• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 30
  • 3
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 33
  • 33
  • 33
  • 20
  • 17
  • 16
  • 16
  • 15
  • 11
  • 10
  • 9
  • 8
  • 8
  • 7
  • 7
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Uma proposta para a integração de sistemas de gestão

CAMPOS, Carlos Alberto de Oliveira January 2006 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T17:36:58Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo7437_1.pdf: 870580 bytes, checksum: 0003dd782bbe29aa92419a4fc7304ef7 (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2006 / A integração de sistemas de gestão é abordada na literatura pesquisada mais como um alinhamento de normas de sistemas de gestão, no entanto, uma integração de sistemas de gestão não deve limitar-se a apenas alinhamento. Não há na literatura um consenso do que seja uma integração de sistemas de gestão, pois alguns autores entendem uma integração como sendo alinhamento normas de sistemas de gestão, outros, sem discordar da importância do alinhamento, incorporam outros elementos como o fator humano. Não foi identificada dentro da pesquisa bibliográfica realizada nenhuma abordagem que fizesse uso de matemática, então propõe-se, neste trabalho, apresentar uma definição de integração de sistemas de gestão com base na Teoria Geral dos Sistemas e da Teoria dos Conjuntos que comporte e amplie as já pesquisadas. O número de sistemas de gestão normalizados tem aumentado continuamente, tendo sido o da Qualidade o primeiro, vindo logo em seguida o Ambiental. Há também uma tendência de se ampliar o número de sistemas de gestão dentro das organizações e tem-se verificado que redundâncias de atividades entre os sistemas isolados geram custos que poderiam ser evitados quando da integração desses sistemas de gestão. Observa-se, ainda, que há uma lacuna na literatura da área entre o momento da decisão de se adotar um Sistema Integrado de Gestão e sua implementação. Este trabalho, de cunho epistemológico, propõe uma abordagem sistêmica para uma etapa anterior à da implementação da integração, ou seja, a fase de estudo sobre a viabilidade e elaboração de projeto. Uma vez ampliado o conceito de integração de sistemas de gestão, de forma a contemplar o alinhamento de normas, o compartilhamento dos recursos humanos e de se entender um Sistema Integrado de Gestão à luz da Teoria Geral dos Sistemas, procurou-se fazer uso de Programação Matemática na integração dos recursos humanos. As atividades dos sistemas com suas entradas, saídas, processadores e acoplamentos, foram aplicadas de forma análoga a um diagrama de circuito elétrico, facilitando a visualização e estudos de integração de sistemas. O modelo proposto de integração de sistemas de gestão foi aplicado em uma organização do setor de energia elétrica, tendo mostrado sua viabilidade na otimização de recursos
2

Uma proposta de práticas para reduzir os riscos nas mudanças de parâmetros nos sistemas integrados de gestão empresarial

Cesar Pires de Oliveira Lima, Carlos 31 January 2009 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T15:55:59Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo2337_1.pdf: 8584551 bytes, checksum: 7697ea5bb7c40f2beec2e8f009d00cda (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2009 / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico / Os Sistemas Integrados de Gestão Empresarial, também conhecidos como ERPs, são utilizados cada vez mais nas organizações de vários portes e setores. São sistemas de Informação desenvolvidos por produtoras de software aplicativo, com a característica de prover um conjunto funcionalidades padronizadas e de escopo amplo para suportar os processos de negócios das empresas que os adotam. As empresas produtoras destes sistemas adotam modelos de maturidade e de processos de gerenciamento do ciclo de vida do desenvolvimento para alcançar a qualidade do produto final no atendimento concreto dos requisitos funcionais e não-funcionais. As organizações usuárias destes Sistemas Integrados de Gestão Empresarial os configuram através de parametrizações de dados que determinam o comportamento das funcionalidades, de acordo com suas próprias necessidades e demandas de negócio. Esta dinâmica operacional de uso e configuração dos parâmetros dos Sistemas Integrados de Gestão Empresarial envolve riscos organizacionais que podem ser reduzidos. Nesta pesquisa apresentamos uma proposta de um conjunto de práticas que foram elaboradas a partir do processo empresarial unificado, proposto por Scott W. Ambler, que estende o gerenciamento do ciclo de vida do software, o gerenciamento empresarial de riscos proposto pelo COSO e o gerenciamento de mudanças e configuração proposto pelo ITIL, focando reduzir os riscos relacionados às alterações de conteúdo nos parâmetros dos Sistemas Integrados de Gestão Empresarial
3

