• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 106
  • 6
  • 5
  • 5
  • 5
  • 5
  • 5
  • 4
  • 2
  • 2
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 113
  • 113
  • 78
  • 56
  • 30
  • 27
  • 23
  • 21
  • 19
  • 18
  • 18
  • 18
  • 18
  • 18
  • 18
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Medidas lineares em radiografias panorâmicas digitalizadas, fornecidas por dois programas de imagem para planejamento na Implantodontia: correlação e análise crítica

Flavia Noemy Gasparini Kiatake Fontao 30 November 2004 (has links)
O objetivo da presente pesquisa foi avaliar, comparativamente,as medidas lineares em radiografias panorâmicas obtidas em programas de imagem para planejamento pré-cirúrgico em implantes (Radioimp e Planimp), com as obtidas pelo método manual, utilizando um paquímetro digital. Outro objetivo foi analisar os dois métodos de digitalização utilizados: escaner e câmera digital A amostra constou de 50 radiografias panorâmicas de pacientes edêntulos, nas quais foram marcados pontos de referência para delimitar 14 distâncias anatômicas em cada radiografia. As radiografias foram digitalizadas por meio de um escaner HP Scanjet 4C/T (Hewllett Packard) e uma câmera digital FinePix S602 (Fujifilm). As mensurações lineares das distâncias anatômicas foram realizadas pelo método manual (paquímetro digital) e pelo método digital (programas Radioimp e Planimp). Os dados obtidos foram submetidos à análise estatística de variância, com nível de significância de 5%. Esta análise estatística mostrou que não houve diferença significante entre as medidas manuais e digitais. A partir dos resultados concluiu-se que os programas Radioimp e Planimp apresentaram desempenhos adequados para a calibração da imagem radiográfica, bem como para a mensuração de distâncias lineares. Os sistemas de digitalização de imagens utilizados (escaner e câmera digital) não apresentaram diferenças significativas, sendo adequados para uso com esses programas. / The present study evaluated the linear measurements on panoramic radiographs obtained in image softwares for presurgical implant planning (Radioimp and Planimp) compared to the manual technique using a digital caliper. And evaluated the systems for image digitization employed: scanner and digital camera. The sample comprised 50 panoramic radiographs of edentulous patients, on which reference points were traced for delineation of 14 anatomical dimensions on each radiograph. The radiographs were digitized with a HP Scanjet 4C/T scanner (Hewllett Packard) and a digital camera FinePix S602 (Fujifilm). Linear measurements of the anatomical dimensions were achieved by the manual method (digital pachymeter) and digital method (Radioimp and Planimp softwares). The data achieved were submitted to statistical analysis of variance, at a significance level of 5%. This statistical analysis has not demonstrate any significant difference between the manual and digital measurements. The results allowed the conclusion that the Radioimp and Planimp softwares displayed proper performances for calibration of the radiographic image and for measurement of linear dimensions. The systems for image digitization employed (scanner and digital camera) has not present significant differences, being adequate for utilization with such softwares.
2

Medidas lineares em radiografias panorâmicas digitalizadas, fornecidas por dois programas de imagem para planejamento na Implantodontia: correlação e análise crítica

