• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 675
  • 47
  • 11
  • 6
  • 4
  • 4
  • 4
  • 4
  • 2
  • Tagged with
  • 746
  • 237
  • 207
  • 199
  • 160
  • 154
  • 152
  • 151
  • 127
  • 126
  • 81
  • 67
  • 65
  • 60
  • 60
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Cultura de Spirulina maxima em diferentes concentrações do meio de crescimento sintetico e em meio constituido de cinzas de palha de arroz

Torres, Regina Coeli de Oliveira January 1994 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciencias Agrarias / Made available in DSpace on 2012-10-16T06:59:12Z (GMT). No. of bitstreams: 0 / Estudos comparativos do crescimento de Spirulina maxima no meio sintético de Paoletti (controle), com concentrações reduzidas (40%, 60% e 80%) e em meio constituído de cinzas de palha de arroz, em períodos de iluminação contínua e intermitente de 12/12 h, com intensidade de luz de 2,4 Klux. O experimento foi conduzido em condições de laboratório, com fotobioreator com volume de trabalho de 2.200ml, temperatura de 32 1oC, agitação com ar (0,2 vvm) durante 192 horas. Os cultivos sob iluminação contínua apresentaram resultados superiores em termos de produtividade, velocidade de crescimento e velocidade específica de crescimento. As velocidades específicas máximas de crescimento ficaram entre 0,509 - 0,597 (d-1) para os cultivos sob iluminação contínua, e entre 0,324 - 0,469 (d-1) para aqueles sob iluminação intermitente. O meio sintético 60%, obteve a melhor resposta de crescimento sob luz contínua, enquanto que sob luz intermitente, o melhor desempenho ocorreu nos meios controle e sintético 60%, estatisticamente equivalentes. O cultivo sob luz contínua em meio constituído de cinzas de palhas de arroz, exibiu o melhor desempenho até 144 horas de cultivos, seguido de brusco declínio. O teor protético das biomassas de Spirulina maxima, apresentou uma variação de 45 - 69 g% de peso seco.
2

Ocorrência de leveduras em espécies vegetais nativas da mata atlântica, Parque Estadual da Serra do Mar - Núcleo Picinguaba, São Paulo

Ruivo, Carla Carolina Cesarano [UNESP] 18 April 2005 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:32:54Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2005-04-18Bitstream added on 2014-06-13T20:04:35Z : No. of bitstreams: 1 ruivo_ccc_dr_rcla.pdf: 3407189 bytes, checksum: 12661371c25b663cd051faf1d555f863 (MD5) / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / No período de março de 1999 a fevereiro de 2002, foram coletadas 311 flores e 72 frutos de 19 espécies vegetais nativas de Mata Atlântica na região de Ubatuba, SP - núcleo Picinguaba, com o objetivo de descrever as espécies de leveduras presentes. Os locais de coleta abrangeram uma grande extensão de áreas de mata de encosta, planície, restinga e beira mar. Ainda, 75 amostras da água acumulada nos tanques de outras duas espécies vegetais foram analisadas com o mesmo objetivo. Trezentas e vinte e seis linhagens de leveduras foram isoladas, das quais, 75,8% apresentaram afinidade ascomicética e 24,2% basideomicética. O gênero Candida foi predominante, seguido por Metschnikowia, Hanseniaspora, Bullera e Cryptococcus. Entre os ascomicetos e seus anamorfos, 37 espécies foram identificadas, sendo que a espécie mais freqüentemente isolada em flores e frutos foi Hanseniaspora uvarum, com 22 e 20 isolados, respectivamente. Outras espécies que também foram isoladas com freqüência em flores foram Bullera unica e Metschnikowia koreensis. Como esperado, muitas das linhagens isoladas não se enquadraram dentro dos padrões descritos na literatura e, nesses casos, as mais freqüentes tiveram a região do domínio D1/D2 do rDNA seqüenciada. Todos os oito isolados da nova espécie Candida leandrae foram obtidos a partir de frutos de Leandra reversa (Melastomataceae), sugerindo forte associação entre ambos. Das amostras da água de tanque foram isoladas cinco novas espécies. De Canistropsis seidelii (Bromeliaceae) foram descritas duas novas espécies: Candida bromeliacearum e Candida ubatubensis. A partir de Heliconia velloziana (Heliconiaceae) foram descritas Candida heliconeae, Candida picinguabensis e Candida sanpauloensis. Alguns isolados designados como Candida sp. A, B, C, D, E, F, G, H, I e Debaryomyces sp. A, B, C e outros, também não corresponderam às características das espécies-padrão descritas na literatura e ainda não foram seq / From March of 1999 to February of 2002, 311 flowers and 72 fruits of 19 native plant species of the Atlantic Forest in the region of Ubatuba, SP Picinguaba area were sampled for the presence of yeasts. The sites of collection included a great extension of coastal areas like hillsides, plains, restinga and seashores. Seventy five samples of the water accumulated in the tank of two other plant species were also examined. Three hundred and twenty six yeast strains were isolated, with 75.8% being ascomycetes and 24.2% basideomycetes. The genus Candida was predominant, followed by Metschnikowia, Hanseniaspora, Bullera and Cryptococcus. Regarding the ascomycetous and their anamorphs, 37 species were identified, and Hanseniaspora uvarum was the prevalent in flowers and fruits, with 22 and 20 isolated respectively. Bullera unica and Metschnikowia koreensis were also frequently isolated from flowers. As expected, many of the strains did not fit the standard found in literature and most of them had their D1/D2 domain of rDNA sequenced. All the eight strains of new species, Candida leandrae were isolated from fruits of Leandra reversa (Melastomataceae), suggesting a strong association between them. Another five new species were isolated from tank water as follows: Candida ubatubensis and Candida bromeliacearum from Canistropsis seidelii (Bromeliaceae) and Candida heliconeae, Candida sanpauloensis and Candida picinguabensis from Heliconia velloziana (Heliconiaceae). Some strains previously identified as Candida sp. A, B, C, D, E, F, G, H, I and Debaryomyces sp. A, B, C and others, could not be identified as well but they were not sequenced to date.
3

