• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 40
  • Tagged with
  • 40
  • 40
  • 17
  • 6
  • 5
  • 4
  • 4
  • 4
  • 4
  • 4
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Avaliação histológica do processo de reparo em falhas ósseas induzidas em tíbias de coelhos tratados com decanoato de nandrolona

Zamarian, Thaís Pitelli January 2014 (has links)
Orientadora: Profª. Drª. Erica Cristina Bueno do Prado Guirro / Co-orientador: Prof. Dr. Olicies da Cunha / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Palotina, Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal. Defesa: Palotina, 24/11/2014 / Inclui referências / Área de concentração : Saúde animal / Resumo: O decanoato de nandrolona é um esteroide anabólico que parece interferir no processo de reparo ósseo por meio dos fatores de crescimento aumentando a osteogênese e inibindo a reabsorção óssea. Este estudo teve por objetivo verificar se o decanoato de nandrolona interfere no tratamento de fraturas e no processo de reparação óssea. Trinta e seis coelhos foram submetidos a um defeito tibial monocortical e tratados conforme o grupo experimental: G1 (n=18) foi o grupo controle e recebeu injeção de NaCl 0,9%; G2 (n=18) foi tratado com decanoato de nandrolona. No 15°, 30° e 45° dias de pós-operatório, seis animais de cada grupo foram submetidos à eutanásia para que as tíbias fossem avaliadas de forma macro e microscópica. Foram avaliados parâmetros como presença de hematoma, integridade da medula óssea, consolidação do orifício, integridade da cortical, inflamação aguda, necrose, tecido de granulação, tecido conjuntivo fibroso, angiogênese, hiperplasia de periósteo, tecido ósseo neoformado, número de osteoclastos e altura do calo ósseo. Não foi observada diferença estatística entre G1e G2 nos tempos determinados, porém ao longo do tempo, quando comparados os tempos 15 e 45 e 30 e 45 dias, o decanoato de nandrolona foi capaz de interferir na contagem de osteoclastos e acelerar o processo de reparo ósseo. Palavras-Chave: calo ósseo, coelhos, fraturas, nandrolona, osteoclastos, reparo ósseo / Abstract: The nandrolone decanoate is an anabolic steroid that seems to interfere in the process of bone repair by growth factors, enhancing osteogenesis and inhibiting bone resorption. This study was realized in order to verify if the nandrolone decanoate interferes with treatment of fractures or with the bone repair process. Thirty-Six rabbits were submitted to a monocortical tibial defect and treated as the experimental group: G1 (n=18) was the control group which received injection of NaCl 0.9 % ; G2 (n=18) was treated with nandrolone decanoate. At 15°, 30° and 45° days post - op, six rabbits of each group were euthanized so the tibias could be macroscopically and microscopically evaluated. Parameters such as: presence of hematoma; bone marrow integrity; consolidation of the perforation; cortical integrity; acute inflammation; necrosis; granulation tissue; fibrous connective tissue; angiogenesis; hyperplasia of the periosteum; the newly formed bone tissue; number of osteoclasts and bone callus height, were evaluated. No statistical difference between G1 and G2 were noticed during the observation period, however, over time, comparisons between 15° and 45° days and between 30° and 45° demonstrates that the nandrolone decanoate was able to interfere with osteoclast count and speed up the bone repair process. Key words: bone callus, rabbits, fractures, nandrolone, osteoclasts, bone repair.
2

Efeito da suplementação dietética de antioxidantes sobre variáveis reprodutivas de machos reprodutores de frango de corte

