• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 288
  • 12
  • 3
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 306
  • 306
  • 104
  • 103
  • 89
  • 39
  • 38
  • 38
  • 30
  • 30
  • 29
  • 27
  • 27
  • 26
  • 26
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Investigação do desempenho ortográfico de universitários

Kusner, Rosa Lise de Sousa January 2006 (has links)
Made available in DSpace on 2013-08-07T19:08:56Z (GMT). No. of bitstreams: 1 000348320-Texto+Completo-0.pdf: 386261 bytes, checksum: 15c9929d26c399f256772a20c18a5319 (MD5) Previous issue date: 2006 / Foram elaborados dois artigos para a composição da dissertação de mestrado. No primeiro, foi realizada uma revisão da literatura sobre leitura e escrita, com ênfase no processo de aquisição das normas ortográficas. Através da análise dos modelos cognitivos de leitura e escrita. Percebe-se, que tais modelos podem ser pensados de forma cooperativa e não de forma excludente, como aparece em algumas discussões. Também expuseram-se algumas pesquisas para exemplificar os processos de aquisição e desenvolvimento da escrita ortográfica. Concluiu-se que o conhecimento produzido nesta área, nos últimos anos, pode auxiliar num planejamento educacional mais adequado e eficiente para o ensino da ortografia. O segundo artigo se propôs a realizar uma pesquisa sobre o Desempenho Ortográfico de Universitários, devido as queixas da academia e da sociedade quanto ao mal desempenho dos mesmos. Procurou identificar tipos de erros ortográficos cometidos, através da tarefa de ditado. Os resultados apontam para necessidade do desenvolvimento de estratégias educacionais, para evitar s e corrigir os erros ortográficos, ainda no Ensino Fundamental e Médio, para que não cheguem na universidade cometendo erros não compatíveis com a escolaridade.
2

Ergonomia e internet : a competência como suporte à construção de componentes de navegação

Carvalho Filho, Juarez Solino de 27 February 2007 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, 2007. / Submitted by mariana castro (nanacastro0107@hotmail.com) on 2009-12-14T14:42:18Z No. of bitstreams: 1 2007_JuarezSolinodeCarvalhoFilho.pdf: 3068302 bytes, checksum: b6d44100662a539146e1179c806d2879 (MD5) / Approved for entry into archive by Lucila Saraiva(lucilasaraiva1@gmail.com) on 2009-12-16T22:34:17Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2007_JuarezSolinodeCarvalhoFilho.pdf: 3068302 bytes, checksum: b6d44100662a539146e1179c806d2879 (MD5) / Made available in DSpace on 2009-12-16T22:34:17Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2007_JuarezSolinodeCarvalhoFilho.pdf: 3068302 bytes, checksum: b6d44100662a539146e1179c806d2879 (MD5) Previous issue date: 2007-02-27 / A crescente informatização e utilização estratégica da Internet têm demandado mais atenção ao fenômeno da interação humano-computador. Facilitar essa interação pode significar a possibilidade ou não de o usuário lograr êxito em sua navegação. Para a Ergonomia a facilidade de uso passa pela incorporação de características na interface, que privilegiem as competências dos usuários, tornando-se fundamental conhecê-las. O presente estudo teve por objetivo avaliar se um menu construído a partir das representações do público-alvo para o qual foi concebido aumenta a sua probabilidade de utilização e a efetividade da navegação. O estudo foi realizado com o sítio Internet, que disponibiliza informações dos programas sociais. O delineamento metodológico do trabalho adotou como fio condutor a análise da atividade e foi realizado em três etapas. Na primeira, por meio de análise intrínseca e extrínseca, buscou-se identificar proposições que aproximassem a lógica e estruturação da interface às necessidades e competências dos usuários. Na segunda, foram elaborados ícones para a construção de um novo menu que pudesse favorecer a navegação. Na terceira este novo componente foi validado. Os resultados, à luz da Ergonomia Cognitiva, apontaram mudanças em relação ao uso do novo menu, quando comparadas as condições de estudo (Etapas 1 e 3). No bojo da discussão vislumbrou-se a possibilidade de concepção de interfaces eletrônicas compatíveis com as competências de seus usuários, de forma a facilitar a navegação. A conclusão reforça que o caminho para a simplificação da relação homem-sistema-tarefa, passa pela adoção de práticas de re-concepção de interfaces e sistemas que busquem compatibilizar as estruturas de navegação e sua lógica às competências do público-alvo. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT / The increasing of informatics and use of Internet has requested more attention for the phenomenon of the human-computer interaction. Making easy this interaction means the possibility or not the user being successes in his/her navigation. For Ergonomics, the easiness of use goes through the incorporation of some features on the interface that favors the user´s competencies, becoming important knowing them. This present study aims at verifying if some site on internet, that places information about social programs, makes easy its target user’s interaction. It aims at investigating if a new navigation feature, developed by the user’s representations, increases the probability of use and the effectiveness of the navigation. The methodological outline has adopted the analyses of the navigation activity as the main stream and it was developed in three stages. In the first one, it aimed at identifying some propositions which make the logic and structure of the interface close to the users needs and competencies through the intrinsic an extrinsic analysis. In the second one, some icons were developed to the construction of a new menu that has the capability to improve the navigation. And the third stage, this feature was validated. In the view of Cognitive Ergonomics, the finds pointed changes in relation to the use of the new menu when the conditions of the study have been matched (stages 1 and 3). During the discussion, the possibility of electronic interface conception compatible with user’s competencies has been lightened in order to make the navigation easer. The conclusion shows up the way for making easy the relation task-human-system goes through the adoption of some re-conception interfaces and systems practices that objectives making compatible the navigation structure and its logic to the target user’s competencies.
3