Isolamento e seleção de microorganismos para aplicação no tratamento de efluentes fenolico

Rosa, Sergio Mauro Cordova da January 1995 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciencias Fisicas e Matematicas / Made available in DSpace on 2016-01-08T20:00:43Z (GMT). No. of bitstreams: 1 101294.pdf: 1881011 bytes, checksum: 9a3f1c747504b6e4b7dfc83547f1c320 (MD5) Previous issue date: 1995 / Este trabalho ocupa-se do estudo da degradação do fenol utilizando microorganismos selecionados, resultantes do isolamento direto de águas contaminadas com compostos fenólicos ou do enriquecimento seletivo de culturas mistas num reator em regime contínuo. Testa-se microorganismos isolados, selecionados devido sua habilidade de degradar fenol na presença de TSB (tryptic soy broth), quanto a degradação do fenol contido no efluente bruto e em um meio sintético contendo fenol como única fonte de carbono e energia, obtendo-se culturas mistas com microorganismos hábeis na degradação do fenol. Realiza-se ensaios para obtenção de parâmetros cinéticos, avaliação de condições de operação e comportamento destas culturas microbianas. Experimentos em regime descontínuo são realizados para se avaliar etapas do enriquecimento seletivo do sistema em contínuo e a influência do pH na degradação do fenol. De acordo com os resultados obtidos nos ensaios com a cultura mista resultante, esta apresenta um grande potencial de aplicação em processos de biorremediação de solo contaminado com fenol e no tratamento de efluentes fenólicos com vantagens sobre os sistemas convencionais como o aumento da capacidade das estações de tratamento de efluentes e a redução no volume de iodo gerado.
4

Avaliação da atividade antimicrobiana de fungos e actinobactérias endofíticos isolados de Conyza bonariensis (L.) Cronquist. (Rabo-de-Raposa)

Elvira Areias da Silva, Rosa January 2006 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T15:51:52Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo4524_1.pdf: 1014823 bytes, checksum: 229bebccea6d48b1fba480a067d1f57e (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2006 / Microrganismos endofíticos são encontrados em praticamente todas as plantas na natureza. Estes microrganismos residem no interior dos tecidos vegetais onde podem manter relações simbióticas, produzindo ou contribuindo para a produção de substâncias bioativas que poderão favorecer o desenvolvimento da planta. Essas substâncias, uma vez isoladas e caracterizadas, têm grande potencial para serem utilizadas pela medicina. Na maioria das vezes estas substâncias são produzidas por microrganismos endofíticos isolados de plantas utilizadas na medicina popular. Conyza bonariensis (L.) Cronquist, pertence à família Asteraceae, é popularmente conhecida como rabo-de-raposa. É utilizada pela medicina popular contra micoses superficiais. Foram isolados da planta Conyza bonariensis 53 fungos, 126 bactérias e quatro actinobactérias endofíticas. Houve maior ocorrência de bactérias nas raízes (16,33%) enquanto nas folhas houve maior predominância de fungos (10%). As actinobactérias apresentaram freqüência muito baixa (1,3%). A atividade antimicrobiana foi avaliada pelo método do Bloco de Gelose contra Staphylococcus aureus, Bacillus subtilis, Escherichia coli, Mycobacterium tuberculosis, Candida albicans, Malassezia furfur e M. simpodialis. As linhagens que apresentaram melhor atividade foram selecionadas para teste de difusão em disco dos seus fermentados. Eb26F, Eb3F, Eb30F, EbR84 apresentaram melhor atividade em meio Czapek (120h); EbR83 e EbR33, em meio MPE (120h), para a linhagem EbR32 o melhor meio foi BD (120h) e para a actinobactéria EbR49A o meio ISP-3 (72h). Os halos de inibição variaram entre 10mm e 30mm
5