Triques, Gustavo Eugenio January 2014 (has links)
Orientadora: Profª. Drª. Jovanir Inês Müller Fernandes / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Palotina, Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal. Defesa: Palotina, 15/09/2014 / Inclui referências / Área de concentração : Produção animal / Resumo: Este estudo teve como objetivo avaliar o efeito da suplementação dietética de antioxidantes sobre características espermáticas de galos reprodutores de frango de corte. Foram realizados três experimentos. No primeiro, foram utilizados 12 galos Cobb de 50 semanas de idade distribuídos aleatoriamente em um delineamento inteiramente casualizado com 2 tratamentos e 6 repetições. Amostras de sêmen foram coletadas pelo método de massagem abdominal para avaliação de volume seminal, concentração, motilidade, vigor e morfologia espermática. Às 68 semanas de idade, amostras de testículo foram coletadas para determinação da morfometria tubular dos testículos e para análise da proliferação celular no epitélio germinativo pela técnica do PCNA. A morfometria de testículos, cristas e barbelas também foram analisadas. Os dados foram submetidos à análise estatística utilizando-se o programa Statistical Analysis System com nível de 5% de significância. Houve efeito positivo (p<0,05) do blend de antioxidantes no percentual de espermatozóides normais, no peso e largura das barbelas e no peso e comprimento dos testículos. No segundo experimento, foi selecionado um núcleo de matrizes de produção de 4 aviários. Em 2 aviários, os galos receberam dieta comercial para machos e nos outros 2 aviários, os galos receberam a dieta suplementada com antioxidantes (8ppm de cantaxantina + 40 ppm de licopeno + 150 ppm de vitamina C). Na 62ª semana, foram retirados fragmentos da membrana vitelínica sobre o disco germinativo dos ovos para contagem do número de perfurações espermáticas. Foi observado um maior (p<0,05) número de perfurações nos ovos oriundos dos aviários cujos galos receberam antioxidantes na dieta. Na 68ª semana, os galos foram sacrificados e a crista, barbela, peito e testículos foram pesados e medidos. Na 66ª semana de idade, os ovos foram incubados e a progênie foi alojada no aviário experimental de acordo com o delineamento experimental dos reprodutores com 2 tratamentos e 12 repetições com 12 aves cada. Aos 7 dias de idade, foram sacrificadas 24 aves por tratamento para contagem do número de fibras e a mensuração do diâmetros das fibras musculares. Não houve efeito significativo (p>0,05) da suplementação do blend de antioxidantes na dieta dos reprodutores sobre o ganho de peso e o peso de peito da progênie aos 7 dias de idade. A contagem e diâmetro da fibra muscular não diferiu (p>0,05) entre a progênie oriunda de galos suplementados ou não. A conversão alimentar e ganho de peso na fase de 14 - 35 dias foram melhores (p<0,05) para a progênie dos reprodutores suplementados. No terceiro experimento, Foram utilizados 24 galos da linhagem Cobb, 12 galos com 25 semanas de idade e 12 galos com 50 semanas de idade. Os reprodutores foram mantidos em gaiolas (1 por gaiola) e distribuídos em um delineamento inteiramente casualizado em esquema fatorial 2 x 2 (idades e dietas) totalizando 4 tratamentos e 6 repetições de 1 galo cada. Os tratamentos foram compostos por: Tratamento 1 - galos com 25 semanas de idade e suplementados com licopeno, Tratamento 2 - galos com 50 semanas de idade e suplementados com licopeno, Tratamento 3 - galos com 25 semanas de idade e sem suplementação e Tratamento 4 - galos com 50 semanas de idade e sem suplementação. O licopeno foi fornecido na quantidade de 72 ppm (Licopeno 10%; Roche Vitamins). Após 12 semanas de suplementação, o sêmen foi coletado pelo método da massagem abdominal. As análises do sêmen, volume de sêmen, concentração espermática e motilidade foram realizadas imediatamente após a coleta. Todos os galos foram sacrificados para medida e pesagem de testículo, crista, barbela e peito. Fragmentos dos testículos foram fixados, emblocados em parafina, cortados e aplicados em lâminas sinalizadas para detecção de células em mitose pela técnica imunohistoquímica. Os dados foram submetidos à análise estatística utilizando-se o programa SAS. O comprimento e largura da crista dos galos mais novos foram maiores (p<0,05) em comparação aos galos mais velhos, independente da adição de licopeno às dietas. Este mesmo resultado foi observado para o peso, comprimento e espessura dos testículos. No desdobramento da interação, idade e tratamento, observou-se que a inclusão do licopeno aumentou (p<0,05) o peso vivo dos galos de 50 semanas de idade. Palavras chave: antioxidantes, peroxidação lipídica, espermatozoides, fertilidade / Abstract: With the objective of evaluating the effect of dietary supplementation of antioxidants on broiler breeder males' spermatic characteristics, three experiments were conducted. At the first experiment, 12 fifty week age Cobb roosters randomly distributed in a totally casual delineation were used with 2 treatments (commercial feed and commercial feed + antioxidant blend canthaxanthin, lycopene and vitamin C) and six repetitions. Samples of semen were collected by abdominal massage method in order to evaluate seminal volume and spermatic concentration, motility, vigor and morphology. At 68 weeks of age, testicle samples were collected to tubular morphometry determination and to analyze the cell proliferation on the germinative epithelium by PCNA technique. The testicles, combs and dewlaps morphometry was also analyzed at 68 weeks of age. The data were submitted to statistical analysis using Statistical Analysis System, with 5% of significance. It was observed a positive effect (p<0,05) of the treatment on the percentage of normal spermatozoids, on the weight and width of dewlaps and on weight and length of testicles. At the second experiment, a breeder farm coitaining 4 houses were chosen. In two of them, the roosters received a commercial male diet and in the other two houses the roosters received the same antioxidant supplemented feed used in the first experiment. At 62 week age, fragments from the vitellinic membrane were taken to spermatic perforations count. It was observed a higher (p<0,05) number of perforations in the eggs that came from the houses where the roosters had the antioxidant diet. Fertile eggs were set and the progeny was housed at the experimental barn according to the breeder males delineation with 2 treatments and 12 repetitions with 12 chicks each. At seven days of age, 24 birds per treatment were euthanatized in order to count the number of fibers and to measure the muscular fibers diameter. There was no significant effect (p>0,05) from the breeder male antioxidant supplementation on the 7 day progeny gain of weight and chest weight. The muscular fiber counting and diameter did not differed (p>0,05) between the progeny derived from the supplemented roosters and the control one. The feed conversion and gain of weight of the progeny between the 14 and 35 days of age were better (p<0,05) to the progeny derived from the supplemented males. At the third experiment, 24 Cobb roosters were used, 12 with 25 weeks of age and 12 with 50 weeks of age and distributed in a totally casual delineation in factorial system 2 x 2 (ages and diets) adding 4 treatments and 6 repetitions of 1 bird each. The lycopene were provided at 72 ppm (Lycopene 10%, Roche Vitamins). After 12 weeks of supplementation, the semen was collected by abdominal massage mthod. The semen analysis, semen volume, spermatic concentration and motility were made right after the collect. All the roosters were euthanized in order to testicle, comb, dewlaps and chest measurement and weighing. Fragments from the testicles were fixed, paraffin blocked, cut and put on marked blades to mitosis cells detection by immunohistochemistry technique. The comb length and width from the younger roosters were bigger (p<0,05) compared to the older roosters, independently from the lycopene added to the diet. The same result was observed to testicle weight, length and thickness. In the interaction unfolding of age and treatment, it was observed that the inclusion of lycopene increased (p<0,05) the weight of the 50 week age roosters. The lycopene added to the diet, independently from the males' age increased the number of positive-PCNA cells in the testicles. The using of specific diets to male is highly viable, not only by the well-known benefits about nutrition requirements on eclodibility and fertility, but also to make possible the use of additives, once the volume of feed for the male is smaller than the female feed. Keywords: antioxidants, lipid peroxidation, spermatozoids, fertility
3

Caracterização de Salmonella sp. isolada de indústrias de aves baseada na formação de biofilmes, tolerância a sanitizantes e resistência a antimicrobianos

