• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 196
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 1
  • Tagged with
  • 197
  • 197
  • 105
  • 100
  • 77
  • 57
  • 57
  • 57
  • 51
  • 48
  • 46
  • 41
  • 35
  • 34
  • 34
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Estudo de parâmetros ecodopplercardiográficos de patência do enxerto composto de artéria torácica interna esquerda / Study of dopplerechocardiographic parameters of patency of the composite graft of left internal thoracic artery

Leitão, Maria Cláudia de Azevedo January 2011 (has links)
LEITÃO, Maria Claudia de Azevedo. Estudo de parâmetros ecodopplercadiográficos de patência do enxerto composto de artéria torácica interna esquerda. 2011. 62 f. Dissertação (Mestrado em Farmacologia) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Medicina, Fortaleza, 2011. / Submitted by denise santos (denise.santos@ufc.br) on 2012-05-03T11:54:47Z No. of bitstreams: 1 2011_dis_mcaleitão.pdf: 627314 bytes, checksum: fbe46c192e4e75a9b25c9be651cdb1a1 (MD5) / Approved for entry into archive by Eliene Nascimento(elienegvn@hotmail.com) on 2012-05-03T15:56:59Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2011_dis_mcaleitão.pdf: 627314 bytes, checksum: fbe46c192e4e75a9b25c9be651cdb1a1 (MD5) / Made available in DSpace on 2012-05-03T15:56:59Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2011_dis_mcaleitão.pdf: 627314 bytes, checksum: fbe46c192e4e75a9b25c9be651cdb1a1 (MD5) Previous issue date: 2011 / Composite grafts with left internal thoraic artery (LITA) has incresed its applicability in Coronary Artery Bypass Surgery (CAGB). Confirmation of patency of the LITA graft is the cornerstone of Miocardial Revascularization. The best measure of patency calculated by Doppler echocardiogram (Doppler) is the diastolic fraction (DF) ≥ 0.5. The aim of this study was to establish Doppler echocardiographic parameters which could suggest the presence of a composite graft of LITA, when it revascularizes the anterior interventricular artery (AIA) and another branch of the left coronary artery system. The endpoint of this study was to define sensitivity and specificity considering three variables: ratio of peak velocity in diastole over the systolic peak velocity (DPV / SPV), the mean velocity-time integral in diastole (VTID) and FD of the composite graft patency using FD ≥ 0.5 as the reference standard. The study was conducted according to a design in two stages. It was defined a control group and study group. In the control group, all patients had graft patencies confirmed by coronary angiography (CINE) and the variables DPV / SPV,VTID and DF measured. So, we use this data to establish cutoff points for these variables , based on the calculation of sensitivity and specificity using the ROC curve (Receiverv Operation Characteristic) in order to differentiate composite from simple graft when ATIE only revascularizes the AIA. These cutoff points were applied in patients with composite graft group study. We built a 2x2 contingency table to calculate sensitivity and specificity, considering the indicator of patency a DF ≥ 0.5. In the control group, we observed statistically significant differences in the analysis of the three variables in differentiating simple from composite grafts. The parameters of composite graft patency established by the study group were DPV / SPV ≥ 0.71,VTID ≥ 0.09 and FD ≥ 0.58. The specificity for all these variables was 100%. The sensitivity was 40% for DPV / SPV ≥ 0.71, ≥ 36.4% for VTId≥ 0.09 and 68% for FD ≥ 0.58. We conclude that values greater than or equal to those established for each variable represents a likely indicator of graft patency compound. Values below the established are not conclusive to exclude composite grafts due to a large proportion off alse negatives. / Enxertos compostos com artéria torácica interna esquerda (ATIE) tem aumentado sua aplicabilidade na cirurgia de Revascularização Miocárdica (RM). A confirmação de patência do enxerto de ATIE é pedra fundamental na RM. O melhor parâmetro de patência calculado pelo ecoDopplercardiograma é a fração diastólica (FD) ≥ 0,5. O objetivo geral deste estudo foi estabelecer parâmetros ecoDopplercardiográficos de patência do enxerto composto de ATIE, quando revasculariza a artéria interventricular anterior (AIA) e outro ramo do sistema coronariano esquerdo. O específico foi definir a sensibilidade e a especificidade de três variáveis: Relação da velocidade-pico na diástole sobre a velocidade-pico na sístole (VPD/VPS), integral da velocidade-tempo na diástole (VTID) e FD quanto à patência do enxerto composto utilizando FD ≥ 0,5 como padrão de referência. O estudo foi realizado segundo um desenho em duas fases, fase controle e fase estudo. Na fase controle, todos os pacientes tinham a patência dos enxertos confirmadas por cineangiocoronariografia (CINE). Estes pacientes tinham registro das variáveis VPD/VPS, VTID e FD. Foram então estabelecidos pontos de cortes para essas variáveis baseando-se nos cálculos de sensibilidade e especificidade através da curva ROC (ReceiverOperationCharacteristic) com o objetivo de diferenciar enxertos compostos de enxertos simples quando a ATIE somente revasculariza a AIA. Esses pontos de corte foram aplicados nos pacientes com enxerto composto da fase estudo. Foi construída uma tabela de contingência 2x2 para o cálculo de sensibilidade e especificidade, tendo como indicador de patência uma FD≥0,5. Na fase controle, observou-se diferenças estatisticamente significativas na análise das três variáveis em diferenciar o enxerto simples do composto. Os parâmetros de patência do enxerto composto estabelecidos pela fase estudo foram VPD/VPS ≥ 0,71, VTId ≥ 0,09 e FD ≥ 0,58. A especificidade para todas essas variáveis foi de 100%. A sensibilidade foi de 40% para VPD/VPS ≥ 0,71, 36,4% para VTId ≥ 0,09 e 68% para FD ≥ 0,58. Conclui-se que valores maiores ou iguais aos estabelecidos para cada variável representam um provável indicador de patência do enxerto composto. Valores abaixo do estabelecido apresentam grande proporção de falsos negativos, não sendo conclusivo quanto à patência.
2

