• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 44
  • 8
  • 8
  • 8
  • 8
  • 5
  • 2
  • 1
  • Tagged with
  • 45
  • 23
  • 17
  • 17
  • 11
  • 10
  • 10
  • 10
  • 9
  • 8
  • 7
  • 6
  • 6
  • 6
  • 6
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Estruturação espacial e temporal de uma comunidade de anuros (Amphibia) na Serra do Cipo, Minas Gerais

Eterovick, Paula Cabral 01 April 1998 (has links)
Orientador: Ivan Sazima / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Biologia / Made available in DSpace on 2018-07-23T12:31:44Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Eterovick_PaulaCabral_M.pdf: 13996039 bytes, checksum: 3248c2ac6094900395e15acd97b6c49e (MD5) Previous issue date: 1998 / Resumo: Foi estudada uma comunidade de anuros em um trecho de campo rupestre situado na Serra do Cipó, a 1200 m de altitude, abrangendo um riacho, uma poça e um brejo, de agosto de 1996 a julho de 1997. A distribuição espacial e temporal dos anuros foi caracterizada, em busca de variáveis capazes de diferenciar as espécies presentes. Fatores que poderiam influenciar a estruturação da comunidade foram levantados e analisados com base em observações das espécies na natureza. Foram registradas, nesta área, 14 espécies de anuros: Hyla alvarengai, H. saxicola, Phyllomedusa megacephala, Scinax duartei, Leptodactylus cunicularius, L. furnarius, L. jolyi, L. labyrinthicus, L. syphax, Odontophrynus americanus, Physalaemus cuvieri, Proceratophrys cururu, Pseudopaludicola mineira e Thoropa megatympanum. Os girinos encontrados apresentaram diferenças no uso de microambientes principalmente no que se refere a posição na coluna d'água, periodo anual de ocorrência e correnteza. Vegetação, profundidade, substrato e ambiente tiveram uma influência menor na diferenciação das espécies. Ainda assim, ocorreram sobreposições em algumas dimensões do nicho de várias espécies. Sítios de vocalização utilizados pelos machos puderam ser diferenciados principalmente em relação ao ambiente, embora o período de atividades reprodutivas também tenha contribuído de modo significativo para diferenciação das espécies. Grande parte das espécies iniciou suas atividades logo após as primeiras chuvas, de modo oportunista. Este comportamento pode ser vantajoso em ambientes temporários. Os períodos de desenvolvimento, estimados para algumas espécies, foram, na sua maioria, curtos, como esperado em ambientes temporários. Os girinos de S. duartei apresentaram o período mais longo (cinco meses). Seu comportamento na fase larval pode contribuir para diminuir predação durante este período, quando permanecem abrigados entre vegetação aquática e movimentam-se pouco. Os principais predadores de girinos na área de estudo foram hemípteros da família Belostomatidae e ninfas de Odonata. Seus picos de abundância ocorreram depois dos picos dos girinos, como previsto para populações de predadores e presas com dinâmicas interconectadas. As taxas de mortalidade de girinos foram bastante altas, tendo predação como sua causa mais provável. Interações competitivas não foram detectadas na comunidade estudada. A sobreposição parcial de nichos verificada em girinos e adultos das diferentes espécies pode ser um indicativo de que competição não exerce uma pressão seletiva forte nesta comunidade. O desenvolvimento bem sucedido de Odontophrynus amerícanus nos três ambientes também indica que provavelmente não ocorrem restrições na disponibilidade de alimento em nenhum deles. Os anuros apresentaram diversas características morfológicas, fisiológicas e comportamentais que podem propiciar seu sucesso no ambiente de campos rupestres. Entre estas, estão os ninhos de espuma construídos pela maioria dos leptodactilídeos, as desovas de Phyllomedusa megacephala depositadas na vegetação, a capacidade dos girinos de Leptodactylus cunícularíus, L. furnaríus e Physalaemus cuvíerí de resistir a altas temperaturas, o hábito dos girinos de Thoropa megatympanum de permanecer em pedras molhadas fora do riacho, o hábito de Hyla alvarengaí e H. saxícola descansarem durante o dia sobre pedras expostas. É possível que as comunidades de anuros da Serra do Cipó estejam normalmente sujeitas a eventos de colonização e extinção estocásticos, dependendo tanto das condições naturais nos ambientes propícios à reprodução de anuros quanto da capacidade destes anfibios de resistir a condições específicas de cada ambiente e pressões de predação, especialmente sobre girinos / Abstract: An anuran community was studied from August 1996 to July 1997, in a 1200 m high rocky field site at the Serra do Cipó, including a stream, a puddle and a swamp. Spatial and temporal distributions of the species were studied, and features useful to distinguish them were looked for. Factors possibly responsible for community structure were listed and examined based on field observations. Fourteen anuran species were registered in the study site: Hyla alvarengai, H. saxicola, Phyllomedusa megacephala, Scinax duartei, Leptodactylus cunicularius, L. furnarius, L. jolyi, L. labyrinthicus, L. syphax, Odontophrynus americanus, Physalaemus cuvieri, Proceratophrys cururu, Pseudopaludicola mineira, and Thoropa megatympanum. Tadpoles differed in microhabitat use specially concerning position in water column, occurrence period and water flow. Aquatic vegetation, depth, and habitat used were of secondary importance for species differentiation. Meanwhile, some dimensions of many species' niches showed superposition. Males' calling sites were distinguished specially concerning habitat used, even though activity period was also important for species differentiation. Most species started reproductive activities as soon as it started raining, in an opportunistic way. This behavior can be advantageous in temporary environments. Developmental periods were estimated for some species, and they were short in general, as expected for species from temporary environments. Scinax duartei tadpoles developed to froglets in 5 months, the longest period registered. Their larval behavior may help avoiding predation during this period, when they remain sheltered among aquatic vegetation and move little. The most important tadpole predators registered in the study site were belostomatids and odonate nymphs. Their abundance peaks occurred after those of tadpoles, as predicted for predator-prey populations with interconnected cycles. Mortality rates were high for tadpoles, and predation was their most likely cause. Competitive interactions could not be detected in the anuran community. Partial niche superposition in tadpoles and adult males' calling sites may suggest that competition is not an important force structuring this community. The successful development of Odontophrynus americanus in the three habitats studied is also indicative of the absence of food lirnitations in any of them, even though differences in plankton concentrations have been registered. The anurans showed morphological, physiological, and behavioral features likely to improve their success in the rocky field environment. Examples of these are the foam nests of many leptodactylids, the nests built in vegetation by Phyllomedusa megacephala, resistance to high temperatures in Leptodactylus cunicularius, L. furnarius, and Physalaemus cuvieri tadpoles, ability to climb rocks in Thoropa megatympanum tadpoles, the resting behavior of Hyla alvarengai and H. saxicola. Stochastic colonization and extinction events seem common in the Serra do Cipó, depending on habitats natural conditions and anurans' resistance to them and to tadpole predators / Mestrado / Mestre em Ecologia
2