A Influência dos Sistemas Integrados de Gestão nos Papéis Gerenciais Estudo de Caso em uma Indústria Portuguesa

Patrícia Pessoa Brito, Ana 31 January 2011 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T15:08:25Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo2737_1.pdf: 618827 bytes, checksum: f155a1492f33575df09cf0ec70a7b1de (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2011 / Os Sistemas Integrados de Gestão (ERP) constituem uma tecnologia cada vez mais presente e representam grandes transformações nas organizações, mudando as práticas de negócios, processos de trabalho, comportamentos e funções. O interesse central desse trabalho foi a compreensão da influência dos sistemas integrados de gestão nos papéis gerenciais na fase de pós-implementação em uma empresa industrial. Desta forma, foi realizado um estudo de caso com utilização de abordagem interpretativa em uma indústria de madeiras e derivados instalada em Portugal. As interpretações dos resultados indicaram uma predominância de uso transacional do ERP por uma gerência que mostrou-se tecnicista e aprisionada a funções operacionais. O papel do ERP é fundamentalmente percebido como organizador e centralizador. As habilidades requeridas pelo ERP foram associadas basicamente ao seu uso direto na alimentação dos dados e implicam em comportamentos impostos e posturas disciplinadoras referentes à necessidade de organização na realização das tarefas, método e concentração, eliminando qualquer possibilidade de improviso e criação por parte do seu usuário e acarretando na perda de autonomia gerencial. Nas questões estratégicas e nos processos decisórios o uso do ERP foi percebido como insignificante
4

Sistemas integrados de gestão empresarial: estudos de casos de implementação de sistemas ERP.

Souza, Cesar Alexandre de 14 July 2000 (has links)
Este trabalho é um estudo das características dos sistemas ERP (Enterprise Resource Planning), de seus processos de escolha, implementação e utilização, de seus benefícios, suas desvantagens e de seus possíveis impactos nas organizações. No levantamento bibliográfico, são apresentados conceitos relacionados aos sistemas ERP, bem como uma proposta de modelo de ciclo para estes sistemas, com a finalidade de estudar suas diferentes etapas na empresa, procurando estabelecer em cada uma delas quais são os aspectos mais importantes. Na pesquisa empírica realizada, procurou-se identificar e analisar, através do método de estudos de casos múltiplos em 8 empresas, aspectos relacionados ao processo de escolha, implementação e utilização do sistema ERP. Entre os resultados obtidos, destacam-se a análise da influência do modo de início de operação do sistema nas etapas de implementação e estabilização do sistema, o detalhamento de características do ciclo de vida dos sistemas ERP e a descrição da relação entre a integração oferecida pelos sistemas ERP e seus benefícios e dificuldades para implementação.
5

Razões de uso e adaptações para implantação dos sistemas integrados de gestão(ERP) e suas aplicações no controle gerencial: estudo comparativo em quatro empresas brasileiras / Reasons for use and adaptation for implemention of integrated management system (ERP) and its implications on management control; a comparative study of four Brazilian companies