Ziech, Rosangela Estel January 2015 (has links)
Orientador : Prof. Dr. Luciano dos Santos Bersot / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor Palotina, Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal. Defesa: Palotina, 10/02/2015 / Inclui referências / Área de concentração : Saúde animal / Resumo: A formação de biofilmes por Salmonella sp. é uma preocupação para a indústria de alimentos devido à sua permanência nas superfícies e risco de contaminação constante do produto. Nas salas de corte das indústrias de abate e processamento de aves utilizam-se esteiras condutoras dos produtos, sendo importante caracterizar estirpes de Salmonella isoladas a partir deste local. Neste estudo foi avaliada a correlação da formação de biofilmes em microplacas de poliestireno, polipropileno (PP) e poliuretano (PU) e a presença de genes adrA e csgD relacionados aos componentes formadores da matriz dos biofilmes, celulose e fímbrias, respectivamente. Além disso, foi avaliada a tolerância do biofilme formado no PP e no PU à sanitizantes comumente utilizados na indústria (alcalino clorado, ácido peracético e ambos combinados). Foi avaliada a sensibilidade de Salmonella sp. frente a antimicrobianos e a prevalência de estirpes produtoras de ESBL. As 98 estirpes testadas eram originárias de quatro salas de cortes de plantas processadoras de aves. Foi avaliada a formação de biofilmes em placas de poliestireno após incubação de 108 UFC/mL de cada estirpe em caldo Luria-Bertani por 96h a 35ºC. A formação de biofilmes foi visualizada pela medida da absorbância em leitora de microplacas onde as estirpes foram classificadas em fracamente, moderadamente e fortemente produtoras de biofilmes. Também foi avaliada a formação de biofilmes em slides de 1 cm2 PP e PU, e um slide de cada material com e sem inóculo de Salmonella sp. foi observado ao microscópio eletrônico de varredura. Para a avaliação da eficácia dos sanitizantes após incubação por 96h para a formação do biofilme, foram realizados tratamentos por 5, 10, 15 e 30 minutos. As células viáveis foram removidas logo após o tratamento e após reincubação por mais 96h por meio da agitação em vortex de tubos com solução salina adicionados de esferas de vidro. Uma alíquota foi semeada em ágar TSA para a contagem de micro-organismos formadores de biofilme que ainda permaneceram viáveis e outra foi transferida para uma placa de 96 poços e acrescida de um marcador de viabilidade celular, para posterior observação em leitora de microplacas. Para o teste de suscetibilidade aos antimicrobianos, pelo método de difusão de disco, foram utilizados 18 agentes de 7 classes distintas: ampicilina, cefaclor, ceftiofur, estreptomicina, tobramicina, gentamicina, amicacina, neomicina, enrofloxacina, ácido nalidíxico, ciprofloxacina, florfenicol, sulfa/trimetoprim, tetraciclina, cloranfenicol, meropenem, imipenem e polimixina B. A produção de ESBL foi avaliada pelo método de disco-difusão dupla. A habilidade de formação de biofilmes em poliestireno foi classificada como fortemente somente em uma estirpe. Nas demais estirpes, em 70% a habilidade de formação de biofilmes foi classificada como fracamente e em 29% como moderadamente formadoras de biofilmes. Apesar da alta frequência de estirpes fracamente positivas, ambos os genes pesquisados foram encontrados em todas as estirpes. Foram observadas diferenças de adesão importantes entre o material comumente utilizado para avaliar a habilidade de formação de biofilmes in vitro, o poliestireno, e os materiais utilizados nas superfícies de onde as estirpes foram isoladas, o PP e o PU. Ao microscópio eletrônico de varredura a topografia do PU foi mais rugosa. Em relação ao desafio com sanitizantes, a partir dos slides de PP não foi possível recuperar células viáveis. Quando observado o PU, logo após o tratamento, a redução em relação ao controle positivo foi suficiente para considerar os sanitizantes eficazes. Após a reincubação, para o tratamento com ácido peracético essa diferença foi menor. Das 98 estirpes testadas, 86% mostraram-se multirresistentes e 45% das estirpes mostraram-se produtoras de ESBL pelo método utilizado. Os resultados deste estudo são um alerta para a segurança alimentar. Devido à importância do isolamento de estirpes com capacidade de formar biofilmes tanto no material usualmente testado in vitro quanto nos materiais que compõe as superfícies em matadouros de aves. Fato que pode incorrer em uma persistência desse micro-organismo na indústria e consequente contaminação dos alimentos. Bem como a emergência de estirpes multirresistentes e produtoras de ESBL isoladas em indústrias de abate e processamento de aves. Palavras-chave: Salmonella, biofilmes, eficácia de sanitizantes, multirresistência / Abstract: Formation of biofilms by Salmonella sp. is a constant concern for the food industry due to their attachment to surfaces and risk of contamination of food products. Cutting rooms in poultry processing and slaughtering plants use conveyor belts in the transport of food products, and it is important that Salmonella strains isolated in these sites are characterized. This study analyzed the correlation between biofilm formation in polystyrene microplates, polypropylene (PP) and polyurethane (PU), and the presence of the genes adrA and csgD, which are related to the formation of biofilm matrices, cellulose and fimbriae, respectively. Tolerance of the biofilm produced in PP and PU against common sanitizers used in the industry (chlorinated alkaline cleaners, peracetic acid, and these two compounds combined) was also evaluated, as well as Salmonella sp. sensitivity to antimicrobials and the prevalence of ESBL-producing strains. The 98 strains that were analyzed came from four cutting rooms in poultry processing plants. Biofilm formation in polystyrene plates was evaluated after incubation of 108 CFU/mL of each strain in Luria-Bertani broth at 35ºC for 96h. Biofilms were assessed by means of absorbance in a microplate reader, and strains were classified as weak, moderate, or strong biofilm-producers. Biofilm formation was also analyzed in 1-cm2 PP and PU slides inoculated or not with Salmonella sp., and analyzed by scanning electron microscopy. Sanitizer efficiency was evaluated after 96-h incubation for biofilm formation. Sanitizer treatments lasted 5, 10, 15 or 30 minutes. Viable cells were removed from the surfaces soon after the treatment, and after reincubation for 96 h, by vortexing tubes with saline solution added of glass beads. One aliquot was cultured in TSA agar to count biofilm-forming microorganisms that still remained viable, and another aliquot was transferred to a plate with 96 wells that was added of cell viability marker and was later on analyzed in the microplate reader. For the antimicrobial susceptibility test using the disk diffusion method, 18 agents of 9 different antimicrobial classes were used: ampicillin, cephachlor, ceftiofur, streptomycin, tobramycin, gentamycin, amikacin, neomycin, enrofloxacin, nalidixic acid, ciprofloxacin, florphenicol, sulfa/trimethoprim, tetracycline, chloramphenicol, meropenem, imipenem, and polymixin B. ESBL production was assessed by the double disk diffusion method. Only one strain was a strong biofilm-producer in polystyrene. For the other strains, ability to produce microfilms was weak in 70% of them, and moderate in 29% of them. In spite of the high frequency of weakly positive strains, both genes were found in all strains. Important differences in adhesion were observed between the material commonly used in the evaluation of in vitro biofilm production – polystyrene – and materials that were used in the surfaces were isolated, PP and PU. Scanning electron microscopy showed that PU had a more irregular surface. No viable cells were recovered in PP slides treated with sanitizers. The reduction in viable cell counts observed in PU soon after sanitizer treatment, compared with the positive control, was enough to consider that sanitizers were efficient. After reincubation, this difference was smaller for the treatment with peracetic acid. From the 98 strains tested, 86% showed to be multiresistant and 45% were ESBL-producers according to the double disk diffusion method. The results of this study are a warning in food safety, due to the importance of the isolation of strains that are able to produce biofilms both on in vitro testing materials and in materials that are used as cutting surfaces in poultry processing plants. These microorganisms could remain in the industry and contaminate food products, and multiresistant and ESBL-producing strains may emerge in the poultry processing and slaughtering industry. Keywords: Salmonella, biofilms, sanitizer efficacy, multiresistance
4

Dietas práticas com diferentes níveis de energia bruta durante a fase de bercário do Camarão-da-Amazônia Macrobrachium amazonicum