Fontao, Flavia Noemy Gasparini Kiatake 30 November 2004 (has links)
O objetivo da presente pesquisa foi avaliar, comparativamente,as medidas lineares em radiografias panorâmicas obtidas em programas de imagem para planejamento pré-cirúrgico em implantes (Radioimp e Planimp), com as obtidas pelo método manual, utilizando um paquímetro digital. Outro objetivo foi analisar os dois métodos de digitalização utilizados: escaner e câmera digital A amostra constou de 50 radiografias panorâmicas de pacientes edêntulos, nas quais foram marcados pontos de referência para delimitar 14 distâncias anatômicas em cada radiografia. As radiografias foram digitalizadas por meio de um escaner HP Scanjet 4C/T (Hewllett Packard) e uma câmera digital FinePix S602 (Fujifilm). As mensurações lineares das distâncias anatômicas foram realizadas pelo método manual (paquímetro digital) e pelo método digital (programas Radioimp e Planimp). Os dados obtidos foram submetidos à análise estatística de variância, com nível de significância de 5%. Esta análise estatística mostrou que não houve diferença significante entre as medidas manuais e digitais. A partir dos resultados concluiu-se que os programas Radioimp e Planimp apresentaram desempenhos adequados para a calibração da imagem radiográfica, bem como para a mensuração de distâncias lineares. Os sistemas de digitalização de imagens utilizados (escaner e câmera digital) não apresentaram diferenças significativas, sendo adequados para uso com esses programas. / The present study evaluated the linear measurements on panoramic radiographs obtained in image softwares for presurgical implant planning (Radioimp and Planimp) compared to the manual technique using a digital caliper. And evaluated the systems for image digitization employed: scanner and digital camera. The sample comprised 50 panoramic radiographs of edentulous patients, on which reference points were traced for delineation of 14 anatomical dimensions on each radiograph. The radiographs were digitized with a HP Scanjet 4C/T scanner (Hewllett Packard) and a digital camera FinePix S602 (Fujifilm). Linear measurements of the anatomical dimensions were achieved by the manual method (digital pachymeter) and digital method (Radioimp and Planimp softwares). The data achieved were submitted to statistical analysis of variance, at a significance level of 5%. This statistical analysis has not demonstrate any significant difference between the manual and digital measurements. The results allowed the conclusion that the Radioimp and Planimp softwares displayed proper performances for calibration of the radiographic image and for measurement of linear dimensions. The systems for image digitization employed (scanner and digital camera) has not present significant differences, being adequate for utilization with such softwares.
3

Influência da reposição hormonal na densidade óssea avaliada em radiografias panorâmicas digitais por meio da análise fractal em mulheres na menopausa /

Assis, Afonso Celso Souza de January 2012 (has links)
Orientador: Luis Cesar de Moraes / Banca: Pedro Luiz de Carvalho / Banca: Mônica Cristina Camargo Antoniazzi / Banca: Samira Esteves Afonso Camargo / Banca: Rafaela Rangel Rosa / Resumo: Os exames radiográficos panorâmicos são de grande importância na rotina de pacientes idosos. A radiografia panorâmica pode servir para avaliar o nível de densidade mineral óssea e auxiliar no encaminhamento desses pacientes para a realização de exames de maior complexidade como a densitometria óssea. Na mulher, durante o ciclo biológico normal, há perda de 35% do osso cortical e 50% do osso trabecular, enquanto os homens perdem dois terços dessa quantidade. Entre 30 e 49 anos, a mulher perde 0,18%/ano do osso esponjoso, com aumento para 1-4%/ano, nos cinco primeiros anos após a menopausa. O objetivo nesta pesquisa foi avaliar, por meio de exames radiográficos panorâmicos, 75 mulheres adultas foram divididas em 3 grupos distintos, sendo 25 mulheres com idade entre 20 e 39 anos, 25 mulheres com idade entre 40 e 60 anos que não fazem reposição hormonal e 25 mulheres com idade entre 40 e 60 anos que fazem terapia de reposição hormonal. Foi utilizada a geometria fractal para verificar a viabilidade da utilização dessa ferramenta por meio do programa de computador ImageJ em radiografias panorâmicas digitais para a comparação da densidade óssea e concluiu-se que mulheres pós-menopáusicas que fazem uso de reposição hormonal apresentaram maior valor dos índices de analise fractal que aquelas que não utilizavam esta medicação. Este é um indicativo de que a reposição hormonal altera a arquitetura óssea mandibular, tornando-a mais porosa e reduzindo o conteúdo mineral / Abstract: The panoramic radiographs are of great importance in the routine of elderly patients. Panoramic radiography may be used to assess the level of bone mineral density and assist in referral of patients to perform more complex tests such as bone densitometry. In women, during the normal life cycle, there is a loss of 35% of cortical bone and 50% trabecular bone, while men lose two thirds of that amount. Between 30 and 49, the woman loses 0.18% per year of bone spongy, up to 1-4% / year in the first five years after menopause. The objective of this research will be to perform panoramic radiographs in 75 adult women separated into three distinct groups, comprising 25 women aged between 20 and 30 years, 25 women aged between 40 and 60 who are not hormone replacement therapy(HRT) and 25 women aged between 40 and 60 who are using hormone replacement therapy, in order to verify the feasibility of using fractal analysis with Image J software on digital panoramic radiographs for comparison of bone density and concluded that postmenopausal women who use hormone replacement therapy had higher rates of fractal analysis to those who did not use this medication. This is an indication that HRT alters the mandibular bone architecture, making it more porous and reducing the mineral content / Doutor
4