Estudos de especificação tecnológica e de replicação para ambientes com economia da experiência / Tecnological specification and replication studies for experience enviroment

Sampaio, Luiz Phillipy Moreira 05 1900 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Tecnologia, Departamento de Engenharia Elétrica, 2007. / Submitted by Fernanda Weschenfelder (nandaweschenfelder@gmail.com) on 2010-01-04T18:52:59Z No. of bitstreams: 1 2007_LuizPhillipyMoreiraSampaio.pdf: 2061101 bytes, checksum: 96dcb106e9ed8359e62a974cca79671b (MD5) / Approved for entry into archive by Carolina Campos(carolinacamposmaia@gmail.com) on 2010-01-05T18:18:05Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2007_LuizPhillipyMoreiraSampaio.pdf: 2061101 bytes, checksum: 96dcb106e9ed8359e62a974cca79671b (MD5) / Made available in DSpace on 2010-01-05T18:18:05Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2007_LuizPhillipyMoreiraSampaio.pdf: 2061101 bytes, checksum: 96dcb106e9ed8359e62a974cca79671b (MD5) Previous issue date: 2007-05 / Esse trabalho visa realizar um estudo que permita a duplicação de um laboratório usado para atividades baseadas na Economia da Experiência, observando aspectos ligados ao envolvimento dos sentidos e a utilização de novas tecnologias de reprodução sonora e visualização de mídias. A Economia da Experiência propõe uma forma de desenvolvimento de experiências memoráveis, associando quatro domínios fundamentais: estética, entretenimento, escapista e educação. Além disto, propõe que o envolvimento dos sentidos e a interação homem - máquina também sejam fatores relevantes para a melhor absorção. Este trabalho foi baseado em estudos longitudinais realizados ao longo de dois anos, com aplicação de questionários em uma atividade, que ocorre neste laboratório denominada SuperAção Empreendedora. Os dados coletados permitiram avaliar os aspectos técnicos relativos a sistemas de reprodução acústica, distribuição de espaços, projeção multimídia, rede lógica e iluminação do ambiente. Ao final do trabalho é feita uma analise das experiências construídas para o laboratório, dando ênfase aos aspectos importantes na criação de experiências memoráveis e replicação deste ambiente. __________________________________________________________________________________________ ABSTRACT / This work is intended to do a research about a new project of an existent laboratory whose objective was to involve people on memorable events based on the Experience Economics. The research takes into consideration aspects like acoustics, multimedia projection and the human senses involvement. According to the Experience Economics, the memorable event is made by take into account four domains: Education, Entertainment, Escapist and Esthetics; In addition the use of the senses on the activities is important too. All the data used was collected by an application of questionnaires since 2004. It was about one thousand of people that have responded those questions. These questionnaires were applied during the SuperAção Empreendedora game. At the end of that work, an analysis was made recommending some tips about the laboratory replication and experiences activities design.
4

