• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 770
  • 8
  • 6
  • 1
  • Tagged with
  • 793
  • 366
  • 343
  • 170
  • 159
  • 126
  • 108
  • 82
  • 81
  • 79
  • 77
  • 69
  • 54
  • 49
  • 47
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

A General Estoria de Afonso X em Portugal : as múltiplas formas de receção do texto alfonsino entre os séculos XIV e XVI

Leite, Mariana Soares da Cunha 2012 (has links)
A investigação incide sobre os diversos momentos da transmissão textual da General Estoria de Afonso X, o Sábio, em Portugal, privilegiando uma abordagem filológica dos manuscritos e fragmentos. Estuda-se a marginalia bilingue de um manuscrito castelhano do século XIV conservado em Portugal. Transcrevem-se os fragmentos de tradução da primeira parte da obra alfonsina para português. Procede-se à análise dos fragmentos quatrocentistas da primeira parte e do fragmento da segunda parte da General Estoria, tendo-se ainda em conta a tradução para galego-português do início século XIV já conhecida. Por último, é avaliada a receção do texto reflectida na sua utilização em outras obras literárias, todas produzidas após a ascensão ao poder da dinastia de Avis. Procurou-se, por último, oferecer uma perspectiva geral da circulação da General Estoria em Portugal, tendo em conta as dinâmicas culturais em Portugal entre os séculos XIV e XVI.
2

A Revista de História (1912-1928) : uma proposta de análise histórico-historiográfica

Moreira, Nuno Miguel Magarinho Bessa 2012 (has links)
Nesta dissertação estudaremos a Revista de História, essencialmente pelo prisma da História da Historiografia. O objeto da nossa investigação carece de uma identificação prévia. A Revista de História foi criada no seio da Sociedade Nacional de História, como veículo de informação privilegiado do respetivo ideário e forma de difusão das ideias da instituição. O periódico em causa é composto por 16 volumes (1912-28). Começou antes da Iª Guerra Mundial, terminou dois anos depois da Instauração da Ditadura Militar de Gomes da Costa e foi contemporâneo do Integralismo Lusitano, da Renascença Portuguesa e da Seara Nova. A questão que se coloca é: qual a relevância cultural e historiográfica da Revista de História no contexto em que se desenvolveu? A Historiografia tem sido, muitas vezes, equiparada à Teoria da História numa perspetiva epistemológica, mas sobretudo filosófica. Sem esquecer ou ignorar estas aceções, é possível integrá-las num reduto amplo, ancorado na diacronia, a coberto de especulações com tendência generalizante. Um determinado discurso historiográfico ocorre em espaço e tempo próprios, que condicionam o que expressa. Para concretizar melhor o que está em causa neste trabalho, convém proceder a uma descrição detalhada das motivações - subjetivas e objetivas - e das fontes e metodologias nele implicadas. Esta dissertação resulta do interesse que desde sempre nutrimos pela História Contemporânea, na vertente cultural. A publicação em causa representa, pelo período em que se inscreve, um esforço de conjunto no que respeita aos periódicos da especialidade na época republicana. Por outro lado, a História da Historiografia também constitui disciplina a aprofundar, a exemplo do que há mais tempo acontece em Espanha, França ou no Brasil. Dentro da Historiografia, a escolha da diacronia como prioridade prende-se com uma atitude metodológica (...)
3

Um metódico à brasileira: a História da historiografia de Afonso de Taunay (1911-1939)

Araujo, Karina Anhezini de [UNESP] 24 October 2006 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:32:23Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2006-10-24Bitstream added on 2014-06-13T18:43:43Z : No. of bitstreams: 1 araujo_ka_dr_fran.pdf: 669017 bytes, checksum: b32f8ba0eb522ee41eeb918bdc37d67d (MD5) Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) Compreender como se escrevia a História no Brasil nas primeiras décadas do século XX foi a questão que norteou este trabalho. Para tanto, buscou-se historiar os procedimentos que fundamentaram a escrita da História de Afonso de Escragnolle Taunay entre 1911 e 1939. Por meio da interpretação das obras e da correspondência do autor e de alguns de seus correspondentes, concluiu-se que Taunay foi um metódico à brasileira. Um historiador que soube combinar sua leitura da historiografia francesa com o desenvolvimento da produção historiográfica no Brasil Not available
4

