de Barros Lima, Eduardo January 2006 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T15:04:38Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo1760_1.pdf: 1915957 bytes, checksum: cbbd1b2ce717b01aa83b6b3598fea4de (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2006 / O equinóide regular Echinometra lucunter é uma espécie comestível e comum ao longo de toda a costa brasileira, sendo um importante indicador do limite entre o médio e o infralitoral, com participação ativa como agente bioerosivo dos recifes. Este trabalho teve por objetivo investigar a dinâmica populacional numa poça de maré, na praia de Muro Alto, litoral sul de Pernambuco, no período de agosto de 2004 a agosto de 2005. Cerca de 2.635 exemplares foram capturados, durante as marés baixas de sizígia, em 42 m2 de área amostrada. A densidade média registrada foi de 62,74 ind.m-2, sendo a maior densidade observada em outubro/2004 (112,17 ind.m-2) e a menor em abril/2005 (20 ind.m-2). O coeficiente de dispersão revelou um padrão de distribuição agregado. O tamanho médio do diâmetro maior da carapaça foi de 26,35 mm, variando de 17,58 a 35,58 mm, ao passo que a altura da carapaça variou de 8,24 a 17,85 mm e seu valor médio foi de 12,71 mm. O maior índice gonadal médio registrado foi de 4,26% em outubro/2004 e o menor foi de 0,71% em março/2005. A razão sexual foi de 1,12:1, com variação temporal significativa. A primeira maturação ocorreu em indivíduos a partir de 20 mm de diâmetro. Foi registrado um recrutamento anual e estimados os parâmetros de crescimento: tamanho infinito, taxa de crescimento e mortalidade com valores de 115 mm, 0,280 ano-1 e 0,600 ano-1, respectivamente. Os resultados deste trabalho assinalam diferenças e similaridades para E. lucunter de outras localidades, como também com outras espécies de equinóides regulares, quanto aos parâmetros de crescimento, taxa de mortalidade, padrão de recrutamento, densidade e padrão de distribuição, ciclo reprodutivo e gametogênico
7

Dinâmica populacional do guaiamum, Cardisoma guanhumi Latreille, 1828 (Crustacea: Decapoda: Gecarcinidae) em duas áreas de manguezal no Estado do Rio Grande do Norte com diferentes pressões de captura