Atividade de fosfomonohidrolases envolvidas com o crescimento e absorção da cauda de girinos de rã-touro (Lithobates catesbeianus) /

Gonçalves, Adriano Marques. January 2013 (has links)
Orientador: João Martins Pizauro Junior / Banca: Luis Henrique Souza Guimarães / Banca: Marcio Hipolito / Resumo: Durante a metamorfose dos anuros, além da natação, a cauda tem como função fornecer nutrientes necessários para as transformações morfofisiológicas da fase larval aquática em adultos terrestres, pois os animais não se alimentam durante esse período. A fosfatase alcalina é uma enzima importante na mobilização do fosfato necessário para o anabolismo de biomoléculas essenciais à vida, enquanto a fosfatase ácida é uma marcadora lisossomal. Nesse sentido, o objetivo desse estudo foi avaliar a atividade das fosfatases ácida e alcalina obtidas da cauda de girinos de rã-touro (Lithobates catesbeianus), visando fornecer informações acerca do processo de mobilização de nutrientes durante o desenvolvimento e a metamorfose. Os animais foram mantidos em aquários a 27 °C, e separados por estádios de desenvolvimento. As caudas foram coletadas de animais em cada estádio e homogeneizadas em tampões acetato, TRIS.HCl ou 2-amino-2-metil-1-propanol, contendo MgCl2 2 mM e ZnCl2 1 μM, centrifugadas a 10000 g, durante 10 minutos, a 4°C, congeladas em nitrogênio líquido e armazenadas a -70 °C. A atividade de p-nitrofenilfosfatase foi estável quando as amostras homogeneizadas foram armazenadas em diferentes valores de pH, contudo, a atividade da fosfatase alcalina reduziu aproximadamente 70% após 12 horas de armazenamento no pH 4. O pH ótimo aparente para a hidrólise do p-nitrofenilfosfato pelas fosfatases ácida e alcalina foi 5,0 e 10,5, respectivamente, enquanto a hidrólise do pirofosfato de sódio e do ATP para as atividades de pirofosfatase e ATPase foram de 7,5 e 7,0. A temperatura ótima para a atividade das fosfatases ácida e alcalina foi 45°C por 15 minutos de reação. O estudo da ação de compostos sobre a atividade da fosfatase alcalina revelou que o arsenato, EDTA, metavanadato, teofilina, levamisol, íons fosfato e o p-hidroximercuriobenzoato agem... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: During anurans metamorphosis, besides swimming, the tail has the function to supply with nutrients the morphophysiological changes of the larval aquatic stage to terrestrial adults, because the animals do not eat during this period. Alkaline phosphatase is an important enzyme in phosphate mobilization required to the anabolism of essential biomolecules, whereas the acid phosphatase is a lysosomal marker. Thus, the aim of this study was to evaluate the activity of acid and alkaline phosphatase obtained from the tail of bullfrog tadpoles (Lithobates catesbeianus), to provide information about the process of nutrients mobilization during development and metamorphosis. The animals were kept in aquaria at 27 °C, and separated by stages. The tails were collected from animals at each stage and homogenized in acetate buffers, Tris.HCl or 2-amino-2-methyl-1-propanol, containing 2 mM MgCl2 and 1 mM ZnCl2, centrifuged at 10000 g for 10 minutes at 4 °C, frozen in liquid nitrogen and stored at -70 °C. The activity of p-nitrophenylphosphatase was stable when the homogenized samples were stored at different pH values, however, alkaline phosphatase activity decreased about 70% after 12 hours of storage at pH 4. The apparent optimum pH for the hydrolysis of p-nitrophenylphosphate by acid and alkaline phosphatase was 5.0 and 10.5, respectively, while the hydrolysis of sodium pyrophosphate and ATP by the activities of pyrophosphatase and ATPase were 7.5 and 7.0. The optimum temperature for the activity of acid and alkaline phosphatases was 45 ° C for 15 minutes of reaction. The study of the action of compounds on the activity of alkaline phosphatase revealed that arsenate, EDTA, metavanadate, theophylline, levamisole, phosphate ions and p-hydroxymercurybenzoate act as inhibitors, and arsenate showed greater inhibition... (Complete abstract click electronic access below) / Mestre
3

Colonização de poças artificiais por anfíbios anuros na mata atlântica, sul do Brasil