Piovesan, Vanessa January 2014 (has links)
Orientador: Prof. Dr. Leandro Portz / Co-orientador: Prof. Dr. Eduardo Luis Cupertino Ballester / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Palotina, Departamento de Zootecnia, Programa de Pós-Graduação em Aquicultura e Desenvolvimento Sustentável, defesa: Palotina, 29/07/2014 / Inclui referências / Área de concentração : Produção de organismo aquáticos / Resumo: O camarão de água doce Macrobrachium amazonicum possui potencial para criação e comercialização por apresentar forma sustentável de produção em cativeiro. Esta modalidade é uma alternativa à economia extrativista desta espécie nativa do estuário Amazônico que vem sendo intensamente explorada. Entretanto, mais detalhes sobre a biologia alimentar e exigências nutricionais são necessários para produção em cativeiro desta espécie; o que justifica a investigação do nível ótimo de energia bruta para formulação de dietas. O experimento foi realizado na Universidade Federal do Paraná, Setor Palotina - Brasil, utilizando pós-larvas de M. amazonicum com peso e comprimento médio de 0,043±0,01g e 7,99±1,72mm, distribuídas na densidade de 150m-2, em 25 unidades experimentais sob delineamento inteiramente casualizado, com 5 tratamentos e 5 repetições. Os tratamentos consistiram de 5 dietas práticas isoproteicas (35% de proteína bruta) com níveis variáveis de energia bruta em cada tratamento (3.600; 3.800; 3.100; 4.300 e 4.700 kcal.kg-1). Após 45 dias do período experimental as pós-larvas foram contadas e medidas para avaliação da sobrevivência (S), ganho de peso (GP), comprimento total (CT), conversão alimentar aparente (CAA), taxa de eficiência alimentar (TEA), taxa de retenção proteica (TRP) e taxa de retenção energética (TER). As variáveis de qualidade de água foram testadas pela análise de variância (ANOVA) e não apresentaram diferenças significativas (p>0,05), sendo as condições ambientais consideradas estáveis, semelhantes e adequadas para camarões de água doce. As análises bromatológicas da carcaça mostraram que a matéria seca, cinzas, proteína bruta e energia bruta, não foram influenciados pelo nível energético da dieta (p>0,05). A S(%) foi adequada em todos tratamentos (>82,4±8,3) e também não influenciada pelos níveis energéticos da dieta. A análise de variância para regressão (?=0,05) permitiu estimar que o máximo GP e CF são obtidos com 4.000 kcal.kg-1; a quantidade de energia bruta que proporciona menor CAA é 3.925 kcal.kg-1 e a que proporciona maior TEA é 4.000 kcal.kg-1. Estima-se ainda que a maior TRP pode ser obtida 4.181 kcal.kg-1 e a maior TRE é obtida com 4.130 kcal.kg-1 de EB na dieta. A relação energia:proteína (E:P) de 10,28, mais baixa no tratamento 3.600 kcal.kg-1 pode ser responsável pelo pior CAA e TEA, resultando provavelmente no catabolismo proteico como forma de fornecimento de energia aos processos vitais, causando menor retenção e eficiência proteica, assim como menor crescimento. Já a relação mais alta, no tratamento 4.700 kcal.kg-1 ao fornecer relação E:P de 13,43 pode ter comprometido a ingestão do alimento, tendo a energia como um limitante de consumo. Esta observação pode ser confirmada pelos dados de TEA, que tem índice menor com extremos da relação E:P. Os dados obtidos e analisados nesta pesquisa demonstram que a energia da dieta interfere nos resultados de desempenho zootécnico, revelando ainda, de forma significativa, a importância do seu balanço para maximizar as respostas das pós-larvas do M. amazonicum. Palavras-chave: Nutrição pós larvas. Exigências. Desempenho. / Abstract: The fresh water prawn Macrobrachium amazonicum has great potential for aquaculture production as an alternative for the extractive fishery on the Amazon estuarine areas. However little is known about this species feeding behavior and nutritional requirements. Therefore, the aim of the present work was to determine the optimum level of energy in the diets of M. amazonicum post larvae (PL). The trial was carried out at the Prawn culture laboratory from Paraná Federal University - Sector Palotina, Palotina - Brazil. M. amazonicum post larvae with a mean weight of 0.043 ± 0.01g and mean total length of 7.99 ±1.72 mm were stocked at an equivalent density of 150 PL.m-2, in 25 experimental glass tanks Experimental units were randomly assigned to 5 treatments, consisting of 5 diets with 35 % of crude protein and increasing levels of crude energy as follows: 3,600; 3,800; 4,100; 4,300 and 4,700 kcal.kg-1, each treatment had 5 replicate tanks. After 45 days PLs were counted, measured and weighted to determine Survival (S), weight gain (WG), final length (FL), Feed conversion rate (FCR), Feed efficiency (FE), Protein retention index (PRI) and Energy retention index (ERI). Water quality factors monitored during the experimental period were evaluate by ANOVA and did not shown significant differences (p>0.05), all the water quality factors evaluated were considered suitable for fresh water prawn culture. Proximate composition analysis of shrimp carcass shown that dry matter, ash content, crude protein and crude energy of prawn tissue were not affected by diet energy level (ANOVA; p>0,05). Survival was above 82 % in all treatments without significant differences (p>0,05). The analysis of variance for regression used to evaluate prawn performance (?=0,05) showed that higher weight gain and final length were obtained with energy level of 4,000 kcal.kg-1; the level of energy that lead to best feed conversion ratio was 3,925 kcal.kg-1 and to provide best feed efficiency index optimum energy level used should be 4.000 kcal.kg-1. Furthermore to achieve the highest Protein retention index the recommended energy level would be 4,181 kcal.kg-1 and for the highest Energy retention index the energy level would be 4,130 kcal.kg-1. The lowest energy:protein ratio (10,28) in the treatment 3,600 kcal.kg-1 was probably responsible for the highest feed conversion ratio and lower feed efficiency, related with the use of protein as energy source. Conversely, higher energy:protein ratio in the treatment 4.700 kcal.kg-1 may have inhibited feed consumption. These may be confirmed observing the feed efficiency index with was lower at the extremes of energy:protein ratio. The results of the present research confirm that the energy level and energy:protein ratio significantly influences M. amazonicum, being very important his balance to the maximum response of post larvae. Key words: Post larvae nutrition. Requirement. Growth prawn.
5

Aspectos clínicos, anatomo-patológicos e epidemiológicos do sarcoíde equino : estudo de 30 casos