Relação entre a captação de 201-Tálio em repouso-redistribuição e a resposta contrátil à dobutamina : implicações sobreviabilidade em pacientes com doença coronária crônica e disfunção ventricular

Campos, Marcelo R. January 2001 (has links)
Resumo não disponível
3

Relação entre a captação de 201-Tálio em repouso-redistribuição e a resposta contrátil à dobutamina : implicações sobreviabilidade em pacientes com doença coronária crônica e disfunção ventricular

Campos, Marcelo R. January 2001 (has links)
Resumo não disponível
4

Análise comparativa dos fluxos da artéria torácica interna esquerda dissecada na forma pediculada versus a forma esqueletizada em cirurgia de revascularização do miocárdio

Castro, Gustavo Spricigo Peressoni January 2004 (has links)
Resumo não disponível.
5

Protocolo de consultas de enfermagem ao paciente após revascularização do miocárdio : avaliação da eficácia / Protocol for nursing consultations to the patient after the same to be submitted to a surgery of myocardial revascularization : evaluation of the effectiveness

Lima, Francisca Elisângela Teixeira January 2007 (has links)
LIMA, Francisca Elisangela Teixeira. Protocolo de consultas de enfermagem ao paciente após revascularização do miocárdio : avaliação da eficácia. 2007. 139 f. Tese (Doutorado em Enfermagem) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem, Fortaleza, 2007 . / Submitted by denise santos (denise.santos@ufc.br) on 2012-02-15T13:03:52Z No. of bitstreams: 1 2007_tese_fetlima.pdf: 1084321 bytes, checksum: a709fd12260d52ce298ac92591837b6b (MD5) / Approved for entry into archive by Eliene Nascimento(elienegvn@hotmail.com) on 2012-02-15T15:27:26Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2007_tese_fetlima.pdf: 1084321 bytes, checksum: a709fd12260d52ce298ac92591837b6b (MD5) / Made available in DSpace on 2012-02-15T15:27:26Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2007_tese_fetlima.pdf: 1084321 bytes, checksum: a709fd12260d52ce298ac92591837b6b (MD5) Previous issue date: 2007 / O acompanhamento ao paciente submetido à cirurgia de revascularização do miocárdio (RM) deve ter uma abordagem holística, realizado por uma equipe multiprofissional. Este estudo teve como objetivo geral avaliar um Protocolo de Consultas de Enfermagem (PCE) ao paciente após RM, comparando com um grupo controle. E, como específicos: levantar características dos pacientes em relação a sexo, idade, escolaridade, renda familiar, estado civil, história familiar de doença arterial coronariana (DAC) e religião; verificar prevalência dos fatores de risco para DAC: hipertensão arterial, diabetes mellitus, dislipidemia, obesidade, sedentarismo e tabagismo; identificar mudanças comportamentais dos pacientes, enfatizando hábitos alimentares, exercício físico, abstinência de tabagismo e etilismo, e uso contínuo de medicamentos; averiguar impacto do PCE na redução dos fatores de risco para DAC, considerando o controle: pressão arterial, glicemia, colesterol, índice de massa corporal, circunferência da cintura e relação cintura/quadril; e verificar aspectos relacionados à ansiedade e depressão. Ensaio clínico randomizado, desenvolvido no ambulatório de um hospital público, Fortaleza-CE. Compuseram a população 146 pacientes revascularizados no período de coleta de dados, constituindo a amostra 78 pacientes, 39 do grupo controle (GC) e 39 do grupo de intervenção (GI). A participação nos grupos foi definida pelo dia de cirurgia. Pacientes do GC fizeram o seguimento ambulatorial convencional, com avaliação pela pesquisadora no momento da alta e seis meses após a cirurgia; e pacientes do GI foram submetidos ao PCE com atendimentos na alta hospitalar e após um, dois, quatro e seis meses. Estudo aprovado pelo Comitê de Ética e Pesquisa. Encontrou-se similaridade nos grupos para os indicadores: sexo masculino (62,8%); idade (média: 65 anos); baixa escolaridade; renda familiar até um salário mínimo (55,1%); antecedentes familiares com DAC (65,4%); católicos (82,1%). O estado civil apresentou diferença significativa. Contudo, os fatores de risco para DAC não apresentaram diferenças significativas (p>0,05): hipertensão arterial (83,3%), não-diabéticos (53,8%), sem dislipidemia (53,8%), obesidade (67,9%), sedentarismo (57,7%) e não-tabagistas (65,4%). Na avaliação da eficácia do PCE, os testes evidenciaram que 92,3%-GI e 76,9%-GC melhoraram a qualidade da alimentação. O GI teve uma maior adesão à pratica de exercício físico do que o GC (p<0,10). Todos os pacientes do GI abstiveram-se do cigarro e do etilismo, e 33,3% dos fumantes e 50,0% dos usuários de bebidas alcoólicas do GC mantiveram esses hábitos, constatando diferença significativa (p<0,05). Um percentual maior (94,9%) do GI usava os medicamentos adequadamente (p>0,05). Houve um impacto na redução dos fatores de risco para DAC, após seis meses da cirurgia, quanto aos indicadores (p<0,05): pressão arterial, taxa de glicemia, índice de massa corporal, circunferência da cintura e relação cintura/quadril. Conforme constatado, o GI teve um percentual menor de pessoas com ansiedade e/ou depressão em relação ao GC. Conclui-se que o seguimento pelo PCE foi eficaz para as mudanças comportamentais no estilo de vida dos pacientes revascularizados. Como observado, um maior número de pessoas do GI melhorou a qualidade da dieta, aderiu à prática de exercício físico e parou de fumar e de ingerir bebidas alcoólicas. Tais mudanças comportamentais foram positivas para reduzir fatores de risco e, conseqüentemente, minimizar complicações cardiovasculares.
6