Farias, Douglas Lemos January 2014 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Biológicas, Programa de Pós-Graduação em Ecologia, Florianópolis, 2014 / Made available in DSpace on 2015-02-05T20:55:57Z (GMT). No. of bitstreams: 1 329569.pdf: 1203673 bytes, checksum: 1d5e5090e28ecb11e7ba37e083430428 (MD5) Previous issue date: 2014 / Os processos ecológicos, a estrutura do ambiente e a dinâmica espacial são fatores que influenciam a variação da composição de espécies na comunidade. Para os anfíbios, a colonização de poças depende de fatores que influenciam as espécies no habitat terrestre e no habitat aquático. Nós conduzimos um estudo experimental com poças artificiais em meio à floresta em estágios de regeneração médio e avançado para identificar que fatores influenciam na colonização de habitat aquáticos por anfíbios. Foram instalados 20 conjuntos de bacias plásticas distantes 200 m uma das outras para coletar girinos e invertebrados aquáticos e em seu entorno foram dispostas 20 parcelas de 1000 m2 para verificar a comunidade de anfíbios adultos. Bacias e parcelas foram vistoriadas trimestralmente em quatro campanhas e uma campanha para a coleta de dados do ambiente. Foram registradas 23 espécies de anfíbios, das quais 19 possuem fase larval aquática. Destas, cinco espécies colonizaram os conjuntos de bacias artificiais. A abundância e a riqueza de anfíbios (girinos e adultos) não foram influenciadas pela composição de predadores aquáticos. A estrutura da vegetação também não influenciou na abundância e riqueza de adultos e girinos, além de não estar estruturada espacialmente. Os resultados sugerem que a vegetação em médio e avançado estágio de regeneração e os predadores aquáticos não limitam a distribuição das espécies e consequentemente não limitam a colonização de poças. A característica das espécies e a características dos corpos d'água, são os prováveis fatores determinantes da colonização de habitat aquático por anfíbios no sul da Mata Atlântica.<br> / Abstract: Ecological processes, environmental structure and spatial dynamics are factors that influence the variation in the composition of aquatic communities. For amphibian, the colonization of ponds depends on factors that influence species in terrestrial and aquatic habitat. We conducted an experiment with artificial pools in the forest to determine which factors could influence the colonization of aquatic habitats for amphibians. We buried 20 sets plastic basins (artificial pools) arranged at least 200m away from one of the other to verify the aquatic community (tadpoles and aquatic invertebrates) and its surroundings were placed 20 plots of 1000 m² to verify community of adult amphibians. Basins and plots were surveyed over four quarter field trip and one field trip to collected data from the environment. Were recorded 23 amphibian species, of which 19 have aquatic larval stage. Of these, five species colonized the artificial pools. The abundance and richness of amphibians (tadpoles and adults) were not determined by the composition of aquatic predators and vegetation structure. These results suggest that both variations of vegetation and aquatic predators not limited to species distribution and thus do not limit the colonization of pools. The characteristic of the species and characteristic of the water bodies are the likely factors determinants of colonization of pools for amphibian in south Atlantic Rainforest.
4

Atividade de fosfomonohidrolases envolvidas com o crescimento e absorção da cauda de girinos de rã-touro (Lithobates catesbeianus)

Gonçalves, Adriano Marques [UNESP] 27 February 2013 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:23:05Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2013-02-27Bitstream added on 2014-06-13T19:28:58Z : No. of bitstreams: 1 goncalves_am_me_araiq.pdf: 787474 bytes, checksum: 139bd29c3e4939fc72732e4ef1db4333 (MD5) / Durante a metamorfose dos anuros, além da natação, a cauda tem como função fornecer nutrientes necessários para as transformações morfofisiológicas da fase larval aquática em adultos terrestres, pois os animais não se alimentam durante esse período. A fosfatase alcalina é uma enzima importante na mobilização do fosfato necessário para o anabolismo de biomoléculas essenciais à vida, enquanto a fosfatase ácida é uma marcadora lisossomal. Nesse sentido, o objetivo desse estudo foi avaliar a atividade das fosfatases ácida e alcalina obtidas da cauda de girinos de rã-touro (Lithobates catesbeianus), visando fornecer informações acerca do processo de mobilização de nutrientes durante o desenvolvimento e a metamorfose. Os animais foram mantidos em aquários a 27 °C, e separados por estádios de desenvolvimento. As caudas foram coletadas de animais em cada estádio e homogeneizadas em tampões acetato, TRIS.HCl ou 2-amino-2-metil-1-propanol, contendo MgCl2 2 mM e ZnCl2 1 μM, centrifugadas a 10000 g, durante 10 minutos, a 4°C, congeladas em nitrogênio líquido e armazenadas a -70 °C. A atividade de p-nitrofenilfosfatase foi estável quando as amostras homogeneizadas foram armazenadas em diferentes valores de pH, contudo, a atividade da fosfatase alcalina reduziu aproximadamente 70% após 12 horas de armazenamento no pH 4. O pH ótimo aparente para a hidrólise do p-nitrofenilfosfato pelas fosfatases ácida e alcalina foi 5,0 e 10,5, respectivamente, enquanto a hidrólise do pirofosfato de sódio e do ATP para as atividades de pirofosfatase e ATPase foram de 7,5 e 7,0. A temperatura ótima para a atividade das fosfatases ácida e alcalina foi 45°C por 15 minutos de reação. O estudo da ação de compostos sobre a atividade da fosfatase alcalina revelou que o arsenato, EDTA, metavanadato, teofilina, levamisol, íons fosfato e o p-hidroximercuriobenzoato agem... / During anurans metamorphosis, besides swimming, the tail has the function to supply with nutrients the morphophysiological changes of the larval aquatic stage to terrestrial adults, because the animals do not eat during this period. Alkaline phosphatase is an important enzyme in phosphate mobilization required to the anabolism of essential biomolecules, whereas the acid phosphatase is a lysosomal marker. Thus, the aim of this study was to evaluate the activity of acid and alkaline phosphatase obtained from the tail of bullfrog tadpoles (Lithobates catesbeianus), to provide information about the process of nutrients mobilization during development and metamorphosis. The animals were kept in aquaria at 27 °C, and separated by stages. The tails were collected from animals at each stage and homogenized in acetate buffers, Tris.HCl or 2-amino-2-methyl-1-propanol, containing 2 mM MgCl2 and 1 mM ZnCl2, centrifuged at 10000 g for 10 minutes at 4 °C, frozen in liquid nitrogen and stored at -70 °C. The activity of p-nitrophenylphosphatase was stable when the homogenized samples were stored at different pH values, however, alkaline phosphatase activity decreased about 70% after 12 hours of storage at pH 4. The apparent optimum pH for the hydrolysis of p-nitrophenylphosphate by acid and alkaline phosphatase was 5.0 and 10.5, respectively, while the hydrolysis of sodium pyrophosphate and ATP by the activities of pyrophosphatase and ATPase were 7.5 and 7.0. The optimum temperature for the activity of acid and alkaline phosphatases was 45 ° C for 15 minutes of reaction. The study of the action of compounds on the activity of alkaline phosphatase revealed that arsenate, EDTA, metavanadate, theophylline, levamisole, phosphate ions and p-hydroxymercurybenzoate act as inhibitors, and arsenate showed greater inhibition... (Complete abstract click electronic access below)
5