Um núcleo de segurança da informação : estudo ergonômico

Bruno, Thiers Carlos Moreira 10 September 2010 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Humanas, Departamento de Serviço Social, Programa de Pós-Graduação em Política Social, 2010. / Submitted by Luiza Moreira Camargo (luizaamc@gmail.com) on 2011-06-21T19:06:30Z No. of bitstreams: 1 2010_ThiersCarlosMoreiraBruno.pdf: 846447 bytes, checksum: d928adb15b02b2691dce1c7d3c1ad9c9 (MD5) / Approved for entry into archive by Guilherme Lourenço Machado(gui.admin@gmail.com) on 2011-06-22T13:22:36Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2010_ThiersCarlosMoreiraBruno.pdf: 846447 bytes, checksum: d928adb15b02b2691dce1c7d3c1ad9c9 (MD5) / Made available in DSpace on 2011-06-22T13:22:36Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2010_ThiersCarlosMoreiraBruno.pdf: 846447 bytes, checksum: d928adb15b02b2691dce1c7d3c1ad9c9 (MD5) / Este estudo examina a atividade dos operadores de um núcleo de prevenção e combate a incidentes da segurança da informação de uma organização bancária. Utiliza o referencial teórico da ergonomia e da psicologia cognitiva. O método é o da análise ergonômica do trabalho. Direciona o seu foco ao exame da dimensão cognitiva da situação de trabalho. Identifica aspectos como a incompletude da tarefa e o modelo de concepção tecnocêntrico do artefato tecnológico. A partir das verbalizações, identifica representações e estratégias operatórias utilizadas na regulação da variabilidade e da pressão temporal. Ordena 45.142 decisões dos operadores, categorizadas conforme a teoria da detecção de sinais e testa a existência de correlação entre as proporções de incidentes (indiretamente associadas às cargas cognitivas demandadas ao operador) e de decisões do tipo falso-positivo e/ou falso-negativo. O estudo demonstrou existir associação positiva entre as proporções de incidentes e de decisões do tipo falso-positivo. Por outro lado, esta associação não pode ser observada em relação às decisões do tipo falso-negativo. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT / This study examines the activity of the operators of a nucleus aimed at preventing and combating the information security incidents of a banking organization. The work utilizes the theoretical framework of cognitive psychology and ergonomics. The method is that of workplace ergonomic analysis. Its focus is directed towards examining the cognitive dimension of the work environment. It identifies aspects such as task incompleteness and the technocentric concept model of the technological artifact. Starting from verbalizations, it identifies the representations and operational strategies used in the regulation of variability and time pressure. It categorizes 45.142 operator decisions according to the theory of signal detection, and tests the correlation between incident proportions (indirectly associated with the cognitive loads demanded from the operator) and the decisions of the false-positive (alarm) and / or false-negative (error) types. The study demonstrated the existence of a positive association between the incident proportions and the false-positive decisions. However, this association could not be observed in relation to decisions of the false-negative type.
5

Efeito do pareamento da morfina i.p. com os braços abertos do Labirinto em Cruz Elevado : um novo modelo para o estudo de adicção a drogas?