Um metódico à brasileira : a História da historiografia de Afonso de Taunay (1911-1939)

Anhezini, Karina. 2006 (has links)
Orientador: Teresa Maria Malatian Banca: Denise Aparecida Soares de Moura Banca: Marcia Barbosa Mansor D'Alessio Banca: Antonio Celso Ferreira Resumo: Compreender como se escrevia a História no Brasil nas primeiras décadas do século XX foi a questão que norteou este trabalho. Para tanto, buscou-se historiar os procedimentos que fundamentaram a escrita da História de Afonso de Escragnolle Taunay entre 1911 e 1939. Por meio da interpretação das obras e da correspondência do autor e de alguns de seus correspondentes, concluiu-se que Taunay foi um metódico à brasileira. Um historiador que soube combinar sua leitura da historiografia francesa com o desenvolvimento da produção historiográfica no Brasil Abstract: Not available Doutor
5

Inês de Castro : o tema inesiano na Historiografia Romântica

Santos, Ana Margarida Amaro Ferreira dos 2005 (has links)
Nesta dissertação pretende-se abordar a presença de Inês de Castro na Historiografia Romântica. Partindo dos factos históricos é-se inserido no plano da lenda e do mito inesianso que tão bem serviram os românticos na sua busca pelo tema fatalista e medieval personificado numa heroína nacional. Apresenta-se também a difusão do tema inesiano no plano internacional, particularizando com o caso francês através de Victor Hugo e Condessa de Genlis e aprofunda-se o modo como o tema foi tratado em Portugal no período da Literatura romântica.
6

Simão José da Luz Soriano : de liberal inflamado a homem conformado

Ramos, Paulo Jorge Pontes 2011 (has links)
O objetivo fundamental desta Dissertação consiste num ensaio biográfico sobre Simão José da Luz Soriano. Homem que viveu 89 anos no século XIX, com uma vastíssima obra literária de relevante importância para a Historiografia, pelo seu conteúdo de caracterização política, económica e social do regime político. O trabalho realizado é constituído por uma introdução, onde é feita uma contextualização da personagem biografada no espaço e no tempo e o desenvolvimento da dissertação está dividido em quatro capítulos, descrevendo os momentos-chave da vida do biografado, desde as suas origens, passando pela militância política, até à dedicação à escrita. A terminar uma reflexão final, onde se procura responder às questões levantadas para a elaboração deste estudo. A realização deste trabalho, contribuiu para realçar o papel do biografado, na Historiografia Portuguesa apresentando-o ao leitor como Escritor e Historiador.
7

A Crónica de Portugal de 1419 : fontes, estratégias e posteridade

Moreira, Filipe Alves 2010 (has links)
Este trabalho analisa as fontes, os significados e a posteridade da Crónica de Portugal de 1419. Descreve todas as cópias subsistentes dessa Crónica (duas das quais eram até agora desconhecidas); identifica as suas fontes e a forma como elas foram usadas, e estuda textos historiográficos dos séculos XV e XVI que a conheceram. As principais conclusões deste trabalho são que a Crónica de 1419 é ainda largamente tributária dos processos historiográficos da escola afonsina; que realça a importância do serviço ao Rei, ao Reino e a Deus; e que o seu texto foi conhecido por diversos historiadores portugueses ou castelhanos dos séculos XV e XVI, a maior parte dos quais estava ligada à corte régia e/ou ao mosteiro de Santa Cruz de Coimbra.
8

A presença dos Annales no programa de pós-graduação em história da Universidade de São Paulo (1985-1994)