A importância de fragmentos florestais na diversidade de anfíbios anuros em Icém, Região Noroeste do Estado de São Paulo /

Silva, Fernando Rodrigues da. January 2007 (has links)
Orientador: Denise de Cerqueira Rossa Feres / Banca: Lilian Casatti / Banca: Marcio Martins / Resumo: A composição da paisagem tem um papel fundamental na estrutura e organização de comunidades. A vegetação da região noroeste do Estado de São Paulo, caracterizada como Floresta Estacional Semidecidual e Savana, se restringe hoje a 4% de sua área original, tendo sido substituída por pastagens, culturas diversas ou áreas urbanas. Desta maneira, o objetivo geral do presente estudo foi verificar a importância dos fragmentos florestais para anuros de área aberta em Icém, região noroeste do Estado de São Paulo, procurando responder as seguintes perguntas: i) fragmentos florestais funcionam como áreas de refúgio para espécies de anuros de área aberta? ii) os padrões de riqueza, abundância e distribuição temporal de anuros em corpos d'água vizinhos a fragmentos florestais diferem dos registrados em corpos d'água distantes dos fragmentos? Além disso, investigamos, ao longo de um ano de amostragens, a dieta de anuros capturados em armadilhas de queda instaladas em três fragmentos florestais. Para isso, foram selecionados quatro fragmentos florestais, distanciados entre si de 1 a 4 km, e os seguintes conjuntos de corpos d'água: a) nove brejos, sendo três localizados no interior, três na borda e três distantes (distância mínima de 200 m) dos fragmentos florestais; b) seis açudes, sendo três vizinhos a fragmentos florestais (distância máxima de 50 m da borda dos fragmentos) e três distantes (distância mínima de 300 m) de qualquer fragmento florestal. Foram registradas 25 espécies de anuros, 12 espécies nas armadilhas instaladas no interior dos fragmentos florestais. Destas, três, Eupemphix nattereri, Leptodactylus podicipinus e Physalaemus cuvieri, apresentaram alta abundância (n > 50 exemplares)...(Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: Landscape arrangement plays a key role in community structure and composition. The northwestern São Paulo State's vegetation, characterized as Semideciduous Seasonal Forest and Savanna, is restricted to 4% of its original area, having been replaced by grazing, plantations or urban areas. Thus, the present study's aim was to verify forest fragments' importance for open-area anurans in Icem, northwestern São Paulo State, looking for answers to these questions: Do forest fragments work as shelter areas for open-area anurans species? Do patterns of richness, abundance and temporal distribution of anurans in water bodies next to forest fragments differ from those registered in water bodies far from the fragments? Furthermore, we investigated, throughout one year of samples, the diet of anurans captured in pitfalls installed in three forest fragments. In order to do so, four forest fragments, 1 to 4km apart from each other, were selected, together with the following groups of water bodies: a) nine swamps, three located in the interior, three in the edge and three distant (minimum distance of 200m) from the forest fragments; b) six ponds, three of them next to the forest fragments (maximum distance of 50 m from the fragment’s edge) and three distant (minimum distance 300m). Twenty-five species of anurans were registered, twelve species in pitfalls installed in the interior of the forest fragments. Three of these, Eupemphix nattereri, Leptodactylus podicipinus e Physalaemus cuvieri, showed high abundance (n>50 individuals). In pitfalls, 228 individuals, belonging to 10 anuran species, were captured. The high richness and abundance of specimens captured mean that the forest fragments are important components for anuran communities. Water bodies distant from forest fragment showed higher richness (24 species) than those near the fragments (19 species). The opposite occurred with abundance of species...(Complete abstract click eletronic access below) / Mestre
6

A influência do herbicida FACET® (Quinclorac) nos níveis de corticosterona, metabólitos plasmáticos e nas defesas antioxidantes do fígado de girinos de rã touro (Lithobates catesbeianus Shaw, 1802)