Gomiero, Rennê Leonardo Sant'ana January 2014 (has links)
Orientador: Prof. Raimundo Tostes / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Palotina, Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal. Defesa: Palotina, 15/10/2014 / Inclui referências / Área de concentração : Saúde Animal / Resumo: O Sarcóide Equino é uma das mais importantes neoplasias de equinos. O presente trabalho analisa 30 casos, avalia as diferenças de distribuição anatômica, as características epidemiológicas dos animais e a correlação entre os aspectos clínicos e os achados histopatológicos destes casos. O material foi avaliado histologicamente em lâminas com cortes dentre 3 e 5 ?m coradas por hematoxilina-eosina e os dados dos animais por meio de ficha para coleta de dados e dos prontuários. Os machos foram mais afetados em comparação às fêmeas e quanto a localização, houve diferença significativa entre sarcóides verrucosos, que não ocorreram em membros e os fibroblásticos foram encontrados em sua maioria na cabeça e região cervical. Houve prevalência entre animais mestiços e Quarto de Milha em comparação às outras raças. Foi encontrada maior ocorrência entre animais entre 3 e 7 anos de idade. Houve maior incidência dos tipos clínicos fibroblástico (45,4%) e verrucoso (30,3%), com os tipos nodular (15,1%) e misto (9,1%) menos presentes e sem amostras dos tipos malevolente e oculto. Todos os tipos clínicos apresentaram grande ocorrência de paliçadas juncionais, projeções epiteliais, hiperplasia epidérmica, número aumentado de fibroblastos e espirais fibroblásticos, com a hiperceratose mais evidenciada nos tipos nodulares. A atividade inflamatória e índice mitótico foram baixos em todos os tipos clínicos. O tipo clínico verrucoso apresentou menos ulceração e menor ocorrência quanto aos folículos pilosos císticos. Palavras Chave: dermatologia, tumor, pele, mesenquimal, patologia. / Abstract: Equine Sarcoid is a remarkable equine neoplasia. The present study analyse 30 sarcoid cases, evaluate differences in anathomical site distribution, epidemiological data and correlation between clinical aspects and histopathological findings. The samples were evaluate histologically in slides staining by Hematoxyline and Eosine; the animal data were collected by an instrument of collecting data and the archives files. Male were most affected in comparison to female; related to localization, was verified that verrucous type doesn't occurs in limbs and fibroblastic type was found in head and cervical region mostly. The prevalence among crossbred and quarter horse were higher than any other breeds. Occurrence were higher among 3 and 7 years old animals. Incidence were higher in fibroblastic (45,4%) and verrucous type (30,3%), with nodular (15,1%) and mixed (9,1%) less present, and no register of malevolent and occult type. All clinical types showed marked occurrence of picket fence, rete pegs, epidermal hyperplasia, high number of fibroblasts and whorling fibroblast patterns, with evident hyperkeratosis in nodular types. Inflammatory response and mitotical index were low in all clinical types. The verrucous clinical type were less ulcerated and lower occurrence related to cystic hair follicles. Keywords: dermatology, tumours, skin, mesenchymal, pathology.
6

Estudo da avaliação laboratorial e ocorrência da infecção pela Leishmania spp. nos felinos domésticos de uma região periurbana Distrito Federal

Marodin, Nayara Brea 28 February 2011 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária, 2011. / Submitted by Matheus Denezine (matheusdenezine@yahoo.com.br) on 2011-06-22T18:24:59Z No. of bitstreams: 1 2011_NayaraBreaMarodin.pdf: 3730305 bytes, checksum: 2d0879ade8c4789e2326a690418afa28 (MD5) / Approved for entry into archive by Guilherme Lourenço Machado(gui.admin@gmail.com) on 2011-06-27T13:38:05Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2011_NayaraBreaMarodin.pdf: 3730305 bytes, checksum: 2d0879ade8c4789e2326a690418afa28 (MD5) / Made available in DSpace on 2011-06-27T13:38:05Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2011_NayaraBreaMarodin.pdf: 3730305 bytes, checksum: 2d0879ade8c4789e2326a690418afa28 (MD5) / O presente estudo teve como objetivo verificar a ocorrência da infecção por Leishmania spp. em felinos domésticos em uma área endêmica para leishmaniose visceral humana e canina do Distrito Federal (Sobradinho II), caracterizar as principais alterações hematológicas, bioquímicas e clínicas da infecção por Leishmania spp. e identificar as espécies que acometem os animais infectados. Foram utilizados amostras de sangue de 89 gatos domiciliados, sem raça definida (SRD), machos e fêmeas de diferentes idades. Os animais foram submetidos a exame clínico e as amostras foram utilizadas para hemogramas, testes bioquímicos e PCR para identificação dos animais positivos. Foram coletadas 10 amostras de linfonodos, medula óssea e pele de animais positivos, utilizados para o diagnóstico da infecção por Leishmania spp. por meio de técnicas moleculares(PCR e RFLP-PCR), parasitológico, imunohistoquímica, imunocitoquímica e cultivo celular. Não foram observados diferenças (p>0,05) entre os grupos positivos e negativos nos hemogramas e testes bioquímicos. Na PCR, foram identificadas 53 amostras de sangue positivas para Leishmania spp. (59,55%). Na PCR de outros tecidos, 9/10 amostras de linfonodos e medula óssea foram positivas e 8/10 dos fragmentos de pele foram positivas. Pelo menos um outro tecido também foi positivo além do sangue e, em 7/10 dos animais todos os tecidos testados foram positivos. Todas as amostras foram negativas para as outras técnicas testadas. Por meio da RFLP-PCR foi identificado infecção por L. infantum em amostras de sangue e nos outros tecidos. Os resultados encontrados nos permite concluir que a infecção por Leishmania spp. ocorre com alta freqüência nos felinos domésticos e pode estar presente em áreas onde não há Leishmaniose Visceral Humana; a espécie L. infantum é que a acomete os felinos domésticos e pode estar presente em diferentes tecidos; que não há alterações hematológicas, bioquímicas e clinicas significativas quando comparados com os animais negativos. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT / This report had the objective of verifying the incidence of Leishmania spp. in domestic cats in an endemic area for human and canine visceral Leishmaniasis in the Federal District (Sobradinho II), to characterize the main hematological, biochemical and clinical alterations caused by Leishmania spp. and to identify the species that attack the infected animals. 89 domestic cats’ blood samples were used, mixed breed male and female of various ages. The animals went through clinical examination and the samples were used in hemograms, biochemical tests and PCR for identification of the animals who were positive. 10 samples of linfonodes, marrow bone and skin of positive animals were collected and used for diagnosis of the infection for Leishmania spp. using molecular technics (PCR and RFLP-PCR), parasitological, immunohistochemistry, immunocytochemistry and cell culture. No differences were observed (p>0, 05) between positive and negative groups in the hemograms and biochemical tests. In the PCR, 53 positive blood samples were identified for Leishmania spp. (59,55%). In the PCR for other tissues ,9/10 samples of linfonodes and bone marrow were positive and 8/10 of the skin samples were positive. At least one other tissue was positive besides the blood and in 7/10 of the animals all the tissues tested were positive. All the samples were negative for the other techniques used. Using RFLP-PCR, infection by L. infantum was identified in blood samples and in the other tissues. The results allows us to conclude that infection by Leishmania spp. has a high incidence in domestic cats and can be present in areas were there is no human visceral leishmaniasis. A type of L. infantum is what affects domestic cats and can be present in different tissues and that there are no significant hematological, biochemical and clinical alterations when compared with the negative animals.
7