Léo Lincoln Leandro 01 March 2011 (has links)
O trabalho discute, com base em dados primários obtidos por meio de entrevistas semi-estruturadas aplicadas a empresas de portes e setores distintos, o impacto da implementação de sistemas integrados de gestão (ERP) sobre o ambiente organizacional. O estudo ressalta complexidade decorrente dos projetos a que se submeteram essas empresas, bem como consequências da implementação desses sistemas sobre a forma de operar das organizações. O estudo teve por objetivo aprofundar o entendimento dos processos de seleção, implementação e utilização de sistemas ERP, bem como o impacto destes sistemas sobre o controle gerencial. Para isso, foram estudados casos em quatro empresas com diferentes estágios de implementação de sistemas ERP, abordando-se o problema por meio de um enfoque bibliográfico, exploratório e descritivo a fim de identificar e analisar os aspectos mais relevantes envolvidos. O trabalho fundamenta-se na interação entre vetores de performance que tem obrigado as empresas a integrar estratégia, controle da gestão, processos empresarias com base em cenários que decorrem de uma economia mais conectada, ágil e intangível. Com a evolução econômica e social as empresas fazem uso de novas estruturas e tecnologias para reduzir seus custos de transação e concentrar-se nas funções essenciais do negócio e, neste intuito, fazem uso dentre outras coisas, dos sistemas ERP nesta busca pela eficiência operacional. Os sistemas ERP nutrem as empresas com informações úteis e confiáveis capazes de exercer uma força indutora à tomada de decisão consistente com a missão e os objetivos da empresa. Diversos autores, ao longo desta década, vêm ressaltando a importância de se avaliar o impacto dos sistemas ERP sobre a efetividade organizacional e seus controles. Neste trabalho argumenta-se que a avaliação dos sistemas integrados de gestão deve estender seu escopo para além das melhorias operacionais decorrentes do software ERP em si, para o impacto estratégico do ERP sobre a posição competitiva da organização. Os achados da aplicação do roteiro de entrevista semi-estruturado e das observações de campo apontam para: (I) percepção positiva quanto às melhorias nos controles, ou por meio da sua instalação ou por meio da melhoria dos sistemas de controle pré-existentes; (II) entendimento de que os projetos de busca e implementação de um sistema ERP aos quais as organizações se submetem, não são fruto de uma boa fundamentação a priori e (III) convergência de entendimento de que é necessário um tempo de maturação a partir da entrada em produção do sistema ERP, pois o contato efetivo dos usuários com o sistema é determinante para ajustes que realimentam a implementação com novas necessidades e em decorrência disto novas parametrizações e customizações continuaram sendo percebidas em todas as empresas da amostra, e neste ponto (IV) aderência à literatura, que enfatiza como um dos pontos negativos da implantação, a enorme dependência criada em relação ao sistema e a empresa fornecedora. De um modo geral as empresas buscam um sistema ERP com o intuito, e a promessa, de redução dos custos e a possibilidade de utilização das informações dentro de um sistema único, e (V) após a implantação percebem que um dos maiores ganhos está no aumento de escopo, de escala e de entendimento de seu sistema de controle.
6

Fatores críticos de sucesso na implantação de sistemas no setor público: um estudo de caso do sistema SIGA ADM módulo protocolo no Instituto Federal do Sertão Pernambucano

Evangelista, Jean Lúcio Santos 06 September 2017 (has links)
Submitted by Núcleo de Pós-Graduação Administração (npgadm@ufba.br) on 2018-04-06T15:18:23Z No. of bitstreams: 1 Dissertação de Mestrado - Jean Lúcio Santos Evangelista.pdf: 1649694 bytes, checksum: ebf84d041a6ba9a26060104d0db4067d (MD5) / Approved for entry into archive by Maria Angela Dortas (dortas@ufba.br) on 2018-04-11T21:43:42Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Dissertação de Mestrado - Jean Lúcio Santos Evangelista.pdf: 1649694 bytes, checksum: ebf84d041a6ba9a26060104d0db4067d (MD5) / Made available in DSpace on 2018-04-11T21:43:42Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Dissertação de Mestrado - Jean Lúcio Santos Evangelista.pdf: 1649694 bytes, checksum: ebf84d041a6ba9a26060104d0db4067d (MD5) / Esta pesquisa teve como objetivo a análise dos fatores críticos de sucesso (FCS) na implementação do sistema SIGA ADM Módulo Protocolo no IF SERTÃO PE. A utilização de FCS é bastante discutida na literatura e aponta uma série de fatores que se seguidos podem maximizar as chances de sucesso na implementação de sistemas. Ao seguir o gerenciamento dos FCS na implementação de sistemas as organizações podem minimizar falhas e alcançar melhores resultados com a adoção da nova ferramenta. O processo de adoção do caso analisado iniciou em junho de 2010, sendo finalizado em meados do início de 2011, período em que a instituição passou por uma readequação dos seus processos, uma vez que migrou da utilização de registros manuais de protocolo para uma solução informatizada. A metodologia utilizada neste trabalho foi o estudo de caso único, utilizando-se como instrumentos de coleta de dados análise documental e entrevistas com os gestores do processo. A pesquisa realizada teve ainda natureza de pesquisa aplicada. Esta pesquisa foi ainda de caráter exploratório e descritivo e como forma de abordagem qualitativa. A análise dos fatores se deu como base no modelo proposto por Catelino, Botter e Itelvino (2009) que propõe um modelo de análise que aborda boa parte dos FCS estudados na literatura e dá um destaque especial as especificidades observadas no setor público. Ao todo vinte e quatro FCS foram objeto de análise, os resultados apontam que destes, dez não foram adequadamente gerenciados na instituição o que pode ter implicado na ineficiência do processo e no consequente abandono do uso do sistema. Os principais aspectos não gerenciados dizem respeito a adequada formação da equipe e suporte da alta gestão. Embora não tenha sido relacionado como fator de sucesso a escolha do produto também teve impacto direto na implementação do sistema e pode ser apontado como um novo fator que deve ser avaliado em processos como este. Assim esta pesquisa deixa como principais recomendações a atenção a formação da equipe no processo de seleção do produto, bem como a realização de um criterioso processo de seleção da ferramenta a ser adotada antes de sua implementação. / This research had the objective of analyzing the critical success factors (FCS) in the implementation of the SIGA ADM Protocol Module in the IF SERTÃO PE. The use of FCS is quite discussed in the literature and points out a series of factors that can maximize the chances of success in the implementation of systems. By following the management of FCS in systems implementation, organizations can minimize failures and achieve better results by adopting the new tool. The process of adoption of the case began in June 2010, and was completed in the middle of the beginning of 2011, a period in which the institution underwent a readjustment of its processes, since it migrated from the use of manual protocol records to a computerized solution. The methodology used in this work was the single case study, using as data collection instruments documentary analysis and interviews with process managers. The applied research was still applied research nature. This research was also exploratory and descriptive and as a qualitative approach. The analysis of the factors was based on the model proposed by Catelino, Botter and Itelvino (2009), which proposes a model of analysis that addresses a good part of the FSC studied in the literature and gives a special highlight to the specificities observed in the public sector. In all twenty-four FCS were analyzed, the results indicate that of these, ten were not adequately managed in the institution, which may have implied inefficiency of the process and the consequent abandonment of the use of the system. The main unmanaged aspects relate to the adequate training of the team and support of the top management. Although it has not been related as a factor of success the choice of product also had a direct impact on the implementation of the system and can be pointed out as a new factor that should be evaluated in processes like this. Thus, this research leaves as main recommendations the attention to the formation of the team in the process of product selection, as well as the accomplishment of a judicious process of selection of the tool to be adopted before its implementation.
7