Dimensão fractal e a espessura da cortical mandibular em pacientes com e sem osteoporose

Araújo, Rafael Sindeaux January 2013 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde, 2013. / Submitted by Alaíde Gonçalves dos Santos (alaide@unb.br) on 2013-10-14T13:51:19Z No. of bitstreams: 1 2013_RafaelSindeauxAraujo.pdf: 9390119 bytes, checksum: ba97508adb1edc32503cf116f6782d77 (MD5) / Approved for entry into archive by Guimaraes Jacqueline(jacqueline.guimaraes@bce.unb.br) on 2013-10-14T14:22:34Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2013_RafaelSindeauxAraujo.pdf: 9390119 bytes, checksum: ba97508adb1edc32503cf116f6782d77 (MD5) / Made available in DSpace on 2013-10-14T14:22:34Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2013_RafaelSindeauxAraujo.pdf: 9390119 bytes, checksum: ba97508adb1edc32503cf116f6782d77 (MD5) /  / O objetivo deste estudo foi verificar se a dimensão fractal, no osso trabecular e na cortical mandibular, e a espessura da cortical mandibular diferem entre pacientes com densidade mineral óssea (DMO) normal e osteoporose. Neste estudo retrospectivo, foram selecionadas 133 radiografias panorâmicas de homens com idade acima de 60 anos e mulheres na pósmenopausa que tinham diagnóstico densitométrico normal ou diagnóstico de osteoporose na coluna lombar e quadril. Nas radiografias panorâmicas foram realizadas análises de dimensão fractal em cinco regiões de interesse na mandíbula, sendo três trabeculares e duas corticais, e foram realizadas medidas da espessura da cortical mandibular pelo índice radiomorfométrico mentual. As seguintes análises estatísticas foram realizadas: ANOVA, teste t de Student e análise multivariada com regressão logística para verificar associações entre medidas nas radiografias panorâmicas e o diagnóstico densitométrico. O valor de p menor que 0,05 indicou significância estatística. Foram encontradas diferenças estatisticamente significantes nos valores da dimensão fractal no osso cortical mandibular e a espessura da cortical mandibular entre pacientes com DMO normal e com osteoporose, mas não nos valores de dimensão fractal de osso trabecular. No modelo de regressão logística multivariado, a medida da espessura da cortical mandibular (índice mentual) e as medidas de dimensão fractal na cortical (ROIs 4 e 5) entraram na equação matemática. Para estas variáveis, foram verificadas razões de chance de 2,16, 3125 e 1005 para o diagnóstico de osteoporose, respectivamente. Os valores das análises de dimensão fractal sobre o osso cortical mandibular e a espessura da cortical mandibular foram menores em homens e mulheres com osteoporose, e podem ser considerados como ferramentas auxiliares no encaminhamento dos pacientes para o exame de densitometria óssea. Análises da dimensão fractal no osso trabecular mandibular não podem ser usados para rastreamento de indivíduos com osteoporose. _______________________________________________________________________________________ ABSTRACT / The aim of this study was to verify whether fractal dimensions on the mandibular trabecular and cortical bone and mandibular cortical width differ between patients with normal bone mineral density and osteoporosis. In this retrospective study, 133 dental panoramic radiographs from men aged >60 years and postmenopausal women with a bone densitometry report of the lumbar spine and hip classified as either normal or osteoporotic were selected. Fractal dimensions of five standardized trabecular and cortical mandibular regions of interest and mandibular cortical width were measured on the panoramic radiographs by an experienced oral radiologist, blinded to the densitometric diagnosis. The following statistical analyses were performed: ANOVA, t test and a forward logistic stepwise regression to verify associations between dental panoramic measurements and the densitometric diagnosis. P values less than .05 indicated statistical significance. Differences were found in the fractal dimensions values on mandibular cortical bone and mandibular cortical width between patients with normal bone mineral density and with osteoporosis, but not in the fractal dimensions values of trabecular bone. In a forward logistic stepwise regression model, only the mandibular cortical with (mental index) and the fractal dimension measurements on the mandibular cortical bone entered into the equation. For these aforementioned variables, the odds ratio were 2.16, 3125 and 1005 for osteoporosis diagnosis, respectively. The values of fractal dimensions analysis on mandibular cortical bone and mandibular cortical widths were lower in men and women with osteoporosis and might be considered as auxiliary tools to referring patients for bone densitometry exam. Fractal dimensions analyses of mandibular trabecular bone cannot be for osteoporosis screening.
5