Fava, Virgínia Maria Dalfior 04 1900 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, Departamento de Processos Psicológicos Básicos, Programa de Pós-Graduação em Ciências do Comportamento, 2009. / Submitted by Jaqueline Ferreira de Souza (jaquefs.braz@gmail.com) on 2010-04-01T11:42:55Z No. of bitstreams: 1 2009_VirginiaMariaDalfiorFava.pdf: 1099973 bytes, checksum: 6099e66ad3f155e8f8aba0aa899cdee9 (MD5) / Approved for entry into archive by Daniel Ribeiro(daniel@bce.unb.br) on 2010-04-06T16:10:34Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2009_VirginiaMariaDalfiorFava.pdf: 1099973 bytes, checksum: 6099e66ad3f155e8f8aba0aa899cdee9 (MD5) / Made available in DSpace on 2010-04-06T16:10:34Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2009_VirginiaMariaDalfiorFava.pdf: 1099973 bytes, checksum: 6099e66ad3f155e8f8aba0aa899cdee9 (MD5) Previous issue date: 2009-04 / O Labirinto em Cruz Elevado foi adaptado para avaliar os efeitos do pareamento entre a administração de morfina e um ambiente previamente aversivo, a partir de um procedimento de preferência por lugar condicionado. Propõe-se um novo procedimento experimental que permita verificar a influência de outras variáveis ambientais e de outras propriedades farmacológicas na aquisição da adicção a drogas, além daquelas avaliadas pelos modelos de auto-administração e de preferência por lugar condicionado. Setenta e dois ratos foram divididos em seis grupos. Cinco grupos foram administrados com solução de morfina (0,0; 0,3; 1,0; 5,0 e 10,0 mg/kg) ou de salina, e confinados aos braços abertos ou aos braços fechados do labirinto, respectivamente (20 minutos), durante quatro dias consecutivos e alternados, de forma a expor o animal uma vez a cada braço. O sexto grupo de animais recebeu apenas injeção de salina durante os quatro dias de condicionamento, sem exposição ao labirinto. No quinto dia, todos os animais foram colocados no teste-padrão de cinco minutos do labirinto. Os resultados mostraram que a exposição aos braços do labirinto, sem a administração da droga, diminui a exploração dos braços abertos, indicando o aumento da aversão a esses compartimentos. Esse efeito é prevenido pelo condicionamento com morfina nas doses de 1,0 e 5,0 mg/kg, que também produzem preferência por lugar condicionado no modelo padrão, mas não na dose ansiolítica de 0,3 mg/kg. Esses resultados sugerem que esse procedimento pode ser empregado para o estudo da adicção, na medida em que ele permite a verificação dos efeitos reforçadores da administração de drogas. As principais vantagens desse modelo são: (1) a perspectiva etológica do procedimento, ao avaliar uma resposta relacionada à aversão determinada filogeneticamente, e (2) a avaliação da adicção em contextos onde estão presentes estímulos aversivos. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT / The Elevated Plus-Maze was adapted to assess the effects of the association between morphine administration and a previous aversive environment, in a Conditioned Place Preference procedure. This is a proposal of a new experimental procedure that can assess other environmental variables and other pharmacological functions effects of addiction, which cannot be assessed by self-administration and conditioned place preference models. Seventy two rats were divided into six groups. Five groups were administrated with morphine solution (0,0; 0,3; 1,0; 5,0 and 10,0 mg/kg) or saline and exposed to the maze open arms or closed arms, respectively, in four consecutive alternated days, in a manner that each animal was exposed to each maze arm. The sixth group of animals was just administrated with saline during the four conditioning days, without exposition to the maze. At the fifth day, all groups were exposed to the maze five minutes test. As a result, the exposition to the maze arms, without the drug administration, reduced the open arms exploring, which suggests that the aversion elicited by these compartments have enlarged. This effect is prevented by the morphine conditioning in doses of 1,0 and 5,0 mg/kg, that cause conditioned place preference at the pattern model, but is not prevented in the anxiolytic dose of 0,3 mg/kg. These results indicate that this procedure might be employed in addiction studies, because it can be used to assess the reinforcing effects of drugs administration. The model proposed main advantages are: (1) the procedure ethologic perspective, because it is analyzed an aversion related and genetically determined behavior; and (2) the addiction study in a context where aversive stimuli are presented.
6

Aprendizagem de comportamento conceitual : influência do tipo de variação dos estímulos positivos e negativos