METRICS, Model for Eliciting Team Resources and Improving Competence Structures : a socio-technical treatise on managing customer professionals in software projects for enterprise information systems

Bellini, Carlo Gabriel Porto January 2006 (has links)
It is still not common in research on software quality to delve into non-technical issues. In the particular case of implementing customized information systems software (CISS), the field is also not completely aware of the importance of managing customers with a formal and objective set of measures that account for their responsibility in projects. CISS products – whose source code is ultimately developed according to each customer’s demands on core business processes – ask developers to pay unique attention to issues like competencies, culture, strategy, and resources of the client organization, as well as to the industry’ critical success factors, best practices, and prospects. The present research adds to software engineering and to organizational theory by introducing a conceptual framework (rationale) and a set of seven indicators, 27 metrics and 88 measures for improving the knowledge and the managerial practices regarding the participation of customers in CISS development.The focus is on managing the customer team (CuTe) – professionals from the client organization that contracts CISS projects, who are assigned special business and information technology (IT) roles for interacting with outsourced developers in such projects, since both customer and external (outsourced) developer teams share project authority and responsibility. Research insights and assumptions were developed throughout a six-year professional interaction with companies in a major Brazilian IT cluster; and a three-year case study within a landmark enterprise resource planning (ERP) implementation in a Brazilian university, supported by indepth interviews with key CuTe professionals in the project, provided the research with compelling data for the assembly and validation of findings. The resultant framework – formed by the rationale and the measurement instruments – is called Model for Eliciting Team Resources and Improving Competence Structures (METRICS), and it is to be used in the industry by customers and external developers to help plan, control, assess, and make historical records of CuTe design and performance in CISS projects. Academicians also benefit from the incorporation of a new perspective with which to deal with the customersupplier interaction in IT endeavors.
8

Utilização dos sistemas integrados de gestão - ERP: estudo de múltiplos casos em pequenas e médias empresas