Silva, Cylene Câmara da 31 January 2013 (has links)
Submitted by Milena Dias (milena.dias@ufpe.br) on 2015-03-10T19:36:50Z No. of bitstreams: 2 license_rdf: 1232 bytes, checksum: 66e71c371cc565284e70f40736c94386 (MD5) Tese Cylene da Silva.pdf: 3017187 bytes, checksum: 1a5d8ac98285dbfc48b9fb4bf17b2bb7 (MD5) / Made available in DSpace on 2015-03-10T19:36:50Z (GMT). No. of bitstreams: 2 license_rdf: 1232 bytes, checksum: 66e71c371cc565284e70f40736c94386 (MD5) Tese Cylene da Silva.pdf: 3017187 bytes, checksum: 1a5d8ac98285dbfc48b9fb4bf17b2bb7 (MD5) Previous issue date: 2013 / O objetivo deste estudo foi analisar os principais parâmetros da dinâmica populacional da espécie Cardisoma guanhumi (Latreille, 1828) comparando os parâmetros populacionais e reprodutivos de duas áreas com diferentes pressões de captura no Estado do Rio Grande do Norte. As coletas foram realizadas na Base Naval de Natal, município de Natal (RN) (rio Potengi - 5˚47’22,8”S - 35˚13’W e 5˚47’29,5”S - 35˚13’W), área onde o acesso é restrito, com baixa pressão de captura (BPC), a outra área situa-se no Centro Tecnológico da Aquicultura, município de Extremoz (RN) (rio Ceará-mirim - 5˚26’S e 35˚14’W - 5˚38’S e 35˚34’ W), onde ocorre uma alta pressão de captura (APC). As coletas ocorreram mensalmente em dois anos consecutivos, entre fevereiro de 2010 e janeiro de 2012. Foram coletados 3670 caranguejos nas duas localidades, sendo 1837 na área de BPC e 1833 na área de APC. Os resultados das análises da espécie nas duas áreas analisadas mostraram que uma intensa captura exerce efeitos drásticos na estrutura populacional e nos aspectos reprodutivos da espécie, causando diminuição de tamanho, peso e outras variáveis morfométricas, diminuição do tamanho de primeira maturação sexual, desigualdade na proporção de machos e fêmeas, diminuição da fecundidade das fêmeas, além de afetar a abundância de indivíduos adultos da população. A análise histológica das gônadas de machos e fêmeas de C. guanhumi mostrou semelhanças com várias espécies de braquiúros. Na análise macroscópica foi possível observar semelhanças na morfologia externa das gônadas e nos padrões de coloração da gônada ao longo do seu desenvolvimento e a análise microscópica também revelou similaridades com outras espécies da mesma Infra-ordem no que diz respeito da presença e desenvolvimento das células germinativas ao longo do ciclo reprodutivo. Os machos apresentaram dois estágios macroscópicos com características facilmente identificáveis de coloração e tamanho em relação à cavidade cefalotorácica, enquanto que microscopicamente foi possível a visualização de três estágios. As fêmeas possuem cinco estágios de desenvolvimento gonadal, tanto macroscópicos quanto microscópicos. O recrutamento contínuo da espécie e outros aspectos como crescimento lento, maturidade tardia, várias desovas por período reprodutivo e a seletividade do apetrecho de pesca utilizado podem ter contribuído para a não determinação dos parâmetros de crescimento da espécie. Baseado no resultado do índice gonadossomático, recomenda-se uma ampliação do atual período de defeso da espécie de quatro para cinco meses, dos atuais meses de dezembro a março para o período de novembro a março. Os resultados aqui apresentados contribuem para o estudo da espécie e entendimento de sua biologia, além de evidenciar os efeitos nocivos de uma pesca intensiva nos parâmetros populacionais, efeitos estes que colaboram para a atual situação de vulnerabilidade a qual a espécie se encontra.
8

Distribuição e estimativa populacional de boto vermelho (inia geoffrensis) e tucuxi (sotalia fluviatilis) no baixo Rio Negro, Amazonas.