Melo, Raquel Maria de January 2001 (has links)
Tese (doutorado)-Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, 2001. / Submitted by Suelen Silva dos Santos (suelenunb@yahoo.com.br) on 2010-12-10T17:34:51Z No. of bitstreams: 1 2001_RaquelMariaDeMelo.pdf: 1965390 bytes, checksum: fb279bc901603a2a82e72891772c47e7 (MD5) / Approved for entry into archive by Daniel Ribeiro(daniel@bce.unb.br) on 2010-12-14T21:55:21Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2001_RaquelMariaDeMelo.pdf: 1965390 bytes, checksum: fb279bc901603a2a82e72891772c47e7 (MD5) / Made available in DSpace on 2010-12-14T21:55:21Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2001_RaquelMariaDeMelo.pdf: 1965390 bytes, checksum: fb279bc901603a2a82e72891772c47e7 (MD5) / Relatos de aprendizagem de discriminações sem erros referem-se a procedimentos com modificação gradual de estímulos nas tentativas de treino. Estes treinos com estímulos que diferem em cada passo podem ser analisados como um conjunto de diferentes treinos discriminativos, o qual é similar às contingências utilizadas para estabelecer comportamento conceituai. Não se sabe ainda até que ponto a modificação é necessária para a aprendizagem discriminativa, uma vez que não se manipulou independentemente a forma de variação dos estímulos e nem se efetuou os testes necessários. Esta pesquisa verificou a relação entre o tipo de modificação de estímulos e a aquisição de discriminações de posição simples e condicional. Quinze crianças de 4-6 anos de idade foram expostas a tarefas de discriminação de posição simples (dentro, em cima, esquerda) programadas em um computador Macintosh. O tipo de modificação de estímulos foi variado em três condições experimentais, com a ordem contrabalanceada entre os grupos de cinco crianças. Em cada condição foi treinada uma posição com uma das formas de modificar os estímulos nos passos de treino: Mudança Gradual - MG (S e S" foram modificados gradualmente ao longo dos passos), Modificação Não Gradual - MNG (S e S" foram modificados de maneira não gradual ao longo dos passos), Sem Modificação - SM (S e S" foram sempre apresentados nas suas formas finais). Em cada tentativa de treino, a criança deveria escolher o estímulo composto no qual o elemento relacionai estava em uma determinada posição (dentro/em cima/esquerda) em relação ao elemento de referência. Somente as escolhas corretas foram reforçadas. Cada condição foi composta por três treinos com o mesmo tipo de mudança de estímulos e posição. Entre os treinos, foram realizados testes de discriminação simples e cada condição foi finalizada com um teste de discriminação condicional. Os pré-testes e pós-testes de discriminação simples e condicional foram programados para o início e o final do experimento. Em geral, a porcentagem de respostas corretas nos treinos foi maior do que 80% para todas as condições e o número de erros tendeu a decrescer ao longo dos diferentes treinos em cada condição. Um número pequeno ou nulo de erros ocorreu durante os treinos das condições MG e MNG. Os erros foram mais freqüentes durante o primeiro treino SM, mas diminuíram nos treinos subseqüentes para níveis similares ou inferiores aos das outras condições. As porcentagens de respostas corretas, durante os testes de discriminação simples da condição SM, foram maiores do que nas condições MG e MNG. No teste de discriminação condicional, apenas três crianças apresentaram escores superiores ao nível do acaso. Entretanto, as crianças escolheram sistematicamente os estímulos de treino S durante a condição SM, mesmo quando o modelo foi um estímulo de treino S". Os resultados sugerem que somente a modificação gradual ou a apresentação de pares diferentes de estímulos não é suficiente para estabelecer controle por dimensões relevantes dos estímulos. O número de vezes que o comportamento é reforçado na presença de estímulos que diferem somente quanto à dimensão relevante foi uma variável importante para a aquisição de comportamento conceituai. A condição de treino SM foi a mais efetiva para estabelecer discriminações de posição, entretanto, por produzir erros recorrentes, a sua utilização não tem sido freqüentemente sugerida para o ensino de crianças com dificuldades de aprendizagem. Estudos futuros devem avaliar a generalidade destes dados para crianças com necessidades especiais bem como para diferentes tarefas e estímulos de discriminação. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT / Reports of errorless discrimination learning are related to procedures with gradual modification of stimuli along training trials. These training steps with stimuli differing in each one may be analyzed as a set of different discriminative training which is similar to the set of contingencies used to establish conceptual behavior. It is not know so far to what extent the gradual modification is necessary for discrimination learning since the way to vary stimuli has not been independently manipulated and the required testing has not been conducted. This research verified the relation between type of stimulus modification and the acquisition of simple and conditional position discrimination. Fifteen 4-6 years old children were exposed to simple position discrimination tasks (inside, above and left) programmed in a Macintosh computer. The type of stimulus modification was varied in three experimental conditions, with counterbalanced order between groups of five subjects. In each condition one position was trained with one of the ways to modify stimuli along the training steps: gradual change - MG (S and S" were changed along the steps), non-gradual change - MNG (S and S" were not gradually changed along the steps), no change - SM (S and S" were always in their final forms). In every trail of training, the child should choose the compound stimulus in which the relational element was in the specified position (inside/above/left) in relation to the element of reference. Only the correct choices were reinforced. Each condition was composed of three training with the same type of stimulus change and position. Between the training, tests of simple discrimination were conducted and a conditional discrimination testing ended each condition. Pretests and posttests of simple and conditional discrimination were programmed in the beginning and at the end of the experiment. In general, the percentage of correct responses during the training was greater than 80% for ali conditions and the number of errors tended to decrease along different trainings of each condition. Few or no errors occurred during the training in conditions MG and MNG. Errors were more frequent during the first training of SM, but decreased during the following testing to similar or lower leveis of other conditions. Percentages of correct responses during simple discrimination tests of SM condition were higher than in MG and MNG conditions. In the test of conditional discrimination, only four children presented scores higher than chance levei. However, children systematically chose S training stimuli during SM condition, even when the sample was an S" training stimulus. Results suggest that gradual modification alone or the presentation of different pairs of stimulus is not sufficient to establish control by the relevant stimulus dimension. The number of times that the behavior is reinforced in the presence of stimuli which differ on the relevant dimension only, was an important variable for the acquisition of the conceptual behavior. The training of SM condition was the most effective to establish discriminations of position although, since it may produce recurrent errors, it has not often been suggested for teaching children with learning difficulties. Future studies must evaluate the generality of these fmdings for children with special needs as well as for different discrimination task and stimuli.
7

Bateria montreal-toulouse de avaliação da linguagem: evidências de validade e de fidedignidade com adultos saudáveis e com lesão cerebral unilateral com e sem afasia