Maganha, Murilo Roberto Jesus [UNESP] 19 November 2014 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2015-06-17T19:34:36Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2014-11-19. Added 1 bitstream(s) on 2015-06-18T12:48:31Z : No. of bitstreams: 1 000825771.pdf: 718052 bytes, checksum: e18b2fa3c5075af956f83378f8173356 (MD5) / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / As empresas necessitam de estratégias que melhorem seus desempenhos organizacionais, consequentemente seus retornos financeiros e as ferramentas como os sistemas de gestão integrados - ERPs podem auxiliar a maximizar esses retornos. Os ERPs - Enterprise Resource Planning são sistemas de possibilitam integrar diversas áreas funcionais e operacionais da empresa, tendo como característica principal de atendimento simultâneo de vários departamentos, melhorando seus processos de negócio. Ao mesmo tempo em que alimentam o processo tomada de decisões com informações, oferecem suporte aos processos de negócios da empresa, integrando-os e melhorando a comunicação. Este estudo tem por objetivo analisar as contribuições dos sistemas integrados - ERP no atendimento das necessidades da empresa em seus negócios, como uma ferramenta de grande importância para o processo gerencial e decisório no contexto organizacional. A pesquisa é um estudo de múltiplos casos, cuja amostra foi retirada dos clientes de um dos maiores fornecedores desses sistemas do Brasil, escolhida por critérios de conveniência (facilidade de acesso às empresas e seus dados) sendo composta de três organizações de pequeno e médio porte do Estado de São Paulo. Os dados foram coletados com questionários (abertos e fechados) e entrevistas com pessoas da área de TI das empresas pesquisadas, ocupando funções em níveis gerenciais e estragégico. Foram utilizadas como referências para o desenvolvimento do questionário, as variáveis base do modelo original proposto pro Mahmood e Soon (1991) e as adaptação dele feita, por Saccol et al. (2010) e contribuições do autor, resultando em um questionário composto de oito macro variáveis estratégicas: Utilidade, Clientes, Competitividade da empresa, Fornecedores, Mercado, Produção: estrutura de custo e capacidade, Eficiência e Eficácia da Organização e Eficiência Interorganizacional... / Companies need strategies to improve their organizational performance, hence its financial returns and tools such as integrated management systems - ERP can help to maximize these returns. The ERP - Enterprise Resource Planning systems are enabling to integrate various functional and operational areas of the company, with the main feature as simultaneously managing multiple departments, improving their business processes. While feeding the decision-making process with information, support the company's business processes, integrating them and improving communication. This study aims to analyze the contributions of integrated systems - ERP in attending the company's needs in their business, as a very important tool for management and decision-making in the organizational context. The research is a multiple case study, whose sample was taken from customers of one of the largest suppliers of these systems in Brazil, chosen by convenience criteria (ease of access to campanies and their data) being composed by three small and medium-sized organizations of the State of São Paulo. Data were collected by questionnaires (open and closed) and interviews with people in the IT department of the surveyed companies, occupying functions in management and strategic levels. It was used as references for the development of the questionnaire, the variables base of the original model proposed by Mahmood and Soon (1991) and his adjustment made by Saccol et al. (2010) and the author of contributions resulting in a questionnaire composed of eight macro variables: Utility, Customers, Competitiveness of the company, Suppliers, market, Production: cost structure and capacity Efficiency and Effectiveness of the Organization and Interorganizational Efficiency. The results showed that the ERP systems, has a major role in the business context of SMEs, specially in variables Utility, Production: Cost structure/capacity and efficiency / effectiveness...
9

METRICS, Model for Eliciting Team Resources and Improving Competence Structures : a socio-technical treatise on managing customer professionals in software projects for enterprise information systems

Bellini, Carlo Gabriel Porto January 2006 (has links)
It is still not common in research on software quality to delve into non-technical issues. In the particular case of implementing customized information systems software (CISS), the field is also not completely aware of the importance of managing customers with a formal and objective set of measures that account for their responsibility in projects. CISS products – whose source code is ultimately developed according to each customer’s demands on core business processes – ask developers to pay unique attention to issues like competencies, culture, strategy, and resources of the client organization, as well as to the industry’ critical success factors, best practices, and prospects. The present research adds to software engineering and to organizational theory by introducing a conceptual framework (rationale) and a set of seven indicators, 27 metrics and 88 measures for improving the knowledge and the managerial practices regarding the participation of customers in CISS development.The focus is on managing the customer team (CuTe) – professionals from the client organization that contracts CISS projects, who are assigned special business and information technology (IT) roles for interacting with outsourced developers in such projects, since both customer and external (outsourced) developer teams share project authority and responsibility. Research insights and assumptions were developed throughout a six-year professional interaction with companies in a major Brazilian IT cluster; and a three-year case study within a landmark enterprise resource planning (ERP) implementation in a Brazilian university, supported by indepth interviews with key CuTe professionals in the project, provided the research with compelling data for the assembly and validation of findings. The resultant framework – formed by the rationale and the measurement instruments – is called Model for Eliciting Team Resources and Improving Competence Structures (METRICS), and it is to be used in the industry by customers and external developers to help plan, control, assess, and make historical records of CuTe design and performance in CISS projects. Academicians also benefit from the incorporation of a new perspective with which to deal with the customersupplier interaction in IT endeavors.
10