Valle, Marcele Cunha Ribeiro do 14 July 2017 (has links)
Submitted by Gizele Lima (gizele.lima@inpa.gov.br) on 2018-03-19T18:24:18Z No. of bitstreams: 2 Dissertação_versão_final_corrigida_Marcele_Valle.pdf: 2069367 bytes, checksum: 5e2b8c3a61833f551df4facdcb315719 (MD5) license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) / Made available in DSpace on 2018-03-19T18:24:18Z (GMT). No. of bitstreams: 2 Dissertação_versão_final_corrigida_Marcele_Valle.pdf: 2069367 bytes, checksum: 5e2b8c3a61833f551df4facdcb315719 (MD5) license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) Previous issue date: 2017-07-14 / Conselho Nacional de Pesquisa e Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq / Information on habitat use and population density are essential to understand the population dynamics of a specie. They are also important for guiding conservation and management measures. In the Amazon, due to its proximity to human populations, river dolphins are considered endangered species. However, according to the IUCN, there is limited amount of information on threats, ecology, estimates and population trends for the Amazon river and Tucuxi dolphins. In order to fill this gap, the present study investigated the population density and distribution of these dolphins in the lower Negro River, verifying the existence of preference for habitats and areas of higher density. The study was carried out in the lower Negro river region, comprising the municipalities of Novo Airão and Manaus. Two visual surveys were carried out in 2016: one in the flood period (April) and another in the lowing (October) period. Two vessels were used: a regional boat with length of 16m with two floors and a small boat with 15hp engine. For counting, two survey methodologies were used: 200m strip transects in river margins and linear transects, using distance sampling, in the center of the river. In the flood period (April), there were 298 sightings, with 195 boto dolphins and 333 tucuxis, with a general encounter rate of 0.91 individual/km, being 0.34 botos/km and 0.57 tucuxi/km. In the lowing period (October), 276 sightings were made, with 195 botos and 244 tucuxis, with a general encounter rate of 1.08 individuals/km, with 0.48 boto/km and 0.60 tucuxi/km. During the flood, the stratum "lake" had a higher density of botos (D = 2.4 ind/km 2) and lower density of tucuxis (D = 1.0 ind/km 2). In the lowing period, the "paranã" stratum showed higher density of both botos (D = 2.3 ind/km 2) and tucuxis (D = 2.6 ind/km 2). The uneven distribution of a species, observed along an area, is probably the result of an uneven distribution of resources, driven by topographic variation or habitat fragmentation. Despite the high diversity of fish, the Negro River presents some factors that limit the abundance of existing species, such as low levels of nutrients (oligotrophy), caused by the flood pulse and low productivity of animal and plant biomass. In addition, estimates of densities are hampered by the discrete behavior of dolphins and their high mobility. This study is the first attempt to estimate the population of botos and tucuxis in the lower Negro River. We expect that the results could serve as a basis for future research and effective conservation measures. / Informações sobre uso de habitat e densidade populacional são essenciais para conhecimento da dinâmica populacional de espécies. Além disso, são importantes para guiar medidas de conservação e manejo. Na Amazônia, devido à proximidade com populações humanas, os golfinhos de rio são considerados como espécies ameaçadas. Porém, de acordo com a IUCN, é limitada a quantidade de informações sobre ameaças sofridas, ecologia, estimativas e tendências populacionais para os botos-vermelho e tucuxis. Com objetivo de preencher esta lacuna, o presente estudo determinou a densidade populacional e a distribuição desses golfinhos no baixo rio Negro, verificando a existência de preferência por habitats e áreas de maior densidade. O estudo foi realizado na região do baixo rio Negro, compreendida entres os municípios de Novo Airão e Manaus. Duas expedições de campo foram realizadas em 2016: uma no período de enchente (abril) e outra no período de vazante (outubro) do rio. Duas embarcações foram utilizadas: barco regional de 16m de comprimento com dois andares e lancha pequena com motor de 15hp. Para a contagem, houve a combinação de duas metodologias de levantamento: transectos de banda de 200m nas margens e transectos lineares, com o uso de amostragem de distância, no centro do rio. No período de enchente (abril), houve 298 avistagens, com 195 botos-vermelhos e 333 tucuxis, e taxa de encontro geral de 0,91 indivíduo/km, sendo 0,34 boto-vermelho/km e 0,57 tucuxi/km. No período de vazante (outubro), foram feitas 276 avistagens, com 195 botos-vermelhos e 244 tucuxis, e taxa de encontro geral de 1,08 indivíduos/km, sendo 0,48 boto-vermelho/km e 0,60 tucuxi/km. Durante a enchente, o estrato “lago” teve maior densidade de botos-vermelhos (D = 2,4 ind/km 2) e menor densidade de tucuxis (D = 1,0 ind/km 2). Na vazante, o estrato “paranã” apresentou maior densidade de botos-vermelhos (D = 2,3 ind/km 2) e tucuxis (D = 2,6 ind/km 2). A distribuição desigual de uma espécie, observada ao longo de uma área, é provavelmente resultado de uma distribuição desigual dos recursos, orientada por variação topográfica ou fragmentação do habitat. Apesar da alta diversidade de peixes, o rio Negro apresenta alguns fatores que limitam a abundância das espécies existentes, como níveis baixos de nutrientes (oligotrofia), desgaste provocado pelo pulso de inundação e baixa produtividade de biomassa animal e vegetal. Além disso, as estimativas de densidades são dificultadas pelo comportamento discreto dos golfinhos e sua alta mobilidade. Esse estudo é a primeira tentativa de estimativa populacional de botovermelho e tucuxi no baixo rio Negro. Espera-se que os resultados encontrados possam servir de base para futuras pesquisas e medidas efetivas de conservação.
9

Biologia populacional e uso de planta hospedeira em Battus polydamas polydamas e Battus polystictus polystictus (Troidini, Papilionidae)