Pagliarin, Karina Carlesso January 2013 (has links)
Made available in DSpace on 2013-08-07T19:09:00Z (GMT). No. of bitstreams: 1 000449212-Texto+Parcial-0.pdf: 2913871 bytes, checksum: 1b5c92db8b6cb9f3e32d917f83605009 (MD5) Previous issue date: 2013 / The Montreal-Toulouse Language Assessment Battery (MTL-BR) has been adapted, extensively revised and redesigned from French to Brazilian Portuguese to assess components of spoken and written language, praxis and mathematical ability after brain injury. The aim of this thesis was to collect evidence toward the validity and reliability of this instrument, verifying the role of age, education, aphasia and unilateral brain injury on performance in the MTL-BR Battery through three empirical studies. The first study aimed at analyzing the effects of age and education on the performance of 463 healthy adults in the MTL-BR, so as to contribute to normative data. Mean group scores were compared using a two-way ANOVA with post-hoc Bonferroni tests. Descriptive analyses for the normative data were also conducted. The second study looked for evidence toward the construct/convergent validity and reliability of the instrument in clinical and non-clinical adults. Test-retest reliability (correlation and repeated measure) and internal consistency (Cronbach’s alpha) were analyzed. Validity was analyzed by correlating performance across subtests. The third study investigated criterion-related validity. One hundred and four adults divided into clinical (with three groups: left hemisphere damaged – LHD with aphasia, LHD without aphasia and right hemisphere damaged -RHD) and control (healthy adults) groups participated in this study. Performance was compared between groups with a one-way ANCOVA with depression as a covariate, and post-hoc Bonferroni tests. Both education and age influenced performance in the MTL-BR Battery, but the effect of education was more important.The MTL-BR Battery presented adequate indicators of reliability and validity, adequate internal reliability and testretest correlations, as well as satisfactory correlations with similar instruments. As expected, patients with aphasia had lower scores than controls on all tasks except in the spoken word comprehension subtask. The LHD group without aphasia underperformed the control group only in phonological verbal fluency. There were no significant differences in any subtasks between LHD patients without aphasia and RHD, or RHD versus controls. The findings of all three studies suggested that the MTL-BR has adequate external validity. The data obtained contribute to clinical assessment of aphasia in Brazil and to reflections upon the implications of linguistic-communicative changes on diagnosis and rehabilitation. / A Bateria Montreal-Toulouse de Avaliação da Linguagem (Bateria MTL-BR) é um instrumento adaptado e amplamente revisado e reformulado do Francês para o Português Brasileiro para avaliar o funcionamento de diferentes componentes de linguagem oral e escrita, de praxias e de calculias, após lesão cerebral. Esta tese objetivou buscar evidências de validade e de fidedignidade verificando-se o papel da idade, da escolaridade, da afasia e da lesão cerebral unilateral no desempenho da MTL-BR por meio de três estudos empíricos. O primeiro estudo visou a analisar os efeitos de idade e da escolaridade no desempenho linguístico de 463 indivíduos adultos neurologicamente saudáveis na Bateria MTL-BR, procurando contribuir com dados normativos. Os escores médios foram comparados entregrupos por uma two-way ANOVA, com procedimento post-hoc Bonferroni, além de análises descritivas para normas. O segundo estudo avaliou evidências de validade de construto/convergente e de fidedignidade do instrumento em amostras clínicas e neurologicamente saudáveis. A fidedignidade foi analisada a partir das técnicas teste-reteste (correlação e medidas repetidas) e consistência interna (alpha de Cronbach). Quanto à validade, analisaram-se correlações entre desempenhos de diferentes tarefas de exame da linguagem. O terceiro estudo averiguou evidências de validade com relação a critérios externos clínicos. Participaram deste estudo 104 adultos, divididos em quatro grupos: clínicos (com três subgrupos, indivíduos com lesão de hemisfério direito - LHD, lesão de hemisfério esquerdo - LHE - sem afasia e LHE com afasia) e controle (sem lesão neurológica).Compararam-se desempenhos médios entre grupos pelo teste ANCOVA One-way, tendo o nível de depressão como covariante, com post-hoc Bonferroni. A escolaridade e a idade influenciaram no desempenho da Bateria MTL-BR, sendo que o efeito da educação foi mais importante. A Bateria MTL-BR apresentou adequados indicadores de fidedignidade e validade, adequadas confiabilidade interna e correlações teste-reteste, além de ter boa correlação com o desempenho de instrumentos semelhantes. Conforme esperado, pacientes com afasia apresentaram escores inferiores aos controles em todas as tarefas, exceto na subtarefa de compreensão oral de palavras. O grupo LHE sem afasia apresentou desempenho inferior ao grupo controle apenas na tarefa de fluência verbal fonológica. Os grupos clínicos LHD e LHE sem afasia não diferenciaram entre si em nenhuma tarefa, assim como LHD de controles. Os achados dos três estudos sugeriram índices de validade por relação com variáveis externas. Os dados obtidos contribuem para avaliação clínica de afasiologia brasileira, para a reflexão sobre implicações diagnósticas e de reabilitação de alterações linguístico-comunicativas.
8