Fisiologia de Bacillus subtilis R14 : crescimento e produção de litopeptídeos em cultivos descontínuos

Henrique Portella Corrêa de Oliveira, Fábio January 2006 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T15:52:00Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo4528_1.pdf: 4234491 bytes, checksum: df9f172b7fcf8fd40b7ea30d3cbb3ac9 (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2006 / Muitas linhagens de B. subtilis produzem lipopeptídeos, que são compostos anfifílicos com atividades surfactante e antimicrobiana. A produção de lipopeptídeos, associada à capacidade de formação de esporos, contribui para a utilização comercial deste microrganismo no controle biológico de várias doenças de plantas. Neste trabalho, o crescimento, a produção de lipopeptídeos e a esporulação de B. subtilis R14 foram investigados em cultivos descontínuos sob diferentes condições de aeração e temperatura. Ensaios para crescimento em anaerobiose foram realizados em jarras de Gaspak a 37°C, utilizando-se meios de cultivos quimicamente definidos contendo glucose, glucose/piruvato ou glicerol, como fontes de carbono, e (NH4)2SO4 e/ou NaNO3, como fontes de nitrogênio. Para se investigar a produção de lipopeptídeos e esporos sob diferentes condições de aeração e temperatura, cultivos foram realizados em frascos Fernbach, em mesa agitadora. Um meio quimicamente definido, contendo glucose como fonte de carbono e (NH4)2SO4 e NaNO3 como fontes de nitrogênio, foi utilizado em todos os experimentos. Diferentes condições de aeração e temperatura foram testadas através de variações do volume do meio de cultivo (250 mL, 500 mL e 1000 mL), da agitação (150 rpm e 250 rpm) e da temperatura (30°C e 37°C). O crescimento celular foi acompanhado através da determinação do peso seco de células e por espectrofotometria. Os consumos de glucose e de nitrato foram determinados através de métodos espectrofotométricos. A formação de compostos com atividade antimicrobiana e com atividade surfactante foi acompanhada por métodos de difusão em agar e de poder emulsificante sobre hexano, respectivamente. A caracterização parcial dos compostos produzidos foi realizada por cromatografia em camada delgada (CCD). Em anaerobiose, B. subtilis R14 não cresceu em meio contendo glucose como única fonte de carbono. No entanto, o crescimento ocorreu em meios contendo glucose/piruvato ou glicerol como fontes de carbono. Nestes, maiores rendimentos em biomassa foram observados nos meios contendo NaNO3. Em meios com diferentes condições de aeração e temperatura, a produção de composto com atividade antimicrobiana ocorreu em todos os cultivos durante a fase de crescimento, havendo degradação quando a fase de declínio foi atingida. Condições de restrição de oxigênio favoreceram a produção de composto com atividade antimicrobiana, entretanto, o aumento excessivo da restrição foi desfavorável à produção deste composto. O maior rendimento em produto com atividade antimicrobiana foi obtido a 30°C, ao passo que a maior produtividade ocorreu a 37°C. A produção de composto com atividade surfactante também ocorreu em todos os cultivos durante a fase de crescimento. A restrição de oxigênio e a temperatura de 30°C também favoreceram a produção deste composto. Em todas as situações analisadas, houve produção de esporos, mas a condição de maior temperatura e agitação (37°C e 250 rpm) favoreceu a esporulação. Ensaios em CCD revelaram que os compostos produzidos eram o lipopeptídeo surfactina e um outro com atividade antimicrobiana
6