Avaliação do simétrica em procedimentos de radiografia panorâmica e teleradiografias

Gomes Oliveira, Georgge January 2004 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T23:16:40Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo9033_1.pdf: 3133907 bytes, checksum: 2e1645d2e3404e09b00a158d68f0a795 (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2004 / O presente trabalho teve como objetivo avaliar a dose de entrada na superfície da pele nos procedimentos de radiografia panorâmica e teleradiografia em 3 clínicas de Recife-PE/ Brasil, e de contribuir com dados para a determinação de níveis de referência para os procedimentos extrabucais supracitados. Para tanto, foram avaliadas as condições operacionais de três clínicas lotadas em Recife, procurando-se avaliar a existência e integridade dos equipamentos de radioproteção, modo e condições de processamento da imagem; e parâmetros do equipamento radiográfico como a dimensão do campo de irradiação, a filtração total, o tempo de exposição e a tensão aplicada ao tubo de raios X. Para estimativa de da dose na entrada da pele do paciente foi utilizado o fantoma Randon Alderson e dosímetros termoluminescentes. A partir destes valores e dos fatores de conversão determinados por técnica de Monte Carlo, com o fantoma MAX, foi possível estimar a dose absorvida nos órgãos devido aos procedimentos de teleradiografra. Com relação à radiografia panorâmica o estudo realizado mostrou que as doses mais altas ocorreram na região das glândulas parótidas que estão próximas aos centros de rotação. No caso de teleradiografa os maiores valores de dose ocorreram nas regiões correspondentes ao lobo temporal do cérebro, seguindo-se pelos linfonodos, ouvidos e glândulas parótidas. As doses absorvidas no globo ocular e na tireóide foram, respectivamente, de 0,037 mGy e 0,002 mGy na Clínica A e 0,062 mGy e 0,003 mGy na Clínica C. Na análise do desempenho dos equipamentos foram encontradas inadequações na colimação do feixe na Clínica A, na reprodutibilidade do tempo de exposição na Clínica C e na filtração total em ambas as clínicas. Palavras-Chave: dosimetria, radiografia panorâmica, teleradiografia
6

Análise dos sinais radiográficos da densidade óssea mineral em radiografias panorâmicas em pacientes na pré e pós menopausa /

Faria, Paula Cristina de. January 2012 (has links)
Orientador: Luiz Cesar de Moraes / Banca: Cristiane Yumi Koga Ito / Banca: Cláudio Freitas / Resumo: De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), a osteoporose está atrás apenas das doenças cardiovasculares como um problema de saúde mundial (2007). Atingindo cerca de um terço das mulheres na pósmenopausa tornou-se uma das doenças osteometabólicas mais comuns. A identificação de indivíduos com baixa densidade óssea mineral e alto risco de fraturas é a base de qualquer programa preventivo de osteoporose. Indivíduos de alto risco deveriam ser encaminhados para realização do Dual Energy X ray Absorptiometry (DXA) considerada o exame padrão ouro de avaliação da densidade mineral óssea, no entanto o DXA tem disponibilidade limitada para uso de rotina no rastreamento populacional. Existem métodos qualitativos e quantitativos realizados em radiografias panorâmicas, denominados índices radiomorfométricos que podem ser capazes de identificar mulheres na pós-menopausa com indicação de realização de densitometria óssea. O propósito deste trabalho volta-se para a investigação sobre utilização de radiografias panorâmicas e índices radiomorfométricos como método auxiliar para diagnóstico de osteoporose em mulheres pós-menopáusicas / Abstract: According to World Health Organization (WHO), osteoporosis is the second only to cardiovascular diseases as a global health problem (2007). Reaching about one third of postmenopausal women. It has become one of the most common bone metabolic diseases. The identification of individuals with low bone mineral density and high fractures risk is the foundation of any preventive osteoporosis program. High risk individuals should be referred for dual X-ray absorptiometry (DXA) considered the gold standard of bone mineral density assessment, however bone densitometry has a limited availability for routine use in population screening. There are qualitative and quantitative methods performed on panoramic radiographs, called radiomorfometricos rates, which may identify postmenopausal women with bone densitometry indication. The purpose of this paper was to evaluate panoramic radiographs and radiomorphometric use as an auxiliary method for osteoporosis diagnosis in postmenopausal women / Mestre
7