Coltro, Mariana de Lima January 2015 (has links)
Made available in DSpace on 2015-12-10T01:04:34Z (GMT). No. of bitstreams: 1 000476575-Texto+Completo-0.pdf: 1094891 bytes, checksum: ee0be971c01fb37fae36fa4f70aa88b0 (MD5) Previous issue date: 2015 / Since the principles of management in agriculture by man, technology has increased exponentially, allowing rapid development of this sector. However, many improvements are linked to use of chemically synthesized compounds, with the environment and the human being exposed to these pollutants, often harmful. Nevertheless, the amount of these herbicides is increasing. The herbicide based on quinclorac, as Facet® acts as a growth inhibitor, immediately absorbed by germinated seeds, roots and leaves and then transported to the plant. This agent is commonly applied in rice fields and in southern Brazil, the quinclorac is most often detected in studies with agrochemical residues used on these crops and is considered a major water contaminant. Several animal studies have demonstrated the negative biological effect of this xenobiotic, as changes in behavior, development and production of corticosteroids, which may cause malformations, cell differentiation and reproduction problems. Given the high sensitivity of tadpoles to environmental stressors, we choose as model Lithobates catesbeianus species, which has, among ranídae family, a great plasticity and toughness, due probably to be an introduced species in Brazil. To perform this study were acquired 79 tadpoles with 4 months old, on stage 25 (pro metamorphic) of the Gosner table. Animals were divided into tanks of 60L of water with constant aeration in natural photoperiod and temperature, pH of 7. 4, fed ad libitum on chow. Since there was manipulation and euthanasia of animals, the study was submitted to the Ethics Committee on Animal Use (CEUA) of PUCRS. The herbicide was added at day 8 in X1 concentrations (0,05μg/L), X2 (0,1μg/L), X3 (0,2μg/L) and X4 (0,4μg/L). The objective of the research was to analyze the possible alterations in the activity of antioxidant enzymes and levels of lipid peroxidation (LPO) liver; as well as the levels of corticosterone (CORT), glucose and uric acid (UA) in plasma after exposure of the herbicide. Since there was no difference between groups control 7 days (C7) and control 14 days (14), except for the UA as the groups were compared with the C14, where they show the same development time of exposed. The results showed significant differences in LPO, especially in animals exposed concentration 0. 1 μ g/L (X1) of the herbicide; also induces the increased activity of GST, SOD and CAT; After it followed by a decrease in this activity where noticed in the case of SOD, CAT and GST, an inverse relationship between the concentration of the pesticide and the response of the enzyme system. However, these results did not determine an increase in lipoperoxidation and even cause death to the animal suggesting a high constitutive activity of these enzymes and / or the presence of a non-enzymatic antioxidant system rather desenvolvido. The plasma corticosterone levels showed differences between the groups X1 (0,05μg/L) and X4 (0,4μg/L), a decrease in X4, deducting a decreased responsiveness of animals to prolonged exposure front seven days, at higher concentrations of the pesticide; this response being coupled to increased glucose levels in X3. The UA levels showed a significant reduction in X4 group, however, for further findings on the use of this molecule and its role as an antioxidant by the non-enzymatic system will require new studies. / Desde os princípios do manejo com agricultura pelo homem, a tecnologia tem aumentado de modo exponencial, permitindo a rápida evolução deste setor. Porém, muitas melhorias estão atreladas a utilização de compostos quimicamente sintetizados, sendo o meio ambiente e o próprio ser humano expostos a estes poluentes, muitas vezes nocivos. Mesmo assim, a quantidade desses herbicidas é crescente. Herbicidas a base de quinclorac, como o Facet® atuam como inibidores do crescimento, sendo imediatamente absorvidos por sementes germinadas, raízes e folhas e então translocados para a planta. Este agente é comumente aplicado em lavouras de arroz e, no sul do Brasil, o quinclorac é o mais frequentemente detectado em estudos com resíduos de agroquímicos utilizados nestas lavouras, sendo considerado um grande contaminante de águas. Diversos estudos com animais tem demostrado o efeito biológico negativo de xenobiontes, como alterações no comportamento, desenvolvimento e produção de corticoides, podendo acarretar malformações, problemas de diferenciação celular e reprodução. Tendo em vista a alta sensibilidade de girinos a estressores ambientais, escolhemos como modelo a espécie Lithobates catesbeianus, que possui, dentre a família ranídea, uma grande plasticidade e resistência, sendo uma espécie introduzida no Brasil. Para a realização deste estudo foram adquiridos 79 girinos com 4 meses de vida, no estágio 25 (pró-metamórfico) da tabela de Gosner. Os animais foram divididos em aquários com 60L de água, com aeração constante em fotoperíodo e temperatura naturais, pH de 7,4, alimentados ad libitum com ração. Uma vez que houve manipulação e eutanásia dos animais, a pesquisa foi submetida à Comissão de Ética no Uso de animais (CEUA) da PUCRS.O herbicida foi adicionado no 8º dia nas concentrações X1(0,05μg/L), X2(0,1μg/L), X3(0,2μg/L) e X4(0,4μg/L). O objetivo da pesquisa foi analisar as possíveis alterações da atividade das enzimas antioxidantes e níveis de lipoperoxidação (LPO) hepática; assim como, dos níveis de corticosterona (CORT), glicose e ácido úrico (AU) no plasma frente à exposição do herbicida. Uma vez que não houve diferença entre os grupos controle 7 dias (C7) e controle 14 dias (C14), com exceção da medida de AU, assim os grupos foram comparados com o C14, onde os animais apresentam o mesmo tempo de desenvolvimento dos expostos. Os resultados mostraram diferenças significativas na LPO, principalmente nos animais expostos a concentração 0,1μg/L (X1) do herbicida; induzindo também, a aumento da atividade da GST, da SOD e da CAT; após seguiu-se uma diminuição desta atividade onde verificamos, no caso da SOD, CAT e GST, uma relação inversa entre a concentração do pesticida e a resposta do sistema enzimático. Porém, estes resultados não determinaram um aumento na lipoperoxidação e nem causam mortalidade aos animais o que sugere uma atividade constitutiva alta destas enzimas e/ou a presença de um sistema antioxidante não enzimático bastante eficiente. Os níveis de corticosterona plasmático apresentaram diferença entre os grupos X1(0,05μg/L) e X4(0,4μg/L), com decréscimo no X4, deduzindo uma diminuição da capacidade de resposta do animal frente à exposição prolongada, sete dias, a concentrações mais elevadas do pesticida; estando esta resposta aliada a um aumento da glicemia em X3. Os níveis de AU apresentaram uma redução significativa no grupo X4, porém, para maiores conclusões sobre o uso desta molécula como antioxidante e seu papel junto ao sistema não enzimático serão necessários novos estudos.
7