Taxonomia e ecologia dos Myxomycetes ocorrentes na Estação Ecológica Serra de Itabaiana, Sergipe, Brasil

de Fatima de Andrade Bezerra, Maria January 2005 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T15:53:33Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo5151_1.pdf: 5837644 bytes, checksum: 29f0e27f501213ff6bdad1f536b88dd9 (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2005 / Os Myxomycetes constituem um grupo de protistas com 870 espécies, distribuídas em microhabitats diversificados. Eles desempenham importante papel entre os decompositores e na cadeia alimentícia da microfauna. As 218 espécies previamente descritas para o Brasil distribuem-se nas cinco regiões do país, mas a mixobiota de muitos estados ainda não foi descrita. No que se refere a Sergipe, a única espécie referida é Perichaena depressa Lib., apesar deste estado possuir condições climáticas e vegetacionais adequadas ao desenvolvimento dos Myxomycetes. Com o objetivo de ampliar o conhecimento sobre a distribuição dos Myxomycetes nos Neotrópicos e fornecer as primeiras informações sobre a mixobiota do estado de Sergipe, foi desenvolvido um estudo sobre as espécies de Liceales e Physarales que ocorrem na Estação Ecológica Serra de Itabaiana - EESI (10º 40 52 S e 37º 25 15 W, 4389,76 ha, 180-670m alt.), em diferentes fisionomias vegetacionais. Entre abril de 2002 e dezembro de 2003, foram coletados esporocarpos em 19 excursões (4 dias cada) realizadas em diferentes estações do ano e localidades (Floresta Estacional Decidual, Floresta de Galeria, Campo limpo, Campo sujo e Cerrado); 590 cultivos em câmara-úmida foram preparados com casca de árvores vivas (Anacardiaceae, Apocynaceae, Veloziaceae e dicotiledôneas não identificadas), troncos mortos, liter do chão da Floresta e do Cerrado, folhas mortas ainda presas à planta-mãe (Arecaceae, Bromeliaceae, Veloziaceae), plantas suculentas (Bromeliaceae, Cactaceae) e fezes de coelho brasileiro (Sylvilagus brasiliensis L.) e cavalo (Equus caballus L.). Exsicatas representativas das coleções encontram-se depositadas nos herbários UFP (Universidade Federal de Pernambuco, Recife) e MA-Fungi (Real Jardín Botânico de Madri). Foram obtidas 1213 coleções, entre as quais estão representadas 15 espécies de Liceales e 31 de Physarales, pertencentes às famílias Cribrariaceae (Cribraria, 6 spp.), Didymiaceae (Diachea¸1sp., Diderma, 4spp., Didymium, 2 spp.), Liceaceae (Licea, 1 sp.), Physaraceae (Badhamia, 1 sp., Craterium, 3spp., Fuligo, 1 sp., Physarella, 1 sp., Physarum, 18 spp.) e Reticulariaceae (Lycogala, 3 spp., Reticularia, 1 sp., Tubifera, 4 spp.). Todos os táxons constituem primeira referência para o estado de Sergipe. Os espécimes obtidos em culturas de fezes representam 10 morfoespécies, distribuídas nas famílias Cribrariaceae (4 spp.), Physaraceae (2 spp.), Stemonitaceae (1 sp.) e Trichiaceae (3spp.). Todas estas espécies constituem as primeiras referências sobre mixomicetos coprófilos para o Brasil. Cribraria cancellata (Batsch) Nann.-Bremek., C. microcarpa (Schrad.) Pers., Metatrichia vesparia (Batsch) Nann.-Bremek. e Physarum roseum Berk. & Broome estão sendo referidas pela primeira vez como coprófilas em âmbito mundial. A distribuição de Tubifera dimorphoteca Nann.-Bremek. & Loer. foi ampliada na América do Sul e Comatricha aff. mirabilis R. K. Benj. & Poitras, Diachea silvaepluvialis M.L. Farr, Diderma rugosum (Rex) T. Macbr., Didymium dubium Rostaf. e Physarum pulcherrimum Berk. & Ravenel, estão sendo referidas pela primeira vez para o Brasil. Com base no estudo desenvolvido na EESI, três artigos foram produzidos: o primeiro deles inicia o catálogo descritivo da mixobiota de Sergipe, com as espécies de Liceales registradas nos diferentes ambientes, o segundo trata as Physarales ocorrentes na EESI, com a apresentação de uma espécie ainda não descrita de Physarum e novas ocorrências para Sergipe e Brasil; o terceiro trata do grupo das coprófilas, ainda não explorado no país e que se revelou restrito ao ambiente de cerrado na EESI
7

Estudos dos parametros da ultrafiltração de permeado de soro de queijo fermentado Lactococcus lactis subsp. lactis.