Registro de radiografias periapicais para a técnica de subtração /

Dotto, Gustavo Nogara. January 2005 (has links)
Orientador: Luiz Cesar de Moraes / Banca: Vania Regina Camargo Fontanella / Banca: Israel Chilvarquer / Banca: Warley David Kerbauy / Banca: Horácio Faig Leite / Resumo: Os objetivos deste estudo foram: a) avaliar a viabilidade de se fazer o registro a posteriori de imagens radiográficas periapicais, pela marcação automática de múltiplos pontos controle utilizando um programa para registro de imagens de satélite; b) comparar o desvio-padrão dos níveis de cinza das imagens subtraídas obtidas com e sem a aplicação prévia do registro de imagens a posteriori. Foram utilizadas seis mandíbulas humanas maceradas, aparelho radiográfico com corrente continua tipo DC, sistema de radiografia digital RVGui e os programas: Image Tool v.1.27 e Regeemy v.0.2.41. Foram executadas 80 radiografias, em dois momentos: 40 iniciais e 40 finais. As subtrações das imagens finais sobre inicial foram executadas com e sem a aplicação do registro de imagens a posteriori, no programa Regeemy. Observou-se nos resultados um menor desvio-padrão para as imagens obtidas após a execução do registro de imagens a posteriori da imagem final (p<0,05). Os autores concluem que: a) foi possível realizar o registro a posteriori de radiografias periapicais mediante a marcação automática de múltiplos pontos controle; b) a técnica de subtração mostrou melhores resultados quando utilizado um registro de imagens a posteriori / Abstract: The aims of this study were: a) to evaluate the viability of doing the a posteriori registration of periapical radiographic images, by the automatic demarcation of multiple control points, using a software for registration of satellite images, b) to compare the standard deviation of the gray levels of the subtracted images obtained with and without the previous application of the a posteriori images registration. It were used six human draw mandibles, current continues type DC x-ray equipment, digital radiographic system RVGui and softwares: Image Tool v.1.27 and Regeemy v.0.2.41. It was accomplished a free-hand 80 x-rays, in two moments: 40 initials and 40 final. The subtractions of the images final on initial were executed with and without application of the a posteriori image registration in the Regeemy software. The results show a smaller standard-deviation for the subtracted images obtained after execution of the a posteriori registration of the final image (p <0,05). The authors concluded that: a) it was possible to accomplish the a posteriori periapical radiographic image registration through the automatic demarcation of multiple control points, b) the subtraction technique showed better results when it was used a posteriori image registration / Doutor
8

Avaliação da qualidade da imagem e da dose no paciente em exames de radiografia panorâmica digital

Vanderley Brasileiro, Izabela 31 January 2010 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T23:13:50Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo2671_1.pdf: 3459902 bytes, checksum: dcf2ef6ac9a4e650b22ffb4573954291 (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2010 / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico / A radiografia panorâmica é um importante método de diagnóstico por imagem, amplamente utilizado na odontologia. Embora as doses individuais e os riscos associados à radiografia panorâmica sejam considerados pequenos, a dose coletiva pode ser significativa, dado o elevado número de exames realizados. O objetivo deste trabalho foi efetuar um estudo dosimétrico de pacientes submetidos a exames de radiografia panorâmica digital, realizados em uma clínica radiológica do Recife e avaliar a qualidade da imagem destes exames. Foram estimados os valores do produto kerma-ar pelo comprimento (PK,L), do produto kerma-ar pela área (PK,A) e do kerma-ar na entrada da pele (Ke). Estes valores foram calculados utilizando os parâmetros de irradiação coletados de 310 pacientes adultos que realizaram exames de radiografia panorâmica na clínica com dois equipamentos Kodak 8000C (equipamentos 1 e 2). Os valores de PK,L foram obtidos através de medidas realizadas com câmara de ionização tipo lápis e a partir destes valores foi estimado o PK,A levando-se em consideração a área do campo de radiação. Os valores do Ke foram estimados utilizando dosímetros termoluminescentes posicionados sobre um fantoma de cabeça, em pontos correspondentes aos olhos, glândulas parótidas, nuca e tireóide. Para avaliação subjetiva da qualidade da imagem, foram coletadas de forma aleatória do banco de dados da clínica 200 imagens de pacientes, sendo 100 imagens de cada equipamento. Estas imagens foram avaliadas por dois radiologistas quanto à visualização de estruturas anatômicas, para determinação de um índice de qualidade da radiografia. Os valores médios encontrados para o PK,L e PK,A foram 6,9 mGy.cm e 82 mGy.cm2, respectivamente. Estes valores são similares aos encontrados na literatura e próximo ao nível de referência proposto no Reino Unido para paciente adulto. Em relação ao kerma-ar na entrada da pele, este foi mais elevado na região da nuca, cerca de quatro vezes maior que o valor das outras regiões avaliadas. Os resultados da avaliação de qualidade da imagem mostraram que o índice de qualidade das radiografias do equipamento 2 foi maior do que do equipamento 1. A partir dos resultados, conclui-se que os procedimentos podem ser ainda otimizados, principalmente para o equipamento 1, procurando-se aumentar o índice de qualidade e reduzir a dose no paciente
9

