• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 1144
  • 71
  • 51
  • Tagged with
  • 1267
  • 253
  • 239
  • 238
  • 208
  • 207
  • 194
  • 156
  • 152
  • 152
  • 146
  • 138
  • 136
  • 134
  • 128
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

ANÁLISE DA PERSISTÊNCIA DE DESEMPENHO DOS FUNDOS MÚTUOS DE AÇÕES BRASILEIROS

FABIO TAKASHI ALMENARA ANDAKU 18 February 2002 (has links)
Este trabalho tem por objetivo analisar o desempenho de 84 fundos mútuos brasileiros de renda variável, no período julho de 1994 a junho de 2001, na tentativa de verificar se existe uma persistência no desempenho destes fundos, ou seja, se as informações passadas sobre o desempenho do fundo são indicadores importantes do seu desempenho futuro. Os resultados mostraram que esta persistência de desempenho existe no mercado brasileiro, mas somente no longo prazo, ou seja, em períodos maiores que um ano. No curto prazo não há evidências suficientes para comprovar a persistência do desempenho dos fundos.
2

Fenomenologia do mercado futuro de DI

Doumen, Marcel [UNESP] 2005 (has links) (PDF)
No description available.
3

Sistematização crítica da produção acadêmica

Bovo, Jose Murari. 2010 (has links)
Banca: José Antônio Segatto Banca: Vera Mariza Henriques de Miranda Costa Banca: Flavio Saes Banca: Oriovaldo Queda Banca: Ângela Kageyama Resumo: Não disponível Abstract: Not available
4

A teoria de avaliação de ações: a abordagem fundamentalista

Lima, Vera Lucia de 1979 (has links)
O objetivo principal desta dissertação é analisar detalhadamente a abordagem Fundamentalista como processo da análise e avaliação de ações. A partir dos vários estudos analíticos desenvolvidos sobre o assunto, dentro dessa abordagem, variáveis relevantes foram identificadas e relacionamentos das mesmas com o valor das ações foram estabelecidos, permitindo a construção de inúmeros modelos para a determinação do valor da ação.
5

Essays on finance and macroeconomy

Simonsen, Axel André 1 January 2009 (has links)
I study the asset-pricing implications in an cnviromncnt with feedback traders and rational arbitrageurs. Feedback traders are defined as possible naive investors who buy after a raise in prices and sell after a drop in prices. I consider two types of feedback strategies: (1) short-term (SF), motivated by institutional rulcs as top-losscs and margin calls and (2) long-tcrm (LF), motivated by representativeness bias from non-sophisticated investors. Their presence in the market follows a stochastic regime swift process. Short lived assumption for the arbitrageurs prevents the correction of the misspricing generated by feedback strategies. The estimated modcl using US data suggests that the regime switching is able to capture the time varying autocorrclation of returns. The segregation of feedback types helps to identify the long term component that otherwise would not show up due to the large movements implied by the SF typc. The paper also has normativo implications for practioners since it providos a methodology to identify mispricings driven by feedback traders.
6

Uma analise do mercado acionario no Brasil

Alfieri, Emilio Pedro Maria 1977 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade de Sao Paulo. Faculdade de Economia e Administração
7

Teste empirico da eficiencia do mercado de opções da bolsa de valores de São Paulo.

Maluf Filho, Jorge Arnaldo 1990 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade de São Paulo, Departamento de Administração
8