Bronstein, Viviane 28 February 1997 (has links)
Orientador: Ranulfo Monte Alegre / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Engenharia de Alimentos / Made available in DSpace on 2018-07-21T22:34:25Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Bronstein_Viviane_M.pdf: 3278450 bytes, checksum: 55a650a0b71414aef16b8f67442f24bb (MD5) Previous issue date: 1997 / Resumo: Soro de queijo parmesão foi ultrafiltrado e o permeado, suplementado com extrato de levedura e peptona, utilizado como meio de crescimento para o microrganismo Lactococcus lactis subsp. lactis. No final da fase exponencial de crescimento, o meio de cultura fermentado - permeado e microrganismo - foi submetido a uma ultrafiltração com o objetivo de concentrar o microrganismo. Foram realizados um total de 16 processamentos diferentes, nos quais variou-se as condições iniciais da ultrafiltração, tendo sido avaliados os seguintes parâmetros: porosidade da membrana, pH, taxa de permeação e número de células viáveis no permeado e no retentado, a fim de ser estudado a influência de cada um destes parâmetros na taxa de permeação da ultrafiltração, além do estudo da concentração de células durante a ultrafiltração. As membranas utilizadas foram eficazes como meio de barragem para o microrganismo Lactococcus lactis subsp. lactis, ficando o retentado com uma média celular de 108 ufc/ml e o permeado com uma média celular de 102 ufc/ml. Foi visto que membranas de diferentes porosidades tiveram taxas de fluxo bem semelhantes. O aumento da concentração celular provocou a diminuição do fluxo. O pH também influenciou a taxa de permeação: quanto maior o pH, maior a taxa de permeação. A concentração celular do retentado dependeu, também, fortemente do pH, só sendo possível manter concentrações na faixa de 109 ufc/ml nos processamentos onde o pH da ultrafiltração foi controlado, ficando em torno de 6,0. / Abstract: Parmesan cheese whey was ultrafilltered and the permeate, which was supplemented with yeast extract and peptone, used as a growth medium for the bacteria Lactococcus lactis subsp. lactis. At the end of the exponential growth phase, the fermented growth medium was ultrafiltered to concentrate the microorganism. A total of 16 runs was done with different initial ultrafiltration conditions and were studied the following parameters: membrane porosity, celular concentration, pH and permeation rate during the ultrafiltration process. The membranes used were efficient as a mean of a barrage for the Lactococcus lactis subsp lactis. On average, the cellular concentrations were 108 CFU/mL and 102 CFU/mL for retentate and permeate, respectively. Membranes of different porosities had very similar flux rates. The increasing of cellular concentration caused a flux decrease. The pH also affected on the permeation rate, higher the pH, higher the permeation rate The retentate cellular concentration was also influenced by pH. Reaching concentrations around 109 CFU/mL was possible only when the ultrafiltration pH was controlled and maintained around 6.0. / Mestrado / Mestre em Tecnologia de Alimentos
8

Estudo da produção de bacteriocina por Enterococcus faecium em fermentação submersa

Ogrodowski, Rodenei 26 April 2001 (has links)
Orientador : Ranulfo Monte Alegre / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Engenharia de Alimentos / Made available in DSpace on 2018-07-28T00:30:44Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Ogrodowski_Rodenei_M.pdf: 13846861 bytes, checksum: d98440ff78040721ee9e56ebd0b3d8ca (MD5) Previous issue date: 2001 / Resumo: O resumo poderá ser visualizado no texto completo da tese digital / Abstract: The abstract is available with the full electronic document / Mestrado / Mestre em Engenharia de Alimentos
9

Efeito da claritromicina sobre a resistencia a antimicrobianos de estreptococos orais e estafilococos nasais de individuos sadios

Baglie, Roberta Cristiane Catelli 03 August 2018 (has links)
Orientadores: Francisco Carlos Groppo, Thales Rocha de Mattos Filho / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Odontologia de Piracicaba / Made available in DSpace on 2018-08-03T18:54:16Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Baglie_RobertaCristianeCatelli_M.pdf: 3933796 bytes, checksum: 09e30b5b36a285734555cc5231c5119f (MD5) Previous issue date: 2004 / Mestrado
10

Prospecção de antibioticos e biocatalisadores : (haloperoxidases e Baeyer-Villiger monoxigenases) em microrganismos