Estresse e desempenho em concursos públicos

José, Fernando Elias Machado January 2012 (has links)
Made available in DSpace on 2013-08-07T19:08:47Z (GMT). No. of bitstreams: 1 000448390-Texto+Completo-0.pdf: 744948 bytes, checksum: d3dbf13e2aaf02e11ac7cff94d138c5f (MD5) Previous issue date: 2012 / This dissertation consists of two studies, one theoretical and one empirical, presented in the form of articles. The overall objective of this study was to investigate the association between symptoms of stress and performance in public concourses. The first paper is a theoretical review of stress, stressors, stress response, stress and memory and performance, including concepts and relations between them. The empirical article was of an applied nature, with a quantitative approach, with a descriptive objective and a transverse delineation. It was found that among candidates for the examination of the Order of Lawyers of Brazil, Rio Grande do Sul sectional, evaluated before the first stage of the concourse, had a higher approval rate younger candidates and that the stress level was not significant between the approved and disapproved, but the stress phase in which they were. / Esta dissertação é composta de dois estudos, sendo um teórico e um empírico, apresentados na forma de artigos. O objetivo geral do trabalho foi investigar a associação entre sintomas de estresse e desempenho em concursos públicos. O primeiro artigo consiste em uma revisão teórica sobre estresse, estressores, resposta de estresse, memória e estresse e desempenho, incluindo conceitos e relações entre eles. O artigo empírico foi de natureza aplicada, com abordagem quantitativa, objetivo descritivo e delineamento transversal. Constatou-se que, entre os candidatos ao exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), seccional Rio Grande do Sul, avaliados antes da primeira fase do concurso, obtiveram um maior índice de aprovação os candidatos mais jovens e que o nível de estresse não foi significativo entre os aprovados e reprovados, mas sim a fase de estresse em que eles estavam. Os resultados deste estudo sugerem que, ao menos na primeira fase do exame da OAB, candidatos aprovados apresentaram tendência a ser mais jovens e apresentar mais indicativos de transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH), mas sem diferenças quanto à presença de estresse em relação aos candidatos reprovados.
9

A implementação de jogos de regras no cotidiano escolar como forma de estimulação das funções executivas

Taboada, Nina Garcia 24 October 2012 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Psicologia, Florianópolis, 2009 / Made available in DSpace on 2012-10-24T12:50:52Z (GMT). No. of bitstreams: 1 269450.pdf: 2140999 bytes, checksum: 0100b56661c11921e060a69e8a46a8f7 (MD5) / Diversos autores advindos da Psicologia e Neurociência Cognitiva demonstram que as Funções Executivas são essenciais para o desenvolvimento de habilidades necessárias para uma boa performance escolar. Funções Executivas (F.E.) podem ser compreendidas como um conjunto de habilidades importantes para o estabelecimento e cumprimento de metas, planejamento e resolução de problemas. O presente estudo procurou demonstrar a eficácia dos jogos de regras como método eficaz para o desenvolvimento e aprimoramento das F.E. através da aplicação sistematizada e observações individualizadas de escolares. Foram realizados cerca de 11 encontros com 32 crianças de séries diversificadas (1º ano, terceira e quinta série do Ensino Fundamental), onde jogos de regras foram utilizados. Foi criada uma Ficha de Avaliação Individual (FAI) para que comportamentos indicativos das F.E. pudessem ser avaliados. Foi demonstrado que os encontros auxiliaram no desenvolvimento das F.E. na maioria dos participantes, bem como o fato das FAI´s serem instrumentos úteis para o acompanhamento do desenvolvimento da criança durante as atividades, e até como ferramenta diagnóstica para possíveis dificuldades de aprendizagem. A partir dos resultados encontrados são sugeridos novos estudos, com algumas correções metodológicas necessárias para o desenvolvimento de estudos científicos mais específicos na área.
10

Análise da relação entre a capacidade cognitiva e a ocorrência dos vieses cognitivos da representatividade no julgamento