Hegemonia, estados e mercado nos arranjos de Bretton Woods

Jose Gilberto Scandiucci Filho 2000 (has links)
Resumo:O objeto da tese são as relações monetárias e financeiras entre os países centrais nas décadas de 1930 e 1940, período em que se formam as bases materiais e ideológicas que irão sustentar a estabilidade do sistema monetário internacional nos vinte anos subseqüentes. Procura-se oferecer uma abordagem alternativa às explicações tradicionais do padrão dólar-ouro, as quais conferem prioridade à assimetria de poder entre os Estados Unidos e o resto do mundo. Para estas explicações, a estabilidade do sistema monetário do período pode ser compreendida em função apenas da presença de um poder hegemônico na esfera internacional. Entretanto, o conceito de hegemonia subjacente a estas explicações é frágil, seja quando significa dominação política (da qual não existem provas históricas), seja quando representa a oferta de um bem público internacional (que não caracteriza a estabilidade do sistema monetário). O sistema monetário internacional reflete e sustenta determinado regime de acumulação, e não apenas os interesses do Estado mais poderoso. O estudo da formação das bases de sua estabilidade no período escolhido, portanto, deve atentar para dois movimentos históricos. Por um lado, a internacionalização das grandes empresas norte-americanas. A hegemonia do capital produtivo sobre o capital financeiro, nos Estados Unidos, permitiu a instituição de regras particulares para o funcionamento do sistema monetário, as quais atendiam aos interesses desta fração do capital. Por outro lado, o triunfo das concepções teóricas que apostavam no controle dos mercados. A Grande Depressão ocasionou desconfiança na capacidade do mercado conduzir ao equilíbrio da economia, levando os principais economistas do período a propor tanto mecanismos de controle sobre os fluxos de capitais de curto prazo quanto a montagem de um arcabouço público para a regulação do sistema monetário internacional
9

Análise dos movimentos conjuntos entre retornos de ativos brasileiros de renda variável e de renda fixa e índices estrangeiros no período 2004-2012

Getulio Alves de Souza Matos 22 January 2013 (has links)
Com a crescente expansão da oferta de produtos e serviços financeiros, o mercado brasileiro oferece aos investidores, nacionais e estrangeiros, várias alternativas para a aplicação de seus recursos. No entanto, a aparente diversificação dos investimentos, compreensível desde suas formas mais intuitivas, pode não ser realizada a contento, uma vez que os movimentos conjuntos dos preços ou retornos podem revelar uma falsa diversificação. Neste contexto, esta dissertação analisa os movimentos contemporâneos entre os retornos de diferentes alternativas de investimento existentes no mercado brasileiro, para o índice de renda fixa IMA (Anbima) e o de renda variável (Ibovespa), bem como das variações de referenciais estrangeiros (dólar norte-americano e os índices Dow Jones Industrial Average e UBS Commodities), do ouro e do risco Brasil. Com vistas ao melhor conhecimento da estrutura doméstica do mercado financeiro brasileiro, a modelagem econométrica dos dados utilizou a verificação de relações de causalidade (em Granger), e as estimações de um vetor autorregressivo (VAR) e de um modelo GARCH multivariado para as séries de retornos. Os resultados obtidos para as séries de retornos são convergentes, apontando a existência de relações entre as variações do risco Brasil em relação ao Ibovespa, dos retornos imediatamente anteriores do IMA para suas próprias oscilações, e dos retornos passados do Ibovespa e do ouro para os retornos da taxa de câmbio. Em acréscimo, o modelo MGARCH apontou os retornos defasados do Dow Jones como significativos para a explicação da taxa de câmbio. Em seguida, as análises foram replicadas em dois subperíodos, divididos em 15 de setembro de 2008, data do anúncio de concordata do banco norte-americano Lehman Brothers. Os resultados apontaram poucas diferenças entre as variáveis significativas para cada uma das subamostras. Alternativamente, foi testada a existência de relações de cointegração para a amostra, pela estimação de vetores de correção de erros (VEC) para as séries de preços em logaritmos, não sendo verificadas tais relações de longo prazo. Como considerações para os resultados encontrados, ressaltam-se as possíveis melhorias advindas do desenvolvimento de índices para o mercado brasileiro, a necessidade de análise de fatores macroeconômicos juntamente à dinâmica existente entre os setores do mercado doméstico para a estimação de resultados consistentes no longo prazo, mesmo em períodos de turbulência. With the increasing expansion of financial products and services, Brazilian market offers to investors, domestic or foreign, several alternatives for the allocation of resources. However, the apparent diversification of investments cannot be well performed, since the comovements in prices or returns may reveal a false or naive diversification. In this context, this dissertation analyzes contemporary movements among returns of different investment alternatives offered in Brazilian market, different indices of fixed income and stock markets, due to variations of foreign benchmarks (U.S. Dollar and the Dow Jones Indexes Industrial Average and UBS Commodities), gold and Risk Brazil (Emerging Markets Bond Index - Brazil). With a view to better understanding of the structure of the domestic financial market, the econometric modeling of the data comprehended Causality relations (Granger), and the estimations of a Vector Autoregressive (VAR) and of a multivariate GARCH model for return series. The results of the three techniques applied to return series converge to reveal relations among the indexes under analysis, revealing the lead-and-lag relations between: the lagged returns of EMBI+Brazil and the returns of Ibovespa; the lagged and current returns of IMA; and the lagged returns of Ibovespa and gold for the returns of the exchange rates. In addition to these findings, the MGARCH model revealed the Dow Jones as explanatory variable to the exchange rate. The analysis was also splitted in two subsamples, divided at the date of Lehman Brothers bankruptcy. This procedure revealed a few differences in the explanatory variables for each one of the smaller samples. Alternatively, cointegration relations were tested for log-prices series, also splitted in three subsamples. Via a Vector Error Correction Model (VEC), no cointegrating vectors were found in the subsamples. As a remark, there are possible improvements to be done, by developing new indices for Brazilian market, and the need for analysis of macroeconomic factors coupled to the dynamics between the sectors of the domestic market to estimate consistent results on the long term, even in turbulent times.
10