A historia de vida de Physalaemus cuvieri (Anura: Leptodactylidae) em um ambiente temporario

Andrade, Gilda Vasconcellos de 06 December 1995 (has links)
Orientador: Woodruff W. Benson / Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Biologia / Made available in DSpace on 2018-07-20T23:03:23Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Andrade_GildaVasconcellosde_D.pdf: 12048252 bytes, checksum: 9406e92789e2a262565fbbf4f71fb243 (MD5) Previous issue date: 1995 / Resumo: Em poças temporárias são favorecidas adaptações à imprevisibilidade ambiental e às flutuações do nível da água. Neste estudo da história de vida de um anuro que ocupa poças temporárias, analiso as estratégias da reprodução e do crescimento e desenvolvimento larval de Physalaemus cuvieri, através de observação e experimentação. Realizei o estudo em 22 poças temporárias, todas formadas pelo acúmulo da água da chuva e apresentando água parada, em uma área aberta na Reserva Florestal do Sacavém, município de São Luís, MA, Brasil. Coletei dados sistemáticos sobre adultos de dezembro de 1990 a julho de 1991. De 20 de março a 31 de julho de 1992, eu anotei diariamente o número de desovas, a distância de cada desova para a desova mais próxima e, sempre que possível, o tamanho das poças e das desovas. Amostrei semanalmente os girinos e os predadores aquáticos. o ano de 1992 foi muito seco para a região (1.107 mm de chuva). Encontrei 562 desovas distribuídas em 11 das 22 poças, estando quase a metade na poça B-l O,cerca de um quarto na poça E-14 e cerca de um quarto na poça A-22. As outras oito poças totalizaram 73 desovas. O tamanho e a disponibilidade da poça influenciaram o número de desovas. ...Observação: O resumo, na íntegra, poderá ser visualizado no texto completo da tese digital / Abstract: The temporary pond habitat favors adaptations to environmental unpredictability and water leveI fluctuations. The present work is about the life history of an anuran species, Physalaemus cuvieri, living in temporary ponds, and it focuses, through observation and experimentation, on the reproduction and on growth and deve1opment strategies of the tadpoles. Twenty-two temporary standing-water ponds, created by rainfall accumulation, were selected for this study from a clearing at the Reserva Florestal do Sacavem, in Sao Luis county, Maranhao State, Brazil. Systematic data sampling, on adults, were performed from December of 1990 through July of 1991. From March 20th through July 31st of 1992, daily recording of the number of foam nests, measurement of their distance to the nearest nest and, when possible, the dimensions of ponds and size of foam nests was performed. Tadpoles and aquatic predators were sampled on a weekly basis. The year of 1992 was a specia11ydry year, with 1,107mm of rainfall. In this year I found 562 foam nests on 11 of the 22 temporary ponds. Almost half of these foam nests were found on pond B-1O, with a quarter occurring on pond E-14 and another quarter on pond A-22. The remaining eight ponds had a total of 73 foam nests. ...Note: The complete abstract is available with the full electronic digital thesis or dissertations / Doutorado / Ecologia / Doutor em Ciências Biológicas
8

An integrative analysis of the taxonomic identity of Hypsiboas (Anura, Hylidae) related to H. joaquini (B. Lutz, 1968) and H. semiguttatus (A. Lutz, 1925)