Belieiro, Thiago Granja. 2018 (has links)
Orientador: Hélio Rebello Cardoso Júnior Banca: Jurandir Malerba Banca: Karina Anhezini de Araujo Banca: Igor Guedes Ramos Banca: Tania Regina de Luca Resumo: Essa tese de doutorado estuda os diálogos e as relações teóricas e metodológicas entre a Nova História e a Antropologia. Esse diálogo deu origem ao fenômeno chamado de Antropologização da Nova História, que significou mudanças nas formas de concepção do tempo histórico, nas fontes do historiador e na forma de construção dos textos historiográficos. A Antropologização do saber histórico foi a responsável pela abertura dos grandes temas da nova História, tais como a História das Mentalidades, do Imaginário, da Família e da Infância, da Sexualidade, da Religiosidade, da História Simbólica, das Festas e do Cotidiano. A tese investiga ainda os diálogos da Historiografia Brasileira com a Nova História, diálogos que foram responsáveis pela Antropologização da Historiografia Brasileira. Estudando o contexto histórico em que esses diálogos ocorrem, a pesquisa mostra a inserção da Historiografia Brasileira na historiografia global, as reformas na pós-graduação brasileira, nos anos 70, e a diversidade teórica e metodológica do campo historiográfico brasileiro, nos anos 80. A tese dirige sua investigação ao Programa de Pós-graduação em História da Universidade de São Paulo, entre 1985 a 1994, mostrando a presença de linhas de pesquisa, publicações periódicas, e, principalmente, a produção de dissertações e teses dentro dos temas da Nova História Abstract: This doctorate thesis studies the dialogues and the theoretical relations between the New History and Anthropology. This dialogue originated the phenomenon called the Anthropologizing of the New History, which meant changes in the means of historical time, the sources of the historian and in the manner of building historiographical texts. The Anthropologizing of the historical knowledge was responsible for the opening of greater themes of the New History, such as History of the Mentalities, of the Imaginary, of the Family and the Childhood, of the Sexuality, of the Religiosity, Symbolic History, of the Festivities and the Everyday. This thesis also investigates the dialogues between the Brazilian Historiography and the New History, which were responsible for the Anthropologizing of the Brazilian Historiography. Studying the historical context in which these dialogues occur, the research presents the insertion of the Brazilian Historiography in the global historiography, the reforms in the Brazilian post-graduation in the 1970s, and the theoretical and methodological diversity in the Brazilian historiographical field in the 1980s. The thesis directs its investigation to the Program of Post-Graduation in History of the University of São Paulo, between 1985 and 1994, showing the presence of research lines, periodical publications and, mainly, the productions of dissertations and thesis within the themes of the New History Doutor
9

A Cor e a forma

Souza, Luiz Alberto de 2012 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em História Made available in DSpace on 2012-10-26T11:39:43Z (GMT). No. of bitstreams: 1 310709.pdf: 3066173 bytes, checksum: 971648d1eec30af33c5ac90fd2c632a8 (MD5) Esta dissertação analisa a trajetória de João da Cruz e Sousa (Desterro, 1861 - Rio de Janeiro, 1898) privilegiando o estudo dos seus textos de juventude e, em especial, a sua produção abolicionista. A sua estrutura está organizada em três partes: no capítulo 1, trata das origens familiares e dos primeiros contatos de Cruz e Sousa com a cultura dominante no seu tempo; no capítulo 2, aborda os anos de formação político-intelectual do escritor; por último, no capítulo 3, reconstrói a militância abolicionista de Cruz e Sousa em Desterro e reflete sobre as relações entre produção intelectual e engajamento político na experiência de escritores negros no Brasil do final do século XIX.
10

A contribuição historiografica de Lucas Alexandre Boiteux no Jornal do Comércio do Rio de Janeiro: 1911-1957

Cunha, Maria Teresa Santos 15 October 2012 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em História, Florianópolis, 1982. Made available in DSpace on 2012-10-15T21:14:17Z (GMT). No. of bitstreams: 0

Page generated in 0.061 seconds