Bicalho, Beatriz 21 November 2003 (has links)
Orientador : Anita Jocelyne Marsaioli / Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Quimica / Made available in DSpace on 2018-08-03T22:28:02Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Bicalho_Beatriz_D.pdf: 3581129 bytes, checksum: 0daf3d0134ed88a56cc85347b96e659b (MD5) Previous issue date: 2003 / Resumo: o presente trabalho foi organizado em 3 partes. A primeira delas compreende a investigação por compostos antimicrobianos em extratos de metabólitos secundários de 15 fungos filamentosos isolados de abelhas (Trigona sp.). A aplicação dos ensaios de bioautografia e concentração inibitória mínima (CIM) à monitorização da atividade biológica resultou no isolamento de 4 substâncias conhecidas, sendo 2 quinonas isoméricas (coclioquinona A e isococlioquinona A) de Drechslera dematioidea CCT 5631 e 2 dodecalactonas análogas (curvularina e E-desidrocurvularina) de Curvularia eragrostidis CCT 5634 e de Curvularia pallescens CCT 5654, as quais, em geral, apresentaram valores de CIM altos, relativamente a antibióticos padrão (cloranfenicol, ciclopiroxolamina). A segunda parte do trabalho trata da investigação por haloperoxidases (HPOs) e por Baeyer-Villiger monoxigenases (BVMOs) em diferentes microrganismos. A atividade de HPO não foi detectada nos experimentos realizados, os quais foram realizados com o indeno como substrato. Em contrapartida, utilizando cicloexanonas, BVMOs foram detectadas em Geotrichum candidum CCT 1205, Rhodotorula glutinis CCT 2182 e Rhodotorula minuta CCT 1751, ainda que nas reações com estes últimos os porcentuais de conversão do substrato tenham sido baixos (:::; 10%) relativamente a G. candidum CCT 1205 (60 - 90%). O monitoramento de reações de biotransformação simultâneas (mais de 1 substrato por microrganismo) foi introduzido com sucesso nesta etapa do trabalho, representando uma primeira ação de otimização do processo de triagem de biocatalisadores em microrganismos. A terceira e última parte do trabalho focaHsou a implementação de triagens para biocatalisadores baseadas em fluorescência. Os experimentos realizados proporcionaram detecçoes inéditas de BVMO em Trichosporon cutaneum CCT 1903 e de epóxido hidrolases em Pichia stipitis CCT 2617, T. cutaneum CCT 1903 e em Agrobacterium tumefaciens CCT 6515 / Abstract: The present research work has been organized in 3 parts. The first of them regards the search for antimicrobial compounds among the secondary metabolites of 15 filamentous fungi isolated from bees (Trigona sp.). Bioactivity-guided compound isolation by bioautography and minimum inhibitory concentration (MIC) assays afforded 4 known substances, namely 2 isomeric quinones, cocchlioquinone A and isococchlioquinone A, from Orechslera dematioidea CCT 5631 and 2 analogous dodecalactones, curvularin and E-dehydrocurvularin, from Curvularia eragrostidis CCT 5634 and Curvularia pallescens CCT 5654, which in general presented high MIC values compared to standard compounds (chloranphenicol, cyclopiroxolamine). The second part refers to the search for haloperoxidases (HPOs) and Baeyer-Villiger monooxygenases (BVMOs) in microorganism whole cells. Unfortunately, no HPO activity was detected in the reactions with indene as substrate. On the other hand, in the reactions with cyclohexanones BVMOs were detected in Geotrichum candidum CCT 1205, Rhodotorula glutinis CCT 2182 and Rhodotorula minuta CCT 1751, although the porcentual conversions provided by the latter were reasonably low (:::; 10%) compared to G. candidum CCT 1205 (60 - 90%). Simultaneous monitoring several biotransformation reactions (more than 1 substrate for a microorganism) was successfully introduced in this section as a first step towards screening process optimization. The third and last part of the present work concerns microtiter plate reactions aimed at detecting BVMOs by high throughput screening based on fluorescence. The experiments performed for establishing assay conditions provided the first detection of a BVMO in Trichosporon cutaneum CCT 1903. Additionally, experiments performed in parallel provided the first detection of epoxide hydrolases in Pichia stipitis CCT 2617, T. cutaneum CCT 1903 and in Agrobacterium tumefaciens CCT / Doutorado / Quimica Organica / Doutor em Quimica

Page generated in 0.0371 seconds