Efeitos da injeção epidural de metadona no controle da dor pós-incisional em equinos

Leite, Ceci Ribeiro 10 May 2010 (has links)
Dissertação (mestrado)–Universidade de Brasília, Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária, 2010. / Submitted by Shayane Marques Zica (marquacizh@uol.com.br) on 2011-02-24T18:20:52Z No. of bitstreams: 1 2010_CeciRibeiroLeite.pdf: 1056843 bytes, checksum: 8756eba53ce6adbbbf188d97e1ca3f71 (MD5) / Approved for entry into archive by Luanna Maia(luanna@bce.unb.br) on 2011-03-11T13:55:06Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2010_CeciRibeiroLeite.pdf: 1056843 bytes, checksum: 8756eba53ce6adbbbf188d97e1ca3f71 (MD5) / Made available in DSpace on 2011-03-11T13:55:06Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2010_CeciRibeiroLeite.pdf: 1056843 bytes, checksum: 8756eba53ce6adbbbf188d97e1ca3f71 (MD5) / O presente estudo teve como objetivo avaliar a eficácia analgésica e efeitos sistêmicos da metadona comparada à cetamina, quando administrada por via epidural em equinos. Foram utilizados 15 animais adultos, 10 fêmeas e cinco machos, sem raça definida, com idades variando de 4 a 10 anos com massas de 287 ± 37kg, distribuídos em três grupos de cinco animais cada. Foi realizada uma incisão atingindo pele e tecido subcutâneo na região caudal da coxa direita de cada animal. Cerca de 60 minutos depois, os equinos receberam injeções epidurais de metadona (0,1mg.kg-1), cetamina (1,0 mg.kg-1) ou solução de NaCl 0,9% (salina), sendo o volume total (VT) da injeção, nos três grupos, calculado segundo a fórmula: VT = 3,4mL + (peso em kg x 0,013) e completado com solução salina. Os parâmetros aferidos foram: frequência cardíaca (FC), frequência respiratória (f), temperatura retal (TR) e pressão arterial sistólica (PAS), além da avaliação do limiar nociceptivo, mensurado por meio de estimulação mecânica com os filamentos de von Frey. Todos os parâmetros foram avaliados a cada 15 minutos na primeira hora após a injeção epidural, a cada 30 minutos nas próximas 3 horas, a cada 2 horas nas 8 horas subsequentes e depois às 18 e 24 horas após a injeção. Tanto a metadona quanto a cetamina promoveram analgesia, porém a metadona apresentou período de latência mais curto (15 minutos versus 45 minutos do grupo cetamina) e analgesia mais intensa e duradoura (até 195 minutos, enquanto no grupo cetamina durou até 135 minutos). Além disso, clinicamente a metadona apresentou efeito analgésico superior ao da cetamina promovendo limiares mais altos em 85,5% dos tempos de avaliação, enquanto a cetamina foi superior à metadona apenas em 10,5% dos tempos. A analgesia promovida por ambos os fármacos foi equivalente em 4% dos tempos de avaliação. Não houve alterações na FC, f, ou PAS em nenhum dos grupos. A TR se elevou dos 210 aos 720 minutos nos três grupos. O grupo que recebeu cetamina apresentou alto índice de ataxia (80%). A metadona na dose de 0,1mg.kg-1 por via epidural não gerou efeitos adversos em equinos e promoveu analgesia significativa, sendo indicada como opção para o tratamento da dor inflamatória nesta espécie. _______________________________________________________________________________________ ABSTRACT / This study aimed to evaluate the analgesic efficacy and systemic effects of methadone compared to ketamine when administered via epidural injection in horses. A total of 15 adult crossbreed animals, ten female and five male, aged 4 to 10 years old, weighting 287 ± 37kg were separated in three groups of five animals each. A skin and subcutaneous tissue incision was performed in the caudal region of the right thigh of each animal. About 60 minutes later, the horses received epidural injections of methadone (0.1 mg.kg-1), ketamine (1.0 mg.kg-1) or 0.9% NaCl solution (saline), and the total volume (TV) of the injections in the three groups was calculated by the formula: TV = 3.4 mL + (weight in kg x 0.013) and completed with saline. The parameters measured were: heart rate (HR), respiratory rate (RR), rectal temperature (RT) and systolic arterial pressure (SAP), besides the evaluation of nociceptive threshold, measured by means of mechanical stimulation with von Frey filaments. All parameters were evaluated every 15 minutes during the first hour after epidural injection, every 30 minutes in the next three hours, every two hours in the subsequent eight hours and then at 18 and 24 hours after injection. Both ketamine and methadone promoted analgesia, but methadone showed shorter latency period (15 minutes versus 45 minutes of the ketamine group) and more intense and long lasting analgesia (up to 195 minutes, while in the ketamine group lasted until 135 minutes). Furthermore, methadone showed clinically superior analgesic effect than ketamine, promoting higher thresholds in 85.5% of the times assessed, while ketamine was superior to methadone only in 10.5% of the times. The analgesic effects of both drugs was equivalent in 4% of the evaluation times. There were no significant changes in HR, RR or SAP in either group. The RT has risen from 210 to 720 minutes in all groups. The group that received ketamine had a high rate of ataxia (80%). Methadone (0.1 mg.kg-1) via epidural injection did not generate adverse effects in horses and promoted significant analgesia being indicated as an option for the treatment of inflammatory pain in this species.
8

Estudo da toxicidade de diferentes estágios de crescimento da Brachiaria decumbens em ovinos