O impacto do efeito reflexo sobre investidores experientes e inexperientes em decisões de investimentos sob risco

Nunes, Patrícia 2009 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio-Econômico, Programa de Pós-Graduação em Contabilidade, Florianópolis, 2009. A Moderna Teoria de Finanças adota os pressupostos da racionalidade ampla, descritos na Teoria da Utilidade Esperada (TUE), em que o investidor é avesso ao risco e procura maximizar seu bem estar de maneira racional (BERNOULLI, 1954). Todavia, várias pesquisas questionam a racionalidade dos investidores e desses questionamentos surgiram as Finanças Comportamentais. O presente trabalho se reporta a uma pesquisa descritiva envolvendo a tomada de decisão sob risco. O enfoque recai sobre o efeito reflexo, no qual investidores tendem a apresentar aversão ao risco no campo dos ganhos e propensão ao risco no campo das perdas (KAHNEMAN e TVERSKY, 1979). Esse efeito demonstra uma violação direta aos axiomas da TUE. Este trabalho objetiva investigar o impacto do efeito reflexo sobre investidores experientes e inexperientes em decisões de investimentos sob risco. Essa investigação ocorreu por meio da comparação da diferença dos percentuais de suscetibilidade ao efeito reflexo de investidores experientes e inexperientes, participantes da pesquisa, mediante a replicação dos experimentos seminais de Kahneman e Tversky (1979). Para comparar e testar a diferença desses percentuais aplicaram-se 500 questionários em evento destinados a investidores no qual se obteve a participação efetiva de 243 investidores. Os resultados desse estudo apresentam indícios de que os investidores inexperientes são mais afetados pelo efeito reflexo se comparados aos experientes em decisões de investimentos sob risco. The modern Theory of Finance adopts the assumptions of broad rationality, described in the Theory of Expected Utility (TEU), in which the investor is opposed to the risk and seeks to maximize their welfare rationally (BERNOULLI, 1954). However, several studies question the investor rationality and from those questions the Behavioral Finance arose. This work refers to a descriptive research involving the decision under risk. The focus lies on the effect reflex, in which investors tend to present risk aversion in the field of earnings and propensity of the risk in the field of losses (KAHNEMAN and TVERSKY, 1979). This effect shows a direct breach of the axioms of TEU. This works aims to investigate the impact of the reflex effect on experienced and inexperienced investors in decisions of investments under risk. This research occurred through the comparison of difference between the percentuals of susceptibility to the reflex effect of experienced and inexperienced investors, participants of the research, through the replication of seminal experiments of Kahneman e Tversky (1979). To compare and test the difference of these percentuals, 500 questionnaires were applied in event for the investors in which was obtained the effective participation of 243 investors. The results of this study presented significant indications that the inexperienced investors are more affected by a reflex effect as compared to experienced investors in decisions of investments under risk.

Page generated in 0.0402 seconds