Análise comparativa dos fluxos da artéria torácica interna esquerda dissecada na forma pediculada versus a forma esqueletizada em cirurgia de revascularização do miocárdio

Castro, Gustavo Spricigo Peressoni January 2004 (has links)
Resumo não disponível.
7

Relação entre a captação de 201-Tálio em repouso-redistribuição e a resposta contrátil à dobutamina : implicações sobreviabilidade em pacientes com doença coronária crônica e disfunção ventricular

Campos, Marcelo R. January 2001 (has links)
Resumo não disponível
8

Análise comparativa dos fluxos da artéria torácica interna esquerda dissecada na forma pediculada versus a forma esqueletizada em cirurgia de revascularização do miocárdio

Castro, Gustavo Spricigo Peressoni January 2004 (has links)
Resumo não disponível.
9

Efeitos de diferentes protocolos de fisioterapia na reabilitação cardíaca fase I em pacientes após cirurgia de revascularização do miocárdio : ensaio clínico randomizado

Zanini, Maurice January 2016 (has links)
Pacientes submetidos à cirurgia de revascularização do miocárdio (CRM) sofrem uma perda na capacidade cardiopulmonar no pós-operatório. O objetivo foi avaliar os efeitos de diferentes protocolos na fase I da reabilitação cardiopulmonar (RCPF1) quanto à capacidade funcional e função pulmonar. Método: Através de um ensaio clínico randomizado simples cego, pacientes submetidos à CRM foram avaliados para capacidade funcional, capacidade pulmonar e função muscular respiratória. Após a CRM foram randomizados para 4 grupos de RCPF1. Resultado: Quarenta pacientes foram incluídos, 10 em cada grupo. Os grupos 1 e 2 apresentaram maior capacidade funcional no pós-operatório imediato e tardio. Todos os grupos obtiveram resultados semelhantes na recuperação da função pulmonar. Conclusão: Os protocolos 1 e 2 foram mais eficazes em melhorar a capacidade funcional até a alta hospitalar e 30 dias pós-alta. Entretanto, a fisioterapia respiratória e o EPAP parecem ser suficientes para o reestabelecimento da função pulmonar.
10

Ensaio clínico randomizado comparando implante de próteses intracoronárias com e sem revestimento de carbeto de silício amorfo

Duda, Norberto Toazza January 2001 (has links)
Resumo não disponível

Page generated in 0.0611 seconds