Scalco, Vanessa Willems January 2014 (has links)
Estudos sobre a diversidade e estrutura de populações em ambientes naturais, tanto preservados e como impactados, são importantes ferramentas para programas de conservação ambiental. Nesse sentido, pesquisas com foco em estudos populacionais de borboletas têm sido amplamente utilizadas para o aperfeiçoamento do conhecimento sobre a biologia e ecologia das espécies. Duas espécies do gênero Battus são encontradas no sul do Brasil: Battus polystictus e Battus polydamas. Apesar destas borboletas utilizarem como hospedeiras somente plantas do gênero Aristolochia, e de serem filogeneticamente muito próximas, ambas espécies apresentam hábitos ecológicos bastante distintos. Assim, o objetivo deste trabalho foi estudar a dinâmica das populações de B. polydamas e B. polystictus ao longo de um ciclo anual, relacionando os padrões observados com a variação nos requerimentos ecológicos das espécies em função das condições climáticas, disponibilidade de recursos alimentares e de desempenho larval em diferentes plantas hospedeiras. As populações foram analisadas através de marcação-recaptura para estimar os padrões populacionais. As borboletas foram capturadas com rede entomológica, marcadas, analisadas e soltas no mesmo local de captura. Em laboratório, os testes de preferência alimentar e desempenho foram realizados em condições controladas de temperatura (25°C) e fotoperíodo (16L:8E), nos seguintes tratamentos: Battus polydamas x A.triangularis (n=60); Battus polydamas x A.sessilifolia (n=60); Battus polystictus x A.triangularis (n=15); Battus polystictus x A.sessilifolia (n=15). Os resultados deste trabalho mostraram que B. polydamas e B. polystictus têm requerimentos ecológicos diferentes, sendo a primeira mais tolerante a alterações ambientais. As populações das duas espécies de Battus não foram constantes no tempo, havendo variações estruturais e de densidade ao longo do ano. Os experimentos em laboratório mostraram que ambas as espécies de borboletas aceitam e podem se desenvolver nas plantas testadas, porém com desempenhos diferentes. Enquanto B. polydamas utiliza as hospedeiras de maneira equivalente, B. polystictus tem melhor desempenho em A. triangularis. De modo geral, os resultados obtidos sugerem que as dinâmicas das populações para ambas as espécies são influenciados principalmente pela estruturação ambiental dos habitats e pela disponibilidade de plantas hospedeiras. Os dados também sugerem que, quando em sintopia, ambas as espécies utilizem de maneira diferencial os recursos larvais disponíveis.
10

Distribuição ecológica e dinâmica populacional do camarão barba-ruça Artemesia longinaris Spence Bate, 1888 (Crustacea Decapoda: Penaeoidea) no litoral sudeste do Brasil: uma comparação entre 20 anos /

Martins, Francislene Karina January 2019 (has links)
Orientador: Adilson Fransozo / Resumo: O camarão barba ruça Artemesia longinaris é um importante integrante da cadeia trófica marinha, porém o aumento da frota pesqueira e a consequente diminuição dos estoques de camarões considerados mais rentáveis comercialmente ocasionaram uma expansão na exploração de A. longinaris. Este camarão possui distribuição restrita ao Atlântico Ocidental, do Rio de Janeiro (Brasil) até a Argentina, podendo ser capturado a partir de águas rasas até 30 metros. O presente estudo tem como objetivo identificar a influência dos fatores ambientais na distribuição e os aspectos da biologia do camarão barba-ruça Artemesia longinaris , comparando com os resultados obtidos em um intervalo de 20 anos na enseada de Ubatuba. As coletas estão sendo realizadas mensalmente em 5 transectos, com o auxílio de um barco de pesca comercial, equipado com duas redes de arrasto do tipo "double-rig" (mexicana), cujas distancias entre-nós na panagem e no saco da rede são de, respectivamente, 12 e 10mm. Após cada arrasto os animais são acondicionados em caixas térmicas para posteriormente serem identificados, contados, medidos e classificados quanto ao estágio de desenvolvimento das gônadas, em laboratório. Em cada transecto, amostras de água estão sendo coletadas para mensurar a temperatura de fundo, temperatura de superfície, salinidade de fundo e de sedimento para verificar teor de matéria orgânica e phi. Os dados serão analisados para definir padrões de distribuição espaço-temporais, influências de fatores am... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Mestre

Page generated in 0.1253 seconds