Utilização dos sistemas integrados de gestão - ERP : estudo de múltiplos casos em pequenas e médias empresas /

Maganha, Murilo Roberto Jesus. January 2014 (has links)
Orientador: José de Souza Rodrigues / Banca: Renato de Campos / Banca: Edmundo Escrivão Filho / Resumo: As empresas necessitam de estratégias que melhorem seus desempenhos organizacionais, consequentemente seus retornos financeiros e as ferramentas como os sistemas de gestão integrados - ERPs podem auxiliar a maximizar esses retornos. Os ERPs - Enterprise Resource Planning são sistemas de possibilitam integrar diversas áreas funcionais e operacionais da empresa, tendo como característica principal de atendimento simultâneo de vários departamentos, melhorando seus processos de negócio. Ao mesmo tempo em que alimentam o processo tomada de decisões com informações, oferecem suporte aos processos de negócios da empresa, integrando-os e melhorando a comunicação. Este estudo tem por objetivo analisar as contribuições dos sistemas integrados - ERP no atendimento das necessidades da empresa em seus negócios, como uma ferramenta de grande importância para o processo gerencial e decisório no contexto organizacional. A pesquisa é um estudo de múltiplos casos, cuja amostra foi retirada dos clientes de um dos maiores fornecedores desses sistemas do Brasil, escolhida por critérios de conveniência (facilidade de acesso às empresas e seus dados) sendo composta de três organizações de pequeno e médio porte do Estado de São Paulo. Os dados foram coletados com questionários (abertos e fechados) e entrevistas com pessoas da área de TI das empresas pesquisadas, ocupando funções em níveis gerenciais e estragégico. Foram utilizadas como referências para o desenvolvimento do questionário, as variáveis base do modelo original proposto pro Mahmood e Soon (1991) e as adaptação dele feita, por Saccol et al. (2010) e contribuições do autor, resultando em um questionário composto de oito macro variáveis estratégicas: "Utilidade", "Clientes", "Competitividade da empresa", "Fornecedores", "Mercado", "Produção: estrutura de custo e capacidade", "Eficiência e Eficácia da Organização" e "Eficiência Interorganizacional"... / Abstract: Companies need strategies to improve their organizational performance, hence its financial returns and tools such as integrated management systems - ERP can help to maximize these returns. The ERP - Enterprise Resource Planning systems are enabling to integrate various functional and operational areas of the company, with the main feature as simultaneously managing multiple departments, improving their business processes. While feeding the decision-making process with information, support the company's business processes, integrating them and improving communication. This study aims to analyze the contributions of integrated systems - ERP in attending the company's needs in their business, as a very important tool for management and decision-making in the organizational context. The research is a multiple case study, whose sample was taken from customers of one of the largest suppliers of these systems in Brazil, chosen by convenience criteria (ease of access to campanies and their data) being composed by three small and medium-sized organizations of the State of São Paulo. Data were collected by questionnaires (open and closed) and interviews with people in the IT department of the surveyed companies, occupying functions in management and strategic levels. It was used as references for the development of the questionnaire, the variables base of the original model proposed by Mahmood and Soon (1991) and his adjustment made by Saccol et al. (2010) and the author of contributions resulting in a questionnaire composed of eight macro variables: "Utility", "Customers", "Competitiveness of the company", "Suppliers", "market", "Production: cost structure and capacity" "Efficiency and Effectiveness of the Organization" and "Interorganizational Efficiency". The results showed that the ERP systems, has a major role in the business context of SMEs, specially in variables Utility, Production: Cost structure/capacity and efficiency / effectiveness... / Mestre

Page generated in 0.1438 seconds