Analise das necessidades de tratamento odontologico dos pacientes atendidos no serviço de triagem-semiologia da FOP-UNICAMP

Lopes, Silvia Maria Paparotto 12 February 2002 (has links)
Orientador : Osvaldo Di Hipolito Junior / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Odontologia de Piracicaba / Made available in DSpace on 2018-08-02T13:55:34Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Lopes_SilviaMariaPaparotto_M.pdf: 2027527 bytes, checksum: 8a7bfc4cbe3ecb59df65cfccfc309246 (MD5) Previous issue date: 2002 / Resumo: O objetivo deste estudo foi avaliar as necessidades de tratamento odontológico dos pacientes atendidos na clínica de graduação da Faculdade de Odontologia de Piracicaba - UNICAMP. Foram analisados 1.000 prontuários clínicos assim como as radiografias panorâmicas de pessoas com idade maior ou igual a 12 anos que foram triadas pela Área de Semiologia. A média de idade foi de 51 anos, 63% eram do gênero feminino, 79,9% tinham de cor de pele branca e a maioria (62%) tinha como instrução o primeiro grau incompleto. As necessidades odontológicas mais freqüentes foram tratamento periodontal (77,8%), exodontias (46,7%), endodontia (34,6%) e tratamento restaurador com maiores indicações para restaurações diretas classes I e lI. Outro achado relevante foi em relação às necessidades de reabilitação protética em que 80% das pessoas necessitavam de algum tipo de prótese. Sendo 48,8% para as próteses parciais removíveis (monomaxilar e/ou dupla), 15,1% para as próteses totais e 16,1% para as próteses fixas. Os pacientes com indicação de prótese também necessitavam de outros atendimentos odontológicos das áreas de periodontia, cirurgia, endodontia e dentística. Os achados radiográficos mais freqüentes foram osteoescleroses, pneumatização dos seios maxilares e dentes inclusos e semi-inclusos. Conclui-se que os pacientes atendidos na FOP-UNICAMP são predominantemente do gênero feminino, brancos e com baixo grau de escolaridade. A maioria é desdentado parcial e que além das necessidades de próteses, apresenta necessidade de tratamento periodontal, cirúrgico, endodôntico e restaurador / Abstract: The aim of this study was to evaluate the dental care needs of the patients who were attended at the undergraduate dental clinic of the Piracicaba Dental School- UNICAMP. It was analyzed 1000 charts as well the panoramic radiography of the patients with age 12 years old and over screened by the Semiology Area. The mean age of the patients was 51 years old, 62% were female, 79.9% had white skin color and the majority had incomplete elementaIy school. The most frequent dental care needs were periodontal treatment (77.8%), followed by dental extraction (46.7%), root canal filling (34.6%) and dental filling, particularly classes 1 and 11. Other important finding was that 80% of the patients needed prosthetic rehabilitation. Among them, 48.8% of the patients had necessity of partial removable prosthesis (on one and/or both maxillaries), 15.1% needed total prosthesis and 16.1 % nonremovable prosthesis. Besides prosthesis, these patients had also indication of periodontal, surgical, endodontical and restorative treatments. Regarding the radiographic findings, the most frequent was osteosclerosis, followed by sinus maxillary pneumatization and impacted teeth. We concluded that the patients who were attended at FOP-UNICAMP are predomlnant1y female, white and have low education degree. The majority is partial edentulous and besides necessity of prosthesis, they also present necessity of periodontal, dental extraction, root canal filling and dental filling / Mestrado / Estomatopatologia / Mestre em Estomatopatologia
10

Verificação dos graus de magnificações em radiografias panoramicas e tomografias convencionais e influencia do posicionamento do cranio em mensurações verticais mandibulares em radiografias panoramicas