Widholzer, Ronaldo Libardi 30 August 2016 (has links)
Submitted by Setor de Tratamento da Informa??o - BC/PUCRS (tede2@pucrs.br) on 2016-10-27T13:36:16Z No. of bitstreams: 1 DIS_RONALDO_LIBARDI_WIDHOLZER_COMPLETO.pdf: 3459937 bytes, checksum: 97cc274384a0309ef700c5cc046d4790 (MD5) / Made available in DSpace on 2016-10-27T13:36:16Z (GMT). No. of bitstreams: 1 DIS_RONALDO_LIBARDI_WIDHOLZER_COMPLETO.pdf: 3459937 bytes, checksum: 97cc274384a0309ef700c5cc046d4790 (MD5) Previous issue date: 2016-08-30 / Hypsiboas joaquini and H. semiguttatus are two phenotypically similar species of the H. pulchellus species group with a complex and interrelated taxonomic history due to problems such as poor original descriptions, descriptions of several synonyms, redescritpions based on specimens of other species, and large population variation. Several closely related species have been described in recent years and currently, we face a complex panorama, with five species relatively well characterized in terms of external morphology in their respective type localities (H. curupi, H. caipora, H. joaquini, H. semiguttatus, and H. stellae) but for which geographic variation is poorly understood and overlapping. Thus, the goal of our study is to evaluate the taxonomic status of specimens formerly identified as closely related to either H. joaquini or to H. semiguttatus using adult and larva morphology, DNA sequences, and advertisement calls. We compared variation among these four sets of characters across nine taxonomic units, the five currently recognized species mentioned above and four additional sets of specimens grouped according to breeding and collection sites (i.e., H. aff. curupi, H. cf. joaquini, H. aff. joaquini, and H. aff. 2 joaquini). Our main results are: (i) extensive overlap and no clear diagnostic characters of morphometric characters of adult males and larvae, and quantitative characters of adult males; (ii) extensive variation on tadpole oral disc morphology diagnosing H. aff. 2 joaquini; (iii) extensive overlap and no clear diagnostic characters of acoustic characters except for H. stellae; (iv) a strongly supported clade that includes H. joaquini sensu stricto and all specimens belonging to the four comparative units defined herein and that shows short branches, low genetic distances (< 1%), and no geographical structure. According to our results we consider specimens of H. aff. curupi, H. cf. joaquini, H. aff. joaquini, and H. aff. 2 joaquini as part of H. joaquini, which becomes a widely distributed species with large phenotipic variation. We further discuss the outstanding variation of oral disc morphology of tadpoles of H. joaquini sensu this work, with local adaptation and phenotypic plasticity as possible causes. / Hypsiboas joaquini e H. semiguttatus s?o duas esp?cies fenotipicamente semelhantes do grupo de esp?cies H. pulchellus, com uma hist?ria taxon?mica complexa e inter-relacionada devido a problemas tais como escassas descri??es originais, descri??es de v?rios sinonimias, redescri??es com base em exemplares de outras esp?cies, e de grande varia??o populacional. V?rias esp?cies estreitamente relacionadas t?m sido descritas nos ?ltimos anos e, atualmente, estamos diante de um panorama complexo, com cinco esp?cies relativamente bem caracterizados em termos de morfologia externa em suas respectivas localidades tipo (H. curupi, H. caipora, H. joaquini, H. semiguttatus e H. stellae), mas para os quais a varia??o geogr?fica ? mal compreendida e com sobreposi??es. Assim, o objetivo do nosso estudo ? avaliar o status taxon?mico de esp?cimes anteriormente determinadas e estreitamente ligadas, como H. joaquini ou H. semiguttatus usando adulto e morfologia larva, sequ?ncias de DNA, e chamados de advert?ncia. N?s comparamos a varia??o entre esses quatro conjuntos de caracteres em nove unidades taxon?micas, as cinco esp?cies reconhecidas atualmente mencionadas acima e quatro conjuntos adicionais de esp?cimes agrupadas segundo seus locais de reprodu??o e de coleta (ou seja, H. aff. curupi, H. cf. joaquini, H . aff. joaquini e H. aff. 2 joaquini). Os principais resultados s?o: (i) extensa sobreposi??o e sem caracteres claros de diagn?sticos morfom?tricos de machos adultos, larvas e caracteres quantitativos de adultos do sexo masculino; (ii) extensa varia??o na morfologia diagn?stica do disco oral dos girinos H. aff. 2 joaquini; (iii) sobreposi??o extensiva e sem claros caracteres diagn?sticos ac?sticos, exceto para H. stellae; (iv) um clado fortemente sustentado que inclui H. joaquini sensu stricto e todos os esp?cimes pertencentes ?s quatro unidades comparativas aqui definidos e que apresenta ramos curtos, baixas dist?ncias gen?ticas (<1%), e nenhuma estrutura geogr?fica. De acordo com nossos resultados podemos considerar esp?cimes de H. aff. curupi, H. cf. joaquini, H. aff. joaquini e H. aff. 2 joaquini como parte de H. joaquini, que se torna uma esp?cie amplamente distribu?da com grande varia??o fenot?pica. A varia??o excepcional da morfologia do disco oral dos girinos de H. joaquini sensu, como adapta??es locais e de plasticidade fenot?pica, ? discutida neste trabalho.
9

Sobre o posicionamento filogenético de Cycloramphus Tschudi 1838 e Zachaenus Cope 1866 (Anura: Cycloramphidae) à luz da morfologia larval

Barros, Vivian Célia de Oliveira Rocha January 2016 (has links)
Orientadora: Profª. Drª. Vanessa Kruth Verdade / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do ABC, Programa de Pós-Graduação em Evolução e Diversidade, 2016. / Pertencentes à família Cycloramphidae, Cycloramphus e Zachaenus são gêneros de estreita afinidade. Restritos a Mata Atlântica brasileira estão presentes em áreas de relevo acidentado, ocupando riachos com corredeira, serapilheira em áreas florestadas ou campos rupestres. Com base no tipo de larvas podem ser divididos em dois grupos: um que apresenta larvas exotróficas que se desenvolvem sobre rochas úmidas e inclui 19 espécies, e, outro, com 11 espécies, em que as larvas são endotróficas e desenvolvem-se em ambiente terrestre, sob rochas ou troncos caídos. Externamente os adultos podem ser diagnosticados pela presença de menisco na parte superior da íris e tímpanos não visíveis, mas a interpretação dada por diferentes autores a outras características de sua anatomia faz com que existam questões taxonômicas ainda pendentes no grupo, que só poderão ser respondidas através de hipóteses filogenéticas. Este trabalho testou a relação filogenética das espécies dos gêneros Cycloramphus e Zachaenus baseadas na análise comparativa de caracteres de morfologia externa e condrocrânio de seus girinos, associada a técnicas de pesagem diferencial. O resultado obtido corrobora o monofiletismo de Cycloramphidae e sugere a subdivisão da família em dois clados. Um deles que inclui as espécies de Cycloramphus e Zachaenus cujos girinos são endotróficos. Outro, que inclui as espécies de Cycloramphus com larvas exotróficas e Thoropa. O aninhamento de Zachaenus entre as espécies de Cycloramphus já foi sinalizado por estudos anteriores, mas o agrupamento de Thoropa aos demais Cycloramphus é inédito. A configuração sugere a necessidade de modificações na taxonomia, já que Cycloramphus não seria monofilético. Um dos arranjos possíveis seria a manutenção de Thoropa, restrição de Cycloramphus às espécies de Cycloramphus que apresentam girinos exotróficos, e transferência das espécies atualmente em Cycloramphus que apresentam girinos endotróficos para Zachaenus. Entretanto, em se tratando de caracteres larvais, seria conveniente testar a existência de sinal filogenético com caracteres de outras fontes e amostras maiores, incluindo larvas de outras espécies do gênero Thoropa e de grupos externos considerados mais próximos à Cycloramphidae do que aqueles utilizados. A principal consideração a ser feita diante do arranjo obtido, é se a altíssima especialização das larvas das espécies em Cycloramphidae não estaria introduzindo ruído gerando uma hipótese de relacionamento que reflete mais a ecologia do que a história evolutiva do grupo. / Cycloramphus and Zachaenus (family Cycloramphidae) are considered close related. The species in these genera are stream or ground dwellers frogs endemic to areas of sharp relief at the Atlantic forest Domain. If based on larvae morphotype, the species may be split in two groups: 19 species which tadpoles are exotrophic and semiterrestrial living on humid rocks, and 11 species which tadpoles are endotrophic and terrestrial living under rocks or fallen trunks. The adults are relatively similar, and promptly identified by the presence of an eye meniscus and hidden tympanum. However, the presence of inguinal macrogland in adult males and terrestrial reproduction has led to different interpretation and different taxonomic arrangements involving Cycloramphus, Zachaenus, and a third genus Craspedoglossa, currently under synonym of Cycloramphus. These arrangements can be tested only under phylogenetic hypothesis. We have used comparative anatomy of larvae to set 40 characters from external morphology and chondrocranium and obtain a phylogenetic hypothesis for the groups of species. Our results are congruent to the monophyly of Cycloramphidae family and suggest two clades within it: one including the Cycloramphus and Zachaenus species presenting endotrophic and terrestrial tadpoles; the other including Thoropa and the Cycloramphus presenting exotrophic semiterrestrial tadpoles. Zachaenus nested within Cycloramphus is a combination that has already raised in literature, however Thoropa as the sister group to the Cycloramphus species with exotrophic tadpoles is a novelty. This arrangement makes Cycloramphus a non monophyletic genus and requires taxonomic changes. Cycloramphus should be restricted to the species which tadpoles are exotrophic, and Zachaenus expanded to include also the Cycloramphus which tadpoles are endotrophic. We think these changes premature, though. Considering larval characters, and the very high specialization of Cycloramphidae larvae, it may be possible that the arrangement obtained is more a reflex of ecological similarity than evolution history. The taxonomic changes should be postponed until we could test the phylogenetic signal of these characters by using more than one species of Thoropa; outgroup species closer related to Cycloramphidae, as well as characters from different sources as internal oral anatomy from larvae, morphology of adults, and molecular markers.
10

