• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 133
  • 13
  • 12
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 161
  • 47
  • 29
  • 26
  • 24
  • 22
  • 17
  • 16
  • 14
  • 14
  • 14
  • 12
  • 12
  • 11
  • 11
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
11

A logística reversa e o tratamento de pneus inservíveis no Estado do Piauí

Viana, Lauro Oliveira 18 February 2009 (has links)
Made available in DSpace on 2019-03-29T23:21:10Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2009-02-18 / Beyond widely used, the tyres have intrinsic characteristics that limit the treatment options in the end of the useful circle life. The reverse logistics, therefore, is essential to solve the environmental impact caused by scrap tyres and in this context the main question of this work: does the reverse logistics of scrap tyres used in the state of Piauí solve the problem of local scrap tyres? The hypothesis is: the scrap tyres produced in Piauí require the expansion of the Reverse Logistics System. This study is developed through a qualitative research based on framework by De Brito and Dekker (2003), as support to the construction of the questionnaires, analysis and description of reverse channel. The objective is investigate the compatibility between the logistics system used in the state of Piauí and the production of local scrap tyres, for this the seller of tyres and those that work only in reverse channel have been researched. Only in capital, the reverse logistics framework tyres confirm the hypothesis and the solution of the problem passes by the enlargement necessity of the system to others municipalities that feasible others treatment ways of the local scrap tyres. / Os pneus, além de amplamente consumidos, possuem características intrínsecas que limitam as opções de tratamento ao final do ciclo de vida útil. A logística reversa, portanto, é fundamental para solucionar o impacto ambiental causado pelos pneus inservíveis, e neste contexto, a questão central que emerge deste trabalho é: a logística reversa de pneus inservíveis empregada no Estado do Piauí resolve o problema de descarte de pneus? A hipótese é: os pneus inservíveis gerados no Piauí exigem a expansão do atual sistema de logística reversa. O estudo constitui-se em pesquisa predominantemente qualitativa, delineada pelo framework de De Brito e Dekker (2003), como apoio à formulação dos questionários e à análise e descrição do canal reverso. O objetivo é investigar a compatibilidade entre o sistema logístico empregado no Estado do Piauí e a geração de pneus inservíveis local, para tanto, foram investigados os agentes dos canais de vendas de pneus e os que atuam apenas no canal reverso. A estruturação da logística reversa de pneus apenas na capital confirma a hipótese, e a solução do problema passa pela necessidade de ampliação do sistema para outros municípios, com base na distribuição da frota de veículos, o que viabiliza, inclusive, outras formas de tratamento dos pneus inservíveis locais.
12

Tyre noise over impedance surfaces

Bécot, François-Xavier Guyader, Jean-Louis. Kropp, Wolfgang. January 2004 (has links)
Thèse doctorat : Acoustique : INSA LYON : 2003. Thèse doctorat : Acoustique : Chalmers University of Technology, Göteborg : 2003. / Thèse soutenue en co-tutelle. Titre provenant de l'écran-titre. Le titre en français ne figure pas sur la page de titre. Bibliogr. p. 140-152.
13

Estudo laboratorial de misturas asfálticas a frio produzidas com incorporação de borracha de pneus

Clerman, Danielle de Souza January 2004 (has links)
As misturas densas, em geral, apresentaram melhores resultados com o acréscimo de borracha que as misturas semi-densas. A inclusão de borracha de pneus a pré-misturados a frio mostrou-se viável e exeqüível, consumindo grande quantidade de pneus resultando em benefícios ambientais.
14