Iwaki, Lilian Cristina Vessoni 16 November 2004 (has links)
Orientador: Francisco Haiter Neto / Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Odontologia de Piracicaba / Made available in DSpace on 2018-08-04T01:49:34Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Iwaki_LilianCristinaVessoni_D.pdf: 8766569 bytes, checksum: 053534aa15b86bc0a83ce27075c25d59 (MD5) Previous issue date: 2004 / Resumo: Atualmente a Implantodontia é considerada uma ciência consagrada no meio odontológico. Vários sistemas de implantes foram desenvolvidos, possibilitando um maior acesso da população a este tipo de tratamento cujas vantagens são bem conhecidas. Acompanhando este processo evolutivo, os métodos de diagnóstico por imagem também desenvolveram novas técnicas para propiciar ao Implantodontista informações necessárias para um correto planejamento cirúrgico. Apesar de existir vários métodos mais modernos para auxílio de diagnóstico como a tomografia computadorizada, a ressonância magnética e a radiografia digital, a radiografia panorâmica e a tomografia convencional têm sido os principais métodos de diagnóstico. Sendo assim, os objetivos deste trabalho foram: a) avaliar a confiabilidade dos fatores de ampliações fornecidos pelo fabricante comparandoos com os valores reais em radiografias panorâmicas e tomografias convencionais e b) avaliar se alterações de posicionamentos dos crânios durante a realização de radiografias panorâmicas influenciam a obtenção de mensurações verticais na mandíbula. Para a realização desta pesquisa, foram utilizados sete crânios humanos macerados, nos quais foram marcadas com esferas metálicas as áreas dos incisivos centrais, caninos, segundos pré-molares e segundos molares (todos inferiores e dos lados esquerdos dos crânios, para padronização), totalizando uma amostra de 175 radiografias panorâmicas e 28 tomografias convencionais. Nas radiografias panorâmicas os crânios foram posicionados corretamente e com inclinações ântero-posteriores (flexões ventrais e dorsais), inclinações laterais e rotações para esquerda e direita. Diante dos resultados estatísticos, pôde-se concluir que: flexões ventrais ou dorsais de até 6o e inclinações e rotações de até 3o não interferem nas mensurações verticais realizadas nas mandíbulas em radiografias panorâmicas; não há diferença, em milímetros, entre as mensurações ndividualizadas e as fornecidas pelo fabricante; e que, nas tomografias convencionais, há a necessidade de se utilizar as magnificações individualizadas, uma vez que as magnificações fornecidas pelo fabricante são estatisticamente diferentes do real / Abstract: Nowadays Dental Implantology is considered to be a consecrated science in Dentistry. Several systems of implants have been developed, enabling the population to have a greater access to this type of treatment, whose advantages are widely known. Following this evolutive process, the methods of image diagnosis have also developed new techniques to propitiate every piece of information necessary to a proper surgical planning. Although there are several methods of diagnosis with images which are more modern, such as the computed tomography, the magnetic resonance and the digital radiograph, the panoramic X-ray and the conventional tomography have been the main methods of diagnosis. Therefore, the goals of this work were: a) to assess how reliable the factors of amplification supplied by the manufacturer are by comparing them to the actual values in panoramic X-rays and conventional tomographies and b) to assess whether the position changes of the skulls during the execution of the panoramic X-rays act on the obtainment of vertical measurements of the mandible, and In order to accomplish this research, seven macerated human skulls were used and the areas of their central incisors, canines, second premolars and second molars (all inferior and in the left side of the skull, for standardization) were marked with metallic spheres, totaling a sample of 175 panoramic X-rays and 28 linear tomographies. In the panoramic X-rays, the skulls were placed correctly and with anteroposterior inclinations (ventral and dorsal flexions), side inclinations and rotations to the left and right. With the statistical results in hand, it was possible to conclude that: the ventral or dorsal flexions of up to 6º and the inclinations and rotations of up to 3º do not interfere in the vertical measurements performed in the mandibles with panoramic X-rays; there is no difference, in milimeters, between the individualized measurements and the ones supplied by the manufacturer; and that, in conventional tomographies, it is necessary to use individualized magnifications, as the ones supplied by the manufacturer are statistically different from the real ones / Doutorado / Radiologia Odontologica / Doutor em Radiologia Odontológica

Page generated in 0.047 seconds