Lucena, Edzana Roberta Ferreira da Cunha Vieira 23 February 2015 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Universidade Federal da Paraíba, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Programa Multi-Institucional e Inter-Regional de Pós-Graduação em Ciências Contábeis, 2015. / Submitted by Albânia Cézar de Melo (albania@bce.unb.br) on 2015-04-30T16:04:01Z No. of bitstreams: 1 2015_EdzanaRobertaFerreiraCunhaVieiraLucena.pdf: 3168079 bytes, checksum: 58face1b469339d13ab9268a91dd2d21 (MD5) / Approved for entry into archive by Guimaraes Jacqueline(jacqueline.guimaraes@bce.unb.br) on 2015-05-21T13:48:50Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2015_EdzanaRobertaFerreiraCunhaVieiraLucena.pdf: 3168079 bytes, checksum: 58face1b469339d13ab9268a91dd2d21 (MD5) / Made available in DSpace on 2015-05-21T13:48:50Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2015_EdzanaRobertaFerreiraCunhaVieiraLucena.pdf: 3168079 bytes, checksum: 58face1b469339d13ab9268a91dd2d21 (MD5) / Esta pesquisa tem como o objetivo investigar a influência da capacidade cognitiva na incidência dos vieses cognitivos gerados pela heurística da representatividade. Em função desse alcance, foi realizado um estudo do tipo levantamento, por meio de um questionário, com um total de 43 questões, o qual contou com uma amostra válida de 1.064 respondentes, entre estudantes de graduação em Ciências Contábeis e contabilistas, dos quais 52,7% são do sexo do masculino, 48,3% possuem graduação completa, especialização, mestrado ou doutorado e 70% residem na região Nordeste do Brasil. Como resultado tem-se que 38,1% dos respondentes apresentam uma baixa capacidade cognitiva, 42,5% demonstram média capacidade cognitiva e 19,2% apresentam alta capacidade cognitiva. Quanto à sensibilidade dos participantes aos vieses cognitivos (quais sejam: insensibilidade à taxa base, insensibilidade ao tamanho da amostra, chance de equívocos, equívocos na regressão, ilusão de validade e insensibilidade à previsibilidade), identificou-se que, para mais de 60% da amostra, há incidência de todos esses vieses no processo de julgamento e tomada de decisão e que a capacidade cognitiva influencia apenas na incidência dos vieses insensibilidade à taxa base e ilusão de validade. Em se tratando da provável interferência decorrente dos diferentes níveis de instrução em que se situam os sujeitos pesquisados, atestou-se essa implicação pela variação de médias relativas aos vieses insensibilidade à taxa base e insensibilidade ao tamanho da amostra. Registro mais incisivo faz-se em relação à diferença de gênero, que, por si só, não impactou de maneira significativa apenas nas médias do viés insensibilidade à previsibilidade. A região do país influenciou diferentemente os vieses insensibilidade à taxa base e ilusão de validade. Foi encontrada diferença entre as médias do viés insensibilidade à taxa base e ilusão de validade nos grupos com baixa, média e alta capacidade cognitiva, indicando que quanto menor a capacidade cognitiva, maior a sensibilidade do respondente ao viés, corroborando o referencial teórico. / This research has as objective to investigate the influence of the cognitive ability in the incidence of the cognitive biases generated by the heuristic of representativeness. To achieve it, a study of the survey type was conducted through a questionnaire with a total of 43 questions, which featured a valid sample of 1064 respondents, among undergraduate students in Accounting and accountants, of which 52.7 % male, 48.3% have an undergraduate degree, specialization, master’s or doctoral degree and 70% live in Northeastern Brazil. As a result it considers that 405 (38.1%) respondents have a low cognitive ability, 452 (42.5%) have average cognitive ability and 207 (19.2%) have high cognitive ability. As for the sensitivity of the participants to the cognitive biases insensitivity to base rate, insensitivity to sample size, misconceptions of chance, misconceptions of regression, illusion of validity and insensitivity to predictability, it was identified that for more than 60% of the sample, there is an incidence of all in the judgment and making process. The cognitive ability influence only in the incidence of biases insensitivity to base rate and illusion of validity. In terms of the different levels of education of the respondents, it was verified a difference of averages in biases insensitivity to base rate and insensitivity to sample size in the different levels of education. Gender didn’t impact significantly only in biases insensitivity to predictability. The region of the country influenced differently to biases insensitivity to base rate and illusion of validity. It was found a difference between the biases insensitivity to base rate and illusion of validity in the groups with low, average and high cognitive ability, indicating that the lower the cognitive ability, the greater the sensitivity of the bias respondent, confirming the theoretical framework.

Page generated in 0.0305 seconds