Santos Júnior, Helvécio Leal 11 December 2008 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária, 2008. / Submitted by Elna Araújo (elna@bce.unb.br) on 2010-03-24T21:50:33Z No. of bitstreams: 1 2009_HelvecioLealSantosJunior.pdf: 1422454 bytes, checksum: d6ba3f63ea8dba7e9c2cd063c4a2d68f (MD5) / Approved for entry into archive by Daniel Ribeiro(daniel@bce.unb.br) on 2010-05-17T18:27:14Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2009_HelvecioLealSantosJunior.pdf: 1422454 bytes, checksum: d6ba3f63ea8dba7e9c2cd063c4a2d68f (MD5) / Made available in DSpace on 2010-05-17T18:27:14Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2009_HelvecioLealSantosJunior.pdf: 1422454 bytes, checksum: d6ba3f63ea8dba7e9c2cd063c4a2d68f (MD5) Previous issue date: 2008-12-11 / Foram introduzidos em três piquetes (P, M e G) cultivados com Brachiaria decumbens, 21 ovinos, machos, de 4 meses de idade, durante dois meses. Nos piquetes a forrageira tinha 15, 45 e 90 dias de crescimento respectivamente. O aumento na concentração da enzima sérica aspartatoaminotransferase ocorreu na semana após o inicio do experimento nos grupos P e M e sétima semana no grupo G, enquanto que o aumento da gamaglutamiltransferase ocorreu na segunda semana no grupo P e M e no grupo G ocorreu na quarta semana. Os principais sinais clínicos incluíram apatia, fotofobia, secreção ocular bilateral, hiperemia e icterícia de mucosas além de edema de face. Quando os animais apresentavam os sinais clínicos severos da intoxicação eram retirados do experimento e realizava-se a biópsia hepática guiada por ultrasom. Os ovinos que morreram foram necropsiados. Os achados de necropsia foram a hepatomegalia e distensão da vesícula biliar. Na avaliação microscópica das biópsias e dos animais necropsiados os principais achados incluíam: tumefação e vacuolização de hepatócitos, macrófagos espumosos, colestase e cristais na luz de ductos biliares. A microscopia eletrônica do fígado dos animais intoxicados revelou hiperplasia de retículo endoplasmático liso associado a presença de cristais no citoplasma de hepatócitos. Não foram observados esporos do fungo Pithomyces chartarum nas coletas realizadas durante o experimento. Na avaliação dos níveis de protodioscina o grupo P, grupo em que a pastagem apresentava intensa brotação apresentou a maior concentração dos níveis de protodioscina. ________________________________________________________________________________________ ABSTRACT / Were introduced into three paddocks (P, M e G) cultivated with Brachiaria decumbens, 21 sheep, male, from 4 months of age, for two months. In the pickets had forage 15, 45 and 90 days of growth respectively. Increase in the concentration of seric enzyme aspartatoaminotransferase occurred in the after the start of the experimente in group P and M and at the seventh week in group G, while the increase in gamaglutamiltransferase ocorred in the second week in group P and M and in group G occurred in the fourth week. The main clinical signs included apathy, photophobia, bilateral ocular secretions, mucous hyperemia of jaundice and facial swelling. When the animals showed clinical signs of sever intoxication they were withdraw from the experiment and it was performed an ultrasound guided liver biopsy. The sheep´s that died were necropsied. The findings of the necropsy were hepatomegaly and distension of the gallbladder. In the microscopic assessment of biopsies and animals corpses the main findings included: swelling and vacuolization of hepatocytes, macrophages sparkling, crystal and cholestasis in light of bile ducts. The electron microscopy of liver of the poisoned animals reveled hyperplasia of smooth endoplasmic reticulum associated with the presence of crystals in the cytoplasm of hepatocytes. There were no Pitomyces chartarum spore in samples taken during the experiment. In assessing the levels of protodioscina the group P, group where the pasture was intense shooting had the highest concentration levels of protodioscina.
9

Caracterização das Miíases em animais nas cidades de Brasília (Distrito Federal) e Formosa (Goiás)

Cansi, Edison Rogério 04 February 2011 (has links)
Doutorado (tese)-Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Biológicas, Mestrado em Biologia Animal, 2011. / Submitted by Débora Amorim Romcy Pereira (deboraromcy@bce.unb.br) on 2011-06-27T12:19:58Z No. of bitstreams: 1 2011_EdisonRogerioCansi.pdf: 8946448 bytes, checksum: 0dbcd90eb9e2e37dc0ec12d61f1230e9 (MD5) / Approved for entry into archive by Guilherme Lourenço Machado(gui.admin@gmail.com) on 2011-06-27T14:48:50Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2011_EdisonRogerioCansi.pdf: 8946448 bytes, checksum: 0dbcd90eb9e2e37dc0ec12d61f1230e9 (MD5) / Made available in DSpace on 2011-06-27T14:48:50Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2011_EdisonRogerioCansi.pdf: 8946448 bytes, checksum: 0dbcd90eb9e2e37dc0ec12d61f1230e9 (MD5) / A miíase é uma zoonose caracterizada pela infestação dos vertebrados vivos por larvas de dípteros, que se alimentam do tecido vivo ou morto do seu hospedeiro ou de suas substâncias corporais líquidas. A enfermidade é um problema econômico e de saúde pública para os países da América Latina, porém subestimada pela pesquisas epidemiológicas e faunísticas no Brasil, com ênfase no Centro-Oeste e Norte. O objetivo desta pesquisa é descrever e conhecer as principais características das miíases em animais domésticos e silvestres no Distrito Federal e Formosa (Estado de Goiás), durante o ano de 2008 a 2010, e descrever o imaginário da população rural do município de Formosa em relação às miíases dos animais domésticos, com ênfase aos bovinos e humanos. O trabalho é dividido duas partes: casos clínicos e etnoparasitologia. No intuito de levantamento da casuística são obtidas larvas de miíases dos casos cedidos pelas clínicas, criadouros e zoológico da região com a posterior identificação das larvas e adultos em laboratório. O conhecimento etnoparasitológico foi obtido com entrevistas semi estruturadas durante 2009 a 2010 à 50 produtores rurais de Formosa. As questões abordam sobre as definições da doença e seus agentes etiológicos, o ciclo biológico das espécies de parasitas e os métodos empregados no tratamento segundo as tradições locais, verificando a percepção dos habitantes locais sobre as relações hospedeiro-parasita. Nos achados clínicos, o parasita C. hominivorax foi o que teve maior ocorrência, infestando cães, um gato, mamíferos silvestres e exóticos, aves e bovinos, porém obtiveram-se casos inéditos para região de Lucilia eximia, Musca domestica e Cuterebra apicalis em cães. Em animais ii silvestres verificou-se o ineditismo no parasitismo por Lucilia eximia em um mamífero e uma ave exótica; Philornis angustifrons em seis filhotes de Gnorimopsar chopi; por Sarcophaga sp em Lama glama e 11 casos de miíase obrigatória furuncular nos marsupiais Gracilinanus agilis, e roedores Hylaeamys megacephalus com os parasitas Cuterebra apicalis e Cuterebra sp. As características dos casos de miíases em cães foram: animais com raça, adultos, machos e com residência em casas urbana. A população local apresenta uma relação íntima com as bicheiras, conhecendo muitas das suas etapas do ciclo biológico e apresentando um rico repertório de denominações aos seus agentes etiológicos. Entretanto, o mesmo não foi verificado em relação ao berne, algumas vezes até mesmo o parasitismo era desconhecido. A pesquisa destaca também a influência do sincretismo religioso e conhecimento popular no tratamento e manejo das miíases em animais e humanos. Este trabalho evidencia a biodiversidade parasitária expondo casos inéditos de parasitismo no Centro-Oeste brasileiro, e sua importância como mecanismo de conservação, bem estar animal e conhecimento da diversidade cultural. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT / Myiasis is a zoonotic disease characterized by infestation of live vertebrates by dipterous larvae, which feed on dead or living tissue of its host or its liquid body substances. The disease is an economic problem and public health for the countries of Latin America, meanwhile underestimated by epidemiological research and wildlife in Brazil, with emphasis on the Midwest and North region. The objective of this research is to describe and understand the main features of myiasis in domestic and wild animals in the Distrito Federal and Formosa (State of Goiás), during the years 2008 to 2010, and describe the imaginary of the Formosa rural population in relation to myiasis of domestic animals with emphasis on cattle and humans. The work is divided into two parts: case reports and ethnoparasitology. In order to survey the sample are obtained larvae of myiasis cases disposed of by clinics, breeding and zoo in the region with the subsequent identification of larvae and adults in the laboratory. In clinical parasite. During 2009 to 2010, the ethnoparasitology knowledge was obtained with semi structured questionnaire applied an to 50 native farmers. The questions reports the definitions of the disease and its etiologic agents, the life cycle of the parasite species and the methods used in the treatment according to local traditions, checking the perspective of locals on host-parasite relationships. In the clinical findings, the parasite C. hominivorax was the one with the highest occurrence, infesting dogs, a cat, and exotic mammals, birds and cattle, however we obtained the unprecedented event for the region of Lucilia eximia, Musca domestica and Cuterebra apicalis in dogs. In wild animals there was an unprecedented parasitism by Lucilia eximia in a mammal and an exotic bird; Philornis angustifrons in six iv nestlings Gnorimopsar chopi; by Sarcophaga sp. in Lama glama and 11 cases required myiasis furuncular Gracilinanus agilis in marsupials, and rodents Hylaeamys megacephalus with parasites Cuterebra apicalis and Cuterebra sp. The characteristics of myiasis cases in dogs was: of the animals with breed, male adults and living in urban homes. The local population has an intimate relationship with the BICHEIRA knowing many of his stages of life cycle and providing a rich repertoire of names to their etiological agents. However, it was not checked against BERNE, sometimes even the parasitism was unknown. The research also highlights the influence of religious syncretism and popular knowledge in the treatment and management of myiasis in animals and humans. The research also highlights the influence of religious syncretism and popular knowledge in the treatment and management of myiasis in animals and humans. It is research evidence the parasite biodiversity exposing new cases of parasitism in the Brazil Central region, and its importance as a mechanism for conservation, animal welfare and knowledge of cultural diversity.
10