Muro de contenção utilizando pneus : análise e alguns comparativos de custos

Souza, Antônio Nerton de January 2002 (has links)
Neste trabalho é apresentada uma forma de avaliar a estabilidade de muros de pneus e são comparadas algumas soluções em termos de custos. Foram analisadas seções transversais com alturas entre 1 e 5 metros e escolhida a conformação que melhor se adequaa ao cálculo de estabilidade. Escolhida a melhor conformação foram feitos os cálculos de estabilidade, segundo parâmetros do trabalho de Sieira (1998) no Rio de Janeiro. Dentro des sesparâmetros: altura do muro, sobrecarga do muro, inclinação do talude, inclinação do muro, ângulo de atrito interno do solo, peso específico do solo, ângulo de atrito solo-muro, peso específico solo-pneu e coesão. Foram realizados cálculos aceitando certas variações nos parâmetros, para o cálculo de estabilidade As principais conclusões que podemos ressaltar para o muro de pneus são: (a) a altura deve ficar entre 2 e 4m, onde o custo e a es tabilidade jus tificam o seu uso; (b) a sobrecarga de aterro não deve ultrapassar 1,00 m; (c) a inclinação do muro deve ser de 6 e 8º; (d) o ângulo do talude deve ser horizontal de preferência; (e) a coesão deve ser calculada na situação crítica (0 kPa ). Foram feitos estudos também para uso de pneus como muro de apoio de ponte. Sua utilização se deve não só ao custo da obra em si, mas por razões ambientais , visto que o descarte dos pneus, é um grande problema atual. O enfoque deste trabalho é bastante prático e pode ser aplicado na maioria das situações , devendo ser adaptado a cada caso particular .
15

Muro de contenção utilizando pneus : análise e alguns comparativos de custos

Souza, Antônio Nerton de January 2002 (has links)
Neste trabalho é apresentada uma forma de avaliar a estabilidade de muros de pneus e são comparadas algumas soluções em termos de custos. Foram analisadas seções transversais com alturas entre 1 e 5 metros e escolhida a conformação que melhor se adequaa ao cálculo de estabilidade. Escolhida a melhor conformação foram feitos os cálculos de estabilidade, segundo parâmetros do trabalho de Sieira (1998) no Rio de Janeiro. Dentro des sesparâmetros: altura do muro, sobrecarga do muro, inclinação do talude, inclinação do muro, ângulo de atrito interno do solo, peso específico do solo, ângulo de atrito solo-muro, peso específico solo-pneu e coesão. Foram realizados cálculos aceitando certas variações nos parâmetros, para o cálculo de estabilidade As principais conclusões que podemos ressaltar para o muro de pneus são: (a) a altura deve ficar entre 2 e 4m, onde o custo e a es tabilidade jus tificam o seu uso; (b) a sobrecarga de aterro não deve ultrapassar 1,00 m; (c) a inclinação do muro deve ser de 6 e 8º; (d) o ângulo do talude deve ser horizontal de preferência; (e) a coesão deve ser calculada na situação crítica (0 kPa ). Foram feitos estudos também para uso de pneus como muro de apoio de ponte. Sua utilização se deve não só ao custo da obra em si, mas por razões ambientais , visto que o descarte dos pneus, é um grande problema atual. O enfoque deste trabalho é bastante prático e pode ser aplicado na maioria das situações , devendo ser adaptado a cada caso particular .
16

Muro de contenção utilizando pneus : análise e alguns comparativos de custos

Souza, Antônio Nerton de January 2002 (has links)
Neste trabalho é apresentada uma forma de avaliar a estabilidade de muros de pneus e são comparadas algumas soluções em termos de custos. Foram analisadas seções transversais com alturas entre 1 e 5 metros e escolhida a conformação que melhor se adequaa ao cálculo de estabilidade. Escolhida a melhor conformação foram feitos os cálculos de estabilidade, segundo parâmetros do trabalho de Sieira (1998) no Rio de Janeiro. Dentro des sesparâmetros: altura do muro, sobrecarga do muro, inclinação do talude, inclinação do muro, ângulo de atrito interno do solo, peso específico do solo, ângulo de atrito solo-muro, peso específico solo-pneu e coesão. Foram realizados cálculos aceitando certas variações nos parâmetros, para o cálculo de estabilidade As principais conclusões que podemos ressaltar para o muro de pneus são: (a) a altura deve ficar entre 2 e 4m, onde o custo e a es tabilidade jus tificam o seu uso; (b) a sobrecarga de aterro não deve ultrapassar 1,00 m; (c) a inclinação do muro deve ser de 6 e 8º; (d) o ângulo do talude deve ser horizontal de preferência; (e) a coesão deve ser calculada na situação crítica (0 kPa ). Foram feitos estudos também para uso de pneus como muro de apoio de ponte. Sua utilização se deve não só ao custo da obra em si, mas por razões ambientais , visto que o descarte dos pneus, é um grande problema atual. O enfoque deste trabalho é bastante prático e pode ser aplicado na maioria das situações , devendo ser adaptado a cada caso particular .
17