Uso de habitats e ecomorfologia de girinos na Serra da Mantiqueira, SP /

Gomes, Felipe Bittioli Rodrigues. January 2009 (has links)
Resumo: Por utilizarem diversos tipos de habitats e serem relativamente abundantes, girinos de anfíbios anuros são considerados ótimos objetos de estudo para se entender a estruturação das comunidades. A forma do corpo dos girinos varia enormemente de acordo com o tipo de habitat que utilizam e estudos em ecomorfologia podem responder quais características corpóreas são mais importantes para a ocupação do ambiente. Buscando estas respostas foram amostrados mensalmente, ao longo de um ano, nove corpos d'água (três lagoas, três riachos e três poças temporárias) no Parque Estadual de Campos do Jordão (PECJ), Serra da Mantiqueira, SP. O PECJ localiza-se no Bioma de Mata Atlântica e sua vegetação é constituída por Mata de Araucária, Mata Latifoliada de Encosta Atlântica e Campos de Altitude. Foram determinadas a riqueza, a abundância e a diversidade de cada comunidade. A estrutura dos corpos d'água foi determinada por meio de 12 descritores ambientais. Foram registrados girinos de 17 espécies de oito famílias, sendo Hylidae a mais representativa em riqueza de espécies e em abundância total. A maior riqueza de espécies foi registrada nas lagoas permanentes (10 espécies), enquanto as poças temporárias e os riachos apresentaram a mesma riqueza (cinco espécies). A maioria das espécies foi especialista para tipo (riachos, poças temporárias e lagoas) e para uso de hábitat (cada corpo d'água), o que não impediu que a sobreposição no uso de hábitat fosse alta para 88% das 17 espécies registradas. Contudo, essa alta sobreposição ocorreu entre as espécies pertencentes a uma mesma guilda de especialistas para cada tipo de corpo d'água. As espécies de diferentes guildas apresentaram baixa sobreposição no uso de hábitat. Correspondente a isso, a composição de espécies nos corpos d'água amostrados refletiu os três tipos de corpos d'água...(Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: Tadpoles are considered a good model to understand community structure because they use several types of habitats and are relatively abundant. The body shape of tadpoles varies greatly according to the habitat type, and studies in ecomorphology can link body features to the habitat occupation. In this study we selected nine water bodies - three permanent ponds, three permanent streams and three temporary puddles - in the Parque Estadual de Campos de Jordão (PECJ), São Paulo State, southeast Brazil. The PECJ is situated in the Atlantic Rain Forest, and it is characterized by Floresta de Araucária (Araucaria angustifolia), Floresta Latifoliada de Encosta Atlântica and Campos de Altitude. The richness, abundance, diversity and spatial and seasonal occurrences of the species were determined in each habitat, through the samplings, accomplished with deep nets. The structure of the water bodies was determined using 12 environmental descriptors. Tadpoles of 17 species, belonging to eight families, were recorded, being Hylidae the most representative in richness and total abundance. The great species richness was recorded in permanent ponds. Temporary puddles and streams showed the same richness (5 species). Most of the species were specialist to water body type (streams, temporary puddles and permanent ponds) and to habitat use (each water body), did not preventing/avoiding the high overlap in the habitat use for 88% of the 17 recorded species. However, the high overlap occurred among the species belonging to the same guild of specialists for each type of water body. The species of different guilds showed low overlap in habitat use and, corresponding to that, the species composition reflected the three types of sampled water bodies. The flow and duration of the water, the size and the depth of water bodies influenced greatly the tadpoles' spatial distribution. From the 16...(Complete abstract click electronic access below) / Orientador: Denise de Cerqueira Rossa Feres / Coorientador: Itamar Alves Martins / Banca: Arif Cais / Banca: Elieth Floret Spirandelli Cruz / Mestre

Page generated in 1.7551 seconds