Influência do tratamento dentário nas características do líquido sinovial da articulação temporomandibular em equinos

Zambrano, Roberto dos Santos 04 May 2010 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária, 2010. / Submitted by Washington da Silva Chagas (washington@bce.unb.br) on 2011-03-18T17:09:46Z No. of bitstreams: 1 2010_RobertodosSantosZambrano.pdf: 2157450 bytes, checksum: a5786d04131c3344c16832745e7eedee (MD5) / Approved for entry into archive by Daniel Ribeiro(daniel@bce.unb.br) on 2011-03-19T00:53:44Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2010_RobertodosSantosZambrano.pdf: 2157450 bytes, checksum: a5786d04131c3344c16832745e7eedee (MD5) / Made available in DSpace on 2011-03-19T00:53:44Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2010_RobertodosSantosZambrano.pdf: 2157450 bytes, checksum: a5786d04131c3344c16832745e7eedee (MD5) / Primeiramente foram estudadas as características físico-químicas e citológicas do líquido sinovial da articulação temporomandibular de seis equinos hígidos. Verificou-se que o líquido é viscoso, amarelo claro a citrino, límpido e livre de partículas. A taxa de glicose variou entre 100 e 250 mg/dl e a concentração protéica não ultrapassou 2,0g/dL. O número médio de células nucleadas foi de 418 células/µL, com predominância de grandes células mononucleares e linfócitos. Após isto, avaliou-se as características físico-químicas e citológicas do LS da ATM em equinos com alterações dentárias, bem como o efeito do tratamento dentário sobre estas características. Para tal foram utilizados 24 eqüinos, sendo 18 portadores de alterações dentárias e seis animais com ausência dessas alterações, os quais foram utilizados como controle (GC). Os animais portadores de alterações dentárias foram divididos em três grupos experimentais em diferentes faixas etárias (GI - 60 a 84 meses, GII - 85 a 120 meses e GIII - 121 a 156 meses). As características físico-químicas e citológicas do líquido sinovial da articulação temporomandibular e o peso corpóreo dos grupos I, II e III foram avaliados antes e 60 dias após o tratamento odontológico. Os animais apresentavam alterações dentárias leves como ganchos, pontas de esmalte com excessivo desenvolvimento e degraus. Não foram verificados diferenças estatisticamente significativas entre os parâmetros, antes e depois do tratamento dentário. Houve ganho de peso em 75% dos animais. Alterações dentárias leves, como as encontradas neste estudo, não causam alterações físico-químicas e citológicas no líquido sinovial. Com o envelhecimento do animal há diminuição de volume de LS na ATM e aumento da densidade e proteína total. O tratamento odontológico não influenciou nos parâmetros físico-químicos e citológicos no líquido sinovial da ATM, pois o mesmo se mostrou sem alterações em relação ao grupo controle tanto antes quanto após o tratamento. Os resultados obtidos mostram que outras frentes de estudo, como análise de citocinas, devem ser consideradas para mostrar a relação direta da qualidade do líquido sinovial da articulação temporomandibular e problemas associados às alterações dentárias. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT / First it was studied the physical, biochemical and cytological characteristics of the temporomandibular joint synovial fluid were studied in six healthy horses. It was found that the fluid is viscous, light yellow to citrine, clear and free of particles. The glucose was between 100 and 250 and protein concentration did not exceeded 2.0 g/dL. The nucleated cells mean nunber was 418 cells / mL, with a predominance of large mononuclear cells and lymphocytes. After this, we evaluated the physical, biochemical and cytological characteristics of the temporomandibular joint synovial fluid in horses with dental changes and the effect of dental treatment on these characteristics. For this we used 24 horses, 18 patients with dental abnormalities and six animals with absence of these abnormalities, which were used as control group (CG). Animals showing dental abnormalities were divided into three groups divided by age (GI-60 a 84 months, GII-85 a 120 months and GIII-121 a 156 months). The physico-chemical and cytological analysis of synovial fluid of temporomandibular joint and body weight in groups I, II and III were evaluated before and 60 days after dental treatment. The animals had abnormal dental light as hooks, excessive enamel points and steps. There was not statistically significant differences in parameters before and after dental treatment. There was weight gain in 75% of animals. Light dental abnormalities, like those found in this study do not cause changes physicochemical and cytologic in synovial fluid. With the aging of the animal there is a decrease in volume of LS in TMJ and increased density and total protein. The dental treatment did not influence the physical and chemical parameters and synovial fluid cytology in the ATM, because it showed no change compared to the control group both before and after treatment. The results show that study of other fronts, such as analysis of cytokines, due to be considered to show the direct relationship of quality of temporomandibular joint synovial fluid and problems associated with dental abnormalities.

Page generated in 0.0637 seconds