Estudo laboratorial de misturas asfálticas a frio produzidas com incorporação de borracha de pneus

Clerman, Danielle de Souza January 2004 (has links)
As misturas densas, em geral, apresentaram melhores resultados com o acréscimo de borracha que as misturas semi-densas. A inclusão de borracha de pneus a pré-misturados a frio mostrou-se viável e exeqüível, consumindo grande quantidade de pneus resultando em benefícios ambientais.
18

Estudo laboratorial de misturas asfálticas a frio produzidas com incorporação de borracha de pneus

Clerman, Danielle de Souza January 2004 (has links)
As misturas densas, em geral, apresentaram melhores resultados com o acréscimo de borracha que as misturas semi-densas. A inclusão de borracha de pneus a pré-misturados a frio mostrou-se viável e exeqüível, consumindo grande quantidade de pneus resultando em benefícios ambientais.
19

Identificação automática de atrito em atuadores pneumáticos utilizando equipamento de baixo custo /

Felix, Roger Oliva. January 2018 (has links)
Orientador: Marcos Silveira / Banca: Fabricio Cesar Lobato de Almeida / Banca: Fransber Santade / Resumo: O presente trabalho aborda o estudo experimental das características não lineares de atrito interno em atuadores pneumáticos. Os atuadores pneumáticos contêm uma tecnologia limpa comparados com os atuadores hidráulicos, ótima relação entre potência e massa suportada, e baixo custo em relação a atuadores elétricos. Também possuem internamente características não lineares que influenciam no controle de um servoposicionador, incluindo principalmente a vedação do êmbolo com o perfil do atuador e a vedação da haste. Portanto, para obter a precisão de posicionamento é necessária uma caracterização do atrito interno. Os métodos utilizados para o desenvolvimento da pesquisa são: investigação do problema de atrito com o modelo LuGre; desenvolvimento do equipamento experimental com um controlador de baixo custo Raspberry Pi; e realização dos experimentos com a identificação automática de atrito em atuadores pneumáticos. Obtendo assim, a visualização gráfica da força de atrito em função da velocidade em regime permanente. A força de atrito em relação aos parâmetros do modelo é calculada em tempo real, possibilitando, dessa forma, a visualização do comportamento da força ao longo do deslocamento do êmbolo do atuador. Os resultados têm a finalidade de verificar as características de atrito do atuador pneumático através dos parâmetros identificados. Desse modo, é possível classificar o atuador pneumático mais adequado para aplicação em sistemas de posicionamento e monitorar o seu desgaste / Abstract: This work presents an experimental procedure for determination of the nonlinear characteristics of internal friction of pneumatic actuators. Pneumatic actuators are a clean technology compared to hydraulic actuators, have good relationship between power and supported mass, and low cost compared to electric actuators. They also have nonlinear characteristics which influence the control of the servo positioner, including mainly the piston seal with the intern surface of the pneumatic actuators and rod seal, therefore to get the positioning accuracy it is necessary a good characterization of internal friction. The methods used for the development of the research are: investigation of the friction problem with the LuGre model; development of experimental equipment with a low cost controller Raspberry Pi; and achievement of the experiments with the automatic identification of friction in pneumatic actuators. Thus, it is obtained the graphical visualization of the friction force as a function of the velocity in steady state. The friction force in relation to model parameters is calculated in real time, enabling the visualization of behaviour of pneumatic force along of displacement piston of the actuator. The results have as purpose verify the friction characteristics of the pneumatic actuator using the identified parameters, thus, it is possible to classify the best pneumatic actuator for application in positioning systems and to monitor the your wear / Mestre
20

A influência dos componentes físicos e da cooperação entre os actores sobre o desempenho de sistemas logísticos inversos : o caso dos pneus-resíduo

Freires, Francisco Gaudêncio Mendonça January 2007 (has links)
Tese de doutoramento. Gestão e Engenharia Industrial. 2007. Faculdade de Engenharia. Universidade do Porto

Page generated in 0.1571 seconds